Magnetometria: Medida de vários aspectos dos CAMPOS MAGNÉTICOS.Magnetismo: Estudo dos FENÔMENOS MAGNÉTICOS.Óxido Ferroso-Férrico: Óxido (Fe3O4) de ferro (II,III). É um minério preto feito de FERRO que forma cristais opacos e exerce forte magnetismo.Lactato Desidrogenases: Álcool oxidorredutases com substrato específico para ÁCIDO LÁCTICO.Imãs: Objetos que produzem campo magnético.Magnetoencefalografia: Medida dos campos magnéticos da cabeça, geradas por correntes elétricas no encéfalo. Assim como em um condutor elétrico, os campos elétricos no encéfalo são acompanhados por campos magnéticos ortogonais. A medida desses campos provê informação sobre a localização da atividade encefálica que é complementar àquela proveniente da ELETROENCEFALOGRAFIA. A magnetoencefalografia pode ser utilizada sozinha ou em conjunto com a eletroencefalografia, para a medida da atividade espontânea ou evocada, e para propósitos clínicos ou de pesquisa.Fibras Minerais: Filamentos longos, flexíveis, aderentes, naturais ou manufaturados de comprimentos variáveis. Eles formam a estrutura de alguns minerais. Sua importância médica reside em suas potenciais capacidades de causar vários tipos de PNEUMOCONIOSES (e.g., ASBESTOSE) após a exposição ocupacional ou ambiental.Farmacovigilância: Detecção dos efeitos colaterais de longo e curto prazo dos medicamentos tradicionais por meio de pesquisa, coleta de dados, monitorização e avaliação da informação de assistência em saúde obtidos por meio de pacientes e profissionais de saúde.Brasil: A República Federativa do Brasil é formada por 5 regiões (norte, nordeste, centro-oeste, sudeste e sul), 26 Estados e o Distrito Federal (Brasília). A atual divisão político-administrativa é de 1988, quando foi criado o estado do Tocantins, a partir do desmembramento de parte de Goiás, e os territórios de Amapá e Roraima foram transformados em estados. Quinto país do mundo em área total, superado por Federação Russa, Canadá, China e EUA, e maior da América do Sul, o Brasil ocupa a parte centro-oriental do continente. São 23.089 km de fronteiras, sendo 7.367 km marítimas e 15.719 km terrestres. A orla litorânea estende-se do cabo Orange, na foz do rio Oiapoque, ao norte, até o arroio Chuí, no sul. Todos os países sul-americanos, com exceção de Equador e Chile, fazem fronteira com Brasil. Pouco mais de 70 km tornam a extensão norte-sul do país superior ao sentido leste-oeste. São 4.394,7 km entre os extremos leste e oeste. Ao norte, o ponto extremo do Brasil é a nascente do rio Ailã, no monte Caburaí, em Roraima, fronteira com a Guiana. Ao sul, o arroio Chuí, na divisa do Rio Grande do Sul com o Uruguai. A leste, a ponta do Seixas, na Paraíba. E a oeste, as nascentes do rio Moa, na serra da Contamana, no Acre, fronteira com o Peru. O centro geográfico fica na margem esquerda do rio Jarina, em Barra do Garça em Mato Grosso. (Almanaque Abril. Brasil, SP: Editora Abril S.A., 2002). Existe grande contraste entre os estados em relação aos aspectos físicos e demográficos e aos indicadores sociais e econômicos. A área do Amazonas, por exemplo, é maior do que a área somada dos nove estados da região nordeste. Enquanto Roraima e Amazonas têm cerca de um a dois habitantes por km2, no Rio de Janeiro e no Distrito Federal esse índice é superior a 300 (a média para o país é de 20,19 IBGE 2004). A população brasileira estimada para 2006 é de 186 milhões de habitantes distribuída em uma área de 8.514.215,3 km2 (média de 46 hab/km2). A mortalidade infantil média para o país é de 26,6 óbitos de crianças menores de um ano por 1000 nascidos vivos, variando de 47,1 para o estado de Alagoas (IBGE 2004) e 13,5 para o estado de São Paulo (SEADE 2005). A esperança (ou expectativa) de vida do brasileiro ao nascer é de 71,7 anos (IBGE 2004). A taxa de fecundidade é de 2,3 