Método de coleta de dados e uma ferramenta da PESQUISA QUALITATIVA na qual um pequeno grupo de indivíduos é conduzido junto e permitido interagir em uma discussão de suas opiniões sobre tópicos, conclusões ou questões.
Qualquer tipo de pesquisa que empregue informação não numérica para explorar características individuais ou de grupo, que produz achados não acessíveis por procedimentos estatísticos ou outro meio quantitativo. (Tradução livre do original: Qualitative Inquiry: A Dictionary of Terms Thousand Oaks, CA: Sage Publications, 1997)
Conhecimento, atitudes e comportamentos associados, que fazem parte dos tópicos relacionados com a saúde, como doenças e PROCESSOS PATOLÓGICOS, sua prevenção e tratamento. Este termo refere-se a trabalhadores da área da saúde (PESSOAL DE SAÚDE) ou não.
Conversações com indivíduos ou com grupo de pessoas a fim de obter informações acerca da formação pessoal e outros dados biográficos, suas atitudes e opiniões, etc. Inclui entrevistas de admissão em escolas ou em empregos.
Atitudes do pessoal de saúde em relação a seus pacientes, a outros profissionais, em relação ao sistema de atendimento médico, etc.
Atitudes do público em relação à saúde, doença e sistema de atendimento médico.
Conjunto de perguntas previamente preparadas utilizado para a compilação de dados.
A troca ou transmissão de ideias, atitudes ou crenças entre indivíduos ou grupos.
Expressão coletiva para todos os modelos de comportamento adquiridos e transmitidos socialmente através de símbolos. Cultura inclui costumes, tradições e linguagem.
Interações entre médico e paciente.
Promoção da saúde é o processo de capacitação do indivíduo em melhorar e controlar sua saúde. Para alcançar o estado de completo bem-estar físico, mental e social, um indivíduo ou grupo deve ser capaz de identificar aspirações, satisfazer necessidades e mudar ou lidar com seu ambiente. Saúde é vista, portanto, como um meio de vida e não um objetivo. Política de promoção de saúde envolve abordagens diversas, mas complementares, levando em conta as diferenças sociais, culturais e econômicas de cada país. (Ottawa Charter 1986)
Processo colaborativo de pesquisa envolvendo pesquisadores e representantes da comunidade.
A busca e aceitação por pacientes de serviços de saúde.
Aqueles aspectos ou características que identificam uma cultura.
O processo pelo qual a natureza e o significado dos estímulos sensoriais são reconhecidos e interpretados.
A educação em saúde objetiva desenvolver nas pessoas um sentido de responsabilidade, como indivíduo, membro de uma família e de uma comunidade, para com a saúde, tanto individual como coletivamente.
Indivíduos que trabalham na provisão de serviços de saúde, quer como médicos individuais ou empregados de instituições e programas de saúde, profissionais de saúde treinados ou não, sujeitos ou não a regulamento público.
Interações entre os funcionários da saúde e os pacientes.
O grau pelo qual o indivíduo considera o serviço ou produto de saúde ou o modo pelo qual este é executado pelo provedor como sendo útil, efetivo ou que traz benefício.
Habitantes da área rural ou de pequenos municípios classificados como rurais.
Atitude de uma porção significante de uma população a respeito de uma determinada proposição, baseada em uma quantia mensurável de efetiva evidência, e envolvendo algum grau de reflexão, análise e raciocínio.
Possibilidade dos indivíduos adentrarem e utilizarem os serviços de atenção à saúde, com vistas à resolução de problemas que afetem a saúde. Dentre os fatores que influem nesta possibilidade incluem considerações geográficas, arquitetônicas, de transporte, financeiras entre outras.
Predisposição adquirida e duradoura que age sempre do mesmo modo diante de uma determinada classe de objetos, ou um persistente estado mental e/ou neural de prontidão para reagir diante de uma determinada classe de objetos, não como eles são, mas sim como são concebidos.
O processo de realizar um julgamento intelectual seletivo quando se é apresentado a várias alternativas complexas consistindo de diversas variáveis, e que geralmente leva à definição de um modo de agir ou de uma ideia.
Médicos com atividade voltada para indivíduos, famílias e comunidade e que, independentemente de idade, sexo ou patologia do paciente, propõe-se a prestar-lhe uma assistência integral, contínua e personalizada, não interrompida nem mesmo quando necessário encaminhar o paciente a outros níveis de assistência.
Identificação sistemática das necessidades de uma população ou a avaliação dos indivíduos para determinar o nível mais adequado das necessidades de serviço.
Aqueles fatores, como a linguagem ou as relações socioculturais, que interferem na interpretação e transmissão adequada das ideias entre os indivíduos ou grupos.
Processo cuja finalidade é a determinação sistemática e objetiva da relevância, efetividade e impacto de políticas públicas, programas e projetos de saúde. O objetivo da avaliação é o de aperfeiçoar os programas e projetos, no sentido de orientar a distribuição de recursos humanos e financeiros. (tradução livre do original: OPAS/OMS-Evaluación de los programas de Salud; normas fundamentales. 1981, para Avaliação de Programas e Projetos de Saúde) Estudos projetados para avaliar a eficácia de programas. Incluem a avaliação de custo-eficácia e do alcance ou impacto dos objetivos cumpridos. (tradução livre do original: MeSH, para Program Evaluation)
Pequenas escalas-testes de métodos e procedimentos a serem utilizados em uma escala aumentada se o estudo piloto demonstrar que esses métodos e procedimentos podem ser trabalhados.
Processo de formulação, implementação e avaliação de planos e programas nos âmbitos federal, estadual e/ou municipal.
Envolvimento do paciente nos processos decisórios relativos à sua saúde.
Sistemas de suporte que proporcionam assistência e encorajamento para os indivíduos com inaptidão física ou emocional para que eles possam melhor superá-la. Apoio social informal que normalmente é providenciado por amigos, parentes ou semelhantes, enquanto ajuda formal é providenciada por igrejas, grupos, etc.
Pessoas que vivem nos Estados Unidos e que têm origem em qualquer dos grupos negros da África.
Pessoas que atuam como pais naturais, adotivos, ou substitutos. O descritor inclui o conceito de paternidade/maternidade, bem como o da preparação para a paternidade.
Mecanismo ou processo através do qual a população, por meio de seus representantes, participa do processo de formulação das políticas de saúde e do controle de sua execução nos distintos níveis de governo: federal, estadual e municipal.
A competência cultural e linguística é um conjunto de comportamentos harmoniosos, atitudes e políticas que reúnem-se em um sistema, agência ou no meio de profissionais que capacita trabalho eficaz em situações interculturais. A competência implica a capacidade para funcionar eficazmente como um indivíduo e uma organização dentro do contexto das convicções culturais, comportamentos e as necessidades apresentadas por consumidores e suas comunidades.
Ensino e treinamento de pacientes em relação às suas próprias necessidades de saúde.
Função esperada de um membro de uma profissão em particular.
É a assistência sanitária essencial baseada em métodos e tecnologias práticas, cientificamente fundados e socialmente aceitáveis, postos ao alcance de todos os indivíduos e famílias da comunidade mediante a sua plena participação e a um custo que a comunidade e o país possam suportar, em todas e cada etapa do seu desenvolvimento, com um espírito de autorresponsabilidade e autodeterminação. (Declaração de Alma-Ata - Organização Pan-Americana da Saúde, 2003)
Aqueles fatores que levam um organismo a se comportar ou a agir de modo a atingir um objetivo ou alguma satisfação. Podem ser influenciados por impulsos psicológicos ou por estímulos externos.
Gravação de informação em fita magnética ou papel perfurado.
Satisfação ou descontentamento em relação a um serviço prestado ou beneficio recebido.
Serviços de saúde, públicos ou privados, em áreas rurais. Os serviços abrangem a promoção da saúde e a distribuição de cuidados de saúde.
Indivíduos participantes do sistema de cuidados de saúde com o propósito de receber procedimentos terapêuticos, diagnósticos ou preventivos.
Médicos cuja prática não é restrita a uma área específica da MEDICINA.
Confiança em/ou esperança numa pessoa ou coisa.
A interação recíproca entre dois ou mais profissionais.
Coexistência de numerosos grupos étnicos, raciais, religiosos ou culturais distintos dentro de uma unidade social, organização ou população.
Área geográfica dos Estados Unidos sem limites definidos, mas incluindo o nordeste do Alabama, noroeste da Georgia, noroeste de South Carolina, oeste de North Carolina, leste do Kentucky, leste do Tennessee, oeste de Virginia, West Virginia, oeste de Maryland, sudoeste da Pennsylvania, sul de Ohio e sul de New York.
