Síndrome de Pierre Robin: Malformação congênita caracterizada por MICROGNATISMO ou RETROGNATIA, GLOSSOPTOSE e FISSURA PALATINA. As anomalias da mandíbula resultam com frequência em dificuldades de sucção e deglutição. A síndrome pode ser isolada ou associada com outras síndromes (ex.: SÍNDROME DE ANDERSEN, DISPLASIA CAMPOMÉLICA). A expressão errônea, ao longo do desenvolvimento, do gene que codifica o FATOR DE TRANSCRIÇÃO SOX9 no cromossomo 17q e sua região adjacente está associada a esta síndrome.Micrognatismo: Maxilares anormalmente pequenos.Obturadores Palatinos: Instrumentos que fecham uma fenda ou fissura do palato.Disostose Mandibulofacial: Distúrbio hereditário que ocorre em duas formas: a forma completa (síndrome de Franceschetti) é caracterizada por inclinação antimongoloide das fissuras palpebrais, coloboma da pálpebra inferior, micrognatia e hipoplasia das arcadas zigomáticas e microtia. É transmitida como característica autossômica dominante. A forma incompleta (síndrome de Treacher Collins) é caracterizada pelas mesmas anomalias em grau menos pronunciado. Ocorre esporadicamente, mas suspeita-se de um modo dominante autossômico de transmissão. (Dorland, 28a ed)Mantenedor de EspaçoQueixo: Parte anatômica frontal da mandíbula, também conhecida como mento, que contém a linha de fusão de duas metades separadas da mandíbula (sínfise do mento). Esta linha de fusão divide-se inferiormente para encerrar uma área triangular conhecida como protuberância mental. Em cada lado, inferiormente ao segundo dente pré-molar, localiza-se o forame mental por onde passam vasos sanguíneos e um nervo.Obstrução das Vias Respiratórias: Qualquer impedimento na passagem de ar para dentro ou para fora dos pulmões.Eritema Multiforme: Doença de pele e das mucosas, caracterizada por uma erupção de máculas, pápulas, nódulos, vesículas, e/ou bolhas com características lesões tipo "olhos de boi", geralmente ocorrendo na região dorsal das mãos e antebraços.Enciclopédias como Assunto: Trabalhos que contêm artigos de informação em assuntos em todo campo de conhecimento, normalmente organizado em ordem alfabética, ou um trabalho semelhante limitado a um campo especial ou assunto.Síndromes Mielodisplásicas: Transtornos de células-tronco hematopoéticas clonais caracterizados por displasia em uma ou mais linhagens de células hematopoéticas. São considerados estados pré-leucêmicos, predominantemente afetam pacientes com mais de 60 anos de idade, e possuem alta probabilidade de transformação na LEUCEMIA MIELOIDE AGUDA.Trombose: Formação e desenvolvimento de um trombo ou coágulo no vaso sanguíneo.Leucemia Mielogênica Crônica BCR-ABL Positiva: Transtorno hematopoético clonal causado por defeito genético adquirido em CÉLULAS-TRONCO PLURIPOTENTES. Inicia em CÉLULAS MIELOIDES da medula óssea, invade o sangue, e então, outros órgãos. O estado progride de uma fase crônica estável, mais indolente (LEUCEMIA MIELOIDE DE FASE CRÔNICA) durando até 7 anos, para uma fase avançada composta de uma fase acelerada (LEUCEMIA MIELOIDE DE FASE ACELERADA) e CRISE BLÁSTICA.Economia em Odontologia: Aspectos econômicos da profissão e da assistência odontológica.Prevalência: Número total de casos de uma dada doença em uma população especificada num tempo designado. É diferenciada de INCIDÊNCIA, que se refere ao número de casos novos em uma população em um dado tempo.Fissura Anal: Úlcera linear dolorosa na margem do ânus. Aparece como uma fissura ou fenda na mucosa do ânus muito dolorosa e difícil de cicatrizar. (Dorland, 28a ed; Stedman, 25a ed)Viúva Negra: Aranha venenosa do Novo Mundo com uma marca vermelha, em forma de ampulheta, no abdome.Convulsões: Distúrbios clínicos ou subclínicos da função cortical, devido à descarga súbita, anormal, excessiva e desorganizada de células cerebrais. As manifestações clínicas incluem fenômenos motores, sensoriais e psíquicos. Os ataques recidivantes são normalmente referidos como EPILEPSIA ou "transtornos de ataques".Desenvolvimento Psicossexual: Os estágios de desenvolvimento dos aspectos psicológicos