filhos por mulher menor de 20 anos (IBGE 2004). Em relação à economia, apenas três estados do Sudeste - São Paulo, Rio de Janeiro e Minas Gerais - respondem por cerca de 60 por cento do PIB brasileiro.Pensões: Somas fixas pagas regularmente a pessoas.Sistemas de Notificação de Reações Adversas a Medicamentos: Sistemas desenvolvidos para coleta de dados de reações adversas a medicamentos por agências governamentais, fabricantes, hospitais, médicos e outras fontes.Espectroscopia por Absorção de Raios X: Análise da energia absorvida através de um espectro das energias de raios X e comprimentos de onda para determinar a estrutura química e os estados eletrônicos do meio de absorção.Nicorandil: Derivado da NIACINAMIDA que está estruturalmente combinado com nitrato orgânico. É um abridor de canais de potássio que causa vasodilatação das arteríolas e grandes artérias coronárias. Suas propriedades do tipo nitrato produzem vasodilatação venosa através da estimulação da guanilato ciclase.Efeitos Colaterais e Reações Adversas Relacionados a Medicamentos: Distúrbios que resultam do uso intencional das PREPARAÇÕES FARMACÊUTICAS. Neste descritor estão incluídas uma ampla variedade de condições adversas induzidas quimicamente devido à toxicidade, INTERAÇÕES DE MEDICAMENTOS e efeitos metabólicos de compostos químicos.Geologia: 1) Ciência da Terra e outros corpos celestes e sua história de acordo com os registros nas rochas. Inclui o estudo dos processos geológicos de uma área tais como a formação de rochas, intemperismo e erosão, e sedimentação. (Tradução livre do original: McGraw-Hill Dictionary of Scientific and Technical Terms, 6th ed) 2) Ciência que estuda o planeta Terra, a disposição dos materiais que o compõem e todos os fenômenos que nele operaram até chegar ao seu estado atual (Material III - Ministério da Ação Social, Brasília, 1992)Enciclopédias como Assunto: Trabalhos que contêm artigos de informação em assuntos em todo campo de conhecimento, normalmente organizado em ordem alfabética, ou um trabalho semelhante limitado a um campo especial ou assunto.Fenômenos Físicos: As entidades de matéria e energia, e os processos, princípios, propriedades e relacionamentos que descrevem sua natureza e interações.Terremotos: 1) Deslizamentos repentinos em uma falha (geológica) e o tremor de terra e radiação da energia sísmica resultantes causados pelos deslizamentos, ou por atividade vulcânica ou magmática, ou outras alterações perturbadoras repentinas na TERRA (PLANETA). Falhas são fraturas ao longo das quais os blocos de crosta terrestres em ambos os lados se moveram relativamente uma sobre a outra em paralelo com a fratura. 2) Repentino deslocamento de áreas de terra com fendas causando massiva destruição física afetando uma população (Repidisca/CEPIS). Movimento súbito do terreno, ocasionado por passagem de ondas sísmicas. Os terremotos mais frequentes são originados por processos naturais, como a ruptura de um bloco de rochas através de uma falha geológica. Explosões artificiais, erupções vulcânicas, deslocamento de terrenos e escorregamento de taludes podem provocar sismos menores. Os terremotos podem ser causados por explosões, impacto de meteoritos, grandes escorregamentos ou erupções vulcânicas. Os terremotos naturais, de efeito mais destrutivo, estão associados a processos tectônicos, quando ocorrem pela liberação repentina de tensões acumuladas no interior da crosta terrestre (Ministério da Ação Social, Brasília, 1992)Planetas: Corpos celestes queorbitam ao redor do sol ou de outras estrelas.Tsunamis: 1) Série de ondas oceânicas produzidas por eventos geológicos ou por DESLIZAMENTOS DE TERRA subaquáticos. Estas ondas podem se deslocar a velocidades médias de 725 km/h (e chegando até 965 km/h) no oceano aberto (MeSH). 