Dor Lombar: Dor aguda ou crônica nas regiões lombar ou sacral podendo estar associada com ENTORSES E DISTENSÕES dos ligamentos dos músculos, DESLOCAMENTO DO DISCO INTERVERTEBRAL e outras afecções.Dor nas Costas: Dor aguda ou crônica localizada nas regiões posteriores do TÓRAX, REGIÃO LOMBOSSACRAL ou regiões adjacentes.Medição da Dor: Escalas, questionários, testes e outros métodos utilizados para avaliar a severidade e duração da dor em pacientes ou animais experimentais, com o objetivo de ajudar no diagnóstico, terapêutica e estudos fisiológicos.Dor Crônica: Sensação de dor que persiste por mais do que poucos meses. Pode ou não estar associada com trauma ou doença e pode persistir depois que a lesão inicial estiver cicatrizada. Sua localização, características e periodicidade são mais imprecisas do que as da dor aguda.Vértebras Lombares: Vértebras na região inferior do DORSO abaixo da VÉRTEBRA TORÁCICA e acima da VÉRTEBRA SACRAL.Dor: Sensação desagradável induzida por estímulos nocivos que são detectados por TERMINAÇÕES NERVOSAS de NOCICEPTORES.Avaliação da Deficiência: Determinação do grau de desvantagem física, mental ou emocional. O diagnóstico é feito por pessoal legalmente habilitado visando benefícios e rendimentos sobre seguros de incapacidade e aptidão à Seguridade Social e compensação de benefícios de trabalhadores.Dorso: Superfície posterior de um primata na vertical a partir dos ombros até o quadril, ou a superfície dorsal de tetrápodes.Região Lombossacral: Região das costas que inclui as VÉRTEBRAS LOMBARES, o SACRO e estruturas adjacentes.Modalidades de Fisioterapia: Modalidades terapêuticas frequentemente utilizadas em FISIOTERAPIA por FISIOTERAPEUTAS para melhorar, manter ou restaurar o bem-estar físico e fisiológico de um indivíduo.Doença Crônica: Doenças que têm uma ou mais das seguintes características: são permanentes, deixam incapacidade residual, são causadas por alteração patológica não reversível, requerem treinamento especial do paciente para reabilitação, pode-se esperar requerer um longo período de supervisão, observação ou cuidado.Dor Aguda: Sensação de desconforto intenso, angustiante ou dolorosa associada com traumatismo ou doença, com local, hora e características bem definidos.Manipulação da Coluna: Ajustamento e manipulação da coluna vertebral.Manejo da Dor: Forma de terapia que emprega uma abordagem coordenada e interdisciplinar para acalmar o sofrimento e melhorar a qualidade de vida de quem sente dor.Ciática: Afecção caracterizada por dor radiante na região das costas para dentro das nádegas e aspectos posterior/lateral da perna. A ciática pode ser uma manifestação de NEUROPATIA CIÁTICA, RADICULOPATIA (envolvendo as RAÍZES NERVOSAS ESPINHAIS L4, L5, S1 ou S2, geralmente associadas com DESLOCAMENTO DO DISCO INTERVERTEBRAL) ou lesões da CAUDA EQUINA.Deslocamento do Disco Intervertebral: DISCO INTERVERTEBRAL em que o núcleo pulposo protruiu-se através da fibrocartilagem adjacente. Isso ocorre com maior frequência na região lombar inferior.Disco Intervertebral: Qualquer uma das 23 placas de fibrocartilagem encontrada entre os corpos de VÉRTEBRAS adjacentes.Terapia por Exercício: Regime ou plano de atividades físicas concebido e prescrito para alcançar objetivos terapêuticos específicos. Seu propósito é restaurar a função musculosquelética normal ou reduzir dores causadas por doenças ou lesões.Lesões nas Costas: Traumatismos gerais ou não específicos da parte posterior do tronco. Incluem traumatismos dos músculos das costas.Doenças Profissionais: Doenças causadas por fatores que têm relação com o trabalho de uma pessoa.Articulação Sacroilíaca: Articulação imóvel formada pelas superfícies laterais do SACRO e do ÍLIO.Cervicalgia: Desconforto ou formas mais intensas de dor que estão localizadas na região cervical. Geralmente, este termo se refere à dor nas regiões posterior ou lateral do pescoço.Questionários: Conjunto de perguntas previamente preparadas utilizado para a compilação de dados.Articulação Zigapofisária: A articulação que se encontra entre as facetas dos processos articulares interior e superior das vértebras adjacentes.Doenças da Coluna VertebralRemoção: Mover ou trazer algo de um nível mais baixo para um mais elevado. O conceito envolve tensões biomecânicas resultantes do trabalho realizado ao se transferir objetos de um plano para outro, bem como os efeitos de técnicas variadas de manipulação e de transferência de pacientes.Degeneração do Disco Intervertebral: Alterações degenerativas no DISCO INTERVERTEBRAL devido a envelhecimento ou dano estrutural, especialmente nas placas vertebrais terminais.Limiar da Dor: A quantidade de estimulação necessária para que a sensação de dor seja experimentada.Resultado do Tratamento: Estudos conduzidos com o fito de avaliar as consequências da gestão e dos procedimentos utilizados no combate à doença de forma a determinar a eficácia, efetividade, segurança, exequibilidade dessas intervenções.Postura: Posição ou atitude do corpo.Quiroprática: 1) Disciplina ocupacional fundada por D.D. Palmer nos anos de 1890, baseada na relação da coluna vertebral com saúde e doença (MeSH). 2) Profissão de assistência à saúde que se ocupa do diagnóstico, tratamento e prevenção dos transtornos do sistema neuromusculosquelético e os efeitos desses transtornos sobre a saúde geral. Há uma ênfase nas técnicas manuais, inclusive o ajuste e/ou manipulação das articulações, com uma ênfase particular nas subluxações. (Tradução livre do original: WHO guidelines on basic training and safety in chiropractic: http://whqlibdoc.who.int/publications/2006/9241593717_eng.pdf).Manipulação Quiroprática: Procedimentos usados por quiropráticos para tratar queixas de natureza neuromusculoesqueléticas.Coluna Vertebral: Coluna vertebral ou espinal.Manipulação Osteopática: Manipulação musculosquelética baseada nos princípios da MEDICINA OSTEOPÁTICA desenvolvida em 1874 pelo Dr Andrew Taylor Still.Dor Referida: Tipo de dor percebida em uma área distante de onde surgiu a dor, como dor facial causada por lesão do NERVO VAGO, ou problema iniciado na garganta e mencionado como dor na orelha.Dor Pélvica: Dor na região pélvica de origem genital e não genital, e de etiologia orgânica ou psicogênica. As causas frequentes de dor são distensão ou contração de vísceras de cavidades, alongamento rápido da cápsula de um órgão sólido, irritação química, isquemia tecidual, e neurite secundária a processos inflamatórios, neoplásicos ou fibróticos em órgãos adjacentes.Tronco: Parte central do corpo à qual o pescoço e os membros estão ligados.Injeções Epidurais: Injeção de medicamentos, na maioria das vezes analgésicos, no canal espinhal sem punção da dura máter.Dor Intratável: Dor persistente, refratária a algumas ou a todas as formas de tratamento.Acupuntura: Disciplina ocupacional dos métodos tradicionais Chineses de TERAPIA POR ACUPUNTURA para tratar doenças através da inserção de agulhas ao longo de vias ou meridianos específicos.Engenharia Humana: Estudo científico das relações entre o homem e o seu ambiente de trabalho. (Ambiente é considerado em seu aspecto mais global incluindo equipamentos, aparelhos, ferramentas, materiais, métodos de trabalho e a própria organização do trabalho)Manipulação Ortopédica: Manipulação planejada e cuidadosa da musculatura esquelética, extremidades e coluna vertebral, para aumentar o movimento. O termo é às vezes utilizado para denotar a sequência precisa de movimentos de uma articulação, para determinar a presença de alguma doença ou reduzir um deslocamento. No caso de fraturas, a manipulação ortopédica pode produzir um melhor posicionamento e alinhamento da fratura.Dor Pós-Operatória: Dor durante o período após a cirurgia.Estenose Espinal: O estreitamento do canal espinhal.Avaliação de Resultados (Cuidados de Saúde): Pesquisa voltada ao monitoramento da qualidade e efetividade da assistência à saúde medida em termos da obtenção de resultados pré-estabelecidos. Inclui parâmetros como melhoria do estado de saúde, diminuição de morbidade e mortalidade e melhoria de estados anormais (ex: pressão sanguínea elevada).Terapia por Acupuntura: Tratamento de doenças por inserção de agulhas ao longo de vias específicas ou meridianos. A localização varia com a doença a ser tratada. Aquecimento (calor) ou moxibustão e acupressão podem ser usados em conjunto.Absenteísmo: Ausência crônica ao trabalho ou a outras obrigações.Manipulações Musculoesqueléticas: Várias manipulações dos tecidos corporais, músculos e ossos (por mãos ou equipamentos) para melhorar a saúde, circulação, alívio da fadiga e promoção da cicatrização.Estudos Prospectivos: Estudos planejados para a observação de eventos que ainda não ocorreram.Dor Musculoesquelética: Desconforto que surge a partir de músculos, LIGAMENTOS, tendões e ossos.Sacro: Cinco vértebras fundidas que formam uma estrutura em forma de triângulo atrás da PELVE. Articula na parte superior com a VÉRTEBRA LOMBAR, na parte inferior com o CÓCCIX e anteriormente com o ÍLEO da PELVE. O sacro reforça e estabiliza a PELVE.Percepção da Dor: Processo pelo qual a DOR é reconhecida e interpretada pelo encéfalo.Espondilólise: Desenvolvimento deficiente ou degeneração de uma porção das VÉRTEBRAS, geralmente na parte interarticular (a ponte óssea entre as facetas das articulações superior e inferior das VÉRTEBRAS LOMBARES), levando à ESPONDILOLISTESE.Dor de Ombro: A dor unilateral ou bilateral do ombro. Ela é causada frequentemente por atividades físicas que ocorrem durante a participação no trabalho ou em esporte mas, pode também ser patológica na sua origem.Discotomia: Excisão, parcial ou total, de um DISCO INTERVERTEBRAL. A indicação mais comum é deslocamento de disco ou herniação. Além da remoção cirúrgica padrão, pode ser feita por discotomia percutânea (DISCOTOMIA PERCUTÂNEA) ou por discotomia laparoscópica, a anterior sendo a mais comum.Licença Médica: Ausência do trabalho permitida por causa de enfermidade ou o número de dias por ano que um empregador concorda em pagar empregados que estão doentes.Fenômenos Biomecânicos: Propriedades, processos e comportamento de sistemas biológicos sob ação de forças mecânicas.Exame Físico: Inspeção sistemática e minuciosa do paciente para sinais físicos de doença ou anormalidade.Amplitude de Movimento Articular: A