da sexualidade, desde o nascimento até a idade adulta, i. é, as fases oral, anal, genital e latente.Fatores de Risco: Aspecto do comportamento individual ou do estilo de vida, exposição ambiental ou características hereditárias ou congênitas que, segundo evidência epidemiológica, está sabidamente associado a uma condição relacionada com a saúde considerada importante de ser prevenida.Brasil: A República Federativa do Brasil é formada por 5 regiões (norte, nordeste, centro-oeste, sudeste e sul), 26 Estados e o Distrito Federal (Brasília). A atual divisão político-administrativa é de 1988, quando foi criado o estado do Tocantins, a partir do desmembramento de parte de Goiás, e os territórios de Amapá e Roraima foram transformados em estados. Quinto país do mundo em área total, superado por Federação Russa, Canadá, China e EUA, e maior da América do Sul, o Brasil ocupa a parte centro-oriental do continente. São 23.089 km de fronteiras, sendo 7.367 km marítimas e 15.719 km terrestres. A orla litorânea estende-se do cabo Orange, na foz do rio Oiapoque, ao norte, até o arroio Chuí, no sul. Todos os países sul-americanos, com exceção de Equador e Chile, fazem fronteira com Brasil. Pouco mais de 70 km tornam a extensão norte-sul do país superior ao sentido leste-oeste. São 4.394,7 km entre os extremos leste e oeste. Ao norte, o ponto extremo do Brasil é a nascente do rio Ailã, no monte Caburaí, em Roraima, fronteira com a Guiana. Ao sul, o arroio Chuí, na divisa do Rio Grande do Sul com o Uruguai. A leste, a ponta do Seixas, na Paraíba. E a oeste, as nascentes do rio Moa, na serra da Contamana, no Acre, fronteira com o Peru. O centro geográfico fica na margem esquerda do rio Jarina, em Barra do Garça em Mato Grosso. (Almanaque Abril. Brasil, SP: Editora Abril S.A., 2002). Existe grande contraste entre os estados em relação aos aspectos físicos e demográficos e aos indicadores sociais e econômicos. A área do Amazonas, por exemplo, é maior do que a área somada dos nove estados da região nordeste. Enquanto Roraima e Amazonas têm cerca de um a dois habitantes por km2, no Rio de Janeiro e no Distrito Federal esse índice é superior a 300 (a média para o país é de 20,19 IBGE 2004). A população brasileira estimada para 2006 é de 186 milhões de habitantes distribuída em uma área de 8.514.215,3 km2 (média de 46 hab/km2). A mortalidade infantil média para o país é de 26,6 óbitos de crianças menores de um ano por 1000 nascidos vivos, variando de 47,1 para o estado de Alagoas (IBGE 2004) e 13,5 para o estado de São Paulo (SEADE 2005). A esperança (ou expectativa) de vida do brasileiro ao nascer é de 71,7 anos (IBGE 2004). A taxa de fecundidade é de 2,3 filhos por mulher menor de 20 anos (IBGE 2004). Em relação à economia, apenas três estados do Sudeste - São Paulo, Rio de Janeiro e Minas Gerais - respondem por cerca de 60 por cento do PIB brasileiro.Cobre: Oligoelemento de metal pesado com símbolo atômico Cu, número atômico 29 e peso atômico 63,55.Sistema Cardiovascular: CORAÇÃO e VASOS SANGUÍNEOS, através dos quais o SANGUE é bombeado e circula pelo corpo.Corpo Humano: O ser humano como uma entidade não anatômica e não zoológica. A ênfase está no tratamento filosófico ou artístico do ser humano e inclui posição e atitudes sociais acerca do corpo na história.Ferro: Elemento metálico de símbolo Fe, número atômico 26 e massa atômica de 55,85. É um constituinte essencial de HEMOGLOBINAS, CITOCROMOS e PROTEÍNAS LIGANTES DE FERRO. Desempenha papel em reações de oxido-redução celulares e no transporte de OXIGÊNIO.Sulfato de Cobre: Sal sulfato de cobre. É um emético potente e utilizado como antídoto ao envenenamento por fósforo. Também pode ser usado para prevenir o crescimento de algas.Osso e Ossos: TECIDO CONJUNTIVO especializado, principal constituinte do ESQUELETO. O componente celular básico (principle) do osso é constituído por OSTEOBLASTOS, OSTEÓCITOS e OSTEOCLASTOS, enquanto COLÁGENOS FIBRILARES e cristais de hidroxiapatita formam a MATRIZ ÓSSEA.Minerais: Substâncias orgânicas fossilizadas ou