Serviços de saúde que visam o desenvolvimento das comunidades através de recursos humanos e materiais nelas existentes, para intensificar a autoajuda e o apoio social para desenvolver sistemas flexíveis de reforço da participação popular voltados para os assuntos de saúde. (OPAS)
Percepção ou concepção demasiadamente simplificada das pessoas, grupos sociais, etc.
Pessoas treinadas para auxiliar os profissionais de saúde no contato com a comunidade para avaliação das necessidades de serviços de saúde.
Reunião sistemática de dados, com um objetivo específico, de várias fontes, incluindo questionários, entrevistas, observação, registros existentes e equipamentos eletrônicos.
Especialidade médica voltada para a provisão contínua e integrada de cuidados primários de saúde para toda a família.
Serviços de saúde requeridos por uma população ou comunidade; inclui a avaliação e a identificação das necessidades percebidas pelo grupo, calculadas através de critérios e métodos científicos.
Comportamentos através dos quais os indivíduos protegem, mantém e promovem o próprio estado de saúde. Por exemplo, dieta e exercícios apropriados são vistos como atividades que influenciam o estado de saúde. O estilo de vida está intimamente relacionado com a comportamento saudável e é, por sua vez, influenciado por fatores socioeconômicos, educacionais e culturais.
Pesquisa sobre a organização, administração, necessidades e funcionamento de serviços de saúde. Exclui pesquisa biomédica.
Indivíduos autorizados a praticar medicina.
Serviços organizados para prover informação sobre qualquer questão que um indivíduo poderia ter usando bancos de dados e outras fontes.
Atributo perceptível que é profundamente desaprovado e considerado uma violação das normas sociais.
Pessoas que proveem cuidado para aqueles que precisam de supervisão ou assistência no estado de doença ou incapacidade. Podem prestar a assistência em casa, em um hospital ou em uma instituição. Apesar do termo cuidador incluir médicos, enfermeiros e outros profissionais de saúde, o conceito também se refere a pais, cônjuges ou outros familiares, amigos, clérigos, professores, assistentes sociais, colegas pacientes.
O estado de estar livre de intrusão ou perturbação na vida privada de uma pessoa ou em seus negócios.
1) Transferência de informação dos peritos nas áreas de medicina e saúde pública para os pacientes e o público. Estudo e uso de estratégias de comunicação para informar e influenciar decisões individuais e comunitárias que promovem saúde. (MeSH) 2) É disponibilizar para a população informação sobre promoção, prevenção e assistência à saúde(DeCS/SP2).
Realização pelo paciente das atividades normalmente executadas por profissionais de saúde. Inclui cuidados consigo mesmo, família ou amigos.
A capacidade de realizar aceitavelmente aqueles deveres diretamente relacionados ao cuidado de paciente.
Pessoas residentes nos Estados Unidos de cultura ou origem mexicana, porto-riquenha, cubana, centro ou sul-americanas ou outra cultura ou origem espanhola. O conceito não inclui americanos brasileiros e portugueses.
Pesquisa conduzida por enfermeiras, relacionada com técnicas e métodos para implementar projetos e documentar informações, inclusive métodos para entrevistar pacientes, coletar dados e fazer inferências. O conceito inclui exploração de temas metodológicos como subjetividade e experiência humanas.
A interação recíproca de duas ou mais pessoas.
Função esperada de um profissional médico.
Privacidade de informação e proteção contra revelação não autorizada.
A avaliação de variáveis psicológicas através da aplicação de procedimentos matemáticos.
A confederação livre de redes de comunicação de computadores ao redor do mundo. As redes que compõem a Intenet são conectadas através de várias redes centrais. A internet proveio do projeto ARPAnet do governo norte-americano e foi projetada para facilitar a troca de informações.
Genitores do sexo feminino, humanos ou animais.
Sistema de medicina tradicional que é baseado em crenças e práticas do povo africano. Abrange tratamentos por plantas medicinais e outras substâncias medicamentosas, bem como pelo auxílio de divindades, curandeiros, bruxos ou feiticeiros.
Pessoas responsáveis pelo desenvolvimento de políticas e supervisão da execução de planos e operações funcionais.
Estado de harmonia entre as necessidades internas e as exigências externas, e os processos usados na conquista desta condição. (Tradução livre do original: APA Thesaurus of Psychological Index Terms, 8th ed).
