Psicologia Clínica: O ramo da psicologia voltado para os métodos psicológicos de reconhecimento e tratamento dos transtornos do comportamento.Psicologia da Criança: O estudo do comportamento infantil normal e anormal.Psicologia: A ciência voltada para o estudo dos processos mentais e do comportamento dos homens e animais.Psicologia Social: O ramo da psicologia que trata dos efeitos do grupo no comportamento, nas atitudes e nas crenças de um indivíduo a ele pertencente.Psicologia Comparada: O ramo da psicologia voltado para as semelhanças e diferenças do comportamento de diferentes espécies animais e de diferentes raças ou povos.Psicologia Educacional: O ramo da psicologia voltado para os aspectos psicológicos do ensino e do processo de aprendizado formal na escola.Psicologia Experimental: O ramo da psicologia que procura saber mais sobre as causas fundamentais do comportamento, através do estudo de diversos fenômenos psicológicos em situações experimentais controladas.Psicologia Médica: Ramo da psicologia em que existe uma estreita colaboração entre psicólogos e clínicos no manejo de problemas médicos. Difere da psicologia clínica, a qual está voltada para o diagnóstico e tratamento dos transtornos do comportamento.Psicologia Industrial: Ramo da psicologia voltado para a aplicação de princípios e métodos psicológicos aos problemas industriais, incluindo a seleção e o treinamento de profissionais, condições de trabalho, etc.Teoria Psicológica: Princípios aplicados à análise e explicação dos fenômenos psicológicos ou comportamentais.Medicina do Comportamento: A área interdisciplinar voltada para o desenvolvimento e integração da ciência comportamental e biomédica, do conhecimento e técnicas relevantes para a saúde e doença e para a aplicação deste conhecimento e técnicas para a prevenção, diagnóstico, tratamento e reabilitação.Educação de Pós-Graduação: Estudos além do grau de bacharel em uma instituição que mantém programas de graduação com o propósito de preparar o ingresso em um campo específico e a obtenção de um grau mais elevado.Economia Comportamental: Disciplina mista de psicologia e economia que investiga o que acontece nos mercados em que alguns agentes apresentam limitações e complicações humanas.Ciências do Comportamento: Disciplinas voltadas para o estudo do comportamento humano e animal.Fenômenos Ecológicos e Ambientais: Entidades, características, propriedades, relações e processos ecológicos e ambientais.Neurociências: Disciplinas científicas interessadas na embriologia, anatomia, fisiologia, bioquímica, farmacologia, etc., do sistema nervoso.Teoria Gestáltica: Sistema que enfatiza o fato de que a experiência e o comportamento contêm padrões e relações básicas que não podem ser reduzidos a componentes mais simples; ou seja o todo é maior que a soma das partes.Behaviorismo: Teoria psicológica desenvolvida por John Broadus Watson, que trata do estudo e mensuração dos comportamentos observáveis.Inconsciente (Psicologia): As forças e conteúdo mentais que não estão comumente disponíveis à percepção consciente ou à lembrança imediata.Pesquisa Comportamental: Pesquisa que envolve a aplicação das ciências comportamental e social para o estudo das ações ou reações de pessoas ou animais em resposta aos estímulos externos ou internos (Tradução livre do original: American Heritage Dictionary, 4th ed)Filosofia: Amar ou perseguir a sabedoria. Uma busca das causas subjacentes e dos princípios da realidade.Psicofisiologia: O estudo das bases fisiológicas do comportamento animal e humano.Ciência Cognitiva: O estudo da natureza precisa de diferentes tarefas mentais e das operações cerebrais que permitem que elas sejam realizadas. Inclui ramos da psicologia, informática, filosofia e linguística.Psicologia do Self: Teoria psicanalítica centrada na interpretação do comportamento em referência a si mesmo. Esta elaboração dos conceitos psicanalíticos de narcisismo e "self" (si mesmo) foi desenvolvida por Heinz Kohut e enfatiza a importância do autoconhecimento das necessidades excessivas de aprovação e autogratificação.Deslocamento (Psicologia): O processo pelo qual uma resposta emocional ou comportamental, que é apropriada para uma situação, aparece em outra situação, para a qual ela é inapropriada.Psicologia Militar: O ramo da psicologia aplicada voltado aos aspectos psicológicos da seleção, atribuição de tarefas, treinamento, moral, etc., dos integrantes das Forças Armadas.Psicologia Aplicada: A ciência que utiliza princípios psicológicos para encontrar meios mais eficazes de resolver os problemas práticos.Dependência Mimética: Padrão relacional em que a pessoa busca um propósito na vida através do relacionamento com os outros.Modelos Psicológicos: Representações teóricas que simulam processos psicológicos e/ou sociais. Envolvem o uso de equações matemáticas, computadores e outros equipamentos eletrônicos.Período de Latência (Psicologia): O período que se inicia entre 5 e 7 anos de idade e vai até a adolescência, durante o qual ocorre uma interrupção aparente do desenvolvimento psicossexual.Neurobiologia: Estudo da estrutura, crescimento, atividades e funções dos NEURÔNIOS e do SISTEMA NERVOSO.Teoria da Construção Pessoal: Teoria psicológica baseada nas dimensões ou categorias utilizadas por uma determinada pessoa para descrever ou explicar a personalidade ou o comportamento dos outros ou os próprios. A ideia básica é que pessoas diferentes utilizam-se de categorias consistentemente diferentes. A teoria foi formulada nos anos cinquenta por George Kelly. Dois testes elaborados por ele são o teste de repertório de constructos de papéis e o teste de grade de repertório.Pesquisa: Investigação crítica e exaustiva ou experimentação, tendo por objetivo a descoberta de fatos novos e sua interpretação correta, a revisão de conclusões, teorias ou leis aceitas, à luz de fatos recentemente descobertos, ou a aplicação prática dessas conclusões, teorias ou leis novas ou revisadas.Psicologia do Adolescente: Área da psicologia voltada para o comportamento normal e anormal dos adolescentes. Inclui os processos mentais assim como as respostas observáveis.Introversão (Psicologia): Estado em que a atenção é voltada, em grande parte, para si mesmo.Caráter: No uso corrente é praticamente o mesmo que personalidade. A soma dos traços de personalidade relativamente estáveis de um indivíduo e dos seus modos de resposta habituais.Neuropsicologia: Um ramo da psicologia que investiga a correlação entre a experiência ou o comportamento e os processos neurofisiológicos básicos. O termo neuropsicologia enfatiza o papel dominante do sistema nervoso. É uma área com uma definição mais restrita que a psicologia fisiológica ou psicofisiologia.Psicoterapia: Termo genérico para o tratamento da doença mental ou dos distúrbios emocionais primariamente através da comunicação verbal ou não verbal.Psicologia Criminal: O ramo da psicologia que investiga a psicologia do crime especificamente com referência aos fatores da personalidade do criminoso.