Equipe de Assistência ao Paciente: Cuidados prestados a pacientes por uma equipe multidisciplinar comumente organizada sob a direção de um médico; cada membro da equipe tem responsabilidades específicas e toda a equipe contribui para a assistência ao paciente.Equipe de Enfermagem: Coordenação dos serviços de enfermagem prestados pelos diferentes profissionais de enfermagem sob a supervisão de uma enfermeira profissional. A equipe consiste de enfermeira universitária, técnico, auxiliar e atendente de enfermagem.Equipe de Respostas Rápidas de Hospitais: Equipe multidisciplinar mais frequentemente composta por pessoal treinado em UNIDADE DE TERAPIA INTENSIVA disponível 24 horas por dia, 7 dias por semana para avaliação de pacientes que desenvolvem sinais ou sintomas de decadência clínica grave.Equipes de Administração Institucional: Grupos administrativos selecionados, responsáveis pela elaboração de decisões que viabilizem a direção integrada das diferentes funções institucionais.Comunicação Interdisciplinar: Comunicação, no sentido de uma riqueza de ideias, envolvendo duas ou mais disciplinas acadêmicas (como as disciplinas que compreendem o campo interdisciplinar da bioética, incluindo a saúde e ciências biológica, humana, social e a lei). Também inclui os problemas na comunicação iniciando-se nas diferenças nos padrões de linguagem utilizados em diferentes disciplinas acadêmica ou médica.Relações Interprofissionais: A interação recíproca entre dois ou mais profissionais.Comportamento Cooperativo: A interação de duas ou mais pessoas ou organizações, que é direcionada para um objetivo comum, mutuamente benéfico. Uma situação de trabalho ou de atuação em conjunto com um propósito ou benefício comum, i. é, uma ação conjunta.Liderança: A função de dirigir ou de controlar as ações e atitudes de um indivíduo ou grupo, com a aquiescência praticamente voluntária dos seguidores.Participação nas Decisões: Participação dos empregados e administradores como uma equipe, naquelas decisões relacionadas com as atividades operacionais de uma empresa.Salas Cirúrgicas: Instalações equipadas para executar procedimentos cirúrgicos.Modelos Organizacionais: Representações e construções teóricas que descrevem ou explicam a estrutura e a hierarquia das relações e das interações, dentro ou entre as entidades organizacionais formais ou grupos sociais informais.Capacitação em Serviço: Sobre os programas de capacitação no trabalho para o pessoal realizar dentro de uma instituição ou agência. Inclui programas de orientação.Serviços Comunitários de Saúde Mental: Serviços de saúde mental para diagnóstico, tratamento e prevenção, prestados a indivíduos da comunidade.Atitude do Pessoal de Saúde: Atitudes do pessoal de saúde em relação a seus pacientes, a outros profissionais, em relação ao sistema de atendimento médico, etc.Atenção Primária à Saúde: É a assistência sanitária essencial baseada em métodos e tecnologias práticas, cientificamente fundados e socialmente aceitáveis, postos ao alcance de todos os indivíduos e famílias da comunidade mediante a sua plena participação e a um custo que a comunidade e o país possam suportar, em todas e cada etapa do seu desenvolvimento, com um espírito de autorresponsabilidade e autodeterminação. (Declaração de Alma-Ata - Organização Pan-Americana da Saúde, 2003)Avaliação de Programas e Projetos de Saúde: Processo cuja finalidade é a determinação sistemática e objetiva da relevância, efetividade e impacto de políticas públicas, programas e projetos de saúde. O objetivo da avaliação é o de aperfeiçoar os programas e projetos, no sentido de orientar a distribuição de recursos humanos e financeiros. (tradução livre do original: OPAS/OMS-Evaluación de los programas de Salud; normas fundamentales. 