Socorro em Desastres: Assistência, tal como dinheiro, comida ou abrigo, dado aos necessitados, idosos, ou vítimas de desastres. É geralmente concedida a título temporário. (Tradução livre do original: The American Heritage Dictionary, 2d college ed) Usar para documentos que tratem da organização e provisão de socorro (albergues, alimentos, assistência médica, serviços de saúde pública e serviço social) em situações de desastres (DeCS/BIREME) Ato ou efeito de socorrer. Atendimento a pessoa acidentada ou atingida por mal súbito. Ajuda ou assistência vinda do exterior para comunidades que se encontram sob o efeito de um grande desastre. Equipe de bombeiros ou de pessoas capacitadas, designadas para atender a uma ocorrência (sinistro). Pedido de auxílio (Material III- Ministério da Ação Social, 1992). Assistência e/ou intervenção durante ou após um desastre, para garantir a preservação da vida e das necessidades básicas de subsistência. Pode ser de emergência ou de duração prolongada.Terremotos: 1) Deslizamentos repentinos em uma falha (geológica) e o tremor de terra e radiação da energia sísmica resultantes causados pelos deslizamentos, ou por atividade vulcânica ou magmática, ou outras alterações perturbadoras repentinas na TERRA (PLANETA). Falhas são fraturas ao longo das quais os blocos de crosta terrestres em ambos os lados se moveram relativamente uma sobre a outra em paralelo com a fratura. 2) Repentino deslocamento de áreas de terra com fendas causando massiva destruição física afetando uma população (Repidisca/CEPIS). Movimento súbito do terreno, ocasionado por passagem de ondas sísmicas. Os terremotos mais frequentes são originados por processos naturais, como a ruptura de um bloco de rochas através de uma falha geológica. Explosões artificiais, erupções vulcânicas, deslocamento de terrenos e escorregamento de taludes podem provocar sismos menores. Os terremotos podem ser causados por explosões, impacto de meteoritos, grandes escorregamentos ou erupções vulcânicas. Os terremotos naturais, de efeito mais destrutivo, estão associados a processos tectônicos, quando ocorrem pela liberação repentina de tensões acumuladas no interior da crosta terrestre (Ministério da Ação Social, Brasília, 1992)Desastres: 1) Calamidades que produzem grandes danos, perda de vidas e desgraça. Incluem aquelas que são resultados de fenômenos naturais e de fenômenos originados pelo homem. As condições normais de existência são interrompidas e o nível de impacto supera a capacidade da comunidade afetada. 2) Resultado de eventos adversos, naturais ou provocados pelo homem, sobre um ecossistema vulnerável, causando danos humanos, materiais e ambientais e consequentes prejuízos econômicos e sociais. Os desastres classificam-se quanto à Evolução, Intensidade e Tipologia. Quanto à Evolução, podem ser: Súbitos ou de Evolução Aguda, de Evolução Crônica e Gradual e Por Somação de Efeitos Graduais. A intensidade do desastre é definida, em termos absolutos, a partir da proporção entre necessidade/possibilidade de meios disponíveis na área, para responder ao problema. Dessa forma, caracterizam-se: Acidentes, quando os danos e os prejuízos são de pouca importância; Desastres de Médio Porte, quando solucionados com recursos locais; Desastres de Grande Porte, quando exigem reforço de recursos regionais e algum apoio central; Desastres de Muito Grande Porte, quando exigem a intervenção coordenada dos três níveis do Sistema Nacional de Defesa Civil. Quanto à Tipologia, classificam-se: a) Natural, provocado por fenômenos e desequilíbrios da natureza e gerados por fatores de origem externa que atuam independentemente das ações humanas; b) Humano, provocado pelas ações ou omissões do homem, de origem interna, enquanto resultante da atividade humana, provocadora de