efeitos colaterais


  • Os efeitos colaterais comuns da metformina são poucos e de gravidade quase zero, pode surgir no inicio do tratamento : cólicas, diarreia, às vezes enjoo e vômitos, e geralmente restringem-se ao início do tratamento. (wikipedia.org)
  • Isso porque a Metformina possui diversos efeitos colaterais que vão desde um simples desconforto abdominal ou diarreia até mesmo casos mais sérios de refluxo gástrico ou pancreatite. (saudenacomida.com.br)
  • E mesmo entre os diabéticos tipo 2, que realmente precisam da Metformina , há relatos de efeitos colaterais intoleráveis, que os obrigam a mudar o tratamento. (saudenacomida.com.br)
  • Quando utilizados corretamente, os riscos e os efeitos colaterais da metformina são relativamente baixos. (centralmulher.com.br)
  • É importante estar na dose efetiva mais baixa para ajudar a reduzir ou prevenir efeitos colaterais com metformina. (centralmulher.com.br)

medicamento


  • A guanidina por si só é tóxica demais para ser usada como medicamento, mas o desenvolvimento de agentes derivados persistiu, e em 1957 foi publicada a primeira descrição científica da metformina. (wikipedia.org)
  • Estava lendo por ai na net sobre coisas da medicina e achei um tópico bem simples e legal sobre um medicamento bastante utilizado hoje em dia por pacientes diabéticos e algumas pessoas que buscam qualquer sacrifício para o emagrecimento e a manutenção de um corpinho enxuto : se trata da metformina . (blogspot.com)
  • A experiência com o uso da metformina mostra que este medicamento é muito eficaz em reduzir a glicemia plasmática e a hemoglobina glicada nos pacientes com Diabetes Mellitus tipo 2 (DM2). (interacaomedicamentosa.com)
  • A Metformina ou Cloridrato de Metformina é um medicamento indicado para controlar o Diabetes Tipo 2 . (saudenacomida.com.br)
  • A metformina é um medicamento comumente usado para administrar a diabetes tipo 2. (centralmulher.com.br)
  • A metformina é um medicamento tradicionalmente usado como agente hipoglicemiante para adultos e crianças maiores que 10 anos com DM2 ou com resistência à insulina. (interacaomedicamentosa.com)
  • A metformina é o medicamento de primeira linha para iniciar o tratamento da diabetes tipo 2, a menos que haja uma contra-indicação, como doença renal, doença hepática, intolerância gastrointestinal ou risco aumentado de acidose láctica. (wikipedia.org)

