• Asbeta-lactamases de espectro estendido (ESBL) são enzimas que conferemresistência à maioria dos antibióticos beta-lactâmicos, incluindo penicilinas,cefalosporinas, entre outros, e a infecção pelos agentes produtores de ESBLapresenta pior prognóstico. (medicinanet.com.br)
  • Mais de1.000 enzimas beta-lactamases foram identificadas, que variam em seus meiosexatos de transmissão genética e mecanismos moleculares de resistência e nostipos de antibióticos que são capazes de inativar. (medicinanet.com.br)
  • Ácido clavulânico (utilizado farmaceuticamente na sua forma de sal de potássio, chamado de clavulanato de potássio [ 1 ] ) é um fármaco que age inibindo a ação das beta-lactamases [ 2 ] que são enzimas responsáveis pela perda de ação de algumas classes de antibióticos . (wikipedia.org)
  • Isolados de Aeromonas de fontes diversas expressam resistência a antimicrobianos, especialmente a -lactâmicos, devido à presença de enzimas -lactamases. (usp.br)
  • É, no entanto, sensível à degradação por enzimas conhecidas como betalactamases e, por isso, o espectro de ação da amoxicilina não inclui os microrganismos produtores dessas enzimas. (consultaremedios.com.br)
  • O ácido clavulânico é um betalactâmico que tem a capacidade de inativar grande variedade de enzimas betalactamases. (consultaremedios.com.br)
  • No entanto, é sensível à degradação por enzimas conhecidas como betalactamases e, por isso, o espectro de ação da amoxicilina não inclui os microrganimos produtores dessas enzimas. (consultaremedios.com.br)
  • Dentre os mecanismos de resistência bacteriana o mais preocupante é a expressão de novas formas de enzimas hidrolíticas, causadoras da inativação dos antibacterianos beta-lactâmicos, as beta-lactamases, em especial as metalo-beta-lactamases. (fapesp.br)
  • A terap utica de infec es causadas a partir das cepas de Klebsiella pneumoniae tem se dificultado pelo fato de que algumas cepas est o carreando plasm dios, que codificam enzimas conhecidas como betalactamases, gerando resist ncia as drogas betalact micas. (efdeportes.com)
  • A resistência das bactérias gram-negativas normalmente se deve a enzimas mediadas por plasmídeos chamadas β-lactamases de espectro ampliado (ESBLs). (sanarmed.com)
  • Eles têm enzimas chamadas beta-lactamases, capazes de quebrar a estrutura química da ampicilina, tornando-a ineficaz. (melhorcomsaude.com.br)
  • Porém, como é passível de ser degradada pelas lactamases beta, o seu espectro de actividade não inclui bactérias produtoras daquelas enzimas. (medikamio.com)
  • A presença de Ácido Clavulânico na composição de AMOCLAVAM protege a Amoxicilina da degradação pelas lactamases beta, alargando, desta forma, o seu espectro de actividade que passa a incluir bactérias produtoras daquelas enzimas. (medikamio.com)
  • O ácido clavulânico é um betalactâmico, estruturalmente relacionado às penicilinas, que possui a capacidade de inativar grande variedade de enzimas betalactamases, comumente produzidas por microrganismos resistentes às penicilinas e às cefalosporinas. (medicinanet.com.br)
  • A presença do ácido clavulânico em policlavumoxil BD protege a amoxicilina da degradação pelas enzimas betalactamases e estende de forma efetiva o espectro antibacteriano da amoxicilina por incluir muitas bactérias normalmente resistentes a ela e a outras penicilinas e cefalosporinas. (medicinanet.com.br)
  • A primeira é um antibiótico conhecido e de amplo espectro de ação contra uma grande quantidade de bactérias, porém sensível a degradação pela enzima beta lactamases, não incluindo os microrganismos produtores destas enzimas. (drogariaspacheco.com.br)
  • Entre membros da Família Enterobacteriaceae a produção de β-lactamases de espectro estendido (ESBL - Extended-Spectrum β-lactamase) se constitui em um importante mecanismo de resistência a antibióticos β-lactâmicos. (ufrgs.br)
  • Não observou-se influência na prevalência fecal de germes gram-negativos com beta-lactamase de espectro estendido. (einstein.br)
  • No território nacional, além da KPC, circulam outras bactérias multirresistentes, como a SPM-1 (São Paulo metalo-beta-lactamase). (globo.com)
  • Nosso grupo de pesquisas, em projeto anterior, (FAPESP 2015/9905-1) demonstrou que complexos de fosfinaouro(I) inibem a atividade de um mistura enzimática contendo serino-beta-lactamase e metalo-beta-lactamase, produzida por Bacillus cereus. (fapesp.br)
