Síndromes Compartimentais: Afecções em que o aumento de pressão dentro de um espaço limitado compromete a CIRCULAÇÃO SANGUÍNEA e a função do tecido dentro daquele espaço. Algumas das causas de aumento de pressão são o TRAUMA, vestimentas apertadas, HEMORRAGIA e exercício. Entre as sequelas estão a compressão do nervo (SÍNDROME DE COMPRESSÃO NERVOSA), PARALISIA e CONTRATURA ISQUÊMICA.Síndrome do Compartimento Anterior: Inchaço rápido, aumento da tensão, dor e necrose isquêmica dos músculos do compartimento tibial anterior da perna que frequentemente se segue a ESFORÇO FÍSICO excessivo.Fáscia: Camadas de tecido conjuntivo de espessuras variáveis. A fáscia superficial encontra-se imediatamente abaixo da pele, enquanto que a fáscia profunda envolve MÚSCULOS, nervos e outros órgãos.Hipertensão Intra-Abdominal: Elevação patológica da pressão intra-abdominal (mais que 12 mmHg). Pode se desenvolver como resultado de SEPSE, PANCREATITE, extravasamento por capilares, queimadura ou cirurgia. Quando a pressão for maior que 20 mmHg, frequentemente com distúrbio no órgão terminal, é denominada síndrome compartimental abdominal.Cavidade Abdominal: Região do abdome que se estende do DIAFRAGMA torácico até o plano da abertura superior da pelve (passagem pélvica). A cavidade abdominal contém o PERITÔNIO e as VÍSCERAS abdominais, assim como o espaço extraperitoneal que inclui o ESPAÇO RETROPERITONEAL.Síndrome: Complexo sintomático característico.Descompressão Cirúrgica: Operação cirúrgica para aliviar a pressão em um compartimento do corpo. (Dorland, 28a ed)Abdome: Região do corpo que se localiza entre o TÓRAX e a PELVE.Rabdomiólise: A necrose ou a desintegração do músculo esquelético frequentemente seguida por mioglobinuria.Traumatismos da Perna: Traumatismos gerais ou inespecíficos envolvendo a perna.Coxas: Porção da perna em humanos e outros animais encontrada entre o QUADRIL e o JOELHO.Nádegas: Uma das duas saliências carnudas sobre a secção posterior inferior do tronco ou do QUADRIL em seres humanos e primatas, em que estes se sentam, consistindo de MÚSCULOS glúteos e gordura.Fraturas da TíbiaPressão: Tipo de estresse exercido uniformemente em todas as direções. Sua medida é a força exercida por unidade de área. (Tradução livre do original: McGraw-Hill Dictionary of Scientific and Technical Terms, 6th ed)Técnicas de Fechamento de Ferimentos: Métodos para reparar rupturas no tecido causadas por trauma ou para fechar incisões cirúrgicas.Traumatismos do Antebraço: Traumatismos da parte do membro superior do corpo, entre o pulso e cotovelo.Contratura Isquêmica: Tipo de lesão permanente em músculos e nervos, que resulta da ausência prolongada de fluxo sanguíneo a estes tecidos. Caracterizada pelo encurtamento e enrijecimento dos músculos.Síndrome de Vazamento Capilar: Afecção caracterizada por episódios recorrentes de vazamentos de líquidos dos capilares para compartimentos extravasculares, causando elevação súbita no hematócrito. Se não tratada, pode levar a EDEMA generalizado, CHOQUE, colapso cardiovascular, e INSUFICIÊNCIA DE MÚLTIPLOS ÓRGÃOS.Pernas: Parte mais baixa, na extremidade inferior, entre o JOELHO e o TORNOZELO.Doença Aguda: Doença relativamente grave de curta duração.Músculos Paraespinais: Músculos das COSTAS cuja função é estender e rotacionar a COLUNA VERTEBRAL e manter a POSTURA. Consiste de esplênio, semiespinal, multífido, rotador, interespinais, intertransversais e sacrospinal.Hematoma: Acúmulo de sangue fora dos VASOS SANGUÍNEOS. O hematoma pode estar localizado em um órgão, espaço ou tecido.Técnicas de Fechamento de Ferimentos Abdominais: Métodos para reparar rupturas em tecidos abdominais causados por trauma ou para fechar incisões cirúrgicas durante cirurgias abdominais.Posição Genupeitoral: Postura de um indivíduo sustentada pelos joelhos e o peito apoiado sobre uma mesa.Laparotomia: Incisão lateral no abdome entre as costelas e a pelve.Parede Abdominal: Margem externa do ABDOME que se estende da cavidade torácica osteocartilaginosa até a PELVE. Embora sua maior parte seja muscular, a parede abdominal consiste em pelo menos sete camadas: PELE, gordura subcutânea, FASCIA profunda; MÚSCULOS ABDOMINAIS, fascia transversa, gordura extraperitoneal e o PERITÔNIO parietal.Insuficiência de Múltiplos Órgãos: Afecção progressiva normalmente caracterizada por insuficiência combinada de vários órgãos, como os pulmões, fígado, rim, simultaneamente com alguns mecanismos de coagulação, normalmente pós-lesão ou pós-operatório.Hemorragia Ocular: Hemorragia intraocular dos vasos de vários tecidos do olho.Traumatismos do Braço: Traumatismos gerais ou não específicos que envolvem o braço.Fraturas Expostas: Fraturas em que há um ferimento externo se comunicando com a fratura do osso.Entorses e Distensões: Termo coletivo para lesões de ligamentos e músculos, sem deslocamento ou fratura. Um entorse é uma lesão de articulação em que algumas das fibras de um ligamento de suporte são rompidas, mas a continuidade do ligamento permanece intacta. Uma distensão é um superesticamento ou tarefas excessivas de alguma parte da musculatura.MioglobinúriaTração: Puxão em um membro ou de uma parte dele. A tração da pele (tração indireta) é aplicada pelo uso de uma bandagem para puxar sobre a pele e a faixa onde uma tração leve é requerida. A tração esquelética (tração direta), contudo, utiliza pinos ou fios inseridos no osso e é ligada a pesos, roldanas e cabos.Síndromes de Compressão Nervosa: Compressão mecânica de nervos ou raizes de nervos de causas internas ou externas. Podem resultar em um bloqueio na condução de impulsos nervosos (devido à disfunção da BAINHA DE MIELINA) ou perda axonal. As lesões do nervo e da bainha de mielina podem ser causadas por ISQUEMIA, INFLAMAÇÃO ou um efeito mecânico direto.Traumatismos Abdominais: Traumatismos gerais ou não específicos envolvendo órgãos da cavidade abdominal.Cisto Popliteal: CISTO SINOVIAL localizada na parte de trás do joelho, no espaço poplíteo, originando-se a partir da bolsa semimembranosa ou da articulação do joelho.Síndrome de Down: Transtorno cromossômico associado com um cromossomo 21 adicional ou com trissomia parcial do cromossomo 21. As manifestações clínicas estão hipotonia, baixa estatura, braquicefalia, fissuras oblíquas na pálpebra, epicanto, manchas de Brushfield na íris, língua protrusa, orelhas pequenas, mãos pequenas e largas, clinodactilia do quinto dedo, ruga dos símios e DEFICIÊNCIA INTELECTUAL moderada a grave. Malformações gastrointestinais e cardíacas, aumento marcante na incidência de LEUCEMIA e o início precoce de DOENÇA DE ALZHEIMER também estão associados com este estado. Sinais clínicos incluem o desenvolvimento de EMARANHADOS NEUROFIBRILARES nos neurônios e a deposição de PROTEÍNA-BETA AMILOIDE, semelhante à DOENÇA DE ALZHEIMER. (Tradução livre do original: Menkes, Textbook of Child Neurology, 5th ed, p213)Ruptura: Fratura ou rompimento traumático ou forçoso de um órgão ou outra parte macia do corpo.Síndrome X Metabólica: Grupo de fatores metabólicos de risco para as DOENÇAS CARDIOVASCULARES e o DIABETES MELLITUS TIPO 2. Entre os componentes principais da síndrome X metabólica estão excesso de GORDURA ABDOMINAL, DISLIPIDEMIA aterogênica, HIPERTENSÃO, HIPERGLICEMIA, RESISTÊNCIA À INSULINA, um estado pró-inflamatório e pró-trombótico (TROMBOSE). (Tradução livre do original: AHA/NHLBI/ADA Conference Proceedings, Circulation 2004; 109:551-556)Extremidade Inferior: Região do membro inferior nos animais que se estende da região glútea até o PÉ, incluindo as NÁDEGAS, o QUADRIL e a PERNA.Tratamento de Ferimentos com Pressão Negativa: Aplicação de sucção ao longo da superfície de um ferimento através de um curativo de espuma para cobrir o ferimento. Isto remove exsudatos do ferimento, reduz a produção de mediadores inflamatórios, e aumenta o fluxo de nutrientes para o ferimento, promovendo assim a cicatrização.Resultado do Tratamento: Estudos conduzidos com o fito de avaliar as consequências da gestão e dos procedimentos utilizados no combate à doença de forma a determinar a eficácia, efetividade, segurança, exequibilidade dessas intervenções.Artérias da Tíbia: Artérias anterior e posterior originadas pela bifurcação da artéria poplítea. A artéria tibial anterior inicia-se na borda inferior do músculo poplíteo e corre ao longo da tíbia na parte distal da perna até a superfície anterior da articulação do tornozelo. Seus ramos distribuem-se pela perna, tornozelo e pé. A artéria tibial posterior começa na borda inferior do músculo poplíteo, localiza-se atrás da tíbia na parte inferior da sua extensão, situando-se entre o maléolo medial e o processo medial da tuberosidade calcânea. Suas ramificações estão distribuídas pela perna e pé.Fratura do Crânio com Afundamento: Fratura craniana caracterizada pela depressão interna de um fragmento ou seção de um osso craniano, geralmente comprimindo o cérebro e a dura mater subjacentes. As fraturas cranianas com afundamento caracterizadas por ferimentos de pele abertos que se comunicam com fragmentos de crânio são chamadas de fraturas cranianas com afundamento compostas.Doenças Orbitárias: Doenças da órbita óssea e seus conteúdos, exceto o globo ocular.

