• processos
  • OBJETIVOS (Ao término da disciplina o aluno deverá ser capaz de:) A disciplina visa proporcionar aos alunos o aprendizado dos conceitos básicos de Biologia Molecular, relacionados aos processos moleculares de armazenamento, transmissão e expressão da informação genética e aspectos de sua organização e funcionalidade, tanto em células procarióticas como em células eucarióticas. (docplayer.com.br)
  • No sistema nervoso central, a produção de citocinas foi detectada como resultado de lesões cerebrais, durante infecções virais e bacterianas e em processos neurodegenerativos. (wikipedia.org)
  • Para entender melhor esses processos, experimentos neuroimunológicos estão sendo criados e testados para de uma vez por todas acumular uma antologia mais completa de conhecimento referente às complexas interações entre os sistemas nervoso e imunológico, juntamente com a expressão gênica. (wikipedia.org)
  • 7.1 Desenvolvimento de processos microbianos 7.2 Genética, expressão gênica e produção de proteínas. (docplayer.com.br)
  • Além do material genético, o núcleo também possui algumas proteínas com a função de regular a expressão gênica, que envolve processos complexos de transcrição, pré-processamento do mRNA (RNA mensageiro), e o transporte do mRNA formado para o citoplasma. (wikipedia.org)
  • Estrutura
  • A regulação genética dá à célula o controle sobre a sua estrutura e função, e é a base da diferenciação celular, da morfogênese e da versatilidade e adaptabilidade de qualquer organismo. (wikipedia.org)
  • A diferença mais importante é que o DNA eucariótico é compactado em nucleossomos, formando a cromatina, enquanto o DNA procariótico não tem nucleossomos.Nos eucariontes, a estrutura da cromatina é dinâmica e é um ingrediente essencial na regulação gênica. (wikipedia.org)
  • muitos
  • Começando com a descoberta da penicilina em 1928, a rápida cura de infecções bacterianas por antibióticos fez com que muitos na profissão médica fiquem completamente enamorados com a abordagem erroneamente baseada em drogas para a doença, pensando que o perigo das infecções para a vida humana era uma coisa do passado. (blogspot.com.br)
  • genoma
  • Em 2010, o J. Craig Venter Institute anunciou a criação de uma célula bacteriana controlada por um genoma completamente artificial, num artigo científico da revista Science de 20 de Maio de 2010. (wikipedia.org)
  • As primeiras sequências completas do genoma entre os três domínios da vida foram liberadas em um curto período em meados da década de 1990: o primeiro genoma bacteriano a ser sequenciado foi o de Haemophilus influenzae, completado por uma equipe do Instituto de Pesquisa Genômica em 1995. (wikipedia.org)
  • outras
  • Em humanos, as HDAC-1, 2 e 3 foram expressas em vários tecidos, mas as outras (HDAC- 4, 5, 6, e 7) apresentaram padrões específicos de tecido de expressão. (wikipedia.org)
  • O termo foi criado, em 1920, por Hans Winkler, professor de botânica na Universidade de Hamburgo, entretanto não é mais usado, porque se sabe que estas sequências não codificadoras são muito importantes para a regulação gênica, dentre outras funções. (wikipedia.org)
  • Embora as regiões não codificantes tenham sido chamadas de Junk DNA uma vez que não são expressas, pesquisadores tem descoberto que muitas delas regulam a expressão de outras seções do ADN (em Cohen, Jon (2010). (wikipedia.org)
  • genomas
  • Entretanto, como os genomas eucarióticos são maiores e sua gama de propriedades é maior, inevitavelmente sua regulação é mais complexa, requerendo mais tipos de proteínas regulatórias e mais tipos de interações com as regiões regulatórias adjacentes. (wikipedia.org)
  • Cada uma dessas repetições encontra-se adjacente a um "protoespaçador" ("espaçador de DNA"), que corresponde a uma região não-codificante inserida no DNA bacteriano após o contato com genomas invasores provenientes de bacteriófagos ou plasmídeos. (wikipedia.org)
  • Já na década de 1980, os cientistas observaram um estranho padrão em alguns genomas bacterianos. (wikipedia.org)
  • tipo
  • A regulação desenvolveu-se para permitir que uma célula enfrente as variações em um tipo particular de circunstância tal como disponibilidade de nutrientes, invasão de agentes infecciosos, mudança de temperatura ou outros estresses, e mudanças no estado de desenvolvimento da célula. (wikipedia.org)