• imune
  • O corpo humano produz milhões de diferentes tipos de células B a cada dia que circulam no sangue e linfa que têm um papel importante na vigilância imune. (wikipedia.org)
  • Para manter a tolerância aos próprios antígenos e uma resposta adequada aos antígenos estranhos, o sistema imune possui vários pontos de controle, central e periférico. (ebah.com.br)
  • Já em algumas infecções, acredita-se que a ativação direta de receptores toll-like (TLR) por patógenos intracelulares persistentes nos histiócitos ou que as estratégias de evasão imune de alguns vírus possam ser responsáveis. (wikipedia.org)
  • timo
  • A educação de células T, tornando-as aptas ao reconhecimento de moléculas MHC do próprio corpo (MHC próprio) ocorre no timo. (wikipedia.org)
  • A recombinação V(D)J ocorre nos órgãos linfoides primários (medula óssea para células B e timo para células T) e de forma semi-aleatória rearranja os segmentos gênicos V (variable, variável), J (joining, junção) e, em alguns casos, D (diversity, diversidade). (wikipedia.org)
  • Por isso esses antígenos são denominados antígenos timo-dependentes. (ebah.com.br)
  • Os antígenos não-protéicos, que podem ser eliminados pelas RIH sem o auxílio dos LTh são denominados antígenos timo-independentes (de natureza lipídica, polissacáride ou glicídica). (ebah.com.br)
  • Sua diferenciação pode ocorrer tanto na própria medula quanto em órgãos específicos como o timo (linfócitos T), ou em estruturas localizadas nas paredes do intestino, apêndice e amígdalas, cujas naturezas remontam à bursa (linfócitos B). Em média um indivíduo produz aproximadamente 100 bilhões de leucócitos por dia. (wikipedia.org)
  • reconhecer
  • A habilidade dos linfócitos T do receptor em reconhecer antígenos derivados do doador (alorreconhecimento) inicia a rejeição alógrafa . (blogspot.com.br)
  • Assim, se ocorrer a entrada do agente patógeno no organismo hospedeiro, os mecanismos de ação responsáveis pela defesa descritos por células devem reconhecer e responder imediatamente contra a invasão. (wikipedia.org)
  • Para se desenvolver uma RIH, é necessária a exposição do antígeno ao linfócito B. Isso é feito de forma direta, ou seja, o LB entra em contato direto com o antígeno sem a necessidade de célula apresentadora de antígeno, pois a célula B é capaz de reconhecer o antígeno diretamente pela ligação com seus receptores de superfície (BCR), como a IgM monomérica e a IgD. (ebah.com.br)
  • Ao reconhecer esse complexo MHC + antígenos, via receptor de células T (TCR, na imagem abaixo), a célula amadurece e vira uma célula T efetora, que irá desempenhar funções de acordo com o estímulo vindo da MHC, como mostra a imagem abaixo. (nano-macro.com)
  • Graças à capacidade das células de memória de reconhecer antígenos, algumas doenças são adquiridas apenas uma vez na vida, como é o caso da catapora . (infoescola.com)
  • assim
  • Assim, no pico da influenza há elevação da mortalidade coincidindo juntamente com doenças de natureza respiratória, cardíaca, vasculares cerebrais e diabetes, presentes principalmente em pessoas com idade superior a 70 anos, configurando esse grupo etário como prevalente e de alto risco para a doença de gripe e cardiovascular, já que foram observadas a partir da semelhança em internações ocorridas durante estações do ano como o inverno. (wikipedia.org)
  • Assim, o sistema imunológico reconhece os antígenos estranhos, reagindo contra eles. (wikipedia.org)
  • Isso ocorre porque na superfície dos antígenos existem diversas regiões passíveis de serem identificadas, que são denominadas epítopos ou determinantes antigênicos, assim como nas células de defesa existem os receptores celulares, moléculas proteicas que propiciam a interação da célula com as substâncias do meio. (infoescola.com)
  • celular
  • Em resposta a alarminas (citocinas associados a dano celular) as células apresentadoras de antígenos aumentam a produção de IL-1 resultando em maior produção defensinas (peptídeos catiônicos que criam poros na membrana bacteriana) pelo epitélio e causando resposta inflamatória - febre, aumento da sensibilidade a dor (hiperalgesia), vasodilatação e hipotensão. (wikipedia.org)
  • Inibem as funções dos linfócitos: as respostas das células B e das células T a antígenos são supressas, com consequente comprometimento da imunidade tanto humoral como celular. (wikipedia.org)
