Bactérias: Um dos três domínios da vida, também denominado Eubacterias (os outros são Eukarya e ARCHAEA). São micro-organismos procarióticos, unicelulares, com parede celular geralmente rígida. Multiplicam-se por divisão celular e apresentam três formas principais: redonda (cocos), bastonete (bacilos) e espiral (espiroquetas). Podem ser classificadas pela resposta ao OXIGÊNIO (aeróbicas, anaeróbicas, ou anaeróbicas facultativas), pelo modo de obter energia: quimiotróficas (via reação química) ou PROCESSOS FOTOTRÓFICOS (via reação com luz), quimiotróficas, pela fonte de energia química. As quimiolitotróficas (a partir de compostos inorgânicos) ou CRESCIMENTO QUIMIOAUTOTRÓFICO (a partir de compostos orgânicos), e pela fonte de CARBONO, NITROGÊNIO, etc. PROCESSOS HETEROTRÓFICOS (a partir de fontes orgânicas) e PROCESSOS AUTOTRÓFICOS (a partir de DIÓXIDO DE CARBONO). Podem também ser classificadas por serem coradas ou não (com base na estrutura da PAREDE CELULAR) pelo CRISTAL VIOLETA: Gram-positivas ou Gram-negativas.Bactérias Gram-Negativas: Bactérias que perdem a coloração de cristal violeta, mas ficam coloridas em rosa quando tratadas pelo método de Gram.Bactérias Gram-Positivas: Bactérias que retêm a coloração de cristal violeta quando tratadas pelo método de Gram.Bactérias AnaeróbiasRNA Ribossômico 16S: Constituintes da subunidade 30S dos ribossomos procarióticos contendo 1600 nucleotídeos e 21 proteínas. O RNAr 16S encontra-se envolvido no início da síntese polipeptídica.Bactérias AeróbiasDNA Bacteriano: Ácido desoxirribonucléico que forma o material genético de bactérias.Dados de Sequência Molecular: Descrições de sequências específicas de aminoácidos, carboidratos ou nucleotídeos que apareceram na literatura publicada e/ou são depositadas e mantidas por bancos de dados como o GENBANK, European Molecular Biology Laboratory (EMBL), National Biomedical Research Foundation (NBRF) ou outros repositórios de sequências.Proteínas de Bactérias: Proteínas encontradas em qualquer espécie de bactéria.Filogenia: Relacionamentos entre grupos de organismos em função de sua composição genética.Escherichia coli: Espécie de bactérias Gram-negativas, facultativamente anaeróbicas, em forma de bastão (BACILOS GRAM-NEGATIVOS ANAERÓBIOS FACULTATIVOS) comumente encontrada na parte mais baixa do intestino de animais de sangue quente. Geralmente não é patogênica, embora algumas linhagens sejam conhecidas por produzir DIARREIA e infecções piogênicas. As linhagens patogênicas (virotipos) são classificadas pelos seus mecanismos patogênicos específicos como toxinas (ESCHERICHIA COLI ENTEROTOXIGÊNICA), etc.DNA Ribossômico: Sequências de DNA que codificam o RNA RIBOSSÔMICO e os segmentos de DNA separando os genes individuais do RNA ribossômico, citados como DNA ESPAÇADOR RIBOSSÔMICO.Análise de Sequência de DNA: Processo de vários estágios que inclui clonagem, mapeamento físico, subclonagem, determinação da SEQUÊNCIA DE DNA e análise de informação.Microbiologia da Água: Presença de bactérias, vírus e fungos na água. A expressão não se restringe [apenas] aos organismos patogênicos.Bactérias Aeróbias Gram-Negativas: Amplo grupo de bactérias aeróbicas que se mostram róseas (negativas) quando tratadas pelo método da coloração de Gram. Isto ocorre, pois a parede celular das bactérias Gram-negativas tem baixo conteúdo de peptideoglicanos, portanto apresentam baixa afinidade pela cor violeta e alta afinidade pelo corante rosa da safranina.Bactérias Anaeróbias Gram-Negativas: Grande grupo de bactérias anaeróbias que aparecem em rosa (negativo) quando tratadas pelo método de coloração de Gram.Fenômenos Fisiológicos Bacterianos: Processos e propriedades fisiológicas de BACTÉRIAS.Microbiologia do Solo: Presença de bactérias, vírus, e fungos no solo. A expressão não se restringe a organismos patogênicos.Antibacterianos: Substâncias que reduzem a proliferação ou a reprodução de BACTÉRIAS.Bactérias Redutoras de Enxofre: Grupo de bactérias Gram-negativas anaeróbias que são capazes de oxidar acetato completamente até dióxido de carbono, utilizando enxofre elementar como aceptor de elétrons.Genes Bacterianos: Unidades hereditárias funcionais das BACTERIAS.RNA Bacteriano: Ácido ribonucleico das bactérias, que tem papéis regulatórios e catalíticos, tanto quanto envolvimento na síntese proteica.Água do Mar: Água salinizada dos OCEANOS E MARES que supre habitat para organismos marinhos.Contagem de Colônia Microbiana: Enumeração por contagem direta de CÉLULAS ou ESPOROS viáveis isolados de bactérias, archaea ou fungos capazes de crescerem em MEIOS DE CULTURA sólidos. O método é usado rotineiramente por microbiologistas ambientais para quantificar organismos no AR, ALIMENTOS E ÁGUA; por clínicos, para medir a resistência microbiana dos pacientes e no teste de medicamentos antimicrobianos.Regulação Bacteriana da Expressão Gênica: Qualquer dos processos pelos quais os fatores citoplasmáticos ou intercelulares influem no controle diferencial da ação gênica nas bactérias.Meios de Cultura: Qualquer preparação líquida ou sólida preparada especificamente para o crescimento, armazenamento ou transporte de micro-organismos ou outros tipos de células. A variedade de meios existentes (como os meios diferenciados, seletivos, para teste, e os definidos) permite o cultivo de micro-organismos e tipos celulares específicos. Os meios sólidos são constituídos de meios líquidos que foram solidificados com um agente como AGAR ou GELATINA.Anaerobiose: Ausência completa (ou apenas deficiência) de oxigênio elementar gasoso ou dissolvido, em um dado lugar ou ambiente.Genes de RNAr: Genes encontrados tanto nos procariotos como nos eucariotos, que são transcritos para produzir o RNA que é incorporado nos RIBOSSOMOS. Os genes dos RNAr procarióticos geralmente são encontrados em óperon dispersados no GENOMA, enquanto os genes dos RNAr eucarióticos são unidades transcritivas multicistrônicas agrupadas.Genoma Bacteriano: Complemento genético de uma BACTÉRIA como representado em seu DNA.Simbiose: Relação entre duas espécies diferentes de organismos que são interdependentes; uma ganha benefícios da outra ou uma relação entre diferentes espécies em que ambos os organismos em questão se beneficiam da presença do outro.Composição de Bases: Quantidades relativas de PURINAS e PIRIMIDINAS em um ácido nucleico.Biodegradação Ambiental: Eliminação de POLUENTES AMBIENTAIS, PRAGUICIDAS e outros resíduos usando organismos vivos, geralmente envolvendo intervenção de engenheiros ambiental ou saneamento.Aderência Bacteriana: Propriedade físico-química de bactérias fimbriadas (FÍMBRIAS BACTERIANAS) e não fimbriadas de se ligar a células, tecidos e superfícies não biológicas. É um fator em colonização e patogenicidade bacteriana.Sequência de Aminoácidos: Ordem dos aminoácidos conforme ocorrem na cadeia polipeptídica. Isto é chamado de estrutura primária das proteínas. É de importância fundamental para determinar a CONFORMAÇÃO DA PROTEÍNA.Pseudomonas: Gênero de bactérias em forma de bastonete, Gram-negativas e aeróbias, que são amplamente distribuídas na natureza. Algumas espécies são patogênicas a humanos, animais e plantas.Especificidade da Espécie: Restrição de um comportamento característico, estrutura anatômica ou sistema físico, como resposta imunológica, resposta metabólica ou gene ou variante gênico dos membros de uma espécie. Refere-se às propriedades que diferenciam uma espécie de outra, mas também se usa para níveis filogenéticos superiores ou inferiores ao nível de espécie.Enterobacteriaceae: Família de bactérias Gram-negativas, anaeróbias facultativas e em forma de bastonete, que não formam endosporos. Seus organismos são distribuídos por todo o mundo, alguns sendo saprófitas e outros parasitas de plantas e animais. Muitas espécies são de considerável importância econômica devido a seus efeitos patogênicos na agricultura e em animais de criação.Sequência de Bases: Sequência de PURINAS e PIRIMIDINAS em ácidos nucleicos e polinucleotídeos. É chamada também de sequência nucleotídica.Água Doce: Água contendo quantidades insignificantes de sais, como as águas dos RIOS e LAGOS.Técnicas Bacteriológicas: Técnicas usadas para estudar as bactérias.Gammaproteobacteria: Grupo de proteobactérias que compreende bactérias Gram-negativas fermentadoras e facultativamente anaeróbias.Biofilmes: Incrustações, formadas por micróbios (bactérias, algas, fungos, plâncton ou protozoários) mergulhados em polímeros extracelulares, que aderem a superfícies como dentes (DEPÓSITOS DENTÁRIOS), PRÓTESES E IMPLANTES e cateteres. Os biofilmes são impedidos de se formarem pelo tratamento das superfícies com DENTIFRÍCIOS, DESINFETANTES, ANTI-INFECCIOSOSOS e agentes anti-incrustantes.Testes de Sensibilidade Microbiana: Qualquer teste que demonstre a eficácia relativa de diferentes agentes quimioterápicos contra micro-organismos específicos (isto é, bactérias, fungos, vírus).Infecções Bacterianas: Infecções por bactérias, gerais ou inespecíficas.Fermentação: Degradação anaeróbica da GLUCOSE (ou de outros nutrientes orgânicos), que fornece energia em forma de ATP. Os produtos finais variam, dependendo dos organismos, substratos e das vias enzimáticas. Entre os produtos comuns de fermentação estão o ETANOL e o ÁCIDO LÁTICO.Sedimentos Geológicos: Massa de material sólido fragmentado, orgânico ou inorgânico, ou o próprio fragmento sólido, que vem do desgaste das rochas, sendo transportado, suspenso ou aprisionado pelo ar, água ou gelo. Refere-se também a uma massa acumulada por qualquer outro agente natural e que se deposita em camadas na superfície terrestre, como areia, pedregulhos, lodo, lama, terra ou argila.Proteobactérias: Filo composto por bactérias púrpura e seus parentes, que constitui um ramo da árvore eubacteriana. Este grupo de bactérias predominantemente Gram-negativas é classificado com base na homologia de sequências nucleotídicas equivalentes de RNA ribossômico 16S, ou pela hibridização de RNA ou DNA ribossômico com 16S e RNA ribossômico com 23S.Bacteroides: Gênero de bactérias