ureter


  • A junção ureteropélvica (JUP) é a junção entre a pelve renal e o ureter e este é o local mais comum de obstrução do trato urinário superior. (medifoco.com.br)
  • As obstruções extrínsecas decorrem de um vaso anômalo que comprime o ureter proximal ao nível da JUP ou então por aderências e inserção alta do ureter na porção ântero-medial da pelve. (medifoco.com.br)
  • A hidronefrose pode ter várias causas, dentre as principais estão a obstrução do(s) ureter(es) e a insuficiência/falência renal. (ultrassomveterinario.com)
  • Normalmente, a hidronefrose é decorrente de uma obstrução da junção ureteropélvica (obstrução localizada no ponto de conexão do ureter e da pelve renal). (blogspot.com)
  • Anormalidades estruturais como, por exemplo, quando a união do ureter à pelve renal é demasiadamente alta. (blogspot.com)
  • Ver artigo principal: Rim Pelve renal (ou bacinete) é a porção proximal do ureter no rim que é dilatada em forma de funil. (wikipedia.org)
  • A principal função da pelve renal é atuar como um funil para a urina fluir para o ureter. (wikipedia.org)

urina


  • Os cálices renais drenam a urina formada pelos rins e, ao se unirem, formam a pelve renal. (medifoco.com.br)
  • Hidronefrose é a distensão e dilatação da pelve renal, geralmente causada por uma obstrução do fluxo de urina vinda do rim. (wikipedia.org)
  • Quando o fluxo urinárioé obstruído, a urina retorna aos pequenos túbulos renais e à pelve renal (área coletora central), dilatando o rim e comprimindo seus tecidos delicados. (blogspot.com)
  • A dilatação prolongada da pelve renal pode inibir as contrações musculares rítmicas que normalmente movimentam a urina através dos ureteres até a bexiga. (blogspot.com)
  • A urina coletada por cistocentese guiada era bastante límpida, porém extremamente diluída e de cor amarelo-claríssimo, um grande indicativo de IRC, que acompanhado da imagem de completa perda de arquitetura renal confirma aquele diagnóstico. (ultrassomveterinario.com)

hidronefrose


  • Este acúmulo provoca uma dilatação sistema coletor renal, conhecida como hidronefrose. (medifoco.com.br)
  • O diagnóstico de estenose de JUP é feito a partir de exames de rotina do pré-natal, principalmente através da USG (ultrassonografia) que deve ser realizada precocemente, pois o diagnóstico tardio pode acarretar várias complicações, sendo as principais a pielonefrite , a hematúria, o trauma renal, a dilatação pielocalicial e a hidronefrose com progressiva alteração e perda de função renal. (medifoco.com.br)
  • A pressão causada por uma hidronefrose prolongada e grave acaba lesando os tecidos renais, de forma que ocorre um comprometimento progressivo da função renal. (blogspot.com)
  • Esse tipo de hidronefrose comumente termina após o parto, embora as pelves renais e os ureteres possam permanecer posteriormente um pouco dilatados. (blogspot.com)
  • Esse tipo de hidronefrose habitualmente termina ao se concluir a gestação, embora subseqüentemente a pelve renal e ureteres possam permanecer um pouco distendidos. (blogspot.com)
  • Quando a obstrução apresenta um início súbito (hidronefrose aguda), ela normalmente produz uma cólica renal (uma dor intensa e intermitente localizada no flanco, área localizada entre as costelas e o quadril, do lado afetado). (blogspot.com)
  • A hidronefrose pode causar uma dor intensa e intermitente decorrente do enchimento excessivo temporário da pelve renal ou da obstrução ureteral temporária causada por um deslocamento do rim para baixo (ptose renal). (blogspot.com)

pode


  • Em outras situações, o processo de dilatação renal pode se estabilizar ou até mesmo regredir de maneira espontânea. (medifoco.com.br)

perda


  • Tamanho geral anatômico, porém perda da arquitetura interna, aumento severo da pelve, estreitamento da camada cortical, deformação do formato externo fisiológico. (ultrassomveterinario.com)

paciente


  • Essas imagens vieram de um paciente com apenas dois anos de idade, diagnosticado clinicamente como insuficiente renal crônico. (ultrassomveterinario.com)
  • Quando um animal está sob fluidoterapia intensa, espera-se um aumento da pelve renal, porém, este paciente recebia fluido subcutâneo duas vezes ao dia, não justificando tal quadro. (ultrassomveterinario.com)
  • Posteriormente constatou-se que o paciente também era portador de insuficiência cardíaca, o que provavelmente era a causa base de sua insuficiência renal. (ultrassomveterinario.com)
  • Nas vésperas de uma nova intervenção cirúrgica, os resultados dos exames de rotina para se certificar da capacidade renal do paciente para receber medicações anestésicas apontaram para um aumento da uréia e da creatinina séricas. (ultrassomveterinario.com)

rins


  • Após o nascimento o recém-nascido deverá passar por uma série de exames como: Ultrassom renal (US) que visualiza os rins e todo sistema urinário, sendo um exame simples e pouco invasivo para criança, uretrocistografia miccional (UCM) que apesar de ser um método invasivo é relativamente seguro. (medifoco.com.br)
  • no caso de insuficiência/falência renal, o funcionamento dos rins está comprometido ou até nulo, por isso, o acúmulo de líquido - muitas vezes não filtrado - acaba por se formar. (ultrassomveterinario.com)
  • O esperado em casos de insuficiência renal crônica seria uma diminuição generalizada do tamanho dos rins, porém, nesse caso, o que foi observado foi um aumento concêntrico da camada cortical e a destruição dos cálices renais, o que ocasiona a imagem do rim esquerdo, totalmente hidronefrótica. (ultrassomveterinario.com)

cada


  • Cada papila renal é cercada por um ramo da pelve renal chamada cálice. (wikipedia.org)

exame


  • Outro exame é a cintilografia renal, onde um líquido é injetado através de uma veia e imagens são obtidas com uso de uma câmara especial. (medifoco.com.br)

pouco


  • Seu histórico era um pouco obscuro, porém, os exames laboratoriais de análise sangüínea e urinária eram claros quanto à uma grave alteração no funcionamento renal. (ultrassomveterinario.com)