Febre Aftosa: A doença é produzida pelo menos por seis tipos de vírus, classificados como A,O,C,SAT-1,SAT-2 e SAT-3, sendo que os três últimos foram isolados na África e os demais apresentam ampla disseminação. Não há transmissores de aftosa; o vírus é vinculado pelo ar, pela água e alimentos, apesar de ser sensível ao calor e a luz. A imunidade contra um deles não protege contra os outros. Além disso, constataram-se alguns subtipos dos vírus citados, com a particularidade de que uns causam ataques mais graves que outros e alguns se propagam mais facilmente. Esta complexidade apresenta um aspecto muito desfavorável pois um animal atacado por um tipo de vírus, embora ofereça resistência ao mesmo, é ainda suscetível aos outros tipos e subtipos. O agente etiológico é um vírus da família Picornaviridae, gênero Aphthovírus. (Fonte: Secretaria de Agricultura e Abastecimento do Estado de São Paulo, Brasil. Acessado em 7/5/2014. Disponível em http://www.agricultura.sp.gov.br/contato/1-fale-conosco/54-o-que-e-febre-aftosa-)Vírus da Febre Aftosa: Espécie típica de APHTHOVIRUS causadora de DOENÇAS NA BOCA E NOS PÉS de animais com casco fendido. Há vários sorotipos.Aphthovirus: Gênero de vírus (família PICORNAVIRIDAE) que infectam principalmente animais de casco fendido e causam lesões vesiculares e infecções no trato respiratório superior. O representante da espécie é o VÍRUS DA FEBRE AFTOSA.Doenças dos Bovinos: Doenças do gado doméstico do gênero Bos. Estão incluídas doenças de vacas, iaques e zebus.Vacinas Virais: Suspensões de vírus atenuados ou mortos administradas para prevenção ou tratamento de doença viral infecciosa.Proteínas do Capsídeo: Proteínas que formam o CAPSÍDEO de VÍRUS.Bovinos: Animais bovinos domesticados (do gênero Bos) geralmente são mantidos em fazendas ou ranchos e utilizados para produção de carne, derivados do leite ou para trabalho pesado.Anticorpos Antivirais: Imunoglobulinas produzidas em resposta a ANTÍGENOS VIRAIS.Cricetinae: Subfamília (família MURIDAE) que compreende os hamsters. Quatro gêneros mais comuns são: Cricetus, CRICETULUS, MESOCRICETUS e PHODOPUS.Antígenos Virais: Substâncias elaboradas pelos vírus que apresentam atividade antigênica.Capsídeo: Carapaça externa (proteica) de um vírus, que protege seu ácido nucleico.Doenças dos Suínos: Doenças dos suínos domésticos e do javali selvagem do gênero Sus.Búfalos: Ruminantes da família Bovidae que compreende os Bubalus arnee e Syncerus caffer. Este conceito é diferenciado de BISON, que se refere aos Bison bison e Bison bonasus.Suínos: Qualquer animal da família Suidae, compreendendo mamíferos onívoros, robustos, de pernas curtas, pele espessa (geralmente coberta com cerdas grossas), focinho longo e móvel, e cauda pequena. Compreendem os gêneros Babyrousa, Phacochoerus (javalis africanos) e o Sus, que abrange o porco doméstico (ver SUS SCROFA)RNA Viral: Ácido ribonucleico que constitui o material genético de vírus.Picornaviridae: Família de pequenos vírus de RNA que consiste de alguns patógenos importantes de humanos e animais. Geralmente, a transmissão ocorre mecanicamente. Há nove gêneros: APHTHOVIRUS, CARDIOVIRUS, ENTEROVIRUS, ERBOVIRUS, HEPATOVIRUS, KOBUVIRUS, PARECHOVIRUS, RHINOVIRUS e TESCHOVIRUS.Testes de Neutralização: Medida do título (diluição) de um ANTISSORO que bloqueia uma infecção por meio do teste de uma série de diluições de um determinado ponto final de interação vírus-antissoro, que geralmente é a diluição na qual culturas de tecidos inoculadas com as misturas soro-vírus demonstram algum sinal citopático (CPE) ou a diluição na qual 50 por cento dos animais em teste injetados com as combinações soro-vírus mostram infectividade (ID50) ou morte (LD50).Proteínas Virais: Proteínas encontradas em quaisquer espécies de vírus.Surtos de Doenças: Aumento repentino na incidência de uma doença. O conceito inclui EPIDEMIA e PANDEMIA.Linhagem Celular: Determinadas culturas de células que têm o potencial de se propagarem indefinidamente.Cultura de Vírus: Processo de cultivo de vírus em animais vivos, plantas ou células em cultura.Doenças dos Ovinos: Doenças das ovelhas domésticas e montanhosas do gênero Ovis.Dados de Sequência Molecular: Descrições de sequências específicas de aminoácidos, carboidratos ou nucleotídeos que apareceram na literatura publicada e/ou são depositadas e mantidas por bancos de dados como o GENBANK, European Molecular Biology Laboratory (EMBL), National Biomedical Research Foundation (NBRF) ou outros repositórios de sequências.Gado: Animais domesticados criados para uso próprio ou comercialização, mas que exclui a criação de AVES DOMÉSTICAS. Caracteristicamente, o termo gado inclui BOVINOS, CARNEIROS, CAVALOS, SUÍNOS, CABRAS e outros.Inoculações Seriadas: Inoculação de uma série de animais ou tecidos in vitro com uma bactéria ou vírus infeccioso, como em estudos de VIRULÊNCIA e no