  • Os dados sugerem uma inibição seletiva da metalo-beta-lactamase. (fapesp.br)
  • Ainda, é proposto estudos de um novo modelo enzimático, o sistema glioxalase, como forma de avaliar seletividade de inibidores e miméticos de metalo-beta-lactamase, além de ser mais um alvo interessantes para compostos antitumorais. (fapesp.br)
  • O termo superbactéria ganhou as manchetes neste mês de setembro após a propagação do gene NDM-1 (Nova Délhi metalo-beta-lactamase) , responsável por deixar bactérias como Klebsiella e Escherichia resistentes a muitos medicamentos. (globo.com)
  • No território nacional, já circulam bactérias multirresistentes como é o caso da SPM-1 (São Paulo metalo-beta-lactamase) e a KPC ( Klebsiella pneumoniae carbapenemase). (globo.com)
  • Patógenos produtores de ESBL são teoricamentesuscetíveis a outros antibióticos não beta-lactâmicos com atividade Gram-negativa,como fluorquinolonas e aminoglicosídeos. (medicinanet.com.br)
  • No entanto, é comum que as bactériasprodutoras de ESBL adquiram mecanismos de resistência a outras classes deantibióticos (adquiridos no mesmo plasmídeo que carrega o gene dabeta-lactamase). (medicinanet.com.br)
  • No entanto, é comum que as bactérias produtoras de ESBL adquiram mecanismos de resistência a outras classes de antibióticos (adquiridos no mesmo plasmídeo que carrega o gene da beta-lactamase). (medicinanet.com.br)
  • Prevalência e caracterização molecular de Beta-Lactamases de espectro ampliado (ESBL) em enterobactérias isoladas no Hospital de Clínicas de Curitiba. (ufpr.br)
  • A enzima ribaxamase degrada os beta-lactâmicos, o que pode auxilia na prevenção da infecção por C difficile. (einstein.br)
  • Algumas bactérias mais fortes conseguem destruir essa proteção com uma enzima, a beta lactamase. (culturaegastronomia.com.br)
  • Este grupo de bactérias protegem-se da acção dos antibióticos de duas formas, por um lado produzem uma enzima, chamada de beta-lactamase, que destrói a estrutura molecular do antibiótico, enquanto uma segunda proteína impede que o antibiótico se possa ligar à bactéria. (alert-online.com)
  • A enzima KPC é codificada em um elemento genético móvel (plasmídeo), o que permite a transmissão do gene entre linhagens diferentes de bactérias, que, ao receber o gene, doravante apresenta resistência a antibióticos beta-lactâmicos. (iec.gov.br)
  • O corpo canino produz uma enzima chamada beta-lactamase que anula os efeitos do antibiótico. (ehow.com.br)
  • Tratamento de mastites agudas causadas especialmente por streptococcus e staphilococcus resistentes e Escherichia coli , inclusive as cepas produtoras de beta-lactamases. (lavizoo.com.br)
  • A ação inibitória da beta lactamase do Clavulanato estende o espectro da amoxicilina, abrangendo uma variedade maior de microrganismos, entre eles muitos dos que são resistentes a outros antibióticos beta-lactâmicos. (ultrafarma.com.br)
  • Tem uma boa estabilidade às beta-lactamases bacterianas, sendo por isso activa contra muitasestirpes resistentes à ampicilina ou à amoxicilina . (folheto.net)
  • Aeróbios Gram- positivos: S. aureus e S. epidermidis (incluindo estirpes produtoras de penicilinase mas excluindoestirpes meticilino-resistentes), S. pyogenes (e outros estreptococos hemolíticos beta), S.pneumoniae, Streptococcus Grupo B (S. agalactiae). (folheto.net)
  • O Ácido Clavulânico é igualmente um agente beta-lactâmico que possui a capacidade de inibir uma grande variedade de lactamases beta frequentemente produzidas por bactérias resistentes às penicilinas e cefalosporinas. (medikamio.com)
  • Alguns isolados destas espécies são resistentes à ceftriaxona, principalmente devido à produção de beta lactamase codificada cromossomicamente. (medicinanet.com.br)
  • Alguns isolados destas espécies são resistentes devido à produção de beta-lactamase de espectro ampliado mediada por plasmídio. (medicinanet.com.br)
  • Alguns isolados desta espécie são resistentes devido a produção de beta-lactamase. (medicinanet.com.br)
  • produtoras de beta-lactamases (especialmente B. fragillis) são resistentes. (medicinanet.com.br)
  • Atualmente, deve ser levado em consideração que, tanto H. influenzae como M. catarrhalis (os agentes que seguem S. pneumoniae em incidência), podem ser produtores de beta-lactamases e, portanto, podem inativar a amoxicilina, razão pela qual as terapias alternativas são freqüentemente utilizadas. (anvisa.gov.br)
  • Assim, infecções mistas causadas por microrganismos sensíveis à ampicilina e microrganismos produtores de beta-lactamases sensíveis a amoxicilina + clavulanato de potássio, não devem exigir a adição de outro antibiótico. (drogariasaopaulo.com.br)
  • A facilidade com que penetra nas células bacterianas, seu alto nível de estabilidade à maioria das serinas betalactamases e sua notável afinidade pelas múltiplas proteínas ligantes de penicilina (PBPs) explicam a potente atividade bactericida de meropeném contra um amplo espectro de bactérias aeróbicas e anaeróbicas. (drconsulta.com)
  • Substâncias endógenas e drogas que inibem ou bloqueiam a atividade das BETA-LACTAMASES. (bvsalud.org)
  • Tem, em particular, boa atividade contra o plasmídeo mediador das betalactamases, clinicamente importante e frequentemente responsável pela transferência de resistência à droga. (medicinanet.com.br)
  • Odesenvolvimento de cefalosporinas de terceira geração, como a ceftriaxona, nadécada de 1980, foi considerado um grande passo adiante na batalha contra osorganismos produtores de beta-lactamase. (medicinanet.com.br)
  • Noentanto, eles são suscetíveis a certas cefalosporinas de segunda geração (porexemplo, cefoxitina) e, in vivo, a antibióticos que contêm inibidores debeta-lactamase (por exemplo, piperacilina-tazobactam). (medicinanet.com.br)
  • Este antibiótico está contraindicado para pessoas com hipersensibilidade às cefalosporinas, beta-lactâmicos ou qualquer outro componente da fórmula. (tratamentosespeciais.com.br)
  • Tem sido observado que as cepas produtoras de betalactamases tamb m apresentam resist ncia a outras drogas antimicrobianas. (efdeportes.com)
  • Em 1940, mesmo antes do uso clínicogeneralizado da penicilina, a primeira cepa de E. coli produtora debeta-lactamase foi descoberta. (medicinanet.com.br)
  • Os antibióticos que fazem parte da família penicilina tem um anel que é chamado de beta lactamico. (culturaegastronomia.com.br)
  • Investigadores norte-americanos afirmam ter descoberto um dos mecanismos responsáveis pela aquisição de resistência de bactérias da família dos Staphilococcus aos antibióticos da classe da penicilina (beta-lactâmicos). (alert-online.com)
  • Contudo, após a sua introdução na prática clínica, rapidamente se verificou que diferentes microrganismos eram susceptíveis de adquirir resistência a fármacos aos quais eram inicialmente sensíveis, sendo o exemplo dos estafilococos produtores de lactamases beta o mais conhecido. (ebah.com.br)
  • A ceftriaxona, in vitro, é ativa contra um amplo espectro de microrganismos Gram-positivos e Gram-negativos, sendo altamente estável à maioria das beta-lactamases, tanto cefalosporinases quanto penicilinases desses microrganismos. (medicinanet.com.br)
  • se tem alergia ( hipersensibilidade ) a antibióticos beta-lactâmicos (penicilinas oucefalosporinas). (folheto.net)
  • A cefuroxima é um agente antibacteriano eficaz e bem caracterizado, que tem actividade bactericidacontra uma vasta gama de patogénios comuns, incluindo estirpes produtoras de betalactamases. (folheto.net)
  • Todos osantibióticos pertencentes à classe dos beta-lactâmicos contêm um anelbeta-lactâmico em sua estrutura e funcionam inibindo a biossíntese da paredecelular bacteriana. (medicinanet.com.br)
  • Todos os antibióticos pertencentes à classe dos beta-lactâmicos contêm um anel beta-lactâmico em sua estrutura e funcionam inibindo a biossíntese da parede celular bacteriana. (medicinanet.com.br)
  • beta-lactamase production Haemophilus spp. (bvsalud.org)
  • Uso da ribaxamase (SYN-004), uma beta lactamase, para prevenir a infecção por Clostridium difficile em pacientes tratados com beta lactamicos: um estudo duplo cego, randomizado e controlado por placebo. (einstein.br)
  • Infelizmente, o avibactam não inibe a NDM ou outras metalo-ß-lactamases. (medicinanet.com.br)
  • Um terceiro avaliou 32 pacientes, de ambos os sexos, com infecção 5 urinária baixa, tendo como agente etiológico 6 bactérias produtoras de β-lactamases. (med.br)
  • Antibióticos beta-lactâmicos são fatores de risco para a infecção por clostridium difficile excretados via bile para o intestino, e que mantem os níveis de antibióticos no local. (einstein.br)
  • Use of ribaxamase (SYN-004), a β-lactamase, to prevent Clostridium difficile infection in β-lactam-treated patients: a double-blind, phase 2b randomized placebo-controlled trial. (einstein.br)