  • O BCR é uma ligação entre a membrana celular e a imunoglobulina, e esta molécula permite a distinção das células B entre outros tipos de linfócitos, e também é a principal proteína envolvida na ativação da célula B. Uma vez que a célula B encontra seu antígeno e recebe um sinal adicional da célula T auxilar, ela pode se diferenciar em uma dos dois tipos de células B listadas abaixo. (wikipedia.org)
  • Esse processo mata as próprias células que o iniciam, ocorrendo de maneira controlada - processo conhecido como morte celular programada. (wikipedia.org)
  • Em geral, a morte celular em animais ocorre por apoptose, sendo um dentre vários mecanismos de controle celular. (wikipedia.org)
  • processo
  • A função dos linfócitos T gama/delta é eliminar as células do corpo que estão sob estresse, por exemplo, as células infectadas ou aquelas que estão no processo de transformação tumoral. (wikipedia.org)
  • O processo resulta em novas sequências de aminoácidos nas regiões de ligação a antígeno de Igs e TCRs que possibilitam o reconhecimento de antígenos de virtualmente todos os patógenos, incluindo bactérias, vírus, parasitas, vermes e até células próprias alteradas, como as presentes no câncer. (wikipedia.org)
  • argumentam que este processo deve ser repensado, pois ficou patente, ao menos nos transplantes de face (tema do estudo), que os linfócitos do enxerto (doadores) têm papel significativo no processo de alorrejeição. (blogspot.com.br)
  • Células B maduras - Começo da expressão IgD Quando a célula B falha em qualquer passo de processo de maturação, ela irá morrer por um processo chamado apoptose. (wikipedia.org)
  • Se ela reconhece antígeno próprio durante o processo de maturação, a célula B irá se tornar suprimida (conhecida como anergia) ou sofre apoptose (um processo chamado seleção negativa). (wikipedia.org)
  • Para tanto utilizou-se como referencial teórico MCELHANEY (2011) O processo de envelhecimento é acompanhado por um declínio humoral, inato e adaptativo, na qual a imunidade mediada por células T e B apresenta-se comprometida, ocorrendo a morbidade e mortalidade por influenza em populações idosas. (wikipedia.org)
  • Posteriormente, descobriu-se que o HLA é uma proteína que exerce papel fundamental no processo de identificação de antígenos pelo sistema imunológico. (blogspot.com.br)
  • A eliminação de proteínas com erros de síntese, proteínas não funcionais e polipeptídeos desnaturados, cuja existência poderia prejudicar o indivíduo, só pode ocorrer pela existência desse processo. (wikipedia.org)
  • No primeiro caso, linfócitos T citotóxicos (CTL) e linfócitos natural killer (NK) falham no processo de destruição das células-alvo, o que geralmente é associado à HLH primária, por estar relacionado à função das perforinas. (wikipedia.org)
  • primeiro
  • No primeiro ( direto ),antígenos ligados às moléculas de MHC II das células apresentadoras de antígeno (células dendríticas) do enxerto INTERAGEM com linfócitos T do receptor (Teoria do leucócito passageiro). (blogspot.com.br)
  • Durante o primeiro contato com um antígeno, o organismo produz uma resposta imunitária primária, em que ocorre a diferenciação de linfócitos B e T em células efetoras e células de memória. (infoescola.com)
  • HLA é a sigla de " Human Leucocyte Antigen " (antígeno leucocitário humano) e foi descoberto, no primeiro momento, como um sistema de antígenos celulares responsáveis pela rejeição de órgãos transplantados. (blogspot.com.br)
  • As características funcionais e físicas levaram a uma classificação dos leucócitos em cinco grandes grupos: neutrófilos, eosinófilos, basófilos, linfócitos e monócitos, sendo que o primeiro e o último grupo são constituídos por células fagocíticas. (wikipedia.org)
  • podem ser
  • Células B que não foram expostas ao antígeno, conhecidas como "células virgens"', podem ser ativadas por células T dependente ou independente. (wikipedia.org)
  • Para fins de vacinação, podem ser classificados em 4 tipos: Proteínas: A grande maioria dos antígenos, geralmente são bons imunógenos. (wikipedia.org)
  • Os antígenos presentes na natureza variam em sua imunogenicidade, ou seja, podem ser imunógenos fracos ou potentes. (wikipedia.org)
  • Por exemplo, as paredes das células bacterianas, cápsulas, fímbrias, flagelos e as toxinas podem ser notadas como antígenos, tal como a cápside das proteínas virais, os envoltórios virais e os componentes internos da célula viral. (wikipedia.org)
