Contrapulsação: Técnica para auxiliar a circulação por diminuir a pós-carga do ventrículo esquerdo e aumentar a pressão diastólica. Pode ser realizada por balão intra-aórtico ou pela implantação de um dispositivo especial de bombeamento no tórax, ou externamente, por aplicação de uma pressão negativa nas extremidades mais baixas, durante sístole cardíaca.Balão Intra-Aórtico: Contrapulsação na qual a unidade de bombeamento sincronizada com o eletrocardiograma do paciente, rapidamente enche um balão na aorta com hélio ou dióxido de carbono na diástole inicial, e evacua o balão no início da sístole. Quando o balão infla, ele aumenta a pressão diastólica da aorta, e quando esvazia, diminui a pressão diastólica da aorta. O resultado é uma diminuição no trabalho ventricular esquerdo e aumentada perfusão miocárdica e periférica.Circulação Assistida: Bombeamento que auxilia a atividade natural do coração. (Dorland, 28a ed)Choque Cardiogênico: Choque resultante da diminuição do débito cardíaco em cardiopatias.Síndrome do Roubo Coronário-Subclávio: Complicação de ANASTOMOSE DE ARTÉRIA TORÁCICA INTERNA-CORONÁRIA por onde uma oclusão ou estenose da ARTÉRIA SUBCLÁVIA proximal causa uma reversão do fluxo sanguíneo para fora da CIRCULAÇÃO CORONÁRIA através da ARTÉRIA MAMÁRIA INTERNA (artéria torácica interna) enxertada e de volta para a distribuição pela subclávia distal.Angina Pectoris: Sintoma de dor paroxística consequente à ISQUEMIA MIOCÁRDICA, normalmente de caráter, localização e radiação característicos. Acredita-se que seja provocada por uma situação estressante transitória, durante a qual as necessidades de oxigênio do MIOCÁRDIO excedem a capacidade da CIRCULAÇÃO CORONÁRIA em nutrí-lo.Coração Auxiliar: Pequenas bombas, com frequência implantáveis, projetadas para ajudar temporariamente o coração, geralmente o VENTRÍCULO ESQUERDO, a bombear sangue. Consistem de uma câmara de bombeamento e uma fonte de energia, que podem ser parcial ou totalmente externas ao corpo e ativadas por motores eletromagnéticos.Infarto do Miocárdio: NECROSE do MIOCÁRDIO causada por uma obstrução no fornecimento de sangue ao coração (CIRCULAÇÃO CORONÁRIA).Circulação Coronária: Circulação de sangue através dos VASOS CORONÁRIOS do CORAÇÃO.Livros RarosLivros de Texto como Assunto: Livros usados no estudo de um assunto que contém uma apresentação sistemática dos princípios e vocabulário de um assunto.Internato e Residência: Programas de treinamento em medicina e especialidades médicas oferecidos por hospitais para graduados em medicina para ir de encontro às exigências estabelecidas por autoridades competentes.Internato não Médico: Programas avançados de treinamento para responder a certas exigências em outros campos que não a medicina ou a odontologia, por exemplo, a farmacologia, a nutrição, a enfermagem, etc.Governo Federal: Nível de organização e função governamental com alcance nacional.TextbooksAcidentes de Trânsito: Acidentes em ruas, estradas e rodovias envolvendo condutores, passageiros, pedestres ou veículos. Estes acidentes referem-se a AUTOMÓVEIS (carros para passageiros, ônibus e caminhões), BICICLETAS e MOTOCICLETAS, mas não VEÍCULOS RECREACIONAIS A MOTOR, FERROVIAS nem veículos para neve.Enciclopédias como Assunto: Trabalhos que contêm artigos de informação em assuntos em todo campo de conhecimento, normalmente organizado em ordem alfabética, ou um trabalho semelhante limitado a um campo especial ou assunto.Tamponamento Cardíaco: Compressão do coração por acúmulo de líquido (DERRAME PERICÁRDICO) ou sangue (HEMOPERICÁRDIO) no PERICÁRDIO envolvendo o coração. As funções cardíacas afetadas e o DÉBITO CARDÍACO podem variar desde o mínimo até o colapso hemodinâmico total.Alumínio: Elemento metálico que possui número atômico 13, símbolo atômico Al e peso atômico 26,98.Insuficiência Cardíaca: Afecção heterogênea em que o coração é incapaz de bombear sangue suficiente para satisfazer as necessidades metabólicas do