desenvolvimento de vacinas.Sorotipagem: Processo de determinação e de distinção de espécies de bactérias ou vírus baseado em antígenos que apresentam.Sequência de Aminoácidos: Ordem dos aminoácidos conforme ocorrem na cadeia polipeptídica. Isto é chamado de estrutura primária das proteínas. É de importância fundamental para determinar a CONFORMAÇÃO DA PROTEÍNA.Replicação Viral: Processo de multiplicação viral intracelular que consiste em síntese de PROTEÍNAS, ÁCIDOS NUCLEICOS, e às vezes LIPÍDEOS, e sua reunião em uma nova partícula infecciosa.Proteínas não Estruturais Virais: Proteínas codificadas por um GENOMA VIRAL, produzidas nos organismos que infectam, mas não são empacotadas nas partículas virais. Algumas dessas proteínas podem desempenhar funções na célula infectada durante a REPLICAÇÃO VIRAL ou atuar na regulação da replicação do vírus ou do BROTAMENTO VIRAL.Receptores Virais: Componentes moleculares específicos de células capazes de reconhecer e interagir com um vírus, os quais, após ligados à célula, são capazes de gerar sinais que iniciam uma cadeia de eventos desencadeando uma resposta biológica.Vacinação: Administração de vacinas para estimulação da resposta imune do hospedeiro. Isto inclui qualquer preparação que objetive a profilaxia imunológica ativa.Cobaias: Nome popular utilizado para o gênero Cavia. A espécie mais comum é a Cavia porcellus, que é o porquinho-da-índia, ou cobaia, domesticado e usado como bicho de estimação e para pesquisa biomédica.Epitopos: Locais em antígenos que interagem com anticorpos específicos.Fator de Iniciação 4G em Eucariotos: Componente do fator de iniciação 4F em eucariotos envolvido em múltiplas interações proteicas no sítio de iniciação da tradução. Assim, sua função pode ser agrupar vários fatores de iniciação no sítio de iniciação da tradução.Proteínas Estruturais Virais: Proteínas virais componentes das PARTÍCULAS VIRAIS montadas maduras. Podem incluir proteínas centrais do nucleocapsídeoo (proteínas gag), enzimas contidas dentro das partículas virais (proteínas pol) e componentes de membrana (proteínas env). Não estão incluídas as proteínas codificadas pelo GENOMA VIRAL produzidas nas células infectadas, mas que não estão empacotadas nas partículas virais maduras, isto é, as denominadas PROTEÍNAS VIRAIS NÃO ESTRUTURAIS.Ovinos: Qualquer mamífero ruminante com chifres curvados (gênero Ovis, família Bovodae) que possuem sulco lacrimal e glândulas interdigitais (ausentes nas CABRAS).Ensaio de Placa Viral: Método para medida da infectividade viral e multiplicação em CÉLULAS CULTIVADAS. Áreas claramente lisadas ou placas desenvolvidas como partículas virais são liberadas das células infectadas durante a incubação. Com alguns VÍRUS, as células são mortas por efeito citopático; com outros, as células infectadas não são mortas, mas podem ser detectadas por sua habilidade de hemadsorção. Algumas vezes as placas de células contêm ANTÍGENOS VIRAIS que podem ser medidos por IMUNOFLUORESCÊNCIA.Genoma Viral: Complemento genético completo contido em uma molécula de DNA ou RNA de um vírus.Enterovirus Bovino: Espécie da família ENTEROVIRUS que infecta BOVINOS.Testes de Fixação de Complemento: Testes sorológicos baseados na inativação do complemento pelo complexo antígeno-anticorpo (estágio 1). A ligação do complemento livre pode ser visualizada pela adição de um segundo sistema antígeno-anticorpo, tal como o de células vermelhas e anticorpos apropriados contra células vermelhas (hemolisina) que requerem complemento para seu término (estágio 2). A ausência de lise das células vermelhas indica que uma reação antígeno-anticorpo específica ocorreu no estágio 1. Se ocorre lise das células vermelhas, o complemento livre está presente, indicando que não ocorreu a reação antígeno-anticorpo no estágio 1.Variação Antigênica: Mudança no ANTÍGENO de superfície de um micro-organismo. Há dois tipos diferentes. Um é o fenômeno especialmente associado com o VÍRUS INFLUENZA, no qual eles sofrem variação antigênica espontânea, tanto deriva antigênica lenta, como aparecimento súbito de novas linhagens (desvio antigênico). O segundo tipo é quando certos PARASITAS, especialmente tripanossomos, PLASMODIUM e BORRELIA sobrevivem à resposta imune do hospedeiro modificando o revestimento de superfície (troca de antígeno). (Tradução livre do original: Herbert et al., The Dictionary of Immunology, 4th ed)Sequência de Bases: Sequência de PURINAS e PIRIMIDINAS em ácidos nucleicos e polinucleotídeos. É chamada também de sequência nucleotídica.Soros Imunes: Soro que contêm anticorpos. São obtidos de animais que foram previamente imunizados, seja por injeção de antígenos, seja por infecção com microrganismos contendo o antígeno.Vacinas de Produtos Inativados: Vacinas em que os componentes infecciosos dos ácidos nucleicos microbianos foram destruídos por tratamento químico ou