nódulo pulmonar denso em lobo superior do pulmão Direito?


o que pode ser?
----------

Nódulo no Pulmão

Você não sente nada, vai ao médico para fazer um check-up de rotina e entre outros exames ele pede uma radiografia do tórax. Como acontece freqüentemente você assim que recebe os exames lê os laudos.

O laudo da radiografia de tórax não é muito fácil de entender. Entre várias palavras incompreensíveis como mediastino, área cardíaca, seio costo-frênico, ou "normal" e "sem alterações", você lê "presença de nódulo pulmonar...", o que o deixa muito preocupado. Que doença é essa? É grave? Urgente? É câncer? Contagioso? O retorno com seu médico está marcado para a próxima semana. O que fazer? Voltar ao laboratório e perguntar ao radiologista? Procurar logo antecipar a consulta? Procurar outro médico? Perguntar para seu amigo? Pesquisar na Internet?

O que é um nódulo pulmonar?

Nódulo pulmonar é uma lesão sólida, geralmente arredondada, menor que três centímetros de diâmetro e cercada de pulmão normal. Como tem uma densidade maior que o pulmão, aparece na radiografia como uma pequena mancha mais clara no campo pulmonar, que é mais escuro.

O nódulo pulmonar é uma manifestação visível na radiografia e que pode ser provocado por várias doenças. A importância e gravidade dessa manifestação devem ser avaliadas com cuidado pelo seu médico. Nódulos muito pequenos ou posicionados atrás de estruturas normais podem passar desapercebidos em radiografias convencionais.


Pequeno nódulo visível na tomografia computadorizada em paciente sem sintomas, de 42 anos, tabagista.
A tomografia computadorizada é muito mais sensível para detectar os nódulos no pulmão.

Algumas infecções podem provocar a formação de nódulos pulmonares. Aqui no nosso meio, a tuberculose e alguns tipos de fungos podem formar lesões pulmonares desse tipo.

Cicatrizes de infecções prévias ou seqüelas de embolias pulmonares que às vezes foram assintomáticos podem provocar nódulos pulmonares.

Tumores benignos do pulmão geralmente assumem a forma de nódulos pulmonares.

O câncer do pulmão também pode manifestar-se dessa forma, apresentando-se na sua fase inicial como nódulo pulmonar.

Como vemos, o diagnóstico diferencial do nódulo pulmonar é um processo complexo e que às vezes pode demorar e exige exames e procedimentos mais sofisticados. Na maioria das vezes não se deve perder tempo, mas não há urgência em determinar a origem do nódulo. Alguns detalhes simples como idade, sexo, antecedentes e principalmente hábitos fornecem as primeiras pistas. As pessoas fumantes ou aquelas expostas ao fumo (fumantes passivos) sempre tem maior risco de câncer e devem ser investigadas com maior critério.

Dificilmente o médico vai deixar de pedir uma tomografia computadorizada para investigar nódulos pulmonares, tentando identificar características de benignidade ou malignidade no nódulo, mas uma parcela considerável dos nódulos não tem características suficientemente precisas para dispensar uma investigação mais profunda. Exames de sangue (sorologias) e investigação dos hábitos também podem dar pistas importantes, mas também não são definitivos.  (+ info)

Por favor me responda, sera que com este laudo medico a pericia me afasta?


Descrição:


Parênquima pulmonar homogêneo, com redução difusa dos coeficientes de atenuação, apresentando múltiplas áreas confluentes de enfisema centrolobular, com predomínio apical à direita. Traves radiodensas nas bases pulmonares. Hilos pulmonares simétricos.

Trama vascular periférica normal. Não há derrame pleural.

Mediastino centrado, sem evidências de adenomegalia.

Área cardíaca normal. Aorta ateromatosa.


COMENTÁRIO: Tomografia computadorizada de tórax evidencia:
- Achados tomográficos compatíveis com enfisema pulmonar


Me responda com urgencia.

obrigada bjoss
----------

Não.
Somente este laudo do exame de imagem não irá te afastar do trabalho. O fundamental é que haja um laudo do médico assistente do paciente que relate que há uma grande alteração da respiração e uma incapacidade laborativa importante.  (+ info)

Quais os riscos para um preso que sofre porretadas no crânio e poucas horas depois é medicado com qetiapina?


