*  Glicoproteína Ib - Wikipedia
A glicoproteína 'Ib ('GPIb), também conhecida como CD42, é um componente do complexo GPIb-V-IX em plaquetas. O complexo GPIb-V-IX liga-se ao fator de von Willebrand, levando à adesão plaquetária e formação de "plug" plaquetário nos locais de dano vascular. Essa proteína é deficiente na síndrome de Bernard-Soulier. Uma mutação de ganho de função leva ao tipo plaquetário da doença de von Willebrand. Autoanticorpos contra Ib/IX podem ser produzidos na púrpura trombocitopênica idiopática. Seus componentes incluem GP1BA e GP1BB. Ela forma um complexo com a Glycoprotein IX. Bode AP, Read MS, Reddick RL (fevereiro de 1999). «Activation and adherence of lyophilized human platelets on canine vessel strips in the Baumgartner perfusion chamber». J. Lab. Clin. Med. 133 (2): 200-11. PMID 9989772. doi:10.1016/S0022-2143(99)90013-6 !CS1 ...
  https://pt.wikipedia.org/wiki/Glicoprote%C3%ADna_Ib
*  Síndrome de Bernard-Soulier - Wikipedia
Síndrome de Bernard-Soulier é uma doença hemorrágica hereditária rara caracterizada por trombocitopenia, presença de plaquetas gigantes e uma tendência a sangramento. É uma doença hereditária autossômica recessiva onde há falta da glicoproteína Ib na superfície das plaquetas. Essa glicoproteína é o sítio de ligação do fator de von Willebrand. A função do fator de von Willbrand é ligar-se às plaquetas e ao colágeno exposto do endotélio lesado. código CID 10 D69.1 Os sintomas estão relacionados com a disfunção das plaquetas: sangramentos nas mucosas, nas gengivas, nariz e gastrointestinais. Pacientes heterozigotos geralmente não apresentam sintomas. Contagem de Plaquetas: apresenta-se abaixo do normal. Análise do esfregaço pode revelar a presença de plaquetas gigantes. Tempo de sangramento: prolongado. Agregação induzida pela ristocetina: não há agregação. Doença de von Willebrand [1] Em ...
  https://pt.wikipedia.org/wiki/S%C3%ADndrome_de_Bernard-Soulier
*  Como Salvar vidas com uma simples atitude: MÓDULO 2 - Doação de Plaquetas
Adesão plaquetária - Quando um vaso sanguíneo é lesado, ocorre exposição da plaqueta ao colágeno. Neste momento ocorre a secreção de fator de von Willebrand (FvW) que irá se ligar a uma proteína presente na membrana superficial das plaquetas, a glicoproteína (GPIb). O fator de von Willebrand serve como uma ponte de ligação entre as plaquetas e o endotélio. Quando uma pessoa tem falta de GPIb, ela é acometida pela síndrome de Bernard-Soulier. Pessoas que tem falta, diminuição ou um fator de von Willebrand disfuncional elas são acometidas pela doença de von Willebrand. Em ambos os casos, suas plaquetas não conseguem aderir normalmente ao subendotélio. ...
  http://comosalvarvidascomumasimplesatitude.blogspot.com/2010/11/modulo-2-doacao-de-plaquetas_29.html
*  Fator de von Willebrand - Wikipedia
Fator de von Willebrand é um polímero formado por um número variável de unidades de 220 KD (kilo Dalton), é sintetizado na célula endotelial (armazenado nos corpos de Weibel-Palade) e no megacariócito (armazenado nos grânulos alfa - plaquetários). O gene que codifica a síntese da unidade se localiza no cromossomo 12. Dentro da molécula existem diferentes domínios com distintas atividades. Assim, existem domínios para a Glicoproteína Ib (GP Ib), Fator VIII, Ristocetina, Botrocetina, Colágeno e Heparina. O fator de von Willebrand circula no plasma sanguíneo em uma concentração aproximada de 10 mg/ml. Ele é sintetizado por células endoteliais e megacariócitos. Tem duas funções principais: Mediar a adesão das plaquetas ao subendotélio lesado: funciona como uma ponte entre receptores da plaqueta (glicoproteína Ib e glicoproteína IIb/IIIa) e o subendotélio lesado. Para que ocorra a adesão às plaquetas é necessario a presença de grandes multímeros do FvW. Manter os ...
