tumor

  • Para se detectar a hiperprolactinemia, os médicos observam o histórico do paciente e realizam exames de sangue convencionais que medem a dosagem de prolactina no sangue e, se houver suspeita de tumor, realizam a ressonância magnética na hipófise. (blogspot.com)
  • O tratamento depende da causa, mas em todos os casos, mesmo quando há a ocorrência de tumores, o tratamento é feito com uso de medicamentos que normalizam os níveis de prolactina, reduzem o tumor e reestabelecem as funções sexuais e reprodutivas em aproximadamente 80% dos casos. (blogspot.com)
  • Tumores Hipofisários produção aumentada de prolactina (tumor misto produtor de GH e PRL) pseudoprolactinoma : compressão da haste hipofisária 3. (slideplayer.com.br)
  • Prolactinoma é um tumor benigno glandular (adenoma) da hipófise(glândula pituitária), que produz prolactina. (wikipedia.org)
  • até 100ng/ml Obs: Valores acima de 200ng/ml, sugerem tumor secretor de prolactina. (wikipedia.org)
  • Drogas que elevam os valores de prolactina sérica: Estrogênios Anti-hipertensivos Fenotiazinas Antidepressivos tricíclicos Metildopa Butirofenonas (Ex:Haloperidol) Cimetidina Reserpina Obs: A prolactinemia normal não afasta a possibilidade de tumor pituitário. (wikipedia.org)

comum de hiperprolactinemia

  • É a causa mais comum de hiperprolactinemia(excesso de prolactina). (wikipedia.org)
  • A causa mais comum de hiperprolactinemia (aumento do nível sérico da prolactina fora da gravidez) é uso de medicamentos, em especial os anticoncepcionais orais combinados e as drogas antipsicóticas do grupo dos antagonistas da dopamina (principal neurotransmissor envolvido na inibição da secreção de prolactina). (wikipedia.org)

gravidez

  • A prolactina é produzida em maior quantidade durante a gravidez, mas também no pós-parto devido a pressões psicológicas e físicas ou medicações. (wikipedia.org)
  • A influência mais importante sobre a secreção de prolactina consiste na combinação de gravidez, estrogênios e aleitamento. (wikipedia.org)
  • Em conformidade com seu papel essencial na lactação, a secreção de PRL (prolactina) aumenta uniformemente durante a gravidez até atingir 20 vezes os níveis plasmáticos habituais. (wikipedia.org)
  • Gravidez, pós-parto e lactação Ooforectomia bilateral Hipotireoidismo Lesões hipotalâmicas Obs: há uma elevação passageira dos níveis de prolactina após convulsões. (wikipedia.org)

leite

  • Prolactina: estabiliza a secreção do estrogênio e progesterona e estimula a produção de leite. (wikipedia.org)
  • Mamotrofina: prolactina, estimula a produção do leite materno ou de sêmen. (wikipedia.org)
  • A prolactina, popularmente conhecida como hormônio do leite, é o hormônio que tem como principal função estimular a produção de leite. (blogspot.com)
  • A prolactina (abreviada como "PRL") é um hormônio secretado pela adenoipófise e tem como principal função estimular a produção de leite pelas glândulas mamárias e o aumento das mamas. (wikipedia.org)
  • Hiperprolactinemia (português brasileiro) ou Hiperprolactinémia (português europeu) é o excesso de produção de prolactina (hormônio responsável pela produção do leite). (wikipedia.org)

Secretam

  • Esses tumores benignos da glândula hipófise (ou pituitária) que secretam prolactina são chamados de prolactinomas e não possuem causa bem definida, sendo mutações isoladas de células hipofisárias normais, provavelmente associadas a mutações transmitidas hereditariamente e desencadeadas por fatores externos ou internos, como por exemplo fatores emocionais. (wikipedia.org)

dosagem

  • Medicamentos homeopáticos grânulos de prolactina pode ser utilizada numa variedade de sintomas, pelo que não é possível determinar as indicações de dosagem e de uma preparação específica. (soin-et-nature.com)
  • No 50o dia, os animais foram decapitados para a coleta do sangue da aorta e este foi enviado para analise da dosagem serica do hormonio prolactina e esteroides sexuais estrogenio, progesterona e testosterona. (epm.br)

quantidade

  • Homeopáticos PROLACTINA não têm toxicidade química ou contra-indicação ou interação com outros medicamentos ou os efeitos adversos relacionados com a quantidade de produto ingerido. (soin-et-nature.com)

aumento

  • O aumento de produção da prolactina provoca a hiperprolactinemia, causando, nas pessoas que possuem útero, alteração menstrual e infertilidade. (wikipedia.org)

vezes

  • Em doenças crônicas, remédios de baixa diluição (muitas vezes PROLACTINA 15CH e 30CH) são tomadas 1-2 vezes por dia, os remédios de fundo foram tomadas uma vez por semana ou uma vez por mês. (soin-et-nature.com)

importante

  • A prolactina também é importante para a ovulação, para o desenvolvimento das mamas e para o aleitamento no período gestacional. (blogspot.com)