Loading...
  • histamina
  • O mecanismo subjacente envolve a ligação dos anticorpos de imunoglobulina E a um alergénio, os quais se ligam depois a um recetor nos mastócitos ou basófilos, onde acionam a libertação de químicos inflamatórios como a histamina. (wikipedia.org)
  • O mecanismo subjacente envolve a ligação de anticorpos IgE ao alergénio, o que causa a libertação de químicos anti-inflamatórios dos mastócitos, como a histamina. (wikipedia.org)
  • Aí, liga-se a anticorpos do tipo IgE que estão na parede de um tipo especial de glóbulos brancos, os mastócitos, fazendo com que sejam libertados vários compostos tais como a histamina, que actuam como mediadores inflamatórios. (wikipedia.org)
  • A histamina pré-formada está presente nas granulações dos mastócitos e é liberada como resposta a diversos estímulos ( traumatismos, reações imunes que envolvam a ligação de Ac aos mastócitos, etc. (wikipedia.org)
  • PGD2: principal produto da via da ciclooxigenase nos mastócitos, promove a dilatação vascular local e permeabilidade vascular (em menor extensão que a histamina), e também é quimiotático de neutrófilo. (wikipedia.org)
  • A específica interação entre o antígeno e a IgE ligada no mastócito resulta em liberação de histamina, leucotrieno, proteases, fatores quimiotáxicos e citocinas. (wikipedia.org)
  • O ultrassom terapêutico tem um efeito benéfico na cicatrização, pois ele aumenta a difusão do cálcio na membrana celular que por consequência tem um aumento acentuado na produção e liberação de fatores que contribuem para a cicatrização das feridas como, por exemplo, a liberação de histamina dos mastócitos. (recursosterapeuticos.com.br)
  • Os anti-histamínicos orais são os medicamentos mais eficientes no combate ao prurido, pois podem superar os efeitos da liberação de histamina decorrente da lesão de mastócitos. (wikipedia.org)
  • outros
  • Resulta de uma interação entre genética, exposição ambiental a alérgenos e irritantes e outros fatores específicos que causam desenvolvimento e manutenção dos sintomas. (medicinanet.com.br)
  • A fisiopatologia é mal conhecida mas provavelmente multifatorial, englobando as teorias: uma barreira de revestimento da bexiga incompleta, presença de mastócitos ou outros factores imunológicos, hipersensibilidade do sistema nervoso periférico ou central, fatores genéticos e espasmo muscular do pavimento pélvico. (aped-dor.org)
  • Sua causa não é completamente compreendida, mas envolve uma resposta imune mediada por células T e desencadeada por uma variedade de fatores que variam entre os indivíduos: podem incluir deficiências nutricionais, trauma local, estresse, influências hormonais, alergias e predisposição genética, dentre outros. (wikipedia.org)
  • tumores
  • O boxers são mais propensos ao câncer de mastócitos (tumores benignos na pele que se tornam agressivos), linfoma (tecido linfático maligno), neoplasia (tumores sólidos de células linfoides), meningiomas (tumores ao redor do cérebro e da medula espinhal) e hemangiossarcoma (câncer do sangue). (ehow.com.br)
  • citocinas
  • Nos pulmões ocorre desgranulação de mastócitos, a libertação de citocinas inflamatórios (diversas interleucinas e leucotrienos), infiltração de eosinófilos, e ativação de linfócitos T tipo 1 e 2 causando uma resposta excessiva dos brônquios e ampla inflamação dos bronquíolos e alvéolos. (wikipedia.org)
  • Fatores de Necrose Tumoral Alfa (sigla em inglês: TNF-α) refere-se a um grupo de citocinas capaz de provocar a morte de células (apoptose) tumorais e que possuem uma vasta gama de ações pró-inflamatórias. (wikipedia.org)
  • afeta
  • A síndrome de ativação dos mastócitos é uma doença rara que afeta o sistema imune, levando ao surgimento de sintomas de alergia que afetam mais do que um sistema de órgãos, especialmente a pele e os sistemas gastrointestinal, cardiovascular e respiratório. (tuasaude.com)
  • identificar
  • Além disso, também é muito importante que a pessoa tente evitar os fatores que já conseguiu identificar como causadores de alergia, pois mesmo fazendo a medicação, os sintomas podem surgir quando se está muito tempo exposto. (tuasaude.com)
  • Tecido
  • Das células citadas, os mastócitos dividem-se em um grupo associado à mucosa (MAM) e outro do tecido conjuntivo (MATC). (blogspot.com.br)
  • Cicatrização por segunda intenção Grande defeito tecidual Diferenças : Inflamação mais intensa Tecido de granulação mais exuberante Maior contração da ferida Fatores Gerais para a Cicatrização Estado Nutricional- defesa de infecções,produção de novo tecido) Proteínas-colágeno,anticorpos,hormônios,céls, tecidos. (docplayer.com.br)
  • importantes
  • Os principais grupos de citosinas são: Interferons (IFNs) (limitam a propagação de certas infecções virais), Interleucinas (ILs) (a maioria delas está envolvida na indução de divisão e diferenciação de outras células), Fatores estimuladores de colónias (CSFs) (divisão e diferenciação das células-tronco na medula óssea e dos precursores dos leucócitos sangüíneos), Quimiocinas (direcciona a movimentação das células pelo organismo) e outras citosinas (são particularmente importantes nas reacções inflamatórias e citotóxicas). (wikipedia.org)
  • Nutricional
  • Dentre eles os principais fatores locais e sistêmicos são: isquemia, suporte nutricional inadequado, infecção, corpo estranho, problemas na circulação e na formação de colágeno e edema. (recursosterapeuticos.com.br)
  • histamina
  • A específica interação entre o antígeno e a IgE ligada no mastócito resulta em liberação de histamina, leucotrieno, proteases, fatores quimiotáxicos e citocinas. (wikipedia.org)
  • A histamina pré-formada está presente nas granulações dos mastócitos e é liberada como resposta a diversos estímulos ( traumatismos, reações imunes que envolvam a ligação de Ac aos mastócitos, etc. (wikipedia.org)
  • PGD2: principal produto da via da ciclooxigenase nos mastócitos, promove a dilatação vascular local e permeabilidade vascular (em menor extensão que a histamina), e também é quimiotático de neutrófilo. (wikipedia.org)
  • Os anti-histamínicos orais são os medicamentos mais eficientes no combate ao prurido, pois podem superar os efeitos da liberação de histamina decorrente da lesão de mastócitos. (wikipedia.org)
  • O mecanismo subjacente envolve a ligação dos anticorpos de imunoglobulina E a um alergénio, os quais se ligam depois a um recetor nos mastócitos ou basófilos, onde acionam a libertação de químicos inflamatórios como a histamina. (wikipedia.org)
  • O mecanismo subjacente envolve a ligação de anticorpos IgE ao alergénio, o que causa a libertação de químicos anti-inflamatórios dos mastócitos, como a histamina. (wikipedia.org)
  • Aí, liga-se a anticorpos do tipo IgE que estão na parede de um tipo especial de glóbulos brancos, os mastócitos, fazendo com que sejam libertados vários compostos tais como a histamina, que actuam como mediadores inflamatórios. (wikipedia.org)
  • organismo
  • Os principais grupos de citosinas são: Interferons (IFNs) (limitam a propagação de certas infecções virais), Interleucinas (ILs) (a maioria delas está envolvida na indução de divisão e diferenciação de outras células), Fatores estimuladores de colónias (CSFs) (divisão e diferenciação das células-tronco na medula óssea e dos precursores dos leucócitos sangüíneos), Quimiocinas (direcciona a movimentação das células pelo organismo) e outras citosinas (são particularmente importantes nas reacções inflamatórias e citotóxicas). (wikipedia.org)
  • ativados
  • ESTES fatores II, V e VIII similarmente identicamente conjuntamente sãeste ativados nesse mesmo processo (SAKATE, 2008), e a soma de todas essas alterações É possibilitado a pregar incoagulabilidade sanguínea (BARRAVIERA e PEREIRA, 1999). (imblogs.net)
  • Células Th0, Th1, Th2 ativadas, linfócitos B, mastócitos e monócitos ativados por LPS também podem produzir IL-10, sendo fontes menos importantes. (wikipedia.org)
  • provocar
  • Fatores de Necrose Tumoral Alfa (sigla em inglês: TNF-α) refere-se a um grupo de citocinas capaz de provocar a morte de células (apoptose) tumorais e que possuem uma vasta gama de ações pró-inflamatórias. (wikipedia.org)
  • veneno
  • 1985) Proceder Coagulante O veneno botrópico possui habilidade de ativar os fatores da coagulação sanguínea, ocasionando o consumo por fibrinogênio e FORMATOçãeste por fibrina intravascular (FRANÇA & MÁLAQUE, 2009), ativaçãeste do fator X da cascata do coagulação e a proceder da protrombina. (imblogs.net)
  • 18 Sinais Clínicos A gravidade do envenenamento depende do vários fatores, como sensibilidade do animal ao veneno, quantidade do veneno inoculada, local da picada e do tempo decorrido do acidente ao tratamento. (widblog.com)