Província do Canadá situada entre as províncias de Manitoba e Quebeque. Sua capital é Toronto. Leva seu nome do Lago Ontário que dizem representar o iroquês 'oniatariio', lago bonito.
República na África oriental, ao sul do SUDÃO e a oeste do QUÊNIA. Sua capital é Kampala.
A interação de duas ou mais pessoas ou organizações, que é direcionada para um objetivo comum, mutuamente benéfico. Uma situação de trabalho ou de atuação em conjunto com um propósito ou benefício comum, i. é, uma ação conjunta.
Relatos ou narrações breves de uma ocorrência ou evento.
Incluem o espectro das infecções pelo vírus da imunodeficiência humana que vão desde o estado soropositivo assintomático, passando pelo complexo relação-AIDS até a síndrome de imunodeficiência adquirida (AIDS).
Níveis de excelência que caracterizam os serviços ou cuidados de saúde prestados baseados em normas de qualidade.
Habitantes de uma cidade ou município, inclusive áreas metropolitanas ou suburbanas.
Professores e membros do corpo administrativo com grau acadêmico em instituição de ensino.
Julgamento preconcebido feito sem evidência factual.
A prática de assistir as mulheres no parto.
A percepção dos atributos, características e comportamentos dos próprios colegas ou grupo social.
Refere-se a todos os aspectos da provisão e distribuição de serviços de saúde a uma população.
Organizações e indivíduos cooperando juntos para atingir uma meta comum em nível local ou de origem popular.
Sistemas de medicina baseados em crenças culturais e práticas passadas de geração a geração. O conceito inclui rituais místicos e mágicos (TERAPIAS ESPIRITUAIS), FITOTERAPIA e outros tratamentos que podem não ser esclarecidos pela medicina atual.
Humanos do sexo feminino como entidades culturais, psicológicas, sociológicas, políticas e econômicas.
Medidas estatísticas da utilização e outros aspectos da provisão de serviços de cuidado à saúde, incluindo hospitalização e cuidado ambulatorial.
República na África oriental, sul de UGANDA e ao norte de MOÇAMBIQUE. Sua capital é Dar es Salaam. Foi formada em 1964 por uma fusão dos países de TANGANICA e ZANZIBAR.
Ter grande influência ou controle sobre os outros em uma variedade de contextos-administrativo, social, acadêmico, etc.
Fatores sociais e econômicos que caracterizam o indivíduo ou o grupo dentro da estrutura social.
Profissionais graduados em uma escola acreditada de enfermagem e que passaram pelo exame de licenciamento nacional para praticar enfermagem. Eles prestam serviços a pacientes que requerem assistência para recuperar ou manter sua saúde física ou mental.
República na África oriental, ao sul da ETIÓPIA e a oeste da SOMÁLIA, com a TANZÂNIA ao sul e costa no Oceano Índico. Sua capital é Nairobi.
Indivíduos cujas origens ancestrais estão nas ilhas do pacífico central e sul, incluindo Micronésia, Melanésia, Polinésia e tradicionalmente Australásia.
Conceito genérico que reflete um interesse com a modificação e a aprimoramento dos componentes da vida, ex. ambiente físico, político, moral e social; a condição geral de uma vida humana.
Os procedimentos através dos quais um grupo aborda, ataca e resolve um problema comum.
Assistência à saúde oferecida continuamente desde o contato inicial, seguindo o paciente durante todas as fases do atendimento.
Condutas na prática médica relacionadas ao diagnóstico e tratamento de acordo com o custo do serviço requisitado e proporcionado.
Estado no sudeste da Austrália. Sua capital é Sydney. Foi descoberto pelo Capitão Cook em 1770 e primeiramente povoado em Botany Bay por fuzileiros e condenados, em 1788. Foi assim denominado pelo Capitão Cook, que achou seu litoral parecido com o sul do país de Gales.
Grupo composto de associados da mesma espécie, aproximadamente da mesma idade e, geralmente, de mesma posição ou nível social.
As interações entre membros de uma comunidade e representantes das instituições dentro daquela comunidade.
Conjunto de estudos e práticas destinadas a que o aluno desenvolva plenamente suas possibilidades (Diccionario de la Real Academia de la Lengua Española). As matérias constantes de um curso (Dicionário Aurélio)
Menor continente e um país independente que abrange seis estados e dois territórios. Sua capital é Canberra.