Ética Profissional: Princípios de conduta própria relativos aos direitos e deveres do profissional, relações com pacientes ou consumidores e médicos da mesma categoria, assim como ações do profissional e relações interpessoais com paciente ou família do consumidor. (Tradução livre do original: Stedman, 25th ed)Ego: A porção consciente da estrutura da personalidade, que serve como mediadora entre as exigências dos impulsos instintivos primitivos (o id), das proibições parentais e sociais internalizadas ou consciência (o superego), e da realidade.Identificação (Psicologia): Processo pelo qual um indivíduo se esforça, inconscientemente, em se moldar de acordo com o outro. Este processo também é importante para o desenvolvimento da personalidade, particularmente do superego ou consciência, que é modelado, principalmente, com base no comportamento dos adultos mais importantes.Cognição: Processo intelectual ou mental por meio do qual um organismo obtém conhecimento.Retenção (Psicologia): A persistência em executar um comportamento aprendido (fatos ou experiências) após um intervalo de tempo durante o qual este comportamento não foi executado nem praticado.Psiquiatria Infantil: A ciência médica voltada para a origem, diagnóstico, prevenção e tratamento dos transtornos mentais em crianças.Dissertações Acadêmicas como Assunto: Dissertações encorpando resultados de pesquisa original e especialmente substanciando uma visão específica, por exemplo, documentos substanciais escritos por candidatos a um grau acadêmico sob direção individual de um professor ou documentos escritos por estudantes universitários que desejam alcançar honras ou distinção.Julgamento: O processo de descobrir ou afirmar uma relação objetiva ou intrínseca entre dois objetos ou conceitos; uma capacidade ou poder que permite que a pessoa realize julgamentos; o processo de esclarecer e afirmar o significado implícito de um conceito; uma avaliação crítica de uma pessoa ou situação.Evolução Cultural: O processo de desenvolvimento contínuo de uma cultura de formas simples a complexas e de qualidades homogêneas a heterogêneas.Sociedades Científicas: Sociedades cuja associação é limitada aos cientistas.Discriminação (Psicologia): Respostas diferenciadas para diferentes estímulos.Adaptação Psicológica: Estado de harmonia entre as necessidades internas e as exigências externas, e os processos usados na conquista desta condição. (Tradução livre do original: APA Thesaurus of Psychological Index Terms, 8th ed).Aspirações (Psicologia): Desejo intenso de realizar alguma coisa. Diz respeito, em geral, a valores mais elevados ou ideais superiores.Felicidade: Emoção altamente prazerosa que se caracteriza por manifestações externas de gratificação; alegria.Relações Raciais: Contatos culturais entre pessoas de raças diferentes.Educação em Enfermagem: Uso de artigos em geral que dizem respeito a educação em enfermagem.Regressão (Psicologia): Retorno a padrões de pensamento, comportamento ou modo de funcionamento anteriores, sobretudo aos infantis, como por exemplo, sensações de desamparo e dependência de um paciente com uma doença física grave.Ciências Sociais: Disciplinas voltadas para as inter-relações dos indivíduos em um ambiente social, incluindo as organizações sociais e as instituições.Teoria de Sistemas: Princípios, modelos, e leis que se aplicam a inter-relações complexas e interdependências de conjuntos de componentes ligados que formam um todo funcional, um sistema. Qualquer sistema pode ser composto de componentes que são sistemas em seu próprio contexto (subsistemas), como vários órgãos dentro de um organismo individual.Teoria Psicanalítica: Sistema conceitual desenvolvido por Freud e seus seguidores, no qual se considera que as motivações inconscientes dão forma ao desenvolvimento da personalidade e ao comportamento normais e anormais.Projetos de Pesquisa: Plano para se coletar e utilizar dados de forma que a informação desejada seja obtida com precisão suficiente, ou de forma que uma hipótese seja testada adequadamente.Bibliometria: O uso de métodos estatísticos na análise de um corpo de literatura para revelar o desenvolvimento histórico de campos de assuntos e padrões de autoria, publicação e uso. Antigamente chamada bibliografia estatística.Personalidade: Padrões de respostas comportamentais que caracterizam o indivíduo.Conhecimento: Corpo [constituído] por verdades ou fatos acumulados com o passar do tempo, soma de informações acumuladas, seu volume e natureza, em qualquer civilização, período ou país.Fixação Instintiva (Psicologia): Tipo específico de aprendizagem que se caracteriza pela ocorrência precoce na vida, pela rapidez de aquisição e por não ser suscetível ao esquecimento ou à extinção. Fixação instintiva inclui a maioria (ou todos) os comportamentos chamados instintivos, mas é utilizado de modo puramente descritivo.Transferência (Psicologia): A transferência inconsciente a outros (incluindo os psicoterapeutas) de sentimentos e atitudes que estavam originalmente associados a pessoas importantes (pais, irmãos) do início da vida do indivíduo.Pensamento: Atividade mental, que não é predominantemente perceptiva, através da qual se apreende algum aspecto de um objeto ou situação com base no aprendizado e experiência anteriores.Princípios Morais: Padrões de conduta que distinguem o certo do errado.Psicologia do Esquizofrênico: O estudo dos processos e do comportamento dos esquizofrênicos.Comportamento: A resposta observável de uma pessoa ou de um animal frente a uma situação.Publicações Periódicas como Assunto: Publicação emitida em intervalos fixos, mais ou menos regulares. As revistas científicas constituem as principais publicações periódicas que publicam resultados de pesquisa.Percepção Social: A percepção dos atributos, características e comportamentos dos próprios colegas ou grupo social.LivrosPsiquiatria: A ciência médica que estuda a origem, o diagnóstico, a prevenção e o tratamento dos transtornos mentais.Contratransferência (Psicologia): Reação emocional (consciente ou inconsciente) do terapeuta em relação ao paciente, que pode interferir no tratamento. (Tradução livre do original: APA, Thesaurus of Psychological Index Terms, 8th ed.)Comportamento Social: Qualquer comportamento que é causado por um outro indivíduo, ou que afeta outro indivíduo, em geral da mesma espécie.Motivação: Aqueles fatores que levam um organismo a se comportar ou a agir de modo a atingir um objetivo ou alguma satisfação. Podem ser influenciados por impulsos psicológicos ou por estímulos externos.Competência Profissional: A capacidade para executar os deveres de uma profissão em geral ou de executar uma tarefa profissional especial com habilidade de qualidade aceitável.História do Século XX: Período de tempo a partir de 1901 até 2000 da era comum.Perdão: Absolvição de uma ofensa ou liberação de raiva ou mágoa.Conhecimento de Resultados (Psicologia): Princípio baseado no fato de que a aprendizagem é facilitada quando o aprendiz recebe uma avaliação imediata do seu desempenho. O conceito também propõe hipoteticamente que a aprendizagem é facilitada quando o aprendiz é prontamente informado se uma resposta está certa e, caso incorreta, informado sobre a direção do erro.Satisfação Pessoal: Experiência pessoal de satisfação em relação a uma necessidade ou desejo, e a qualidade ou estado de estar satisfeito.Medicina Baseada em Evidências: Abordagem da prática médica que tem o objetivo de melhorar e avaliar o cuidado com o paciente. Necessita de integração crítica das melhores evidências em pesquisa com os valores dos pacientes para tomar decisão sobre cuidado médico. Este método é usado para auxiliar os médicos a fazer diagnósticos apropriados, construir a melhor bateria de testes, escolher o melhor tratamento e metodologia para a prevenção de doença, bem como desenvolver orientações para grupos grandes de pacientes com a mesma doença. (Tradução livre do original: JAMA 296 (9), 2006)Ocupações Relacionadas com Saúde: Ocupações de pessoal de saúde que não são médicos e são qualificados, por treinamento especial e frequentemente por licença, para trabalhar em funções que dão suporte no campo de cuidados de saúde. Essas ocupações incluem, mas não estão limitadas a tecnologia médica, fisioterapia, etc.Formação de Conceito: Processo cognitivo envolvendo a formação de ideias a partir da generalização do conhecimento que se tem sobre as qualidades, aspectos e relações dos objetos.Meio Social: O agregado de instituições sociais e culturais, formas, padrões e processos que influenciam a vida de um indivíduo ou comunidade.Relações Interpessoais: A interação recíproca de duas ou mais pessoas.Psicopatologia: O estudo das causas e processos significativos para o desenvolvimento da doença mental.Mentores: Profissionais mais antigos que fornecem orientação, direção e apoio àquelas pessoas desejosas de melhoras nas posições acadêmicas, administrativas ou outras situações de desenvolvimento na carreira.Ciência: Estudo de fenômenos naturais por observação, medidas e experimentação.Psicofarmacologia: O estudo dos efeitos de drogas nas atividades mentais e comportamentais.História do Século XIX: Período de tempo a partir de 1801 até 1900 da era comum.Criatividade: Capacidade de conceber novas ideias ou imagens.Emoções: Aqueles estados afetivos que podem ser experimentados e que têm a propriedade de excitar e motivar o indivíduo.Tomada de Decisões: O processo de realizar um julgamento intelectual seletivo quando se é apresentado a várias alternativas complexas consistindo de diversas variáveis, e que geralmente leva à definição de um modo de agir ou de uma ideia.Jogos Experimentais: Jogos projetados para fornecer informações sobre hipóteses, políticas, procedimentos ou estratégias.Comportamento Cooperativo: A interação de duas ou mais pessoas ou organizações, que é direcionada para um objetivo comum, mutuamente benéfico. Uma situação de trabalho ou de atuação em conjunto com um propósito ou benefício comum, i. é, uma ação conjunta.Resiliência Psicológica: Habilidade humana de se adaptar diante de tragédias, traumas, adversidades, privações e de fatores estressantes significativos e corriqueiros da vida.Negação (Psicologia): Recusa em admitir a verdade ou realidade de uma situação ou experiência.Teoria da Decisão: Técnica teórica que usa um grupo de conceitos relacionados para descrever ou predizer como os indivíduos ou grupos de pessoas escolhem um curso de ação quando se deparam com várias alternativas e com uma quantidade variável de conhecimento sobre o que determina o resultado daquelas alternativas.Hipnose: Estado de receptividade aumentada à sugestão e ao direcionamento, inicialmente induzido por uma outra pessoa.Comunicação Interdisciplinar: Comunicação, no sentido de uma riqueza de ideias, envolvendo duas ou mais disciplinas acadêmicas (como as disciplinas que compreendem o campo interdisciplinar da bioética, incluindo a saúde e ciências biológica, humana, social e a lei). Também inclui os problemas na comunicação iniciando-se nas diferenças nos padrões de linguagem utilizados em diferentes disciplinas acadêmica ou médica.Altruísmo: Consideração e preocupação pelos outros (em contraposição a amor-próprio ou egoísmo), os quais podem ser uma influência motivadora.Ensino: O processo educacional de instrução.Comportamento de Escolha: O ato de fazer uma seleção entre duas ou mais alternativas, geralmente após um período de deliberação.Estudantes de Ciências da Saúde: Indivíduos matriculados em uma escola ou programa de educação formal em ocupações de saúde.Terapia Comportamental: A aplicação de teorias modernas de aprendizagem e de condicionamento para o tratamento dos transtornos do comportamento.Questionários: Conjunto de perguntas previamente preparadas utilizado para a compilação de dados.Estudantes: Indivíduos matriculados em uma escola ou programa educacional formal.Atitude: Predisposição adquirida e duradoura que age sempre do mesmo modo diante de uma determinada classe de objetos, ou um persistente estado mental e/ou neural de prontidão para reagir diante de uma determinada classe de objetos, não como eles são, mas sim como são concebidos.Autoimagem: A visão que a pessoa tem de si mesma.Entrevista Motivacional: Método diretivo centrado no cliente para instigar a motivação intrínseca para mudar, usando questões abertas, audições reflexivas e equilíbrio de decisão. Tal estilo de entrevistas não julgadoras e sem confronto são projetadas para minimizar a resistência do paciente para mudar por meio da criação de uma interação que apoia a discussão aberta de comportamentos arriscados ou problemáticos.Engenharia Humana: Estudo científico das relações entre o homem e o seu ambiente de trabalho. (Ambiente é considerado em seu aspecto mais global incluindo equipamentos, aparelhos, ferramentas, materiais, métodos de trabalho e a própria organização do trabalho)Dependência (Psicologia): A tendência de um indivíduo ou indivíduos em contar com os outros para obter conselhos, orientação e apoio.Afeto: O tom emocional que acompanha uma ideia ou representação mental. É o derivado psíquico mais direto do instinto e o representante das várias transformações corporais através do qual os instintos se manifestam.Pesquisa Empírica: Estudo baseado na observação direta, uso de registros estatísticos, entrevistas ou métodos experimentais de hábitos atuais ou o impacto real de práticas ou políticas.Universidades: Instituições educacionais que promovem facilidades para o ensino e a pesquisa e autorizadas a conceder os graus acadêmicos.Neurofisiologia: Disciplina científica voltada para a fisiologia do sistema nervoso.Serviços Comunitários de Saúde Mental: Serviços de saúde mental para diagnóstico, tratamento e prevenção, prestados a indivíduos da comunidade.Individualidade: Aquelas características psicológicas que diferenciam os indivíduos entre si.Psicometria: A avaliação de variáveis psicológicas através da aplicação de procedimentos matemáticos.Hábitos: Respostas adquiridas ou aprendidas, que se manifestam regularmente.Aprendizagem: Mudança de comportamento relativamente duradoura que resulta da experiência passada ou da prática. O conceito inclui a aquisição de conhecimento.Enquadramento (Psicologia): Prontidão para pensar ou responder de uma forma predeterminada quando confrontado com um problema ou uma situação-estímulo.Editoração: Negócio ou profissão da produção comercial e distribuição de literatura. Inclui o publicador, processo de publicação, edição e editores. A produção pode ser através de métodos de impressão convencionais ou publicação eletrônica.Atenção: Ato de focalizar certos aspectos da experiência atual e excluir outros. É o ato de levar em consideração, de notar ou de se concentrar.Processos Mentais: As funções conceituais ou o pensamento em todas as suas formas.Transtornos Psicofisiológicos: Grupo de transtornos caracterizado por sintomas físicos que estão afetados por fatores emocionais e envolvem um único sistema orgânico, geralmente sob controle do SISTEMA NERVOSO AUTÔNOMO. (Tradução livre do original: American Psychiatric Glossary, 1988).Educação Baseada em Competências: Programas educacionais projetados para assegurar que os estudantes possam atingir níveis de competência pré-especificados em um determinado campo ou atividade de treinamento. A ênfase está na realização ou objetivos especificados.Percepção Visual: A seleção e organização dos estímulos visuais com base na experiência anterior do indivíduo.Cultura: Expressão coletiva para todos os modelos de comportamento adquiridos e transmitidos socialmente através de símbolos. Cultura inclui costumes, tradições e linguagem.Modelos Teóricos: Representações teóricas que simulam o comportamento ou atividade dos sistemas, processos ou fenômenos. Eles incluem o uso de equações matemáticas, computadores e outros equipamentos eletrônicos.Rejeição (Psicologia): Não aceitação, atitudes negativas, hostilidade ou críticas excessivas em relação a um indivíduo, que podem levar a sentimentos de rejeição.Memória: Função mental complexa que tem quatro fases distintas: (1) memorização ou aprendizagem, (2) retenção, (3) rememoração e (4) reconhecimento. Clinicamente, a memória é, em geral, subdividida em imediata, recente, e remota.Saúde: Estado do organismo quando funciona otimamente sem evidência de doença.Transtornos Mentais: Doenças psiquiátricas que se manifestam por rupturas no processo de adaptação expressas primariamente por anormalidades de pensamento, sentimento e comportamento, produzindo sofrimento e prejuízo do funcionamento.Autonomia Pessoal: Liberdade de dirigir a si mesmo e especialmente independência moral. Um princípio ético defende que a autonomia de pessoas deve ser respeitada. (Tradução livre do original: Bioethics Thesaurus)Tempo de Reação: Tempo desde o início de um estímulo até que uma resposta seja observada.Papel do Doente: Conjunto de expectativas que isentam pessoas da responsabilidade por suas doenças e as isentam das responsabilidades costumeiras.Evolução Biológica: Processo de alterações acumuladas ao longo de gerações sucessivas através das quais os organismos adquirem características morfológicas e fisiológicas distintas.Manejo (Psicologia): Manipulação física de animais e humanos para induzir uma reação comportamental ou outra reação psicológica. Em psicologia experimental, o animal é manejado como forma de induzir uma situação de estresse ou de estudar os efeitos do comportamento ou maternal.Incerteza: Situação em que o conhecimento racional sobre riscos, benefícios ou o futuro não está disponível.Determinação da Personalidade: Determinação e avaliação das características da personalidade através de entrevistas, observações, testes e escalas. Os artigos voltados para a medida da personalidade fazem parte do escopo deste termo.Valores Sociais: Padrões abstratos ou variáveis empíricas da vida social, que são considerados importantes e/ou desejáveis.Pesquisa Biomédica: Pesquisa que envolve a aplicação das ciências naturais, especialmente a biologia, fisiologia à medicina.Saúde Mental: É o estado de bem-estar no qual o indivíduo percebe as próprias habilidades, pode lidar com os estresses normais da vida, é capaz de trabalhar produtivamente e está apto a contribuir com sua comunidade. É mais do que ausência de doença mental. (WHO 2001)Empatia: A compreensão profunda e objetiva dos sentimentos e do comportamento de outra pessoa. Deve ser diferenciada de simpatia, que é geralmente não objetiva e acrítica. Inclui o ato de se importar com o outro, que é uma demonstração de uma consciência e de preocupação com o bem-estar do outro. (Tradução livre do original: Bioethics Thesaurus, 1992)Encéfalo: A parte do SISTEMA NERVOSO CENTRAL contida no CRÂNIO. O encéfalo embrionário surge do TUBO NEURAL, sendo composto de três partes principais, incluindo o PROSENCÉFALO (cérebro anterior), o MESENCÉFALO (cérebro médio) e o ROMBENCÉFALO (cérebro posterior). O encéfalo desenvolvido consiste em CÉREBRO, CEREBELO e outras estruturas do TRONCO ENCEFÁLICO (MeSH). Conjunto de órgãos do sistema nervoso central que compreende o cérebro, o cerebelo, a protuberância anular (ou ponte de Varólio) e a medula oblonga, estando todos contidos na caixa craniana e protegidos pela meninges e pelo líquido cefalorraquidiano. É a maior massa de tecido nervoso do organismo e contém bilhões de células nervosas. Seu peso médio, em um adulto, é da ordem de 1.360 g, nos homens e 1.250 g nas mulheres. Embriologicamente, corresponde ao conjunto de prosencéfalo, mesencéfalo e rombencéfalo. Seu crescimento é rápido entre o quinto ano de vida e os vinte anos. Na velhice diminui de peso. Inglês: encephalon, brain. (Rey, L. 1999. Dicionário de Termos Técnicos de Medicina e Saúde, 2a. ed. Editora Guanabara Koogan S.A. Rio de Janeiro)Testes Psicológicos: Testes padronizados projetados para medir habilidades, como nos testes de inteligência, aptidão, e realização, ou para avaliar traços de personalidade.Percepção: O processo pelo qual a natureza e o significado dos estímulos sensoriais são reconhecidos e interpretados.Resolução de Problemas: Situação de aprendizagem que envolve a seleção de uma alternativa, entre várias, para se atingir um objetivo específico.Extroversão (Psicologia): Estado em que a atenção é voltada principalmente para o mundo externo.Referência e Consulta: Prática de enviar um paciente para outro programa ou médico para provisão de serviços ou aconselhamento, os quais a fonte da referência não está preparada para fornecer.Agressão: Comportamento que pode ser manifestado por ações destrutivas e de ataque, verbais ou físicas, por atitudes dissimuladas de hostilidade ou por obstrucionismo.Terapia Cognitiva: Forma de psicoterapia baseada na interpretação das situações (estrutura cognitiva das experiências) que determinam o modo como um indivíduo se sente e se comporta. É baseada na premissa de que a cognição, o processo de aquisição do conhecimento e de formação de crenças, é primariamente determinado pelo humor e o comportamento. A terapia utiliza técnicas comportamentais e verbais para identificar e corrigir pensamentos negativos que estão na raiz dos comportamentos aberrantes.Apego ao Objeto: Apego emocional a uma pessoa ou objeto presente no ambiente.Inventário de Personalidade: Inventário, geralmente a ser preenchido por uma pessoa a respeito de si mesma, que consiste de várias sentenças sobre características pessoais a serem endossadas ou não.Conscientização: O ato de levar em conta um objeto ou estado de coisas. Não implica em avaliação das qualidades ou da natureza do objeto, nem em atenção às mesmas.Relações Interprofissionais: A interação recíproca entre dois ou mais profissionais.Serviços de Saúde Mental: Serviços de saúde mental para prevenção diagnóstico, tratamento prestados a indivíduos com o objetivo de reintegrá-los à comunidade.Estereotipagem: Percepção ou concepção demasiadamente simplificada das pessoas, grupos sociais, etc.Rememoração Mental: O processo através do qual uma representação da experiência passada é evocada.Comunicação: A troca ou transmissão de ideias, atitudes ou crenças entre indivíduos ou grupos.Metas: O resultado final ou objetivo, que pode ser especificado ou requisitado com antecipação.Linguagem: Meio, verbal ou não verbal, de comunicar ideias ou sentimentos.Aconselhamento: Aconselhar e assistir indivíduos com problemas pessoais ou educacionais.Relações Médico-Paciente: Interações entre médico e paciente.Avaliação Educacional: A avaliação das realizações acadêmica ou educacional. Inclui todos os aspectos de teste e construção de teste.Estados UnidosTranstornos de Ansiedade: ANSIEDADE persistente e incapacitante.Reconhecimento Visual de Modelos: Processo mental para perceber visualmente um número crítico de fatos (o modelo), como caracteres, formas, exposições ou desenhos.Controle Interno-Externo: Construção da personalidade, referente à percepção de um indivíduo sobre o local dos eventos, como sendo determinado internamente pelo próprio comportamento frente a destino, sorte ou forças externas (Tradução livre do original: ERIC Thesaurus, 1996).Testes Neuropsicológicos: Testes projetados para a avaliação da função neurológica associada a certos comportamentos. São utilizados no diagnóstico de disfunção ou dano cerebral e dos transtornos ou lesões do sistema nervoso central.Atitude do Pessoal de Saúde: Atitudes do pessoal de saúde em relação a seus pacientes, a outros profissionais, em relação ao sistema de atendimento médico, etc.Promoção da Saúde: Promoção da saúde é o processo de capacitação do indivíduo em melhorar e controlar sua saúde. Para alcançar o estado de completo bem-estar físico, mental e social, um indivíduo ou grupo deve ser capaz de identificar aspirações, satisfazer necessidades e mudar ou lidar com seu ambiente. Saúde é vista, portanto, como um meio de vida e não um objetivo. Política de promoção de saúde envolve abordagens diversas, mas complementares, levando em conta as diferenças sociais, culturais e econômicas de cada país. (Ottawa Charter 1986)Comparação Transcultural: Estudos que comparam duas ou mais culturas ou que comparam variáveis, de como estas são afetadas em diferentes contextos culturais.Competência Clínica: A capacidade de realizar aceitavelmente aqueles deveres diretamente relacionados ao cuidado de paciente.Educação de Graduação em Medicina: O período da educação em medicina em uma escola médica. Nos Estados Unidos ele sucede ao grau de bacharelado e precede a admissão para o M.D. (Doctor of Medicine)Repressão Psicológica: Processo mental de manter fora e expulsar, banindo da consciência as ideias e impulsos que são inaceitáveis a ela.Transtornos do Comportamento Infantil: Transtornos considerados patológicos de acordo com a adequação para a idade e o nível de desenvolvimento, por exemplo, distúrbios de conduta e depressão anaclítica. Este conceito não inclui as psiconeuroses, psicoses ou transtornos de personalidade com padrões fixos de comportamento.Equipe de Assistência ao Paciente: Cuidados prestados a pacientes por uma equipe multidisciplinar comumente organizada sob a direção de um médico; cada membro da equipe tem responsabilidades específicas e toda a equipe contribui para a assistência ao paciente.Estudantes de Medicina: Indivíduos matriculados em uma escola de medicina ou em um programa de educação formal em medicina.Estresse Psicológico: Quadro mórbido característico, de natureza basicamente psíquica, onde inexistem causas orgânicas capazes de serem evidenciadas pelos meios usuais de exame médico, que aparece em condições especiais, de trabalho ou de guerra. Apresenta quadro predominante psíquico acompanhado de repercussões orgânicas. A sintomatologia é múltipla e polimorfa com cefaleias, tonturas, anorexia, tremores de extremidades, adinamia, dificuldades de concentração, crises de choro.Psicofísica: A ciência que estuda a correlação entre as características físicas dos estímulos, por exemplo, a frequência ou intensidade, com a resposta ao estímulo, com o objetivo de avaliar os fatores envolvidos nesta relação.Pediatria: Especialidade médica voltada para a manutenção da saúde e para a oferta de cuidados médicos às crianças desde o nascimento até a adolescência.Reprodutibilidade dos Testes: Propriedade de se obter resultados idênticos ou muito semelhantes a cada vez que for realizado um teste ou medida. (Tradução livre do original: Last, 2001)Face: Parte anterior da cabeça que inclui a pele, os músculos e as estruturas da fronte, olhos, nariz, boca, bochechas e mandíbula.Desenvolvimento Infantil: Maturação sequencial contínua (fisiológica e psicológica) desde o nascimento de um indivíduo, mas não inclui a ADOLESCÊNCIA.Saúde da Família: Estado de saúde de uma família como unidade incluindo o impacto causado pela saúde de um membro sobre a unidade e sobre cada um dos membros; inclui o impacto causado pela alteração ou não do estado de saúde de seus membros.Ansiedade: Sensação ou emoção de pavor, apreensão e desastre iminente, porém não incapacitante como nos TRANSTORNOS DE ANSIEDADE.Internet: A confederação livre de redes de comunicação de computadores ao redor do mundo. As redes que compõem a Intenet são conectadas através de várias redes centrais. A internet proveio do projeto ARPAnet do governo norte-americano e foi projetada para facilitar a troca de informações.Currículo: Conjunto de estudos e práticas destinadas a que o aluno desenvolva plenamente suas possibilidades (Diccionario de la Real Academia de la Lengua Española). As matérias constantes de um curso (Dicionário Aurélio)Religião e Psicologia: A inter-relação da psicologia com a religião.Recompensa: Objeto ou situação que pode servir para reforçar uma resposta, para satisfazer uma motivação ou para proporcionar prazer.Esquizofrenia: Transtorno emocional grave de profundidade psicótica caracteristicamente marcado por um afastamento da realidade com formação de delírios, ALUCINAÇÕES, desequilíbrio emocional e comportamento regressivo.Mapeamento Encefálico: Técnicas de imagem usadas para colocalizar os sítios das funções ou atividades fisiológicas do encéfalo com suas respectivas estruturas.Educação de Pacientes como Assunto: Ensino e treinamento de pacientes em relação às suas próprias necessidades de saúde.Compreensão: Ato ou fato de captar o significado, natureza ou importância de [alguma coisa]; entendimento. (Tradução livre do original: American Heritage Dictionary, 4th ed). Inclui o entendimento, por um paciente (ou objeto de pesquisa), sobre informação fornecida oralmente ou por escrito.Desempenho Psicomotor: A coordenação de um processo (cognitivo) sensorial ou ideacional e uma atividade motora.Análise de Variância: Técnica estatística que isola e avalia a contribuição dos fatores incondicionais para a variação na média de uma variável dependente contínua.Preconceito: Julgamento preconcebido feito sem evidência factual.Transferência de Experiência (Psicologia): Alteração da aprendizagem em uma situação devido à aprendizagem prévia em outra situação. A transferência pode ser positiva (com a segunda aprendizagem aperfeiçoada pela primeira) ou negativa (em que o oposto acontece).

