Existe outro remédio para tratar de infecções causadas por proteus mirabilis além do sulfato de gentamicina?


Infecções graves causadas por cepas suscetíveis dos microrganismos descritos no item Microbiologia. Devem ser realizados testes de suscetibilidade e cultura. O tratamento pode ser iniciado antes que os resultados destes testes sejam conhecidos.

CEFALEXINA : No espectro útil, são considerados: Streptococcus b-hemolítico, Staphylococcus aureus, incluindo cepas produtoras de penicilinase, Escherichia coli, Proteus mirabilis, Klebsiella sp., Haemophilus influenzae e Moraxella (Branhamella) catarrhalis.

CEFALOTINA: Profilaxia de infecções perioperatorais. Infecções do trato geniturinário produzidas por Escherichia coli, Klebsiella, Proteus mirabilis. Pneumonia produzida por S. aureus, Streptococcus beta-hemolíticos, Streptococcus pneumoniae; septicemia bacteriana por Klebsiella pneumoniae, Proteus mirabilis, S. beta-hemolíticos, Staphylococcus aureus. Infecções da pele e tecidos moles produzidas por Escherichia coli, Klebsiella, Proteus mirabilis, Staphylococcus (produtores e não produtores de penicilinase), Streptococcus beta-hemolíticos. Infecções do trato urinário produzidas por Escherichia coli, Klebsiella pneumoniae e Proteus mirabilis. Erisipela.

CEFAZOLINA: Infecções dos tratos respiratório e geniturinário; otorrinolaringológicas, de pele e tecidos moles, e osteoarticulares.

mas se faz necessário saber a sensibilidade do proteus, se não vc poderá dar um tiri de canhão onde chumbinho mata, ai vc cria resistencia em seu organismo ok, boa sorte  (+ info)

Por favor gostaria de saber o que é PROTEUS MIRABILIS?


Gostaria muito da ajuda de todos. Soube que é uma bactéria, mas gostaria de confirmar e também as causas. Um criança de 6 meses está com este problema. Conto com vocês. Obrigado
----------

Sei que é uma bactéria que causa com frequência infecções hospitalares em crianças (meu sobrinho foi infectado por essa mesma bactéria).

Se ocorreu o mesmo com essa criança que você citou, o correto é fazer um antibiograma para saber qual antibiótico será o mais adequado para eliminar a Proteus Mirabilis em questão, porque vinda de um ambiente hospitalar esta pode ser resistente aos antibióticos mais comuns.  (+ info)

Como se " pega " a bactéria proteus mirabilis? É nosso próprio organismo que produz?


Proteus Mirabilis tem como habitat natural o trato intestinal do homem e de outros animais também.


Boa noite.  (+ info)

Gostaria de saber sobre bactéria proteus mirabilis.?


Já procurei a respeito e sempre acho sobre infecção urinária. O que eu tenho é uma infecção no pé já faz 3 meses, melhora com antibiótico CIPROFLOXACINA, mas depois volta. Na cultura realizada por duas vezes foi encontrado proteus mirabilis.
----------

Se apenas melhora com ciprofloxacina, mas depois volta, significa que está ficando resistente.
O correto é ser feito, além da cultura, um antibiograma para descobrir quais os antibióticos que matam mesmo, pois o proteus mirabilis é meio "miraculoso" e "mirabolante", difícil de matar mesmo.
Quando seu médico souber qual o antibiótico que mata mesmo o "bixo" ele vai te passar aquele que for mais eficaz.  (+ info)

Dor lado direito do abdomen?


Gostaria de saber o que pode ser esses sintomas:
Fadiga cronica;
Dor lado direito do abdomen;
dor ao redor do umbigo;
Prisao de ventre;
Coceira no corpo;
a uns 8 anos atraz, senti uma colica muito forte nesse lado direito, e era rim, saiu ate uma pedra.
mas hj em dia os medicos disseram que não é, pois fiz exame de urina, ultrassom e nao deu nada.
estou me sentindo muito mal, unico exame que deu algo foi o de coprocultura, que apareceu uma bacteria de nome protheus mirabilis, tomei ciprofloxacino mas a dor continua.
a 7 anos atraz eu tomei uma pancada muito forte nesse lado do abdomen tb, agora nao sei o que faço..
alguem poderia me ajudar ?
----------

problemas psicologicos  (+ info)

sou aux. de enfermagem faço curativos diariamente o mais critico e úlcera varicosa alguém pode me ajudar?