1981, para Avaliação de Programas e Projetos de Saúde) Estudos projetados para avaliar a eficácia de programas. Incluem a avaliação de custo-eficácia e do alcance ou impacto dos objetivos cumpridos. (tradução livre do original: MeSH, para Program Evaluation)Cultura Organizacional: Crenças e valores partilhados por todos os membros de uma organização. Esses valores partilhados, que estão sujeitos à mudança, se refletem nas operações do dia a dia da organização.Melhoria de Qualidade: Alcance ou processo de alcançar um novo nível de desempenho ou qualidade.Garantia da Qualidade dos Cuidados de Saúde: Atividades e programas encarregados de assegurar a qualidade dos cuidados em um ato ou um programa médico definido.Futebol: Jogo no qual uma bola inflável arredondada é avançada por chutes ou é propelida com qualquer parte do corpo, exceto mãos ou braços. O objetivo do jogo é colocar a bola no gol oposto.Intervenção na Crise: Abordagem terapêutica breve que procura proporcionar melhora (ao invés de cura) das emergências psiquiátricas agudas. Usada em contextos, como dos pronto-socorros de hospitais psiquiátrico ou geral, na casa ou local de ocorrência da crise, esta abordagem focaliza os fatores interpessoais e intrapsíquicos e a modificação ambiental. (Tradução livre do original: APA Thesaurus of Psychological Index Terms, 7th ed)Futebol Americano: Esporte de competição por equipes jogado em um campo retangular. Esta é a versão americana ou canadense do jogo e também inclui a forma conhecida como rugby. Não inclui o futebol não americano (FUTEBOL).Desenvolvimento de Programas: Processo de formulação, implementação e avaliação de planos e programas nos âmbitos federal, estadual e/ou municipal.Competência Clínica: A capacidade de realizar aceitavelmente aqueles deveres diretamente relacionados ao cuidado de paciente.Videoconferência: Comunicações via uma conferência interativa entre dois ou mais participantes de locais diferentes, usando redes de computadores (REDES DE COMUNICAÇÃO DE COMPUTADORES) ou outra telecomunicação ligada para transmitir audio, vídeo e dados.Questionários: Conjunto de perguntas previamente preparadas utilizado para a compilação de dados.Pesquisa Qualitativa: Qualquer tipo de pesquisa que empregue informação não numérica para explorar características individuais ou de grupo, que produz achados não acessíveis por procedimentos estatísticos ou outro meio quantitativo. (Tradução livre do original: Qualitative Inquiry: A Dictionary of Terms Thousand Oaks, CA: Sage Publications, 1997)Inovação Organizacional: Introdução de mudanças criadas pela gerência que são novas para a organização.Papel Profissional: Função esperada de um membro de uma profissão em particular.Qualidade da Assistência à Saúde: Níveis de excelência que caracterizam os serviços ou cuidados de saúde prestados baseados em normas de qualidade.Comunicação: A troca ou transmissão de ideias, atitudes ou crenças entre indivíduos ou grupos.Assistência Centrada no Paciente: Plano de assistência ao paciente em que os recursos e o pessoal institucional estão organizados em torno dos pacientes em vez de em torno de departamentos especializados.Relações Médico-Enfermeiro: A interação recíproca entre médicos e enfermeiros.Traumatismos em Atletas: Traumatismos que ocorrem durante a participação em esportes competitivos ou não competitivos.Relações Profissional-Família: As interações entre o profissional e a família.Missões Médicas Oficiais: Viagem de um grupo de médicos com a finalidade de fazer um estudo especial ou incumbir-se de um projeto especial de curta duração.Avaliação de Processos e Resultados (Cuidados de Saúde): Procedimentos de avaliação que focam tanto o resultado ou estado (AVALIAÇÃO DE RESULTADO (CUIDADOS DE SAÚDE)) do paciente no final de uma etapa de tratamento - presença de sintomas, nível de atividade e mortalidade, quanto o processo (AVALIAÇÃO DO PROCESSO (CUIDADOS DE SAÚDE)) - o que é feito para o paciente do ponto de vista diagnóstico e terapêutico.Traumatologia: Especialidade médica que se ocupa dos FERIMENTOS E LESÕES, assim como das incapacidades e transtornos resultantes de traumas físicos.InglaterraEstudos de Casos Organizacionais: Descrições e avaliações de organizações específicas de cuidados de saúde.Esportes: Atividades ou jogos, geralmente envolvendo esforço ou habilidade física. Razões para aderir aos esportes incluem prazer, competição, e/ou retorno financeiro.Reino UnidoGestão da Qualidade Total: Aplicação da prática de administração de empresas para, sistematicamente, manter e aperfeiçoar o desempenho da organização no seu todo. A efetividade e o sucesso são determinados e avaliados por medidas quantitativas da