Acúmulos visíveis de líquido dentro ou próximo da epiderme.
Composto tóxico, isolado da mosca espanhola ou de besouro formador de bolhas (Lytta (Cantharis vesicatoria) e outros insetos. É um inibidor potente e específico das fosfatases de proteína 1 (PP1) e 2A (PP2A). Este composto pode produzir inflamação severa na pele e é extremamente tóxico se ingerido oralmente.
Doença bolhosa subepidermal crônica e relativamente benigna, normalmente ocorrendo nos idosos e sem acantose histopatológica.
Doenças cutâneas caracterizadas por distribuições locais ou generalizadas de bolhas. São classificadas de acordo com o sítio e modo de formação da bolha. As lesões podem surgir espontaneamente ou serem precipitadas por infecções, trauma, ou luz solar. As etiologias incluem fatores genéticos e imunológicos.
Grupo de doenças bolhosas crônicas, caracterizadas histologicamente por ACANTÓLISE e formação de bolhas dentro da EPIDERME.
Caderina de desmossomos, um autoantígeno adquirido no transtorno de pele PÊNFIGO VULGAR.
A ciência e arte de coletar, resumir e analisar dados que são sujeitos à variação aleatória. O termo é também usado para os próprios dados e para o resumo desses dados.
Tabulação sistemática de informações relacionadas a nascimentos, divórcios, separações e mortes com base nos registros desses eventos. (Tradução livre do original: Last, 2001)
Recipientes, embalagem e material de embalagem para medicamentos e PRODUTOS BIOLÓGICOS. Incluem aqueles em ampolas, cápsulas, comprimidos, soluções ou outras formas. A embalagem inclui recipientes imediatos, recipientes secundários e caixas. Nos Estados Unidos, tal embalagem é controlada por Lei Federal de Alimento, Medicamento e Cosmético que também determina exigências para resistência à falsificação e resistência à criança. Leis similares governam a utilização em outros lugares. (Tradução livre do original: Code of Federal Regulations, 21 CFR 1 Section 210, 1993) ROTULAGEM DE MEDICAMENTOS também está disponível.
Substituição da articulação do quadril.
Uso terapêutico de hormônios para aliviar os efeitos da deficiência hormonal.
Substituição da articulação do joelho.
Uso em mulheres de agentes hormonais com atividade semelhante ao do estrogênio na pós-menopausa ou outra deficiência de estrogênio para aliviar os efeitos da deficiência hormonal, como sintomas vasomotores, DISPAREUNIA e desenvolvimento progressivo de OSTEOPOROSE. Pode também incluir o uso de agentes progestacionais em terapia combinada.
Exsudatos são líquidos, CÉLULAS ou outras substâncias celulares eliminados vagarosamente dos VASOS SANGUÍNEOS (geralmente em tecidos inflamados). Transudatos são líquidos que passam para o ESPAÇO EXTRACELULAR dos TECIDOS através de uma membrana ou [sob pressão] de tecidos. Os transudatos são ralos e diluídos, contendo poucas células ou PROTEÍNAS.
Componentes líquidos presentes em organismos vivos.
Camada externa do corpo, que o protege do meio ambiente. Composta por DERME e EPIDERME.
Grupo de transtornos determinados geneticamente, caracterizados por bolhas de pele e mucosas. Há quatro tipos principais: adquirido, simples, juncional e distrófico. Cada um dos últimos três tipos possui diversas variedades.
Caderina desmossômica que é um autoantígeno do transtorno de pele adquirido PÊNFIGO VULGAR.
Forma de epidermólise bolhosa caracterizada por bolhas subepidermais, induzidas por trauma, sem precedentes familiares da doença. A imunofluorescência direta mostra IMUNOGLOBULINA G depositada na junção dermoepidermal.
Procedimentos que remediam temporariamente ou permanentemente a insuficiência dos rins em purificar os fluidos corporais.
Centro do PUBLIC HEALTH SERVICE que tem como foco principal a coleta, análise e disseminação de estatísticas de saúde em eventos vitais e atividades de saúde para refletir o nível de saúde da população, necessidades e recursos de saúde.
