• gene beta
  • Esta síndrome apresenta predominância de eritrócitos com hemoglobina S (Hb S), originada de uma mutação no gene beta da hemoglobina, promovendo uma mudança irreversível na conformação dos eritrócitos que, sobre baixa tensão de oxigênio, passam a apresentar a forma de foice, comprometendo, dessa forma, a sua função. (docplayer.com.br)
  • fetal
  • Em particular, os tipos de hemoglobina produzidos são bastante distintos nas células eritroides embrionárias (Hb Gower I ζ2ε2, Gower II α2ε2 e Hb Portland ζ2γ2), fetal (HbF α2γ2) e adulta (HbA α2β2 and HbA2 α2δ2). (wikipedia.org)
  • A hemoglobina fetal (Hb F) tem grande significado hematológico, pois inibe a polimerização da HbS e previne as alterações morfológicas dos eritrócitos. (docplayer.com.br)
  • A terapia com o quimioterápico hidroxiuréia está diretamente relacionada com o aumento da hemoglobina fetal, promovendo uma considerável melhora do prognóstico do paciente, reduzindo os episódios de crises dolorosas, as hospitalizações em adultos e crianças, as crises de sequestro esplênico e as quantidades de transfusões de sangue. (docplayer.com.br)
  • podem
  • Com características físico-químicas modificadas, as moléculas da hemoglobina S podem sofrer polimerização, ocasionando deformação dos glóbulos vermelhos ou falcização, denominação conseqüente à produção de células em forma de foice, clássicas da anemia falciforme 4,5 . (scielosp.org)
  • anemia
  • Nesse grupo destaca-se a anemia falciforme, geneticamente determinada pela homozigose da hemoglobina S (Hb SS), que além de ser a forma mais prevalente entre as doenças falciformes é, em geral, a que apresenta maior gravidade clínica e hematológica ( tabela 2 ). (scielo.br)