Oligoelemento de metal pesado com símbolo atômico Cu, número atômico 29 e peso atômico 63,55.
Procedimentos relacionados aos dentes ou estruturas do dente preparatórias para terapêutica dentária especificada e medidas cirúrgicas.
Elementos químicos eletropositivos caracterizados pela ductibilidade, maleabilidade, brilho e condutibilidade de calor e eletricidade. Podem substituir o hidrogênio existente nos ácidos formando bases com radicais hidroxila.
Forma selecionada dada a um dente natural quando ele é reduzido por instrumentação para receber uma prótese (por exemplo, coroa artificial ou um retentor para uma prótese fixa ou removível). A seleção da forma é dirigida por circunstâncias clínicas e propriedades físicas dos materiais que constituem a prótese.
O dobramento de uma molécula de DNA de um micro-organismo em uma estrutura compacta e ordenada que cabe no espaço limitado de uma CÉLULA ou de uma PARTÍCULA VIRAL.
Diamante. Um forma cristalina de carbono existente na forma de duros cristais isômeros incolores ou coloridos. Uma pedra preciosa utilizada para cortar vidro e como suporte para delicados mecanismos.
Ferramentas usadas em odontologia que operam em velocidades de rotação altas.
Refere-se aos direitos das pessoas a oportunidades culturais, sociais, econômicas e educacionais oferecidas pela sociedade ex. direito ao trabalho, direito a educação e direito a previdência social.
República na África austral, ao sul da REPÚBLICA DEMOCRÁTICA DO CONGO e da TANZÂNIA, e ao norte do ZIMBÁBUE. Sua capital é Lusaka. Antiga Rhodésia do Norte.
Maus-tratos deliberados de grupos de seres humanos incluindo violações dos direitos fundamentais universalmente aceitos e estabelecidos pela Declaração Universal dos Direitos Humanos, adotados e proclamados pela Assembleia Geral das Nações Unidas, resolução 217 A (III) de 10 de dezembro de 1948.
A transmissão e reprodução de imagens transitórias de objetos fixos ou móveis. Um sistema eletrônico para transmissão de tais imagens junto com som por um fio ou através do espaço por aparato que converte luz e som em ondas elétricas e os reconverte em raios claros visíveis e som audível.
Depuração do minério extraído das minas. (Dicionário Eletrônico Houaiss da Língua Portuguesa, 2002)
República ao sul da África, a parte mais austral da África. Possui três capitais: Pretoria (administrativa), Cidade do Cabo (legislativa) e Bloemfontein (jurídica). É oficialmente a República da África do Sul desde 1960, e foi chamada de União da África do Sul entre 1910 e 1960.
Grandes correntes naturais de ÁGUA DOCE formadas pela convergência de afluentes e que desembocam em um grande volume de água (lago ou oceano).
Elemento metálico de símbolo Fe, número atômico 26 e massa atômica de 55,85. É um constituinte essencial de HEMOGLOBINAS, CITOCROMOS e PROTEÍNAS LIGANTES DE FERRO. Desempenha papel em reações de oxido-redução celulares e no transporte de OXIGÊNIO.
Menor continente e um país independente que abrange seis estados e dois territórios. Sua capital é Canberra.
Terra ou outra matéria em partículas finas e secas.(Tradução livre do original:Random House Unabridged Dictionary, 2d ed)
Venenos das cobras do gênero Naja (família Elapidae). Estes venenos contêm muitas proteínas específicas que apresentam propriedades citotóxicas, hemolíticas, neurotóxicas, além de outras. Como outros venenos elapídicos, estes são ricos em enzimas. Estão incluídas neste grupo as cobraminas e cobralisinas.
Som que expressa emoção por meio do ritmo, melodia, harmonia e timbre.
Proteínas mais abundantes no veneno da NAJA; são polipeptídeos básicos de 57 a 62 aminoácidos com quatro pontes dissulfetos e massa molecular menor que 7.000. Causam contratura dos músculos esqueléticos e cardíacos, interferem na transmissão neuromuscular e ganglionar, despolarizam as membranas de nervos, músculos e de eritrócitos causando hemólise.
Família de cobras extremamente venenosas, compreendendo a coral, najas, mambas, kraits e serpentes marinhas. São amplamente distribuídos, sendo encontrados no sul dos Estados Unidos, América do Sul, África, sul da Ásia, Austrália e ilhas do Pacífico. Os elapídeos incluem três subfamílias: Elapinae, Hydrophiinae e Lauticaudinae. Como os viperídeos, possuem ferrões venenosos na parte frontal da mandíbula superior. As mambas da África são as mais perigosas de todas as cobras por seu tamanho, velocidade e veneno altamente tóxico.
Modulação da voz humana para produzir sons aumentados por tonalidade musical e ritmo.
Uso da música como uma terapia adicional no tratamento de distúrbios neurológicos, mentais ou comportamentais.
Sal sulfato de cobre. É um emético potente e utilizado como antídoto ao envenenamento por fósforo. Também pode ser usado para prevenir o crescimento de algas.
Chimpanzé comum, espécie do gênero Pan (família HOMINIDAE) que vive na África, principalmente nas florestas tropicais úmidas. Há numerosas subespécies reconhecidas.
Chimpanzé pigmeu (espécie do gênero Pan, família HOMINIDAE), cujo nome vulgar é Bonobo (considerado por alguns como gênero separado, por outros, subespécie de PAN TROGLODYTES). Sua distribuição está confinada às florestas da bacia central do Zaire. Apesar do nome, seu tamanho frequentemente é igual ao do P. troglodytes.
Proteínas de membrana cuja função primária é facilitar o transporte de moléculas carregadas positivamente (cátions) através de uma membrana biológica.
Doença rara, autossômica e recessiva, caracterizada pelo depósito de cobre no CÉREBRO, FÍGADO, CÓRNEA e outros órgãos. É causada por defeitos no gene ATP7B, codificador da ATPase 2 transportadora de cobre (EC 3.6.3.4), também conhecida como proteína da doença de Wilson. A sobrecarga inevitável de cobre leva a disfunções neurológicas e hepáticas progressivas, como CIRROSE HEPÁTICA, TREMOR, ATAXIA e deterioração intelectual. A disfunção hepática pode preceder a disfunção neurológica por vários anos.
Comida ingerida entre as REFEIÇÕES.
Gênero de plantas (família ERICACEAE) conhecido por espécies de frutas comestíveis.
Estudo da origem, estrutura, desenvolvimento, crescimento, função, genética e reprodução dos vegetais.
Sistemas e processos de medida e peso.
Ato de lavar as mãos com água ou outro líquido, com ou sem sabão ou outro detergente, com o propósito de destruir micro-organismos infecciosos.