• Shigella
  • 3) de que a habilidade dessas toxinas em formar poros trans membranares determina o mecanismo de ação dessas toxinas e algumas antibióticos, incluindo Polimixina B, Gramicidina S. Os tipos de canais investigados foram expandidos significativamente e incluíram toxinas formadoras de poros do veneno da aranha Viúva-negra, Melittina da abelha, proteínas tóxicas de bactérias patogênicas, como as da Staphylococcus aureus, Bacillus cereus, Shigella, Pasteurella e outras. (wikipedia.org)
  • amostras
  • A presença de S. aureus em amostras de leite mastítico, queijo cru e em equipamentos de ordenha com o mesmo perfil genotípico evidencia o risco da transmissão deste patógeno aos consumidores e a vacas não-infectadas. (ufpe.br)
  • geralmente
  • A celulite associada com furúnculos, carbúnculo ou abscessos é geralmente causada por S. aureus, que pode afetar as decisões de tratamento, especialmente a seleção de antibióticos. (wikipedia.org)
  • crescente
  • 3. Devido à crescente resistência a clindamicina entre os S. aureus (HUCFF de 01/09 a 04/12, n=294 37% de resistência a clindamicina), apenas considerar esta opção terapêutica em caso de suscetibilidade demonstrada por cultura, infecção sem gravidade ou em paciente com história de alergia aos beta-lactâmicos ou SMX/TMP. (docplayer.com.br)
  • Este grupo de pacientes em situação de risco, no entanto, foi substituído por um novo grupo de risco, que inclui usuários de drogas intravenosas(com os Estafilococos aureus despontando como causa crescente de endocardite), pessoas idosas com esclerose de válvula, pacientes com próteses intravasculares, aqueles expostos a doença nosocomiais e hemodiálise. (wikipedia.org)
  • pele
  • Síndrome de pele escaldada estafilocócica: devido a S.aureus produtor da toxina esfoliativa. (wikipedia.org)
  • oii eu fiz uma cirlugia no tornozelo e teve lesão de pele e infectou com staphyococcus aureus e esta junto ao osso que ainda não esta comsolidado o que fazer qual as sugestão do tratamemto e qual os riscos? (blogspot.com)
  • toxina
  • No Instituto de Bioquímica da Academia de Ciências do Usbequistão Oleg Krasilnikov começou a pesquisar a ação da α-hemolisina, proteína toxica sintetizada pela bactéria Staphylococcus aureus, na interação com células e bicamadas lipídicas (membranas artificiais) mostrando que a toxina se integra facilmente como na membrana celular, tanto na bicamada resultando na formação de canais iônicos. (wikipedia.org)
  • Toxina alfa: produzida pelo Staphylococcus aureus, destrói vários tipos de células. (wikipedia.org)
  • Toxina beta: produzida apenas pelo Staphylococcus aureus, destrói vários tipos de células. (wikipedia.org)
  • Staphyloccocus
  • O surgimento de resistência à vancomicina, um dos últimos recursos para tratar Staphylococcus multi-resistentes, redundou em cepas de Staphyloccocus que são resistentes a todos antibióticos em uso actualmente. (wikipedia.org)
  • cepas
  • Estudos de portadores de Staphylococcus aureus, com finalidade epidemiológica, vêm sendo realizados na tentativa de se estabelecer uma possível ligação entre S. aureus por eles albergados, sua disseminação e perpetuação de cepas resistentes que se propagariam no ambiente familiar ou de trabalho. (scielosp.org)