corpo. A insuficiência cardíaca pode ser causada por defeitos estruturais, anomalias funcionais (DISFUNÇÃO VENTRICULAR), ou uma sobrecarga súbita além de sua capacidade. A insuficiência cardíaca crônica é mais comum que a insuficiência cardíaca aguda que resulta de injúria repentina à função cardíaca, como INFARTO DO MIOCÁRDIO.Coração: Órgão muscular, oco, que mantém a circulação sanguínea.Derrame Pericárdico: Acúmulo de líquido dentro do PERICÁRDIO. Os derrames serosos estão associados com doenças pericárdicas. O hemopericárdio está associado com trauma. O derrame contendo lipídeos (quilopericárdio) resulta de vazamento no DUCTO TORÁCICO. Casos graves podem levar a TAMPONAMENTO CARDÍACO.Isquemia: Hipoperfusão do SANGUE através de um órgão (ou tecido) causado por uma CONSTRIÇÃO PATOLÓGICA, obstrução de seus VASOS SANGUÍNEOS ou ainda ausência de CIRCULAÇÃO SANGUÍNEA.Hipoalbuminemia: Afecção cujo nível de ALBUMINA SÉRICA está abaixo da faixa normal. A hipoalbuminemia pode ser devida à menor síntese de albumina hepática, aumento do catabolismo da albumina, alteração da distribuição da albumina ou perda da albumina pela urina (ALBUMINÚRIA).Desequilíbrio Ácido-Base: Distúrbios no EQUILÍBRIO ÁCIDO-BASE do corpo.Albumina Sérica: Principal proteína no SANGUE. É importante para manter a pressão osmótica coloidal e transportar moléculas grandes orgânicas.Hipoproteinemia: Afecção na qual o nível total de proteínas séricas está abaixo do normal. Hipoproteinemia pode ser causada por malabsorção proteica no trato gastrointestinal, EDEMA, ou PROTEINÚRIA.Civilização: Os atributos humanos distintos e realizações de uma sociedade em particular.História Antiga: Período da história antes [do ano] 500 da era comum.Aprovação de Drogas: Processo através do qual um medicamento recebe aprovação por uma agência de regulamento governamental. Inclui qualquer teste pré-clínico ou clínico requisitado, revisão, submissão e avaliação das aplicações e resultados de testes, e vigilância "pós-marketing" da droga.Diretórios como Assunto: Listas de pessoas ou organizações, sistematicamente organizadas, normalmente em ordem alfabética ou classificada, que dão endereços, afiliações, etc., para indivíduos, e dão endereço, funcionários, funções e dados semelhantes para organizações. (Tradução livre do original: ALA Glossary of Library and Information Science, 1983)DirectoryBases de Dados Factuais: Coleções extensivas, supostamente completas, de fatos e dados armazenados do material de uma área de assunto especializada posto à disposição para análise e aplicação. A coleção pode ser automatizada através de vários métodos contemporâneos para recuperação. O conceito deve ser diferenciado de BASES DE DADOS BIBLIOGRÁFICAS que é restringida a coleções de referências bibliográficas.Hospitais de Ensino: Hospitais engajados em programas educativos e de pesquisa, bem como na prestação de assistência médica a pacientes.Internet: A confederação livre de redes de comunicação de computadores ao redor do mundo. As redes que compõem a Intenet são conectadas através de várias redes centrais. A internet proveio do projeto ARPAnet do governo norte-americano e foi projetada para facilitar a troca de informações.Hospitais Gerais: Hospitais grandes com pessoal médico residente que presta assistência continuada a pacientes de cirurgia, clínica médica e maternidade.Hospitais Universitários: Hospitais mantidos por uma universidade para o ensino médico de estudantes, pós-graduandos e para pesquisa clínica.Aniversários e Eventos Especiais: Ocasiões em que se comemora um evento ou que são criadas com um propósito específico.História do Século XX: Período de tempo a partir de 1901 até 2000 da era comum.Legislação de Medicamentos: Leis e regulamentos referentes à produção, dispensação e comercialização de medicamentos.História do Século XXI: Período de tempo a partir de 2001 até 2100 da era comum.História do Século XIX: Período de tempo a partir de 1801 até 1900 