Fursultiamina: Composto utilizado como terapêutico na deficiência de tiamina. Também tem sido sugerido para vários transtornos sem deficiência, mas ainda não se provou ser útil.Osteoartrite: Doença articular degenerativa e progressiva que é a forma mais comum de artrite, especialmente em pessoas idosas. Acredita-se que a doença não resulta do processo de envelhecimento, mas de mudanças bioquímicas e estresses biomecânicos que afetam a cartilagem articular. Na literatura estrangeira, é frequentemente chamada de osteoartrose deformante.Osteoartrite do Joelho: Doença degenerativa não inflamatória da articulação do joelho que consiste de três grandes categorias: afecções que bloqueiam o movimento sincrônico normal, afecções que produzem vias anormais de movimento e afecções que causam concentração do estresse resultando em mudanças na cartilagem articular.Articulação do Joelho: Conexão articular sinovial formada entre os ossos do FÊMUR, TÍBIA e PATELA.Osteoartrite do Quadril: A doença degenerativa não inflamatória da articulação do quadril que normalmente aparece em pessoas de meia idade ou em idosos. Ela é caracterizada por distúrbios do crescimento ou da maturação na cabeça e colo do fêmur, assim como displasia do acetábulo. Um sintoma dominante é a dor pela sobrecarga de peso ou movimentação.Joelho: Região na extremidade inferior que envolve imediatamente e inclui a ARTICULAÇÃO DO JOELHO.Artroplastia do Joelho: Substituição da articulação do joelho.Traumatismos do Joelho: Traumatismos do joelho ou junção do joelho.Prótese do Joelho: Substituição de uma articulação do joelho.Cartilagem Articular: Camada protectora de cartilagem firme e flexível por cima das extremidades das articulações dos ossos. Provê uma superfície lisa que permite o movimento articular e protege as extremidades dos ossos longos contra o desgaste nos pontos de contato.Meniscos Tibiais: Fibrocartilagens interarticulares da superfície superior da tíbia.Artralgia: Dor na articulação.Osteoartrite da Coluna Vertebral: Doença articular degenerativa envolvendo a COLUNA VERTEBRAL. É caracterizada por deterioração progressiva da CARTILAGEM ARTICULAR espinhal, geralmente com espessamento do osso subcondral e crescimento de esporão ósseo (OSTEÓFITO).Amplitude de Movimento Articular: A distância e direção para qual uma articulação óssea pode ser estendida. A amplitude de movimento é uma função da condição das articulações, músculos e tecidos conjuntivos envolvidos. A flexibilidade da articulação pode ser melhorada através de EXERCÍCIOS DE ALONGAMENTO MUSCULAR apropriados.