  • Essas podem ser, por exemplo, pela existência de receptores que se ligam ao ligante, mas não apresentam o domínio de morte. (wikipedia.org)
  • Os sintomas da gripe podem incluir: Febre e sensação extrema de frio (calafrios e tremores) Tosse Congestão nasal Rinorreia Dores musculares, principalmente nas articulações e na garganta Fadiga Dores de cabeça Olhos irritados e lacrimejantes Vermelhidão nos olhos, boca, garganta e nariz Petéquia Em crianças, sintomas gastrointestinais como diarreia e dores abdominais, que podem ser graves nos casos de gripe B, ou ainda provocar náuseas e vómitos. (wikipedia.org)
  • ativadas
  • As RNA polimerases são ativadas, e ocorre transcrição de mRNA específicos, resultando na síntese de proteínas nos ribossomas. (wikipedia.org)
  • Os linfócitos T requerem dois sinais para tornarem-se otimamente ativadas e realizar funções efetoras: (1) liberação de sinais após a ligação dos complexos MHC-antígeno com o receptor do linfócito T, e (2) liberação de sinais inespecíficos por meio de moléculas co-estimuladoras (ou acessórias). (blogspot.com.br)
  • complexo
  • Os TCRs só reconhecem antígenos que tenham sido previamente processados em peptídeos, os quais têm que estar ligados a moléculas de MHC (complexo principal de histocompatibilidade), na superfície das células apresentadoras de antígenos ou APCs (macrófagos, monócitos, linfócitos B e células dendríticas). (wikipedia.org)
  • O TCR alfa/beta é por sua vez associado fisicamente (mas não por ligação covalente) a uma proteína chamada CD3, formando o complexo funcional TCR-CD3 na superfície dos linfócitos T. O TCR alfa/beta deve discriminar os diferentes peptídeos não-próprios apresendados pelas moléculas de MHC na superfície das APCs. (wikipedia.org)
  • Os corticosteroides combinam-se com proteínas receptoras citosólicas e, a seguir, esse complexo liga-se à cromatina no núcleo da célula. (wikipedia.org)
  • maneira
  • Um segundo tipo de TCR, chamado de TCR gama/delta, é composto pelas respectivas cadeias polipeptídicas gama e delta, também associadas a CD3, todas na superfície externa de linfócitos T. As células T gama/delta CD4- CD8- reconhecem antígenos de maneira independente de MHC de classe I ou de classe II. (wikipedia.org)
  • maioria
  • O receptor TCR convencional, ou TCR alfa/beta é expresso pela maioria dos linfócitos T e consiste de duas cadeias polipeptídicas glicosiladas (alfa e beta) mantidas juntas por ligações dissulfeto. (wikipedia.org)
  • Na maioria dos casos eles são de natureza policlonal e não apresentam especificidade a antígenos eritrocitários conhecidos, mas algumas vezes podem simular o comportamento de aloanticorpos. (ebah.com.br)
  • Os tipos de sangue, A, B, AB e O e a necessidade de compatibilidade entre o sangue de quem doa e de quem recebe a doação são conhecidos por todas as pessoas que completaram o ensino básico, mas a tipagem de tecidos e órgãos é um conhecimento especializado, ainda inacessível à maioria da população. (blogspot.com.br)
  • A infecção aguda é eficazmente controlada pelo sistema imunitário, com ação citotóxica dos linfócitos T contra os linfócitos B infectados, que são destruídos na sua grande maioria. (wikipedia.org)
  • A maioria dos distúrbios dos leucócitos envolve os neutrófilos, os linfócitos, os monócitos e os eosinófilos. (wikipedia.org)
  • chamados
  • As células T alfa/beta CD8+ (aproximadamente 30% das células T alfa/beta) reconhecem peptídeos gerados por processamento endógeno e ligados a moléculas de MHC de classe I. São os chamados linfócitos T citotóxicos e responsáveis pela destruição de células infectadas e células cancerosas. (wikipedia.org)
  • humanos
  • As células T gama/delta representam 1-10% dos linfócitos T periféricos maduros humanos, expressam a proteína CD3, mas não CD4 ou CD8. (wikipedia.org)
  • Ao longo do século XX ocorreram três pandemias de gripe, cada uma delas provocada pelo aparecimento de uma nova estirpe do vírus em seres humanos, e responsáveis pela morte de dezenas de milhões de pessoas. (wikipedia.org)
  • diferentes
  • Apesar de possuir sinais e sintomas mais frequentes, muitas variações clínicas podem ocorrer entre os diferentes casos, o que dificulta o diagnóstico, atrasa o tratamento e colabora para as altas taxas de mortalidade da síndrome. (wikipedia.org)
  • Com alguma variação entre as diferentes etiologias, o que ocorre é uma hipercitocinemia e a consequente infiltração de órgãos por histiócitos fagocitários - células da linhagem monocítica de maturidade intermediária entre monócitos e macrófagos com ação hemofagocitária, i.e., que fagocitam células hematopoiéticas. (wikipedia.org)
  • Isso pode ocorrer de diferentes maneiras. (wikipedia.org)
  • medula
  • Células B imaturas são produzidas na medula óssea de muitos mamíferos. (wikipedia.org)
  • Depois de serem produzidas na medula óssea, estas células B migram para o baço e outros orgãos linfóides secundários. (wikipedia.org)
  • As células B são continuamente produzidas na medula óssea, mas somente uma pequena porção de novas células B produzidas sobrevivem para participar de uma vida longa no pool periférico. (wikipedia.org)
  • Alguns
  • O Epstein-Barr, além de causar a doença aguda da mononucleose, também é um vírus que provoca infecção assimptomática crónica, e a presença de oncogenes no seu genoma significa que pode induzir a imortalização de alguns tipos de células, particularmente linfócitos B, e aumentar a probabilidade de alguns tumores como o carcinoma nasofaringeal, o linfoma de Burkitt, ou o linfoma de Hodgkin numa pequena minoria dos indivíduos que infecta. (wikipedia.org)
  • A infecção é controlada ao fim de alguns dias, mas o vírus frequentemente permanece por toda a vida do indivíduo escondido de forma latente em alguns dos linfócitos B originalmente infectados. (wikipedia.org)
  • Na África, a presença concomitante de malária crónica complica a situação, pois esta doença estimula a multiplicação dos linfócitos B, o que junto com o estímulo do vírus, pode ser suficiente para que alguns linfócitos entrem em multiplicação descontrolada, originando um linfoma de Burkitt (uma forma de cancro). (wikipedia.org)
  • expresso
  • IL-1 é produzida intensamente por macrófagos, monócitos, fibroblastos e células dendríticas, mas também é expresso pelos linfócitos B, células NK e células epiteliais. (wikipedia.org)
  • qualquer
  • Esta vacina geralmente inclui material de dois subtipos de Influenzavirus A e uma estirpe de Influenzavirus B. A vacina trivalente não apresenta qualquer risco de transmissão da doença. (wikipedia.org)
  • citocinas
  • A definição da HLH é a chave para sua compreensão: ao invés de uma doença única, a HLH é uma síndrome hiperinflamatória causada pela ativação excessiva de linfócitos e macrófagos, que produzem altos níveis de citocinas. (wikipedia.org)
  • resultando
  • Quando a Reumatologia finalmente abandonou a mitologia e voltou-se para o estudo científico das doenças, descobriu que as doenças sistêmicas que estudava nada tinham a ver com calor, frio, seco e úmido, mas eram de origem imunológica e ocorriam em grupos familiares definidos, resultando de alguma interação entre o sistema imunológico e a carga genética das pessoas doentes. (blogspot.com.br)
  • membrana
  • Durante esse percurso as DCs digerem os patógenos e os antígenos que são formados esses patógenos são apresentados na superfície externa de sua membrana plasmática. (nano-macro.com)
  • Essa interação ocorre por meio de receptores localizados na membrana e proteínas sinalizadoras (ou ligantes). (wikipedia.org)
  • tipo
  • Linfócito B ou célula B é um tipo de linfócito que constitui o sistema imunitário. (wikipedia.org)
  • Embora as DCs não sejam as únicas a fazerem isso (os macrófagos e até mesmo células epiteliais possam fazê-lo), as DCs são as mais especializadas nesse tipo de apresentação de antígenos. (nano-macro.com)
  • bursa
  • O "B" em sua nomenclatura remete à bursa, um divertículo da cavidade cloacal das aves. (wikipedia.org)
  • enxerto
  • A intensidade de resposta é bem maior no alorreconhecimento direto, mas a medida que o tempo passa, com a depleção das células dendríticas do enxerto, o alorreconhecimento indireto é mais provável de ocorrer. (blogspot.com.br)
  • A estimulação dos linfócitos T é portanto central para a rejeição de enxerto, especialmente na rejeição aguda. (blogspot.com.br)
  • portanto
  • Ele reconhece o receptor para o componente C3d do complemento e portanto só atinge células com essa proteína membranar. (wikipedia.org)
  • comum
  • A vacina humana mais comum é a vacina trivalente, que contém antígenos purificados e neutralizados de três estirpes virais. (wikipedia.org)