• aumentada de ferro
  • A deficiência hepcidina é responsável pela expressão excessiva de ferroportina na superfície da célula, o que resulta em aumento da saída de ferro, especialmente a partir de macrófagos e de células intestinais, e, em seguida, à concentração aumentada de ferro plasmático e ao aumento da saturação de transferrina, que conduz à ocorrência de ferro não ligado à transferrina (FNT). (medicinanet.com.br)
  • Uma vez que a absorção aumentada de ferro mantém a produção descontrolada de eritrócitos, quando as minihepicidinas reduziram a absorção de ferro, isso conduziu a uma diminuição do elevado número de eritrócitos e reduziu a dilatação dos rins. (alert-online.com)
  • entanto
  • No entanto, o organismo continua a acumular ferro, devido aos baixos níveis de hepcidina, conduzindo a um ciclo vicioso que destrói mais eritrócitos e pode causar danos graves no fígado e coração. (alert-online.com)