Intestinal

  • Como é um tumor de origem germinativa, o adenocarcinoma mucinoso originou-se no componente intestinal do teratoma, explicando o perfil imunoistoquímico encontrado. (unicamp.br)
  • septo da parede do cisto revestido por epit lio mucinoso simples ou complexo (Fig. 1), com c lulas de citoplasma mucinoso amplo, do tipo intestinal, sem atipia (Fig.2) ou com atipia celular marcada e estratifica o nuclear (Fig. 3,4,5). (unicamp.br)
  • Diagn stico: Tumor ovariano mucinoso "Borderline" do tipo intestinal com gradiente de aspectos morfol gicos: adenoma, borderline usual e borderline com carcinoma intraepitelial. (unicamp.br)
  • na parede dos cistos notam-se áreas de revestimento epitelial com gradiente de aspectos morfológicos: adenoma mucinoso e tumor "borderline" (Fig. 1), tumor "borderline" mucinoso do tipo intestinal (Fig. 2), carcinoma intraepitelial com acentuada atipia celular (Fig. 3), foco de micro-invasão (Fig. 4) e padrão expansivo de invasão (Fig. 5). (unicamp.br)
  • Adenocarcinoma mucinoso moderadamente diferenciado do ovário direito associado a tumor mucinoso "borderline" do tipo intestinal, com áreas de carcinoma intraepitelial, focos de microinvasão e padrão expansivo de invasão. (unicamp.br)
  • O gradiente de aspectos morfológicos observados neste caso, com áreas de tumor mucinoso "borderline" do tipo intestinal, áreas de carcinoma intraepitelial e focos de micro-invasão também são mais frequentes nos primários do ovário, porém podem ser também observados nos carcinomas mucinosos metastáticos para o ovário. (unicamp.br)

material mucinoso

  • À laparoscopia, foi encontrada lesão mucinosa do apêndice cecal rota, com presença de material mucinoso na cavidade peritoneal (Fig. 1). (unicamp.br)
  • apêndice cecal roto apresentando substituição da mucosa normal por proliferação epitelial com leve atipia celular e abundante material mucinoso extra-celular, que infiltra as camadas do apêndice e atinge a serosa (Figuras 2 e 4. (unicamp.br)
  • De permeio ao material mucinoso na cavidade peritoneal são observados pequenos fragmentos de epitélio mucinoso, sem atipia ou com leve atipia celular (Figuras 3 e 5). (unicamp.br)
  • superfície de corte com cistos multiloculados, preenchidos por material mucinoso, e área sólida papilífera na luz, com 8x7 cm. (unicamp.br)

citoplasma mucinoso

  • Notam-se áreas de adenocarcinoma endometrióide bem diferenciado e papilífero, padrão viloglandular (Figuras 1 e 2), associada a áreas com papilas complexas (Figura 3), com eixo hialinizado (Figura 4) e revestidas por células com núcleos mais atípicos, salientes ("hobnail"- Figura 5) e outras com citoplasma mucinoso, finamente vacuolado, com mucina na luz glandular (Figura 6). (unicamp.br)

tumor

  • Caso 40: 57 anos, tumor de ovário, com 8 cm de diâmetro, superfície externa lisa e superfície de corte multiloculada, apresentando lojas císticas com conteúdo mucinoso e pelos. (unicamp.br)
  • A presen a do carcinoma intraepitelial indica maior amostragem do tumor para descartar a possibilidade de transi o para adenocarcinoma mucinoso. (unicamp.br)
  • Frente a um adenocarcinoma mucinoso no ovário, o principal diferencial é entre tumor ovarino primário e metástase de carcinoma mucinoso para o ovário. (unicamp.br)

grau

  • PET scan pode ser usado para avaliar adenocarcinoma mucinoso de alto grau, mas este teste não é confiável para a detecção de tumores de baixo grau, porque não se tingem bem com o corante usado nas varreduras. (wikipedia.org)
  • Neoplasia mucinosa de baixo grau do apêndice cecal rota ou adenocarcinoma mucinoso de baixo grau, associada ao pseudomixoma do peritôneo. (unicamp.br)

neste caso

  • o extenso componente de adenocarcinoma mucinoso neste caso mostrou-se positivo para CK20 e negativo para CK7 pela imunoistoquímica. (unicamp.br)

abundante

  • Pseudomixoma peritoneal (PMP) é um raro tipo de câncer originado nas glândulas produtoras de muco no peritoneo (adenocarcinoma mucinoso) que produz abundante mucina (muco) e ascite coloidal (inchaço abdominal gelatinoso). (wikipedia.org)

diferenciado

  • Diagnóstico: Adenocarcinoma do endométrio de tipo histológico misto: endometrióide bem diferenciado com padrão viloglandular, adenocarcinoma de células claras papilífero e adenocarcinoma mucinoso. (unicamp.br)

Carcinoma

  • O câncer de pulmão de células não pequenas corresponde a um grupo heterogêneo composto de três tipos histológicos distintos: carcinoma epidermóide, adenocarcinoma e carcinoma de células grandes, ocorrendo em cerca de 75% dos pacientes diagnosticados com câncer de pulmão. (lookformedical.com)