Além dos riscos de trauma físico/lesões , agravos do sistema nervoso central e periférico, pois a vítima de maus-tratos/agressões no regime prisional e com o agravante de estar numa ALA de TRATAMENTO PSIQUIÁTRICO por decisão judicial , para que ali recebesse os cuidados necessários, diante do fato e provas anexadas, que poucos dias anteriores à sua prisão fora beneficiado com sentença judicial para internação e para cumprimento imediato pelo RISCO de MORTE e de danos irrepáraveis decorrentes do uso de crack; cocaína. Sentença esta que não foi cumprida, e ensejou o pedido de prisão do secretáriio de saúde e bloqueio de valores de conta do governo para tratamento do paciente, e que não recebeu nenhum tratamento especializado para dependente químico nas primeiras horas de prisão e em estado de intoxiicação aguda e possívelmente com comprometimento moderado pois estava com pupilas dilatadas, visivelmente toxemiado, olhos encovados, sinais de queimadura de sol na pele, muito emagrecido em poucos dias que saíra de casa em fissura e não conseguiu parar de usar droga - 4 dias. foi solicitado ambulância na tarde em que foi preso por mim, sua mãe tanto de celular como de telefone comercial de loja do SCS de Brasília, e também foi solicitado ambulância e com devida explicação da real necessidade e amparo legal por parte da defensoria do núcleo de saúde e nenhuma unidade móvel compareceu ao local aonde meu filho se encontrava, bastante necessitado de avaliação emergencial do grau de intoxicação e neuropsíquica, USUFRUIR do DIREITO do DEPENDENTE QUÍMICO e conforme está publicado Diário Oficial do Distrito Federal de 16/06/84, apesar de transcorridos tantos anos de sua publicação, ainda não existe leitos destinados aos dependdentes químicos, e diretores entrevistados por jornalistas fazem promessas vãs...e assim dependentes químicos ficam entregues à própria sorte no momento de maior risco - intoxicação aguda. Várias medicações de uso de meu filho oferecem sérios riscos, e requer avaliação de risco/benefício, incluindo avaliação cardiológica, exames de laboratório/ metabólicos para função hepática, renal, pancreática, outros exames recomendados na bulas desses medicamentos prescritos pela psiquiatria para tratar síndrome de abstinência, depressão, alteração de humor, prevenir convulsões na abstinência de cocaína, outras co-morbidades.
As condutas variam de caso para caso, mas um PRINCÍPIO de CUIDADOS com pacientes com suspeita de TRAUMATISMO Cranioencefálico é UNIVERSAL, isto eu aprendi na universidade e durante o meu curso de pós-graduação no Hospital Sarah/DF:
O paciente deve ficar sob rigorosa vigilância, observação durante 24 horas e JAMAIS poderá ser medicado com medicações de efeito depressor do Sistema Nervoso Central.
No caso em tela, meu filho , quando foi humilhantemente espacado, de joelhos e algemado, sem direito á legítima defesa e por motivo fútil do agente/cana, pelo motivo do meu filho não ter ouvido ele falar para ele parar de enrolar o fumo de rolo no papel....sob uso de clonazepan, citralopam, valproato de sódio e QUETIAPINA, que seda fortemente por bloqueio de receptor Histamina e oferece risco de CATALEPSIA LEVE(morte aparente), alterações respiratórias de tronco e mediastino, e as porretadas foram contra região occipital, aonde fica tronco cerebral e respectivos centros da respiração , cardíaco e do vômito, contra coluna cervical (risco de tetraplegia), socos contra articulação temporo-mandibular, outras partes do corop, com risco de hemorragia interna.
O fato foi notificado ao chefe das Promotorias do MP, e com meu pedido escrito para encaminhamento dele urgente para exames especializados , de neuroimagens e radiografias de ossos, mas a MOROSIDADE é sempre constante nos assuntos relacionados aos dependentes químicos nesse pais, e os neurônios , nervos e ossos, baço e fígado e rins do meu filho estão em risco e sem avaliação em tempo hábil. Esta é a realidade do sistema de saúde priisional brasileiro, e neste ambiente que sequer oferecem cuidados de saúde que seriam obtidos por meun fiilho na vaga que lhe foi disponibilizada pela GESAM no terceiro dia de prisão, foi sequer decidido qualquer parecer sobre petição para sua transferência imediata. durante os piores dias de um depebndente químico, ele ficou amargando fissura no cru...sem saber se estava com rabdomiólise, pbneumonia, bronquite, se tinha feito infarto silencioso, arritimia por uso de drogas, e toda essa violação de direitos de saúde em prol da ordem pública. E estou revoltadíssima com toda a impunidade do descumprimento da sentença de sua internação e quero mover ação de responsabilidade civil, cumulada com indenização de perdas e danos morais, cobrarei até a unha mutilada de meu filho durante espera da internação das topadas e infecções adquiridas sob efeito de droga, cobrarei os DANOS MORAIS que está sofrendo e por acusação leviana de preso estuprado por uns antigos, suspeitou, ,só por ele estar acordado 3-4 hs!
----------

a morte  (+ info)

Alargamento do mediastino superior?


