• risco
  • Mas, pelo fato de uma reoperação ser mais predisposta a infecções (ainda mais se o paciente for diabético ou tiver alguma deficiência imunológica), é muito importante que o modelo do implante tenha um revestimento de antibióticos de fábrica ou que tenha um dispositivo especial de poros para penetração de antibióticos, para minimizar o risco infeccioso. (drpaulo.com.br)
  • maior
  • Mas se o paciente acabou implantando uma prótese peniana com outro médico, com resultado mal sucedido ou insatisfatório, é possível fazer uma reoperação e tratar o problema e proporcionar a maior satisfação possível do paciente. (drpaulo.com.br)