Papéis sociais e comportamentos masculinos específicos do sexo não relacionados à função biológica.
Padrões abstratos ou variáveis empíricas da vida social, que são considerados importantes e/ou desejáveis.
Estudos que comparam duas ou mais culturas ou que comparam variáveis, de como estas são afetadas em diferentes contextos culturais.
Estudos para determinar as vantagens ou desvantagens, praticabilidade ou capacidade de executar um plano projetado, um estudo ou um projeto.
Grupo social que consiste de pais ou pais substitutos e crianças.
O agregado de instituições sociais e culturais, formas, padrões e processos que influenciam a vida de um indivíduo ou comunidade.
Aconselhar e assistir indivíduos com problemas pessoais ou educacionais.
Princípios de conduta própria relativos aos direitos e deveres do profissional, relações com pacientes ou consumidores e médicos da mesma categoria, assim como ações do profissional e relações interpessoais com paciente ou família do consumidor. (Tradução livre do original: Stedman, 25th ed)
República na África ocidental, ao sul de BURKINA FASSO e a oeste de TOGO. Sua capital é Accra.
A interação entre o paciente e a enfermeiro.
Serviços organizados para proporcionar assistência integral à saúde do adolescente, abrangendo seus aspectos físico, psíquico e social.
Plano de assistência ao paciente em que os recursos e o pessoal institucional estão organizados em torno dos pacientes em vez de em torno de departamentos especializados.
Cuidados prestados a pacientes por uma equipe multidisciplinar comumente organizada sob a direção de um médico; cada membro da equipe tem responsabilidades específicas e toda a equipe contribui para a assistência ao paciente.
Inadequação dos meio econômicos do indivíduo ou família para sua realização na sociedade, frequentemente decorrente de mecanismos e práticas de exploração econômica, social e cultural.
O processo educacional de instrução.
Circulação ou ampla dispersão de informação.
A função de dirigir ou de controlar as ações e atitudes de um indivíduo ou grupo, com a aquiescência praticamente voluntária dos seguidores.
Expressão individual de desejo ou valor por uma trajetória de ação, resultado ou seleção em contraste com outros.
Tentativa de identificação de pessoas portadoras de uma doença ou agravo não evidente por meio de testes, exames, questionários ou outros procedimentos de aplicação rápida. O rastreamento classifica as pessoas em negativas ou positivas; estas (casos suspeitos) são encaminhadas para confirmação clínica de diagnóstico ou tratamento. (Tradução livre do original: Last, 2001)
Humanos do sexo masculino como entidades culturais, psicológicas, sociológicas, políticas e econômicas.
Conceito que uma pessoa tem de si mesma de ser macho e masculino ou fêmea e feminino, ou ambivalente, baseado em parte em características físicas, respostas dos pais e pressões psicológicas e sociais. É a experiência interior do papel do gênero.
Qualquer tradição ou comportamento negativo que geralmente é considerado nocivo ao bem-estar social e proibido dentro de um grupo cultural ou social.
República ao sul da África, a parte mais austral da África. Possui três capitais: Pretoria (administrativa), Cidade do Cabo (legislativa) e Bloemfontein (jurídica). É oficialmente a República da África do Sul desde 1960, e foi chamada de União da África do Sul entre 1910 e 1960.
Qualquer doutrina que demanda interpretação, compromisso e fé, que permite uma prática com objetivos éticos, estéticos e emocionais. Uma religião se caracteriza por uma filosofia e um corpo de princípios morais que dela derivam e que devem ser seguidos pelos fiéis.
Maior país na América do Norte, abrange 10 províncias e três territórios. Sua capital é Ottawa.
Indivíduos matriculados em uma escola de medicina ou em um programa de educação formal em medicina.
A capacidade para executar os deveres de uma profissão em geral ou de executar uma tarefa profissional especial com habilidade de qualidade aceitável.
Povo que deixa suas residência em um país e estabelece em um país diferente.
Pesquisa que envolve a aplicação das ciências naturais, especialmente a biologia, fisiologia à medicina.
Serviços de saúde, públicos ou privados, em áreas urbanas. Os serviços abrangem a promoção da saúde e a distribuição de cuidados de saúde.
Estado durante o qual os mamíferos fêmeas carregam seus filhotes em desenvolvimento (EMBRIÃO ou FETO) no útero (antes de nascer) começando da FERTILIZAÇÃO ao NASCIMENTO.