da era comum.União Europeia: A designação coletiva de três organizações com associação comum: a Comunidade Econômica Europeia (Mercado Comum), a Comunidade Europeia do Carvão e do Aço e a Comunidade de Energia Atômica Europeia (Euratom). Era conhecida como a Comunidade Europeia até 1994. É principalmente uma união econômica com os objetivos principais de movimentar livremente bens, capital e trabalho. Serviços profissionais, sociais, médicos e paramédicos estão incluídos dentro do trabalho. Os países constituintes são a Áustria, Bélgica, Dinamarca, Finlândia, França, Alemanha, Grécia, Irlanda, Itália, Luxemburgo, Países Baixos, Portugal, Espanha, Suécia e Reino Unido.Valva Aórtica: Válvula localizada entre o ventrículo esquerdo e a aorta ascendente que previne o refluxo de sangue para dentro do ventrículo esquerdo.Varfarina: Anticoagulante que age inibindo a síntese de fatores de coagulação dependentes da vitamina K. Warfarina é indicado para a profilaxia e/ou tratamento da trombose venosa e sua extensão, da embolia pulmonar e da fibrilação atrial com embolia. Também é usado como adjunto na profilaxia da embolia sistêmica após infarto do miocárdio. Warfarina também é usado para matar roedores.Compostos de Zinco: Compostos inorgânicos que contêm zinco como parte integral da molécula.Estenose da Valva Aórtica: Constrição patológica que pode acontecer acima (estenose supravalvar), abaixo (estenose subvalvar), ou na VALVA AÓRTICA. Caracteriza-se por fluxo restrito do VENTRÍCULO ESQUERDO para a AORTA.Hipotensão: PRESSÃO ARTERIAL anormalmente baixa que pode resultar em fluxo de sangue inadequado para o encéfalo e outros órgãos vitais. O sintoma comum é a VERTIGEM, mas impactos negativos maiores no corpo ocorrem quando há depravação prolongada de oxigênio e nutrientes.Torsades de Pointes: Forma maligna de taquicardia ventricular polimórfica caracterizada por FREQUÊNCIA CARDÍACA entre 200 e 250 batimentos por minuto, e complexos QRS com amplitude variável e torção dos pontos. O termo também descreve a síndrome de taquicardia com repolarização ventricular prolongada, intervalos de QT longos excedendo a 500 milissegundos ou BRADICARDIA. As torsades de pointes podem ser autolimitadas ou podem progredir para FIBRILAÇÃO VENTRICULAR.Fibrilação Atrial: Ritmo cardíaco anormal caracterizado por descargas de impulsos elétricos descoordenados e rápidos, nas câmaras superiores do coração (ÁTRIOS DO CORAÇÃO). Em tal caso, o sangue não pode ser eficazmente bombeado nas câmaras inferiores do coração (VENTRÍCULOS DO CORAÇÃO). É causado por geração de impulso anormal.Nefropatias: Processos patológicos do RIM ou de componentes de seus tecidos.Transplante de Rim: Transferência de um rim, de um ser humano ou animal a outro.Rim: Órgão do corpo que filtra o sangue, secreta URINA e regula a concentração dos íons.Falência Renal Crônica: Estágio final da INSUFICIÊNCIA RENAL CRÔNICA. Caracterizada por danos renais graves e irreversíveis (segundo os dados de PROTEINURIA) e pela redução na TAXA DE FILTRAÇÃO GLOMERULAR para menos que 15 ml por min (Kidney Foundation: Kidney Disease Outcome Quality Initiative, 2002). A condição destes pacientes geralmente exige HEMODIÁLISE ou TRANSPLANTE RENAL.Doenças Cardiovasculares: Afecções que envolvem o SISTEMA CARDIOVASCULAR, incluindo CORAÇÃO, VASOS SANGUÍNEOS ou PERICÁRDIO.Fatores de Risco: Aspecto do comportamento individual ou do estilo de vida, exposição ambiental ou características hereditárias ou congênitas que, segundo evidência epidemiológica, está sabidamente associado a uma condição relacionada com a saúde considerada importante de ser prevenida.Angioplastia com Balão: Uso de um cateter de balão para dilatação de uma artéria ocluída. É utilizado no tratamento de doenças arteriais oclusivas, incluindo estenose da artéria renal e oclusões arteriais na perna. Para a técnica específica de DILATAÇÃO COM BALÃO em artérias coronárias está disponível ANGIOPLASTIA CORONÁRIA COM BALÃO.