Doença de lactentes devido ao estafilococo do grupo 2, fago-tipo 17 que produz uma exotoxina epidermolítica. Bolhas e vesículas superficiais delicadas são formadas e se rompem facilmente, resultando na perda de extensas camadas de epiderme.
Remoção de secreções, gases ou líquidos de um órgão vazado ou tubular ou de cavidades, por meio de um tubo e um dispositivo que atua sob pressão negativa.
Substituição parcial ou total de um articulação.
Representação de um sistema, processo ou relação através de uma fórmula matemática em que se usam as equações para inferir ou estimar seu funcionamento ou inter-relação.
Inserção cirúrgica de material sintético para restabeler valvas cardíacas lesadas ou doentes.
Dispositivo que substitui a válvula cardíaca. Pode ser composto por material biológico (BIOPRÓTESE) e/ou material sintético.
Elementos de intervalos de tempo limitados, contribuindo para resultados ou situações particulares.
Exotoxinas proteicas do Staphylococcus aureus (fago do tipo II), que causam a necrólise da epiderme. São proteínas com massa molecular de 26 a 32 kDa. Elas causam uma doença conhecida por vários nomes: pele escamosa, síndrome de Lyell ou Ritter, doença exfoliativa da epiderme, necrólise epidérmica tóxica, etc.
Transmissão de informações a distância por meios eletrônicos.
Estudo de selos ou marcações postais. Normalmente se refere ao desenho e aspectos comemorativos do selo.
A República Federativa do Brasil é formada por 5 regiões (norte, nordeste, centro-oeste, sudeste e sul), 26 Estados e o Distrito Federal (Brasília). A atual divisão político-administrativa é de 1988, quando foi criado o estado do Tocantins, a partir do desmembramento de parte de Goiás, e os territórios de Amapá e Roraima foram transformados em estados. Quinto país do mundo em área total, superado por Federação Russa, Canadá, China e EUA, e maior da América do Sul, o Brasil ocupa a parte centro-oriental do continente. São 23.089 km de fronteiras, sendo 7.367 km marítimas e 15.719 km terrestres. A orla litorânea estende-se do cabo Orange, na foz do rio Oiapoque, ao norte, até o arroio Chuí, no sul. Todos os países sul-americanos, com exceção de Equador e Chile, fazem fronteira com Brasil. Pouco mais de 70 km tornam a extensão norte-sul do país superior ao sentido leste-oeste. São 4.394,7 km entre os extremos leste e oeste. Ao norte, o ponto extremo do Brasil é a nascente do rio Ailã, no monte Caburaí, em Roraima, fronteira com a Guiana. Ao sul, o arroio Chuí, na divisa do Rio Grande do Sul com o Uruguai. A leste, a ponta do Seixas, na Paraíba. E a oeste, as nascentes do rio Moa, na serra da Contamana, no Acre, fronteira com o Peru. O centro geográfico fica na margem esquerda do rio Jarina, em Barra do Garça em Mato Grosso. (Almanaque Abril. Brasil, SP: Editora Abril S.A., 2002). Existe grande contraste entre os estados em relação aos aspectos físicos e demográficos e aos indicadores sociais e econômicos. A área do Amazonas, por exemplo, é maior do que a área somada dos nove estados da região nordeste. Enquanto Roraima e Amazonas têm cerca de um a dois habitantes por km2, no Rio de Janeiro e no Distrito Federal esse índice é superior a 300 (a média para o país é de 20,19 IBGE 2004). A população brasileira estimada para 2006 é de 186 milhões de habitantes distribuída em uma área de 8.514.215,3 km2 (média de 46 hab/km2). A mortalidade infantil média para o país é de 26,6 óbitos de crianças menores de um ano por 1000 nascidos vivos, variando de 47,1 para o estado de Alagoas (IBGE 2004) e 13,5 para o estado de São Paulo (SEADE 2005). A esperança (ou expectativa) de vida do brasileiro ao nascer é de 71,7 anos (IBGE 2004). A taxa de fecundidade é de 2,3 filhos por mulher menor de 20 anos (IBGE 2004). Em relação à economia, apenas três estados do Sudeste - São Paulo, Rio de Janeiro e Minas Gerais - respondem por cerca de 60 por cento do PIB brasileiro.
