Prática da odontologia voltada para os problemas dentais das crianças, com manutenção e tratamento adequados [a elas]. O cuidado odontológico pode incluir os serviços de especialistas odontológicos.
Programas educacionais para graduados em odontologia que ingressam em uma especialidade. Eles incluem treinamento convencional da especialidade bem como trabalho acadêmico nas ciências odontológicas básicas e clínicas e podem conduzir a uma certificação ou grau odontológico avançado.
Dar atenção à necessidade odontológica especial das crianças, incluindo a prevenção das doenças dos dentes e instrução em higiene e saúde dentária. A assistência odontológica pode incluir os serviços prestados por especialistas odontológicos.
Profissão preocupada com os dentes, cavidade oral e estruturas associadas, e o diagnóstico e tratamento de suas doenças, incluindo prevenção e restauração de tecido defeituoso e perdido.
Usada para artigos relativos a educação dental em geral.
Serviço hospitalar que presta assistência odontológica.
O pessoal de ensino e o pessoal administrativo que possui graduação acadêmica em uma escola de odontologia.
Instituições educacionais para indivíduos em especialização no campo da odontologia.
Prática odontológica não especializada que permite oferecer cuidado odontológico primário e contínuo.
Depressão de consciência induzida por medicamento durante a qual os pacientes não podem ser facilmente despertados, mas respondem propositadamente a repetidas estimulações dolorosas. A capacidade para manter a função respiratória independente pode ser prejudicada. (Tradução livre do original: From: American Society of Anesthesiologists Practice Guidelines).
Manipulação do comportamento de pessoas ou animais por meio biomédico, físico, psicológico ou social, inclusive por razões não terapêuticas.
Ações para prevenção de doenças periodontais ou outras doenças dentárias através da limpeza dos dentes no consultório dentário utilizando procedimentos de RASPAGEM DENTÁRIA e POLIMENTO DENTÁRIO. Podem incluir detecção de placa, remoção de placas e cálculos supra- e subgengival, aplicação de agentes de prevenção de cáries, verificação de restaurações e próteses e correção de margens salientes e contornos proximais de restaurações, e verificação para sinais de impactação de alimento.
Instalações onde é providenciado cuidado odontológico aos pacientes.
Variedade de métodos usados para reduzir a dor e a ansiedade durante procedimentos odontológicos.
Sociedades cuja associação é limitada aos dentistas.
Indivíduos matriculados em uma escola de odontologia ou em um programa de educação formal que leva a uma graduação em odontologia.
Serviços de saúde, públicos ou privados, em áreas suburbanas. Os serviços abrangem a promoção da saúde e a distribuição de cuidados de saúde.
Especialidade dentária preocupada com a manutenção da polpa dentária em um estado de saúde e o tratamento da cavidade da polpa (câmara da polpa e canal da polpa).
Os vinte dentes da primeira dentição, os quais caem e são substituídos pelos dentes permanentes, usualmente em torno dos seis anos de idade. Espera-se que a erupção de todos os dentes decíduos normalmente ocorra em torno de dois anos e meio de idade.
Estudo de leis, teorias e hipóteses através de um exame sistemático dos fatos pertinentes, e sua interpretação no campo da odontologia.
Especialidade dentária que se ocupa da prevenção e correção de anormalidades dentárias e orais (maloclusão).
Revisão e avaliação detalhada de registros clínicos selecionados por profissionais qualificados para avaliação da qualidade dos cuidados dentários.
Indivíduos autorizados a praticar ODONTOLOGIA.
Restauração feita para permanecer em funcionamento por não menos que 20 a 30 anos, usualmente feita de molde de ouro, ouro coesivo ou amálgama.
Dente desenvolvido normalmente, mas que ainda não perfurou a mucosa oral, ou um dente que falhou ao erupcionar, de acordo com a sequência ou intervalo de tempo normal esperada para um determinado tipo de dente num dado gênero, idade ou grupo populacional.
Destruição localizada na superfície dentária, iniciada por descalcificação do esmalte, seguido por lise enzimática das estruturas orgânicas levando à formação de cavidades. Se não for avaliada, a cavidade pode penetrar no esmalte e na dentina alcançando a polpa.
Fase da dentística clínica interessada na restauração de partes dos dentes existentes que são defeituosos por doença, trauma ou desenvolvimento anormal, para o estado de função normal, saúde e estética, incluindo técnicas preventivas, diagnósticas, biológicas, mecânicas e terapêuticas, bem como técnica e aplicação de material e instrumento.
