cavidade


  • Rinite é a irritação e inflamação da membrana mucosa no interior da cavidade nasal. (wikipedia.org)
  • O septo nasal, como todo o restante da cavidade nasal, é coberto pela mucosa nasal. (wikipedia.org)
  • Contudo, as lesões podem ser notadas no interior da cavidade oral, nasal, ocular ou qualquer outro local. (wikipedia.org)
  • Estes, por estarem à volta da cavidade nasal, chamam-se seios paranasais (ou paranasais) e estão todos conectados. (wikipedia.org)
  • Durante o exame, a câmera penetra a cavidade nasal gerando imagem em um monitor, no qual é examinado as estruturas da laringe e da cavidade, em busca de lesões orgânicas ou funcionais. (wikipedia.org)

pode


  • A inflamação da membrana mucosa na rinite pode ser causada por vírus, bactérias, irritantes ou alergénios. (wikipedia.org)
  • Pode-se combater a coriza com medicamentos que diminuam a vasodilatação da mucosa nasal, normalmente encontrados em remédios que combatem a gripe, como antialérgicos e antipiréticos (combate a febre). (wikipedia.org)
  • Em alguns métodos, o uso do tampão nasal é desnecessário, o que pode proporcionar uma recuperação mais cômoda para o paciente. (wikipedia.org)
  • Rinoscleroma é uma doença granulomatosa crônica que compromete a mucosa do trato respiratório (mais frequentemente o nariz) e eventualmente pode se estender às vias aéreas inferiores (laringe, traqueia e brônquios). (scielo.br)
  • A planta é um arbusto perene que possui látex cáustico e irritante, que pode afetar as mucosas nasal, oral e ocular. (wikipedia.org)
  • O contato com a mucosa oral ou no caso de mastigação e ingestão pode provocar salivação, náuseas, vômitos e até diarreia. (wikipedia.org)

nariz


  • O ressecamento das mucosas deve ser combatido com cremes umectantes nos lábios, soro fisiológico no nariz, lubrificante ocular nos olhos e lubrificante próprio para mucosa genital feminina. (wikipedia.org)
  • Entre os sintomas mais comuns estão a congestão nasal, fluxo nasal abundante, espirros e acumulação de muco na garganta ou parte posterior do nariz. (wikipedia.org)
  • Os sintomas típicos incluem: Escorrimento de secreção do nariz (coriza), entupimento nasal, coceira no nariz, ardor nos olhos e espirros constantes. (wikipedia.org)
  • Esclerótica/Fibrosa: ocorre deformidade e destruição da cartilagem nasal também são anotados(Hebra nariz). (wikipedia.org)
  • Nos casos de plástica nasal também poderão ser posicionados curativos especiais sobre o nariz. (wikipedia.org)
  • Epistaxe (em grego: ἐπιστάζω (epistazo) sangrar pelo nariz: ἐπί (epi) - "acima", "sobre" + στάζω (stazo) - "gotejar [pelas narinas]") ou sangramento nasal é uma ocorrência comum, não grave, decorrente da ruptura de pequenos capilares da membrana mucosa nasal. (wikipedia.org)
  • A grande maioria das hemorragias nasais são anteriores, isto é, na parte da frente do nariz, a partir do septo nasal. (wikipedia.org)
  • Acomete a mucosa do trato respiratório, mais frequentemente o nariz. (scielo.br)

devido


  • Os sangramentos nasais são devido à ruptura de um vaso sanguíneo dentro da mucosa nasal. (wikipedia.org)

sangramento nasal


  • O sangramento nasal é o que se origina da mucosa das fossas nasais enquanto que a hemorragia nasal se exterioriza pelas fossas nasais, independente da origem (rinofaringe, tuba auditiva etc). (wikipedia.org)
  • Sinais de TVT nasal incluem fístula nasal, sangramento nasal, edema facial e aumento dos linfonodos submandibulares. (wikipedia.org)

septo nasal


  • As rupturas acontecem comumente no septo nasal anterior, chamado de área de Kiesselbach. (wikipedia.org)

ocorre


  • Granulomatosa: ocorre formação de pólipos e nódulos moles, avermelhados ou arroxeados, na mucosa intranasal. (wikipedia.org)
  • O acometimento nasal ocorre em 3 fases: catarral, granulomatosa e cicatricial. (scielo.br)

bucal


  • Geralmente afeta a genitália externa de cães, mas há relatos de TVT extragenital, acometendo pele, períneo, mucosa bucal e nasal, mesmo na ausência de lesões genitais. (wikipedia.org)

semelhante


  • Foi localizada nas células epiteliais da mucosa nasal, semelhante a IL-6, e nas células das glândulas da camada superficial da lâmina própria, próxima dos sinusóides e perto das veias da camada profunda da lâmina própria. (wikipedia.org)

muco


  • É causada por Klebsiella pneumoniae da subespécie rhinoscleromatis, um bacilo gram-negativo, imóvel, encapsulado, da família Enterobacteriaceae e transmitida entre humanos por gotículas de muco nasal inaladas. (wikipedia.org)