Movimentos oculares lentos, contínuos e conjugados que ocorrem quando um objeto fixo é deslocado lentamente.
Transtorno multissistêmico caracterizado por uma polineuropatia sensorimotora (POLINEUROPATIAS), organomegalia, endocrinopatia, gamopatia monoclonal e alterações cutâneas pigmentares. Outros sinais clínicos que podem estar presentes incluem EDEMA, CAQUEXIA, glomerulopatia microangiopática, HIPERTENSÃO PULMONAR, necrose cutânea, TROMBOCITOSE e POLICITEMIA. Este transtorno frequentemente é associado com mieloma osteosclerótico. (Tradução livre do original: Adams et al., Principles of Neurology, 6th ed, p1335; Rev Med Interne 1997;18(7):553-62)
Corporações legalmente autorizadas, administradas e de propriedade de um ou mais profissionais (médicos, dentistas) cuja renda é destinada fundamentalmente às atividades profissionais dos proprietários ou acionistas.
Oferta dos serviços de saúde por telecomunicação remota. Inclui os serviços de consulta e de diagnóstico interativos.
Subtipo do VÍRUS DA INFLUENZA A que apresenta as proteínas de superfície hemaglutinina 3 e neuraminidase 8. O subtipo H3N8 é frequentemente encontrado em cavalos.
Proteínas carreadoras de oxigênio dos ERITRÓCITOS. São encontradas em todos os vertebrados e em alguns invertebrados. O número de subunidades de globina na estrutura quaternária da hemoglobina difere entre as espécies. As estruturas variam de monoméricas a uma vasta possibilidade de arranjos multiméricos.
Período de tempo a partir de 1901 até 2000 da era comum.
Ação, processo ou resultado de passar de um lugar, ou posição, para outro. Difere de LOCOMOÇÃO no sentido de que esta se restringe à passagem do corpo inteiro de um lugar para outro, enquanto movimento compreende tanto a locomoção como a mudança na posição do corpo inteiro ou qualquer de suas partes. Movimento pode ser usado em relação a humanos, animais vertebrados e invertebrados, e micro-organismos. Distinguir também de ATIVIDADE MOTORA, movimento associado com o comportamento.
Traumatismos causados por correntes elétricas. O conceito exclui queimaduras por eletricidade (QUEIMADURAS POR CORRENTES ELÉTRICAS), mas inclui choque elétrico e eletrocussão acidental.
Instituições educacionais.
Ciência que estuda a terra e sua vida, especialmente a descrição da terra, mar e ar e a distribuição da vida vegetal e animal, incluindo a humanidade e suas indústrias referentes às relações mútuas destes elementos. (Tradução livre do original: Webster, 3d ed)
Especialidade de enfermagem que lida com cuidados de saúde prestados a alunos de primeiro e segundo graus por uma enfermeira registrada.
Área da medicina que lida com os efeitos de fatores geográficos como CLIMA, condições ambientais e localização geográfica na saúde e doença.
Instituições educacionais para indivíduos em especialização no campo da medicina.
Serviços preventivos de saúde prestados a escolares, exclui estudantes universitários de escolas superiores.
Instituições educacionais para indivíduos em especialização no campo da odontologia.
Gênero de plantas (família SOLANACEAE) cujos membros contêm NICOTINA (e outros produtos químicos biologicamente ativos) e cujas folhas secas são usadas para TABAGISMO.
Decisões geralmente desenvolvidas por formuladores de políticas do governo, para definição de objetivos imediatos e futuros do sistema de saúde.
Contaminação do ar por fumaça de tabaco.
Venenos produzidos por PEIXES, inclusive TUBARÕES e raias com ferrões, geralmente liberados por espinhos. Estes venenos contêm várias substâncias, inclusive muitas toxinas lábeis que afetam especificamente o CORAÇÃO e todos os MÚSCULOS de maneira geral.
Mistura visível de gases produzida pela combustão de uma substância, geralmente composta por carbono, e que arrasta partículas em suspensão. (Tradução livre do original: http://www.drae.es)
Conjunto de perguntas previamente preparadas utilizado para a compilação de dados.
Os empreendimentos empresariais agregados da agricultura, manufatura e distribuição relacionados a tabaco e produtos derivados do tabaco.