insulina


  • A principal indicação para a metformina é o diabetes mellitus tipo 2, principalmente em pessoas obesas e quando acompanhado de resistência à insulina. (wikipedia.org)
  • A metformina também está indicada e é eficaz no tratamento da síndrome do ovário policístico (SOP), na qual a resistência à insulina parece ser um fator fundamental. (wikipedia.org)
  • É justamente ai que a metformina age, ela atua nas células-alvo da insulina, músculos, tecido adiposo e facilta a sua ação que é a de colocar a glicose para dentro da célula e reduzir este açucar no sangue! (blogspot.com)
  • É que a metformina facilita a ação da insulina produzida pelo pâncreas. (blogspot.com)
  • Como a insulina aumenta a formação de gordura, esse efeito da metformina auxilia no emagrecimento. (blogspot.com)
  • Indivíduos com resistência à insulina e, portanto, com tendência a ficarem diabéticos, também podem se beneficiar da metformina, quer na prevenção do diabete, quer emagrecendo alguns quilos. (blogspot.com)
  • Já se noticiou que a metformina poderia contribuir para a perda de peso de pessoas não diabéticas e não resistentes à insulina. (blogspot.com)
  • Diferentemente dos secretagogos, a metformina não aumenta os níveis plasmáticos de insulina e não é hipoglicemiante, mesmo em doses consideráveis. (interacaomedicamentosa.com)
  • A metformina melhora as funções endoteliais, provoca discreta redução da pressão arterial (tanto sistólica quanto diastólica) e reduz o peso de indivíduos com diabetes ou resistência periférica à insulina, possivelmente em vritude de propriedades anorexígenas. (interacaomedicamentosa.com)
  • Nos tecidos periféricos, a metformina facilita o transporte de glicose por aumentar a atividade da tirosina-quinase nos receptores de insulina e a translocação de transportadores de glicose para a membrana celular. (interacaomedicamentosa.com)
  • Uma revisão publicada na Diabetologia e Síndrome Metabólica observa que a metformina ajuda a baixar os níveis de açúcar no sangue, fortalece o sistema endócrino, melhora a resistência à insulina e reduz a distribuição de gordura no organismo. (centralmulher.com.br)
  • Um estudo de seguimento de 2 anos descobriu que os bebês nascidos das mulheres tratadas com metformina tinham menos gordura em torno de seus órgãos, o que poderia torná-los menos propensos a resistência à insulina mais tarde na vida. (centralmulher.com.br)
  • A metformina é usada para baixar os níveis de insulina regulando o açúcar no sangue do corpo. (centralmulher.com.br)
  • De acordo com uma revisão publicada no Metabolismo: clínico e experimental , as mulheres com SOP ou com diabetes gestacional, que utilizam metformina, parecem ter taxas reduzidas de aborto precoce, parto prematuro e peso fetal insalubre, em comparação com aqueles que utilizam insulina. (centralmulher.com.br)
  • Os pesquisadores observaram que o corpo parece aceitar a metformina melhor que a insulina. (centralmulher.com.br)
  • Pesquisadores da Universidade McMaster, em Hamilton, Ontário descobriram como a metformina, um dos medicamentos mais comumente prescritos no mundo da diabetes, interage com a insulina, a fim de reduzir o açúcar no sangue de uma pessoa. (farmaceuticacuriosa.com)
  • Embora os médicos digam ser necessário que a metformina interaja com a insulina para ser eficaz, o novo estudo é o primeiro a explicar exatamente como este processo ocorre. (farmaceuticacuriosa.com)
  • Metformina Fenformina Buformina Ver artigo principal: Meglitinida As Meglitinidas tem eficácia clínica semelhante ao das sulfonilureias e também atuam sobre as células beta do pâncreas promovendo a secreção de insulina (ou seja, são secretagogos). (wikipedia.org)

cloridrato


  • O cloridrato de Metformina pode também ser usado em casos de gordura no figado (esteatose hepática) mas os estudos científicos ainda não mostraram benefício definitivo nesta condição. (wikipedia.org)
  • Onde mais o Cloridrato de Metformina é encontrado? (saudeparavida.com.br)

efeito


  • Muito se fala sobre um possível efeito redutor de peso da metformina mas isso não corresponde a realidade sendo considerada uma droga de efeito neutro no peso corporal. (wikipedia.org)
  • O National Institute for Health and Clinical Excellence, agência governamental do Reino Unido, recomenda que mulheres com síndrome do ovário policístico e índice de massa corpórea (IMC) acima de 25 recebam metformina quando outros tratamentos não surtirem efeito. (wikipedia.org)
  • Metformina, embora em menor proporção que a outra biguanida, pode provocar acidose láctica como efeito secundário, devido à gravidade deste quadro, recomenda-se que sejam rigorosamente seguidas as indicações para seu uso. (doctoralia.com.br)
  • A metformina demora cerca de 3 semanas para um melhor efeito. (doctoralia.com.br)
  • Abaixo , segue um trecho de uma reportagem com o Dr. Alfredo Halpern, médico endocrinologista do Hospital das Clínicas de São Paulo esclarecendo o real efeito da metformina no combate a obesidade. (blogspot.com)
  • O principal efeito anti-hiperglicemiante da metformina consiste na redução da gliconeogênese hepática. (interacaomedicamentosa.com)
  • A metformina parece ter um efeito positivo na fertilidade. (centralmulher.com.br)
  • A Metformina Emagrece, porém esse é um efeito colateral, seu uso não deve ser indicado apenas para quem deseja perder peso , visite o seu médico ou nutricionista para que ele possa lhe ajudar a melhor forma possível preservando a sua saúde. (saudeparavida.com.br)

obesidade


  • Steinberg e seus colegas de Alberta, Austrália e Escócia escreveu que a maioria das pessoas que tomam a metformina possuem um fígado "gordo" - uma condição muitas vezes ligada à obesidade. (farmaceuticacuriosa.com)

gordura


  • Também não é verdade que a metformina promoveria uma perda de gordura corporal. (wikipedia.org)