Gram-negativas anaeróbias em forma de bastonete. Seus organismos são habitantes normais das cavidades oral, respiratória, intestinal e urogenital de humanos, animais e insetos. Algumas espécies podem ser patogênicas.Aerobiose: Reações vitais ou metabólicas que ocorrem em um meio ambiente contendo oxigênio.Técnicas de Tipagem Bacteriana: Procedimentos para identificação de tipos e variedades de bactérias. Os sistemas de tipagem mais frequentemente empregados são TIPAGEM DE BACTERIÓFAGO e SOROTIPAGEM bem como tipagem de bacteriocinas e biotipagem.Pseudomonas aeruginosa: Espécie de bactérias em bastonete, gram-negativas e aeróbias, comumente isoladas de amostras clínicas (feridas, queimaduras e infecções do trato urinário). Também é amplamente distribuída no solo e na água. P. aeruginosa é um dos principais agentes de infecção hospitalar.Staphylococcus aureus: Bactérias potencialmente patogênicas encontradas em membranas nasais, pele, folículos pilosos e períneo de animais homeotermos. Podem causar diversos tipos de infecções e intoxicações.Betaproteobacteria: Classe de bactérias (filo PROTEOBACTÉRIAS) composta por quimioeterótrofos e quimioautótrofos que transformam nutrientes a partir de matéria orgânica em decomposição.Viabilidade Microbiana: Capacidade de um micróbio sobreviver abaixo de determinadas condições. Pode também estar relacionado a uma capacidade da colônia para replicar-se.Vibrio: Gênero de VIBRIONACEAE composto de curtos bacilos ligeiramente curvos, com motilidade, que são Gram-negativos. Várias espécies produzem cólera e outros distúrbios gastrointestinais, bem como causam aborto em ovelhas e vacas.Streptococcus: Gênero de bactérias cocoides Gram-positivas cujos organismos ocorrem aos pares ou em cadeias. Endosporos não são produzidos. Várias espécies existem como comensais ou parasitas do homem e animais, sendo que algumas espécies são altamente patogênicas. Algumas espécies são saprofíticas e ocorrem no ambiente natural.Cytophaga: Gênero de bactérias Gram-negativas deslizantes encontradas no SOLO, HÚMUS, ÁGUA DOCE e habitats marinhos.Virulência: Grau de patogenicidade dentro de um grupo ou espécies de micro-organismos ou vírus, conforme indicado pela taxa de fatalidade dos casos e/ou pela capacidade do organismo invadir os tecidos do hospedeiro. A capacidade patogênica de um organismo é determinada por seus FATORES DE VIRULÊNCIA.Concentração de Íons de Hidrogênio: Normalidade de uma solução com relação a íons de HIDROGÊNIO, H+. Está relacionada com medições de acidez na maioria dos casos por pH = log 1/2[1/(H+)], onde (H+) é a concentração do íon hidrogênio em equivalentes-grama por litro de solução. (Tradução livre do original: McGraw-Hill Dictionary of Scientific and Technical Terms, 6th ed)Ácidos Graxos: Ácidos monobásicos orgânicos derivados de hidrocarbonetos pela oxidação equivalente de um grupo metil em um álcool, aldeído e, então, ácido. Ácidos graxos são saturados e não saturados (ÁCIDOS GRAXOS NÃO SATURADOS).Bacillus: Gênero de BACILLACEAE que são células bastonetes formadoras de esporos. A maioria das espécies são formas saprofíticas do solo, sendo apenas poucas espécies patogênicas.Temperatura Ambiente: Propriedade de objetos que determina a direção do fluxo de calor quando eles são posicionados em contato térmico direto. A temperatura é a energia dos movimentos microscópicos (translacionais e de vibração) das partículas dos átomos.Clonagem Molecular: Inserção de moléculas de DNA recombinante de origem procariótica e/ou eucariótica em um veículo replicante, tal como um plasmídeo ou vírus vetores, e a introdução das moléculas híbridas resultantes em células receptoras, sem alterar a viabilidade dessas células.Reação em Cadeia da Polimerase: Método in vitro para produção de grandes quantidades de DNA específico ou fragmentos de RNA de comprimento definido de pequenas quantidades de oligonucleotídeos curtos de sequências flanqueantes (iniciadores ou "primers"). O passo essencial inclui desnaturação térmica de moléculas alvo da dupla fita, reassociação dos primers a suas sequências complementares e extensão do iniciador reassociado pela síntese enzimática com DNA polimerase. A reação é eficiente, específica e extremamente sensível. A utilização da reação inclui diagnóstico de doenças, detecção de patógenos difíceis de se isolar, análise de mutações, teste genético, sequenciamento de DNA e análise das relações evolutivas.Plasmídeos: Moléculas extracromossômicas, geralmente de DNA CIRCULAR, que são autorreplicantes e transferíveis de um organismo a outro. Encontram-se em uma variedade de bactérias, Archaea, fungos, algas e espécies de plantas. São usadas na ENGENHARIA GENÉTICA como VETORES DE CLONAGEM.Oxirredução: Reação química em que um elétron é transferido de uma molécula para outra. A molécula doadora do elétron é o agente de redução ou redutor; a molécula aceitadora do elétron é o agente de oxidação ou oxidante. Os agentes redutores e oxidantes funcionam como pares conjugados de oxidação-redução ou pares redox (tradução livre do original: Lehninger, Principles of Biochemistry, 1982, p471).Salmonella typhimurium: Sorotipo de Salmonella enterica que é frequente agente de gastroenterite por Salmonella em humanos. Também causa FEBRE PARATIFOIDE.Archaea: Um dos três domínios de vida (os outros são BACTÉRIAS e EUCARIOTOS), anteriormente chamado Archaebacteria no táxon Bactéria, mas atualmente considerado separadamente e distinto. São caracterizados por: 1) presença de RNA de transferência e RNA ribossômicos característicos; 2) ausência de paredes celulares de peptidoglicanas; 3) presença de lipídeos com ligações éter, construídos de subunidades de cadeias ramificadas e 4) sua ocorrência em habitats pouco usuais. Enquanto as Archaea se parecem com as bactérias na organização genômica e morfológica, assemelham-se aos eucariontes em seu método de replicação genômica. O domínio contém ao menos quatro reinos: CRENARCHAEOTA, EURYARCHAEOTA, NANOARCHAEOTA e KORARCHAEOTA.Mutação: Qualquer mudança detectável e hereditária que ocorre no material genético causando uma alteração no GENÓTIPO e transmitida às células filhas e às gerações sucessivas.Fungos: Reino de organismos eucarióticos e heterotróficos que vivem parasitariamente como sáprobios, incluindo COGUMELOS, LEVEDURAS, fuligens, bolores ou mofos, etc. Reproduzem-se sexuada ou assexuadamente e possuem ciclos de vida que variam de simples a complexo. Os fungos filamentosos, geralmente conhecidos como 'mofo', referem-se àqueles que crescem como colônias multicelulares.Fezes: Excrementos oriundos do INTESTINO que contêm sólidos não absorvidos, resíduos, secreções e BACTÉRIAS do SISTEMA DIGESTÓRIO.Infecções por Bactérias Gram-Negativas: As infecções causadas por bactérias que se coram de rosa (negativa) quando tratadas pelo método de coloração do gram.Antibiose: Associação natural entre organismos que é prejudicial para pelo menos um deles. Frequentemente se refere à produção de compostos químicos por um micro-organismo que são nocivos a outro.Clostridium: Gênero de bactérias (família Clostridiaceae) Gram-positivas, móveis ou imóveis, com várias espécies identificadas, sendo algumas patogênicas. Ocorrem na água, solo e trato intestinal de humanos e de animais inferiores.Homologia de Sequência de Aminoácidos: Grau de similaridade entre sequências de aminoácidos. Esta informação é útil para analisar a relação genética de proteínas e espécies.Eubacterium: Gênero de bactérias Gram-positivas, em forma de bastonete, encontradas nas cavidades de humanos e animais, produtos animais e vegetais, infecção de tecidos moles e no solo. Algumas espécies podem ser patogênicas. Não há formação de endosporos. Não confundir Eubacterium (gênero) com EUBACTERIA (um dos três domínios da vida).Bacillus subtilis: Espécie de bactéria Gram-positiva que é um saprófita comum do solo e da água.Intestinos: Seção do canal alimentar que vai do ESTÔMAGO até o CANAL ANAL. Inclui o INTESTINO GROSSO e o INTESTINO DELGADO.Actinobacteria: Classe de BACTÉRIAS com várias propriedades morfológicas. As linhagens de Actinobactérias mostram entre si uma similaridade maior que 80 por cento na sequência do 16S DNAr/RNAr, bem como a presença de algumas assinaturas nucleotídicas (Tradução livre do original: Stackebrandt E et al, Int J Syst Bacteriol (1997) 47: 479-91).Boca: Cavidade oral ovalada (localizada no ápice do trato digestivo) composta de duas partes: o vestíbulo e a cavidade oral propriamente dita.Proteínas da Membrana Bacteriana Externa: Proteínas isoladas da membrana externa de bactérias Gram-negativas.Corynebacterium: Gênero de bactérias asporogênicas que são amplamente distribuídas na natureza. Seus organismos são bacilos retos ou ligeiramente curvos, e são conhecidos por serem parasitas e patógenos de humanos e animais.Carga Bacteriana: Quantidade mensurável de bactéria em um objeto, organismo ou compartimento de organismo.Alinhamento de Sequência: Combinação de dois ou mais aminoácidos ou sequências de bases de um organismo ou organismos de tal forma a alinhar áreas das sequências de distribuição das propriedades comuns. O grau de correlação ou homologia entre as sequências é previsto computacionalmente ou estatisticamente, baseado nos pesos determinados dos elementos alinhados entre as sequências. Isto pode servir como um indicador potencial de correlação genética entre os organismos.Fagocitose: Engolfamento e degradação de micro-organismos, outras células que estejam mortas ou morrendo ou doentes e partículas estranhas por células fagocíticas (FAGÓCITOS).Microbiologia de Alimentos: Presença de bactérias, vírus e fungos em alimentos e produtos alimentícios. Esse termo não se restringe a organismos patogênicos: a presença da várias bactérias e fungos não patogênicos em queijos e vinhos, por exemplo, está incluída neste conceito.Trato Gastrointestinal: Geralmente refere-se às estruturas digestórias que se estendem da BOCA ao ÂNUS, sem incluir os órgãos glandulares acessórios (FÍGADO, TRATO BILIAR, PÂNCREAS)Deltaproteobacteria: Grupo de PROTEOBACTÉRIAS representado por sulfetógenos anaeróbicos, morfologicamente diferentes entre si. Alguns membros deste grupo são considerados predadores bacterianos, apresentando propriedades bacteriolíticas.Bacilos e Cocos Aeróbios Gram-Negativos: Grupo de bactérias gram-negativas que compreende células em forma de bacilos e cocos. São tanto aeróbias (capazes de crescer em atmosfera de ar) quanto microaerofílicas (crescem melhor em baixas concentrações de oxigênio) sob condições de fixação de nitrogênio, mas quando supridas com fonte de nitrogênio já fixado, crescem como aeróbias.Listeria monocytogenes: Espécie de bactéria Gram-positiva, em forma de bastonete, que é amplamente distribuída na natureza. Foi isolada de esgotos, do solo, de depósitos de cereais e das fezes de animais saudáveis e do homem. A infecção por esta bactéria leva à encefalite, meningite, endocardite e aborto.Parede Celular: Camada mais externa de uma célula na maioria das PLANTAS, BACTÉRIAS, FUNGOS e ALGAS. Geralmente é uma estrutura rígida externa à MEMBRANA CELULAR, e oferece uma barreira protetora contra agentes físicos e químicos.Bacteroidetes: Filo de bactéria composto de três classes: Bacteroides, Flavobacteria e Sphingobacteria.Transferência Genética Horizontal: Transmissão de informação genética que ocorre naturalmente entre organismos, aparentados ou sem parentesco, burlando a transmissão de descendência dos pais. A tranferência gênica horizontal pode ocorrer através de uma variedade de processos que ocorrem naturalmente, como CONJUGAÇÃO GENÉTICA, TRADUÇÃO GENÉTICA e TRANSFECÇÃO. Essa transmissão pode resultar em uma troca da composição genética do organismo receptor (TRANSFORMAÇÃO GENÉTICA).Chlorobi: Filo de bactérias anoxigênicas e fototrópicas que inclui a família Cholorobiacea. Ocorre em sedimentos aquáticos, fontes sulfurosas e quentes e utilizam compostos sulfurosos reduzidos em vez de oxigênio.Farmacorresistência Bacteriana: Capacidade da bactéria em resistir ou tornar-se tolerante aos agentes quimioterápicos, antimicrobianos ou a antibióticos. Essa resistência pode ser adquirida através de mutação gênica ou plasmídeos transmissíveis com DNA estranho (FATORES R).Microbiologia do Ar: Presença de bactérias, vírus, e fungos no ar. Esta expressão não se restringe a organismos patogênicos.Resistência Microbiana a Medicamentos: Capacidade de micro-organismos (especialmente bactérias) em resistir ou tornar-se tolerante a agentes quimioterápicos, antimicrobianos ou a antibióticos. Essa resistência pode ser adquirida através de mutação gênica ou plasmídeos transmissíveis com DNA estranho (FATORES R).Probióticos: SUPLEMENTOS ALIMENTARES com micróbios vivos que afetam beneficamente o animal hospedeiro, melhorando seu equilíbrio microbiano intestinal. Antibióticos e outros compostos relacionados não estão incluídos nessa definição. Lactobacilos geralmente são usados em humanos como probióticos, tanto como espécie única como em cultura mista com outra bactéria. Outros gêneros que têm sido usados são bifidobactérias e estreptococos (Tradução livre do original: J Nutr, 1995;125:1401-12).Fenótipo: Aparência externa do indivíduo. É o produto das interações entre genes e entre o GENÓTIPO e o meio ambiente.Fusobacterium: Gênero de bactérias Gram-negativas anaeróbias, em forma de bastonete, que são encontradas nas cavidades de humanos e outros animais. Não são formados endosporos. Algumas espécies são patogênicas e ocorrem em diversas infecções purulentas ou gangrenosas.Óperon: Em bactérias, um grupo de genes metabolicamente relacionados com um promotor comum, cuja transcrição em um único RNA MENSAGEIRO policistrônico está sob controle de uma REGIÃO OPERADORA.Flavobacterium: Gênero de bactérias em bastonetes que são Gram-negativas e aeróbias, amplamente distribuídas no SOLO e na ÁGUA. Seus organismos também são encontrados em carnes cruas, LEITE e outros ALIMENTOS, ambientes hospitalares e amostras clínicas de humanos. Algumas espécies são patogênicas em humanos.Actinomycetales: Ordem de BACTÉRIAS Gram-positivas (principalmente aeróbicas) que tendem a formar filamentos ramificados.Cloreto de Sódio: Sal de sódio ubíquo que é comumente usado para temperar comida.Cocos Gram-Positivos: Bactérias em forma de cocos que retêm a coloração de cristal violeta quando tratadas pelo método de Gram.Microbiologia Ambiental: Estudo dos micro-organismos que vivem em diferentes ambientes (ar, solo, água, etc.) e sua relação patogênica com outros organismos inclusive o ser humano.Metagenoma: Conjunto representativo do genoma dos muitos organismos, principalmente microrganismos, que existem em uma comunidade.Lactobacillaceae: Família de bactérias Gram-positivas encontradas regularmente na boca e trato intestinal do homem e outros animais, em alimentos e derivados do leite e em sucos vegetais fermentados. Algumas espécies são altamente patogênicas.Ecossistema: 1) Sistema funcional que inclui os organismos de uma comunidade natural junto a seu ambiente. (MeSH/NLM)(Tradução livre do original: McGraw Hill Dictionary of Scientific and Technical Terms, 4th ed) 2)Sistema aberto integrado pelos organismos vivos (inclusive o homem) e os elementos não vivos de um setor ambiental definido no tempo e no espaço, cujas propriedades globais de funcionamento e autorregulação derivam da interação entre seus componentes, tanto pertencentes aos sistemas naturais como aqueles modificados ou organizados pelo próprio homem. 3) Complexo constituído pelo biótopo e pela biocenose (Material III - Ministério da Ação Social, Brasília, 1992)Oxirredutases: Classe de todas as enzimas que catalisam reações de oxidorredução. O substrato que é oxidado é considerado doador de hidrogênio. O nome sistemático é baseado na oxidorredutase doador:receptor. O nome recomendado é desidrogenase, onde for possível. Como alternativa, redutase pode ser usado. O termo oxidase é usado apenas nos casos em que o O2 é o receptor.Salmonella: Gênero de bactérias Gram-negativas, facultativamente anaeróbias e em forma de bastonete, que utilizam citrato como única fonte de carbono. São patogênicas em humanos, causando febre entérica, gastroenterite e bacteremia. Envenenamento alimentar é a manifestação clínica mais comum. Organismos deste gênero são separados com base nas características antigênicas, padrões de fermentação de açúcar e suscetibilidade a bacteriófago.PeptidoglicanoEnxofre: Elemento membro da família dos calcogênios. Tem por símbolo atômico S, número atômico 16 e peso atômico [32.059; 32.076]. É encontrado em aminoácidos cisteína e metionina.Metano: O hidrocarboneto saturado mais simples. É um gás incolor, inflamável, levemente solúvel em água. É um dos principais constituintes do gás natural e é formado pela decomposição de matéria orgânica.Anti-Infecciosos: Substâncias que impedem a disseminação de agentes ou organismos infecciosos ou que matam agentes infecciosos para impedir a disseminação da infecção.Percepção de Quorum: Fenômeno no qual os micro-organismos se comunicam e coordenam seu comportamento, acumulando moléculas sinalizadoras. A reação ocorre quando uma sustância acumulada atinge uma concentração adequada. É muito comum na maioria das bactérias.Staphylococcus: Gênero de bactérias cocoides, Gram-positivas e facultativamente anaeróbias. Seus organismos ocorrem individualmente, aos pares e em tétrades, e caracteristicamente se dividem em mais de um plano para formar grupos irregulares. Populações naturais de Staphylococcus são encontradas na pele e nas mucosas de animais homeotérmicos. Algumas espécies são patógenos oportunistas de humanos e animais.Pseudoalteromonas: Gênero de BACTÉRIAS GRAM-NEGATIVAS AERÓBICAS de origem marinha. Muitas espécies foram formalmente classificadas como ALTEROMONAS.Biodiversidade: A variedade de todos os órgãos vivos autóctones e suas diversas formas e inter-relações. (MeSH, 2010) Conteúdo vivo da Terra em seu conjunto, tudo quanto vive nos oceanos, nas montanhas e nos bosques. Encontramo-la em todos os níveis, desde a molécula de DNA até os ecossistemas e a biosfera. Todos os sistemas e entidades biológicas estão interconectadas e são interdependentes. A importância da biodiversidade fundamenta-se no fato de nos facilitar serviços essenciais: protege e mantém os solos, regula o clima e torna possível a biossíntese, proporcionando-nos assim o oxigênio que respiramos e a matéria básica para nossos alimentos, vestuário, medicamentos e habitações. (Tradução livre do original: Material IV - Glosario de Protección Civil, OPS, 1992)Microscopia Eletrônica: Microscopia que utiliza um feixe de elétrons, em vez de luz, para visualizar a amostra, permitindo assim uma grande amplificação. As interações dos ELÉTRONS com as amostras são usadas para fornecer informação sobre a estrutura fina da amostra. Na MICROSCOPIA ELETRÔNICA DE TRANSMISSÃO, as reações dos elétrons transmitidas através da amostra são transformadas em imagem. Na MICROSCOPIA ELETRÔNICA DE VARREDURA, um feixe de elétrons incide em um ângulo não normal sobre a amostra e a imagem é formada a partir de reações que ocorrem acima do plano da amostra.Bacteroidaceae: Família de bactérias Gram-negativas que são encontradas principalmente nos tratos intestinais e mucosas de animais homeotérmicos. Às vezes, seus organismos são patogênicos.Fixação de Nitrogênio: Processo (em certas BACTÉRIAS, FUNGOS e CIANOBACTÉRIAS) de conversão do NITROGÊNIO livre da atmosfera para formas de nitrogênio biologicamente utilizáveis, como AMÔNIA, NITRATOS e compostos aminados.Eliminação de Resíduos Líquidos: Aplica-se a soluções adotadas para a eliminação de águas residuárias exceto as indicadas por descritor mais específico.Bifidobacterium: Gênero de bactérias (família Bifidobacteriaceae, ordem bifidobacteriales, classe ACTINOBACTERIA) Gram-positivas, em forma de bastonete, não resistentes a ácido, não formadoras de esporos e sem motilidade. Habitam intestinos e fezes de humanos, bem como a vagina humana.Biologia Marinha: Estudo da origem, estrutura, desenvolvimento, crescimento, função, genética e reprodução de organismos que habitam os OCEANOS E MARES.Microscopia Eletrônica de Varredura: Microscopia em que o objeto é examinado diretamente por uma varredura de feixe de elétrons na amostra ponto-a-ponto. A imagem é construída por detecção de produtos de interação da amostra que são projetados acima do seu plano como elétrons dispersos no plano oposto. Embora a MICROSCOPIA ELETRÔNICA DE TRANSMISSÃO também varra ponto-a-ponto a amostra com o feixe de elétrons, a imagem é construída pela detecção de elétrons, ou de seus produtos de interação que são transmitidos através do plano da amostra, formando desta maneira, a MICROSCOPIA ELETRÔNICA DE TRANSMISSÃO.Hibridização de Ácido Nucleico: Técnica amplamente usada que explora a capacidade de sequências complementares de DNAs ou RNAs de fita simples para parear entre si formando uma dupla hélice. A hibridização pode ocorrer entre duas sequências complementares de DNA, entre DNA de fita simples e um RNA complementar, ou entre duas sequências de RNA. A técnica é usada para detectar e isolar sequências específicas, medir homologia, ou definir outras características de uma ou ambas as cadeias. (Tradução livre do original: Kendrew, Encyclopedia of Molecular Biology, 1994, p503)Temperatura Alta: Presença de calor ou de uma temperatura notadamente maior do que a normal.Fatores de Virulência: Componentes de um organismo que determinam sua capacidade para provocar doença, mas não são necessários para sua viabilidade. Tem sido caracterizadas duas classes: TOXINAS BIOLÓGICAS e moléculas de adesão de superfície que executam a capacidade do micro-organismo invadir e colonizar um hospedeiro. (Tradução livre do original: From Davis et al., Microbiology, 4th ed. p486)Lipopolissacarídeos: Componente principal da parede celular das bactérias Gram-negativas; os lipopolissacarídeos são endotoxinas e importantes antígenos grupo-específicos (antígenos O). A molécula de lipopolissacarídeo consiste em três partes. O LIPÍDEO A, um glicolipídeo responsável pela atividade endotóxica, é ligado covalentemente a uma cadeia de heteropolissacarídeo que tem duas partes, o polissacarídeo central, que é constante dentro de raças relacionadas, e a cadeia O-específica, que é altamente variável. O lipopolissacarídeo de Escherichia coli é um mitógeno (ativador policlonal) para células B, comumente usado em imunologia laboratorial. Abrevia-se como LPS. (Dorland, 28a ed)Pseudomonas fluorescens: Espécie de bactérias fluorescentes não patogênicas que são encontradas nas fezes, esgotos, no solo e na água, e que liquefazem gelatina.Enterococcus faecalis: Espécie de bactéria cocoide Gram-positiva que é comumente isolada de amostras clínicas e do trato intestinal humano. A maioria das cepas não é hemolítica.Peptostreptococcus: Gênero de bactérias cocoides, Gram-positivas e anaeróbias, que são parte da flora normal de humanos. Seus organismos são patógenos oportunistas, causando bacteremias e infecções de tecido mole.Interações Hospedeiro-Patógeno: Interações entre um hospedeiro e um patógeno, geralmente resultando em doença.Bactérias Gram-Negativas Quimiolitotróficas: Grande grupo de bactérias que inclui aquelas que oxidam amônia ou nitrito, metabolizam enxofre e compostos de enxofre ou depositam óxidos de ferro e/ou manganês.Flagelos: Apêndice móvel (forma de chicote) presente na superfície das células. Os flagelos dos procariotos são compostos por uma proteína chamada FLAGELINA. As bactérias podem apresentar um único flagelo (um tufo em um polo) ou múltiplos flagelos revestindo totalmente sua superfície. Em eucariotos, os flagelos são extensões filamentosas protoplasmáticas utilizadas para propelir flagelados e espermatozoides. Os flagelos apresentam a mesma estrutura básica dos CÍLIOS, mas proporcionalmente são mais longos que a célula que os possuem e apresentam-se em muito menor número. (Tradução livre do original: King & Stansfield, A Dictionary of Genetics, 4th ed).Enterobacter: Bacilos Gram-negativos, produtores de gás, encontrados nas fezes humanas e de outros animais, em esgotos, no solo, na água e em laticínios.Antígenos de Bactérias: Substâncias elaboradas pelas bactérias, que apresentam atividade antigênica.Amônia: Gás alcalino e incolor. É formado pelo corpo durante a decomposição de matéria orgânica ao longo de uma série de importantes reações metabólicas. Note-se que a forma aquosa da amônia é denominada HIDRÓXIDO DE AMÔNIA.Cinética: Taxa dinâmica em sistemas químicos ou físicos.Fímbrias Bacterianas: Apêndices delgados, em formato de pelo, de comprimento entre 1 e 20 mícrons, ocorrendo frequentemente em grande número, presentes nas células bacterianas Gram-negativas, principalmente Enterobacteriaceae e Neisseria. Diferentemente dos flagelos, estas fimbrias não possuem motilidade, mas sendo de natureza proteica (pilina), possuem propriedades antigênicas e hematoaglutinantes. Apresentam importância médica uma vez que algumas fimbrias medeiam a ligação de bactérias a células através de adesinas (ADESINAS BACTERIANAS). As fimbrias bacterianas referem-se ao pili comum, e devem ser distinguidas do uso preferencial de "pili", o qual é referente à pili sexual (PILI SEXUAL).Burkholderia: Gênero de bactérias em bastonete, Gram-negativas e aeróbias. Organismos deste gênero haviam sido previamente classificados como membros do gênero PSEUDOMONAS, mas grandes achados químicos e bioquímicos indicaram a necessidade de separá-los das outras espécies de Pseudomonas, e assim o gênero foi criado.Bactérias Gram-Positivas Formadoras de Endosporo: Bactérias Gram-positivas que formam endosporos. Os gêneros representados incluem BACILLUS, CLOSTRIDIUM, MICROMONOSPORA, SACCHAROPOLYSPORA e STREPTOMYCES.Análise por Conglomerados: Conjunto de métodos de estatística usados para agrupar variáveis ou observações em subgrupos altamente inter-relacionados. Em epidemiologia, pode-se usar para analisar séries de grupos de eventos com grande afinidade entre si ou casos de doença ou outros fenômenos relacionados à saúde cujos modelos de distribuição sejam bem definidos com respeito a tempo ou espaço, ou a ambos.Interações Microbianas: Relações (intraespecíficas ou interespecíficas) entre vários microrganismos. Podem incluir as interações positivas (como a SIMBIOSE) e as negativas (como a ANTIBIOSE). As relações vírus-bactéria e bactéria-bactéria são exemplos destas relações.Rúmen: O primeiro estômago dos ruminantes. Localiza-se no lado esquerdo do corpo, ocupando totalmente o lado esquerdo do abdome e até mesmo estendendo-se até o lado direito cruzando o plano mediano do corpo. É amplo, divide-se em um saco superior e um inferior, cada um apresentando um saco cego em sua extremidade posterior. O rúmen encontra-se revestido por uma mucosa que não contém glândulas digestórias, mas glândulas secretoras de muco estão presentes em grande número. O alimento mastigado parcial e grosseiramente é armazenado e agitado no rúmen até o animal encontrar circunstâncias convenientes para a ruminação. Quando isto ocorre, pequenas bolas de alimento são regurgitadas para dentro da boca através do esôfago, são submetidas a uma segunda mastigação mais completa, são engolidas, e passam para as outras partes do estômago composto.Sulfatos: Sais inorgânicos do ácido sulfúrico.Photobacterium: Gênero de bactérias Gram-negativas, facultativamente anaeróbias e em forma de bastonete, que são comuns no ambiente marinho e nas superfícies e conteúdos intestinais de animais marinhos. Algumas espécies são bioluminescentes e são encontradas como simbiontes em órgãos luminosos especializados de peixes.Pigmentos Biológicos: Qualquer substância corante normal ou anormal em PLANTAS, ANIMAIS ou micro-organismos.FenazinasActinomyces: Gênero de bactérias Gram-positivas, em forma de bastonete, cujos organismos não apresentam motilidade. Filamentos, que podem estar presentes em algumas espécies, são retos ou ondulados e podem ter extremidade em protuberância ou em forma de taco.Metabolismo dos Carboidratos: Processos celulares na biossíntese (anabolismo) e degradação (catabolismo) de CARBOIDRATOS.Polissacarídeos Bacterianos: Polissacarídeos encontrados em bactérias e em suas cápsulas.Carbono: Elemento não metálico com símbolo atômico C, número atômico 6 e massa atômica [12,0096; 12,0116]. Pode ocorrer como vários alótropos diferentes, entre eles, DIAMANTE, CARVÃO VEGETAL, GRAFITE e como FULIGEM a partir de queima incompleta de combustível.Homologia de Sequência do Ácido Nucleico: Correspondência sequencial de nucleotídeos em uma molécula de ácido nucleico com os de outras moléculas de ácido nucleico. A homologia de sequência é uma indicação da relação genética de organismos diferentes e a função gênica.Micrococcus: Gênero de bactérias Gram-positivas esféricas que são encontradas no solo e na água doce, e frequentemente na pele do homem e outros animais.Modelos Biológicos: Representações teóricas que simulam o comportamento ou a actividade de processos biológicos ou doenças. Para modelos de doença em animais vivos, MODELOS ANIMAIS DE DOENÇAS está disponível. Modelos biológicos incluem o uso de equações matemáticas, computadores e outros equipamentos eletrônicos.Primers do DNA: Sequências curtas (geralmente em torno de 10 pares de bases) de DNA que são complementares à sequência do RNA mensageiro e permite a transcriptase reversa, copiando as sequências adjacentes de RNAm. Os primers são utilizados largamente em técnicas de biologia molecular e genética.Proteus: Gênero de bactérias Gram-negativas, facultativamente anaeróbias e em forma de bastonete, que ocorrem nos intestinos de humanos e ampla variedade de animais, assim como em adubo, no solo e em águas poluídas. Suas espécies são patogênicas, causando infecções do trato urinário, e também são consideradas invasoras secundárias, causando lesões sépticas em outros locais do corpo.Eucariotos: Um dos três domínios da vida (os outros são BACTÉRIAS e ARCHAEA), também chamado de Eukarya. Constituem os organismos cujas células são envolvidas por membranas e possuem um