distância e direção para qual uma articulação óssea pode ser estendida. A amplitude de movimento é uma função da condição das articulações, músculos e tecidos conjuntivos envolvidos. A flexibilidade da articulação pode ser melhorada através de EXERCÍCIOS DE ALONGAMENTO MUSCULAR apropriados.Síndrome Pós-Laminectomia: Afecção de dor e desconforto persistentes nas COSTAS e na PERNA após cirurgia lombar, frequentemente descrita em pacientes inscritos em CENTROS DE DOR.Espondilolistese: Deslocamento para frente de um corpo vertebral superior sobre o corpo vertebral abaixo dele.Dor Abdominal: Sensação de desconforto, mal estar ou agonia na região abdominal.Doença Aguda: Doença relativamente grave de curta duração.Fisioterapeutas: Pessoas treinadas em FISIOTERAPIA para fazer uso das MODALIDADES DE FISIOTERAPIA a fim de prevenir, corrigir e aliviar as disfunções de movimento.Tração: Puxão em um membro ou de uma parte dele. A tração da pele (tração indireta) é aplicada pelo uso de uma bandagem para puxar sobre a pele e a faixa onde uma tração leve é requerida. A tração esquelética (tração direta), contudo, utiliza pinos ou fios inseridos no osso e é ligada a pesos, roldanas e cabos.Radiculopatia: Doença envolvendo uma raiz nervosa espinhal (ver RAÍZES DE NERVOS ESPINHAIS) que pode resultar de compressão relacionada ao DESLOCAMENTO DO DISCO INTERVERTEBRAL, LESÕES DA MEDULA ESPINHAL, DOENÇAS DA COLUNA VERTEBRAL e outras afecções. As manifestações clínicas incluem dor radicular, fraqueza e perda sensorial referida a estruturas enervadas pela raiz nervosa envolvida.Analgésicos: Compostos que aliviam dor sem a perda de ESTADO DE CONSCIÊNCIA.Fusão Vertebral: Imobilização ou ancilose operatória de duas ou mais vértebras, por fusão dos corpos vertebrais com um curto enxerto ósseo ou muitas vezes com discectomia ou laminectomia.Prevalência: Número total de casos de uma dada doença em uma população especificada num tempo designado. É diferenciada de INCIDÊNCIA, que se refere ao número de casos novos em uma população em um dado tempo.Seguimentos: Estudos nos quais indivíduos ou populações são seguidos para avaliar o resultado de exposições, procedimentos ou efeitos de uma característica, por exemplo, ocorrência de doença.Estudos Transversais: Estudos epidemiológicos que avaliam a relação entre doenças, agravos ou características relacionadas à saúde, e outras variáveis de interesse, a partir de dados coletados simultaneamente em uma população. (Tradução livre do original: Last, 2001)Doenças Musculoesqueléticas: As doenças dos músculos e dos seus ligamentos associados e outros tecidos conectivos e dos ossos e cartilagens vistos coletivamente.Massagem: Conjunto de manipulações sistemáticas e científicas dos tecidos corporais de melhor eficiência, com as mãos, com o propósito de influenciar os sistemas nervoso e muscular e a circulação geral.Fisioterapia: Profissão auxiliar de saúde que usa MODALIDADES DE FISIOTERAPIA para prevenir, corrigir e aliviar as disfunções de origem anatômica ou fisiológica.Analgesia por Acupuntura: Analgesia produzida pela inserção de agulhas de ACUPUNTURA em certos PONTOS DE ACUPUNTURA do corpo. Estes pontos ativam as pequenas fibras nervosas mielinizadas no músculo que transmite impulsos à medula espinhal e, por sua vez, ativa três centros - medula espinhal, mesencéfalo e hipotálamo-hipófise - para produzir analgesia.Técnicas de Exercício e de Movimento: Métodos ou programas de atividades físicas que podem ser usadas para promover, manter ou restaurar o bem-estar físico e fisiológico de um indivíduo.Imagem por Ressonância Magnética: Método não invasivo de demonstração da anatomia interna baseado no princípio de que os núcleos atômicos em um campo magnético forte absorvem pulsos de energia de radiofrequência e as emitem como ondas de rádio que podem ser reconstruídas nas imagens computadorizadas. O conceito inclui técnicas tomográficas do spin do próton.Músculos Abdominais: Músculos que formam a PAREDE ABDOMINAL; entre eles: RETO DO ABDOME, músculos oblíquos (externo e interno), abdominal transverso e quadrado do abdome. (Tradução livre do original: Stedman, 25a ed)Atividades Cotidianas: Realização das atividades básicas de cuidados pessoais próprios como vestir-se, caminhar ou comer.Pessoas com Deficiência: Pessoas com deficiência física ou mental que afeta ou limita suas atividades de vida diárias e que podem requerer acomodações especiais.Recuperação de Função Fisiológica: Retorno parcial (ou completo) ao normal (ou a atividade fisiológica adequada) de um órgão (ou parte) após doença ou trauma.Método Simples-Cego: Método de estudo sobre uma droga ou procedimento no qual os grupos estudados desconhecem quem está recebendo o fator em questão, mas o investigador, sim. (Tradução livre do original: Last, 2001)Indenização aos Trabalhadores: Cobertura do seguro que estabelece compensação e benefícios médicos aos trabalhadores por danos ou doenças relacionados ao trabalho.Suporte de Carga: Estado físico de suportar uma carga aplicada. Refere-se frequentemente aos ossos ou articulações que sustentam o peso do corpo, especialmente os da coluna vertebral, quadril, joelho e pé.Avaliação da Capacidade de Trabalho: Avaliação da capacidade física em relação às exigências do trabalho. Geralmente é feita pela medida de certas variáveis fisiológicas (por exemplo, circulatórias e respiratórias) durante o aumento gradual da carga de trabalho até a ocorrência de limitações específicas relativas àquelas variáveis.Fita Atlética: Fita adesiva com a força mecânica necessária para resistir ao estiramento. É aplicada na pele para apoiar, estabilizar e restringir os movimentos a fim de auxiliar a cicatrização e/ou impedir lesões no SISTEMA MUSCULOSQUELÉTICO.Comportamento de Doença: Conjunto de respostas comportamentais não específicas a um transtorno não psiquiátrico. Estas podem incluir perda de APETITE ou LIBIDO; desinteresse em ATIVIDADES DA VIDA DIÁRIA; ou distanciamento do convívio social.Movimento: Ação, processo ou resultado de passar de um lugar, ou posição, para outro. Difere de LOCOMOÇÃO no sentido de que esta se restringe à passagem do corpo inteiro de um lugar para outro, enquanto movimento compreende tanto a locomoção como a mudança na posição do corpo inteiro ou qualquer de suas partes. Movimento pode ser usado em relação a humanos, animais vertebrados e invertebrados, e micro-organismos. Distinguir também de ATIVIDADE MOTORA, movimento associado com o comportamento.Protocolos Clínicos: Projeto preciso e detalhado para o estudo de um problema médico ou biomédico e/ou projetos para um regime de terapia.Osteoartrite da Coluna Vertebral: Doença articular degenerativa envolvendo a COLUNA VERTEBRAL. É caracterizada por deterioração progressiva da CARTILAGEM ARTICULAR espinhal, geralmente com espessamento do osso subcondral e crescimento de esporão ósseo (OSTEÓFITO).Projetos de Pesquisa: Plano para se coletar e utilizar dados de forma que a informação desejada seja obtida com precisão suficiente, ou de forma que uma hipótese seja testada adequadamente.Bloqueio Nervoso: Interrupção da CONDUÇÃO NERVOSA pelos nervos periféricos ou pelos troncos nervosos por meio de injeção local de substâncias anestésicas (ex.: LIDOCAÍNA, FENOL, TOXINAS BOTULÍNICAS) para controlar ou tratar a dor.Repouso em Cama: Confinamento de um indivíduo à cama, por razões terapêuticas ou experimentais.Medo: A resposta afetiva a um perigo externo real, que desaparece com o fim da situação ameaçadora.Reabilitação Vocacional: Treinamento de deficientes físicos ou mentais em trabalhos especializados para que estas pessoas possam empregar-se regularmente com o ofício aprendido.Dor Facial: Dor na região facial, incluindo dor orofacial e craniofacial. Afecções associadas incluem transtornos neoplásicos e inflamatórios locais além de síndromes neurálgicas envolvendo os nervos trigêmeo, facial e glossofaríngeo. As afecções que se caracterizam por dor facial persistente ou recidivante como manifestação primária da doença são chamadas SÍNDROMES DA DOR FACIAL.Psicofisiologia: O estudo das bases fisiológicas do comportamento animal e humano.Fatores de Risco: Aspecto do comportamento individual ou do estilo de vida, exposição ambiental ou características hereditárias ou congênitas que, segundo evidência epidemiológica, está sabidamente associado a uma condição relacionada com a saúde considerada importante de ser prevenida.Anestésicos Locais: Fármacos que bloqueiam a condução nervosa quando aplicados localmente (no tecido nervoso) em concentrações adequadas. Atuam em qualquer parte do sistema nervoso e em todos os tipos de fibras nervosas. Em contato com um tronco nervoso, estes anestésicos podem causar paralisia sensitiva e motora na área inervada. Sua ação é totalmente reversível. (Tradução livre do original: Gilman AG, et. al., Goodman and Gilman's The Pharmacological Basis of Therapeutics, 8th ed). Quase todos os anestésicos locais atuam diminuindo a tendência para a ativação dos canais de sódio dependentes de voltagem.Fluoroscopia: Produção de uma imagem quando os raios X encontram uma tela fluorescente.Trabalho: Atividades produtivas ou propositadas.Referência e Consulta: Prática de enviar um paciente para outro programa ou médico para provisão de serviços ou aconselhamento, os quais a fonte da referência não está preparada para fornecer.Catastrofização: Processos emocionais e cognitivos que englobam ampliação de estímulos relacionados com dor, sensações de desamparo e uma orientação geralmente pessimista.Satisfação do Paciente: O grau pelo qual o indivíduo considera o serviço ou produto de saúde ou o modo pelo qual este é executado pelo provedor como sendo útil, efetivo ou que traz benefício.Saúde do Trabalhador: Promoção e manutenção no mais alto grau do bem-estar físico, mental e social dos trabalhadores em todas as ocupações; a prevenção entre os trabalhadores de doenças ocupacionais causadas por suas condições de trabalho; a proteção dos trabalhadores em seus labores, dos riscos resultantes de fatores adversos à saúde; a colocação e conservação dos trabalhadores nos ambientes ocupacionais adaptados a suas aptidões fisiológicas e psicológicas.Fatores de Tempo: Elementos de intervalos de tempo limitados, contribuindo para resultados ou situações particulares.Educação de Pacientes como Assunto: Ensino e treinamento de pacientes em relação às suas próprias necessidades de saúde.Pontos de Acupuntura: Localizações determinadas ao longo de nervos ou órgãos meridianos para inserção de agulhas de acupuntura.