Os dentes mais posteriores em cada lado da mandíbula e maxila, totalizando oito na dentição decídua (2 de cada lado, superior e inferiormente), e usualmente doze na dentição permanente (3 de cada lado, superior e inferiormente). São dentes trituradores, apresentando coroas grandes e amplas superfícies de mastigação. (Tradução livre do original: Jablonski, Dictionary of Dentistry, 1992, p821)
Ramo de odontologia voltado para os problemas odontológicos das pessoas mais idosas.
Abordagem ou processo de prática de saúde bucal que requer a integração crítica de avaliações sistemáticas de evidências científicas relevantes, relacionando a condição oral e médica do paciente e sua história, com a competência clínica do dentista e as necessidades e preferências do tratamento do paciente. (Tradução livre do original: J Am Dent Assoc 134: 689, 2003)
Programas de treinamento em medicina e especialidades médicas oferecidos por hospitais para graduados em medicina para ir de encontro às exigências estabelecidas por autoridades competentes.
Conjunto de estudos e práticas destinadas a que o aluno desenvolva plenamente suas possibilidades (Diccionario de la Real Academia de la Lengua Española). As matérias constantes de um curso (Dicionário Aurélio)
Especialidade da odontologia que estuda a prevenção das doenças e a manutenção da saúde oral através da promoção de programas de saúde oral abrangendo comunidades.
Prática da odontologia voltada para programas preventivos, bem como de diagnóstico e de tratamento em uma população circunscrita.
Princípios de conduta profissional própria relativos aos direitos e deveres do dentista, relações com os pacientes e profissionais da mesma categoria, assim como ações do dentista no cuidado ao paciente e relações interpessoais com a família do paciente. (Tradução livre do original: Stedman, 25th ed)
Prática da odontologia adaptada (applied) a circunstâncias especiais associadas às operações militares.
Controle, direção e financiamento da totalidade da assistência odontológica a uma população pelo governo nacional.
Enzima do ciclo da ureia que catalisa a formação de ácido argininossuccínico a partir de citrulina e ácido aspártico, na presença de ATP. A ausência ou deficiência desta enzima causa a doença metabólica CITRULINEMIA em humanos. EC 6.3.4.5.
Centros que prestam supervisão de enfermagem e cuidados médicos limitados a pessoas que não requerem hospitalização.
Período de tempo a partir de 1901 até 2000 da era comum.
Serviços de saúde comunitária e SERVIÇOS DE ENFERMAGEM que provêm serviços múltiplos e coordenados aos pacientes em seus domicílios. Estes serviços de assistência domiciliar oferecem a visita de enfermeiros, unidades de saúde, HOSPITAIS ou grupos comunitários organizados que utilizam equipe profissional especializada na área da saúde. Difere da ENFERMAGEM DOMICILIAR que é composta por não profissionais.
Centros de assistência geriátrica de longa permanência que proporcionam supervisão e assistência nas atividades diárias e serviços de enfermagem quando necessários.
Custos reais dos serviços relacionados com a oferta de cuidados de saúde, incluindo os custos de procedimentos, terapias e medicações. Diferencia-se de GASTOS EM SAÚDE, que se refere ao valor total pago pelos serviços e as taxas referentes ao total do encargo independentemente do custo.
Inibidor do metabolismo dos nucleotídeos.
Leis e regulamentos referentes à produção, dispensação e comercialização de medicamentos.
A confederação livre de redes de comunicação de computadores ao redor do mundo. As redes que compõem a Intenet são conectadas através de várias redes centrais. A internet proveio do projeto ARPAnet do governo norte-americano e foi projetada para facilitar a troca de informações.
A designação coletiva de três organizações com associação comum: a Comunidade Econômica Europeia (Mercado Comum), a Comunidade Europeia do Carvão e do Aço e a Comunidade de Energia Atômica Europeia (Euratom). Era conhecida como a Comunidade Europeia até 1994. É principalmente uma união econômica com os objetivos principais de movimentar livremente bens, capital e trabalho. Serviços profissionais, sociais, médicos e paramédicos estão incluídos dentro do trabalho. Os países constituintes são a Áustria, Bélgica, Dinamarca, Finlândia, França, Alemanha, Grécia, Irlanda, Itália, Luxemburgo, Países Baixos, Portugal, Espanha, Suécia e Reino Unido.
Gênero de planta da família POLYGONACEAE utilizada como GRÃO COMESTÍVEL. Embora as sementes sejam usadas como cereal, a planta não é uma das gramíneas de cereal (POACEAE).
Aplicação de software para recuperar, apresentar e discutir recursos de informação na rede mundial de computadores (World Wide Web).
Médicos profissionais que prestam assistência a pacientes em um centro, instituição ou órgão de saúde.
Atividade envolvida na transferência de mercadorias do produtor para o consumidor ou em troca de serviços.