• parte
  • A doença arterial periférica caracteriza-se por ser uma doença de natureza obstrutiva do lúmen arterial, de grandes artérias que não formam parte da vasculatura coronária, arco aórtico ou cerebral, resultando num défice de fluxo sanguíneo aos tecidos cuja principal consequência é a presença de sinais e sintomas característicos de isquemia (falta de irrigação sanguínea) aguda ou crónica. (wikipedia.org)
  • morte
  • A obstrução da veia coronária em questão normalmente acontece por conta de um coágulo de sangue que se forma acima da placa de gordura que reveste a veia o que leva à impossibilidade do sangue em fluir (isquemia) e ocasionar, consecutivamente, a morte celular. (jornalaguaslindas.com.br)