Índice de Gravidade de Doença: Níveis dentro de um grupo de diagnósticos estabelecidos por vários critérios de medição aplicados à gravidade do transtorno de um paciente.Carga de Trabalho: A quantidade total de trabalho a ser desenvolvido por um indivíduo, um departamento, ou outro grupo de trabalhadores em um período de tempo.Reprodutibilidade dos Testes: Propriedade de se obter resultados idênticos ou muito semelhantes a cada vez que for realizado um teste ou medida. (Tradução livre do original: Last, 2001)Síndromes da Dor Miofascial: Dor muscular em várias regiões do corpo que pode ser reproduzida por pressão em PONTOS-GATILHO, endurecimentos localizados no tecido muscular esquelético. A dor é referida em um local distante dos pontos-gatilho. Um ótimo exemplo é a SÍNDROME DA DISFUNÇÃO DA ARTICULAÇÃO TEMPOROMANDIBULAR.Balneologia: Terapia pelo uso de vários banhos quentes ou mornos em águas minerais naturais, balneários ou curas. Abrange não só banhos, mas também a ingestão das águas, mas não inclui banhos em redemoinhos de água (HIDROTERAPIA).Raízes Nervosas Espinhais: Feixes pareados das FIBRAS NERVOSAS que penetram e partem de cada segmento da MEDULA ESPINAL. As raízes nervosas ventrais e dorsais unem-se para formar os nervos espinais mistos dos segmentos. As raízes dorsais são geralmente aferentes, formadas pelas projeções centrais das células sensitivas dos gânglios espinais (raiz dorsal), enquanto que as raízes ventrais são eferentes, compreendendo os axônios dos neurônios motores espinhais e FIBRAS AUTÔNOMAS PRÉ-GANGLIONARES.Estimulação Elétrica Nervosa Transcutânea: Uso de eletrodos pequenos localizados especificamente para produzir impulsos elétricos através da PELE para aliviar a DOR. É utilizada menos frequentemente para produzir ANESTESIA.Analgésicos Opioides: Compostos com atividade semelhante as dos ALCALOIDES OPIÁCEOS, atuando como RECEPTORES OPIOIDES. Entre as propriedades estão ANALGESIA ou ESTUPOR.Atenção Primária à Saúde: É a assistência sanitária essencial baseada em métodos e tecnologias práticas, cientificamente fundados e socialmente aceitáveis, postos ao alcance de todos os indivíduos e famílias da comunidade mediante a sua plena participação e a um custo que a comunidade e o país possam suportar, em todas e cada etapa do seu desenvolvimento, com um espírito de autorresponsabilidade e autodeterminação. (Declaração de Alma-Ata - Organização Pan-Americana da Saúde, 2003)Harpagophytum: Gênero de plantas (família PEDALIACEAE) cujos membros contêm harpagosida.Pelve: Espaço ou compartimento rodeado pela cintura pélvica (pelve óssea). É subdividida em pelve maior e PELVE MENOR. A cintura pélvica é formada pelos OSSOS PÉLVICOS e o SACRO.Espondilose: Doença degenerativa da coluna vertebral que pode afetar qualquer parte das VÉRTEBRAS, o DISCO INTERVERTEBRAL, e o tecido mole circunjacente.Qualidade de Vida: Conceito genérico que reflete um interesse com a modificação e a aprimoramento dos componentes da vida, ex. ambiente físico, político, moral e social; a condição geral de uma vida humana.Retorno ao Trabalho: Retomada da rotina de trabalho normal seguida de um intervalo de ausência devido a um ferimento, incapacidade ou outros motivos.Traumatismos da Coluna Vertebral: Traumatismos envolvendo a coluna vertebral.Artralgia: Dor na articulação.Psicologia: A ciência voltada para o estudo dos processos mentais e do comportamento dos homens e animais.Laminectomia: Procedimento cirúrgico que recorre à remoção total (laminectomia) ou parcial (laminotomia) da lâmina vertebral selecionada para aliviar a pressão na MEDULA ESPINAL e/ou RAÍZES NERVOSAS ESPINHAIS. A lâmina vertebral é a parede posterior achatada e fina do arco vertebral que forma o forame vertebral através do qual passa a medula espinal e raizes nervosas.Injeções Intra-Articulares: Métodos de administração de drogas em um espaço articular.Estudos de Coortes: Estudos em que os subconjuntos de uma certa população são identificados. Estes grupos podem ou não ser expostos a factores hipotéticos para influenciar a probabilidade da ocorrência de doença em particular ou outros desfechos. Coortes são populações definidas que, como um todo, são seguidos de uma tentativa de determinar as características que distinguem os subgrupos.Aptidão Física: Habilidade de desempenhar tarefas diárias e atividades físicas em um estado altamente funcional, frequentemente como resultado de condicionamento físico.Equilíbrio Postural: POSTURA na qual é conseguida a distribuição ideal da massa corpórea. O equilíbrio postural provê a estabilidade na sustentação do corpo e condições para o funcionamento normal nas posições estática ou em movimento, tais como sentado, em pé ou durante o andar.Fibromialgia: Síndrome reumática comum, não articular, caracterizada por mialgia e pontos múltiplos de dor muscular focal à palpação (pontos desencadeantes). A dor muscular é tipicamente agravada por inatividade ou exposição ao frio. Este estado é frequentemente associado com sintomas gerais, como distúrbios do sono, fadiga, rigidez, CEFALEIAS e, ocasionalmente, DEPRESSÃO. Há uma sobreposição significativa entre fibromialgia e SÍNDROME DE FADIGA CRÔNICA. A fibromialgia pode surgir como um processo de doença primário ou secundário. É mais frequente em mulheres de 20 a 50 anos de idade. (Tradução livre do original: Adams et al., Principles of Neurology, 6a ed, p1494-95)Injeções Espinhais: Introdução de agentes terapêuticos na região espinal usando agulha e seringa.Discotomia Percutânea: Excisão percutânea de um DISCO INTERVERTEBRAL herniado ou deslocado pelo acesso póstero-lateral, sempre permanecendo do lado externo do canal espinhal. A nucleotomia percutânea foi primeiramente descrita por Hijikata, no Japão, em 1975. Em 1985 Onik introduziu uma nucleotomia percutânea automatizada que consiste na aspiração percutânea do núcleo pulposo. É feita sob anestesia local, reduzindo o insulto cirúrgico e requerendo hospitalização breve e geralmente sem hospitalização. Parece ser uma alternativa bem tolerada a discotomia cirúrgica e nucleólise por quimiopapaína.Discite: A inflamação de um DISCO INTERVERTEBRAL ou espaço de um disco que pode levar a uma erosão do disco. Até recentemente, discite definia-se como uma inflamação não bacteriana e tem sido atribuída a processos assépticos (p.ex., reação química a uma substância injetada). No entanto, estudos mais recentes fornecem evidência que a infecção pode ser uma causa inicial, porém não o agente promotor, da maioria dos casos de discite. Discite tem sido diagnosticada em pacientes após discografia, mielografia, punção lombar, injeção paravertebral e anestesia epidural obstétrica. Discite que se segue à quimionucleólise (especialmente com quimiopapaína) é atribuída à reação química por alguns e a introdução de microrganismos por outros.Militares: Pessoas (incluindo soldados) envolvidas com as forças armadas.Descompressão Cirúrgica: Operação cirúrgica para aliviar a pressão em um compartimento do corpo. (Dorland, 28a ed)Análise Custo-Benefício: Relação entre os benefícios gerados por um programa e seus custos. A razão benefício por custo é a medida do total esperado obtido por unidade de dinheiro dispendida.Exercícios de Alongamento Muscular: Exercícios que esticam as fibras musculares para aumentar a FLEXIBILIDADE entre o músculo e o tendão, melhorar a FAIXA DE MOVIMENTO ou a função musculosquelética e impedir lesões. Há várias técnicas de alongamento, incluindo a ativa, passiva (relaxada), estática, dinâmica (branda), balística (forçada), isométrica e outras.Local de Trabalho: Local ou localização física do trabalho ou emprego.Vértebras Torácicas: Grupo de doze vértebras conectadas às costelas que sustentam a região superior do tronco.Neoplasias da Coluna Vertebral: Tumores e neoplasias localizados na coluna vertebral.Esteroides: Grupo de compostos policíclicos bastante relacionados bioquimicamente com os TERPENOS. Incluem o colesterol, numerosos hormônios, precursores de certas vitaminas, ácidos biliares, álcoois (ESTERÓIS), e certas drogas e venenos naturais. Os esteroides têm um núcleo comum, um sistema fundido reduzido de anel com 17 átomos de carbono, o ciclopentanoperidrofenantreno. A maioria dos esteroides também tem dois grupos metilas e uma cadeia lateral alifática ligada ao núcleo.Método Duplo-Cego: Método de estudo sobre uma droga ou procedimento no qual ambos, grupos estudados e investigador, desconhecem quem está recebendo o fator em questão. (Tradução livre do original: Last, 2001)Músculos do Dorso: Musculatura do DORSO.Enfermagem: Campo da enfermagem voltado para a promoção, manutenção e restauração da saúde.Guias de Prática Clínica como Assunto: Orientações ou princípios apresentando regras de política atuais ou futuras para o praticante de cuidados de saúde, para assisti-lo nas decisões de cuidados ao paciente a respeito de diagnóstico, terapia ou circunstâncias clínicas relacionadas. Os guias podem ser desenvolvidos por agências governamentais em qualquer nível, instituições, sociedades profissionais, juntas governamentais ou reuniões de especialistas para discussão. Os guias formam a base para avaliação de todos os aspectos de cuidados e distribuição da saúde.Auxiliares de Enfermagem: Pessoal auxiliar que trabalha com a enfermeira universitária nas atividades de rotina.Terapia por Estimulação Elétrica: Aplicação de corrente elétrica no tratamento, sem geração de calor perceptível. Inclui estimulação elétrica de nervos ou músculos, passagem de corrente no corpo, ou o uso de corrente ininterrupta de baixa intensidade para elevar o limiar de dor da pele.Eletromiografia: Registro das alterações no potencial elétrico do músculo por meio de eletrodos de superfície ou agulhas.Modelos Logísticos: Modelos estatísticos de risco de um indivíduo (probabilidade de contrair uma doença) em função de um dado de fator de risco. O modelo logístico é um modelo linear para a logística (logaritmo natural dos fatores de risco) da doença como função de um fator quantitativo e é matematicamente equivalente ao modelo logístico.