Minha afilhada fez um exame que dizia: Alargamento do mediastino superior provavelmente relacionado ao timo.
obs: Artefatos de processamento do filme radiológico nas incidencias obtidas
Por favor, me digam o q significa ela só tem 2 meses d vida, obrigada .
----------

Olá, vamos lá:

O Alargamento de mediastino é um achado pelo raio x provocadas por diversas doenças, que podem ser didaticamente divididas em:

1. Causas vasculares: pós-trauma, aneurismas de grandes vasos, dissecção de aorta.

2. Causas infecciosas: mediastinite aguda, mediastinite subaguda, mediastinite fibrosante, infecções crônicas (tuberculose, paracoccidioidomicose).

3. Tumores e cistos: timoma, tumores germinativos, tumores neurogênicos, linfomas, cistos mesoteliais, cistos derivados do intestino primitivo.

4. Lesões simulando tumores de mediastino: bócio intratorácico, lesões pulmonares, sarcoidose, lesões esofágicas.

O timo é um órgão que vai diminuindo com a medida q crescemos, na infancia é importante para ajudar na imunidade.

Deve se fazer exames de sangue para ver como está as células de defesa, pois como o mediastino está alargado por causa do timo, dá a entender que é por uma infecção. Agora precisa de outros exames para complementar esse diagnóstico, ok.

Espero poder ter ajudado de alguma forma, e estimo melhoras para a criança.  (+ info)

ALGUEM PODE ME DIZER O Q SIGNIFICA TUDO ISSO¿¿¿ PRINCIPALMENTE A PARTE "SUGERE CISTO DE RETENÇÃO"¿¿¿¿


RESULTADO DO RX PARA REGIAO DOS SEIOS DA FACE E TORAX (PA/PERFIL)
Gente fiz um raio x e o resultado foi:

SEIOS DA FACE
Septo Nasal centrado
Opacidade em calota na projeção do antro maxilar esquerdo (sugere cisto de retençao)
Transparencia normal das demais cavidades para-nasais visibilizadas.
Paredes ósseas rino-sinusais integras

TORAX (PA/Perfil)
Arcabouço ósseo toracico bem formado sem lesoes evidenciaveis.
Transparencia normal dos pulmoes, seios costo e cardio-frenicos livres
Mediastino centrado sem alargamentos
Silhueta cardiaca de forma e dimensoes compativeis com a normalidade

ALGUEM PODE ME DIZER O Q SIGNIFICA TUDO ISSO¿¿¿ PRINCIPALMENTE A PARTE "SUGERE CISTO DE RETENÇÃO"¿¿¿¿
----------

Consulte um médico do ramo  (+ info)

O q vc s podem me dizer sobre o hipertireodismo?


Conjunto de sinais e sintomas decorrentes do excesso de hormônios da tireóide.

Como se desenvolve ?
Os sintomas ocorrem em decorrência do excesso de funcionamento da glândula tireóide ou da ingestão dos hormônios da tireóide.

Entre as diversas causas do aumento de funcionamento da tireóide, as mais importantes são:
bócio difuso tóxico (Doença de Basedow-Graves)
bócio multinodular tóxico e
bócio uninodular tóxico (Adenoma Tóxico)

O bócio difuso tóxico é uma doença auto-imune na qual o organismo produz anticorpos que estimulam a produção e a liberação de hormônios pela tireóide, podendo estar associado a outras doenças auto-imunes.

O bócio multinodular tóxico em geral é uma moléstia de evolução lenta na qual ocorre proliferação de diversos folículos da glândula, formando diversos nódulos, algumas vezes volumosos e visíveis.

Os adenomas são nódulos únicos, em geral com mais de 3 cm de diâmetro, que produzem em excesso os hormônios da tireóide.

O que se sente?

