• associada
  • A presença do Streptococcus pneumoniae ( S. pneumoniae ) nos indivíduos com idades compreendidas entre os 6 e os 55 anos, os mais afectados pela pandemia, foi associada a um risco 125 vezes maior de ter a forma mais grave da doença", disse, em comunicado de imprensa, Mady Hornig, co-líder da equipa de investigadores. (alert-online.com)