*  Temperamento (psicologia) - Wikipedia

Assim, segundo a presente teoria, uma inibição intensa caracteriza-se por uma grande sensibilidade com relação a situações ... O termo também é usado em linguagem comum - ou seja, no âmbito da psicologia do senso comum - muitas vezes como sinônimo de ... Temperamento designa em psicologia um aspecto especial da personalidade: as particularidades do indivíduo ligadas à forma do ... Personalidade Teoria da personalidade Psicologia da personalidade Asendorpf, Jens B. (2004). Psychologie der Persönlichkeit. ...
https://pt.wikipedia.org/wiki/Temperamento_(psicologia)

*  Sonoterapia - Wikipedia

História da Psicologia. SP, McGraw-Hill, 2006 PAVLOV, Ivan P. Bromides in different types of dogs - description of a case of ... Os experimentos iniciais de Pavlov, mostraram que o sono corresponde aos processos de inibição do sistema nervoso tanto normais ... Dicionário de psicologia (Narcoterapia). Porto Alegre, Ed. Globo, 1969 BLEGER, Jose. Teoria y practica del narcoanalisis. ... Na teoria pavloviana a sonoterapia é considerada uma intervenção capaz de reforçar ou fortalecer a inibição protetora do ...
https://pt.wikipedia.org/wiki/Sonoterapia