núcleo. Compreendem quase todos os organismos pluricelulares e muitos dos unicelulares, e são tradicionalmente divididos em grupos (algumas vezes chamados reinos) que incluem ANIMAIS, PLANTAS, FUNGOS, várias algas e outros ‘taxa’ que foram previamente parte do antigo reino Protista.Reatores Biológicos: Ferramentas ou dispositivos para gerar produtos utilizando a capacidade de conversão sintética ou química de um sistema biológico. Eles podem ser fermentadores clássicos, sistemas de perfusão em cultura de células ou enzimas biorreatoras. Para produção de proteínas ou enzimas, geralmente são escolhidos micro-organismos recombinantes tais como bactérias, células de mamíferos ou insetos ou células de plantas.Sulfetos: Grupo de substâncias químicas que contêm as ligações covalentes de enxofre -S-. O átomo de enxofre pode estar ligado a partes inorgânicas ou orgânicas.Petróleo: Hidrocarbonetos líquidos e complexos, de ocorrência natural, que após destilação permitem obter combustíveis, compostos petroquímicos e lubrificantes.Evolução Molecular: Processo de mudanças cumulativas em relação ao DNA, RNA e PROTEÍNAS, ao longo de sucessivas gerações.Desulfovibrio: Gênero de bactérias Gram-negativas anaeróbias, em forma de bastonete, que são capazes de reduzir compostos de enxofre a sulfeto de hidrogênio. Os organismos são isolados de lodo anaeróbio de água doce ou salgada, intestinos de animais, adubo e fezes.Serratia marcescens: Espécie de bactéria Gram-negativa, facultativamente anaeróbia e em forma de bastonete, que é encontrada no solo, água, alimentos e amostras clínicas. É proeminente patógeno oportunista para pacientes hospitalizados.Rhizobium: Gênero de bactérias Gram-negativas, aeróbias, em forma de bastonete, que ativam a NODULAÇÃO em leguminosas. Membros deste gênero fixam nitrogênio e são habitantes comuns do solo.Violeta de Genciana: Corante que é uma mistura de violetas rosanilinas com propriedades antibacterianas, antifúngicas e anti-helmínticas.Vida Livre de Germes: Animais não contaminados por ou associados com quaisquer organismos estranhos.Família Multigênica: Conjunto de genes originados por duplicação e variação de algum gene ancestral. Estes genes podem estar reunidos nos mesmo cromossomo ou dispersos em cromossomos diferentes. São exemplos de famílias multigênicas as que codificam as hemoglobinas, imunoglobulinas, antígenos de histocompatibilidades, actinas, tubulinas, queratinas, colágenos, proteínas de choque térmico, proteínas adesivas salivares, proteínas coriônicas, proteínas de cutícula, proteínas vitelínicas, e faseolinas, bem como as histonas, RNA ribossômico, e genes de RNA de transferência. Os últimos três são exemplos de genes repetidos, onde centenas de genes idênticos estão presentes e ordenados em fila.Cromossomos Bacterianos: Estruturas encontradas no interior do núcleo de células bacterianas que consistem de ou contêm DNA, o qual carrega informação genética essencial para a célula.Placa Dentária: Filme que se adere aos dentes, frequentemente causando a CÁRIE DENTÁRIA e GENGIVITE. É composta por MUCINAS (secretadas pelas glândulas salivares) e micro-organismos.Anticorpos Antibacterianos: Imunoglobulinas produzidas em resposta a ANTÍGENOS DE BACTÉRIAS.Modelos Moleculares: Modelos usados experimentalmente ou teoricamente para estudar a forma das moléculas, suas propriedades eletrônicas ou interações [com outras moléculas]; inclui moléculas análogas, gráficos gerados por computador e estruturas mecânicas.Bacterioclorofilas: Pigmentos contendo pirrólicos encontrados em bactéria fotossintética.Alcaligenes: Gênero de bactérias Gram-negativas, aeróbias e com motilidade que ocorrem na água e no solo. Algumas são habitantes comuns do trato intestinal de vertebrados. Estas bactérias ocasionalmente causam infecções oportunistas em humanos.Bacteriófagos: Vírus cujos hospedeiros são células bacterianas.Tiossulfatos: Sais inorgânicos do ácido tiossulfúrico que possuem como fórmula geral R2S2O3.Microscopia Eletrônica de Transmissão: Microscopia eletrônica em que os ELÉTRONS ou seus produtos de reação que atravessam a amostra são convertidos em imagem abaixo do plano da amostra.Plâncton: Comunidade de PLANTAS e ANIMAIS aquáticos muito pequenos e BACTÉRIAS fotossintetizantes que são flutuantes ou suspendidas na água, com pequeno ou nenhum poder de locomoção. São divididos em FITOPLÂNCTON e ZÔOPLANCTON.Adesinas Bacterianas: Componentes de superfície celular ou apêndices de bactérias que facilitam a adesão (ADESÃO BACTERIANA) a outras células ou superfícies inanimadas. A maioria das fimbrias (FÍMBRIAS BACTERIANAS) de bactérias Gram-negativas funciona como adesina; entretanto, em muitos casos é uma subunidade proteica menor (na extremidade da fimbria) que é a verdadeira adesina. Em bactérias Gram-positivas, uma camada superficial (proteica ou polissacarídica) serve como adesina específica. O que às vezes é denominado adesina polimérica (BIOFILMES) é diferente de adesina proteica.Klebsiella pneumoniae: Bastonetes Gram-negativos, sem motilidade, capsulados, produtores de gás, encontrados amplamente na natureza e associados com infecções urinária e respiratória em humanos.Pseudomonas putida: Espécie de bactérias Gram-negativas aeróbias que são isoladas do solo e da água, assim como de amostras clínicas. Ocasionalmente é um patógeno oportunista.Nitrosomonas: Gênero de bactérias Gram-negativas, em forma elipsoidal ou de bastonete, que têm como principal fonte de energia e poder redutor a oxidação de amônia a nitrito. Suas espécies ocorrem no solo, oceanos, lagos, rios e sistemas de depósito de dejetos.Fatores de Tempo: Elementos de intervalos de tempo limitados, contribuindo para resultados ou situações particulares.Lactobacillales: Ordem de BACTÉRIAS GRAM-POSITIVAS da classe Bacilli que possuem a habilidade de fermentar açúcares em ácido láctico. São amplamente distribuídos na natureza e comumente usados para produzir alimentos fermentados.Rodopseudomonas: Gênero de bactérias Gram-negativas fototróficas, em forma de bastonete, que são encontradas em ambientes aquáticos. Membranas internas fotossintetizantes estão presentes como lamelas subjacentes à membrana citoplasmática.Teste de Complementação Genética: Teste utilizado para determinar se ocorrerá ou não complementação (compensação na forma de dominância) em uma célula com um dado fenótipo mutante e quando outro genoma mutante, que codifica o mesmo fenótipo mutante, é introduzido naquela célula.Lactobacillus acidophilus: Espécie de bactérias Gram-positivas, em forma de bastonete, que são isoladas do trato intestinal de humanos e animais, da boca humana e vagina. Este organismo produz o produto fermentado leite acidófilo.Methylococcaceae: Família de bactérias aeróbicas Gram-negativas que utilizam compostos orgânicos de apenas um átomo de carbono e que são isoladas do solo e da água.Arthrobacter: Gênero de bactérias asporogênicas isoladas do solo que apresentam distinto ciclo de crescimento bacilo-coco.Klebsiella: Gênero de bactérias Gram-negativas, facultativamente anaeróbias e em forma de bastonete, cujos organismos se arranjam individualmente, aos pares ou em cadeias curtas. Este gênero é comumente encontrado no trato intestinal e é um patógeno oportunista que pode levar a bacteremia, pneumonia, infecções do trato urinário e outros tipos de infecção humana.Acetobacteraceae: Família de bactérias Gram-negativas, aeróbicas, composta por células [com forma variável] desde elipsoide até bastonete, encontradas individualmente, em pares ou em fileiras.Resíduos Industriais: Resíduos sem uso, danificados, defeituosos, supérfluos ou efluentes provenientes de processos industriais.Streptococcus mutans: Espécie de STREPTOCOCCUS produtora de polissacarídeos que é isolada da placa dentária humana.Peptídeos Catiônicos Antimicrobianos: Pequenos peptídeos catiônicos que são componentes importantes, na maioria das espécies, das defesas inatas e induzidas contra micróbios invasores. Nos animais, encontram-se nas superfícies mucosas, dentro dos grânulos fagocíticos, e na superfície do corpo. Também são encontrados em insetos e plantas. Entre outros, este grupo inclui as DEFENSINAS, protegrinas, taquiplesinas, e tioninas. Eles substituem CÁTIONS DIVALENTES de grupos fosfatos de LIPÍDEOS DA MEMBRANA levando ao rompimento da membrana.Macrófagos: Células fagocíticas dos tecidos dos mamíferos, relativamente de vida longa e originadas dos MONÓCITOS. Os principais tipos são os MACRÓFAGOS PERITONEAIS, MACRÓFAGOS ALVEOLARES, HISTIÓCITOS, CÉLULAS DE KUPFFER do fígado e os OSTEOCLASTOS. Os macrófagos, dentro das lesões inflamatórias crônicas, se diferenciam em CÉLULAS EPITELIOIDES ou podem unir-se para formar CÉLULAS GIGANTES DE CORPO ESTRANHO ou CÉLULAS GIGANTES DE LANGHANS. (Tradução livre do original: The Dictionary of Cell Biology, Lackie and Dow, 3rd ed.)Eletroforese em Gel de Gradiente Desnaturante: Eletroforese em que vários gradientes desnaturantes são usados para induzir que ácidos nucleicos se fundam em vários estágios resultando na separação de moléculas baseados em pequenas diferenças de sequências, incluindo as SNPs. Os desnaturantes usados incluem calor, formamida e ureia.Regiões Antárticas: O continente situado ao redor do Polo Sul e das águas meridionais dos Oceanos Atlântico, Pacífico e Índico. Inclui as Dependências das Ilhas Falkands.Atividade Bactericida do Sangue: Propriedade bactericida natural do SANGUE, em razão da presença normal de substâncias antibacterianas como beta lisina, leucina, etc. Esta atividade necessita ser diferenciada da atividade bactericida presente no soro de um paciente como resultado de uma terapia antimicrobiana, que é medida pelo TESTE BACTERICIDA DO SORO.Celulose: Polissacarídeo com unidades de glucose ligadas como em CELOBIOSE. É o constituinte principal de fibras de plantas, sendo o algodão, forma natural mais pura desta substância. Como matéria-prima, forma a base de muitos derivados utilizados em cromatografia, material de troca iônica, manufatura de explosivos e preparações farmacêuticas.

