Glaucoma de Ângulo Aberto: Glaucoma no qual o ângulo da câmara anterior está aberto e a malha trabecular não encontra a base da íris.Glaucoma de Ângulo Fechado: Forma de glaucoma em que a pressão intraocular aumenta devido o ângulo da câmara anterior estar bloqueado, e o líquido aquoso não poder drenar da câmara anterior.Pressão Intraocular: Pressão exercida pelos fluidos no olho.Implantes para Drenagem de Glaucoma: Dispositivos, que geralmente incorporam válvulas unidirecionais, que são inseridos cirurgicamente na esclera para manter a pressão intraocular normal.Hipertensão Ocular: Afecção em que a pressão intraocular está elevada acima do normal, podendo levar ao glaucoma.Glaucoma Neovascular: Forma de glaucoma secundário que se desenvolve como consequência de outra doença ocular e é atribuída à formação de novos vasos no ângulo da câmara anterior.Disco Óptico: Porção do nervo óptico vista no fundo de olho com a utilização do oftalmoscópio. É formado pelo encontro de todos os axônios das células ganglionares da retina assim que penetram no nervo óptico.Campos Visuais: Área total ou espaço visível na visão periférica de uma pessoa com o olho direcionado para frente.Trabeculectomia: Qualquer procedimento cirúrgico para tratamento de glaucoma, por meio de punção ou remodelagem da rede trabecular. Abrange goniotomia, trabeculotomia e perfuração a laser.Tonometria Ocular: Medida da tensão ocular (PRESSÃO INTRAOCULAR) com um tonômetro.Testes de Campo Visual: Método para medição e mapeamento da amplitude da visão, do centro para a periferia de cada olho.Síndrome de Exfoliação: Deposição de material fibrilar flocoso, translúcido, mais conspícuo na cápsula do cristalino anterior e margem pupilar, mas também em ambas as superfícies da íris, das zônulas, malha trabecular, corpo ciliar, endotélio corneano e vasos sanguíneos orbitais. Forma algumas vezes uma membrana na superfície da íris anterior. A exfoliação se refere à eliminação de pigmentos pela íris.Malha Trabecular: Estrutura porosa, que se localiza ao redor de toda a circunferência da câmara anterior, através da qual o humor aquoso é drenado para o canal de Schlemm.Células Ganglionares da Retina: Neurônios da camada mais interna da retina, a camada plexiforme interna. Possuem tamanhos e formas variáveis, e seus axônios se projetam via NERVO ÓPTICO para o encéfalo. Um pequeno conjunto destas células age como fotorreceptores com projeções ao NÚCLEO SUPRAQUIASMÁTICO, o centro da regulação do RITMO CIRCADIANO.Cirurgia Filtrante: Procedimento cirúrgico utilizado no tratamento do glaucoma em que é criado um orifício através do qual um fluido aquoso pode passar da câmara anterior para dentro de um saco criado abaixo da conjuntiva, reduzindo então a pressão dentro do olho.Gonioscopia: Exame do ângulo da câmara anterior do olho com um instrumento óptico especializado (gonioscópio) ou uma lente de contato prismática.Transtornos da Visão: Compromentimentos da visão que limitam uma ou mais funções básicas do olho: acuidade visual, adaptação ao escuro, visão de cores ou periférica. Podem resultar de OFTALMOPATIAS, DOENÇAS DO NERVO ÓPTICO, doenças das VIAS VISUAIS, doenças do LOBO OCCIPITAL, TRANSTORNOS DA MOTILIDADE OCULAR e outras afecções. (Tradução livre do original: Newell, Ophthalmology: Principles and Concepts, 7th ed, p132)Técnicas de Diagnóstico Oftalmológico: Métodos e procedimentos para o diagnóstico de doenças do olho ou distúrbios da visão.Iris: A câmara mais anterior da túnica média, separando a câmara anterior da posterior. Consiste de duas camadas - o estroma e o epitélio pigmentado. A cor da íris depende da quantidade de melanina no estroma e da reflexão do epitélio pigmentado.Fibras Nervosas: Prolongações delgadas dos NEURÔNIOS, incluindo AXÔNIOS e seus invólucros gliais (BAINHA DE MIELINA). As fibras nervosas conduzem os impulsos nervosos para e do SISTEMA NERVOSO CENTRAL.Acuidade Visual: Clareza ou nitidez da VISÃO OCULAR ou a habilidade dos olhos de enxergar detalhes finos. A acuidade visual depende das funções da RETINA, da transmissão nervosa e da habilidade interpretativa do encéfalo. A acuidade visual normal (humana) é expressa como 20/20, que indica que uma pessoa pode enxergar a 20 pés (aproximadamente 6,1 m) o que normalmente deve ser visto a esta distância. A acuidade visual também pode ser influenciada por brilho, cor e contraste.Prostaglandinas F Sintéticas: Análogos ou derivados da prostaglandina F que não existe naturalmente no corpo. Não incluem o produto da síntese química hormonal do PGF.Oftalmologia: Especialidade cirúrgica voltada para a estrutura e função dos olhos, e para os tratamentos médico e cirúrgico de seus defeitos e doenças.Soluções Oftálmicas: Solução estéril para instilação no olho. Não incluem soluções para limpeza de óculos ou SOLUÇÕES PARA LENTES DE CONTATO.Hidroftalmia: Glaucoma congênito de ângulo aberto que resulta de disgenesia das estruturas angulares acompanhada do aumento da pressão intraocular e ampliação do olho. O tratamento é tanto médico como cirúrgico.Tomografia de Coerência Óptica: Método de diagnóstico por imagem que utiliza LASERS empregado para mapear estruturas subsuperficiais. Quando um sítio refletor da amostra está na mesma longitude de trajetoria óptica (coerência) como espelho de referência, o detector observa o perímetro de interferência.Esclera: A túnica, fibrosa, branca e opaca, mais externa do globo ocular, revestindo-o inteiramente com exceção do segmento revestido anteriormente pela córnea. É essencialmente avascular, porém contém aberturas para a passagem de vasos sanguíneos, linfáticos e nervos. Recebe os tendões de inserção dos músculos extraoculares e no nível da junção esclerocorneal contém o seio venoso da esclera [anteriormente chamado de canal de Schlemm]. (Tradução livre do original: Cline et al., Dictionary of Visual Science, 4th ed)Timolol: Beta-Antagonista adrenérgico com ação semelhante ao PROPRANOLOL. O levo-isômero é o mais ativo. O Timolol tem sido proposto como um agente anti-hipertensivo, antiarrítmico, antiangina e antiglaucoma. Também é utilizado no tratamento de TRANSTORNOS DE ENXAQUECA e tremor.Humor Aquoso: Fluido aquoso e claro que preenche as câmaras anterior e posterior do olho. Apresenta um índice de refração menor que o cristalino, o qual circunda, e está relacionado com o metabolismo da córnea e do cristalino. (Tradução livre do original: Cline et al., Dictionary of Visual Science, 4th ed, p319)Nervo Óptico: O segundo nervo craniano que transporta informação visual da RETINA para o cérebro. Este nervo leva os axônios das CÉLULAS GANGLIONARES DA RETINA, que se reorganizam no QUIASMA ÓPTICO e continuam através do TRATO ÓPTICO para o cérebro. A maior projeção é para os núcleos geniculados laterais; outros alvos importantes incluem os COLÍCULOS SUPERIORES e NÚCLEO SUPRAQUIASMÁTICO. Ainda que conhecido como o segundo nervo craniano, é considerado parte do SISTEMA NERVOSO CENTRAL.Optometria: Prática profissional voltada para os cuidados básicos com os olhos e com a visão, que inclui a medição do poder refrativo visual e a correção dos defeitos visuais com lentes ou óculos.Cegueira: Incapacidade de enxergar ou ausência da percepção visual. Esta afecção pode ser o resultado de DOENÇAS OCULARES, DOENÇAS DO NERVO ÓPTICO, doenças do QUIASMA ÓPTICO ou DOENÇAS CEREBRAIS que afetam as VIAS VISUAIS ou LOBO OCCIPITAL.Oftalmoscopia: Avaliação do interior do olho com um oftalmoscópio.Proteínas do OlhoSegmento Anterior do Olho: O terço frontal do globo ocular que inclui as estruturas entre a superfície frontal da córnea e a frente do CORPO VÍTREO.Mióticos: Agentes que causam contração da pupila do olho. Algumas fontes usam o termo mióticos somente para os parassimpaticomiméticos, mas qualquer droga usada para induzir miose