inorgânicas, naturais, que apresentam uma composição química definida e formadas por reações inorgânicas. Podem apresentar-se sob a forma de cristais individuais ou podem estar disseminadas em outros minerais ou rochas.Dedos do Pé: Qualquer um dos cinco dígitos terminais do PÉ de vertebrados.: Extremidade distal da perna dos vertebrados que consiste do tarso (TORNOZELO), do METATARSO, das falanges e dos tecidos moles que envolvem estes ossos.Dor Abdominal: Sensação de desconforto, mal estar ou agonia na região abdominal.Diagnóstico por Computador: Aplicação de programas computadorizados destinados a dar assistência a médicos na solução de problemas diagnósticos.Náusea: Sensação desagradável no estômago, geralmente acompanhada pelo impulso de vomitar. Entre as causas comuns estão gravidez inicial, enjoo por movimento e mar, estresse emocional, dor intensa, intoxicação alimentar e várias enteroviroses.Dedos: Quatro ou cinco dígitos delgados articulados em humanos e primatas unidos a cada uma das MÃOS.Pernas: Parte mais baixa, na extremidade inferior, entre o JOELHO e o TORNOZELO.Prova Pericial: Apresentação de dados pertinentes por um perito com habilidade ou conhecimento que representa juízo qualificado de um assunto em particular.Blogging: Uso de diário pessoal mantido na INTERNET que pode consistir de reflexões, comentários e, com frequência, 'hyperlinks'.Fissura Palatina: A fissura congênita do palato mole e/ou duro que se deve a uma fusão defeituosa.Cura pela Fé: Uso da fé e espírito para curar doença.Pessoas FamosasSenso de Humor e Humor como Assunto: A faculdade de expressar o divertido, inteligente ou cômico ou a percepção aguda e expressão inteligentemente hábil de conexões entre ideias que despertam diversão e prazer. (Tradução livre do original: Random House Unabridged Dictionary, 2d ed)Crimes de Guerra: Atos criminosos cometidos durante ou em conexão com a guerra, por exemplo, maus-tratos de prisioneiros, assassinato proposital de civis, etc.Embriologia: Estudo do desenvolvimento de um organismo durante as fases embrionária e fetal da vida.Língua: Órgão muscular na boca coberto com um tecido cor de rosa chamado mucosa, por pequenas projeções chamadas papilas e milhares de papilas gusttativas. A língua é ancorada à boca e é vital para a mastigação, deglutição e para a fala.Neoplasias da Língua: Tumores ou câncer da LÍNGUA.Doenças da LínguaHistologia: Estudo da estrutura de vários TECIDOS dos organismos em um nível microscópico.Biologia do Desenvolvimento: Campo da biologia que lida com o processo do crescimento e da diferenciação de um organismo.Língua Fissurada: Manifestação clínica bastante prevalente em portadores de psoríase e que também ocorre em portadores de Síndrome de Down, porém até o momento não existem evidências de que na síndrome tenha ligação direta com Psoríase. (Tradução livre do original: Handbook of Psoriasis by Charles Camisa: Blackwell Science, 2003; Smith's Recognizable Patterns of Human Malformation by Kenneth Lyons Jones: Saunders Co., 1997; Dr. Carlos Alberto Monson, através de contato pessoal, 2007)Ilhas do Oceano Índico: Numerosas ilhas no Oceano Índico situadas a leste de Madagascar, norte para o Mar Árabe e leste para o Sri Lanka. Incluídas estão ILHAS CAMORAS (república), MADAGÁSCAR (república), Maldivas (república), MAURÍCIO (democracia parlamentar), Pemba (administrada pela Tanzânia), REUNIÃO (um departamento da França) e SEICHELLES (república).Acuidade Visual: Clareza ou nitidez da VISÃO OCULAR ou a habilidade dos olhos de enxergar detalhes finos. A acuidade visual depende das funções da RETINA, da transmissão nervosa e da habilidade interpretativa do encéfalo. A acuidade visual normal (humana) é expressa como 20/20, que indica que uma pessoa pode enxergar a 20 pés (aproximadamente 6,1 m) o que normalmente deve ser visto a esta distância. A acuidade visual também pode ser influenciada por brilho, cor e contraste.Leite Humano: Líquido branco secretado pelas glândulas mamárias da mulher. Contém proteínas, açúcar, lipídeos, vitaminas e minerais.