  https://pt.wikipedia.org/wiki/Fator_de_von_Willebrand
*  Doença de von Willebrand - Wikipedia
Doença de von Willebrand é uma doença hemorrágica, hereditária causada por uma diminuição ou uma disfunção da proteína chamada de fator de von Willebrand (FvW). Isto ocorre devido à mutação no cromossomo 12 e é caracterizada por deficiência qualitativa ou quantitativa do fator de von Willebrand. A diversidade de mutações leva ao aparecimento das mais variadas manifestações clínicas possibilitando a divisão dos pacientes em vários tipos e subtipos clínicos. A coagulopatia se manifesta basicamente através da disfunção plaquetária associada à diminuição dos níveis séricos do fator VIII coagulante. Existindo também casos raros de doença de von Willebrand adquirida. Foi descrita pela primeira vez em 1925 pelo médico finlandês Erik Adolf von Willebrand. A doença de von Willebrand é a doença hemorrágica mais comum e atinge cerca de 2% da população mundial [carece de fontes?] atingindo igualmente ambos os sexos, porém mulheres tem mais probabilidade de ter a ...
  https://pt.wikipedia.org/wiki/Doen%C3%A7a_de_von_Willebrand
*  Erik Adolf von Willebrand - Wikipedia
Erik Adolf von Willebrand (Vaasa, 1 de fevereiro de 1870 - Pernaja, 12 de dezembro de 1949) foi um médico internista da Finlândia. Filho de um engenheiro do distrito em Vaasa, Willebrand formou-se como um médico na Universidade de Helsinki. Ele recebeu o seu primeiro diploma em 1896, em seguida, completou sua tese de doutorado sobre as mudanças que ocorrem no sangue após a perda significativa de sangue. Para o restante de sua carreira profissional, as propriedades do sangue e a coagulação continuou a ser o foco de seu interesse. Willebrand foi o primeiro a descrever o distúrbio de coagulação sanguínea mais tarde nomeado com seu nome, a doença de von Willebrand. Esta doença chamou pela primeira vez seu interesse no caso de uma menina de cinco anos de idade, de Åland, cuja família tinha um extenso histórico de sangramento. Mapeando sua história familiar, Willebrand constatou que 23 dos 66 membros da família da garota foram afetadas, e também que a doença era mais comum entre as ...
  https://pt.wikipedia.org/wiki/Erik_Adolf_von_Willebrand
*  Universidade do Minho Escola de Engenharia. Nélio Martins Guimarães. Qualidade de Serviço em Sistemas de Data Warehousing - PDF
Universidade do Minho Escola de Engenharia Nélio Martins Guimarães Qualidade de Serviço em Sistemas de Data Warehousing Outubro 2009 Universidade do Minho Escola de Engenharia Nélio Martins Guimarães Qualidade
  http://docplayer.com.br/1696799-Universidade-do-minho-escola-de-engenharia-nelio-martins-guimaraes-qualidade-de-servico-em-sistemas-de-data-warehousing.html
*  Diátese hemorrágica - Wikipedia
Tendência para sangramento sem causa aparente (hemorragias espontâneas) ou hemorragia mais intensa ou prolongada após um traumatismo. Pode dever-se a uma anormalidade da parede vascular, plaquetas e sistemas de coagulação, fibrinólise e défice de factor XIII. Alguns exemplos de diáteses hemorrágicas: Coagulação Intravascular Disseminada (CIVD) Hemofilia Doença de von Willebrand Trombastenia de Glanzmann Síndrome de Bernard-Soulier Escorbuto ...
  https://pt.wikipedia.org/wiki/Di%C3%A1tese_hemorr%C3%A1gica
*  Sequência de Kozak - Wikipedia
A sequência de Kozak, ingl. Kozak consensus sequence é o nome dado à uma determinada seqüência presente no RNA mensageiro (mRNA) de organismos eucarióticos. Ela representa um consenso entre as bases nucleotídicas encontradas mais frequentemente em volta do códon de início AUG no mRNA.A seqüência de (gcc)gccRccATGG é, muitas vezes, chamada de sequência de Kozak, porém há diferenças significativas entre os diferentes grupos de seucariontes. A sequência de Kozak, ou sequências semelhantes, são reconhceidas pelo ribossomo, sendo importantes para o início da Tradução no contexto da biossíntese de proteínas. Variações nessa sequência podem afetar a eficiência e a magnitude da biossíntese da proteína codifica por esse mRNA. Entre os organismos eucarióticos, encontram-se diferentes variações de sequência de Kozakː 15. PMID 3313277. doi:10.1093/nar/15.20.8125 308. PMID 6700727. doi:10.1038/308241a0 15. PMID 3822832. doi:10.1093/nar/15.4.1353 15. PMID 3554144. ...
  https://pt.wikipedia.org/wiki/Sequ%C3%AAncia_de_Kozak
*  Avaliaçăo das glicoproteínas plaquetárias na Síndrome de Bernard-Soulier e trombastenia de Glanzmann /
Dissertaçăo (mestrado) - Universidade Federal do Paraná, Setor de Cięncias da Saúde, Programa de Pós-Graduaçăo em Medicina Interna. Defesa: Curitiba, ...