físico (p. ex., formalina, beta-propiolactona, radiação gama) sem afetar a antigenicidade ou a imunogenicidade do envelope viral ou das proteínas da membrana externa bacteriana.Antílopes: Qualquer de diversos mamíferos ruminantes da ordem Bovidae. Inclui numerosas espécies na África e o antílope americano.Efeito Citopatogênico Viral: Alterações morfológicas visíveis, em células infectadas por vírus. Inclui a paralisação de RNA celular e síntese proteica, fusão celular, liberação de enzimas lisossômicas, alterações na permeabilidade da membrana celular, alterações difusas em estruturas intracelulares, presença de inclusão de corpos virais e aberrações cromossômicas. Exclui a transformação maligna, que é a TRANSFORMAÇÃO CELULAR, VIRAL. Os efeitos citopatogênicos virais dão um método valioso para identificação e classificação de vírus infectantes.Poli C: Grupo de ribonucleotídeos citosina nos quais os resíduos fosfato de cada ribonucleotídeo citosina atuam como pontes formando ligações diéster entre as moléculas de ribose.Endopeptidases: Subclasse de PEPTÍDEO HIDROLASES que catalisam a clivagem interna de PEPTÍDEOS ou PROTEÍNAS.Ensaio de Imunoadsorção Enzimática: Imunoensaio utilizando um anticorpo ligado a uma enzima marcada, tal como peroxidase de raiz-forte (ou rábano silvestre). Enquanto a enzima ou o anticorpo estiverem ligados a um substrato imunoadsorvente, ambos retêm sua atividade biológica; a mudança na atividade enzimática como resultado da reação enzima-anticorpo-antígeno é proporcional à concentração do antígeno e pode ser medida por espectrofotometria ou a olho nu. Muitas variações do método têm sido desenvolvidas.Microbiologia do Ar: Presença de bactérias, vírus, e fungos no ar. Esta expressão não se restringe a organismos patogênicos.Cabras: Quaisquer dos numerosos RUMINANTES, ágeis, cornos ocos, (gênero Capra, família Bovidae) muito relacionados com as OVELHAS.Peptídeos: Membros da classe de compostos constituídos por AMINOÁCIDOS ligados entre si por ligações peptídicas, formando estruturas lineares, ramificadas ou cíclicas. Os OLIGOPEPTÍDEOS são compostos aproximadamente de 2 a 12 aminoácidos. Os polipeptídeos são compostos aproximadamente de 13 ou mais aminoácidos. As PROTEÍNAS são polipeptídeos lineares geralmente sintetizados nos RIBOSSOMOS.Animais Domésticos: Animais que se tornaram adaptados por meio de cruzamentos em cativeiro a uma vida intimamente associada ao homem. Incluem animais domesticados pelo homem para viver e procriar em condições controladas em fazendas ou ranchos por razões econômicas, incluindo GADO (especificamente BOVINOS, OVINOS, CAVALOS etc.), AVES DOMÉSTICAS e aqueles criados ou mantidos por prazer e companhia, por exemplo, ANIMAIS DE ESTIMAÇÃO ou especificamente CÃES, GATOS etc.Faringe: Tubo fibromuscular em forma de funil, que leva os alimentos ao ESÔFAGO e o ar à LARINGE e aos PULMÕES. Situa-se posteriormente à CAVIDADE NASAL, à CAVIDADE ORAL e à LARINGE, estendendo-se da BASE DO CRÂNIO à borda inferior da CARTILAGEM CRICOIDE (anteriormente) e à borda inferior da vértebra C6 (posteriormente). É dividida em NASOFARINGE, OROFARINGE e HIPOFARINGE (laringofaringe).Anticorpos Neutralizantes: Anticorpos que reduzem ou abolem algumas atividades biológicas de um antígeno solúvel ou agente infeccioso (geralmente vírus).África Austral: Área geográfica da África que abrange ANGOLA, BOTSUANA, LESOTO, MALAUI, MOÇAMBIQUE, NAMÍBIA, ÁFRICA DO SUL, SUAZILÂNDIA, ZÂMBIA e ZIMBÁBUE.Iniciação Traducional da Cadeia Peptídica: Processo de TRADUÇÃO GENÉTICA pelo qual a formação de uma cadeia peptídica é iniciada. Este processo requer o agrupamento dos componentes do RIBOSSOMO, o RNA MENSAGEIRO codificador do polipeptídeo a ser produzido, o TRNA INICIADOR e os FATORES DE INICIAÇÃO DE PEPTÍDEOS, além da colocação do primeiro aminoácido na cadeia peptídica. Os detalhes e componentes deste processo são exclusivos da biossíntese proteica em procariotos e eucariotos.Legislação Veterinária: Leis e regulamentos, relativos ao campo da medicina veterinária, propostos para aprovação ou aprovados por um corpo legislativo.Anticorpos Monoclonais: Anticorpos produzidos porum único clone de células.Poliproteínas: Proteínas que são sintetizadas como um polímero único e então clivada em várias proteínas diferentes.Rim: Órgão do corpo que filtra o sangue, secreta URINA e regula a concentração dos íons.ArtiodáctilosOriente Médio: Região do sudoeste da Ásia e nordeste da África normalmente considerado como se estendendo da Líbia no oeste até o Afeganistão no leste. (Tradução livre do original: Webster's New Geographical Dictionary, 1988)África Oriental: Área geográfica da África que abrange BURUNDI, DJIBUTI, ETIÓPIA, QUÊNIA, RUANDA, SOMÁLIA, SUDÃO, TANZÂNIA e UGANDA.Animais Lactentes: Mamíferos jovens, sem desmame. Refere-se a animais sob proteção que são alimentados pela mãe biológica, mãe adotiva ou por mamadeira.Vacinas Marcadoras: Vacinas usadas em conjunção com testes diagnósticos para distinguir animais vacinados de animais portadores. Vacinas marcadoras podem ser uma vacina de subunidade ou uma vacina de gene eliminado.Mutação: Qualquer mudança detectável e hereditária que ocorre no material genético causando uma alteração no GENÓTIPO e transmitida às células filhas e às gerações sucessivas.Casco e Garras: Anexos altamente queratinizados que são afiadas e curvas, ou achatadas e com bordas pontiagudas. São encontrados principalmente na terminação dos membros em certos animais.Receptores de Vitronectina: Receptores, como a INTEGRINA ALFAVBETA3 que se ligam a VITRONECTINA com alta afinidade e desempenham um papel na migração celular. Também se ligam ao FIBRINOGÊNIO, FATOR DE VON WILLEBRAND, osteopontina e as TROMBOSPONDINAS.Oligopeptídeos: Peptídeos compostos de dois a doze aminoácidos.Biossíntese de Proteínas: Biossíntese de PEPTÍDEOS e PROTEÍNAS que ocorre nos RIBOSSOMOS, dirigida pelo RNA MENSAGEIRO, via RNA DE TRANSFERÊNCIA, que é carregado com AMINOÁCIDOS proteinogênicos padrão.Anticorpos Heterófilos: Anticorpos produzidos em uma espécie diferente da qual o antígeno se origina. Estes anticorpos são direcionados contra uma ampla variedade de antígenos específicos interespécies, sendo os mais conhecidos: Forssman, Hanganutziu-Deicher (H-D) e Paul-Bunnell (P-B). A incidência de anticorpos contra estes antígenos - isto é, o fenômeno da resposta de anticorpos heterófilos - é útil no diagnóstico por sorologia, na patogênese e no prognóstico de infecções e estados infecciosos latentes, bem como na classificação de tumores.Cisteína Endopeptidases: ENDOPEPTIDASES que têm uma cisteína envolvida no processo catalítico. Este grupo de enzimas é inativado por INIBIDORES DE CISTEÍNO PROTEINASE tais como as CISTATINAS e os REAGENTES DE SULFIDRILA.Medicina Veterinária: Ciência médica voltada para a prevenção, diagnóstico, e o tratamento de doenças em animais.Ribossomos: Estruturas multicomponentes encontradas no CITOPLASMA de todas as células, e nas MITOCÔNDRIAS e PLASTÍDIOS. Atuam na BIOSSÍNTESE DE PROTEÍNAS por meio da TRADUÇÃO GENÉTICA.Fatores de Iniciação de Peptídeos: Fatores proteicos necessários unicamente durante a fase de iniciação da síntese proteica na tradução genética.Filogenia: Relacionamentos entre grupos de organismos em função de sua composição genética.Pactamicina: Antibiótico produzido pelo Streptomyces pactum utilizado como antineoplásico. É também utilizado como ferramenta bioquímica devido à sua capacidade em inibir certas etapas da síntese proteica.Doença Vesicular Suína: Infecção por enterovirus em suínos que clinicamente é indistinguível da FEBRE AFTOSA, estomatite vesicular e exantema vesicular de suínos.Vacinas Sintéticas: Pequenos peptídeos sintéticos que mimetizam antígenos de superfície de patógenos e são imunogênicos, ou vacinas manufaturadas com o auxílio de tecnologias de DNA recombinante. As últimas também podem ser vírus inteiros cujos ácidos nucleicos foram modificados.Vesiculovirus: Gênero da família RHABDOVIRIDAE que infecta uma ampla variedade de vertebrados e invertebrados. A espécie-tipo é o VÍRUS DA ESTOMATITE VESICULAR INDIANA.Transmissão de Doença Infecciosa: Transmissão de doença ou patógenos infecciosos. Quando a transmissão for dentro da mesma espécie, o modo pode ser [chamado] horizontal ou vertical (TRANSMISSÃO VERTICAL DE DOENÇA INFECCIOSA).Reações Cruzadas: Reações sorológicas em que um antissoro [desenvolvido] contra um antígeno reage com um antígeno não idêntico mas estreitamente relacionado com ele.

*  CHORROCHOONLINE ENTREVISTA RAFAEL GERENTE REGIONAL DA ADAB A RESPEITO DA VACINAÇÃO CONTRA A FEBRE AFTOSA :: Chorrochoonline
Rafael: Essa vacina é importante por que o nosso estado é livre da febre aftosa onde a Bahia pode transportar animais com a ... Rafael: Se acontecer primeiro isola a área e se detectar outros casos a Bahia perde o certificado de livre da febre aftosa. ... Página inicial , CHORROCHOONLINE ENTREVISTA RAFAEL GERENTE REGIONAL DA ADAB A RESPEITO DA VACINAÇÃO CONTRA A FEBRE AFTOSA ... CHORROCHOONLINE ENTREVISTA RAFAEL GERENTE REGIONAL DA ADAB A RESPEITO DA VACINAÇÃO CONTRA A FEBRE AFTOSA. ...
  http://www.chorrochoonline.com/news/chorrochoonline-entrevista-rafael-gerente-regional-da-adab-a-respeito-da-vacinacao-contra-a-febre-aftosa/
*  Adapi inicia vacinação contra febre aftosa no Piauí | Portal Luís Correia
Adapi inicia vacinação contra febre aftosa no Piauí. 04/05/2017 , Arquivado em: Geral,Piauí , Publicado por: Redação do Portal ... Durante todo o mês de maio será realizada a primeira etapa de 2017 da Vacinação Contra a Febre Aftosa no Piauí. Até o dia 31, a ... área livre de febre aftosa com vacinação; a abertura para o mercado exportador e, inclusive, a certificação pela Organização ...