*  Arquivos dor nas costas em mulher grávida - Vertebrata

... dor lombar dor na coluna dor na coluna cervical dor na coluna lombar dor na lombar dor nas costas dor no nervo ciático dor no ... Dor na lombar: como prevenir a dor na coluna e quando procurar um médico 13 de outubro de 2017 ... Posts com a Tag dor nas costas em mulher grávida. Dores nas Costas Durante a Gravidez. 14 de setembro de 2016 , sem comentário ... alongamento para coluna artrite reumatoide causas da hernia de disco causas da osteoporose causas dor nas costas cirurgia da ...
vertebrata.com.br/blog/tag/dor-nas-costas-em-mulher-gravida/

*  dores na lombar | Instituto Fisiologic

A dor lombar ou lombalgia ocorre na região mais baixa da coluna vertebral, perto da pelve, podendo ser aguda ou crônica. Se não ... instituto fisiologic fisioterapia fisioterapia especializada dores na coluna tratamento para coluna dor lombar tendão inflamado ... O melhor tratamento para dores na lombar Equipe de Comunicação Instituto Fisiologic 9 de fevereiro de 2017 ... tendinite fiosioterapia doenças crônicas dores na lombar reabilitação da coluna dores nas costa pilates osteopatia fabio ...
fisiologic.com.br/tag/dores-na-lombar/

*  ELABORAÇÃO DE UM PROGRAMA DE EXERCÍCIOS TERAPÊUTICOS DOMICILIARES PARA PACIENTES COM DOR LOMBAR CRÔNICA. | NovaFisio

... flexibilidade lombar e flexão lateral da coluna são indicadores de riscos biológicos nos episódios de dor lombar.. Um dado ... que apresentavam história de dor lombar por mais de 3 meses, que caracteriza a dor crônica, sem história de trauma ou ... ELABORAÇÃO DE UM PROGRAMA DE EXERCÍCIOS TERAPÊUTICOS DOMICILIARES PARA PACIENTES COM DOR LOMBAR CRÔNICA.. Por NovaFisio , em 15 ... Menezes6 relata que a dor lombar é comum entre as idades de 35 a 50 anos corroborando com a idade de nossa amostra.. Silva, ...
novafisio.com.br/elaboracao-de-um-programa-de-exercicios-terapeuticos-domiciliares-para-pacientes-com-dor-lombar-cronica/

*  Lombalgia - Encontrar

A lombalgia é a dor que ocorre nas região lombar inferior. A lombociatalgia é a dor lombar que se irradia para uma ou ambas as ... como profissional da enfermagem eu estava acostumada a lidar com a dor, porém, a dor dos outros e de repente a dor passou a ser ... como profissional da enfermagem eu estava acostumada a lidar com a dor, porém, a dor dos outros e de repente a dor passou a ser ... Somando-se a isso há inúmeras doenças sistêmicas não reumatológicas que podem manifestar-se com dor lombar. A maioria das dores ...
encontrar.org.br/lombalgia/

*  Dor nas costas | QuiroVida - Centro de Quiropraxia

A dor nas costas pode aparecer em qualquer ponto da coluna, desde o pescoço até a região lombar. Pode estar localizada em uma ... Quiropraxia Ajuste Quiroprático Ciática Coluna Vertebral Computador Câncer infantil Desvio da Coluna Dor dorsal Dor lombar Dor ... A dor nas costas pode aparecer em qualquer ponto da coluna, desde o pescoço até a região lombar. Pode estar localizada em uma ... A dor nas costas pode ser causada por múltiplos fatores, dentre os quais se incluem a degeneração das vértebras, a sobrecarga e ...
quirovida.com.br/dor-nas-costas

*  Dor lombar vs. Dor nos rins | eHow Brasil

Dor nos rins. Ao sentir dor nas costas, é normal a preocupação de estar sofrendo de infecção nos rins. Mas as duas condições ... Aprenda a distinguir a dor lombar de uma complicação nos rins (Stockbyte/Stockbyte/Getty Images) Ao sentir dor nas costas, é ... Dor lombar vs. Dor nos rins. Escrito por amy r. balfour , Traduzido por weber figueiredo ... Dor nas costas. Caso sinta um grande incômodo, uma dor que piora conforme se movimenta, provavelmente é dor nas costas. Este ...
ehow.com.br/dor-lombar-vs-dor-rins-fatos_84517/

*  Considerações da Lombociatalgia | MVS

a dor lombar é grande causa de morbidade e incapacidade, sendo sobrepujada apenas pelas cefaleias na escala dos distúrbios ... 3 - Dor em pacientes muito jovens(crianças) ou em idosos. Nos idosos deve-se suspeitar de tumores metastáticos( próstata e mama ... 2 - O diabetes pode ser responsável pela neuropatia periférica muitas vezes confundida com a dor ciática. O diabetes também ... Post anteriorLombociatalgias - Dores na coluna vertebral lombarPróximo postIsuficiências Orgânicas ocasionada pelo Computador ...
mvs.fst.br/?p=45

*  Novo Tratamento para lombalgias e dor nas costas

90% dos pacientes já sentem melhora da dor no pescoço ou dor lombar na primeira sessão. É importante passar em consulta com ... O tratamento para dor nas costas depende do que causou a dor. Se foi por um mal jeito, seja na cadeira, seja uma dor ao ... A parte da vertebra começa a sofrer como se você torcesse um pano, o que gera uma dor no encaixe da bacia com a coluna lombar. ... A Espondilólise funciona como se fosse uma fratura, em uma parte da coluna lombar que quase não se move, mas que gera dor de ...
osteon.com.br/website/index.php/10001-news/138-novo-tratamento-para-lombalgias-e-dor-nas-costas

*  Estudo sobre os fatores de risco das algias de coluna vertebral - Faça Fisioterapia

... à região lombar, que é a mais freqüentemente afetada pela dor. (1). A dor nas costas, especialmente a dor lombar baixa, ... 37-FREIRE, M. O efeito do condicionamento físico pela caminhada, na dor lombar crônica . São Paulo: Universidade Federal de São ... Estes sintomas também podem ser descritos através de terminologias como lombalgia ou dor lombar, embora estes termos se refiram ... A terminologia "dor nas costas" é utilizada para designar queixas de desconforto ou dor crônica na região da coluna vertebral. ...
facafisioterapia.net/2012/04/estudo-sobre-os-fatores-de-risco-das.html

*  Como alongar a coluna para reduzir dor nas costas | eHow Brasil

... mas nem todos percebem que se alongar pode também ser um bom meio de reduzir a dor nas costas. Mais do que isso, o alongamento ... Como alongar a coluna para reduzir dor nas costas. Praticamente todo mundo sabe dos benefícios de se alongar antes de fazer ... Exercícios de estabilização segmentar para dores na região lombar * Como alongar os tendões das pernas ... Como alongar a coluna para reduzir dor nas costas. Como alongar a coluna para reduzir dor nas costas. Escrito por ehow ...
ehow.com.br/alongar-coluna-reduzir-dor-nas-costas-como_83945/

*  Como evitar e até aliviar a dor nas costas durante a gravidez - Hapvida Planos de Saúde

Estas dores surgem sobretudo devido ao peso adicional que exerce uma pressão anormal sobre a zona lombar. E como a grávida vai ... Como evitar e até aliviar a dor nas costas durante a gravidez. Posted on 10F Y. 15F Y. by Paloma Almeida ... A mulher deve procurar ajuda médica se a dor nas costas permanecerem mesmo após todas as formas de a aliviar ou quando é tão ... Além disso, deve-se procurar o médico quando a dor nas costas surge de forma repentina ou é acompanhada de outros sintomas, ...
hapvidaplanosdesaude.com.br/blog/como-evitar-e-ate-aliviar-a-dor-nas-costas-durante-a-gravidez/

*  Dor lombar

... e Dor dorsal. Archivos etiquetados: Dor lombar Dor lombar e Dor dorsal. 19 maio, 2014 Publicado en: Noticias por ... Dor lombar e Dor dorsal. maio 19, 2014 4 A dor na região lombar e dor na região dorsal são como pão e manteiga para o ... A dor na região lombar e dor na região dorsal são como pão e manteiga para o profissional de Quiropraxia, já que esses são os ... Etiquetas: Ajuste de Quiropraxia, Dor dorsal, Dor lombar, Quiropraxista, Tratamento de Quiropraxia ...
quirovida.com.br/etiqueta/dor-lombar

*  Lumbago - Wikipedia

... a dor lombar no adolescente é incomum e com causas que devem ser investigadas cuidadosamente pelo médico ortopedista.. ... Os fatores que levam ao início da dor, bem como a natureza e a duração da dor, propiciam importantes evidências para a busca da ... Conhecida popularmente como dor nas costas, a lombalgia é uma das grandes causas de morbidade e incapacidade funcional, tendo ... A forma aguda é o "mau jeito". A dor é forte e aparece subitamente depois de um esforço físico. Ocorre na população mais jovem ...
https://pt.wikipedia.org/wiki/Lumbago

*  EFEITOS DO FORTALECIMENTO MUSCULAR SOBRE OS NÍVEIS DE DOR E INCAPACIDADE FUNCIONAL EM INDIVÍDUOS COM LOMBALGIA CRÔNICA - PDF

... p EFEITOS DO FORTALECIMENTO MUSCULAR SOBRE OS NÍVEIS DE DOR E INCAPACIDADE FUNCIONAL EM INDIVÍDUOS COM LOMBALGIA CRÔNICA ... Método Mckenzie Aplicado a Dor Lombar em Indivíduos com Idade entre 20 50 Anos Método Mckenzie Aplicado a Dor Lombar em ... INTRODUÇÃO A dor lombar é conceituada como toda condição de dor localizada na região inferior do dorso, em uma área situada ... Ayrton Caron Porto Alegre - RS Introdução - Estima-se que a dor lombar afete até 84% da população adulta. - Episódio de dor ...
docplayer.com.br/2910919-Efeitos-do-fortalecimento-muscular-sobre-os-niveis-de-dor-e-incapacidade-funcional-em-individuos-com-lombalgia-cronica.html

*  Dores de costas na gravidez? | SAPO Lifestyle

A dor nas costas durante a gravidez ocorre tipicamente na zona lombar e sagrada, e na articulação sacro-ilíaca (onde a pelvis ... A dor nas costas durante a gravidez ocorre tipicamente na zona lombar e sagrada, e na articulação sacro-ilíaca (onde a pelvis ... Mas a boa notícia é que existem alguns passos que pode seguir para aliviar a dor que tem sentido. 1. Melhore a sua postura. ... E UTERO Músculos fracos permitem um aumento da curvatura lombar e rotação da pélvis para a frente que podem provocar dor nas ...
lifestyle.sapo.pt/familia/gravidez/artigos/dores-de-costas-na-gravidez

*  Levantamento de carga e dor nas costas.

A compressão do disco entre as vértebras L5 e S1 é considerada como a principal causa de risco de dor lombar. ... Os sintomas dependem do local acometido (cervical ou lombar), no entanto, os mais comuns são: dor nas costas que pode se ... dor lombar), devido principalmente às posturas inadequadas assumidas pelos trabalhadores durante a realização destas atividades ... Levantamento de carga e dor nas costas. O que é o transporte manual de carga? A atividade de transporte manual de carga ...
worksafety.blogspot.com.br/2011/12/levantamento-de-carga-e-dor-nas-costas.html

*  Dor Lombar - Espondilite Anquilosante

... sofro com dor lombar a 6 anos ,(sou trabalhador braçal) desde então não sei o que é ter uma boa noite de sono, a dor não dá ... Os critérios clínicos são: 1) dor lombar de mais de três meses de duração, que melhora com o exercício e não é aliviada pelo ... Quadro Clínico - O sintoma inicial mais característico do paciente espondilítico costuma ser a dor lombar baixa de ritmo ... Na coluna lombar, a inspeção revela retificação e a palpação mostra espasmo muscular paravertebral. Na coluna dorsal, a ...
medicinageriatrica.com.br/2007/08/17/espondilite-anquilosante/

*  Arquivos dores nas costas tratamento - Vertebrata

... dores nas costas dor lombar dor na coluna dor na coluna cervical dor na coluna lombar dor nas costas dor no nervo ciático dor ... Você já pensou em viver sem dor nas costas? Sentir dor não é normal embora várias pessoas tenham se acostumado a isso, a dor é ... alongamento para coluna artrite reumatoide causas da hernia de disco causas da osteoporose causas dor nas costas cirurgia da ... Cervicalgia: saiba quais são os primeiros sinais e como tratar a dor no pescoço 4 de setembro de 2017 ...
vertebrata.com.br/blog/tag/dores-nas-costas-tratamento/

*  Tratamento para Dor lombar - Michelle Pontes

Por que o Método Mckenzie vem revolucionando o tratamento da dor lombar?. Dor Lombar. Características e estatísticas do ... O principal fator de sucesso do Método Mckenzie no tratamento da dor lombar se deve à grande maioria dos problemas lombares ... É a síndrome mais comum, podendo causar dor intensa local ou irradiada. ... Ocorre uma deformação mecânica causada por ruptura ou deslocamento dentro do segmento do movimento e resultando em dor e ...
https://michellepontes.com.br/2016/09/19/tratamento-para-dor-lombar/

*  Viva sem dor lombar | Instituto Fisiologic

... é uma dor que ocorre na parte mais baixa da coluna. Quando presente por mais de 3 meses é considerada crônica e pode estar ... Viva sem dor lombar. Por:Equipe de Comunicação Instituto Fisiologic Data: 15 de março de 2017 Em Tratamentos para a coluna 0 ... instituto fisiologic fisioterapia fisioterapia especializada dores na coluna tratamento para coluna dor lombar tendão inflamado ... Você está em:Home » Tratamentos para a coluna » Viva sem dor lombar ...
fisiologic.com.br/viva-sem-dor-lombar/

*  Fisioinforma: A Dor Lombar durante a Gravidez

... induzindo a dor lombar.. *Outros fatores de risco para dor lombar durante a gravidez incluem uma história prévia de lombalgia, ... A dor lombar é uma queixa comum que ocorre em 60-70% das mulheres grávidas. Esta pode começar a qualquer momento durante a ... Etiquetas: costas, dor, exercícios, fisioinforma, Fisioterapia, gestante, gravidez, João Maia, lombar, saúde da mulher, ... A origem exata da dor lombar durante a gravidez é desconhecida, mas existem fatores conhecidos que se crê contribuírem para o ...
fisioterapiajoaomaia.blogspot.com/2012/11/a-dor-lombar-durante-gravidez.html

*  Dor lombar crônica associada a alterações cerebrais| Boasaúde

24 de novembro de 2004 Bibliomed O papel da dor em condições de dor crônica permanece sendo pouco estudado Pesquisadores da ... Dor lombar crônica associada a alterações cerebrais. 24 de novembro de 2004 (Bibliomed). O papel da dor em condições de dor ... a morfologia dos cérebros de 26 pacientes portadores de dor lombar crônica ao cérebro de pessoas sem dor, e que apresentassem ... Vitamina D3 pode melhorar dor lombar crônica. *Problemas de memória não são um sinal normal do envelhecimento, alertam ...
boasaude.com.br/noticias/5554/dor-lombar-cronica-associada-a-alteracoes-cerebrais.html

*  José Maria Alves: DORES NAS PERNAS QUE FAZEM O PACIENTE COXEAR - HOMEOPATIA

DOR NAS COSTAS COM A SENSAÇÃO DE TER UM PESO PENDU.... *DOR MUITO FORTE, SACRO-LOMBAR, EM QUE O MENOR ESFO... ... DOR NAS COSTAS (LUMBAGO) PROVOCADA POR FRIO SECO E.... * ... DOR LOMBAR COMO SE TIVESSE FICADO MUITO TEMPO CURV.... *DOR NAS ... DOR COM RIGIDEZ NAS COSTAS, QUE AGRAVA QUANDO SENT.... * ... PONTADAS NA REGIÃO LOMBAR AO RESPIRAR - HOMEOPATIA.... *DOR NAS ... DOR NAS COSTAS QUE AGRAVA QUANDO SE APROXIMA UMA T.... * ... DOR NAS COSTAS COM MÚSCULOS SENSÍVEIS AO TOQUE E S.... *DOR NAS ...
josemariaalves.blogspot.pt/2010/10/dores-nas-pernas-que-fazem-o-paciente.html

*  CID-10 Capítulo XIII: Doenças do sistema osteomuscular e do tecido conjuntivo - Wikipedia

Dor lombar baixa (M54.6) Dor na coluna torácica (M54.8) Outra dorsalgia (M54.9) Dorsalgia não especificada (M60) Miosite (M60.0 ... Dor articular (M25.6) Rigidez articular não classificada em outra parte (M25.7) Osteofito (M25.8) Outros transtornos ... Dor em membro (M79.7) * Fibromialgia (M79.8) * Outros transtornos especificados dos tecidos moles (M79.9) * Transtorno dos ...
https://pt.wikipedia.org/wiki/CID-10_Capítulo_XIII:_Doenças_do_sistema_osteomuscular_e_do_tecido_conjuntivo

*  Mestrado em Fisioterapia, Universidade Federal de São Carlos, UFSCar. Vitória, ES - Brasil, - PDF

MODIFICAÇÕES NA FLEXIBILIDADE E NA FORÇA MUSCULAR EM PACIENTES COM DOR LOMBAR TRATADOS COM ISOSTRETCHING E RPG 25 a 28 de ... Outubro de 2011 ISBN 978-85-8084-055-1 MODIFICAÇÕES NA FLEXIBILIDADE E NA FORÇA MUSCULAR EM PACIENTES COM DOR LOMBAR TRATADOS ...
docplayer.com.br/1437238-Mestrado-em-fisioterapia-universidade-federal-de-sao-carlos-ufscar-vitoria-es-brasil-e-mail-alessandrapaiva2-yahoo-com.html