  http://acervodigital.ufpr.br/handle/1884/2019
*  Quem somos
Atender e proporcionar ao público usuário atendimentos assistenciais, possibilitando a habilitação e reabilitação dos portadores de hemofilia, von Willebrand e outras desordens hemorrágicas hereditárias e seus familiares com a promoção e a inclusão à vida comunitária, em um processo conjunto articulado de ações de diversas políticas no enfrentamento das barreiras, promovendo o fortalecimento de vínculos familiares e comunitários, assim como a autonomia, a independência, a segurança, o acesso aos direitos e à participação plena e efetiva na sociedade, bem como a promoção da saúde dos portadores de hemofilia, von Willebrand e outras desordens hemorrágicas hereditárias e seus familiares, por meio de atendimento interdisciplinar e atividades que visem sua inserção na sociedade e garantia de melhor qualidade de vida... ...
  http://ahesc.org.br/site/a-ahesc/quem-somos
*  Contagem De Plaquetas; Contagem de Plaquetas Sanguíneas; Número de Plaquetas Sanguíneas; Número de Plaquetas
... Assistente em linha para diagnóstico médico. Lista detalhada de doenças possíveis dados diversos sintomas ou uma história clínica completa. Se fornece uma medida da similaridade entre os sintomas e cada doença.
  http://www.lookfordiagnosis.com/mesh_info.php?term=Contagem+De+Plaquetas&lang=3
*  ENFERMAGEM: Doença Arterial Coronariana - Tratamento Farmacológico
A fosfolipase C é uma família de enzimas que representam o segundo mensageiro para agonistas plaquetários como a trombina, o colágeno, o PAF, os endoperóxidos de prostaglandinas, a desmopressina e a adrenalina. Sua função é quebrar uma ligação na molécula do fosfatidil inositol (PIP2) da membrana plaquetária, formando dois compostos importantes na ativação plaquetária: o inositol trifosfato (IP3), que atua aumentando o cálcio intracitoplasmático, e o diacilglicerol (DG), que ativa a proteína cinase C.. Tanto o aumento do cálcio intracitoplasmático como a ativação da proteína cinase C atuam de modo sinérgico, estimulando várias etapas da ativação plaquetária, isto é, a secreção de grânulos e liberação do ácido araquidônico do estoque de fosfolipídios da membrana plaquetária. O cálcio intracitoplasmático liga-se à calmodulina, ativando o sistema contrátil actina-miosina e promovendo a mudança de forma e secreção dos grânulos plaquetários. Isso resulta ...
  http://enfermeiropsf.blogspot.com/2010/04/doenca-arterial-coronariana-tratamento.html
*  Edição número 3038 - 7 de dezembro de 2017 by Tribuna Hoje - issuu
Issuu is a digital publishing platform that makes it simple to publish magazines, catalogs, newspapers, books, and more online. Easily share your publications and get them in front of Issuu's millions of monthly readers. Title: Edição número 3038 - 7 de dezembro de 2017, Author: Tribuna Hoje, Name: Edição número 3038 - 7 de dezembro de 2017, Length: 24 pages, Page: 1, Published: 2017-12-07
  https://issuu.com/tribunahoje/docs/ed071217
*  GEDR: BERNARD SOULIER
A Bernard Soulier é uma doença hereditária, autosómica recessiva. Isto significa que o pai e a mãe possuem um defeito que não tem expressão, mas cuja combinação faz com que o filho tenha a doença. Este facto contribui para que uma plaqueta com défice de um receptor na superfície que não funcione correctamente. As plaquetas sanguíneas são formadas a partir de células da medula óssea (os megacariócitos) e desempenham um papel muito importante na coagulação sanguínea. Quando, por exemplo, ocorre o corte de um vaso sanguíneo, o sangue sai para o exterior e a coagulação ocorre num espaço de três a cinco minutos. As plaquetas dos doentes com Bernard Soulier não têm um aspecto normal. São plaquetas gigantes, que aparentemente se podem confundir com outro tipo de células, mas possuem certas características laboratoriais que permitem o diagnóstico. Quando a célula não funciona bem, há situações hemorrágicas, mais ou menos graves. Estas, manifestam-se normalmente nos ...
  http://estudandoraras.blogspot.com/2009/10/bernard-soulier.html
*  Plaquetas ou Trombócitos - Hematologia - InfoEscola
Artigo sobre as plaquetas do sangue, ou trombócitos, como são formadas, quais são as suas funções e como atuam para a formação dos coágulos, etc.
