• membrana
  • Proteína G estána membrana celular e quando o agonista se liga ao seu receptor há ativação da proteína G e teremos a ativação de 2os mensageiros (fosfato de inositol, cálcio, AMPc) que desencadeiam uma cascata de eventos intracelulares por ex. (comunidades.net)
  • base
  • Também vou uti-lizar como base os princípios farmacológicos sobre os neurônios e receptores de serotonina (5-HT) e noradrenalina (NA). (redepsi.com.br)
  • Em números aproximados, uma despolarização de 10 mV, para se atingir o limiar na base do axônio, dependerá da atividade simultânea de no mínimo 25 sinapses excitatórias, já que estas causam um PEPS de 0,2 a 0,4 mV. (facafisioterapia.net)
  • membranas
  • Um número muito pequeno de agentes, tais como os anestésicos gerais e o álcool, podem apresentar ações não específicas sobre as membranas, mas até mesmo estas ações não mediadas por receptores provocam alterações demonstráveis na transmissão sináptica. (wordpress.com)
  • resulta
  • A estimulação dos receptores Ach nos músculos resulta na sua contração. (slideshare.net)
  • O fim da transmissão noradernérgica resulta em vários processos incluindo a difusão para longe do sítio receptor, com metabolização final no plasma ou fígado, e recaptação para a terminação nervosa (captação 1) ou para a glia ou músculo liso perissináptico (captação 2). (blogspot.com)
  • resposta
  • O termo receptor é usado para interações do tipo regulador fisiológico aumentando ou inibindo a resposta. (comunidades.net)
  • a droga bloqueia em algum ponto a cadeia de eventos que induz a produção de uma resposta pelo agonista. (comunidades.net)
  • A atividade simpática tende a predominar no estresse (resposta de luta ou fuga), sendo altamente catabólico. (blogspot.com)
  • permeabilidade
  • A cetilcolina se difunde pela fenda sináptica e se combina com os receptores especializados, levando a um aumento localizado da permeabilidade iônica (receptores nicotínicos) ou a ativação de segundos mensageiros intracelulares (receptores muscarínicos). (slideshare.net)
  • nervoso
  • No estudo da Farmacologia do Sistema Nervoso Autônomo deve ser lembrado que a inibição farmacológica de um sistema permite a predominância da atividade do sistema oposto. (ebah.com.br)
  • A divisão autônoma do sistema nervoso é amplamente independente no sentido de que suas atividades não estão sob controle voluntário direto. (blogspot.com)
  • associados
  • Os métodos histoquímicos, imunológicos e radioisotópicos foram largamente utilizados para mapear a distribuição de transmissores específicos, dos seus sistemas enzimáticos associados e dos seus receptores. (wordpress.com)