reduz


  • A metformina reduz a ocorrência de todas as complicações do diabetes, inclusive as complicações cardiovasculares, e parece ter a melhor relação risco-benefício dentre todos os antidiabéticos, mesmo os de desenvolvimento mais recente (carece de referência). (wikipedia.org)
  • Exageros a parte (mesmo porque o risco de acidose lática ainda não foi descartado e a excreção é renal), desde 2002 sabe-se que a prevenção com metformina reduz a incidência de diabetes em pessoas de alto risco, embora seja menos eficaz que a intervenção direcionada ao estilo de vida. (blogspot.com)
  • O fundamental é que a metformina reduz a glicemia, trabalhando diretamente na glicose. (farmaceuticacuriosa.com)
  • Ao contrário da maioria dos estudos utilizando modelos genéticos do rato, que não excluíram uma proteína inteira, nós só fizemos uma mutação genética bem menor, equivalente ao que pode ser visto nos seres humanos, destacando, assim, de forma muito mais precisa, como a metformina reduz o açúcar no sangue nos casos da diabetes tipo 2″, explicou o autor Morgan Fullerton. (farmaceuticacuriosa.com)

emagrece


biguanidas


  • Metformina é um antidiabético oral do grupo das biguanidas que exerce sua ação através de diferentes mecanismos. (interacaomedicamentosa.com)

reduzir o risco


  • Por todas as ações descritas, a metformina apresenta potencial para reduzir o risco cardiovascular no DM2, devendo ser mais bem avaliada no contexto da síndrome metabólica. (interacaomedicamentosa.com)
  • A metformina pode reduzir o risco de diabetes tipo 2 ou ajudar a administrar os sintomas para as mulheres que já possuem a condição. (centralmulher.com.br)

podem


  • Fármacos que agem como inibidores da ECA, tomando como exemplo o captopril, podem ocasionar redução da glicemia nos pacientes diabéticos tratados com metformina. (interacaomedicamentosa.com)
  • As mulheres com diabetes tipo 2 que já tomam metformina podem estar preocupadas com seus efeitos durante a gravidez. (centralmulher.com.br)
  • Isso pode significar que as crianças que estão expostas à metformina em uma idade jovem podem obter benefícios a longo prazo. (centralmulher.com.br)
  • Podem ser combinados a metformina. (wikipedia.org)

tratamento com


  • A acidose láctica, às vezes fatal, foi associada ao tratamento com a Metformina, porém, quase todos os casos relatados envolviam pacientes com contra-indicação ao tratamento ou com ingestão de doses excessivamente altas. (doctoralia.com.br)
  • Os pesquisadores estudaram mais de 3000 pacientes com alto risco de diabetes tipo 2 que haviam sido escolhidos aleatoriamente para receberem tratamento com metformina, uma intervenção de estilo de vida, ou placebo. (blogspot.com)

diabetes mellitus


  • Já foi aventado o uso de metformina até mesmo para a prevenção do desenvolvimento de Diabetes Mellitus do tipo 2 em pessoas com qualquer história familiar. (blogspot.com)
  • Parece que ao se pesar danos e benefícios, somente nos pacientes de maior risco se beneficiariam do uso de metformina preventiva da Diabetes Mellitus. (blogspot.com)

comuns


  • As reações adversas mais comuns com o uso da Metformina são as perturbações do trato gastrintestinal como náusea, vômito, diarréia e desconforto abdominal, além de mal-estar e hiperventilação. (doctoralia.com.br)

ajuda


  • A metformina é uma droga que ajuda a baixar o açúcar no sangue. (centralmulher.com.br)
  • Como a metformina ajuda a aliviar os sintomas da PCOS, muitas mulheres acham mais fácil de conceber quando se encontra na droga. (centralmulher.com.br)

droga


  • E se você busca por constantes novidades em dietas e regimes e ouviu falar sobre a Metformina, saiba que esta droga não deve ser usada como comprimido emagrecedor. (saudenacomida.com.br)
  • Antes de tomar qualquer droga, incluindo a metformina, uma mulher grávida tem que estar absolutamente certa de que as drogas não afetarão o bebê dela. (centralmulher.com.br)

pacientes


  • Os benefícios de Metformina para a prevenção do diabetes parecem ser limitados aos pacientes de maior risco, de acordo com uma análise dos dados do estudo do Programa de Prevenção de Diabetes, publicado no British Medical Journal (BMJ). (blogspot.com)

sangue


  • No entanto, quando eles deram a metformina para ratos mutantes obesos, eles descobriram que não foi possível baixar os seus níveis de açúcar no sangue. (farmaceuticacuriosa.com)
  • Esta descoberta oferece uma enorme vantagem na busca de terapias combinadas (e abordagens mais personalizadas) para aqueles diabéticos os quais a metformina não se mostra eficaz o suficiente para restaurar o nível de açúcar no sangue para os níveis normais", acrescentou Steinberg. (farmaceuticacuriosa.com)