  http://portalluiscorreia.com.br/adapi-inicia-vacinacao-contra-febre-aftosa-no-piaui/
*  Campanha de vacinação contra febre aftosa tem início na região - Prefeitura de Guaíba
A campanha de vacinação contra a febre aftosa teve início no Rio Grande do Sul. O ato ocorreu na segunda-feira (1º) na fazenda ... A febre aftosa. A febre aftosa é uma doença infecciosa aguda, causada por vírus, sendo uma das mais contagiosas que atingem os ... Campanha de vacinação contra febre aftosa tem início na região. Posted on 3 de maio de 2017. by Prefeitura de Guaíba ... A campanha de vacinação contra a febre aftosa teve início no Rio Grande do Sul. O ato ocorreu na segunda-feira (1º) na fazenda ...
  http://www.guaiba.rs.gov.br/campanha-de-vacinacao-contra-febre-aftosa-tem-inicio-na-regiao/
*  Ministros do Brasil e Paraguai discutem controle da febre aftosa | ITAIPU BINACIONAL
O controle da febre aftosa na fronteira entre Brasil e Paraguai é o tema principal da reunião entre o ministro da Agricultura, ... 14/09/2007 , 24 Horas News - Ministros do Brasil e Paraguai discutem controle da febre aftosa ... é a terceira reunião entre os dois ministros para tratar da integração dos trabalhos relacionados ao controle da febre aftosa ...
  http://www.itaipu.gov.br/sala-de-imprensa/itaipunamidia/ministros-do-brasil-e-paraguai-discutem-controle-da-febre-aftosa?page=21
*  Vacinação contra febre aftosa alcança 96% de cobertura em Itaberaba | Itaberaba Notícias
Vacinação contra febre aftosa alcança 96% de cobertura em Itaberaba. 21 de julho de 2016. 0 ... A Bahia alcançou o índice de 93,84% na primeira etapa de vacinação contra febre aftosa, finalizada em 31 de maio, o que ... Início Itaberaba Vacinação contra febre aftosa alcança 96% de cobertura em Itaberaba ... já que o controle da febre aftosa é fundamental para a economia do estado e do país, pois a manutenção do status de zona livre ...
  http://www.itaberabanoticias.com.br/itaberaba/vacinacao-contra-febre-aftosa-alcanca-96-de-cobertura-em-itaberaba
*  Pará se mantém livre do risco da febre aftosa desde 2014 - TV Cidade SBT Brasil Novo-PA
Pará se mantém livre do risco da febre aftosa desde 2014 sábado, fevereiro 13, 2016 Pará ... Desde 2014 o Pará vem se mantendo entre os estados brasileiros com maior cobertura vacinal contra a febre aftosa, com o ... livre de febre aftosa até 2016.. Com informações de ORM News ... Para manter-se livre de aftosa com vacinação, segundo meta ... Os resultados da etapa da Campanha Estadual de Vacinação ante a Aftosa, realizada de 1º de novembro e 15 de dezembro do ano ...
  http://www.tvcidadesbt.com.br/2016/02/para-se-mantem-livre-do-risco-da-febre.html
*  Campanha de vacinação contra a febre aftosa será lançada nesta quarta-feira (05) - Casa Civil do Governo do Estado do Ceará
Campanha de vacinação contra a febre aftosa será lançada nesta quarta-feira (05). 4 de novembro de 2014 O Governo do Estado do ... Segundo Augusto Júnior presidente da ADAGRI, "o Estado já está livre de febre aftosa com vacinação e esse é um grande detalhe. ... Lançamento da Campanha de Vacinação Contra a Febre Aftosa. Dia 5 de novembro (quarta-feira), às 9 horas - Grupo Bom Jesus - ... O Ceará foi reconhecido internacionalmente como zona livre de febre aftosa, com vacinação neste ano, no dia 29 de maio, em ...
  http://www.casacivil.ce.gov.br/2014/11/04/campanha-de-vacinacao-contra-a-febre-aftosa-sera-lancada-nesta-quarta-feira-05/
*  Em Rondônia, vacinação contra febre aftosa vai até 15 de novembro
... vacinação contra febre aftosa vai até 15 de novembro ... Em Rondônia, vacinação contra febre aftosa vai até 15 de ... Aftosa - Rondônia é reconhecido internacionalmente como área livre de febre aftosa com vacinação pela Organização Mundial de ... O rebanho de bovinos e bubalinos de Rondônia, com 11,20 milhões de cabeças, deve ser vacinado contra a febre aftosa até o dia ...
  https://www.cptcursospresenciais.com.br/noticias/bovinos/saude-bovina/em-rondonia-vacinacao-contra-febre-aftosa-vai-ate-15-de-novembro/
*  Segunda etapa de vacinação contra febre aftosa vai até quinta-feira (30) | Ao vivo de Brasília
Em 1998, o Brasil recebeu o primeiro reconhecimento de zona livre de febre aftosa, obtido com a vacinação em massa nos estados ... A segunda etapa da campanha de vacinação contra febre aftosa vai até 30 de novembro. Nesse período, produtores rurais do ... Segunda etapa de vacinação contra febre aftosa vai até quinta-feira (30). Por ... De fácil contágio pelo ar, a doença causa febre e leva ao aparecimento de feridas na boca, nas glândulas mamárias e no casco. ...
  https://www.aovivodebrasilia.com.br/segunda-etapa-de-vacinacao-contra-febre-aftosa-vai-ate-quinta-feira-30/
*  China afirma que surto de febre aftosa humana não prejudicará Jogos Olímpicos - Mundo - iG
O Ministério da Saúde chinês disse hoje que o surto de febre aftosa humana pelo qual o país passa este ano, durante o qual 28 ... Pequim, 7 mai (EFE).- O Ministério da Saúde chinês disse hoje que o surto de febre aftosa humana pelo qual o país passa este ... Dois vírus desencadeiam a febre aftosa humana, que não tem relação com a doença de mesmo nome que atinge o gado: o "enterovirus ... China afirma que surto de febre aftosa humana não prejudicará Jogos Olímpicos. ...
  http://ultimosegundo.ig.com.br/mundo/china-afirma-que-surto-de-febre-aftosa-humana-nao-prejudicara-jogos-olimpicos/n1237680719728.html
*  Maio é mês de vacinação contra a febre aftosa e declaração de animais - Morro Redondo Online
Maio é mês de vacinação contra a febre aftosa e declaração de animais 18 de maio de 2017. Redação ... Está em andamento, até 31 de maio, a vacinação de todo o rebanho bovino e bufalino contra a febre aftosa. Nesta etapa não ... conforme orientação dos responsáveis pelo Programa de Febre Aftosa, da Secretaria Estadual da Agricultura. A recomendação se ...
  http://www.morroredondoonline.com.br/index.php/maio-e-mes-de-vacinacao-contra-a-febre-aftosa-e-declaracao-de-animais/
*  Entidades declaram apoio à antecipação do fim da vacinação contra febre aftosa | Sindicato Rural de Cianorte
Entidades declaram apoio à antecipação do fim da vacinação contra febre aftosa. 0 0 0 0 ... A notícia Entidades declaram apoio à antecipação do fim da vacinação contra febre aftosa apareceu pela primeira vez em Sistema ... Centenas de entidades apoiam a iniciativa de promover a antecipação do fim da vacinação contra a febre aftosa no Paraná. As ... "Área Livre de Febre Aftosa Sem Vacinação" antes do que prevê inicialmente o Plano Nacional de Erradicação (PNEFA). Confira ...
  https://sindicatoruraldecianorte.com.br/site/entidades-declaram-apoio-a-antecipacao-do-fim-da-vacinacao-contra-febre-aftosa/
*  VG Notícias | Campanha de vacinação contra febre aftosa alcança perto de 100% do rebanho de Mato Grosso
Mato Grosso confirma o sucesso da campanha de vacinação contra a febre aftosa de 2012. Em maio deste ano, foram vacinados mais ... Mato Grosso confirma o sucesso da campanha de vacinação contra a febre aftosa de 2012 Por: Secom/MT ... O último foco de febre aftosa em Mato Grosso foi registrado em 1996 e agora o Estado é reconhecido pela Organização Mundial de ... Mato Grosso confirma o sucesso da campanha de vacinação contra a febre aftosa de 2012. Em maio deste ano, foram vacinados mais ...
  https://www.vgnoticias.com.br/cidades/campanha-de-vacinacao-contra-febre-aftosa-alcanca-perto-de-100-do-rebanho-de-mato-grosso/12627
*  Mercoagro Edi o 2018 - Not cias (pt) - NOT CIAS | Santa Catarina completa 24 anos sem registro de foco de febre aftosa
18 de Maio de 201718/MaiSanta Catarina completa 24 anos sem registro de foco de febre aftosa Em 2017, Santa Catarina comemora ... 10 anos do reconhecimento como zona livre de febre aftosa sem vacinação pela Organização Mundial de Saúde Animal (OIE). Em 25 ... A febre aftosa é a enfermidade que mais causa prejuízo econômico a um país, especialmente pelas restrições aos mercados ... Já que é proibido o uso de vacina contra febre aftosa em todo o território catarinense, não é permitida a entrada de bovinos ...
  http://mercoagro.com.br/noticias-pt/santa-catarina-completa-24-anos-sem-registro-de-foco-de-febre-aftosa
*  Febre aftosa - Wikipedia
Febre aftosa. No site InfoEscola Portal da Febre Aftosa no site da Organização Internacional de Epizootias Conteúdo sobre ... O Wikispecies tem informações sobre: Febre aftosa A febre aftosa (FA, nome em latim Aphtae epizooticae) é uma doença viral ... livre de febre aftosa com vacinação: para se qualificar para a inclusão na lista de zonas livres da febre aftosa, com prática ... à febre aftosa manteve-se inalterada. De acordo com Keeling e outros, a estratégia de vacinação contra a Febre Aftosa pode ser ...
  https://pt.wikipedia.org/wiki/Febre_aftosa
*  Brasil: Febre aftosa - Port.Pravda.Ru
A primeira etapa de vacinação de bovinos e bubalinos contra a febre aftosa, no Rio Grande do Sul (RS), começa no próximo dia 2 ... Rio Grande do Sul inicia primeira etapa de 2008 de vacinação contra aftosa - ... Brasília - A primeira etapa de vacinação de bovinos e bubalinos contra a febre aftosa, no Rio Grande do Sul (RS), começa no ... área livre de aftosa , alerta o superintendente Francisco Signor. Os últimos focos de aftosa no estado gaúcho, registrados em ...
  http://port.pravda.ru/cplp/brasil/31-12-2007/21029-brasilfebreaft-0/
*  Pecuaristas pedem que vacina da febre aftosa seja alterada | Agrosoft
... para ver o vídeo Pecuaristas e entidades ligadas ao agronegócio estão se mobilizando para que fórmula da vacina contra a febre ... Pecuaristas pedem que vacina da febre aftosa seja alterada. Publicado em 14 de julho de 2017 às 07:00. por James CaaS ... Pecuaristas e entidades ligadas ao agronegócio estão se mobilizando para que fórmula da vacina contra a febre seja alterada. ...
  https://agrosoft.org.br/2017/07/14/pecuaristas-pedem-que-vacina-da-febre-aftosa-seja-alterada/
*  Argentina tem 149 focos de febre aftosa | ALERT® ONLINE - PT
A febre aftosa propaga-se diariamente na Argentina, onde, sábado à noite, estavam identificados 149 focos da doença, na sua ...
  http://www.alert-online.com/pt/news/health-portal/argentina-tem-149-focos-de-febre-aftosa
*  Japeri inicia vacinação contra febre aftosa | Jornal hora H
Japeri inicia vacinação contra febre aftosa on Jornal hora H , O secretário municipal de Agricultura e Pesca, Reginaldo Santos ... A febre aftosa é uma doença viral, altamente contagiosa, com impactos econômicos irreparáveis. Para o médico veterinário da ... "Caso ocorra um surto de febre aftosa num determinado município, todo o estado fica sem condições de vender a carne. O animal ...
  https://jornalhorah.com.br/japeri-inicia-vacinacao-contra-febre-aftosa
*  17 focos de febre aftosa detectados no Uruguai | ALERT® ONLINE - PT
Responsáveis governamentais da Agricultura do Uruguai detectaram dezassete focos de febre aftosa no centro e oeste do país.. ...
  http://www.alert-online.com/pt/news/health-portal/17-focos-de-febre-aftosa-detectados-no-uruguai
*  Ministro da Agricultura diz que pediu investigação sobre vacina contra febre aftosa | Negócios | Reuters
... às vacinas contra a febre aftosa', que estão no cerne da suspensão das exportações de carne in natura brasileira aos Estados ... Ministro da Agricultura diz que pediu investigação sobre vacina contra febre aftosa. ... às vacinas contra a febre aftosa", que estão no cerne da suspensão das exportações de carne in natura brasileira aos Estados ...
  https://br.reuters.com/article/businessNews/idBRKBN19S1TY-OBRBS
*  Blog J. Netto
Campanhacontra febre aftosa segue até 31 de maio e.... *Após decisão doSTF, Câmara avalia se retira benefí... ...
  http://blogjnetto.blogspot.com/2016/05/maradonaposta-foto-segurando-camisa-da.html
*  Artesãos maranhenses são reconhecidos
Febre Aftosa. *fecitec. *Fecoimp. *Feira da Madrugada. *Feira de Eventos de Imperatriz ...
  http://www.aldeiaglobal.net.br/2016/09/artesaos-maranhenses-sao-reconhecidos.html

Febre aftosaPecuária de corte: Pecuária de corte é um dos ramos de atividade que exerce o pecuarista, ou o criador de rebanho.Bubas bubalus: Bubas bubalus é uma espécie de insetos coleópteros polífagos pertencente à família Scarabaeidae.Joe Seneca: Joe Seneca (14 de Janeiro de 1919 – 15 de Agosto de 1996), foi um ator, compositor e cantor estaduniense, atuou em diversos filmes e programas de televisão, teve uma extensa carreira em Hollywood, encenando na maioria das vezes, pequenos trabalhos em grandes filmes entre a década de 1970 e a década de 1990.Surto: Surto é um termo usado na epidemiologia para identificar quantidades acima do normal de doenças contagiosas ou de ordem sanitária.Steps of an Outbreak Investigation, EXCITE | Epidemiology in the Classroom | Outbreak StepsEstrutura primária: A estrutura primária é dada pela sequência de aminoácidos ao longo da cadeia polipeptídica. É o nível estrutural mais simples e mais importante, pois dele deriva todo o arranjo espacial da molécula.Vacinação: Vacinação é o ato de se inocular nos seres vivos estados não ativos de agentes patogênicos para a criação de anticorpos contra as doençasLacaune (ovelha)Mudança antigénica: é o processo pelo qual duas ou mais diferentes estirpes de um vírus, ou estirpes de dois ou mais diferentes vírus, se combinam de modo a formar um novo subtipo cuja superfície possuiu uma mistura dos antígenos de duas ou mais das estirpes originais. O termo é muitas vezes aplicado especificamente para o caso da gripe, já que se trata do exemplo mais vulgar, mas o processo ocorre também noutros vírus.Long terminal repeat: Long Terminal Repeats (LTR) são grandes sequências repetitivas de nucleotídeos que medem centenas ou milhares de bases. As LTRs são encontradas nas extremidades de uma molécula de ácido nucléico, flanqueando genes funcionais, como em DNA retroviral e em retrotransposons.Antílope: Antílope é a designação comum para um grupo variado de mamíferos bovídeos. O grupo engloba espécies de diferentes subfamílias, por vezes mais aparentadas com vacas ou cabras que entre si.Lubricated GoatPeptídeoCulinária da África: Se alguma vez existiu uma culinária africana, no sentido de típica de todo o continente – o que é pouco provável, devido às suas enormes dimensões, tanto geográficas como humanas – essa culinária perdeu-se ao longo da história. Os africanos, como os povos dos restantes continentes, receberam “frutos” de todo o mundo, que incorporaram na sua dieta, assim como as próprias técnicas culinárias.Gregory WinterRim: Rim (lat. ren, grc.Hipopótamo-europeu: O Hipopótamo-europeu era uma espécie de hipopótamo que viveu por todo a Europa e extingui-se algum tempo depois da última idade do gelo. No fim do Pleistoceno esta espécie habitava desde a Península Ibérica até às Ilhas Britânicas e do Rio Reno até à Grécia.Integrina: As integrinas são proteínas de adesão presentes na membrana celular. A integrina está presente na constituição do hemidesmossomo, de modo que esta, une a placa de ancoragem com a fibrinina (proteína presente na lâmina basal).Fotossensibilidade: Fotossensibilidade é o quanto um objeto reage ao receber a estimulação de fotons da luz.Ribossoma: =anexo}} ou se(c)ção}} cita uma ou mais fontes fiáveis e independentes, mas ela(s) não cobre(m) todo o textoPor favor, [ melhore] este artigo providenciando mais fontes fiáveis e independentes e inserindo-as em notas de rodapé ou no corpo do texto, conforme o livro de estilo.}}Dictióteno: Chama-se de um estágio de dictióteno a permanência de uma célula na fase de prófase I da divisão meiótica, durante a ovogênese.Filogenética molecular: A filogenética molecular, também conhecida como sistemática molecular, é o uso das estruturas das moléculas com vista a se ganhar informação sobre as relações evolutivas de um organismo.