desajustes políticos ou sociais, de desequilíbrios ambientais ou da redução de padrões de segurança coletiva; c) Misto, quando as ações ou omissões humanas contribuem para intensificar ou complicar os efeitos dos desastres naturais (Material III - Ministério da Ação Social, Brasília, 1992)Planejamento em Desastres: Procedimentos definidos para o atendimento em desastres e a manutenção de serviços nestas situações.Inundações: 1) Fenômenos aquosos de estabelecimento repentino com diferentes velocidades de ocorrência. Incluem inundações instantâneas, enchentes sazonais de rios, e enchentes costeiras associadas a TEMPESTADES CICLÔNICAS, ONDAS DE MARÉ e ondas de tempestade. 2) Transbordamento de água do leito normal de um rio ou acúmulo de água, por drenagem, em áreas não habitualmente submersas (Material III - Ministério da Ação Social, Brasília, 1992). Podem ser repentinas (CHEIA REPENTINA) ou de subida lenta.Medicina de Desastres: Ramo da medicina envolvido com o gerenciamento e organização da resposta da saúde pública a desastres e eventos importantes, como saúde especial e necessidades médicas de uma comunidade em um desastre. (Tradução livre do original: MeSH, 2008) Área do conhecimento médico que se ocupa da prevenção, resposta imediata, recuperação e reabilitação de pacientes com patologias adquiridas em circunstâncias de desastres. É uma atividade multidisciplinar e se relaciona com a saúde pública, medicina social, medicina de urgência, medicina preventiva,medicina militar, medicina do trabalho, planejamento hospitalar e de serviços, infectologia, pediatria, nutrologia, fisiatria, medicina de trauma, vigilância sanitária e ecologia humana, vigilância epidemiológica, saúde mental e assistência pré-hospitalar, entre outros ramos do conhecimento médico (Material III - Ministério da Ação Social, Brasília, 1992)Incidentes com Feridos em Massa: Eventos que desarmam os recursos de HOSPITAIS locais e provedores de saúde. Podem impor uma demanda contínua aos SERVIÇOS DE SAÚDE em vez de desastres habituais pequenos e intensos como desastres em escalas menores.Enciclopédias como Assunto: Trabalhos que contêm artigos de informação em assuntos em todo campo de conhecimento, normalmente organizado em ordem alfabética, ou um trabalho semelhante limitado a um campo especial ou assunto.Hepatite C Crônica: INFLAMAÇÃO de FÍGADO em humanos, causada por Vírus da Hepatite C durando seis meses ou mais. A hepatite crônica C pode levar à CIRROSE HEPÁTICA.Toupeiras: Qualquer de numerosos mamíferos escavadores encontrados em regiões temperadas e que possuem minusculos olhos frequentemente cobertos por pele.China: País que se estende da Ásia central ao Oceano Pacífico.Spheniscidae: Única família de pinguins (ordem Sphenisciforme, com 6 gêneros e 17 espécies). São aves aquáticas não voadoras do hemisfério Sul, altamente adaptadas para a vida marinha.Pessoas FamosasMedlinePlus: Serviços da NATIONAL LIBRARY OF MEDICINE para profissionais e usuários da área da saúde. Integra extensa informação do National Institutes of Health e de outras fontes de informações sobre determinadas doenças e anormalidades.Anemia Aplástica: Forma de anemia na qual a medula óssea falha em produzir números adequados de elementos sanguíneos periféricos.Rios: Grandes correntes naturais de ÁGUA DOCE formadas pela convergência de afluentes e que desembocam em um grande volume de água (lago ou oceano).Empréstimos entre BibliotecasDermatoses da Perna: Termo inespecífico utilizado para indicar qualquer lesão cutânea ou grupo de lesões, ou erupções de qualquer tipo na perna. (Stedman, 25a ed)PaquistãoEmpatia: A compreensão profunda e objetiva dos sentimentos e do comportamento de outra pessoa. Deve ser diferenciada de simpatia, que é geralmente não objetiva e acrítica. Inclui o ato de se