Lumbago: Denomina-se de Lombalgia ou Lumbago o conjunto de manifestações dolorosas que acontecem na região lombar, decorrente de alguma anormalidade nessa região. Conhecida popularmente como dor nas costas, a lombalgia é uma das grandes causas de morbidade e incapacidade funcional, tendo incidência apenas menor que a cefaléia entre os distúrbios dolorosos que mais acometem o homem.Dor crônica: A é uma dor relacionada a uma injúria recorrente ao organismo que já dura a pelo menos 3 meses.Doença não transmissível: Uma doença não-transmissível ou DNT; doenças não infecciosas; doenças crônicas não transmissíveis; doenças crônico degenerativas são terminologias usadas para definir grupos de patologias caracterizadas pela ausência de microrganismos, ou seja é uma doença não infecciosa, como também pelo longo curso clínico e irreversibilidade.Sacroileíte: A sacroileíte é uma lesão inflamatória das articulações sacroilíacas, que correspondem à ligação da parte inferior da coluna com a bacia. Tem por este nome pois nesta ligação existe a ligação articular do osso sacro da coluna vertebral e do osso ilíaco da bacia.Ergonomia: Ergonomia (ou "fatores humanos") é a disciplina científica relacionada ao entendimento das interações entre seres humanos e outros elementos de um sistema, e também é a profissão que aplica teoria, princípios, dados e métodos para projetar a fim de otimizar o bem-estar humano e o desempenho geral de um sistema.Estenose espinhalAcupuntura: A acupuntura (do latim acus - agulha e punctura - colocaçãoSUSSMANN, David. J.Grelhado: Grelhar é uma técnica culinária que consiste em cozinhar os alimentos em lume vivo, como no churrasco, ou dentro de um forno. O nome desta técnica vem da grelha, o utensílio culinário mais usado para esta forma de cozinhar.C. Aubrey SmithMecanoquímica: A Mecanoquímica é o ramo da Físico-Química que se ocupa do comportamento químico dos materiais sob o efeito de forças mecânicas. Uma definição mais antiga foi oferecida por Wilhelm Ostwald: A mecanoquímica é o estudo das relações entre as formas de energia mecânica com a energia química.Espondilolistese: Espondilolistese é o deslocamento anterior de uma vértebra ou da coluna vertebral em relação à vertebra inferior.TuningBritish United TractionRadiculopatia: A radiculopatia é o acometimento da raiz nervosa (L. radicula = pequena raiz; pathos = doença).ReflexoterapiaCadillac Ciel: O Cadillac Ciel é um carro conceito híbrido elétrico criada pla Cadillac e revelado no Pebble Beach Concours d'Elegance de 2011. O Cadillac Ciel tem 3,6-litros de injeção direta V6 twin-turbo com 425 cavalos de potênciaCiel concept car specs e um sistema híbrido usando bateria lítio-ion.Deficiência física: Deficiência física ou deficiência motora é uma limitação do funcionamento físico-motor de um ser humano ou animalhttp://pubsites.uws.Fita Kinésio: thumbAerofobia: Aerofobia (do grego άήρ, aer, "ar"; φόβος fobia "medo"), é o medo mórbido de estar ao ar livre ou exposto a correntes de ar. Este é a definição médica do termo "aerofobia".Lei de Reabilitação de 1973: A Lei de Reabilitação (Rehabilitation Act of 1973) é uma lei federal, codificada como 29 U.S.Psicofisiologia: Psicofisiologia também chamada de fisiopsicologia é o estudo das relações entre fenômenos psíquicos e fisiológicos.Anestésico local: ==Introdução==


inferior


  • Tem-se como lombalgia toda condição de dor localizada na região inferior do dorso, em uma área situada entre o último arco costal e a prega cutânea. (novafisio.com.br)
  • A lombalgia é a dor que ocorre nas região lombar inferior. (encontrar.org.br)
  • Muitas vezes, a dor ciática é o resultado de um nervo comprimido na zona inferior da coluna vertebral. (cuidadossaude.com)
  • A porção média e a inferior do canal lombar contém as raízes nervosas da chamada cauda eqüina. (wikipedia.org)
  • O manejo de uma carga pesada com a adoção de uma postura inadequada pelo trabalhador ocasiona a sobrecarga da coluna vertebral e um estresse físico aumentado na região lombar (parte inferior das costas). (blogspot.com.br)
  • Pode ocorrer ainda rigidez da nuca ou travamento da parte inferior das costas (lombar) em flexão, e dificuldade para caminhar. (blogspot.com.br)

cervical


  • A vértebra lombar apresenta um processo espinhoso não bifurcado, disposto em posição horizontal, com corpo maior quando comparada a vértebra cervical e a vértebra torácica, um processo transverso bem desenvolvido, chamado de processo acessório, e não possui forame no processo transverso e nem a fóvea costal. (wikipedia.org)
  • O canal vertebral contém a medula espinhal desde a porção cervical até a porção lombar alta. (wikipedia.org)
  • Os sintomas dependem do local acometido (cervical ou lombar), no entanto, os mais comuns são: dor nas costas que pode se espalhar para os braços ou pernas, formigamento, diminuição da sensibilidade e da força muscular dos membros (braços ou pernas). (blogspot.com.br)
  • O problema é mais frequente nas regiões lombar baixa e cervical baixa, por serem áreas mais expostas ao movimento e são submetidas a maior torque. (wikipedia.org)
  • na evolução, também aparecem o espasmo muscular paravertebral e as limitações funcionais, que contribuem para o desenvolvimento ela, "postura de esquiador", caracterizada pela retificação da coluna lombar, acentuação da cifose dorsal e retificação da coluna cervical projetada para frente. (medicinageriatrica.com.br)

pode ser


  • Esta dor pode ser sentida ao longo das pernas, e é muitas vezes sentida em apenas um lado do corpo. (cuidadossaude.com)
  • Sendo a parte posterior do disco intervertebral ricamente inervada e sendo uma estrutura profunda, nas situações que ocorrem a discalgia (dor discogênica) dependendo de qual disco é afetado, a referência da dor no corpo pode ser referida à distância. (wikipedia.org)

coluna lombar


  • Na coluna lombar, a inspeção revela retificação e a palpação mostra espasmo muscular paravertebral. (medicinageriatrica.com.br)

costas


  • A dor ciática surge justamente quando este nervo está inflamado, causando uma dor aguda que, em casos extremos, pode se estender por quase toda a perna e atingir as costas. (tudoporemail.com.br)
  • A mulher deve procurar ajuda médica se a dor nas costas permanecerem mesmo após todas as formas de a aliviar ou quando é tão intensa que a impede de dormir ou andar, por exemplo. (hapvidaplanosdesaude.com.br)
  • Além disso, deve-se procurar o médico quando a dor nas costas surge de forma repentina ou é acompanhada de outros sintomas, como enjoos ou falta de ar. (hapvidaplanosdesaude.com.br)
  • Conhecida popularmente como dor nas costas, a lombalgia é uma das grandes causas de morbidade e incapacidade funcional, tendo incidência apenas menor que a cefaléia entre os distúrbios dolorosos que mais acometem o homem. (wikipedia.org)
  • Levantamento de carga e dor nas costas. (blogspot.com.br)
  • A postura corporal mais comumente relacionada com o pegar ou manusear uma carga pesada é a que implica em curvar o tronco sem flexionar os joelhos, sendo esta a principal causa de dor nas costas. (blogspot.com.br)
  • O levantamento de carga de forma incorreta provoca a deformação do disco intervertebral, podendo causar hérnia de disco e, quando o disco deixa de funcionar corretamente como amortecedor, ocorre uma degeneração da articulação intervertebral (artrose) e a formação de osteófitos (bico de papagaio), ocasionando dor nas costas, principalmente a lombalgia. (blogspot.com.br)

estreitamento do canal


  • Pelo menos duas das possíveis causas de dor ciática são estruturais - estenose espinhal (um estreitamento do canal espinhal), e espondilolistese (uma "hérnia de disco", que se move para fora do alinhamento com os outros, e, assim, coloca pressão sobre os nervos adjacentes). (cuidadossaude.com)
  • Estenose lombar é o estreitamento do canal vertebral na região lombar. (wikipedia.org)

ocorre


  • Outra causa de dor ciática ocorre quando o músculo piriformus nas nádegas se torna demasiado apertado, aplicando assim pressão nos nervos ciáticos. (cuidadossaude.com)
  • A hérnia ocorre mais comumente na região lombar e no pescoço, pois são regiões que se movimentam mais e suportam mais peso. (blogspot.com.br)

aguda


  • Os mesmos medicamentos da fase aguda podem ser usados e em alguns casos há benefícios importantes com o uso de algunmas classes de antidepressivos em baixas doses para controle da dor. (encontrar.org.br)

seja


  • Achados anormais em um exame de imagem não necessariamente explicam a causa da dor, ou seja, pessoas sem qualquer sintoma podem apresentar em exames alterações estruturais na coluna que talvez nunca causarão dor ou outros sintomas assim como pessoas com sintomas de dor podem apresentar exames absolutamente normais. (encontrar.org.br)
  • A necessidade da mudança de hábitos de vida, seja em relação à atividade física, vícios posturais ou atitude passiva em relação à dor deve sempre ser orientada. (encontrar.org.br)
  • O tipo mais conhecido de lombalgia é a de origem mecânica-degenerativa, caracterizada por distúrbio e/ou alteração funcional, sendo que a dor por um problema mecânico é causada pelo encurtamento dos músculos posteriores, ou seja, os músculos da região lombar, músculos posteriores da coxa e os músculos da perna. (wikipedia.org)
  • Embora a ciática seja uma forma de dor relativamente comum, o verdadeiro significado do termo é muitas vezes mal compreendido. (wikipedia.org)

perna


  • Se a dor na perna diminuir, repita o exercício por mais duas vezes. (tudoporemail.com.br)
  • Muitas pessoas que têm dor ciática também tem dormência, fraqueza muscular, sensação de formigamento, e perna restrita e movimento lombar. (cuidadossaude.com)
  • A ciatalgia, também conhecida como ciática, é uma dor na perna devido à irritação ou compressão do nervo ciático. (wikipedia.org)
  • Para além da dor, pode haver entorpecimento e dificuldade de movimentação e controle da perna. (wikipedia.org)

