• anterior
  • O diagnóstico da uveíte anterior é baseado na anamnese completa do paciente, exame ocular minucioso bilateral e avaliação sistêmica e laboratorial pertinente. (scielo.br)
  • A uveíte anterior afeta a íris (membrana que dá a cor do olho) e o corpo ciliar (localizado junto à raiz da íris). (danielparente.com.br)
  • Na uveíte intermediária, a inflamação predomina logo atrás do cristalino no equador do olho, abrangendo o vítreo anterior (gelatina que preenche a maior parte do olho) e a região conhecida como base do vítreo que inclui a pars-plana e a retina periférica. (danielparente.com.br)
  • As pan-uveítes se manifestam por inflamação significativa do segmento anterior, da cavidade vítrea e das camadas retinocoroidais posteriores ao equador. (danielparente.com.br)
  • Dentro do olho são observados achados característicos: depósitos na face interna da córnea que normalmente são ausentes, o líquido que preenche o segmento anterior do olho (humor aquoso) apresenta partículas flutuantes (células ou reação protéica) normalmente ausentes e outros sinais específicos de cada tipo de uveíte. (danielparente.com.br)
  • podem
  • Por se tratar de uma uveíte grave e difusa, muitas podem causar cegueira por vários mecanismos e dentre eles o Glaucoma de Ângulo Fechado.Os autores relatam o caso de uma paciente portadora da síndrome de Vogt-Koyanagi-Harada (VKH) com glaucoma agudo no olho direito. (blogspot.com)