Refere-se à obtenção e administração de fundos para suprir as necessidades institucionais e a responsabilidade por assuntos fiscais.
Sociedade profissional que representa o campo da odontologia.
Refere-se a obtenção e administração de fundos para suprir as necessidades do hospital e a responsabilidade por assuntos fiscais.
Amplo acesso à coordenação apropriada do processo inteiro de tratamento da doença que frequentemente envolve mudanças para longe dos pacientes internados mais caros e cuidados agudos para áreas tais como medicina preventiva, aconselhamento de paciente e educação e cuidados do paciente ambulatorial. Este conceito inclui implicações de terapias apropriadas e inapropriadas no custo global e resultado clínico de uma doença particular.
Passagem anatômica anormal entre a BEXIGA URINÁRIA e VAGINA.
Representações gráficas, especialmente da face, de pessoas reais, normalmente posadas, vivas ou mortas.
Conflito de 1861-1865 entre a União (estados do Norte) e os 11 estados do Sul que foi separado e organizado como Estados Confederados da América.
Enzima que catalisa a degradação de insulina, glucagon e outros polipeptídeos. É inibida por bacitracina, pelos agentes quelantes EDTA e 1,1, o-fenantrolina, e pelos reagentes bloqueadores de tiol, tais como N-etilmaleimida, mas não fosforamidon. (Tradução livre do original: Eur J Biochem 1994;223:1-5) EC 3.4.24.56.
Gênero de pólipos (família Hydradae, ordem Hidroida, classe dos HIDROZOÁRIOS) de água doce, particularmente interessantes devido a sua organização complexa e porque sua organização adulta corresponde grosseiramente à gástrula dos animais superiores.
Forma sólida de administração, de peso variável, tamanho e formato, que pode ser moldada ou comprimida, e que contém uma substância medicinal em forma pura ou diluída. (Dorland, 28a ed)
Membros da família das peptidases C19 que regulam a transdução de sinal por meio da remoção da UBIQUITINA de substratos proteicos específicos via um processo conhecido como desubiquitinação ou desubiquitinação.
Indivíduos matriculados em uma escola ou programa educacional formal.
Tioéster hidrolase que atua sobre ésteres formados entre os tióis (como DITIOTREITOL ou GLUTATIONA) e o resíduo de glicina C-terminal da UBIQUITINA.
Forma de anemia na qual a medula óssea falha em produzir números adequados de elementos sanguíneos periféricos.
Instrumentos usados para injetar ou retirar líquidos. (Stedman, 25a ed)
Preparação de chicle, às vezes misturada com outras substâncias plásticas, adocicada e aromatizada. Normalmente é mastigada por prazer como um substituto do doce, mas às vezes age como um veículo para a administração de medicamentos.
Tipo de radiação não ionizante em que a energia é transmitida através de sólido, líquido ou gás na forma de ondas de compressão. A radiação sonora (acústica ou sônica) com frequências acima do limite é classificada como ultrassônica. A radiação sonora abaixo do limite audível é classificada como infrassônica.
Modelos estatísticos de produção, distribuição e consumo de utilidades e serviços, bem como de considerações financeiras. Para a aplicação de estatísticas para teste e quantificação de teorias econômicas estão disponíveis MODELOS ECONOMÉTRICOS.
Redução no número de ERITRÓCITOS circulantes ou na quantidade de HEMOGLOBINA.
Veia curta e calibrosa formada pela união das veias mesentérica superior e esplênica.
A República Federativa do Brasil é formada por 5 regiões (norte, nordeste, centro-oeste, sudeste e sul), 26 Estados e o Distrito Federal (Brasília). A atual divisão político-administrativa é de 1988, quando foi criado o estado do Tocantins, a partir do desmembramento de parte de Goiás, e os territórios de Amapá e Roraima foram transformados em estados. Quinto país do mundo em área total, superado por Federação Russa, Canadá, China e EUA, e maior da América do Sul, o Brasil ocupa a parte centro-oriental do continente. São 23.089 km de fronteiras, sendo 7.367 km marítimas e 15.719 km terrestres. A orla litorânea estende-se do cabo Orange, na foz do rio Oiapoque, ao norte, até o arroio Chuí, no sul. Todos os países sul-americanos, com exceção de Equador e Chile, fazem fronteira com Brasil. Pouco mais de 70 km tornam a extensão norte-sul do país superior ao sentido leste-oeste. São 4.394,7 km entre os extremos leste e oeste. Ao norte, o ponto extremo do Brasil é a nascente do rio Ailã, no monte Caburaí, em Roraima, fronteira com a Guiana. Ao sul, o arroio Chuí, na divisa do Rio Grande do Sul com o Uruguai. A leste, a ponta do Seixas, na Paraíba. E a oeste, as nascentes do rio Moa, na serra da Contamana, no Acre, fronteira com o Peru. O centro geográfico fica na margem esquerda do rio Jarina, em Barra do Garça em Mato Grosso. (Almanaque Abril. Brasil, SP: Editora Abril S.A., 2002). Existe grande contraste entre os estados em relação aos aspectos físicos e demográficos e aos indicadores sociais e econômicos. A área do Amazonas, por exemplo, é maior do que a área somada dos nove estados da região nordeste. Enquanto Roraima e Amazonas têm cerca de um a dois habitantes por km2, no Rio de Janeiro e no Distrito Federal esse índice é superior a 300 (a média para o país é de 20,19 IBGE 2004). A população brasileira estimada para 2006 é de 186 milhões de habitantes distribuída em uma área de 8.514.215,3 km2 (média de 46 hab/km2). A mortalidade infantil média para o país é de 26,6 óbitos de crianças menores de um ano por 1000 nascidos vivos, variando de 47,1 para o estado de Alagoas (IBGE 2004) e 13,5 para o estado de São Paulo (SEADE 2005). A esperança (ou expectativa) de vida do brasileiro ao nascer é de 71,7 anos (IBGE 2004). A taxa de fecundidade é de 2,3 filhos por mulher menor de 20 anos (IBGE 2004). Em relação à economia, apenas três estados do Sudeste - São Paulo, Rio de Janeiro e Minas Gerais - respondem por cerca de 60 por cento do PIB brasileiro.
Escolha do tipo de ocupação ou profissão.
Movimentos ascendentes ou descendentes em uma carreira profissional, ou mudança de carreira profissional.
Classe de compostos orgânicos contendo duas estruturas em anel, uma das quais feita de mais de um tipo de átomo, geralmente carbono mais outro átomo. O heterocíclico pode ser aromático ou não aromático.
Processo através do qual um medicamento recebe aprovação por uma agência de regulamento governamental. Inclui qualquer teste pré-clínico ou clínico requisitado, revisão, submissão e avaliação das aplicações e resultados de testes, e vigilância "pós-marketing" da droga.
Clássico ensaio quantitativo para detecção de reações antígeno-anticorpo utilizando uma substância radioativamente ligada (radioligante) diretamente ou indiretamente, pela medida de ligação da substância não ligada a um anticorpo específico ou outro sistema receptor. Substâncias não imunogênicas (por exemplo, haptenos) podem ser medidas se acopladas a grandes proteínas carreadoras (por exemplo, gama-globulina bovina ou soro de albumina humana) capazes de induzir a formação de anticorpos.
Médicos empregados por instituições médicas que trabalham em funções clínicas ou administração como chefe de pessoal e que também podem servir como ligação entre o corpo médico e a administração.
Agência do PUBLIC HEALTH SERVICE envolvida com o planejamento global, promoção e administração de programas pertinentes à manutenção de padrões de qualidade de comida, medicamentos, dispositivos terapêuticos, etc.
Administração de medicamentos, substâncias químicas ou outras substâncias pela boca.
Empreendimentos com fins lucrativos com um número relativamente pequeno ou moderado de empregados e um número pequeno a moderado de vendas.
Transtorno multissistêmico caracterizado por uma polineuropatia sensorimotora (POLINEUROPATIAS), organomegalia, endocrinopatia, gamopatia monoclonal e alterações cutâneas pigmentares. Outros sinais clínicos que podem estar presentes incluem EDEMA, CAQUEXIA, glomerulopatia microangiopática, HIPERTENSÃO PULMONAR, necrose cutânea, TROMBOCITOSE e POLICITEMIA. Este transtorno frequentemente é associado com mieloma osteosclerótico. (Tradução livre do original: Adams et al., Principles of Neurology, 6th ed, p1335; Rev Med Interne 1997;18(7):553-62)
Doença sistêmica crônica, principalmente das articulações, marcada por mudanças inflamatórias nas membranas sinoviais e estruturas articulares, degeneração fibrinoide ampla das fibras do colágeno em tecidos mesenquimais e pela atrofia e rarefação de estruturas ósseas. Mecanismos autoimunes têm sido sugeridos como etiologia, que ainda é desconhecida.
Sensação dolorosa nos músculos.
Tônus: o estado de tensão normal dos tecidos em virtude do qual as partes são mantidas em formato, alertas e fáceis de funcionar em resposta a um estímulo adequado. No caso do músculo, refere-se a um estado de atividade contínua ou tensão além daquela relacionada às propriedades físicas; i. é, é resistência ativa ao estiramento; no músculo esquelético, depende da inervação eferente. (Stedman, 25a ed)
Tecidos contráteis que produzem movimentos nos animais.
Injeções introduzidas diretamente no local da lesão.
Representações teóricas que simulam o comportamento ou a actividade de processos biológicos ou doenças. Para modelos de doença em animais vivos, MODELOS ANIMAIS DE DOENÇAS está disponível. Modelos biológicos incluem o uso de equações matemáticas, computadores e outros equipamentos eletrônicos.
Estudo dedutivo de forma, quantidade e dependência. (Tradução livre do original: McGraw-Hill Dictionary of Scientific and Technical Terms, 6th ed)
Representação feita por computador de sistemas físicos e fenômenos como os processos químicos.
Aceitação voluntária de uma criança de outros pais como filho próprio, normalmente com confirmação legal.
Técnicas e estratégias que incluem o uso de sequências gênicas codificadoras e outros meios convencionais e radicais para transformar ou modificar as células com o propósito de tratar ou reverter situações de doença.
Células em certas regiões de um embrião que regulam o próprio desenvolvimento embrionário. Estes organizadores têm sido encontrados nos polos dorsal e ventral em GÁSTRULA de embriões, incluindo o organizador de Spemann em anfíbios, e o nó de Hensen em galinhas e camundongos. Estas células organizadoras comunicam-se entre si através de uma rede de proteínas sinalizadoras secretadas, como PROTEÍNAS MORFOGENÉTICAS ÓSSEAS e seus antagonistas ('chordin' e 'noggin').
Moscas parecidas com mariposas, pequenas e peludas, que são de considerável importância para a saúde pública como vetores de certos organismos patogênicos. Importantes gêneros relacionados a doenças são PHLEBOTOMUS, Lutzomyia e Sergentomyia.
Região cromossômica a qual está ativa na formação do nucléolo e que funciona na síntese do RNA ribossômico.
Gênero (subfamília ALOUATTINAE, família ATELIDAE) que habita as florestas das Américas Central e do Sul. Os guaribas viajam em grupos e definem seus territórios por gemidos acompanhados de galhos vigorosamente sacudidos e quebrados.
Membros individuais de grupos étnicos da América do Sul com origens ancestrais históricas na Ásia.