Os pacientes apresentam:

fome excessiva
aumento do ritmo intestinal
nervosismo, insônia, labilidade emocional
tremores
intolerância ao calor
palpitações
emagrecimento
olhar vivo e brilhante
pele quente e úmida
unhas quebradiças, cabelo seco, quebradiço e encaracolado.

Na mulher ocorrem alterações menstruais e infertilidade. Na grande maioria das pessoas esse quadro clínico está associado a um aumento visível da parte inferior do pescoço, formando o chamado bócio. Em pacientes com bócio difuso, podem ocorrer sinais oculares de reação inflamatória, caracterizada por retração das pálpebras, protusão dos globos oculares (olhos saltados) e paralisia da musculatura que controla os movimentos dos olhos. Esse conjunto de alterações oculares é denominada exoftalmia.

Como o médico faz o diagnóstico?

O diagnóstico é estabelecido pela suspeita clínica em paciente portador dos sintomas acima descritos ou em pacientes nos quais se investiga a causa de uma arritmia cardíaca, ou dor abdominal associada a emagrecimento (principalmente do paciente idoso). O diagnóstico laboratorial é estabelecido pelas dosagens de TSH e T4 no sangue. Se os valores de T4 estiverem aumentados e os de TSH reduzidos, o paciente é portador de hipertireoidismo. Necessitamos então investigar sua causa, que pode ser auto-imune, uni ou multinodular. Este diagnóstico é estabelecido pela presença de anticorpos anti-receptor do TSH (TRAB), pela captação de iodo e cintilografia da tireóide e pela ultra-sonografia da tireóide.

Em pacientes com bócios volumosos e manifestações compressivas na região do pescoço, tais como dificuldade para engolir alimentos e falta de ar, pode ser necessária a realização de radiografia do tórax ou do mediastino e/ou do pescoço. Nos pacientes idosos ou intensamente doentes, devem ser realizados também exames gerais e eletrocardiograma.

Como se trata?

O tratamento pode dirige-se para o excesso hormonal e/ou para sua causa. Em pacientes com bócio difuso tóxico, pode ser analisada a captação de iodo e a seguir administrada uma dose calculada de Iodo radioativo (Iodo 131) que irá destruir o tecido tireoidiano com excesso de funcionamento. Esse efeito ocorrerá em algumas semanas. No período em que não for alcançada a normalização de funcionamento da tireóide, o paciente pode receber um medicamento que bloqueia a ação destes hormônios (beta-bloqueador: propanolol) com o que haverá uma melhora significativa dos sintomas. Se essa não ocorrer, ou na presença de hipertireoidismo grave, o paciente será inicialmente tratado com medicamentos antitireóideos (metimazol ou propanolol) até se obter o controle da doença.

Em pacientes com bócio multinodular, se o mesmo for volumoso ou apresentar sinais compressivos, o tratamento de escolha é a cirurgia da tireóide (tireoidectomia) que só deverá ser realizada após controle clínico do estado de hipertireoidismo. O controle do hipertireoidismo pode ser obtido com o metimazol (Tapazol) ou com o propiltiouracil, devendo ser utilizado durante várias semanas. Em bócios nodulares menos volumosos ou nos quais há contra-indicação cirúrgica, após a compensação do quadro com metimazol ou propiltiouracil, o paciente pode receber também Iodo radioativo.

Nos pacientes com bócio uninodular tóxico, o quadro de hipertireoidismo será compensado com metimazol/propiltiouracil e a seguir o paciente deve ser submetido a tireoidectomia subtotal. Em pacientes com nódulos pequenos ou contra-indicações cirúrgicas também pode ser empregado o Iodo Radioativo.

Após a resolução do quadro, quer utilizando Iodo Radioativo quer cirurgia, o paciente deverá ser monitorizado periodicamente no sentido de se detectar o eventual hipotireoidismo que pode ocorrer como complicação desses tratamentos.

Como se previne?

Não existem mecanismos de prevenção para as diversas doenças. Pode ser realizado, por outro lado, uma detecção mais precoce da doença especialmente se investigarmos adequadamente todos o  (+ info)

Meu pai fez uma ponte safena e uma ponte mamária no dia 24/03.?


