Legionella pneumophila: Espécie de bactérias Gram-negativas aeróbias que é o agente causador da DOENÇA DOS LEGIONÁRIOS. Foi isolada de numerosos ambientes, assim como de tecido pulmonar, secreções respiratórias e sangue humanos.Legionella: Bacilos Gram-negativos aeróbios isolados da superfície da água, lama ou lagos e correntes termicamente poluídos. São patogênicos ao homem e não possuem fontes conhecidas no solo ou em animais.Doença dos Legionários: Pneumonia infecciosa do tipo bacteriana aguda e, às vezes fatal, caracterizada por febre alta, mal estar, dores musculares, dificuldades respiratórias e cefaleia. É denominada assim devido a um surto ocorrido na convenção dos Legionários Americanos na Filadélfia em 1976.Legionelose: As infecções por bactérias do gênero LEGIONELLA.Acanthamoeba castellanii: Espécie de amebas (família Acanthamoebidae) que vivem livremente na terra e podem causar ENCEFALITE e QUERATITE nos humanos.Hartmannella: Gênero de amebas de vida livre encontrado na água doce. Cistos geralmente atravessam o trato intestinal do homem sem causar danos, podendo portanto ser encontrado nas fezes. Ocasionalmente, estes organismos causam infecções do trato respiratório ou meningoencefalite generalizada fatal.Microbiologia da Água: Presença de bactérias, vírus e fungos na água. A expressão não se restringe [apenas] aos organismos patogênicos.Acanthamoeba: Gênero de amebas terrestres de vida livre que não possuem fase flagelada. Seus organismos são patógenos para diversas infecções em humanos e foram encontrados no olho, ossos, cérebro e trato respiratório.Engenharia Sanitária: Ramo da engenharia que estuda os projetos, a construção e manutenção de instalações ambientais ligadas à saúde pública ex. abastecimento de água e disposição de resíduos.Ar Condicionado: Manutenção de certos aspectos do ambiente dentro de um espaço definido para facilitar o desempenho da função daquele espaço; os aspectos controlados incluem temperatura e movimento do ar, nível de calor radiante, umidade e concentração de poluentes como pó, micro-organismos e gases.Abastecimento de Água: Meio ou processo de abastecimento de água (como para uma comunidade) que geralmente inclui reservatórios, túneis e tubulações e frequentemente a represa da qual a água provém. (Webster, 3d ed)Proteínas de Bactérias: Proteínas encontradas em qualquer espécie de bactéria.Proteínas rab1 de Ligação ao GTP: Subfamília de PROTEÍNAS RAB DE LIGAÇÃO AO GTP geneticamente relacionadas que estão envolvidas no transporte vesicular entre o RETÍCULO ENDOPLASMÁTICO e o APARELHO DE GOLGI, e através dos compartimentos iniciais do Golgi. Esta enzima foi anteriormente classificada como EC 3.6.1.47.Legionellaceae: Família de bactérias Gram-negativas aeróbias que não formam endosporos ou microcistos.Amoeba: Gênero de protozoários ameboides. Suas características incluem núcleo vesicular e a formação de diversos lodópodes, um dos quais é predominante em determinado período de tempo. Reprodução ocorre assexuadamente por fissão binária.Imunofilinas: Membros de uma família de proteínas altamente conservadas que são todas PEPTIDILPROLIL ISOMERASE cis-trans. Ligam-se aos fármacos imunossupressores CICLOSPORINA, TACROLIMUS e SIROLIMUS. Possuem atividade de rotamase, que é inibida pelos fármacos imunossupressores que se ligam a elas.Sorotipagem: Processo de determinação e de distinção de espécies de bactérias ou vírus baseado em antígenos que apresentam.Proteína Inibidora de Apoptose Neuronal: Proteína inibidora de apoptose que foi inicialmente identificada durante a análise de deleções cromossômicas associadas com a ATROFIA MUSCULAR ESPINHAL. A Pian (naip) contém um domínio de oligomerização de ligação com um nucleotídeo e um carboxi-terminal rico em LEUCINA repetitiva.Macrófagos: Células fagocíticas dos tecidos dos mamíferos, relativamente de vida longa e originadas dos MONÓCITOS. Os principais tipos são os MACRÓFAGOS PERITONEAIS, MACRÓFAGOS ALVEOLARES, HISTIÓCITOS, CÉLULAS DE KUPFFER do fígado e os OSTEOCLASTOS. Os macrófagos, dentro das lesões inflamatórias crônicas, se diferenciam em CÉLULAS EPITELIOIDES ou podem unir-se para formar CÉLULAS GIGANTES DE CORPO ESTRANHO ou CÉLULAS GIGANTES DE LANGHANS. (Tradução livre do original: The Dictionary of Cell Biology, Lackie and Dow, 3rd ed.)Fagossomos: Vesículas citoplasmáticas limitadas por membrana formadas pela invaginação de material fagocitado. Estas vesículas se fundem com os lisossomos para formar os fagolisossomos, nos quais as enzimas hidrolíticas do lisossomo digerem o material fagocitado.Camundongos Endogâmicos ABanhos: Imersão ou lavagem do corpo ou de quaisquer de suas partes, em água ou outro meio, para limpeza ou tratamento médico. Abrange banhos para higiene pessoal, bem como para propósitos médicos com a adição de substâncias terapêuticas, tais como agentes alcalinos, antissépticos, óleos, etc.DNA Bacteriano: Ácido desoxirribonucléico que forma o material genético de bactérias.Contagem de Colônia Microbiana: Enumeração por contagem direta de CÉLULAS ou ESPOROS viáveis isolados de bactérias, archaea ou fungos capazes de crescerem em MEIOS DE CULTURA sólidos. O método é usado rotineiramente por microbiologistas ambientais para quantificar organismos no AR, ALIMENTOS E ÁGUA; por clínicos, para medir a resistência microbiana dos pacientes e no teste de medicamentos antimicrobianos.Células U937: Linhagem celular humana estabelecida a partir de um LINFOMA HISTIOCÍTICO DIFUSO e que exibe muitas características monocíticas. Funciona como um modelo in vitro para o estudo da diferenciação de MONÓCITOS e MACRÓFAGOS.Amébidos: Ordem de protozoários ameboides comumente uninucleados e que possuem mitocôndria. A maioria dos organismos é não patogênica.Legionella longbeachae: Espécie de bactérias Gram-negativas, aeróbias do gênero LEGIONELLA, primeiro isolada em Long Beach, Califórnia. A infecção está associada ao uso de SOLO de vasos.Vacúolos: Qualquer dos espaços ou cavidades no interior de uma célula. Os vacúolos podem funcionar na digestão, armazenamento, secreção ou excreção.Antígenos de Bactérias: Substâncias elaboradas pelas bactérias, que apresentam atividade antigênica.Virulência: Grau de patogenicidade dentro de um grupo ou espécies de micro-organismos ou vírus, conforme indicado pela taxa de fatalidade dos casos e/ou pela capacidade do organismo invadir os tecidos do hospedeiro. A capacidade patogênica de um organismo é determinada por seus FATORES DE VIRULÊNCIA.Meios de Cultura: Qualquer preparação líquida ou sólida preparada especificamente para o crescimento, armazenamento ou transporte de micro-organismos ou outros tipos de células. A variedade de meios existentes (como os meios diferenciados, seletivos, para teste, e os definidos) permite o cultivo de micro-organismos e tipos celulares específicos. Os meios sólidos são constituídos de meios líquidos que foram solidificados com um agente como AGAR ou GELATINA.Anticorpos Antibacterianos: Imunoglobulinas produzidas em resposta a ANTÍGENOS DE BACTÉRIAS.Genes Bacterianos: Unidades hereditárias funcionais das BACTERIAS.Cobaias: Nome popular utilizado para o gênero Cavia. A espécie mais comum é a Cavia porcellus, que é o porquinho-da-índia, ou cobaia, domesticado e usado como bicho de estimação e para pesquisa biomédica.Carvão Vegetal: Forma amorfa de carbono preparada a partir da combustão incompleta de material combustível de origem animal ou vegetal, por exemplo, madeira. O carvão vegetal ativado é utilizado no tratamento de intoxicações. (Tradução livre do original: Grant & Hackh's Chemical