2) Uma série de grandes ondas marítimas gerada pelo repentino deslocamento da água do mar (causada por terremotos, erupções vulcânicas ou deslizamentos de solo marinho); é capaz de se propagar por longas distâncias, alcançando uma velocidade média de 450 (até 600) milhas por hora em mar aberto e, ao chegar à costa, produz um maremoto destrutivo. É um fenômeno que se observa principalmente no Oceano Pacífico. O termo é de origem japonesa.Erupções Vulcânicas: Cinza, poeira, gases e lava liberados por explosão vulcânica. Os gases são matéria volátil composta principalmente por cerca de 90 por cento de vapor de água, e também por gás carbônico, dióxido de enxofre, hidrogênio, monóxido de carbono e nitrogênio. A cinza ou poeira são ejetos piroclásticos, e a lava expelida é um material fundido constituído principalmente de silicato de magnésio. (Tradução livre do original: McGraw-Hill Dictionary of Scientific and Technical Terms, 4th ed)Elementos da Série Actinoide: Série de elementos radioativos do ACTÍNIO, número atômico 89 até o LAURÊNCIO, número atômico 103.Dissertações Acadêmicas como Assunto: Dissertações encorpando resultados de pesquisa original e especialmente substanciando uma visão específica, por exemplo, documentos substanciais escritos por candidatos a um grau acadêmico sob direção individual de um professor ou documentos escritos por estudantes universitários que desejam alcançar honras ou distinção.Pesquisa: Investigação crítica e exaustiva ou experimentação, tendo por objetivo a descoberta de fatos novos e sua interpretação correta, a revisão de conclusões, teorias ou leis aceitas, à luz de fatos recentemente descobertos, ou a aplicação prática dessas conclusões, teorias ou leis novas ou revisadas.Educação de Pós-Graduação: Estudos além do grau de bacharel em uma instituição que mantém programas de graduação com o propósito de preparar o ingresso em um campo específico e a obtenção de um grau mais elevado.Temperatura Ambiente: Propriedade de objetos que determina a direção do fluxo de calor quando eles são posicionados em contato térmico direto. A temperatura é a energia dos movimentos microscópicos (translacionais e de vibração) das partículas dos átomos.Médicos Graduados Estrangeiros: Médicos com diplomas emitidos por universidades de países que não aquele no qual exercem sua profissão.Educação de Pós-Graduação em Medicina: Programas educacionais para graduados em medicina que ingressam em uma especialidade. Eles incluem treinamento convencional da especialidade bem como trabalho acadêmico nas ciências médicas básicas e clínicas e podem conduzir a uma certificação ou grau médico avançado.Síndrome de Nelson: Síndrome caracterizada por HIPERPIGMENTAÇÃO, massa hipofisária aumentada, defeitos visuais secundários à compressão do QUIASMA ÓPTICO e níveis séricos elevados de ACTH. Causada pela expansão de um ADENOMA HIPOFISÁRIO SECRETOR DE ACT subjacente, que cresce na ausência de inibição por retroalimentação (feedback) de CORTICOSTEROIDES da adrenal (geralmente após ADRENALECTOMIA).Trinidad e Tobago: Estado independente nas Pequenas Antilhas nas Índias Ocidentais, ao norte da Venezuela, incluindo as ilhas de Trinidad e Tobago. Sua capital é Porto de Espanha. Ambas as ilhas foram descobertas por Colombo em 1498. Os espanhóis, ingleses, holandeses e franceses figuram em sua história por mais de quatro séculos. Trinidad e Tobago uniram-se em 1898 e foram feitos parte da colônia britânica de Trinidad e Tobago em 1899. A colônia tornou-se um estado independente em 1962. Trinidad foi assim denominada por Colombo porque ele chegou no Domingo da Trindade ou porque os três cumes montanhosos sugeriram a Santa Trindade. Tobago teve seu nome determinado por Colombo, do haitiano tambaku, cachimbo, do hábito dos nativos de fumarem folhas secas de tabaco.Desulfovibrio: Gênero de bactérias