  • Brasil
  • O controle da febre aftosa na fronteira entre Brasil e Paraguai é o tema principal da reunião entre o ministro da Agricultura, Pecuária e Abastecimento, Reinhold Stephanes, e o ministro da Agricultura do Paraguai, Alfredo Molina, hoje (14), na Itaipu Binacional, em Foz do Iguaçu (PR). (itaipu.gov.br)
  • Em nota, o secretário de Defesa Agropecuária, Luis Rangel, disse que é preciso cautela, medidas técnicas e estudos científicos, pois o Brasil está em fase final de erradicação da aftosa e de reconhecimento como país livre da doença com vacinação, status que deverá ser obtido internacionalmente, em maio, junto à Organização Mundial de Saúde Animal (OIE). (reuters.com)
  • Após polêmicas e suspensões à carne brasileira, o Ministério da Agricultura, Pecuária e Abastecimento quer levar o Brasil a fazer parte da lista de 35 países que não realizam a vacinação contra Aftosa . (uol.com.br)
  • focos
  • Os últimos focos de aftosa no estado gaúcho, registrados em 2002, acarretaram em muitos prejuízos aos produtores em razão das limitações de exportação e da queda do preço da carne no mercado interno. (pravda.ru)
  • A febre aftosa propaga-se diariamente na Argentina, onde, sábado à noite, estavam identificados 149 focos da doença, na sua maioria no distrito de Buenos Aires. (alert-online.com)
  • Responsáveis governamentais da Agricultura do Uruguai detectaram dezassete focos de febre aftosa no centro e oeste do país. (alert-online.com)
  • Agricultura
  • SÃO PAULO (Reuters) - O ministro da Agricultura, Blairo Maggi, afirmou nesta sexta-feira que pediu à pasta "uma investigação com respeito às vacinas contra a febre aftosa", que estão no cerne da suspensão das exportações de carne in natura brasileira aos Estados Unidos por causa de abscessos (caroços) na proteína. (reuters.com)
  • SÃO PAULO (Reuters) - O Ministério da Agricultura definiu que a nova vacina contra a febre aftosa, em doses de 2 mililitros, valerá a partir da campanha oficial de vacinação de maio de 2019, de acordo com comunicado divulgado na noite de quarta-feira. (reuters.com)
  • O Ministério da Agricultura, Pecuária e Abastecimento (Mapa) aprovou versão definitiva do Plano Estratégico do Programa Nacional de Erradicação e Prevenção da Febre Aftosa (PNEFA), por meio da Portaria nº 116, publicada na segunda-feira (02), no Diário Oficial da União. (portaldoagronegocio.com.br)
  • gado
  • Dois vírus desencadeiam a febre aftosa humana, que não tem relação com a doença de mesmo nome que atinge o gado: o "enterovirus 71" (EV71) - maior causador das mortes na China - e o "coxsackie A16", com sintomas semelhantes. (ig.com.br)
  • Devido a isso, nas épocas de vacinação contra febre-aftosa (a cada seis meses), a IDARON vacina o gado boliviano que esteja em propriedades a menos de 50 quilômetros da fronteira. (wikipedia.org)
  • humana
  • Phnom Penh (Agência Fides) - Segundo alguns especialistas, o alto índice de desnutrição no Camboja causou a rápida propagação de uma epidemia de febre aftosa humana que, desde abril passado, matou 54 meninos e meninas pobres. (fides.org)
  • Segundo a OMS, no decorrer deste ano, foram registrados na China mais de 1,27 milhões de casos de febre aftosa humana leve e severa, com 356 mortos, contra pouco mais de 711.300 casos do ano passado. (fides.org)
  • Grande
  • Ha mais de quatro dias com febre.ele que estava a comer muito bem,para grande alegria da avó,que se viu atrapalhada com a Matilde quando a levou a Portugal em fevereiro. (blogspot.com)
  • boca
  • O EV71 é altamente contagioso, e se manifesta a princípio com una ligeira febre, seguida de feridas e úlceras na boca, e erupções nas mãos e nos pés. (ig.com.br)