qualidade.Erros Médicos: Erros ou enganos cometidos por profissionais da saúde que resultam em mal ao paciente. Eles incluem erros no diagnóstico (ERROS DE DIAGNÓSTICO), erros na administração de drogas e outros medicamentos (ERROS DE MEDICAÇÃO), erros na execução de procedimentos cirúrgicos, no uso de outros tipos de terapia, no uso de equipamentos e na interpretação de achados laboratoriais. Erros médicos são diferenciados de MALPRACTICE em que os primeiros são considerados erros honestos ou acidentes enquanto o último é o resultado da negligência, ignorância repreensível ou intento criminal.Simulação de Paciente: Uso de pessoas treinadas para aparentar sintomas ou estados de doenças reais de modo semelhante aos que ocorrem na vida real, a fim de ensinar ou avaliar a equipe médica.Estados UnidosCorpo Clínico Hospitalar: Médicos profissionais aprovados para prestar assistência médica em um hospital.Desempenho Atlético: Execução de rotinas ou procedimentos físicos específicos por uma pessoa treinada ou qualificada em atividade física. A execução é influenciada pela combinação de fatores fisiológicos, psicológicos e sócio-culturais.Gestão da Segurança: O desenvolvimento de sistemas de prevenção de acidentes, lesões ou outras ocorrências adversas no ambiente institucional. O conceito inclui prevenção ou redução de eventos adversos ou incidentes envolvendo empregados, pacientes ou instalações. Por exemplo, planos para redução de lesões por quedas ou planos para prevenção de incêndio favorecendo ambiente institucional seguro.Continuidade da Assistência ao Paciente: Assistência à saúde oferecida continuamente desde o contato inicial, seguindo o paciente durante todas as fases do atendimento.Entrevistas como Assunto: Conversações com indivíduos ou com grupo de pessoas a fim de obter informações acerca da formação pessoal e outros dados biográficos, suas atitudes e opiniões, etc. Inclui entrevistas de admissão em escolas ou em empregos.Referência e Consulta: Prática de enviar um paciente para outro programa ou médico para provisão de serviços ou aconselhamento, os quais a fonte da referência não está preparada para fornecer.Pesquisa sobre Serviços de Saúde: Pesquisa sobre a organização, administração, necessidades e funcionamento de serviços de saúde. Exclui pesquisa biomédica.Visitas com Preceptor: Discussões sistemáticas e ensino relativo à ASSISTÊNCIA AO PACIENTE.Educação Continuada em Enfermagem: Programas educacionais destinados a informar as enfermeiras sobre recentes avanços em seus campos.Aviação: Projeto, desenvolvimento, fabricação e operação de AERONAVES mais pesadas que o ar.Pesquisadores: Indivíduos que se ocupam da pesquisa. (DeCS) Profissionais que trabalham na concepção ou criação de novos conhecimentos, produtos, processos, métodos ou sistemas e na gestão de ditos projetos, envolvendo tanto as atividades científicas como as tecnológicas (RICYT).Cuidados Paliativos na Terminalidade da Vida: Cuidados especializados de apoio à saúde fornecidos a uma pessoa moribunda. Uma conduta holística é frequentemente tomada, fornecendo aos pacientes e seus familiares um aconselhamento legal, financeiro, emocional ou espiritual, além de uma reunião com os familiares para as necessidades físicas imediatas do paciente. Os cuidados podem ser oferecidos em casa, hospital, instituições especializadas (HOSPITAIS PARA DOENTES TERMINAIS) ou em áreas específicas de instituições de longa permanência. O conceito também inclui cuidados de conforto para a família. (Tradução livre do original: Dictionary of Health Services Management, 2d ed)Eficiência Organizacional: A capacidade de uma organização, instituição ou negócio de produzir resultados desejados com um mínimo de gasto de energia, tempo, dinheiro, pessoal, material, etc.Educação em Enfermagem: Uso de artigos em geral que dizem respeito a educação em enfermagem.Medicina de Família e Comunidade: Especialidade médica voltada para a provisão contínua e integrada de cuidados primários de saúde para toda a família.Competência Profissional: A capacidade para executar os deveres de uma profissão em geral ou de executar uma tarefa profissional especial com habilidade de qualidade aceitável.Socorro em Desastres: Assistência, tal