*  dor, inchaço, vermelhidão nas pernas com trombose

Síndromes Compartimentais. 1. + +. 85. Otite Média. 1. + +. 86. Infarto Encefálico. 1. + +. 87. Cirrose Hepática. 1. + +. ...
lookfordiagnosis.com/results.php?symptoms=dor, inchaço, vermelhidão nas pernas com trombose&lang=3&parent=/&mode=F

*  dores no pé da barriga e de um lado esquerdo do pé da barriga .

Síndromes Compartimentais. 2. + +. 39. Deformidades Congênitas dos Membros. 2. + +. 40. Ferimentos Penetrantes. 2. + +. ...
lookfordiagnosis.com/results.php?symptoms=dores no pé da barriga e de um lado esquerdo do pé da barriga .&lang=3&parent=/&mode=F

*  Síndrome compartimental abdominal

'Síndrome compartimental abdominal' é o aumento da pressão intra-abdominal a ponto de provocar mau funcionamento ou falência de vários órgãos como rins, coração, pulmão, fígado e trato gastrointestinal. Não deve ser confundido com hipertensão intra-abdominal, que seria o aumento da PIA acima de 16,2mmHg, podendo ou não ocorrer anormalidades na perfusão de alguns órgãos e queda do débito urinário. A principal característica é o aumento da pressão abdominal a ponto de comprimir vasos sanguíneos agravando em primeiro lugar o retorno venoso para o coração e a a drenagem de sangue renal. Uma 'síndrome compartimental' ocorre quando a pressão dentro de uma cavidade ou loja anatômica aumenta a ponto de bloquear o fluxo venoso e/ou arterial de sangue da região. Quando ocorre um trauma ou pancada no braço, por exemplo, ocorre uma inflamação e inchaço da região. Isso pode ocorrer em várias regiões do corpo: o glaucoma do globo ocular compartimento delimitado pela esclera, a hipertensão intra-craniana compartimento ...
https://pt.wikipedia.org/wiki/Síndrome_compartimental_abdominal

