• sinusite
  • As complicações supurativas da faringite estreptocócica resultam da disseminação da infecção da mucosa faríngea para tecidos mais profundos por extensão direta ou por vias hematogênica ou linfática, podendo consistir em linfadenite cervical, abscesso periamigdaliano ou retrofaríngeo, sinusite, otite média, meningite, bacteremia, endocardite, pneumonia. (wikipedia.org)
  • Segundo Francini Pádua, diretora da Associação Brasileira de Otorrinolaringologia, 30% das pessoas sofrem de rinite alérgica nesse período, no qual sinusite, laringite e faringite também dão as caras. (vivianefreitas.com)
  • A constipação afecta predominantemente a cavidade nasal (rinite), a garganta (faringite) e, tardiamente mas nem sempre, os seios paranasais (sinusite). (wikipedia.org)
  • aguda
  • Pode ser classificada em Faringite aguda que pode ser catarral, purulenta ou ulcerosa dependendo da virulência do microrganismo infetante e das defesas imunitárias do indivíduo. (wikipedia.org)
  • vias
  • Morar, trabalhar ou estudar em ambientes fechados, por exemplo, em que há grandes aglomerações de pessoas, pode facilitar a entrada de vírus e bactérias causadores da faringite pelas vias aéreas. (minhavida.com.br)
  • dias
  • Na evolução habitual da faringite estreptocócica não-complicada, os sintomas sofrem resolução depois de 3 a 5 dias. (wikipedia.org)
  • Após 1-2 dias do aparecimento da faringite surgem eritemas (vermelhidão) no peito que se espalha mas não afecta a boca e as palmas das mãos. (wikipedia.org)
  • habitual
  • Também pode ser classificada consoante a localização predominante Naso-faringite, o resfriado habitual Amigdalo-faringite ou tonsilo-faringite que é a mais frequente e na qual as amígdalas ou tonsilas palatinas também são afetadas. (wikipedia.org)