glicemia


  • Essa efetividade clínica pode ser comprovada por resultados de estudos, os quais mostram que a monoterapia com metformina em indivíduos obesos com DM2 por 29 semanas diminui tanto a porcentagem média da hemoglobina glicada quanto também a glicemia de jejum, quando comparados ao grupo controle. (interacaomedicamentosa.com)

medicamentos


  • A metformina e a glibenclamida (uma sulfoniluréia) são os únicos antidiabéticos orais constantes da Lista Modelo de Medicamentos Essenciais da Organização Mundial de Saúde. (wikipedia.org)

agir


  • A metformina parece agir de três maneiras distintas: Ela diminuiria a absorção dos carboidratos a nível intestinal. (wikipedia.org)
  • Quanto tempo demora para a metformina agir no organismo? (doctoralia.com.br)

parece


  • A serina-treonina quinase (LKB1), uma enzima que tem sua atividade aumentada pela metformina, também é requerida na ativação da AMPK e sua atividade parece ser modulada por RNS. (interacaomedicamentosa.com)

comprar


  • Pois eu acabei de comprar 60 capsulas de metformina por 1,80 na farmacia popular do brasil. (blogspot.com)

muitas


  • Tenho diabetes tipo 2 e tomo 1 como.de metformina 850 por dia,porém estou urinando muitas vezes ao dia.O que devo fazer? (doctoralia.com.br)

aumento


  • A metformina é um dos poucos antidiabéticos que não provocam hipoglicemia (motivo pelo qual é às vezes classificada como normoglicemiante e não hipoglicemiante) e não provoca aumento de peso. (wikipedia.org)
  • A metformina não causa aumento de peso, e pode mesmo provocar discreto emagrecimento. (wikipedia.org)

beneficiar


  • Determinar se alguns participantes do Programa de Prevenção de Diabetes eram mais ou menos susceptíveis de beneficiar de metformina ou de um programa de modificação do estilo de vida estruturado. (blogspot.com)

Riscos


  • Os riscos de complicações graves, como a acidose lática, quando o ácido lático se acumulam nos tecidos também são possíveis com metformina. (centralmulher.com.br)

Tudo


  • Aliás, a metformina já foi tão bem elogiada ao ponto de termos endocrinologistas brincando com o fato, dizendo que Metformina deveria fazer parte do café da manhã, ou que tudo que termina com "ina" em Diabetes é bom. (blogspot.com)

usada


  • A metformina é comumente usada para tratar SOP, ou síndrome do ovário policístico. (centralmulher.com.br)

muitos


  • A Metformina dificulta a absorção de muitos fármacos, incluindo a vitamina B12. (doctoralia.com.br)
  • Em nível molecular, a metformina gera muitos dos seus efeitos a partir da ativação (exceto no hipotálamo) da proteína quinase ativada por adenosina monofosfato (AMPK). (interacaomedicamentosa.com)

Medicina


  • Medicina de Familia: P4: Metformina para prevenção de Diabetes? (blogspot.com)

utilizados


  • Álcool, barbitúricos, salicilatos e fenotiazinas potencializam o risco de acidose láctica quando utilizados concomitantemente com a Metformina. (doctoralia.com.br)

embora


  • O quadro acima - uma tradução e explicação do mesmo quadro do artigo - demonstra claramente que, embora no global de pessoas sob risco de DM2 a metformina funcione como fator de prevenção, ao se estratificar em quartis, somente as pessoas no quartil mais elevado, ou seja, aquelas em maior risco, se beneficiam claramente do uso de metformina, não cruzando a linha entre a redução do risco e a inoquidade. (blogspot.com)

poucos


  • No entanto, os resultados dos poucos estudos que foram realizados até agora sobre os efeitos da toma de metformina durante a gravidez foram positivos. (centralmulher.com.br)

desenvolvimento


  • Eles também observaram que a metformina não causou atrasos no desenvolvimento, mortes fetais no útero ou teve efeitos perturbadores no embrião ou no feto durante a gravidez. (centralmulher.com.br)

necessidade


  • Em decorrência desta interação, é possível que exista a necessidade de ajuste na dose da metformina a fim de se evitarem descompensações. (interacaomedicamentosa.com)