Dictionary, 5th ed)Serviço Hospitalar de Engenharia e Manutenção: Serviço hospitalar cuja função básica é a conservação dos edifícios e suas áreas e a manutenção da planta física e equipamentos que demandem conhecimento de engenharia.Flagelina: Proteína com peso molecular de 40.000 Da isolada de bactérias flageladas. Sob pH e concentração de sais apropriados, três monômeros de flagelinas podem reagregar-se espontaneamente para formar estruturas que parecem idênticas ao flagelo intacto.Regulação Bacteriana da Expressão Gênica: Qualquer dos processos pelos quais os fatores citoplasmáticos ou intercelulares influem no controle diferencial da ação gênica nas bactérias.Testes de Aglutinação: Testes dependentes na aglomeração de células, micro-organismos ou partículas quando misturados com antissoro específico.Dados de Sequência Molecular: Descrições de sequências específicas de aminoácidos, carboidratos ou nucleotídeos que apareceram na literatura publicada e/ou são depositadas e mantidas por bancos de dados como o GENBANK, European Molecular Biology Laboratory (EMBL), National Biomedical Research Foundation (NBRF) ou outros repositórios de sequências.Pneumonia Bacteriana: Inflamação do parênquima pulmonar causada por infecções bacterianas.Abscesso Pulmonar: Coleções solitárias ou múltiplas de PUS dentro do parênquima pulmonar como consequência de infecção por bactéria, protozoário ou outros agentes.Cloro: Gás amarelo-esverdeado, diatômico, membro da família dos elementos halogênios. Possui símbolo atômico Cl, número atômico 17 e peso atômico 70,906. É um poderoso irritante que pode causar edema pulmonar fatal. O cloro é utilizado industrialmente como reagente na química sintética, para purificação da água e na produção da cal clorada utilizada na fabricação de alvejantes.Técnicas Bacteriológicas: Técnicas usadas para estudar as bactérias.Eritromicina: Macrolida antibiótica bacteriostática produzida por Strepmyces erythreus. A eritromicina A é considerada seu componente mais ativo. Em organismos sensíveis inibe a síntese proteica por ligação às subunidades ribossômicas 50S. Este processo de ligação inibe a atividade da peptidil transferase e interfere com a translocação de aminoácidos durante a tradução e produção de proteínas.Peptidilprolil Isomerase: Enzima que catalisa a isomerização de resíduos de prolina no interior das proteínas. EC 5.2.1.8.Imunofluorescência: Teste para antígeno tecidual utilizando um método direto, por conjugação de anticorpo e pigmento fluorescente (TÉCNICA DIRETA DE FLUORESCÊNCIA PARA ANTICORPO) ou um método indireto, pela formação do complexo antígeno-anticorpo que é então ligado a uma fluoresceína conjugada a um anticorpo anti-imunoglobulina (TÉCNICA INDIRETA DE FLUORESCÊNCIA PARA ANTICORPO). O tecido é então examinado por microscopia de fluorescência.Fatores de Virulência: Componentes de um organismo que determinam sua capacidade para provocar doença, mas não são necessários para sua viabilidade. Tem sido caracterizadas duas classes: TOXINAS BIOLÓGICAS e moléculas de adesão de superfície que executam a capacidade do micro-organismo invadir e colonizar um hospedeiro. (Tradução livre do original: From Davis et al., Microbiology, 4th ed. p486)Microbiologia Ambiental: Estudo dos micro-organismos que vivem em diferentes ambientes (ar, solo, água, etc.) e sua relação patogênica com outros organismos inclusive o ser humano.Sistemas de Secreção Bacterianos: Em BACTÉRIAS GRAM-NEGATIVAS, complexos multiproteicos que funcionam para translocar moléculas proteicas efetoras dos patógenos pelo envelope da célula bacteriana, frequentemente diretamente dentro do hospedeiro. Esses efetores estão envolvidos na produção de estruturas superficiais para adesão, motilidade bacteriana, manipulação de funções do hospedeiro, modulação de respostas de defesa do hospedeiro e outras funções que facilitam a sobrevivência do patógeno. Vários dos sistemas contêm componentes homólogos que funcionam de maneira similar em BACTÉRIAS GRAM-POSITIVAS.Instituições Odontológicas: Utilizado para material em instituições odontológicas em geral ou para as quais não há nenhum título específico.Retículo Endoplasmático Rugoso: Tipo de retículo endoplasmático (RE) no qual polirribossomos estão presentes nas superfícies citoplasmáticas das membranas do RE. Esta forma de RE manifesta-se em células especializadas em secreção de proteínas, e sua principal função é segregar proteínas que serão destinadas para fora da célula ou para a utilização intracelular.Coxiella burnetii: Espécie de bactéria Gram-negativa que cresce preferencialmente nos vacúolos da célula hospedeira. É o agente etiológico da FEBRE Q.Interações Hospedeiro-Patógeno: Interações entre um hospedeiro e um patógeno, geralmente resultando em doença.Técnicas de Tipagem Bacteriana: Procedimentos para identificação de tipos e variedades de bactérias. Os sistemas de tipagem mais frequentemente empregados são TIPAGEM DE BACTERIÓFAGO e SOROTIPAGEM bem como tipagem de bacteriocinas e biotipagem.Pulmão: Cada um dos órgãos pareados que ocupam a cavidade torácica que tem como função a oxigenação do sangue.Equipamentos Odontológicos: Itens não consumíveis utilizados pelo dentista ou equipe dentária no desempenho das obrigações profissionais.Poluição da Água: Contaminação de corpos d'água (como LAGOS, RIOS, OCEANOS E MARES e ÁGUAS SUBTERRÂNEAS).Lisofosfolipase: Enzima que catalisa a hidrólise de uma única ligação éster de ácido graxo nos lisoglicerofosfatidatos, com a formação de gliceril fosfatidatos e um ácido graxo. EC 3.1.1.5.Especificidade da Espécie: Restrição de um comportamento característico, estrutura anatômica ou sistema físico, como resposta imunológica, resposta metabólica ou gene ou variante gênico dos membros de uma espécie. Refere-se às propriedades que diferenciam uma espécie de outra, mas também se usa para níveis filogenéticos superiores ou inferiores ao nível de espécie.Aerossóis: Coloides com uma fase de dispersão gasosa e outra fase de dispersão líquida (nevoeiro) ou sólida (fumaça). Usados em fumigação ou em terapia por inalação. Podem conter agentes propelentes.Balneologia: Terapia pelo uso de vários banhos quentes ou mornos em águas minerais naturais, balneários ou curas. Abrange não só banhos, mas também a ingestão das águas, mas não inclui banhos em redemoinhos de água (HIDROTERAPIA).Análise de Sequência de DNA: Processo de vários estágios que inclui clonagem, mapeamento físico, subclonagem, determinação da SEQUÊNCIA DE DNA e análise de informação.Reação em Cadeia da Polimerase: Método in vitro para produção de grandes quantidades de DNA específico ou fragmentos de RNA de comprimento definido de pequenas quantidades de oligonucleotídeos curtos de sequências flanqueantes (iniciadores ou "primers"). O passo essencial inclui desnaturação térmica de moléculas alvo da dupla fita, reassociação dos primers a suas sequências complementares e extensão do iniciador reassociado pela síntese enzimática com DNA polimerase. A reação é eficiente, específica e extremamente sensível. A utilização da reação inclui diagnóstico de doenças, detecção de patógenos difíceis de se isolar, análise de mutações, teste genético, sequenciamento de DNA e análise das relações evolutivas.Água Potável: 1)Água que pode ser ingerida (MeSH). 2)Aquela água cuja qualidade é adequada ao consumo humano, atendendo ao conjunto de características biofísico-químicas essenciais à vida.Desinfecção: Procedimento(s) que permitem tornar patógenos inofensivos através do uso de calor, de antissépticos, de agentes antibacterianos, etc.

*  Pneumonia bacteriana - Wikipedia

Legionella pneumophila - eritromicina e rifampicina. WebMD. «Bacterial Pneumonia» http://www.webmd.com/lung/bacterial-pneumonia ... influenzae Klebsiella pneumoniae Chlamydia trachomatis Mycoplasma pneumoniae Chlamydophila pneumoniae Legionella pneumophila Os ...

*  Galleria mellonella - Wikipedia

Use of Galleria mellonella as a Model Organism to Study Legionella pneumophila Infection». Journal of Visualized Experiments ( ...

*  Medicina, Mitos & Verdades | O QUE É LÚPUS?

Legionella pneumophila PRESSÃO ALTA TEM SINTOMA? Causas, consequências e tratamento da hipertensão arterial ...

*  Legionellales - Wikipedia

Por exemplo, a febre Q é causada pela Coxiella burnetii e o Legionella pneumophila causa a doença do legionário. George M. ... Que incluem duas famílias, tipificadas por Legionella e Coxiella, respectivamente, ambas as quais incluem agentes patogênicos ...

*  Fagócito - Wikipedia

A Legionella pneumophila produz secreções que causam que o fagossoma se fundam com vesículas que não as que contêm substâncias ... of Phagosome Lysosome Fusion and Establishment of a Replicative Organelle by the Intracellular Pathogen Legionella pneumophila ...

*  Pneumonia atípica - Wikipedia

Legionella pneumophila ou Coxiella sp. Somadas respondem por cerca de 30% dos casos de pneumonia. Cada uma tem suas ...

*  SETRI: 11/01/2014 - 12/01/2014

A INFEÇÃO POR LEGIONELLA PNEUMOPHILA E O DIAGNÓSTICO LABORATORIAL A infeção pela bactéria legionella pneumophila pode causar a ... LEGIONELLA EM PORTUGAL, POSSÍVEL CRIME AMBIENTAL LEGIONELLA EM PORTUGAL :. O país vive há quatro dias alarmado com o surto de ... O tratamento da legionella pneumophila é realizado com recurso a antibióticos, não existindo vacina de prevenção. Geralmente o ... A história do quarto maior surto do mundo de legionella O país vive há quatro dias alarmado com o surto de legionella que tirou ...

*  Ácido fusídico - Wikipedia

Legionella pneumophila e Bacteroides fragilis). É activo in vitro e clinicamente contra Mycobacterium leprae mas possui apenas ...

*  Eritromicina - Wikipedia

Legionella pneumophila, em uretrites não gonocócitas e no acne vulgaris. A eritromicina é habitualmente bacteriostática, mas em ...

*  ZYMAR - Bula ZYMAR

Outros microorganismos: Chlamydia pneumoniae, Legionella pneumophila, Mycobacterium marinum, Mycobacterium fortuitum, ...

*  Pneumonia - Causas

Outro tipo de pneumonia bacteriana chamada pneumonia at pica, a qual inclui: Legionella pneumophila, Mycoplasma pneumonia e ...

*  Acetilespiramicina - Wikipedia

Legionella pneumophila Toxoplasma gondii HERRERA, Joaquin. Elsevier, ed. Manual de farmacia clinica y Atencion Farmaceutica. ...

*  Legionella - Wikipedia

Legionella pneumophila Legionella quateirensis Legionella quinlivanii Legionella rowbothamii Legionella rubrilucens Legionella ... Legionella adelaidensis Legionella anisa Legionella beliardensis Legionella birminghamensis Legionella bozemanae Legionella ... Legionella jeonii Legionella jordanis Legionella lansingensis Legionella londiniensis Legionella longbeachae Legionella lytica ... Legionella maceachernii Legionella massiliensis Legionella micdadei Legionella monrovica Legionella moravica Legionella ...

*  Doença dos legionários - Wikipedia

... geralmente originando uma pneumonia atípica provocada pela espécie Legionella pneumophila ou uma infecção mais benigna e leve, ... Em novembro de 2014 ocorreu um surto de legionella em Portugal . Por inalação de vapor de água ou poeira contendo Legionella ... A Legionella pneumophyla é um bacilo pleomórfico gram-negativo aeróbico, imóvel, catalase positiva, com cerca de meio ... A Febre de Pontiac é uma infecção rara por Legionella, tipo gripe não pneumônica, caracterizada por sintomas como febre, ...

*  Azitromicina - Wikipedia

Legionella pneumophila, Bordetella pertussis, Bordetella parapertussis, Shigella sp, Pasteurella sp, Vibrio cholerae e ...

*  Bactéria gram-negativa - Wikipedia

... aeruginosa e Moraxella catarrhalis Xanthomonadaceae como Stenotrophomonas maltophilia Legionellales como Legionella pneumophila ...

*  Levofloxacina - Wikipedia

... pyogenes Enterobacter cloacae Klebsiella pneumoniae Pseudomonas aeruginosa Escherichia coli Legionella pneumophila Serratia ...

*  Sintomas da pneumonia e como tratar seus diferentes tipos

A pneumonia bacteriana também pode ser causada por pneumonia por Chlamydophila ou Legionella pneumophila. Esse tipo de ...

*  24Sun - Energias Renováveis - Solar Fotovoltaica - Solar Térmica - Piso Radiante › FAQs

Posteriormente, identificou-se a bactéria que causa a doença e denominou-se como Legionella pneumophila. Será esta uma nova ...

*  biodisponibilidade - A sua Medicina em Casa

No tratamento da pneumonia por Legionella pneumophila, o tratamento deve prolongar-se por 10 dias. Está ainda aprovada para a ... A sua actividade contra organismos intracelulares tais como a L. pneumophila e Chlamydophila spp. é sobreponível à da ...

*  Interação Medicamentosa: Macrolídeos e Alergia à Penicilina

Legionella pneumophila, Chlamydia spp.).. Fonte: ANVISA (Antimicrobianos - Bases Teóricas e Uso Clínico) ...

*  Pneumonia e outras infecções pulmonares - Joel T. Katz | MedicinaNET

Dentre as bactérias causadoras de pneumonia, Legionella pneumophila é a espécie mais propensa à disseminação por inalação de ... Foram identificados os fatores de virulência de L. pneumophila e várias enzimas secretadas pelo organismo. L. pneumophila ... Diferente de L. pneumophila, L. micdadei é suscetível às penicilinas e cefalosporinas in vitro. Entretanto, não há dados sobre ... Na natureza, L. pneumophila sobrevive principalmente na água e, em menor extensão, no solo. A doença humana é adquirida ...

*  Centro de Saúde de Ponte de Sor: 3/mar/2010

São conhecidas 48 espécies, das quais 18 já foram associadas a doença no Homem, a mais frequente é Legionella Pneumophila. As ... A legionella tem ainda a capacidade de se reproduzir a temperaturas elevadas (32º a 42ºC) e transmite-se por inalação. ... As legioneloses são infecções por Legionella, que podem ir da Doença dos Legionários na sua forma mais severa á simples febre ... a que foi dado o nome de Legionella. ...

*  Centro de Saúde de Ponte de Sor: 03/01/2010 - 04/01/2010

São conhecidas 48 espécies, das quais 18 já foram associadas a doença no Homem, a mais frequente é Legionella Pneumophila. As ... A legionella tem ainda a capacidade de se reproduzir a temperaturas elevadas (32º a 42ºC) e transmite-se por inalação. ... As legioneloses são infecções por Legionella, que podem ir da Doença dos Legionários na sua forma mais severa á simples febre ... a que foi dado o nome de Legionella. ...

*  17/09/2015 - Cantora do Araguaia continua na UTI em Goiânia :: O Repórter do Araguaia

A pneumonia atípica é uma infecção pulmonar causada por agentes como Mycoplasma pneumoniae, Legionella pneumophila ou ...

Legionella pneumophila: Legionella pneumophila é uma bactéria pleomórfica, flagelada, Gram negativa do género Legionella.Coliforme fecal: Coliformes fecais, atualmente chamado de coliformes termotolerantes, são bactérias que estão presentes em grandes quantidades no intestino dos animais de sangue quente.Encanamento: Encanamento ou canalização é a construção ou estrutura de transporte de algo através de tubos ou canos. O cano tem que ser de um material resistente o suficiente para aguentar a pressão do material transportado, que geralmente é líquido.Máquina frigorífica: Uma máquina frigorífica é um tipo de máquina térmica geradora que transforma algum tipo de energia, habitualmente mecânica, em energia térmica para obter e manter em um recinto uma temperatura menor que a temperatura exterior. A energia mecânica necessária pode ser obtida previamente a partir de outro tipo de energia, como a energia elétrica mediante um motor elétrico.Rede de abastecimento de águaMovimento ameboide: O movimento ameboide ocorre em células de protozoários, como as amebas, e em células animais, como os macrófagos e leucócitos. Esse movimento consiste na formação de um pseudópode e estar intimamente relacionado com a fagocitose (englobamento de partículas sólidas).Fagolisossoma: Um fagolisossoma é um organelo membranar que se forma quando um fagossoma se funde com um lisossoma. após a fusão, as partículas alimentares ou os agentes patogénicos contidos dentro do fagossoma são normalmente digeridos por enzimas contidas no lisossoma.Chuveiro: Chuveiro (também chamado de ) é o nome pelo qual é chamado a terminação da rede de água numa residência, com orifícios pequenos que possibilitam sua dispersão e assim molhar uma maior área de modo uniforme, e destinada ao banho e higiene pessoais. Há uma diferenciação entre "tomar uma ducha" e "tomar um banho", no qual o primeiro não se faz necessário o uso de sabonete.Virulência: Virulência é a capacidade infecciosa de um microrganismo, medida pela mortalidade que ele produz e/ou por seu poder de invadir tecidos do hospedeiro. Dependendo da vida hostilizada e enormemente lascerada no caminho da vida.Suicídio por queima de carvãoPneumonia bacterianaAbscesso pulmonarMonóxido de cloroHalofilia: Dizem-se halófilos (do grego halo - sal + filo - amigo) os organismos extremófilos que podem desenvolver-se em ambiente com muito altas concentrações de sal. Embora o termos seja provavelmente mais frequentemente aplicado a alguns halófilos classificados no domínio Archaea, existem também bactérias halófilas e alguns eucariontes, como a alga Dunaliella salina.Secreção: Em fisiologia, a secreção é o meio através do qual as células descarregam substâncias que produziram internamente para o meio externo. Nos seres humanos e animais, a secreção serve como meio que o corpo possui lançar produtos celulares com importância funcional para fora das células secretoras.Coxiella: Coxiella é um gênero de gammaproteobacteria, cocobacilar, pleomórfica, Gram-negativa. Seu principal representante é a Coxiella burnetii, causadora da febre Q em humanos e animais domésticos, um patógeno intracelular obrigatório bifásico, que completa o seu ciclo de desenvolvimento dentro dos fagossomas de células fagocitárias (como macrófagos).Explorador dental: [No. 23]Aerossolização: Aerossolização é a dispersão no ar de um material líquido ou solução. Geralmente por razões terapêuticas (spray) e intencionais ou como inevitável e não intencional de um dispositivo de irrigação.Balneoterapia: A balneoterapia é uma forma de tratamento de doenças por meio de banhos. De origem antiga, Hipócrates, Platão, Galeno e Celso, já se referiam ao banho para fins terapêuticos.Método de Sanger: O método de Sanger é procedimento tradicional sequenciamento de DNA, foi desenvolvido por Frederick Sanger e colaboradores na década de 70 e consiste na adição de nucleotídeos modificados, chamados didesoxiribonucleotídeos, que impedem o crescimento de um fragmento de DNA em replicação pela DNA polimerase após sua adição. Tem sido largamente utilizado por centros de pesquisa ao redor do globo.Sólidos suspensos: Os sólidos suspensos, referem-se a pequenas partículas sólidas que se mantém em suspensão em água, como um colóide ou devido ao movimento da água. É utilizado como um indicador da qualidade da água.


Mycoplasma

  • Dentre as bactérias pode ser causada por Mycoplasma pneumoniae, Chlamydia pneumoniae, Chlamydophila psittaci (= Chlamydia psittaci), Legionella pneumophila ou Coxiella sp. (wikipedia.org)
  • A eritromicina é utilizada frequentemente em infecções por Streptococcus, Haemophilus influenzae, Mycoplasma pneumoniae, Legionella pneumophila, em uretrites não gonocócitas e no acne vulgaris. (wikipedia.org)
  • Outro tipo de pneumonia bacteriana chamada pneumonia at pica, a qual inclui: Legionella pneumophila, Mycoplasma pneumonia e Chlamydophila pneumoniae. (copacabanarunners.net)
  • Gram-positivas Staphylococcus aureus Staphylococcus epidermidis Staphylococcus citreus Streptococcus pyogenes Streptococcus faecalis Streptococcus viridans Streptococcus pneumoniae Clostridium tetanii Corynebacterium diphtheriae Bacillus anthracis Bacillus subtilis Gram-negativas Bordetella pertussis Haemophilus influenzae Neisseria gonorrhoeae Neisseria meningitidis Outros Clamidias (Chlamydia trachomatis) Micoplasmas (Mycoplasma pneumoniae) Espiroquetas (Treponema pallidum) Rickettsias, Legionella pneumophila Toxoplasma gondii HERRERA, Joaquin. (wikipedia.org)

Chlamydophila

  • A pneumonia bacteriana também pode ser causada por pneumonia por Chlamydophila ou Legionella pneumophila. (dicassobresaude.com)

Moraxella

  • Não tem actividade útil contra enterococos ou a maioria das bactérias gram-negativas (excepto Neisseria, Moraxella, Legionella pneumophila e Bacteroides fragilis). (wikipedia.org)

pneumonia

  • Christchurch Hospital admitted ten cases of legionella pneumonia and at least one of these required treatment in intensive care. (blogspot.com)
  • Legionelose ou doença dos legionários é uma doença causada por bactérias do gênero Legionella, geralmente originando uma pneumonia atípica provocada pela espécie Legionella pneumophila ou uma infecção mais benigna e leve, designada Febre de Pontiac. (wikipedia.org)

Coxiella

  • Que incluem duas famílias, tipificadas por Legionella e Coxiella, respectivamente, ambas as quais incluem agentes patogênicos notáveis. (wikipedia.org)
  • Por exemplo, a febre Q é causada pela Coxiella burnetii e o Legionella pneumophila causa a doença do legionário. (wikipedia.org)

inclui

  • O género Legionella é um grupo de bactérias Gram-negativas patogénicas, que inclui a espécie Legionella pneumophila, que causa a doença do legionário (todas as doenças causadas por Legionella) e uma doença semelhante a gripe denominada febre de Pontiac. (wikipedia.org)

febre

  • A Febre de Pontiac é uma infecção rara por Legionella, tipo gripe não pneumônica, caracterizada por sintomas como febre, tremores, mal-estar e dores de cabeça e musculares mas sem complicações. (wikipedia.org)

muitos

  • Legionella é comum em muitos ambientes, incluindo o solo e sistemas aquáticos, possuindo pelo menos 50 espécies e 70 serotipos identificados. (wikipedia.org)
  • A inalação de água contaminada com muitos tipos diferentes de bactérias, incluindo espécies de Legionella, produz a doença. (wikipedia.org)