Exudato seco no ar da cápsula da semente imatura da papoula do ópio "Papaver somniferum" ou sua variante "P. album". Contém vários alcaloides, mas apenas alguns (MORFINA, CODEÍNA e PAPAVERINA) têm importância clínica. Tem-se utilizado o ópio como analgésico, antitussígeno, antidiarreico e antiespasmódico.
Alcaloide do ópio que ocorre na natureza, e que atua centralmente como agente antitussígeno.
Proteína com fosfato de piridoxal, que catalisa a conversão de L-tirosina a tiramina e dióxido de carbono. A enzima bacteriana também age sobre 3-hidroxitirosina e, mais lentamente, sobre 3-hidroxifenilalanina. EC 4.1.1.25.
Droga derivada do ópio, que contém 0,3-1,5 por cento de tebaína, dependendo da origem. Produz mais convulsões do tipo da estricnina do que narcose. Pode levar à dependência e é uma substância controlada (opiato) listada no Código de Regulações Federais dos Estados Unidos, Título 21 parte 1308.12 (1985).
Transtornos relacionados ou resultantes do abuso ou mal uso de opioides.
Gênero de OOMICETOS da família Peronosporaceae. A maioria das espécies é parasita obrigatório e muitos são patógenos de plantas.
ISOQUINOLINAS com um substituinte de benzil.
Trabalhos que contêm artigos de informação em assuntos em todo campo de conhecimento, normalmente organizado em ordem alfabética, ou um trabalho semelhante limitado a um campo especial ou assunto.
Gênero de plantas herbáceas da Eurásia, as papoulas (família Papaveraceae, classe Magnoliopsida, dicotiledônea) produzem ÓPIO a partir do látex das sementes de vagens verdes.
Alcaloide encontrado no ópio, mas não intimamente relacionado aos outros alcaloides do ópio em estrutura ou efeitos farmacológicos. É um relaxante de ação direta na musculatura lisa, usado no tratamento da impotência e como vasodilatador, especialmente para a vasodilatação cerebral. O mecanismo dos seus efeitos farmacológicos não é bem conhecido, mas aparentemente ele pode inibir as fosfodiesterases e ter efeitos diretos nos canais de cálcio.
Monossacarídeo encontrado em frutas doces e mel, solúvel em água, álcool ou éter. É empregado como conservante e em infusão intravenosa na alimentação parenteral.
Reação de ferrocianato de potássio com ferro férrico para produzir um precipitado azul escuro nos sítios de ferro férrico. Usada para determinar ferro férrico em tecidos, particularmente no diagnóstico de distúrbios do metabolismo de ferro.
O ovário desenvolvido de uma planta, podendo ser carnudo ou seco, portando a(s) semente(s).
Série de elementos radioativos do ACTÍNIO, número atômico 89 até o LAURÊNCIO, número atômico 103.
Serviços da NATIONAL LIBRARY OF MEDICINE para profissionais e usuários da área da saúde. Integra extensa informação do National Institutes of Health e de outras fontes de informações sobre determinadas doenças e anormalidades.
Corpo complexo de convicções sociais, culturais e religiosas e práticas envolvidas e em grande parte limitadas ao subcontinente indiano e marcado por um sistema de castas, uma perspectiva que tende a ver todas as formas e teorias como aspectos de um ser e verdade eternos, e a prática do caminho do trabalho, o caminho do conhecimento ou o caminho da devoção como meios de libertação do círculo de renascimento.
TIAZÓIS com dois grupos cetoxigênios. Os membros são agentes insulinossensibilizantes que superam a RESISTÊNCIA À INSULINA por ativação do receptor gama ativado por proliferador de peroxissomo (PPAR-gama).
Religião fundada por Mary Baker Eddy em 1866 que foi organizada sob o nome oficial de Igreja de Cristo, Cientista. Inclui prática de cura espiritual.
A inter-relação entre a medicina e a religião.
Civilização antiga, conhecida já em 2000 a.C., o Império Persa foi fundado por Ciro, o Grande (550-529 a.C.) e durante 200 anos, de 550 a 331 a.C., os persas regeram o mundo antigo da Índia ao Egito. O oeste do território da Índia foi chamado Persis pelos gregos que depois chamaram o império inteiro de Pérsia. Em 331 a.C. as guerras persas contra os gregos terminaram desastrosamente sob os contra-ataques de Alexandre, o Grande. O nome Pérsia nos tempos atuais e para o país moderno foi mudado para Irã em 1935. (Tradução livre do original: Webster's New Geographical Dictionary, 1988, p546 & Asimov, Words on the Map, 1962, p176)
Drogas usadas por veterinários no tratamento de doenças dos animais. O arsenal farmacológico do veterinário é a contrapartida das drogas [usadas no] tratamento de doenças humanas, com a dosagem e a administração ajustadas ao tamanho, peso, doença e às idiossincrasias da espécie. Nos Estados Unidos a maioria das drogas está sujeita a normas federais, particularmente quanto à segurança e aos resíduos [que podem ser encontrados] em produtos animais comestíveis.
Interação de pessoas ou grupos de pessoas que representam várias nações na busca de uma meta ou interesse comum.
Operação de coalizão militar multinacional iniciada em outubro de 2001 para conter o terrorismo e levar segurança ao AFEGANISTÃO, em colaboração com forças afegãs.
Intervenção armada que envolve forças multinacionais no país IRAQUE.
Migrantes involuntários, vítimas de condições políticas, guerras ou catástrofes naturais. (Tradução livre do original: Popline, 2002)
Pessoas (incluindo soldados) envolvidas com as forças armadas.
Departamento de gabinete do Ramo Executivo no Governo dos Estados Unidos que se ocupa da melhoria e preservação da renda agrícola, e desenvolvimento e expansão de mercados para os produtos agrícolas. Através de fiscalização e de serviços de classificação, protege e verifica padrões de qualidade na produção e suprimento de alimentos.
Árvore da família Sterculiaceae (ou Byttneriaceae), geralmente Theobroma cacao, ou suas sementes, que após serem assadas e sofrerem fermentação, produzem cacau e chocolate. Também usado como um medicamento homeopático. Abrev.: "cac.". Origem vegetal. Habitat original: América tropical. Parte utilizada: sementes.
Produtos alimentícios suaves que combinam açúcar de cana ou beterraba com outros carboidratos e chocolate, leite, ovos e vários condimentos. Nos Estados Unidos "candy" se refere a ambos os confeitos baseados em açúcar e cacau e é diferenciado de produtos assados adocicados; em outros lugares os termos "sugar confectionary, chocolate confectionary, and flour confectionary" (confeitos de açúcar, confeitos de chocolate e confeitos de farinha) (significando produtos como bolos e massas) são usados.
Objeto ou situação que pode servir para reforçar uma resposta, para satisfazer uma motivação ou para proporcionar prazer.
Grupo de transtornos caracterizados por distúrbios fisiológicos e psicológicos do apetite e da ingestão de alimentos.
Nucleotídeo de adenina contendo um grupo fosfato esterificado para ambas posições 3' e 5' da metade do açúcar. É um mensageiro secundário e um regulador intracelular chave que funciona como mediador da atividade de vários hormônios, incluindo epinefrina, glucagon e ACTH.
Consumo de substâncias comestíveis.
Grupo de metabólitos derivados da TIROXINA e TRIIODOTIRONINA via enzimática periférica para remover os iodos do núcleo tiroxina. A tironina é o núcleo tiroxina privada de seus quatro átomos de iodo.
Atividades relacionadas com políticas governamentais, funções governamentais, etc.
Ato de focalizar certos aspectos da experiência atual e excluir outros. É o ato de levar em consideração, de notar ou de se concentrar.
Sistema de governo no qual há participação livre e igualitária das pessoas no processo de tomada de decisões políticas.
As unidades baseadas em teoria política e escolhidas por países sob as quais o poder governamental deles é organizado e administrado aos cidadãos.
Processamento de dados em grande parte executados através de meios automáticos.
Instalações para a preparação e dispensação de drogas.
Autoadministração de medicação que não tenha sido prescrita por um médico, ou de maneira não supervisionada por um médico.
Orientações escritas para a aquisição e uso de MEDICAMENTOS.
O gênero de planta da família Cannabaceae, ordem Urticales, subclasse Hamamelidae. As florescências recebem muitos apelidos tais como maconha, haxixe, bangue e ganja. O talo é uma fonte importante de fibra de linho-cânhamo (o m.q. cânhamo).
Uso acidental ou deliberado de um medicamento ou droga ilícita além da dosagem normal.
Dependência forte, tanto fisiológica como emocional, da heroína.
Países no processo de mudança com o crescimento econômico, ou seja, um aumento na produção, consumo e renda per capita. O processo de crescimento econômico envolve a melhor utilização de recursos naturais e humanos que resultam em uma mudança nas estruturas sociais, políticas e econômicas.
Polímero preparado de acetatos de polivinil pela substituição dos grupos acetatos por grupos hidroxila. É utilizado como apoio farmacêutico e lubrificante oftálmico, bem como, na fabricação de esponjas artificiais de recobrimentos de superfícies, cosméticos e outros produtos.
Analgésico narcótico que pode levar à dependência. É uma substância controlada (derivada do ópio) listada no Código de Regulações Federais dos Estados Unidos, Título 21 Partes 329.1, 1308.11 (1987). A venda é proibida nos Estados Unidos por estatuto federal.