importar com o outro, que é uma demonstração de uma consciência e de preocupação com o bem-estar do outro. (Tradução livre do original: Bioethics Thesaurus, 1992)Ética Médica: Princípios de conduta profissional própria relativos aos direitos e deveres do médico, relações com os pacientes e médicos da mesma categoria, assim como ações do médico no cuidado ao paciente e as relações interpessoais com a família do paciente.Comissão de Ética: Comitês estabelecidos por sociedades profissionais, instalações de saúde ou outras instituições para considerar decisões que têm implicações bioéticas. O papel destes comitês pode incluir consulta, educação, mediação e/ou revisão de políticas e práticas. Os comitês que consideram as dimensões éticas de cuidado ao paciente são os COMITÊS DE ÉTICA CLÍNICA. Os comitês estabelecidos para proteger o bem-estar de assuntos de pesquisa são os COMITÊS DE ÉTICA NA PESQUISA.Centros de Atenção Terciária: Instalação médica que provê alto nível de competência em uma subespecialidade para pacientes que geralmente vêm de centros onde receberam ATENÇÃO SECUNDÁRIA EM SAÚDE.Ética: Filosofia ou código que diz respeito ao que é ideal no caráter e na conduta humana. É também o campo de estudo que trata dos princípios da moralidade.Ética em Pesquisa: Obrigações morais que regulam a conduta de pesquisa. Usada para discussões de ética na pesquisa como tópico geral.Furanos: Compostos com anel de 5 membros, sendo 4 carbonos e um oxigênio. São heterociclos aromáticos. A forma reduzida é o tetra-hidrofurano.Visitas a Pacientes: As visitas dos pacientes e regras para visitação.Tempestades Ciclônicas: 1) Sistemas não frontais de baixa pressão sobre águas tropicais ou subtropicais com convexão organizada e padrão definido de circulação de vento na superfície. (MeSH) 2) Área de concentração de energia cinética na atmosfera, ou seja, de ventos fortes. Essa energia vem da distribuição de massas de ar diferentes entre si em temperatura, pressão e densidade. Tipos: Frontais - São os que se formam ao longo das frentes; Orográficos - Formam-se sobre as áreas montanhosas. Predominam a sotavento das montanhas e cordilheiras e são sempre mais intensos no outono e inverno; Superiores - Desenvolvem-se em níveis elevados (troposfera superior) e propagam-se para os níveis inferiores até a superfície; ocorrem com mais frequência no outono e inverno; Termais - São muito mais intensos e cobrem maiores áreas no verão, desaparecendo quase que por completo no inverno; ocorrem pelo aquecimento de certas regiões livres de atividades frontais; Tropicais - veja em CICLONE TROPICAL.LouisianaPolítica de Saúde: Decisões geralmente desenvolvidas por formuladores de políticas do governo, para definição de objetivos imediatos e futuros do sistema de saúde.Europa OrientalChuvas: Partículas de água que caem da ATMOSFERA.Estilo de Vida: Estilo ou modo típico de viver que caracteriza um indivíduo ou grupo. (Tradução livre do original: From APA, Thesaurus of Psychological Index Terms, 8th ed)AMP Cíclico: Nucleotídeo de adenina contendo um grupo fosfato esterificado para ambas posições 3' e 5' da metade do açúcar. É um mensageiro secundário e um regulador intracelular chave que funciona como mediador da atividade de vários hormônios, incluindo epinefrina, glucagon e ACTH.Chuva Ácida: Chuva que contém componentes ácidos dissolvidos, resultantes da poluição química da atmosfera por componentes de enxofre e nitrogênio. Quando estes se depositam, aumentam a acidez do solo e da água, causando danos ecológicos e na agricultura (Material II - IDNDR, 1992)Jornais: Publicações impressas e distribuídas diariamente, semanalmente ou a algum outro intervalo regular e normalmente pequeno, contendo notícias, artigos de opinião (como editoriais e cartas), matérias especiais, avisos