  http://www.infoescola.com/sangue/plaquetas/
*  Acidente ofídico e lesão renal. - ppt carregar
Aspectos epidemiológicos Acidente ofídico Aspectos epidemiológicos ACIDENTES OFÍDICOS in Guia de Vigilância Epidemiológica Caderno 14 MINISTÉRIO DA SAÚDE - BRASIL 2009 disponível em
  http://slideplayer.com.br/slide/1562908/
*  Conceito de AINE, definição e o que é
O uso dos AINES está associado a um grande número de efeitos adversos e por isso devem ser usados com precaução. Estes efeitos incluem:. - Alteração da função plaquetária Estes medicamentos produzem certas alterações químicas que fazem com que as plaquetas percam sua capacidade de agregar com a finalidade de formar trombos necessários para deter as hemorragias; isso faz com que o uso desses fármacos esteja associado a um maior risco de sangramento, no caso de infecções por vírus que tenham efeitos sobre as plaquetas, como é o caso da dengue. Da mesma forma explica-se o fato da tendência de desenvolver manchas roxas na pele quando se usam estes fármacos. - Alteração da função renal O uso destes medicamentos por tempo prolongado está associado ao comprometimento da função renal que pode chegar a elevar a pressão arterial, por esta razão deve haver um cuidado especial com as pessoas portadoras de hipertensão arterial. - Alergia. Um dos grupos de medicamento que mais se ...
  http://queconceito.com.br/aine
*  Ciências&Viver: Março 2016
Com essas informações em mãos, os pesquisadores finalmente encontraram o mecanismo molecular por trás da ativação plaquetária. Quando a célula é estimulada com TMAO, torna-se excessivamente alerta e pronta para actuar. Uma vez que ele entra em contacto com o colagénio, as plaquetas entram na ultrapassagem e começa a formar uma cascata de coagulação por acção. Outros plaquetas TMAO estimuladas vão fazer o mesmo aumentando a chance de um coágulo problemático. Durante um longo período de tempo, isto poderia eventualmente conduzir a um bloqueio e ataque cardíaco e acidente vascular cerebral resultante ...
  http://cienciaseviver.blogspot.com.br/2016/03/
*  MEDULA ÓSSEA,SÓ PEDE QUEM PRECISA.: Adolescente de 15 anos com leucemia precisa de doações
Geovanna Fachine Bazan de Almeida, de 15 anos, que tem leucemia, está internada há duas semanas no Hospital El Kadri e precisa urgentemente de doação de plaquetas e sangue. O tipo sanguíneo dela é B+ e a doação de plaquetas pode ser realizada por pessoas de qualquer tipagem. Para doar, é preciso comparecer ao Hemosul e dizer que a doação é em nome de Geovanna. ...
  http://medulaosseacommunityofficial.blogspot.com/2013/05/adolescente-de-15-anos-com-leucemia.html
*  Êidina Queiroz falando sobre lúpus: PÚRPURA
O médico procura investigar se esta manifestação de hemorragia é única ou se existem outros tipos de sangramentos na pessoa. Em geral, a manifestação hemorrágica é limitada à púrpura e o médico tentará investigar a causa em 2 fatores principais: no próprio capilar ou num elemento fundamental da hemostasia (nome dado à capacidade do nosso organismo em estancar sangramento) que são as plaquetas. As plaquetas são fragmentos microscópicos do citoplasma de um determinado tipo de célula encontrado na medula óssea(megacariócitos). As plaquetas tem a capacidade de se agregar e aderir a mínimas lesões dos vasos e fechar com extrema rapidez pequenos "vazamentos" no sistema circulatório ...
  http://eidinaqueiroz.blogspot.com/2009/11/purpura.html
*  RESULTADO DE CONTAGEM DE PLAQUETAS | Medicos Online
O que posso considerar no resultado da contagem de plaquetas o total de 259.000? VCM = 92,9 HCM = 30,8 CHCM = 33,2 RDW = 12,8 OBRIDAGO DESDE JÁ...BOA
  http://www.medicoonline.net/resultado-de-contagem-de-plaquetas/
*  Número Binomial - Matemática Didática
Note que os números binomiais, ou coeficientes binomiais, são obtidos através da combinações simples de n elementos distintos, agrupados k a k, com k ≤ n.. Realizando a simplificação de fatoriais chegamos a esta outra expressão:. ...
  http://www.matematicadidatica.com.br/NumeroBinomial.aspx
*  Tempo Medicina - Centro hospitalar aumenta número de cirurgias e de consultas
Podemos afirmar que os resultados operacionais melhoraram em 44% e o EBTIDA (o lucro antes de impostos, juros, amortizações e depreciações) melhorou em 62,1%», salienta a nota do CHTMAD, que integra os hospitais de Chaves e de Lamego, divulgada pelo Portal do SNS ...
  http://www.tempomedicina.com/noticias/32641
*  34 | Que Belo Estranho Dia
Trinta e quatro é o número natural, que segue o 33 e precede o 35, e composto que tem os seguintes fatores próprios: 1, 2 e 17. Como a soma dos seus fatores é 20 | 34, trata-se de um número deficiente, ou seja, a soma dos seus divisores próprios é menor do que ele…
  https://quebeloestranhodia.wordpress.com/2010/03/12/34/