*  Clark L. Hull - Wikipedia

A sua concepção poderia ser expressa pela fórmula: Potencial de Reação = (Força do hábito x Impulso x Motivação) - Inibição. A ... Considerava que, para além dos métodos tradicionais utilizados pela psicologia - observação, observação sistemática e método ...
https://pt.wikipedia.org/wiki/Clark_L._Hull

*  Aprendizagem - Wikipedia

A psicologia da criança. São Paulo : DIFEL, 1982. PIAGET, Jean. Como se desarolla la mente del niño. In : PIAGET, Jean et allii ... Cousinet Dificuldades de aprendizagem Educação especial Educação inclusiva Práticas Desenvolvimentalmente Apropriadas Inibição ... Seis Estudos de Psicologia; tradução Maria Alice Magalhães D'Amorim e Paulo Sérgio Lima Silva.23ª edição, Rio de Janeiro: ... Psicologia Actual e Desenvolvimento da criança. Instituto Piaget Gonçalves, Susana. Teorias da aprendizagem, praticas de ensino ...
https://pt.wikipedia.org/wiki/Aprendizagem

*  Dificuldades de aprendizagem - Wikipedia

Dislexia Dislalia Discalculia Deficiência Educação especial Educação inclusiva Fenilcetonúria Inibição cognitiva Modalidades de ... Psicologia do desenvolvimento , Teorias da aprendizagem Ensino por tema: Alfabetização , Educação sexual , Educação matemática ... Psicologia da aprendizagem , Psicopedagogia , Sociologia da educação , Supervisão do ensino , Tecnologias educacionais , ...
https://pt.wikipedia.org/wiki/Dificuldades_de_aprendizagem

*  Neuropsicanálise - Wikipedia

... à outros campos da psicologia, como a Psicologia experimental. Como resultado, o grupo neuropsicanalítico tem sido capaz de ... inibição motora que se dão em relação à associações específicas (catexia/recalque) como bem demonstrado por Freud. Um trabalho ... Projeto para uma psicologia científica: Freud e as neurociências. RJ, Civilização Brasileira, 2013 Freud. Sigmund. Publicações ... Notas a projeto de uma psicologia: as origens utilitaristas da psicanálise. RJ, Imago, 2003 Solms, Mark. Freud está de volta. ...
https://pt.wikipedia.org/wiki/Neuropsicanálise

*  Transtorno mental - Wikipedia

Tais transtornos são em parte menos objeto de estudo da psicologia clínica e da psiquiatria do que da psicologia das ... ou seja a exposição a estímulos ou a inibição excessivos, ou ainda situações em que estímulos positivos e negativos se ... Ver artigo principal: Behaviorismo Ver artigo principal: Psicologia cognitiva Ver artigo principal: Psicologia da aprendizagem ... Como a psicologia geral ainda não produziu modelos empíricos para tais grupos de funções e sua relação com os transtornos ...
https://pt.wikipedia.org/wiki/Transtorno_mental

*  O silêncio do psicanalista 1, 2 - PDF

A Psicologia de Vendas: Por Que as Pessoas Compram A Psicologia de Vendas: Por Que as Pessoas Compram Esquema de Palestra I. ... INIBIÇÃO, SINTOMA E FPS Cristiane Elael 1 INIBIÇÃO, SINTOMA E FPS Cristiane Elael Sabemos que, antes dos 6 meses, o bebê ainda ... no Serviço de Psicologia Aplicada do Instituto de Psicologia ... Doutorado Psicologia frbmbertao@ibest.com.br Resumo: Buscou-se ... Depressão não é sintoma, mas inibição 4 (29/4/2015) Tristeza Atualmente denominada de depressão, por lhe dar por suporte o ...
docplayer.com.br/264471-O-silencio-do-psicanalista-1-2.html

*  O Futuro da Educação Superior no Brasil Fórum Anual de Docentes 2010 Universidade Estácio de Sá julho/ ppt carregar

28 Futuro? cooperação x competição entre IES regulação: inibição x estímulo 29 abrangência: os números Brasil, 2000: pessoas de ... Psicologia, Enfermagem: 11,5% ...
slideplayer.com.br/slide/380188/

*  Transtorno de pânico - Wikipedia

Embora tais medicamentos sejam descritos como "antidepressivos", o seu mecanismo de ação, voltado para inibição da recaptação ... Portal da psicologia. ...
https://pt.wikipedia.org/wiki/Transtorno_de_pânico

Psicologia: Psicologia é a ciência que estuda o comportamento e as funções mentais. A psicologia tem como objetivo imediato a compreensão de grupos e indivíduos tanto pelo estabelecimento de princípios universais como pelo estudo de casos específicos, e tem, segundo alguns, como objetivo final o beneficio geral da sociedade.Desindividuação: Desindividuação é um conceito em psicologia social que é geralmente considerada como a perda da auto-consciência em grupos, embora esta seja uma questão de contenção (veja abaixo). Sociólogos também estudar o fenômeno da desindividualização, mas o nível de análise é um pouco diferente.LeituraReação de lutar ou fugir: A reação de lutar ou fugir, também chamada de reação de estresse agudo, foi descrita pelo fisiologista Walter Bradford Cannon em 1927. Sua teoria diz que os animais reagem às ameaças com uma descarga comum do sistema nervoso simpático, fazendo com que o animal permaneça e lute ou fuja para se defender.Algofobia: Algofobia é um medo incomum de se submeter a sensações dolorosas. Trata-se de um comportamento que geralmente é identificado em consultas médicas e no tratamento odontológico de pacientes que muitas das vezes impedem o profissional de saúde de desenvolver os seus trabalhos terapêuticos.Universidade NihonStephen LaBerge: Stephen LaBerge (nascido em 1947) é um psicofisiologista e um líder no estudo científico sobre sonho lúcido. Em 1967, ele recebeu seu diploma de bacharel em matemática.Paul J. ZakEstímulo (psicologia): Na psicologia, estímulo é um padrão de energia (como a luz ou o som) que é registrado pelos órgãos dos sentidos."Stimulus".Vontade: Vontade ou intencionalidade é a capacidade através da qual tomamos posição frente ao que nos aparece. Também chamado de deltoide, o músculo que da a força de vontade.Psicofisiologia: Psicofisiologia também chamada de fisiopsicologia é o estudo das relações entre fenômenos psíquicos e fisiológicos.Cognição: Cognição é o ato ou processo da aquisição do conhecimento que se dá através da percepção, da atenção, associação, memória, raciocínio, juízo, imaginação, pensamento e linguagem. A palavra Cognitione tem origem nos escritos de Platão e Aristóteles.Síndrome pós-aborto: A síndrome pós-aborto, conhecida também como síndroma pós-traumático pós-abortivo ou por síndroma do trauma abortivo, é uma síndrome de características psicopatológicas que alguns médicos sustentam ocorrer após um aborto provocado.Gomez, Lavin C & Zapata, Garcia R.Andrew Dickson White: 250px|miniatura|Andrew Dickson White em 1885.Neuropsicologia: A neuropsicologia é uma interface ou aplicação da psicologia e da neurologia, que estuda as relações entre o cérebro e o comportamento humano. Sua principal área de atuação é na compreensão de como lesões, malformações, alterações genéticas ou qualquer agravo que afete o sistema nervoso causam déficits (alterações) em diversas áreas do comportamento e da cognição humana.Alexander Mikhaylovich ZaytsevLíngua protogrega: O proto-grego ou protogrego é o suposto ancestral comum a todas as variedades do grego, incluindo o micênico, o grego clássico e seus dialetos (ático-jônico, eólico, dórico e o grego do noroeste) e, posteriormente, o koiné, o grego bizantino e o grego moderno. A maior parte dos estudiosos inclui os fragmentos da língua macedônia antiga como descendente de uma língua anterior, "proto-helênica", ou como descendente do próprio proto-grego, na qualidade de língua helênica ou mesmo de um dialeto do grego.Sylvain Chavanel: Sylvain Chavanel (Châtellerault, ) é um ciclista francês.Manning MarablePercolação: Percolação (do Lat. percōlāre, filtrar) em farmacologia e ciência dos materiais, se refere a extração de componentes solúveis passando solventes por materiais porosos.Surto psicóticoFamine, Affluence, and Morality: "Famine, Affluence, and Morality" ("Fome, Riqueza e Moralidade") é um dos mais conhecidos ensaios do filósofo Peter Singer. Foi escrito em 1971 e publicado na revista Philosophy and Public Affairs em 1972.American Journal of Human Biology: American Journal of Human Biology é um peer-revista científica abrangendo biologia humana. É a publicação oficial da Human Biology Association (anteriormente conhecido como o Conselho de Biologia Humana).O Recruta: O Recruta (The Recruit, em inglês) é o primeiro livro da coleção CHERUB, escrito pelo inglês Robert Muchamore. A edição original foi lançada em 2004.Psiquiatria transcultural: Psiquiatria Transcultural é um ramo da Psiquiatria que lida com manifestações psiquiátricas nas diferentes culturas e utiliza disciplinas como psiquiatria epidemiológica, antropologia médica e psicologia transcultural para o entendimento destas manifestações.Bernard Gilpin: Bernard Gilpin (1517 - 4 de março de 1583), também conhecido como Apóstolo do Norte, foi um teólogo inglês.Retribution for the Dead: Retribution for the Dead é um EP banda de death metal Autopsy.http://www.Psicofarmacologia: Psicofarmacologia é a ciência que trata da relação entre o uso de drogas (substâncias psicoativas) e as alterações psíquicas diversas da ordem do humor, cognição, comportamento, psicomotricidade e personalidade. Meyer, J.Ernst JosephsonCarlos Souto: Carlos Souto (Buenos Aires, 13 de maio de 1955) é um reconhecido publicitário argentino. É considerado um dos principais publicitários políticos de seu país.Memória emocional: Memória emocional é a lembrança de algo baseado principalmente em uma emoção sentida no passado. Incluindo tanto as memórias boas quanto as ruins, é a que deixa as mais fortes marcas no cérebro.Utilidade (economia)Hipnoterapia: Hipnoterapia é o uso terapêutico da hipnose, ou o tratamento de uma doença com o uso de técnicas hipnóticas.


aprendizagem


  • O estudo da aprendizagem utiliza os conhecimentos e teorias da neuropsicologia, psicologia, educação e pedagogia. (wikipedia.org)

muitas


  • O termo também é usado em linguagem comum - ou seja, no âmbito da psicologia do senso comum - muitas vezes como sinônimo de personalidade, caráter ou índole. (wikipedia.org)
  • Neste livro, o autor, mestre em Psicologia da Saúde, nã o só explica muitas das dificuldades e etapas inevitáveis da pessoa em luto, como transmite uma perspectiva deste trajecto baseada na sua experiência pessoal de perda da esposa e filhas num trágico acidente. (blogspot.com)

Internacional


  • Em termos legais, a psicologia online encontra-se devidamente enquadrada e é orientada pela Associação de Psicologia Americana e pela Sociedade Internacional para a Saúde Mental. (blogspot.com)

processo


  • Os experimentos iniciais de Pavlov, mostraram que o sono corresponde aos processos de inibição do sistema nervoso tanto normais como patológicos (a exemplo da narcolepsia, cataplexia) e, que possui um efeito reparador no organismo, sendo induzidos por um processo ativo a exemplo da fadiga, ou passivo pela ausência de estimulações e excitantes externos. (wikipedia.org)
  • Pesquisas específicas com o brometo de sódio foram realizadas nos Laboratórios de I. Pavlov por Maria K. Petrova (1874-1948) que o utilizou, em 1925, para tratar a neuroses experimentais, com especial êxito nos cães com sintomas de excitação/inquietação fortalecido, segundo ela, ativando o processo inibidor no cachorro agitado, restaurando o equilíbrio entre os processos de excitação e inibição. (wikipedia.org)