e anuncios de interesse atual.NewsMeios de Comunicação de Massa: Instrumentos ou meios tecnológicos de comunicação que alcançam um grande número de pessoas com uma mensagem comum: imprensa, rádio, televisão, etc.Clero: Pessoas ordenadas para os deveres religiosos, que atuam como líderes e realizam serviços religiosos.Tempo de Internação: Período que um paciente permanece confinado em um hospital ou outra instituição de saúde.Cristianismo: A religião que se origina da vida, ensinamentos e morte de Jesus Cristo: a religião que acredita em Deus como o Todo-Poderoso Pai que trabalha para a redenção através do Espírito Santo pela salvação dos homens e que afirma Jesus Cristo como o Senhor e Salvador que proclamou o evangelho da salvação para o homem.Jornalismo Médico: A coleção, escrita e edição de material de interesse atual em tópicos relacionados à biomedicina para apresentação pelos meios de comunicação de massa, inclusive jornais, rádio ou televisão, normalmente para uma audiência pública como os consumidores de cuidados de saúde.Irã (Geográfico)Julgamento: O processo de descobrir ou afirmar uma relação objetiva ou intrínseca entre dois objetos ou conceitos; uma capacidade ou poder que permite que a pessoa realize julgamentos; o processo de esclarecer e afirmar o significado implícito de um conceito; uma avaliação crítica de uma pessoa ou situação.Tomada de Decisões: O processo de realizar um julgamento intelectual seletivo quando se é apresentado a várias alternativas complexas consistindo de diversas variáveis, e que geralmente leva à definição de um modo de agir ou de uma ideia.Medo: A resposta afetiva a um perigo externo real, que desaparece com o fim da situação ameaçadora.República Tcheca: Criada em 1 de janeiro de 1993 como resultado da divisão da Tchecoslováquia em República Tcheca e Eslováquia.República Democrática do Congo: República na África central, ao leste da REPÚBLICA DO CONGO, sul da REPÚBLICA CENTRO-AFRICANA e ao norte de ANGOLA e ZÂMBIA. A capital é Kinshasa.República Dominicana: República nas Grandes Antilhas nas Índias Ocidentais. Sua capital é Santo Domingo. Com o Haiti, forma a ilha de Hispaniola - a República Dominicana ocupando os dois terços orientais e o Haiti o terço ocidental. Foi criada em 1844 depois de uma revolta contra o governo do Presidente Boyer sobre a ilha inteira de Hispaniola, visitada por Colombo em 1492 e povoada no próximo ano. Com exceção de um período breve de anexação a Espanha (1861-65), tem sido independente, entretanto intimamente associada aos Estados Unidos. Seu nome vem do Espanhol Santo Domingo, Domingo Santo, com referência a sua descoberta em um domingo.Legislação de Medicamentos: Leis e regulamentos referentes à produção, dispensação e comercialização de medicamentos.Automação de Escritório: Uso de computadores ou sistemas de computação para execução de rotinas dos serviços de escritório, por exemplo, faturamento, registros relativos à administração do escritório.Associações de BibliotecasSecretárias de Consultório Médico: Pessoas responsáveis pelas diferentes tarefas relativas à rotina de um consultório médico.LivrosUnião Europeia: A designação coletiva de três organizações com associação comum: a Comunidade Econômica Europeia (Mercado Comum), a Comunidade Europeia do Carvão e do Aço e a Comunidade de Energia Atômica Europeia (Euratom). Era conhecida como a Comunidade Europeia até 1994. É principalmente uma união econômica com os objetivos principais de movimentar livremente bens, capital e trabalho. Serviços profissionais, sociais, médicos e paramédicos estão incluídos dentro do trabalho. Os países constituintes são a Áustria, Bélgica, Dinamarca, Finlândia, França, Alemanha, Grécia, Irlanda, Itália, Luxemburgo, Países Baixos, Portugal, Espanha, Suécia e Reino Unido.