canal


  • O canal estreito pode comprimir estas raízes e determinar sinais e sintomas neurológicos.Os sintomas da estenose lombar podem aparecer gradualmente ou desenvolver rapidamente. (wikipedia.org)

vertebral


  • A dor Ciática resulta de irritação ou compressão dos nervos ciáticos, localizados na base da coluna vertebral. (cuidadossaude.com)
  • O manuseio de carga com peso excessivo pelo trabalhador, especialmente o levantamento de carga, pode aumentar consideravelmente a incidência de lombalgia (dor lombar), devido principalmente às posturas inadequadas assumidas pelos trabalhadores durante a realização destas atividades, levando a um esforço muscular aumentado e a uma maior compressão entre as articulações da coluna vertebral. (blogspot.com.br)

baixa


  • Quadro Clínico - O sintoma inicial mais característico do paciente espondilítico costuma ser a dor lombar baixa de ritmo inflamatório, que melhora como movimento e piora com o repouso, apresentando rigidez matinal prolongada. (medicinageriatrica.com.br)

dorsal


  • A dor na região lombar e dor na região dorsal são como pão e manteiga para o profissional de Quiropraxia, já que esses são os problemas mais comuns que atingem as pessoas que frequentam a QuiroVida. (quirovida.com.br)

devido


  • Estas dores surgem sobretudo devido ao peso adicional que exerce uma pressão anormal sobre a zona lombar. (hapvidaplanosdesaude.com.br)

lidar com a dor


  • Sou Blogueira, motivada pelo diagnóstico da Artrite Reumatoide aos 26 anos, como profissional da enfermagem eu estava acostumada a lidar com a dor, porém, a dor dos outros e de repente a dor passou a ser minha companheira. (encontrar.org.br)
  • Os analgésicos, como a aspirina ou o ibuprofeno, muitas vezes permitem que quem sofre de dor ciática possa lidar com a dor, e se isso não funcionar analgésicos mais poderosos podem ser prescritos. (cuidadossaude.com)

maioria


  • Entre 65% e 80% da população mundial desenvolve dor na coluna em alguma etapa de suas vidas, mas na maioria dos casos há resolução espontânea. (encontrar.org.br)
  • Mas lembre-se, a maioria dos casos de dor ciática desaparece, e a maioria dos doentes de ciática recuperam em seis semanas. (cuidadossaude.com)

coxa


  • Por vezes, o paciente também refere dor de ritmo inflamatório nas nádegas e face posterior da raiz da coxa, suscitando diagnóstico diferencial com dor ciática. (medicinageriatrica.com.br)
  • Essa dor geralmente sente-se desde a parte posterior da coxa até à parte posterior da panturrilha, e pode se estender até aos quadris e aos pés. (wikipedia.org)

Aliviar a Dor


sintomas de dor


alguma


  • Denomina-se de Lombalgia ou Lumbago o conjunto de manifestações dolorosas que acontecem na região lombar, decorrente de alguma anormalidade nessa região. (wikipedia.org)

assim


  • A percepção e o relato da dor pelo paciente e o grau resultante de disfunção e incapacidade são dependentes desses fatores, assim como a resposta do paciente ao tratamento. (wikipedia.org)

causando


  • Caso contrário, os mesmos músculos ficam contraídos por muito tempo e acabam causando dor. (hapvidaplanosdesaude.com.br)
  • Ciática é a série de sintomas, e não o diagnóstico para o que está irritando o nervo e causando a dor. (wikipedia.org)

dolorosas


  • Uma das queixas dolorosas mais freqüentes na prática clínica é a dor lombar. (novafisio.com.br)

muscular


  • O uso contínuo pode levar à hipotrofia muscular gerando um círculo vicioso de dor. (encontrar.org.br)
  • O tratamento fisioterapêutico consiste basicamente de técnicas para diminuir a dor e exercícios específicos de alongamento e fortalecimento muscular. (blogspot.com.br)

sendo


  • O presente estudo teve como objetivo elaborar um programa de exercícios terapêuticos domiciliares para pacientes com dor lombar crônica, sendo composto por 12 exercícios selecionados após a avaliação do grau de facilidade e correta execução dos mesmos. (novafisio.com.br)

embora


  • Não há certeza de "cura" para a dor ciática, embora normalmente desapareça, dando tempo suficiente, descanso e exercícios de reabilitação. (cuidadossaude.com)

disco


  • Como existe um grande número de estruturas na coluna (ligamentos, tendões, músculos, ossos, articulações, disco intervertebral) há inúmeras causas diferentes para a dor. (encontrar.org.br)
  • A compressão do disco entre as vértebras L5 e S1 é considerada como a principal causa de risco de dor lombar. (blogspot.com.br)
  • Quando a causa é devida ao disco intervertebral lombar prolapsado ou com hérnia, pesquisas têm mostrado que em 90% dos casos há recuperação mesmo sem tratamento. (wikipedia.org)

desenvolver


  • A dor ciática pode desenvolver repentinamente ou ao longo de um período de tempo. (cuidadossaude.com)

pessoas com


  • Também mas raramente, as pessoas com dor ciática relatam uma incapacidade de dobrar os joelhos ou mover os seus pés e dedos. (cuidadossaude.com)

toda


  • Abaixe-se até que toda a região lombar toque a cama, como você vê na imagem acima. (tudoporemail.com.br)

nervo


  • A lombociatalgia é a dor lombar que se irradia para uma ou ambas as nádegas e/ou para as pernas na distribuição do nervo ciático. (encontrar.org.br)
  • Quando os músculos do quadril estão muito contraídos, eles podem causar dor no nervo ciático. (tudoporemail.com.br)
  • A dor é similar a choques rápidos e intensos ao longo do nervo. (wikipedia.org)

vezes


  • Se você sentir que essa posição alivia a dor em suas pernas, repita por mais três vezes. (tudoporemail.com.br)
  • Isso muitas vezes se sente um contra-senso para quem sofre de dor ciática, porque tudo o que eles querem fazer durante um ataque é ir para a cama e descansar até que desapareça. (cuidadossaude.com)

Aumentar


  • A dor pode parecer aumentar quando você se sentar ou ficar por longos períodos de tempo, ou quando tossir ou espirrar. (cuidadossaude.com)

paciente


  • O paciente, ao tentar levantar-se de um modo inclinado, sente como uma chicotada na região lombar, derrubando-o no chão. (wikipedia.org)

repentinamente


  • Inicia-se repentinamente e caracteriza-se pela intensidade da dor. (wikipedia.org)

anos


  • Através de revisão bibliográfica foram selecionados 33 exercícios terapêuticos que foram posteriormente aplicados a 15 voluntárias do sexo feminino, com idade entre 20 a 60 anos (χ = 40 +/- 11) com história de dor lombar crônica, sem orientação prévia sobre a execução, mas da metodologia de avaliação. (novafisio.com.br)

formigamento


alongamento


  • Esses exercícios de alongamento que você verá a seguir ajudam a afrouxá-los, diminuindo a dor. (tudoporemail.com.br)

intensa


  • a dor não é tão intensa, porém, é quase permanente, persistente durante três meses ou mais. (wikipedia.org)

fatores


  • O médico tem papel fundamental no diagnóstico e necessita sobretudo de uma história detalhada da dor, fatores associados e um exame físico meticuloso para um correto diagnóstico. (encontrar.org.br)
  • Os fatores que levam ao início da dor, bem como a natureza e a duração da dor, propiciam importantes evidências para a busca da provável causa. (wikipedia.org)

provoca


  • A densitometria é um exame usado na osteoporose, porém esta não provoca dor. (wikipedia.org)

Portanto


  • O calor pode ajudar a amenizar a dor ciática, portanto, banhos quentes ou aplicação de bolsas térmicas na região podem amenizar a dor. (wikipedia.org)

tratamento


estenose


  • http://www.sogab.com.br/anatomia/colunavertebraljonas.htm http://www.auladeanatomia.com/osteologia/caracteristicasregionais.htm http://www.vertebrata.com.br/regiao-lombar/anatomia http://www.herniadedisco.com.br/doencas-da-coluna/estenose-lombar/ ANATOMIA ORIENTADA PARA A CLÍNICA, Keith L. Moore. (wikipedia.org)

postura


  • Algumas dicas de prevenção para a dor ciática incluem a prática de esportes, manter a postura apropriada, usar sapatos adequados, dormir em colchões confortáveis e evitar o sobrepeso. (wikipedia.org)