Gram-negativas anaeróbias, em forma de bastonete, que são capazes de reduzir compostos de enxofre a sulfeto de hidrogênio. Os organismos são isolados de lodo anaeróbio de água doce ou salgada, intestinos de animais, adubo e fezes.Lobomicose: Infecção fúngica subcutânea crônica e endêmica em regiões rurais das Américas do Sul e Central. O organismo causador é a Lacazia loboi.Onygenales: Ordem de fungos do filo ASCOMYCOTA que contém várias espécies medicamente importantes. Há quatro famílias e as formas mitospóricas (anamórficas) são proeminentes.TexasBlastomicose: Infecção fúngica que pode aparecer sob duas formas: 1) lesão primária, caracterizada pela formação de pequeno nódulo cutâneo e pequenos nódulos ao longo dos linfáticos que podem melhorar dentro de vários meses e 2) lesões granulomatosas crônicas caracterizadas por crostas espessas, crescimento de verrugas, vasculatura rara e infecção dos lobos pulmonares médio ou superior.Ducto Vitelino: Tubo estreito que conecta o SACO VITELINO ao intestino médio do EMBRIÃO. A persistência de todo o ducto (ou de uma parte) na vida pós - fetal produz anormalidades, das quais a mais comum é o DIVERTÍCULO ILEAL.Dor Lombar: Dor aguda ou crônica nas regiões lombar ou sacral podendo estar associada com ENTORSES E DISTENSÕES dos ligamentos dos músculos, DESLOCAMENTO DO DISCO INTERVERTEBRAL e outras afecções.Dor nas Costas: Dor aguda ou crônica localizada nas regiões posteriores do TÓRAX, REGIÃO LOMBOSSACRAL ou regiões adjacentes.Cabeça: Parte superior do corpo humano, ou a parte da frente ou da parte superior do corpo de um animal, tipicamente separado do resto do corpo por uma pescoço, e que contém o cérebro, a boca, e alguns dos órgãos dos sentidos.PapelJornais: Publicações impressas e distribuídas diariamente, semanalmente ou a algum outro intervalo regular e normalmente pequeno, contendo notícias, artigos de opinião (como editoriais e cartas), matérias especiais, avisos e anuncios de interesse atual.Sociedades Médicas: Sociedades cuja associação é limitada aos médicos.Legislação de Medicamentos: Leis e regulamentos referentes à produção, dispensação e comercialização de medicamentos.LivrosUnião Europeia: A designação coletiva de três organizações com associação comum: a Comunidade Econômica Europeia (Mercado Comum), a Comunidade Europeia do Carvão e do Aço e a Comunidade de Energia Atômica Europeia (Euratom). Era conhecida como a Comunidade Europeia até 1994. É principalmente uma união econômica com os objetivos principais de movimentar livremente bens, capital e trabalho. Serviços profissionais, sociais, médicos e paramédicos estão incluídos dentro do trabalho. Os países constituintes são a Áustria, Bélgica, Dinamarca, Finlândia, França, Alemanha, Grécia, Irlanda, Itália, Luxemburgo, Países Baixos, Portugal, Espanha, Suécia e Reino Unido.Ciência: Estudo de fenômenos naturais por observação, medidas e experimentação.Silício: Oligoelemento que constitui aproximadamente 27,6 por cento da crosta terrestre sob a forma de DIÓXIDO DE SILÍCIO. Não ocorre de forma livre na natureza. O silício possui símbolo atômico Si, número atômico 14 e peso atômico [28.084; 28.086].Fenômenos Magnéticos: Características, propriedades e efeitos de substâncias magnéticas e campos magnéticos.Física: Estudo dos aspectos de energia e matéria em termos de princípios e leis elementares. (Tradução livre do original: McGraw-Hill Dictionary of Scientific and Technical Terms, 6th ed)Nanopartículas de Magnetita: Partículas magnéticas sintéticas menores que 100 nanômetros que possuem muitas aplicações biomédicas, incluindo em SISTEMAS DE LIBERAÇÃO DE MEDICAMENTOS e como AGENTES DE CONTRASTE. As partículas são geralmente recobertas por uma grande variedade de polímeros.Compostos Férricos: Compostos inorgânicos ou orgânicos que contêm ferro trivalente.