*  Bactérias resistentes são eliminadas por Nanopartícula revestida com antibiótico |SolidáRio Notícias

Uma nova estratégia para combater bactérias resistentes a antibióticos foi descrita por pesquisadores brasileiros na revista ...

*  Bactéria Pode Ajudar Sistema de Defesa| Boasaúde

27 de Dezembro de 2000 Bibliomed A maioria das pessoas acha que as bactérias são pequenos organismos causadores de doenças que ... 27 de Dezembro de 2000 (Bibliomed). A maioria das pessoas acha que as bactérias são pequenos organismos causadores de doenças ... As bactérias que são benéficas para saúde são conhecidas como probióticas. Elas vivem no intestino dos seres humanos e também ...

*  Bactérias

Um segundo depois cada bacteria se divide em duas, no próximo segundo todas as bacterias se dividem novamente em ... diversas bacterias estão colocadas em um vidro. Um segundo depois cada bacteria se divide em duas, no próximo segundo todas as ... diversas bacterias estão colocadas em um vidro. Um segundo depois cada bacteria se divide em duas, no próximo segundo todas as ... Seja x a quantidade de bactérias inicialmente.. 1s depois, tem-se: x + x =====> 2x. 2s depois, tem-se: 2x + 2x ===> 4x. .... ...

*  Pico do Solo + Pico do Petróleo = Pico de Espólios - investigandoonovoimperialismo

A outra via é o uso de biologia sintética para alterar as enzimas, fungos e bactérias para degradarem a biomassa e produzir o ... Mas não é digerida pelas enzimas e apenas pode ser dividida por certas bactérias e fungos. Em geral, quanto maior o conteúdo de ...

*  Eduardo Castro: Conheça o superantibiótico capaz de combater bactérias resistentes

A pesquisa, publicada na revista científica PNAS, sugere que a nova droga combate as bactérias de três formas diferentes, ... Havia muita preocupação de que as bactérias estavam se tornando resistentes a ele." ... como uma das bactérias resistentes a medicamentos que mais ameaça a saúde humana. ... Fonte: http://noticias.r7.com/saude/conheca-o-superantibiotico-capaz-de-combater-bacterias-resistentes-03062017 ...

*  Bactérias intestinais podem ser chave para combater a obesidade

Diferentes tipos de bactérias que vivem no interior do intestino podem ajudar a estimular a obesidade ou proteger contra ela, ... As bactérias se instalam no organismo a partir do nascimento - pegamos germes dos pais, do ambiente e dos primeiros alimentos. ... Bactérias intestinais podem ser chave para combater a obesidade. Edição e postagem: Denison Duarte, em 05-09-2013 23:40 , ... Certas bactérias provenientes dos camundongos magros invadiram o intestino dos ratinhos obesos, e fizeram com que o peso e ...