*  Síndrome compartimental

Legenda = Casos de tratamento cirúrgico de síndrome compartimental na perna. As causas principais podem ser a constrição de membros por aparelho gessado, curativos compressivos bem como uso inadequado de braçadeiras/manguitos para aferição de pressão arterial não invasiva principalmente em neonatologia, além de um possível aumento de substâncias no compartimento muscular causado por um edema ou hemorragia. Na literatura americana, os sinais e sintoma s da síndrome são conhecidos por serem associados aos cinco "Ps":. O exemplo clássico é o da criança que fratura a perna ou o braço. Portanto, é de fundamental importância explicar ao paciente, à mãe ou ao responsável que qualquer piora progressiva na dor é necessário o rápido encaminhamento a um hospital para a avaliação médica e, se indicado, a realização da fasciotomia. Como o tecido conjuntivo que determina as lojas anatômicas dos membros tem um limite de elasticidade, o edema dos músculos, por exemplo, pode aumentar a pressão dentro das lojas. Qualquer ...
https://pt.wikipedia.org/wiki/Síndrome_compartimental

*  Fasciotomia

... right thumb fasciotomia fasciotomia é um procedimento cirúrgico no qual a fáscia é cortada para aliviar a pressão e tratar a perda de circulação em uma área de tecido ou músculo a fasciotomia é um procedimento de salvamento para membro s quando utilizada para tratar a síndrome compartimental ver também síndrome compartimental categoria procedimentos cirúrgicos
https://pt.wikipedia.org/wiki/Fasciotomia

Síndrome compartimental abdominal: Síndrome compartimental abdominal é o aumento da pressão intra-abdominal a ponto de provocar mau funcionamento ou falência de vários órgãos como rins, coração, pulmão, fígado e trato gastrointestinal. Possui causas e tratamentos diversos.Compartimento anterior do antebraço: Compartimento anterior do antebraço é um compartimento anatômico do antebraço. Contém os seguintes músculos:Compartimento fascial: Em anatomia, chama-se compartimento fascial ou fáscia ao conjunto de um grupo de músculos envolvido por um tecido fibroso - o invólucro fascial - , distinto do epimísio que cobre cada músculo individual. Cada um destes compartimentos é geralmente alimentado por um nervo e vasos sanguíneos específicos.RabdomióliseCoxa: Coxa é uma parte do corpo humano abaixo da virilha e acima do joelho, onde está localizado o fêmur (que é o maior osso do corpo humano) e os músculos pectíneo, iliopsoas, psoas menor, tensor da fáscia lata, sartório (que é o maior músculo do corpo humano), quadríceps femoral (compartimento anterior); adutor longo, adutor curto, adutor magno, grácil, obturador externo (compartimento medial); semitendíneo, semimembranoso e bíceps femoral (compartimento dos alongamentosposterior).Pressostato: Pressostato é um instrumento de medição de pressão utilizado como componente do sistema de proteção de equipamento ou processos industriais. Sua função básica é de proteger a integridade de equipamentos contra sobrepressão ou subpressão aplicada aos mesmos durante o seu funcionamento.Cariólise: A cariólise é a completa dissolução da cromatina de uma célula moribunda devido à degradação enzimática produzida por endonucleases. A célula após a cariólise toda a célula se tinge por fim de eosina uniformemente.AnasarcaLaparotomia: Laparotomia é uma manobra cirúrgica que envolve uma incisão através da parede abdominal para aceder à cavidade abdominal. É também conhecida como celiotomia.British United TractionManchas de Brushfield: Manchas de Brushfield são pequenos pontos brancos presentes na periferia da íris do olho humano devido a uma agregação de um elemento normal da íris (tecido conjuntivo). Estes pontos são normais em crianças, mas também são uma característica da síndrome de Down.Amniorrexe prematuraTraumatismo craniano: O traumatismo craniano é um tipo de contusão ou ainda lesão na cabeça, pode ocorrer imediatamente ou se desenvolver lentamente no decorrer de várias horas, podendo ainda constituir-se num traumatismo cranioencefálico.