Ficou 2 dias no CTI e mais 2 dias no quarto do hospital. Tudo transcorria super bem e ele teve alta. Após írmos para casa, ele começou a tossir muito e sentir muitas dores no osso externo. No dia 31/03, após notarmos sangramento, a fisioterapeuta respiratória diagnosticou possível infecção e uma das amarrações do osso havia se soltado. Ainda no dia 31/03 ele passou por nova cirurgia para isolar a infecção e retirar as amarrações do externo. Hoje, 03/04, ele ainda está no CTI, tomando antibióticos e outras medicações. Tenho duas dúvidas: 1) Ele começou a ter arritmias cardícas (variações entre 120 e 150 bpm). Isso é normal? O que devemos fazer? 2) Como o osso externo vai se colar sem as amarrações? Alguém tem um caso parecido? É possível ele se colar sozinho? Qual deve ser o tratamento neste caso?
----------

Grazimenezes
Boa Noite

Vamos tentar resolver suas dúvidas:

1) Pergunta: 1) Ele começou a ter arritmias cardícas (variações entre 120 e 150 bpm). Isso é normal? O que devemos fazer?

Resposta: Gi antes de mais nada deve-se saber qual a arritmia que seu pai adquiriu...Taquicardia sei que era , mas seria sinusal? supraventricular? Fibrilação/ flutter Atrial?
com o ECG (eletrocardiograma) já dá para ter uma noção,pois o tratamento depende do tipo de arritmia, agora vc pergunta se é normal, Bom! normal não é !! porém, arritmias são complicações muito comuns em pós operatório de cirurgias cardíacas. Devemos sempre tratar e tentar trazer o ritmo para o normal (sinusal).

2) Pergunta : Como o osso externo vai se colar sem as amarrações? Alguém tem um caso parecido? É possível ele se colar sozinho? Qual deve ser o tratamento neste caso?

Resposta : O provável diagnóstico que você recebeu é de infecção / inflamação no esterno (osso) , essa complicação é bastante complexa, pois trata-se provavelmente de um quadro infeccioso, O cirurgião cardíaco sempre orienta lavar bem a cicatriz esternal, para evitar infecções, porém se elas já surgiram, deve-se sempre tratar com antibióticos de amplo espectro (grande potência), pois esta infecção está próxima a uma região muito nobre em nosso organismo, chamado Mediastino, e se a infecção alcançar o mediastino, aí torna-se um caso muiiiiiiiiito grave. , bom voaltando a sua questão propriamente dita, trata-se o esterno com antibióticos e nos casos mais graves , retorna-se ao centro cirúrgico onde o cirurgião limpa, limpa e limpa mais um pouquinho o local da infecção , com a remissão da infecção , ai sim se refaz os pontos metálicos.
Esta complicação pode aparecer em cerca de 5 a 10% dos casos de cirurgia cardíaca, portanto não é muito comum, mas aparece....
colar sozinho, não irá , irá esperar controlar a infecção e aí se refaz os pontos metálicos (sim nova cicurgia... infelizmente)
Quanto ao tratamento em si, acho que expliquei sobre ela
melhoras p/ seu pai
Abço
Rhuam  (+ info)

Laudo de Radiografia do Tórax


Para quem entende do assunto, por gentileza, favor me explicar o que significa o laudo transcrito abaixo. Vou levar ao meu médico, mas como ele está viajando, estou super curioso.

LAUDO
Imagem nodular lobulada de aproximadamente 1,0 cm. de diâmetro é vista no terço superior do hemitórax esquerdo. A critério clínico, complementar estudo com tomografia computadorizada.

Tênues faixas densas na base esquerda (fibroatelectásicas?).

Mediastino centrado.

Diafragma convexo.

Seios costo-frênicos livres.

Índice cárdio-toráxico aumentado com realce na silhueta do ventrículo esquerdo.

--------------------------------------------------------------------------------------

Agradeço desde já a quem puder me ajudar.
----------

Mendonça,estou passando pela mesma situação,no meu caso ñ apareceu nódulo mais o lobo inferior direito estava todo consollidado,ñ se via no raio x,fiz tomografia e o médico pediu uma broncofibroscopia,ainda ñ fiz estou em choque com tudo isso,já procurei mais duas médicas tomei mais 7 dias de antibótico e fiz outro raio x,irei ver terça o resultado,no seu caso ñ se preocupe,tudo dará certo??Vou te adicionar pra ñ perder o contato contigo,ok?Vamos ter Fé em Deus que Ele é por nós!!!  (+ info)

1  2  3  4  5  6  

  Fazer uma pergunta: