• auto-imune
  • O diabetes melito tipo 1 auto-imune (DM1A) resulta da destruição auto-imune seletiva das células-beta pancreáticas produtoras de insulina. (scielo.br)
  • O DM1A é freqüentemente associado com doença auto-imune tiroidiana, doença celíaca, doença de Addison e várias outras doenças auto-imunes, caracterizadas por auto-anticorpos órgãos-específicos, relacionados aos mesmos determinantes genéticos. (scielo.br)
  • O DIABETES MELITO TIPO 1 auto-imune (DM1A) representa 5% a 10% dos casos de diabetes e decorre da destruição auto-imune seletiva das células-beta das ilhotas pancreáticas. (scielo.br)
  • Difere do diabetes tipo 1 idiopático (tipo 1B) (1) e diabetes tipo 1 fulminante (2), que não têm etiologia auto-imune, e do diabetes duplo (LADY) (3), que tem interface com auto-imunidade e resistência à insulina. (scielo.br)
  • resposta imune mediada
  • Sua causa não é completamente compreendida, mas envolve uma resposta imune mediada por células T e desencadeada por uma variedade de fatores que variam entre os indivíduos: podem incluir deficiências nutricionais, trauma local, estresse, influências hormonais, alergias e predisposição genética, dentre outros. (wikipedia.org)
  • Acredita-se que a destruição da mucosa seja o resultado de uma resposta imune mediada por células T, que envolve a liberação de interleucinas e fator de necrose tumoral alfa (TNF-α). (wikipedia.org)
  • genes
  • As proteínas do patógeno são digeridas em pequenos pedaços (péptidos) e carregadas em antígenos como o MHC classe II, cuja produção depende dos genes HLA. (wikipedia.org)
  • Os antígenos de classe I e II são proteínas expressas nas células e tecidos, enquanto os produtos dos genes de classe III são proteínas encontradas no soro ou outros fluidos do corpo. (wikipedia.org)
  • Genes incluídos na nomenclatura HLA são equivalentes a moléculas H-2 dos camundongos e estão envolvidos na apresentação do antígeno aos linfócitos T e células Natural Killer (NK). (farmaceuticacuriosa.com)
  • Vários genes dentro desta região do HLA são apontados como os responsáveis pela panbronquiolite difusa, permitindo o aumento da susceptibilidade à patologia. (wikipedia.org)
  • classe
  • Os antígenos de classe III não participam da rejeição de transplantes. (wikipedia.org)
  • As principais proteínas de classe I do HLA são chamados A, B e C, são expressas em quase todas as células nucleadas do organismo e são responsáveis pela ativação das células T CD8+. (blogspot.com.br)
  • As principais proteínas do HLA classe II são chamadas DR, DP e DQ e são expressas principalmente pelas células imunocompetentes, incluindo macrófagos, células dendríticas , linfócitos B e são responsáveis pela ativação das células T CD4+. (blogspot.com.br)
  • Estas podem ser tanto células do doador, que estão presentes dentro de órgãos vascularizados quando transplantados, sendo chamados de " leucócitos passageiros", que expressam tanto antígenos de classe I quanto classe II e podem estimular diretamente as células T, iniciando o processo de rejeição, caracterizando assim a via direta do alo-reconhecimento. (blogspot.com.br)
  • pode
  • Em determinadas condições, como em pacientes submetidos a transfusões e mulheres grávidas previamente sensibilizados a algum desses antígenos, sua manifestação clínica pode se dar, respectivamente, através de reações transfusionais e da Doença Hemolítica do Recém-Nascido (DHRN) por incompatibilidade sanguínea. (wikipedia.org)
  • Novo exame imunológico - KIR - HLA - C - Orienta na escolha do perfil imunológico ideal da doadora de óvulos e pode melhorar as chances de sucesso nos tratamentos de ovodoação. (feliccita.com.br)
  • outros
  • Contudo, evidências recentes mostram que o número de sorotipos de estreptococos beta-hemolíticos do grupo A implicados na gênese da FR é maior do que o que se supunha anteriormente, e que e algumas situações mesmo estreptococos de outros grupos, tais como C e G, podem desencadear FR. (medicinanet.com.br)
  • depende
  • A fisiopatologia da FR, embora apresente muitos aspectos ainda mal compreendidos, certamente depende da resposta imune anormal a certos antígenos estreptocócicos por parte de hospedeiros susceptíveis. (medicinanet.com.br)
  • A ação dessas células, tão importantes para uma gestação normal, depende de uma perfeita interação imunológica entre uma molécula da superfície das células do embrião (chamada HLA-C) e os receptores KIR das células NK uterinas. (feliccita.com.br)
  • Human
  • The highest-risk human leukocyte antigen HLA genotype for T1AD is DR3-DQA1*0501-DQB1*0201/DR4-DQA1*0301-DQB1*0302, whereas -DR15-DQA1*0102-DQB1*0602 haplotype is associated with dominant protection. (scielo.br)
  • externos
  • As proteínas codificadas pelo MHC são expressas na superfície das células de todos animais com mandíbula, e apresenta tanto antígenos próprios (fragmentos de peptídeos da própria célula) e antígenos externos (fragmentos de microorganismos invasores) para um tipo de leucócito chamado célula T que tem a capacidade de matar ou co-ordenar a morte de patógenos, células infectadas ou com função prejudicada. (wikipedia.org)
  • vezes
  • Mutações no HLA-DQ2 ou DQ8: 7 vezes mais risco de doença celíaca Mutações no HLA-DR2 ou DR3: 3 vezes mais risco de lúpus eritematoso sistêmico Mutações no HLA-DR4: 4 vezes mais risco de artrite reumatoide e 6 vezes mais risco de diabetes mellitus tipo 1 Mutações no HLA-B47: 15 vezes mais risco de deficiência de 21-hidroxilase. (wikipedia.org)
  • pessoas
  • A predisposição genética para a susceptibilidade à panbronquiolite difusa foi localizada em dois haplótipos HLA comuns em pessoas provenientes da Ásia Oriental. (wikipedia.org)
  • Apenas
  • Os linfócitos T são divididos em subpopulações funcionalmente distintas que reconhecem e respondem apenas a antígenos peptídicos associados à superfície da célula - os linfócitos T auxiliares (CD4+) e os linfócitos T citotóxicos (CTLs ou citolíticos - CD8+). (farmaceuticacuriosa.com)
  • locus
  • Codificadas nos locus HLA A, B e C. (ebah.com)
  • Codificadas nos locus HLA DR,DP,DQ. (ebah.com)
  • Além disso, é possível que uma série de eventos de recombinação genética em todo o locus (localização em um cromossomo) da doença poderia ter resultado na associação da panbronquiolite com o HLA-B54 nos japoneses e o HLA-A11 nos coreanos. (wikipedia.org)
  • Após um estudo mais aprofundado, concluiu-se que um gene de suscetibilidade à doença está localizado perto do locus HLA-B no cromossomo 6p21.3. (wikipedia.org)
  • envolve
  • A fisiopatologia da FR provavelmente envolve a reação cruzada entre certos antígenos estreptocócicos (como a proteína M e a N-acetil-glicosamina) e proteínas do hospedeiro, tais como miosina e laminina. (medicinanet.com.br)
  • organismo
  • Os antígenos são então exibidos pelas células apresentadoras de antígeno para os linfócitos T auxiliares com receptores CD4, e induzem uma variedade de efeitos para eliminar o patógeno do organismo. (wikipedia.org)
  • algum
  • Foi sugerido que uma mutação nesse suposto gene de suscetibilidade à doença, localizado em algum lugar entre o HLA-B e o HLA-A, tenha ocorrido em um cromossomo ancestral que transportava o HLA-B54 e o HLA-A11. (wikipedia.org)
  • associado
  • O maior risco é conferido pelo genótipo do antígeno leucocitário humano HLA-DR3-DQA1* 0501-DQB1*0201/DR4-DQA1*0301-QB1*0302, e o haplótipo HLA-DR15-DQA1* 0102-DQB1*0602 é associado à proteção. (scielo.br)