se inclui aqui.Catarata: Opacidade, parcial ou completa, do cristalino ou cápsula de um ou ambos os olhos que compromete a visão ou causa cegueira. Os muitos tipos de catarata são classificados pela sua morfologia (tamanho, forma, localização) ou etiologia (causa e época de ocorrência). (Dorland, 28a ed)Terapia a Laser: Uso dos efeitos fototérmicos de LASERS para coagular, cortar (ou incindir), vaporizar, extirpar (ou ressecar), dissecar ou reconstituir tecidos.Oftalmopatias: Doenças que afetam os olhos.Olho: Órgão da visão consistindo de um par de órgãos globulares compostos por uma estrutura relativamente esférica de três camadas especializado em receber e responder à informação luminosa.Extração de Catarata: Remoção de um CRISTALINO cataratoso do olho.Fotografia: Método de produzir imagens em uma superfície sensibilizada por exposição à luz ou outra fonte de energia luminosa.Corpo Ciliar: Anel de tecido que se estende do esporão escleral à ora serrata da RETINA. Consiste de uma porção uveal e uma porção epitelial. O músculo ciliar localiza-se na porção uveal e os processos ciliares na porção epitelial.Cloprostenol: Análogo sintético da prostaglandina F2alfa. O composto tem efeitos luteolíticos e é utilizado na sincronização do estro em bovinos.Fator de Transcrição TFIIIA: Um dos vários fatores de transcrição geral, específicos para a RNA POLIMERASE III. É uma proteína em DEDOS DE ZINCO necessária para a transcrição dos genes 5S ribossômicos.Córnea: Porção anterior (transparente) da túnica fibrosa que reveste o olho, composta por cinco camadas: EPITÉLIO DA CÓRNEA (estratificado escamoso) LÂMINA LIMITANTE ANTERIOR, ESTROMA CORNEAL, LÂMINA LIMITANTE POSTERIOR e ENDOTÉLIO DA CÓRNEA (mesenquimal). Serve como primeiro meio de refração do olho. Estruturalmente, continua-se com a ESCLERA, é avascular, e recebe os nutrientes por permeação através de espaços entre as lamelas. É inervada pela divisão oftálmica do NERVO TRIGÊMEO (via nervos ciliares) e pelos da conjuntiva ao redor que, juntos, formam plexos. (Tradução livre do original: Cline et al., Dictionary of Visual Science, 4th ed)Implantes de Molteno: Dispositivos implantados para controlar a pressão intraocular por permitir drenar o fluido aquoso da câmara anterior.Polarimetria de Varredura a Laser: Técnica de diagnóstico por imagem da RETINA ou CÓRNEA do olho humano que envolve a medida e a interpretação de ONDAS ELETROMAGNÉTICAS de polarização tais como ondas de rádio ou as luminosas. É útil no diagnóstico de GLAUCOMA, DEGENERAÇÃO MACULAR, e outros distúrbios da retina.Prostaglandinas Sintéticas: Compostos obtidos pela síntese química, análogos ou derivados das prostaglandinas naturais. Apresentam atividades similares.Esclerostomia: Formação cirúrgica de um orifício externo na esclera, principalmente no tratamento do glaucoma.Retina: Membrana de tecido nervoso (composta por dez camadas e encontrada no olho) que se continua no NERVO ÓPTICO. Recebe imagens de objetos externos e transmite [essas informações] ao cérebro [em forma de] impulsos visuais [nervosos]. Sua superfície externa está em contato com a COROIDE e a interna, com o CORPO VÍTREO. A camada mais externa é pigmentada e as outras (9), transparentes.Anti-Hipertensivos: Fármacos usados no tratamento da HIPERTENSÃO (aguda ou crônica), independentemente do mecanismo farmacológico. Entre os anti-hipertensivos estão os DIURÉTICOS [especialmente os DIURÉTICOS TIAZÍDICOS (=INIBIDORES DE SIMPORTADORES DE CLORETO DE SÓDIO)], os BETA-ANTAGONISTAS ADRENÉRGICOS, os ALFA-ANTAGONISTAS ADRENÉRGICOS, os INIBIDORES DA ENZIMA CONVERSORA DA ANGIOTENSINA, os BLOQUEADORES DOS CANAIS DE CÁLCIO, os BLOQUEADORES GANGLIONARES e os VASODILATADORES.Eletrorretinografia: Registro de potenciais elétricos na retina após estimulação luminosa.Lasers: Fonte óptica que emite fótons por um feixe coerente. A Amplificação da luz por Emissão de Radiação Estimulada (LASER) trouxe o uso de dispositivos que transformam a luz de várias frequências em uma única intensa, próxima do feixe não divergente de radiação monocromática. Os lasers operam nas regiões do espectro [dos comprimentos de onda] visível, infravermelho, ultravioleta ou de raios X.Atrofia Óptica: Atrofia do disco óptico (congênita ou adquirida) que indica uma deficiência no número de fibras nervosas, que se iniciam na RETINA e convergem para formar o DISCO ÓPTICO, NERVO ÓPTICO, QUIASMA ÓPTICO e tratos ópticos. São causas comuns desta afecção GLAUCOMA, ISQUEMIA, inflamação, elevação crônica da pressão intracraniana, toxinas, compressão do nervo óptico e hereditariedade. (ver ATROFIAS ÓPTICAS HEREDITÁRIAS).Escotoma: Defeito localizado no campo visual margeado por uma área de visão normal. Ocorre em uma variedade de OFTALMOPATIAS (ex., DOENÇAS RETINIANAS e GLAUCOMA), DOENÇAS DO NERVO ÓPTICO e outras afecções.Anormalidades do Olho: Ausência congênita ou defeitos na estrutura do olho, podendo também ser hereditária.Testes Visuais: Série de testes usados para avaliar várias funções dos olhos.Túnica Conjuntiva: Membrana mucosa que reveste a superfície posterior das pálpebras e a superfície pericorneal anterior do globo ocular.Administração Oftálmica: Aplicação de agentes farmacologicamente ativos em tecidos do OLHO.Proteínas do Citoesqueleto: Principais constituintes do citoesqueleto encontrados no citoplasma de células eucarióticas. Formam uma estrutura flexível para a célula, provêm pontos de ligação para organelas e corpúsculos formados, além de estabelecer comunicação entre partes de células.Afacia Pós-Catarata: Ausência do cristalino resultante da extração de catarata.Barbados: Ilha nas Pequenas Antilhas nas Índias Ocidentais. É principal formadora de corais, sem bons portos e somente pequenos córregos. Provavelmente foi descoberta pelos portugueses no século XVI. O nome foi determinado pelos exploradores espanhóis do século XVI e vem de barbados, o plural para "barbudo", em referência às folhas parecidas com barbas ou rastros de musgos nas árvores que lá cresciam em abundância. (Tradução livre do original: Webster's New Geographical Dictionary, 1988, p116 & Room, Brewer's Dictionary of Names, 1992, p49)Paquimetria Corneana: Medida da espessura da CÓRNEA.Procedimentos Cirúrgicos Oftalmológicos: Cirurgia feita no olho ou qualquer de suas partes.Afacia: Ausência total ou parcial do cristalino do campo visual, de qualquer causa, exceto após extração de cataratas. A afacia é de origem principalmente congênita ou resulta da SUBLUXAÇÃO E DESLOCAMENTO DO CRISTALINO.Artérias Ciliares: Três grupos de artérias encontradas no olho, que irrigam a íris, pupila, esclera, conjuntiva e os músculos da íris.Inibidores da Anidrase Carbônica: Classe de compostos que reduz a secreção de íons H+ pelo túbulo renal proximal por meio da inibição das ANIDRASES CARBÔNICAS.Artéria Oftálmica: Artéria originada a partir da artéria carótida interna. Irriga o olho, a órbita e estruturas faciais adjacentes.Seguimentos: Estudos nos quais indivíduos ou populações são seguidos para avaliar o resultado de exposições, procedimentos ou efeitos de uma característica, por exemplo, ocorrência de doença.Administração Tópica: Aplicação de preparações de droga às superfícies do corpo, especialmente na pele (ADMINISTRAÇÃO CUTÂNEA) ou nas mucosas. Este método de tratamento é usado para evitar efeitos colaterais sistêmicos quando doses altas são necessárias a uma área localizada ou como uma via alternativa de administração sistêmica, por exemplo, para evitar o processo hepático.Betaxolol: Antagonista beta-1 adrenérgico cardiosseletivo sem atividade de agonista parcial.Mitomicina: Antibiótico antineoplásico produzido por Streptomyces caespitosus. É um dos ALQUILANTES bi ou trifuncional que causa ligações cruzadas de DNA e inibição da síntese de DNA.Doenças da Túnica