Refere-se àquelas ações destinadas para a execução das recomendações contidas em planos e programas de saúde.
Procedimento de avaliação que enfoca como o cuidado é dado, baseado na premissa que há padrões de desempenho para as atividades dedicadas ao cuidado do paciente, no qual as ações específicas realizadas, os eventos concorrentes e as interações humanas são comparados com os padrões aceitos.
O conceito engloba assistir às comunidades rurais para identificação de suas necessidades e prioridades; desenvolver programas nacionais de vigilância, pesquisa e educação; e investigar o impacto da prática agrícola sobre fazendeiros e suas famílias e outros residentes rurais.
Uso dos recursos da comunidade, trabalhos com indivíduos ou grupos, para a promoção da capacidade de pessoas em relação a seu ambiente econômico e social. Inclui órgãos de serviço social.
Pessoas que possuem senso de identificação com (e a expressão de) comportamentos regulados pelo gênero não associado tipicamente ao sexo anatômico identificado ao nascimento associado (ou não) a um desejo de se submeterem a PROCEDIMENTOS DE READEQUAÇÃO SEXUAL.
Autorização voluntária dada por um paciente ou sujeito da pesquisa, com total compreensão dos riscos envolvidos nos procedimentos de diagnóstico ou de pesquisa e para tratamento médico ou cirúrgico.
Área da psicologia voltada para o comportamento normal e anormal dos adolescentes. Inclui os processos mentais assim como as respostas observáveis.
País localizado na EUROPA. Faz fronteira com o Mar do Norte, BÉLGICA e ALEMANHA. Áreas ultramarinas são Aruba, Curaçao, São Martinho, antigamente incluído nas ANTILHAS HOLANDESAS.
Prestação de cuidados de acompanhamento de gravidez e preparação para o parto.
Materiais de instrução usados no ensino.
Prestadores do cuidado inicial com pacientes. Quando necessário, estes MÉDICOS encaminham pacientes para uma assistência secundária ou especializada.
Propriedade de se obter resultados idênticos ou muito semelhantes a cada vez que for realizado um teste ou medida. (Tradução livre do original: Last, 2001)
Atividades sexuais dos humanos.
Conceito que abrange a condição física e mental das mulheres.
Ausência de exposição a perigo e proteção contra a ocorrência ou risco de lesão ou perda. Sugere precauções ideais no ambiente de trabalho, na rua, no lar, etc., e inclui segurança pessoal assim como a segurança de propriedade.
As interações entre o profissional e a família.
Plano para se coletar e utilizar dados de forma que a informação desejada seja obtida com precisão suficiente, ou de forma que uma hipótese seja testada adequadamente.
Publicações impressas que geralmente têm um formato sem encadernação e sem capa e têm menos que um determinado número de páginas. São frequentemente dedicados a um único assunto (MeSH). Publicação não periódica impressa que contém no mínimo 5 e no máximo 48 páginas, excluídas as capas (Aurélio eletrônico, versão 3.0, 1999).
Abordagem da prática médica que tem o objetivo de melhorar e avaliar o cuidado com o paciente. Necessita de integração crítica das melhores evidências em pesquisa com os valores dos pacientes para tomar decisão sobre cuidado médico. Este método é usado para auxiliar os médicos a fazer diagnósticos apropriados, construir a melhor bateria de testes, escolher o melhor tratamento e metodologia para a prevenção de doença, bem como desenvolver orientações para grupos grandes de pacientes com a mesma doença. (Tradução livre do original: JAMA 296 (9), 2006)
Descrições e avaliações de organizações específicas de cuidados de saúde.
Pessoas que recebem treinamento formal ou em serviço para assistir profissionais de saúde altamente especializados como auxiliares de farmácia, auxiliares médicos, etc.
Concordância no cumprimento ou seguimento oficial, reconhecidos, ou exigências institucionais, diretrizes, recomendações, protocolos, caminhos e outras padronizações.
Educação que aumenta o conhecimento dos aspectos funcionais, estruturais e comportamentais da reprodução humana.
Preconceito ou discriminação com base no gênero ou comportamento ou atitudes que nutrem papéis sociais estereotipados com base no gênero.
Mecanismo cognitivo baseado nas expectativas e crenças sobre a capacidade que o indivíduo tem de realizar as ações necessárias para obter um efeito determinado. Também é um componente teórico de modificação do comportamento em várias propostas terapêuticas.