A PACIENTE REFERE TER A FERIDA A 15 ANOS, E JA FEZ USO DE TUDO E MAIS UM POUCO, FAZ CULTURA COM FREQUENCIA, E SEMPRE PSEUDOMONAS, A ULTIMAS FOI PSEUDOMONAS E PROTEUS MIRABILIS, TRABALHO EM INSTITUICAO PUBLICA EFALTA RECURSOS, FOI MEDICADA COM AMICACINA 700MG EV, 12/12HS POR 10 DIAS, E CURATIVO 2X POR DIA SENDO FEITO UM NA UBS E UM EM CASA PELA PACIENTE, PELA FALTA DE RECURSOS ESTA SENDO USADO COLAGENASE E NEOMICINA, TUDO RECEITADO PELO MEDICO, JA PASSOU COM O VASCULAR, E ESTA NO AGUARDO DA CAMARA IPERBARICA, NAO FEZ AINDA POR CAUSA DA BACTERIA, HOUVE MELHORA MAS NAO O ESPERADO, SERA Q ALGUEM TEM ALGUMA ALTERNATIVA?
----------

Em primeiro lugar é necessário realizar os cuidados básicos para o tratamento de qualquer lesão: a) Desbridamento de tecido necrótico b) Limpeza da lesão somente com jato de SF 0,9%, não deve ser usado nenhum tipo de antisséptico c) Manter cobertura que mantenha o meio úmido (leito da ferida) d) Manter as bordas intactas Os fatores: alimentação, controle da glicemia, etc é muito importante. Quanto a cobertura, existem vários tipos, depende das condições do paciente. Se precisar desbridar, pode usar Papaína 4% ou hidrogel amorfo. O AGE tem também boa indicação, pois tem ação bactericida e estimula o tecido de granulação.
Os produtos existentes são vários no mercado: Ácido Linoleico, AGE , atadura compressiva, entre outros. Em questão da identificação do tecido desvitalizado fica difícil explicar sem observar a lesão de perto. Mas todo tecido preto ou amarelo escuro, esverdeado, sem vida é necrótico. Se você tem dificuldade de identificar, use um método de desbridamento autolítico, ou seja, com AGE ou hidrogel amorfo ou papaína 4% que estimulam a limpeza da lesão seletivamente. O tecido sadio, é o tecido em granulação, vermelho e brilhoso.
Uma revista que pode estar ajudando é a revista da Suplencia Vascular que você pode abrir on line: www.suplenciavascular.com.br então abra as revistas, tem vários artigos escritos. Eu tenho muita experiência com Ácido Linoleico, Dersani e atadura compressiva, mas existe várias outras coisas no mercado. Em questão da identificação do tecido desvitalizado fica meio difícil explicar sem ver. Mas todo tecido preto ou amarelo escuro, esverdeado, sem
vida é necrótico. Se você tem dificuldade de identificar, use um método de desbridamento autolítico, ou seja, com AGE ou hidrogel amorfo ou papaína 4% que estimulam a limpeza da lesão seletivamente. O tecido sadio, é o tecido em granulação, vermelhinho e brilhoso.
Existem vários tipos de Epidermólise Bolhosa ( Simples, Juncional, Distrófica) De forma geral os cuidados com a criança com Epidermólise Bolhosa são: 1. Romper as bolhas, com agulha descartável bem fina, ou mesmo, uma tesourinha de ponta bem fina, limpa. Remover todo o tecido necrótico. Se houver infecção, deve-se utilizar compressas com soluções antissépticas, ou cremes a base de antibiotico ou corticóide, conforme a prescrição do dermatologista, ou pediatra. Evite compressão, roupas apertadas, calçados apertados e traumas. 2. Se não houver infecção secundária, aplique protetores cutâneos e emolientes à base de Acidos Graxos Essenciais, e depois utilize gase não aderente, ou películas de morim embebido em Àcidos Graxos Essenciais. Para fixação, existe faixas próprias , chamada COBAN, da 3M, que não aderim e não comprimem 3. A remoção das gases deve ser feita durante o banho, pois devem estar umedecidas. 4. Para evitar que haja colabamento dos dígitos, é muito importante mantê-los sempre bem separados, com o uso de Ácidos Graxos Essenciais (AGE), e separá-los com gase não aderente, ou mesmo, se não houver outro recurso, morim vaselinado. Existem ainda os separadores digitais, que você pode encontrar em lojas de artigos cirúrgicos.
A Papaína não lesa a pele saudável, porém sua ação bactericida + desbridante aumenta a exsudação, o que pode provocar maceração da pele se o curativo permanecer sujo muitas horas. Proteja a pele com um creme tipo Dermodex ou Hipoglós ou "solução barreira". A associação gel + solução é ótima. Mas você não precisa nem deve lavar a lesão com soro fisiológico após o uso da papaína.
O ideal é que lavemos a ferida somente com jato de SF 0,9%. A água e o sabão não estão recomendados. Agora, se você trabalha com uma população carente que não pode fazer o curativo no ambulatório tem que fazer em casa e não pode comprar SF 0,9% para limpar a lesão, então faça a opção pela água fervida, mas sem sabão. Tenho um artigo que você pode encontrar todas estas referencias bibliográficas é : www.suplenciavascular.com.br então abra em revistas e procure artigo " Novas Considerações no tratamento de feridas

espero ter te ajudado.


ok  (+ info)

  Fazer uma pergunta: