• conhecida
  • A hiperplasia adrenal micronodular, também conhecida como hiperplasia adrenal pigmentosa, é causada por mutações ativadoras da subunidade reguladora tipo 1-alfa da proteína-quinase A, e pode se apresentar isoladamente ou em associação com mixomas atriais ou cutâneos, lesões cutâneas pigmentadas, acromegalia, nódulos tireoidianos ou mamários, cistos ovarianos ou tumores de testículo, constituindo o complexo de Carney. (medicinanet.com.br)
  • Pressão baixa, desmaios, boca e unhas roxas e queda de cabelo pode ser um distúrbio endocrinológico chamado doença de Addison, também conhecida como insuficiência adrenal crônica ou hipocortisolismo, é um distúrbio causado pelo mal funcionamento das glândulas adrenais, que ficam na região acima dos rins, no qual ocorre uma redução significativa da produção do hormônio cortisol e, algumas vezes, da aldosterona. (medicoresponde.com.br)
  • pode
  • A diminuição da quantidade de hormônios pode ocorrer devido a uma doença tiroidiana congénita, após uma inflamação da tiróide, cirurgia de tiróide, tratamento da tiróide com iodo radioativo, após tratamento medicamentoso do hipertiroidismo ou por deficiência de iodo na dieta. (docplayer.com.br)
  • O exame em familiares pode revelar indivíduos com doença tiroidiana, pois essas doenças tendem a ser hereditárias. (docplayer.com.br)
  • Entretanto, somente o médico pode afirmar com segurança se você tem a doença. (docplayer.com.br)
  • 6 da doença, mas isso pode acarretar sinais ou sintomas de hipotiroidismo ou hipertiroidismo, com todas as suas consequências. (docplayer.com.br)
  • A doença de Adisson pode ser causada por uma alteração do sistema imunitário do organismo que o leva a produzir anticorpos contra suas próprias glândulas adrenais e que passam a agredi-las. (medicoresponde.com.br)
  • ACTH
  • A liberação do ACTH (corticotropina) pela adeno-hipófise estimula a secreção dos glicocorticoides. (wikipedia.org)
  • Na maioria dos casos, acomete mais mulheres que homens, na razão de 8:1 para doença de Cushing (tumor hipofisário produtor de ACTH), 4:1 para adenomas adrenais e 2:1 para carcinomas adrenais. (medicinanet.com.br)