possui


  • Mucosa nasal ou pituitária é onde se processa inicialmente o sentido do olfato e possui como função principal revestir internamente as fossas nasais. (wikipedia.org)
  • O vestíbulo possui uma mucosa formada por epitélio plano, estratificado não queratinizado. (wikipedia.org)
  • A área respiratória possui uma mucosa formada por epitélio pseudo-estratificado colunar ciliado, com inúmeras células caliciformes. (wikipedia.org)
  • Esta área possui uma mucosa formada por epitélio pseudo-estratificado colunar com células de sustentação, células basais e células olfatórias (neurônios bipolares). (wikipedia.org)
  • São revestidas internamente pela mucosa nasal, que possui um grande número de vasos sanguíneos. (wikipedia.org)

nasais


  • A mucosa nasal é classificada pela sua constituição celular e aspecto visual em: Mucosa vermelha: É a parte inferior, mais próxima à entrada das fossas nasais. (wikipedia.org)
  • Mucosa amarela (ou marrom): É a parte posterior, mais distante da entrada das fossas nasais. (wikipedia.org)

spray


  • A correta limpeza nasal e o uso de soluções salinas em spray ajudam a aliviar esta queixa. (wikipedia.org)

genital


  • Observam-se lesões principalmente na mucosa genital e na pele. (wikipedia.org)

edema


  • Estimulando sua contracção, reduz a vasodilatação responsável pelo edema da mucosa e a hipersecreção. (wikipedia.org)

trato


  • É bem absorvida no trato gastrointestinal, nos pulmões, mucosa nasal e por injeção intramuscular ou subcutânea. (wikipedia.org)

principalmente


  • O desconforto que quase sempre ocorrerá neste período será causado pela obstrução nasal, principalmente na primeira semana. (wikipedia.org)

rinoscleroma


  • Este relato tem por objetivo ilustrar um caso de rinoscleroma em uma paciente jovem com queixa de obstrução nasal bilateral de longa data e cefaleia. (scielo.br)

sendo


  • Essa vasoconstrição significa que há menor pressão nos vasos capilares e menos fluidos a serem filtrados, sendo assim, menor obstrução nasal. (wikipedia.org)

fluxo


  • Dessa forma, alivia a obstrução nasal e desta forma facilita fluxo de ar. (wikipedia.org)

coriza


  • Coriza é a inflamação da mucosa nasal, acompanhada eventualmente de espirros, secreção e obstrução nasal. (wikipedia.org)

pacientes


  • Em alguns pacientes a mucosa bronquial tem reação de forma exagerada a estímulos que são normais para outros indivíduos, originando um broncoespasmo. (wikipedia.org)
  • A aplicação tópica de pomada contendo antibiótico para a mucosa nasal tem se mostrado um tratamento eficaz para epistaxe recorrente.Um estudo descobriu que isto é tão eficaz quanto a cauterização nasal na prevenção de epistaxe recorrente em pacientes sem sangramento ativo no momento do tratamento - ambos tiveram uma taxa de aproximadamente 50 por cento de sucesso. (wikipedia.org)
  • Estudos realizados em culturas de células epiteliais de pacientes sem rinite alérgica, pacientes com rinite alérgica e pacientes portadores de polipose nasal demonstraram que as células de pacientes com rinite e pólipo sintetizam significativamente grande quantidade de IL-8 e GM-CSF. (wikipedia.org)

fatores


  • Modo físico: É conseqüência de um quadro alérgico normalmente ocasionado por poeira, pólen, serragem, alterações climáticas, ou outros fatores que possam irritar a mucosa. (wikipedia.org)

podem


  • Tratamentos de longo prazo podem causar mudanças degenerativas nas membranas da mucosa nasal, que levam a outros problemas. (wikipedia.org)

aplicado


  • Cloridrato de oximetazolina exerce acção sobre as fibras musculares lisas das arteríolas existentes na mucosa nasal quando aplicado sobre esta mucosa congestionada por processos alérgicos, infecções (como gripes e resfriados) e alterações vasomotoras. (wikipedia.org)

posterior


  • Tampão nasal posterior, realizado quando o anterior não resolve o sangramento, comumente usado em casos de traumas. (wikipedia.org)

alguns


  • A mucosa nasal é o principal órgão afetado por consumidores de cocaína, onde em alguns casos, as misturas inseridas na droga como lidocaína, éter e bicarbonato de sódio, chegam a destruir também as paredes cartilaginosas que as dividem. (wikipedia.org)

cavidades


  • Estes ossos têm cavidades (sulcos) com mucosa (que, se inflamada, causa sinusite). (wikipedia.org)

rinite


  • O diagnóstico da rinite é feito pelo médico através da anamnese e do exame clínico, com auxílio de exames complementares, como os testes cutâneo-alérgicos, dosagem de IgE específica, rinomanometria, rinometria acústica, citologia de secreção nasal e prova de provocação nasal. (wikipedia.org)

produz


  • Entretanto, quando se produz a inflamação da mucosa bronquial fica mais estreita a passagem. (wikipedia.org)