*  60% de pacientes na UTI do HGP estão com bactérias multirresistentes

As bactérias multirresistentes são de difícil tratamento com antibióticos.. Conforme divulgado pelo MPE-TO, onze pacientes da ... 60% de pacientes na UTI do HGP estão com bactérias multirresistentes. Falta de materiais de higiene, de materiais para curativo ... Adulto portam bactérias multirresistentes, consequência, justamente, dessa falta de materiais de higiene, materiais para ...

*  Saúde Dietas e Xaropes: Novembro 2015

... que pode ser usada não apenas para combater e destruir as bactérias causadoras de doenças, mas também para promover o ...

*  Exercícios sobre superbactérias - Guia.Bio.br

Essa denominação é dada àquelas bactérias que:a) provocam diversas doenças no homem.b) provocam infecções hospitalares.c) ... Algumas bactérias são chamadas pelos profissionais da saúde de superbactérias. ... Algumas bactérias são chamadas pelos profissionais da saúde de superbactérias. Essa denominação é dada àquelas bactérias que:. ... Essas bactérias, capazes de resistir à ação de vários antibióticos, são um grande risco à população, representando um grave ...

*  Pesquisadores encontram molécula que elimina resistência de bactérias

Cientistas descobriram estrutura capaz de romper defesa de bactérias a antibióticos, trazendo de volta medicamentos que estavam ... Essa estrutura é que faz as bactérias vencerem a guerra contra antibióticos, principalmente os mais fortes, que eram os últimos ... A nova molécula encontra um gene que existe em vários tipos de bactérias, combatendo todas essas. Foram realizados testes com ... A Organização das Nações Unidas (ONU) considera as bactérias como a maior ameaça da saúde global. ...

*  Existe uma bactéria que prolonga nossa vida - Intonses

Ao contrário de outras bactérias, esta provida não precisa de refrigeração para manter seus efeitos positivos. 'Além disso, tem ...

*  Meio Ambiente: Bactérias descontaminam água e solo poluídos com solvente

"Introduzir novas bactérias em um ambiente contaminado e mantê-las ativas não é uma tarefa trivial, pois as bactérias ... água a fim de propiciar condições mais favoráveis para a atuação das bactérias.. Nesse sistema, as bactérias não têm contato ... As bactérias presentes no interior do reator eliminam o PCE da água, que pode ser devolvida limpa ao ambiente.. A utilização de ... Bactérias de casa. Para desenvolver a pesquisa, o grupo localizou uma área contaminada na capital paulista, de onde retirou ...

*  Resistência Bacteriana (na busca de novos antibióticos - um trabalho de cooperação entre Biofísica, Microbiologia e Síntese...

... as bactérias dá-se de acordo com o uso generalizado dos antibióticos fez com que as bactérias resistentes passem a existir em ... Bactérias resistentes transferem os seus genes resistentes a outro tipo de bactérias.... Antibióticos entram no corpo humano A ... é a resitencia de algumas bactérias ao antibiótico e pior ainda estas bactérias resistentes transmitem esta resistencia, ... através dos genes resistentes, a outras bactérias da mesma estirpe ou de diferentes estirpes e esta resistencia passa a ser ...

*  As mãos das mulheres têm mais variedade de bactérias que as dos homens - Mundo - iG

A palma da mão da mulher tem uma variedade maior de bactérias do que a palma da mão dos homens e todos os indivíduos têm uma ... A palma da mão da mulher tem uma variedade maior de bactérias do que a palma da mão dos homens e todos os indivíduos têm uma ... "A grande maioria das bactérias que vivem na pele da palma de nossa mão são patogênicas e algumas até desempenham um papel ... O estudo também mostrou que as distintas bactérias não foram afetadas pela lavagem regular das mãos das pessoas estudadas. ...

*  Cientistas criam antibiótico 'mágico' contra bactérias resistentes - BioNotícias - Biologia - Artigos - GeoAlverca

Cientistas americanos deram 'superpoderes' a um antibiótico chamado vancomicina. O medicamento sofreu três modificações que aumentaram 1.000 vezes a potência do medicamento, algo que os cientistas esperam que seja uma arma eficaz na luta contra bactérias super resistentes.. ...

*  Superdesinfectante mata bactérias resistentes | ALERT® ONLINE - PT

A empresa diz ainda que o líquido, chamado Suprox, pode matar bactérias como a da tuberculose e a salmonela.. ...

*  NUTRIÇÃO DAS BACTÉRIAS - ppt video online carregar

Utilização de bactérias na fabricação de alimento e remédios A indústria de derivados de leites utiliza bactérias dos gêneros ... 29 Bactérias e doenças Metade das doenças humanas são causadas por bactérias patogênicas (do grego, pathos, sofrimento, doença ... pelas bactérias  ao morrer, as bactérias fixadoras libera o nitrogênio na forma de amônia (NH3) ... Bactérias do gênero Rhizobium x plantas leguminosas As leguminosas possuem nódulos nas raízes , dentro das quais as bactérias ...

*  O MUNDO DOS MICRORGANISMOS - ppt video online carregar

As bactérias, os vírus e alguns tipos de fungos são microorganismos, ou seja, só podem ser vistos com a ajuda de um microscópio ... No corpo humano, por exemplo, vivem milhões de bactérias. 12 As bactérias se relacionam com outros seres vivos. São famosas por ... 11 BACTÉRIAS COMO SÃO E ONDE VIVEM. As bactérias são seres vivos minúsculos. Para enxergá-las é preciso usar microscópios. ... 2 As bactérias, os vírus e alguns tipos de fungos são microorganismos, ou seja, só podem ser vistos com a ajuda de um ...

*  Bactérias KPC - Wikipedia

As bactérias KPC ou bactérias super-resistentes a antibióticos são um fenômeno recente, observado em pacientes que viajaram ao ... O Hospital das Clínicas de São Paulo investigou o efeito do ozônio em dez bactérias, incluindo a KPC, e concluiu que essa ... O teste foi feito in vitro, com colônias de bactérias, e deve ser repetido em pacientes de hospitais e UTIs, cujos ambientes ... A diferença é que desta vez a resistência chegou ao nível em que nenhum antibiótico surte efeito contra as bactérias. Nas ...

*  Bactérias nitrificantes - Wikipedia

Bactérias nitrificantes são as principais transformadoras da amônia em nitratos através das nitrossomonas e de amônia em ...

*  Morfologia celular das bactérias - Wikipedia

... talvez das bactérias) ? Procure morfologia das bactérias na Wikipédia !!. ... Existem quatro tipo de morfologia celular de bacterias: 1)Cocos (forma esférica): -Diplo-(pares), exemplo: Pneumococcus; - ... Bactérias Pedunculadas, exemplo: Caulobacter; 6)Pleomórficas, exemplo: Mycoplasma; Quer saber mais sobre a morfologia ( ...

*  Análise bioquímica de bactérias - Wikipedia

Pesquisa de urease: as bactérias com urease vão hidrolisar a ureia, com produção de compostos de amónia que vão alcalinizar o ... Para este estudo é crucial o isolamento das bactérias em questão, impedindo a contaminação para impedir o erro de identificação ... Provas de sensibilidade à temperatura ambiente: Aplica-se na identificação de bactérias do género Mycobacterium pelo seu ... A maioria das bactérias utiliza os hidratos de carbono hidrolizando-os até à formação de ácidos com consequente alteração do pH ...

*  Código Internacional de Nomenclatura de Bactérias - Wikipedia

O Código Internacional de Nomenclatura de Bactérias, mais conhecido pela sua sigla inglesa ICNB, é o conjunto de regras ... por consenso internacional para regular a classificação científica e a fixação da nomenclatura binomial das bactérias. Até 1980 ...

*  Bactérias podem contaminar celulares - TecMundo

Um estudo realizado pela Universidade do Arizona mostrou que celulares têm 10 vezes mais bactérias que provocam náusea e ... O especialista em microbiologia e responsável pela pesquisa, Charles Gerba, afirma que a aglomeração de bactérias acontece ... dinheiro e cartões magnéticos também são fontes de muitas bactérias, por isso, a melhor forma de prevenção é manter sempre bons ...

*  A Pesquisa fornece introspecções novas na vida secreta das bactérias

Quando analisaram as bactérias extraídas, encontraram que quando a quantidade total de bactérias nos ratos diminuiu, a ... Quando extraíram as bactérias dos ratos e os cresceram em um media decontenção especial, encontraram que todas as bactérias se ... indicando que o número de bactérias que estão sendo matadas pelo corpo estêve equilibrado pelas bactérias novas que estão sendo ... uma mudança genética acontece nas bactérias que permita que digiram a lactose do açúcar, quando as bactérias cujos os ...

Filogenética molecular: A filogenética molecular, também conhecida como sistemática molecular, é o uso das estruturas das moléculas com vista a se ganhar informação sobre as relações evolutivas de um organismo.Método de Sanger: O método de Sanger é procedimento tradicional sequenciamento de DNA, foi desenvolvido por Frederick Sanger e colaboradores na década de 70 e consiste na adição de nucleotídeos modificados, chamados didesoxiribonucleotídeos, que impedem o crescimento de um fragmento de DNA em replicação pela DNA polimerase após sua adição. Tem sido largamente utilizado por centros de pesquisa ao redor do globo.Coliforme fecal: Coliformes fecais, atualmente chamado de coliformes termotolerantes, são bactérias que estão presentes em grandes quantidades no intestino dos animais de sangue quente.Gemmatimonadetes: Gemmatimonadetes é um filo de bactérias, que possui uma única ordem e família. O primeiro membro deste filo foi descoberto no ano de 2003, em lamas activadas de um sistema de tratamento de esgotos.Bacitracina: Bacitracina é um fármaco de utilização tópica com ação antibiótica.P.Bactéria redutora de sulfato: As bactérias redutoras de sulfato compreendem vários grupos de bactérias que utilizam o sulfato como agente oxidante, reduzindo-o a sulfeto. A maioria podem também utilizar compostos de enxofre oxidados tais como o sulfito e o tiossulfato ou enxofre elementar.BiodegradabilidadeEstrutura primária: A estrutura primária é dada pela sequência de aminoácidos ao longo da cadeia polipeptídica. É o nível estrutural mais simples e mais importante, pois dele deriva todo o arranjo espacial da molécula.Long terminal repeat: Long Terminal Repeats (LTR) são grandes sequências repetitivas de nucleotídeos que medem centenas ou milhares de bases. As LTRs são encontradas nas extremidades de uma molécula de ácido nucléico, flanqueando genes funcionais, como em DNA retroviral e em retrotransposons.Perifíton: Perifíton é a fina camada de seres vivos, ou seus detritos, que colonizam superfícies sólidas em habitats aquáticos, tanto em água doce, como no marCarlos, Viviane Moschini “Perifíton”, no site da autora, investigadora do Departamento de Ecologia da Universidade de São Paulo, Brasil acessado a 12 de agosto de 2009.Biofilme: Os biofilmes são comunidades biológicas com um elevado grau de amigo organização, onde as bactérias formam comunidades estruturadas, coordenadas e funcionais Davey, M. E.Fermentação láctica: Fermentação lática é o processo metabólico no qual carboidratos e compostos relacionados são parcialmente oxidados, resultando em liberação de energia e compostos orgânicos, principalmente ácido láctico, sem qualquer aceptor de elétrons externo. É realizado por um grupo de microrganismos denominado de bactérias ácido-lácticas, as quais têm importante papel na produção/conservação de produtos alimentares. Pode ser classificada em dois tipos, de acordo com a quantidade de produtos orgânicos formados: homolática e heteroláctica.Proteobacteria: Proteobacteria (do grego: Proteus, deus do oceano capaz de mudar de forma; + bakterion, pequeno bastão) é um filo composto por bactérias gram-negativas e é definido principalmente pela sequência genética 16S rRNA. Popularmente seus representantes são designados de proteobactérias.PusReichenbach (Fils): Reichenbach é um município da Alemanha, no distrito de Esslingen, na região administrativa de Estugarda, estado de Baden-Württemberg.Virulência: Virulência é a capacidade infecciosa de um microrganismo, medida pela mortalidade que ele produz e/ou por seu poder de invadir tecidos do hospedeiro. Dependendo da vida hostilizada e enormemente lascerada no caminho da vida.Éster metílico de ácido graxo: Um éster metílico de ácido (abreviado como FAME, do inglês fatty acid methyl ester) são um tipo de éster de ácido graxo que pode ser produzido por uma reação catalisada por álcali entre gorduras ou ácidos graxos e metanol. As moléculas no biodiesel são principalmente FAMEs, normalmente obtidas de óleos vegetais por transesterificação.Bacillus coagulans: Bacillus coagulans é uma espécie de Bacillus que pode contaminar conservas alimentícias produzindo um sabor ácido. É capaz de crescer mesmo em alimentos muito ácidos para outras bactérias.Temperatura de fechamento: Temperatura de fechamento refere-se a temperatura de um sistema, como um mineral, no tempo indicado pela sua idade radiométrica.Conjugação triparental: A conjugação triparental é uma forma de conjugação bacteriana em que um plasmídeo conjugativo presente numa estirpe bacteriana ajuda a transferência de um plasmídeo mobilizável de uma segunda estripe bacteriana para uma terceira.Domínio (biologia): Domínio (superregnum, super-reino ou império) é a designação dada em biologia ao taxon de nível mais elevado utilizado para agrupar os organismos numa classificação científica. O domínio agrupa os diferentes reinos, sendo a mais inclusiva das divisões taxonómicas em que se dividem as espécies que compõem a vida na Terra, o universo por vezes designado por super-domínio Biota.Bacillus subtilis: O Bacillus subtilis é uma espécie de bactéria gram-positiva que é uma saprófita comum do solo e da água. Organismo esporulado, não patogênico, graças à sua termofilia é utilizado no monitoramento e validação de ciclos de esterilização por calor seco e óxido de etileno, realizados em estufas ou fornos de esterilização e autoclaves para gás óxido de etileno, respectivamente.Corynebacterium amycolatum: Corynebacterium amycolatum é uma bactéria gram-positiva aeróbica, com formato irregular. A bactéria foi isolada a partir da pele de indivíduos comprometidos, sendo que ela pode causar endocardite nosocomial ou sepse fatal.Modelação por homologia: A modelação por homologia de proteínas refere-se à construção de um modelo de resolução atómica de uma proteína-alvo a partir da sua sequência de aminoácidos.Fagocitose: thumbListeria monocytogenes: Listeria monocytogenes é uma espécie de bactéria capaz de provocar doenças em seres humanos, tais como meningite. São bacilos pequenos, anaeróbios facultativos e Gram positivos, que podem aparecer isolado ou agrupados em pares ou cadeias curtas.Holín: Holín é uma comuna checa localizada na região de Hradec Králové, distrito de Jičín‎.Probiótico: Probióticos são microorganismos vivos que podem conferir um benefício à saúde do hospedeiro. A Organização Mundial de Saúde define probióticos como “organismos vivos que, quando administrados em quantidades adequadas, conferem benefício à saúde do hospedeiro” (FAO/WHO, 2001).


resistentes

  • Ela é encontrada em hospitais, pode provocar feridas perigosas e infecções na corrente sanguínea e é considerada pela OMS (Organização Mundial da Saúde) como uma das bactérias resistentes a medicamentos que mais ameaça a saúde humana. (educastro.net.br)
  • Havia muita preocupação de que as bactérias estavam se tornando resistentes a ele. (educastro.net.br)
  • 2 Propagação de bactérias resistentes matam quase todas as bactérias, mas algumas resistem e ficam activas. (slideplayer.com.br)
  • Bactérias resistentes transferem os seus genes resistentes a outro tipo de bactérias. (slideplayer.com.br)
  • Quando um antibiótico é usado, por exemplo administrado nos humanos, esperava-se que todas as baxtérias que provocam uma determinada patologia fossem susceptiveis ao antibiótico, no entanto o o que ocorre é a resitencia de algumas bactérias ao antibiótico e pior ainda estas bactérias resistentes transmitem esta resistencia, através dos genes resistentes, a outras bactérias da mesma estirpe ou de diferentes estirpes e esta resistencia passa a ser generalizada. (slideplayer.com.br)
  • 12 Esporulação Algumas espécies de bactérias originam, sob certas condições ambientais, estruturas resistentes denominadas esporos. (slideplayer.com.br)

algumas

  • Estão também presentes algumas bactérias Gram-negativas, tingidas de rosa. (wikipedia.org)

duas

  • Um segundo depois cada bacteria se divide em duas, no próximo segundo todas as bacterias se dividem novamente em duas, e assim por diante. (forumeiros.com)
  • Numa experiência recente, cientistas Ingleses misturaram duas espécies de bactérias, a Staphylococcus e a Enterococcus. (slideplayer.com.br)
  • Reprodução assexuada Divisão Binária A célula bacteriana duplica seu cromossomo e se divide ao meio, originando duas novas bactérias idênticas a ela. (slideplayer.com.br)

presentes

  • As bactérias presentes no interior do reator eliminam o PCE da água, que pode ser devolvida limpa ao ambiente. (blogspot.com)

novo

  • Introduzir novas bactérias em um ambiente contaminado e mantê-las ativas não é uma tarefa trivial, pois as bactérias introduzidas normalmente apresentam baixa capacidade de colonização do novo ambiente e, na maioria das vezes, acabam morrendo", afirmou. (blogspot.com)

ainda

  • A empresa diz ainda que o líquido, chamado Suprox, pode matar bactérias como a da tuberculose e a salmonela. (alert-online.com)

diferentes

  • A pesquisa, publicada na revista científica PNAS, sugere que a nova droga combate as bactérias de três formas diferentes, reduzindo as chances de defesa. (educastro.net.br)

Brasil

  • Apesar de pouco utilizado no Brasil, o método de descontaminação por bactérias aeróbias apresenta outra vantagem: a praticidade. (blogspot.com)

problema

  • Para contornar o problema da baixa densidade populacional de bactérias capazes de degradar o PCE, a solução foi enriquecer as comunidades microbianas locais em laboratório utilizando um reator horizontal de leito fixo (RHLF). (blogspot.com)