ConjuntivaEstudos Retrospectivos: Estudos nos quais os dados coletados se referem a eventos do passado.Hifema: Sangramento na câmara anterior do olho.Pseudofacia: Presença de uma lente intraocular após extração do cristalino devido à catarata.Distúrbios Pupilares: Afecções que acometem a estrutura ou função da pupila do olho, incluindo transtornos de inervação dos músculos dilatador ou constritor pupilar, e transtornos dos reflexos pupilares.Artéria Retiniana: Artéria central da retina juntamente com suas ramificações. Origina-se da artéria oftálmica, penetra no nervo óptico correndo através do seu centro, penetra no olho através do disco óptico e ramifica-se a fim de irrigar a retina.Microscopia Acústica: Ferramenta científica baseada na ULTRASSONOGRAFIA e utilizada não somente para a observação de microestrutura em amostras metálicas, mas também em tecidos vivos. Na aplicação biomédica, a velocidade de propagação acústica em tecidos normais e anormais pode ser quantificada para diferenciar a elasticidade tecidual e outras propriedades.Fotocoagulação a Laser: Uso de LASERS que produzem luz verde para parar o sangramento. A luz verde é absorvida seletivamente pela HEMOGLOBINA, e assim é possível provocar a COAGULAÇÃO SANGUÍNEA.Doenças RetinianasEstudos Prospectivos: Estudos planejados para a observação de eventos que ainda não ocorreram.Pupila: Abertura na íris através da qual a luz passa.Midriáticos: Agentes que dilatam a pupila. Podem ser simpatomiméticos ou parassimpatolíticos.Reprodutibilidade dos Testes: Propriedade de se obter resultados idênticos ou muito semelhantes a cada vez que for realizado um teste ou medida. (Tradução livre do original: Last, 2001)Progressão da Doença: Piora de uma doença ao longo do tempo. Este conceito é usado com mais frequência para doenças crônica e incuráveis, em que o estágio da doença é um determinante importante de terapia e prognóstico.Macula Lutea: Área oval na retina (3 a 5 mm de diâmetro) que se localiza geralmente na zona temporal ao polo posterior do olho e levemente abaixo do nível do disco óptico. Caracteriza-se pela presença de pigmento amarelo que impregna, de maneira difusa, as camadas internas que contém a fóvea central em seu centro, e fornece a melhor acuidade visual fototrópica. É livre de vasos sanguíneos retinianos, exceto em sua periferia e recebe nutrientes através dos coriocapilares da coroide. (Tradução livre do original: Cline et al., Dictionary of Visual Science, 4th ed).Seleção Visual: Aplicação de testes e avaliações para identificar déficits visuais ou doenças da visão que ocorrem em populações específicas, como em escolares, idosos, etc. É diferenciada de TESTES DE VISÃO, que são feitos para avaliar/medir o desempenho visual individual, não relacionado a uma população específica.Baixa Visão: Visão considerada inferior à visão normal, representada por padrões aceitos de acuidade, campo visual ou motilidade. A baixa visão geralmente se refere a transtornos visuais causados por doenças que não podem ser corrigidas por refração (ex., DEGENERAÇÃO MACULAR, RETINITE PIGMENTOSA, RETINOPATIA DIABÉTICA, etc.).Pilocarpina: Agonista muscarínico hidrolisado lentamente, sem efeitos nicotínicos. A pilocarpina é usada como miótico (que causa miose, i. é, contração da pupila) e no tratamento do glaucoma.Estudos de Casos e Controles: Estudos epidemiológicos observacionais nos quais grupos de indivíduos com determinada doença ou agravo (casos) são comparados com grupos de indivíduos sadios (controles) em relação ao histórico de exposição a um possível fator causal ou de risco. (Tradução livre do original: Last, 2001)Hipotensão Ocular: Pressão intraocular anormalmente baixa relacionada à inflamação crônica (uveíte).Glicoproteínas: Compostos conjugados proteína-carboidrato que incluem mucinas, mucoides e glicoproteínas amiloides.Facoemulsificação: Procedimento para remoção do cristalino na cirurgia de catarata na qual uma capsulectomia é feita por meio de uma agulha inserida diretamente em uma pequena incisão no limbo temporal, permitindo que o conteúdo do cristalino diminua através da pupila dilatada na câmara anterior, onde são desintegrados pelo uso de ultrassom e aspirados para fora do olho através da incisão. (Tradução livre do original: Cline, et al., Dictionary of Visual Science, 4th ed & In Focus 1993;1(1):1)Conservantes Farmacêuticos: Substâncias adicionadas às preparações farmacêuticas para protegê-las de alterações químicas ou de ação microbiana. Incluem os AGENTES ANTIBACTERIANOS e antioxidantes.Curva ROC: Gráfico que se propõe a estimar a capacidade de um teste seletivo de discriminar entre pessoas saudáveis e doentes.Ceratoplastia Penetrante: Substituição parcial ou total de todas as camadas de uma porção central da córnea.Doenças da Córnea: Doenças da córnea.Sensibilidade e Especificidade: Medidas de classificação binária para avaliar resultados de exames. Sensibilidade ou taxa de recall é a proporção de verdadeiros positivos. Especificidade é a probabilidade do teste determinar corretamente a ausência de uma afecção. (Tradução livre do original: Last, Dictionary of Epidemiology, 2d ed)Modelos Animais de Doenças: Doenças animais ocorrendo de maneira natural ou são induzidas experimentalmente com processos patológicos suficientemente semelhantes àqueles de doenças humanas. São utilizados como modelos para o estudo de doenças humanas.Linhagem: Registro da descendência ou ancestralidade, particularmente de uma característica ou traço especial que identifica cada membro da família, suas relações e seu estado em relação a este traço ou característica.Birrefringência: Propriedade dos meios não isotrópicos (como são os cristais) pela qual um feixe único de luz incidente atravessa o meio [comportando-se] como [se houvesse] dois feixes, cada qual polarizado planarmente, sendo os planos perpendiculares entre si.ÍndiaLimiar Sensorial: A quantidade mínima necessária de energia do estímulo para que ele elicie uma resposta sensorial.Grupo com Ancestrais do Continente Asiático: Indivíduos cujas origens ancestrais estão nas áreas do sudeste e leste do continente asiático.Implante de Lente Intraocular: Inserção de um cristalino artificial para substituir o CRISTALINO natural depois da EXTRAÇÃO da CATARATA ou para suplementar o cristalino natural que é deixado no lugar.Comprimento Axial do Olho: Distância entre os polos anterior e posterior do olho, medido por ULTRASSONOGRAFIA ou por interferometria de coerência parcial.Ratos Endogâmicos BNImplante de Prótese: Inserção cirúrgica de uma prótese.Traumatismos Oculares: Dano ou trauma causado no olho por instrumentos externos. O conceito inclui ambas as lesões de superfície e lesões intraoculares.Veia Retiniana: Veia central da retina juntamente com suas tributárias. Corre uma pequena extensão junto ao nervo óptico e então deixa a órbita drenando para a veia oftálmica superior ou seio cavernoso.Axônios: Fibras nervosas capazes de conduzir impulsos rapidamente para fora do corpo da célula nervosa.Hospitais Especializados: Hospitais que prestam assistência em uma única categoria de doenças, com pessoal e serviços dirigidos a cuidados específicos.Complicações Pós-Operatórias: Processos patológicos que afetam pacientes após um procedimento cirúrgico. Podem ou não estar relacionados à doença pela qual a cirurgia foi realizada, podendo ser ou não resultado direto da cirurgia.Subluxação do Cristalino: Ruptura incompleta da zônula, ficando o cristalino deslocado atrás da pupila. No deslocamento, ou ruptura completa, o cristalino é deslocado para frente dentro da câmara anterior ou para trás dentro do corpo vítreo. Quando é congênita, esta afecção é conhecida como ECTOPIA LENTIS.Enucleação Ocular: Remoção cirúrgica da pálpebra deixando os músculos do olho e o conteúdo orbital remanescente intactos.Contagem de Células: Número de CÉLULAS de um tipo específico, geralmente medido por unidade de volume ou área da amostra.Fundo de Olho: Região côncava interior do olho, consistindo da retina, da coroide, da esclera, do disco óptico e dos vasos sanguíneos, observada através do oftalmoscópio.Segmento Posterior do Olho: Dois terços posteriores do olho que incluem a membrana hialoide anterior e todas as estruturas ópticas atrás deles: HUMOR VÍTREO, RETINA e COROIDE, além do NERVO ÓPTICO.Miopia: Erro de refração no qual os raios luminosos que entram (no OLHO) paralelos ao eixo óptico são enfocados a frente da RETINA quando a ACOMODAÇÃO OCULAR está relaxada. Isto é consequência de uma CÓRNEA extremamente curvada ou de um globo ocular muito longo de frente para trás. É também denominada visão curta (nearsightedness).Óleos de Silicone: Siloxanos orgânicos que são polimerizados ao estado oleoso. Os óleos possuem baixa tensão superficial e densidade inferior a 1. São utilizados em aplicações industriais e no tratamento de descolamento de retina, complicação da vitreorretinopatia proliferativa.Levobunolol: L-isômero do bunolol.Barreira Hematoaquosa: Barreira seletivamente permeável (no OLHO) formada pela camada não pigmentar do EPITÉLIO (no CORPO CILIAR) e do ENDOTÉLIO (dos VASOS SANGUÍNEOS) na ÍRIS. JUNÇÕES ÍNTIMAS (que unem células adjacentes) mantêm a continuidade da barreira intercelular.Corioide: Membrana delgada e altamente vascularizada que reveste a maior parte da região posterior do olho localizada entre a RETINA e a ESCLERA.Macaca fascicularis: Espécie do gênero MACACA que vive tipicamente próximo à costa em riachos de maré e pântanos artificiais, primariamente nas ilhas da península Malaia.Sensibilidades de Contraste: A capacidade de se detectar limites bem definidos (estímulos) e pequenas mudanças de luminosidade em regiões sem contornos distintos. Medidas psicofísicas desta função visual são utilizadas para avaliar acuidade visual e para detectar doenças do olho.Hemorragia Retiniana: Sangramento [a partir] dos vasos da retina.Traumatismos do Nervo Óptico: Traumatismos do nervo óptico induzidos por um trauma da face ou cabeça. Podem ocorrer com lesões penetrantes ou fechadas. A compressão relativamente menor do aspecto superior da órbita pode também resultar em trauma do nervo óptico. As manifestações clínicas podem incluir perda visual, PAPILEDEMA e um defeito pupilar aferente.Síndrome de Sturge-Weber: Afecção congênita não hereditária, com anormalidades vasculares e neurológicas. Caracteriza-se por um nevo facial vascular (MANCHA VINHO DO PORTO), e angiomatose capilar das membranas intracranianas (MENINGES, COROIDE). Entre as características neurológicas estão EPILEPSIA, déficits cognitivos, GLAUCOMA, e deficiências visuais.Fatores de Risco: Aspecto do comportamento individual ou do estilo de vida, exposição ambiental ou características hereditárias ou congênitas que, segundo evidência epidemiológica, está sabidamente associado a uma condição relacionada com a saúde considerada importante de ser prevenida.Técnica Indireta de Fluorescência para Anticorpo: Técnica de fluorescência para anticorpo, geralmente utilizada para detectar anticorpos e complexos imunológicos em tecidos e micro-organismos em pacientes com doenças infecciosas. A técnica envolve a formação de um complexo antígeno-anticorpo que é ligado a uma fluoresceína conjugada a um anticorpo anti-imunoglobina.Vesícula: Acúmulos visíveis de líquido dentro ou próximo da epiderme.Fator de Crescimento Transformador beta2: Subtipo de TGF-beta que foi originalmente identificado como um fator derivado de GLIOBLASTOMA, que inibe o crescimento dependente de antígeno tanto do auxiliar como dos linfócitos T citotóxicos. É sintetizado como uma molécula precursora que é clivada para formar o TGF-beta2 maduro e o peptídeo associado à latência TGF-beta2. A associação dos produtos da clivagem resulta na formação de uma proteína latente que deve ser ativada para se ligar ao seu receptor.Hidrocarboneto de Aril Hidroxilases: Grande grupo de mono-oxigenases do citocromo P-450 (heme-tiolato) que se une à NAD(P)H-FLAVINA OXIDORREDUTASE em diversas oxidações de função mista dos compostos aromáticos. Catalisam a hidroxilação de um amplo espectro de substratos e são importantes no metabolismo de esteroides, drogas e toxinas, como FENOBARBITAL, carcinógenos e inseticidas.Corpo Vítreo: Substância transparente, semigelatinosa, que preenche a cavidade existente atrás do CRISTALINO do OLHO e à frente da RETINA. Está contido em uma membrana hialoide fina, formando cerca de 4/5 do globo ocular.Estudos Transversais: Estudos epidemiológicos que avaliam a relação entre doenças, agravos ou características relacionadas à saúde, e outras variáveis de interesse, a partir de dados coletados simultaneamente em uma população. (Tradução livre do original: Last, 2001)Polimorfismo de Nucleotídeo Único: Variação nucleotídica única em sequência genética que ocorre com frequência apreciável na população.Aminoácido Oxirredutases: Classe de enzimas que catalisa as reações de oxidorredução de aminoácidos.Prevalência: Número total de casos de uma dada doença em uma população especificada num tempo designado. É diferenciada de INCIDÊNCIA, que se refere ao número de casos novos em uma população em um dado tempo.Haplotipos: Constituição genética de indivíduos, em relação a um membro de um par de genes alelos ou grupos de genes intimamente ligados e que tendem a ser herdados em conjunto, como os do COMPLEXO PRINCIPAL DE HISTOCOMPATIBILIDADE.Doenças do CristalinoCamundongos Endogâmicos DBAAnálise Mutacional de DNA: Identificação bioquímica das alterações mutacionais em uma sequência de nucleotídeos.Neoplasias da Íris: Tumores da íris caracterizados pelo aumento da pigmentação dos melanócitos. Os nevos da íris são compostos de melanócitos proliferados e são associados com neurofibromatose e melanoma maligno da coroide e corpo ciliar. O melanoma maligno da íris frequentemente origina-se de nevos pré-existentes.Doenças da Úvea: Doenças da úvea.Cápsula de Tenon: Camada do globo ocular que consiste de FASCIA que se estende do NERVO ÓPTICO até o LIMBO DA CÓRNEA.Assistentes de Oftalmologia: Pessoas academicamente treinadas para cuidar de pacientes com doenças ou defeitos estruturais nos olhos sob a supervisão de um oftalmologista.Potenciais Evocados Visuais: Resposta elétrica evocada no córtex cerebral por estimulação visual ou por estimulação das vias visuais.Vasos Retinianos: Vasos sanguíneos que nutrem e drenam a retina.Mutação: Qualquer mudança detectável e hereditária que ocorre no material genético causando uma alteração no GENÓTIPO e transmitida às células filhas e às gerações sucessivas.Edema da Córnea: Quantidade excessiva de líquido na córnea devido a danos do epitélio ou endotélio, causando diminuição da acuidade visual.Lasers Semicondutores: Lasers com um diodo semicondutor como meio ativo. Lasers a diodo transformam energia elétrica em luz usando o mesmo princípio do diodo emissor de luz (LED), mas com capacidade de reflexão interna, formando assim um ressonador onde uma luz estimulada pode refletir para trás e para frente permitindo apenas um certo comprimento de onda para ser emitido. A emissão de um dado dispositivo é determinada pelo composto ativo usado (ex. cristais de arsenieto de gálio dopados com alumínio ou índio). Os comprimentos de ondas típicos são 810, 1.060 e 1.300 nm. (Tradução livre do original: UMDNS, 2005).Cicatriz: Tecido fibroso que substitui o tecido normal durante o processo de CICATRIZAÇÃO de feridas.TiofenosVitrectomia: Remoção total ou de parte do corpo vítreo no tratamento de endoftalmite, retinopatia diabética, descolamento de retina, corpos estranhos intraoculares e alguns tipos de glaucoma.Antimetabólitos: Drogas quimicamente similares aos metabólitos que ocorrem na natureza, mas diferem o suficiente para interferir com as vias metabólicas normais.Saúde Suburbana: Estado de saúde em populações suburbanas.Fluxometria por Laser-Doppler: Método não invasivo de medida contínua da MICROCIRCULAÇÃO. A técnica é baseada nos valores do EFEITO DOPPLER de luz laser de baixa energia, randomicamicamente distribuída pelas estruturas estáticas e partículas que se movem no tecido.Proteínas de Ligação a TGF-beta Latente: Família de proteínas secretadas com vários domínios, que foram identificadas pela sua associação com a forma latente dos FATORES TRANSFORMADORES DE CRESCIMENTO. Interagem com diversas PROTEÍNAS EXTRACELULARES DE MATRIZ e podem desempenhar um papel na regulação da biodisponibilidade do TGB-beta.Descolamento Retiniano: Separação das camadas internas da retina (retina neural) do epitélio pigmentar. (Dorland, 28a ed)Lentes Intraoculares: Lentes artificiais implantadas.Injeções Intraoculares: Administração de substâncias dentro do olho com uma seringa hipodérmica.Predisposição Genética para Doença: Suscetibilidade latente a doenças de caráter genético, podendo ser ativada sob determinadas situações.Ectopia do Cristalino: Deslocamento congênito do cristalino resultante da formação deficiente de zônula.Frequência do Gene: Proporção de um alelo particular no total de ALELOS de um locus gênico em uma POPULAÇÃO em reprodução.Fotocoagulação: Coagulação de tecido por um intenso feixe de luz, incluindo o laser (COAGULAÇÃO A LASER). No olho, é utilizada no tratamento de descolamento retinal, abertura retinal, aneurismas, hemorragias e neoplasias malignas e benignas.Resultado do Tratamento: Estudos conduzidos com o fito de avaliar as consequências da gestão e dos procedimentos utilizados no combate à doença de forma a determinar a eficácia, efetividade, segurança, exequibilidade dessas intervenções.Interferometria: Medida das distâncias e movimentos por meio do fenômeno causado pela interferência de dois raios de luz (interferometria ótica) ou de som (interferometria acústica).Erros de Refração: Desvios da média ou dos índices padrões de refração do olho através de seu aparelho refrativo ou dióptrico.Doença Crônica: Doenças que têm uma ou mais das seguintes características: são permanentes, deixam incapacidade residual, são causadas por alteração patológica não reversível, requerem treinamento especial do paciente para reabilitação, pode-se esperar requerer um longo período de supervisão, observação ou cuidado.Injeções: Introdução de uma substância no corpo usando-se uma agulha e uma seringa.Reações Falso-Positivas: Resultados positivos em pacientes que não têm as características para as quais o teste é feito. Classificação de pessoas saudáveis como doentes quando examinadas para a detecção de doenças.Cristalino: Estrutura transparente e biconvexa do OLHO. Encontra-se dentro de uma cápsula, atrás da ÍRIS e à frente do humor vítreo (CORPO VÍTREO). Está levemente superposta na margem pelos processos ciliares. A adaptação do CORPO CILIAR é crucial para a ACOMODAÇÃO OCULAR.Distribuição por Idade: Agrupamento de indivíduos segundo idade ou faixa etária. O conceito não é restrito a humanos.Fotofobia: Sensibilidade anormal à luz. Pode ocorrer como uma manifestação de DOENÇAS OCULARES, ENXAQUECA, HEMORRAGIA SUBARACNOIDE, MENINGITE e outros transtornos. A fotofobia pode também ocorrer em associação com DEPRESSÃO e outros TRANSTORNOS MENTAIS.Genótipo: Constituição genética do indivíduo que abrange os ALELOS presentes em cada um dos LOCI GÊNICOS.Tecido Conjuntivo: Tecido que sustenta e conecta outros tecidos. Consiste de CÉLULAS DO TECIDO CONJUNTIVO inseridas em uma grande quantidade de MATRIZ EXTRACELULAR.Oftalmoscópios: Dispositivos para examinar o interior do olho, permitindo a visualização clara das estruturas do olho em qualquer profundidade.(Tradução livre do original: UMDNS, 1999)Uveíte Anterior: Inflamação da úvea anterior compreendendo a íris, estruturas angulares e o corpo ciliar. As manifestações deste transtorno incluem injeção ciliar, exsudação dentro da câmara anterior, alterações da íris e adesões entre a íris e cristalino (sinequia posterior). A pressão intraocular pode ser elevada ou reduzida.Angiofluoresceinografia: Visualização do sistema vascular após injeção intravenosa de uma solução de fluoresceína. As imagens podem ser fotografas ou televisionadas em uma tela. É utilizada especialmente para estudar a vascularização retinal e uveal.Caveolina 2: Caveolina 2 é uma parceira de ligação da CAVEOLINA 1. Sua tirosina é fosforilada pela Proteína pp60 c-src e tem uma ação regulatória na formação das CAVÉOLAS.SingapuraPeríodo Pós-Operatório: Período que se segue a uma operação cirúrgica.Tropicamida: Um dos ANTAGONISTAS MUSCARÍNICOS com ação farmacológica similar à ATROPINA e utilizada principalmente como parassimpatolítico ou midriático oftálmico.Erigeron: Gênero de planta da família ASTERACEAE similar ao gênero CONYZA, cujos membros contêm SESQUITERPENOS.Síndrome da Unha-Patela: Síndrome de múltiplas anormalidades caracterizadas pela ausência ou hipoplasia da PATELA e distrofia congênita da unha. É uma herança de caráter autossômico dominante, determinada geneticamente.Arábia SauditaAntagonistas Adrenérgicos beta: Fármacos que se ligam aos receptores beta adrenérgicos sem ativá-los, bloqueando assim as ações de agonistas adrenérgicos beta. Os antagonistas adrenérgicos beta são usados no tratamento da hipertensão, arritmias cardíacas, angina pectoris, glaucoma, enxaquecas e ansiedade.Opacidade da Córnea: Transtorno que ocorre na área central ou periférica da córnea. O grau normal de transparência torna-se relativamente opaco.Fotogrametria: Fazer medições através do uso de fotografias estereoscópicas.Fatores de Tempo: Elementos de intervalos de tempo limitados, contribuindo para resultados ou situações particulares.Uveíte: Inflamação de parte ou toda a úvea, a túnica média (vascular) do olho, e que comumente compromete as outras túnicas (a esclera e córnea, e a retina). (Dorland, 28a ed)Fluorofotometria: Medida da luz liberada por fluoresceína para avaliar a integridade de várias barreiras oculares. O método é usado para investigar a barreira hematoaquosa, barreira hematorretiniana, medidas de fluxo aquoso, permeabilidade endotelial da córnea e dinâmica de fluxo lacrimal.Índice de Gravidade de Doença: Níveis dentro de um grupo de diagnósticos estabelecidos por vários critérios de medição aplicados à gravidade do transtorno de um paciente.Diagnóstico Precoce: Métodos para determinar nos pacientes a natureza de uma doença ou transtorno em suas fases inciais de evolução. Geralmente, o diagnóstico precoce melhora o PROGNÓSTICO e o RESULTADO DO TRATAMENTO.Western Blotting: Identificação por transferência de mancha (em um gel) contendo proteínas ou peptídeos (separados eletroforeticamente) para tiras de uma membrana de nitrocelulose, seguida por marcação com sondas de anticorpos.Oftalmodinamometria: Medida da pressão sanguínea dos vasos retinais. É também utilizada para a determinação do ponto de convergência próximo (CONVERGÊNCIA OCULAR).Hemorragia da Coroide: Hemorragia dos vasos da coroide.Carteolol: Antagonista beta-adrenérgico utilizado como agente antiarrítmico, antiangina, anti-hipertensivo e antiglaucoma.Degeneração Neural: Perda da atividade funcional e degeneração trófica de axônios nervosos e suas ramificações terminais, seguida à destruição de suas células de origem ou interrupção de sua continuidade com estas células. A patologia é característica de doenças neurodegenerativas. Geralmente, o processo de degeneração nervosa é estudado em pesquisas de localização neuroanatômica e correlação da neurofisiologia das vias neurais.

*  Glaucoma - Wikipedia

O tipo mais comum é o glaucoma de ângulo aberto, e os menos comuns são o glaucoma de ângulo fechado e glaucoma de pressão (ou ... Verificação de glaucoma normalmente é parte do exame ocular padrão feito por um oftalmologista. A verificação de glaucoma deve ... A perda da visão pelo glaucoma, uma vez que tenha ocorrido, é permanente. Os fatores de risco ao glaucoma incluem o aumento da ... Glaucoma é uma designação genérica a um grupo de doenças oculares distintas que provocam danos ao nervo ótico e perda da visão ...
https://pt.wikipedia.org/wiki/Glaucoma

*  Glaucoma: com disciplina, o problema não evolui - PROTESTE

x Você tem acesso temporário a este conteúdo devido ao cadastro de seu e-mail em nosso site.. ...
proteste.org.br/nt/nc/artigo/glaucoma-25

*  Anvisa proíbe fabricação de medicamento para pacientes com glaucoma | Vida Urbana » Jornal da Paraíba

O medicamento é indicado para pacientes com glaucoma.. De acordo com a resolução, a medida é de interesse sanitário, pois a sua ... Anvisa proíbe fabricação de medicamento para pacientes com glaucoma. Fabricação é feita por empresa desconhecida que não tem ...
jornaldaparaiba.com.br/vida_urbana/noticia/176533_anvisa-proibe-fabricacao-de-medicamento-para-pacientes-com-glaucoma

*  Glaucoma

Glaucoma O glaucoma é uma doença ocular que está entre as principais causas de cegueira irreversível no mundo. Quando ... Em caso de glaucoma pigmentário, é indicada a iridomia com laser, que cria um pequeno orifício na íris e possibilita a ... Ao deteriorar o nervo óptico, o glaucoma reduz o campo de visão do portador sem que este sinta dor ou incômodo. A cegueira ... O mesmo se aplica a pessoas de raça negra e pacientes sob tratamento clínico ou que já se submeteram à cirurgia de
cbco.com.br/doencas/glaucoma/

*  AHT HEMOTERAPIA - Informa es e Debate (GASTRITE, GLAUCOMA, GOTA, GRIPE RELATOS -)

E ME CONTOU QUE FOI AO M DICO ANTES DE COME AR A FAZER AH E O M DICO DIAGNOSTICOU GLAUCOMA E RECEITOU REM DIOS PARA ESSA DOEN A ... E FOI O QUE FEZ DURANTE 3 MESES, VOLTOU AO M DICO E ELE CONSTATOU QUE ESTAVA 60 POR CENTO CURADO O GLAUCOMA E RECOMENDOU QUE ... uma conhecida curou o glaucoma (press o no olho) com 6 meses de aplica o. ... hemoterapia, meu esposo n o ficar mais cego de um glaucoma. Parabens, pois sem ...
hemoterapia.org/informacoes_e_debate/ver_opiniao/gastrite-glaucoma-gota-gripe-relatos-auto-hemoterapia-e.asp

*  AHT HEMOTERAPIA - Depoimentos (Depoimento sobre Auto-hemoterapia para: Glaucoma, Hipertens o arterial,)

Depoimento sobre Auto-hemoterapia para: Glaucoma, Hipertens o arterial, Preven o em geral. Vantagens ...
hemoterapia.org/depoimentos/depoimento-sobre-aht-para-glaucoma-hipertensao-arterial.asp

*  Saúde faz cadastro para detecção de glaucoma - Pouso Alegre .NET

Há vários tipos de glaucoma. O glaucoma crônico simples ou glaucoma de ângulo aberto, que representa mais ou menos 80% dos ... O glaucoma. Glaucoma é uma doença ocular causada principalmente pela elevação da pressão intraocular que provoca lesões no ... O glaucoma congênito (forma mais rara) acomete os recém-nascidos e o glaucoma secundário, que é decorrente de enfermidades como ... O Mutirão de Glaucoma se soma ao Mutirão da Catarata para reforçar as políticas públicas do município voltadas para a saúde ...
pousoalegre.net/noticia/2015/01/saude-faz-cadastro-para-deteccao-de-glaucoma/

*  BLOG DO CARLOS EUGÊNIO: Mais de 1.500 Garanhuenses são Beneficiados com Tratamento do Glaucoma

Na manhã de hoje, dia 28, cerca de 150 cidadãos foram atendidos pelo Projeto Glaucoma, iniciativa aberta, oficialmente, com a ... e a empresa Oftalmo PE mais de 1.500 garanhuenses receberão atendimentos de saúde relacionados ao tratamento do Glaucoma. ...
blogdocarloseugenio.com.br/2016/11/mais-de-1500-garanhuenses-sao.html

*  Analise financeira da ciclofotocoagulacao transescleral de contato com laser de diodo no tratamento do glaucoma refratario

Analise financeira da ciclofotocoagulacao transescleral de contato com laser de diodo no tratamento do glaucoma refratario. ... Analise financeira da ciclofotocoagulacao transescleral de contato com laser de diodo no tratamento do glaucoma refratario. ... Metodos: 102 casos de glaucoma refratario com indicacao de ciclofotocoagulacao com laser diodo . Considerou-se sucesso a Po ... Financial analysis of transescleral cyclophotocoagulation of contact with diode laser, at the treatment of refractive glaucoma ...
h-vml029.epm.br/handle/11600/19430

*  Prefeitura de Pintadas realiza Mutirão de combate ao glaucoma - VR14 | Um jeito jovem de fazer comunicação

O que é o Glaucoma?. São doenças oculares causada pela lesão ótica, em razão de pressão ocular alta. São grupos de doenças ... Sem tratamento, o glaucoma leva ao dano permanente do disco óptico da retina, causando atrofia progressiva do campo visual, que ... Prefeitura de Pintadas realiza Mutirão de combate ao glaucoma Reviewed by Jorge Henrique on 12:14 Rating: 5 ... Indivíduos com maior propensão ao Glaucoma. De acordo com as estatísticas, 1% a 2% da população acima de 40 anos é portadora de ...
vr14.com.br/2017/09/mutirao-de-combate-ao-glaucoma-vai-ate.html

Pressão intraocular: Pressão Intraocular é a pressão dentro do olho. Tonometria é o método usado por profissionais de oftalmologia para determinar a pressão intraocular.GlaucomaLâmpada de fenda: Lâmpada de fenda ou biomicroscópio ocular é um instrumento usado por oftalmologistas e optometristas, para avaliação do meio ocular.Músculo dilatador da pupila: O músculo dilatador da pupila é um músculo intraocular.LatanoprostaOftalmologiaLágrima artificial: Lágrimas artificiais são colírios lubrificantes utilizados para tratar secura e irritação dos olhos associadas com um produção deficiente de lágrimas na ceratoconjuntivite sicca (olhos secos). Também são usadas para umedecer lentes de contato.Teoria da coerência: Em física, teoria da coerência é o estudo dos efeitos ópticos parcialmente decorrentes de fontes de luz e rádio coerentes. Fontes parcialmente coerentes são fontes onde o tempo de coerência ou o comprimento de coerência são limitados pela largura de banda, por ruído térmico, ou por outro efeito.TimololHumor aquoso: O humor aquoso é um líquido incolor, constituído por água (98%) e sais dissolvidos (2%) - predominantemente cloreto de sódio - que preenche as câmaras oculares (cavidade do olho, entre a córnea e o cristalino). Ele é produzido incessantemente, com valor médio de 3 ml por dia, no processo ciliar, uma região recoberta por uma camada de células epiteliais, que transportam ativamente o humor aquoso desses processos ciliares para a parte posterior da córnea e à parte anterior da íris.Foco: Foco em geral é tomado como o centro de e é nessa asserção que é tomada como o ponto onde se concentram os raios luminosos que passam por uma superfície transparente. Alternativamente é o ponto de convergência ou donde saem emanações.Acomodação (oftalmologia): Acomodação do cristalino é uma ação conjunta entre a capacidade de variação na geometria do cristalino e a contração ou o relaxamento realizado pelos músculos ciliares (que seguram o cristalino) com a finalidade de poder focalizar a imagem e permitir que a visualização dos objetos não fique ruim (embaçada, por exemplo).Ensaio sobre a CegueiraOftalmoscopia: Oftalmoscopia ou fundoscopia é uma técnica de observação do fundo do olho (retina e outras estruturas internas).Cataract: Cataract é uma banda de Thrash/Death/Metalcore proveniente da Suíça, formada em 1998, que é distribuída pela Metal Blade Records.Cirurgia de catarata: A cirurgia de catarata ou facectomia é a remoção do cristalino do olho que tornou-se opaco, referenciado como catarata.Digital Photography Review: Digital Photography Review é um site sobre fotografia e câmeras digitais.Corpo ciliar: O corpo ciliar é um tecido no interior do olho composto pelo músculo ciliar e processos ciliares.Análogo da prostaglandina: Os análogos da prostaglandina são moléculas que são sintetizadas para se ligar a um receptor de prostaglandina.Laser de Krypton: Laser de Krypton é um laser utilizado na dermatologia em lesões pigmentadas e vascularizadas. Emite luz nas faixas amarela (568nM) e verde (520-530nM).Escotoma: Escotoma (do grego scotoma, escuridão) é uma região do campo visual que apresenta perda total ou parcial da acuidade visual, rodeada de uma outra região em que a visão normal está preservada.Conjuntiva: A conjuntiva ou túnica conjuntiva é uma membrana mucosa presente nos olhos dos vertebrados que reveste a parte interna da pálpebra e a superfície exposta da córnea , revestindo igualmente a parte posterior da pálpebra que se prolonga para trás para recobrir a esclera.Olga Lopes-Seale: Olga Lopes-Seale (Guiana, 26 de dezembro de 1918 - Barbados, 4 de fevereiro de 2011) foi uma assistente social, radialista e cantora guianense. Toda sua carreira ocorreu em Barbados.Afacia: Afacia é a falta do cristalino no olho. A causa mais frequente é a extração do cristalino por catarata senil, traumática ou congênita.Diurético: Os diuréticos são fármacos que atuam no rim, aumentando o volume e o grau do fluxo urinário. Também promovem a eliminação de eletrólitos como o sódio e o potassio, sendo usados no tratamento da hipertensão arterial, insuficiência renal, insuficiência cardíaca ou cirrose hepática.BetaxololLanterna: Lanterna (elétrica) é um instrumento utilizado para iluminação, sendo geralmente portátil e utilizando-se de pilhas ou baterias para gerar energia luminosa.UltrassomObjectiva (fotografia): Uma objetiva (também conhecida como lente fotográfica, lente de câmera ou objetiva fotográfica) é uma lente óptica ou conjunto de lentes usada em conjunto com um corpo de câmera e um mecanismo para reproduzir imagens em um filme fotográfico ou em outra mídia capaz de armazenar uma imagem quimicamente ou eletrônicamente. É o elemento óptico que foca a luz da imagem no material sensível (filme fotográfico ou sensor digital) de uma câmara fotográfica.Caso-controle: Em epidemiologia, caso-controle ou caso-controlo é definido como uma forma de pesquisa observacional, longitudinal, em geral retrospectivo e analítico em que se compara dois grupos expostos a um determinado fator, o primeiro de indivíduos com determinada condição (p.e.Exame complementar de diagnóstico: Nas ciências da saúde, são denominados exames complementar de diagnóstico aqueles exames (laboratoriais, de imagem, etc.) que complementam aos dados da anamnese e do exame físico para a confirmação das hipóteses diagnósticas e tratamento.


Tratamento do Glaucoma


  • Numa parceria entre a Prefeitura de Garanhuns, por intermédio da Secretaria de Saúde, e a empresa Oftalmo PE mais de 1.500 garanhuenses receberão atendimentos de saúde relacionados ao tratamento do Glaucoma. (blogdocarloseugenio.com.br)
  • É indicado no tratamento do glaucoma. (wikipedia.org)

pacientes com glaucoma


  • O medicamento é indicado para pacientes com glaucoma. (jornaldaparaiba.com.br)
  • Objetivo: 1)Analise comparativa financeira dos diversos procedimentos clinicos e cirurgicos utilizados para o tratamento dos pacientes com glaucoma refratario, considerando resultados com a ciclofotocoagulacao transescleral com laser diodo. (epm.br)
  • Josef Flammer é um especialista em glaucoma que desenvolveu um novo conceito patogênico conforme o dano glaucomatoso a que o fornecimento de sangue instável leva ao estresse oxidativo, que por sua vez, desempenha um papel importante na apoptose (morte celular) das células do nervo óptico e da retina em pacientes com glaucoma. (wikipedia.org)

casos de glaucoma


  • Os casos de glaucoma de ângulo fechado devem ser tratados como emergência médica. (wikipedia.org)

combate ao glaucoma


  • Notícia de carácter científico publicada na edição on-line de 3 do corrente do Correio do Brasil dá-nos conta das conclusões de um estudo em que se verificaram vantagens do exercício físico no combate ao glaucoma. (lerparaver.com)
  • Está demonstrado que o melhor combate ao Glaucoma se trava no campo das medidas de prevenção. (lerparaver.com)

catarata


  • É a segunda causa de cegueira em todo o mundo (a primeira é a catarata) e acomete principalmente indivíduos idosos, sendo que o glaucoma de ângulo fechado é mais comum nas mulheres. (wikipedia.org)
  • O Mutirão de Glaucoma se soma ao Mutirão da Catarata para reforçar as políticas públicas do município voltadas para a saúde visual. (pousoalegre.net)
  • glaucoma, catarata e descolamento da retina). (wikipedia.org)

aumento


  • Os fatores de risco ao glaucoma incluem o aumento da pressão intraocular (PIO), histórico familiar, enxaqueca, hipertensão arterial e obesidade. (wikipedia.org)
  • A principal característica do glaucoma de ângulo fechado é o aumento súbito de pressão intraocular. (pousoalegre.net)

chamado


  • Por outro lado, danos ao nervo ótico podem ocorrer com PIO dentro dos limites da normalidade, no chamado glaucoma de pressão normal. (wikipedia.org)
  • Estudos científicos têm mostrado que os pacientes com o chamado glaucoma de tensão normal, no qual o dano ocorre ou avança, apesar de uma pressão intraocular normal, na maioria das vezes sofrem de fluxo sanguíneo ocular perturbado, sendo a síndrome de Flammer uma das potenciais causas dessa alteração. (wikipedia.org)
  • Isso é chamado de glaucoma neovascular. (wikipedia.org)

ocular


  • O glaucoma é uma doença ocular que está entre as principais causas de cegueira irreversível no mundo. (cbco.com.br)
  • Glaucoma é uma doença ocular causada principalmente pela elevação da pressão intraocular que provoca lesões no nervo ótico e, como consequência, comprometimento visual. (pousoalegre.net)
  • Trata-se da passagem a genérico de um importante colírio para estabilização da pressão ocular nos portadores de glaucoma. (lerparaver.com)

cegueira


  • Sem tratamento, o glaucoma leva ao dano permanente do disco óptico da retina, causando atrofia progressiva do campo visual, que pode progredir para cegueira. (vr14.com.br)
  • Cerca de 100 mil pessoas em Portugal têm glaucoma, uma das principais causas de cegueira no país, sendo essencial o diagnóstico precoce para prevenir a perda definitiva de visão, alertou hoje a Sociedade Portuguesa de Oftalmologia (SPO). (lerparaver.com)

acordo com


  • De acordo com as estatísticas, 1% a 2% da população acima de 40 anos é portadora de algum tipo de glaucoma. (vr14.com.br)

Exames


  • A unidade de Saúde Dona Maninha realizou hoje exames de Glaucoma e distribuição de colírios para a população em geral. (vr14.com.br)

pode ser


  • A perda visual causada pelo glaucoma é irreversível, mas pode ser prevenida ou atrasada por tratamento. (wikipedia.org)
  • O glaucoma crônico simples ou glaucoma de ângulo aberto, que representa mais ou menos 80% dos casos, incide nas pessoas acima de 40 anos e pode ser assintomático. (pousoalegre.net)

maior


  • Indivíduos com PIO superior a 21 mmHg ou 2,8 kPa são considerados hipertensos oculares e, portanto, com maior risco de desenvolver glaucoma. (wikipedia.org)
  • Segundo ela, a prioridade será dada para as pessoas que estão nos grupos considerados de risco, isto é, com histórico de saúde que indicam maior probabilidade de desenvolver o glaucoma. (pousoalegre.net)

aberto


  • O tipo mais comum é o glaucoma de ângulo aberto, e os menos comuns são o glaucoma de ângulo fechado e glaucoma de pressão (ou tensão) normal. (wikipedia.org)
  • Crê-se que o mecanismo que desencadeia o glaucoma de ângulo aberto seja uma obstrução do escoamento do humor aquoso através da malha trabecular, enquanto que no glaucoma de ângulo fechado a dilatação da pupila bloqueia o fluxo do fluido através dela, levando à íris bloquear a malha trabecular. (wikipedia.org)

causada


  • A perda visual causada por glaucoma atinge primeiro a visão periférica. (wikipedia.org)

hoje


  • Na manhã de hoje, dia 28, cerca de 150 cidadãos foram atendidos pelo Projeto Glaucoma, iniciativa aberta, oficialmente, com a realização dos serviços na Unidade Básica de Saúde (UBS), da Boa Vista. (blogdocarloseugenio.com.br)
  • A Revista on-line Ciência Hoje publicou no passado dia 21 uma interessante notícia versando novas pistas genéticas sobre origem do glaucoma. (lerparaver.com)

cerca


  • Cerca de 11 a 67 milhões de pessoas sofrem de glaucoma em todo o mundo. (wikipedia.org)
  • É o tipo mais comum de glaucoma, representando cerca de 90% dos casos registrados, e frequentemente começando sem sintomas e demorando muitos anos para causar perda visual perceptível. (wikipedia.org)

nervo


  • Glaucoma é uma designação genérica a um grupo de doenças oculares distintas que provocam danos ao nervo ótico e perda da visão. (wikipedia.org)
  • Ao deteriorar o nervo óptico, o glaucoma reduz o campo de visão do portador sem que este sinta dor ou incômodo. (cbco.com.br)

arterial


  • Em alguns casos está associado, ou predispõe ao desenvolvimento de doenças, tais como o glaucoma em tensão arterial normal. (wikipedia.org)

caso


  • Em caso de glaucoma pigmentário, é indicada a iridomia com laser, que cria um pequeno orifício na íris e possibilita a livre circulação do humor aquoso ao longo dessa estrutura. (cbco.com.br)
  • Caso seja diagnosticado com glaucoma, no mesmo dia, ele será encaminhado ao médico oftalmologista para dar início ao tratamento com o colírio adequado para a doença", esmiúça. (pousoalegre.net)

olho


  • uma conhecida curou o glaucoma (press o no olho) com 6 meses de aplica o. (hemoterapia.org)

perda


  • A perda da visão pelo glaucoma, uma vez que tenha ocorrido, é permanente. (wikipedia.org)
  • Enquanto o glaucoma pode ou não ter sintomas distintos, uma complicação quase inevitável é a perda visual. (wikipedia.org)

causas


alguns


  • O Jornal Cruzeiro do Sul de ontem publicou um interessante artigo versando sobre o avanço do glaucoma nos mais jovens adicionando alguns conselhos sobre a utilização de colírios. (lerparaver.com)

podem


  • Administrado em associação com anticolinérgicos ou neurolépticos com efeito anticolinérgico, podem ocorrer estados de hiperexcitação ou delírio, como ataques de glaucoma. (wikipedia.org)

pessoas


  • Um oftalmologista deve ser consultado pelas pessoas com risco de desenvolver glaucoma, especialmente idosos e diabéticos. (wikipedia.org)
  • O mesmo se aplica a pessoas de raça negra e pacientes sob tratamento clínico ou que já se submeteram à cirurgia de glaucoma. (cbco.com.br)

frequentemente


  • A pessoa atingida pelo glaucoma está frequentemente perante dificuldades que se lhe colocam no seu dia-a-dia. (lerparaver.com)

tipos


acomete


  • O glaucoma congênito (forma mais rara) acomete os recém-nascidos e o glaucoma secundário, que é decorrente de enfermidades como diabetes, uveítes e cataratas. (pousoalegre.net)

tratar


prevenir


normal


  • Em certos casos, é associada com ou predispõe para o desenvolvimento de doenças tais como: o glaucoma de tensão normal. (wikipedia.org)

forma


  • Já o glaucoma de ângulo fechado pode cursar de forma crônica ou aguda. (wikipedia.org)