como dinheiro, comida ou abrigo, dado aos necessitados, idosos, ou vítimas de desastres. É geralmente concedida a título temporário. (Tradução livre do original: The American Heritage Dictionary, 2d college ed) Usar para documentos que tratem da organização e provisão de socorro (albergues, alimentos, assistência médica, serviços de saúde pública e serviço social) em situações de desastres (DeCS/BIREME) Ato ou efeito de socorrer. Atendimento a pessoa acidentada ou atingida por mal súbito. Ajuda ou assistência vinda do exterior para comunidades que se encontram sob o efeito de um grande desastre. Equipe de bombeiros ou de pessoas capacitadas, designadas para atender a uma ocorrência (sinistro). Pedido de auxílio (Material III- Ministério da Ação Social, 1992). Assistência e/ou intervenção durante ou após um desastre, para garantir a preservação da vida e das necessidades básicas de subsistência. Pode ser de emergência ou de duração prolongada.Enfermeiras Clínicas: Enfermeiras graduadas com mestrado em enfermagem de clínica médica e que trabalham independentemente na coordenação do planejamento dos cuidados a serem prestados a pacientes.Enfermeiras e Enfermeiros: Profissionais graduados em uma escola acreditada de enfermagem e que passaram pelo exame de licenciamento nacional para praticar enfermagem. Eles prestam serviços a pacientes que requerem assistência para recuperar ou manter sua saúde física ou mental.Serviços Médicos de Emergência: Serviços especialmente preparados (recursos humanos e equipamento) para prestar cuidados de emergência a pacientes.Procedimentos Clínicos: Programas de procedimentos médicos e de enfermagem, incluindo testes diagnósticos, medicações e consultas designadas a efetuar um programa eficiente, coordenado de tratamento. (Tradução livre do original: Mosby's Medical, Nursing & Allied Health Dictionary, 4th ed)Medicina de Emergência: Ramo da medicina envolvido com a avaliação e tratamento inicial de problemas médicos de urgência e emergência, como os causados por acidentes, traumas, doenças súbitas, envenenamentos ou desastres. A assistência médica de emergência pode ser fornecida em hospital ou em locais fora de instalações médicas.Prestação Integrada de Cuidados de Saúde: Sistema de cuidados de saúde que combina médicos, hospitais e outros serviços médicos com um plano de saúde para fornecer o espectro completo dos cuidados médicos para seus clientes. Em um sistema integrado completo, os três elementos chave - médicos, hospital e membros do plano de saúde - estão em equilíbrio em termos de combinação de recursos médicos com as necessidades dos compradores e pacientes.Unidades Móveis de Saúde: Instalações móveis ou transportáveis nas quais serviços terapêuticos ou de diagnóstico são prestados à comunidade.Projetos Piloto: Pequenas escalas-testes de métodos e procedimentos a serem utilizados em uma escala aumentada se o estudo piloto demonstrar que esses métodos e procedimentos podem ser trabalhados.Grupos Focais: Método de coleta de dados e uma ferramenta da PESQUISA QUALITATIVA na qual um pequeno grupo de indivíduos é conduzido junto e permitido interagir em uma discussão de suas opiniões sobre tópicos, conclusões ou questões.Cuidados Críticos: Tratamento de saúde prestado a pacientes em estado crítico.Ontário: Província do Canadá situada entre as províncias de Manitoba e Quebeque. Sua capital é Toronto. Leva seu nome do Lago Ontário que dizem representar o iroquês 'oniatariio', lago bonito.Serviço Hospitalar de Emergência: Serviços hospitalares especificamente designados, equipados e dotados de pessoal para atendimento de emergência.Planejamento de Assistência ao Paciente: Geralmente um programa definido de cuidados médicos e de enfermagem destinado a um paciente em particular.Auditoria Médica: Revisão e avaliação detalhada de registros clínicos selecionados por profissionais qualificados para avaliação da qualidade da atenção médica.LondresAssistência à Saúde: Refere-se a todos os aspectos da provisão e distribuição de serviços de saúde a uma população.Cuidados Paliativos: Tratamento para aliviar sintomas sem curar a doença. (Stedman, 25a ed)Hospitais de Ensino: Hospitais engajados em programas educativos e de pesquisa, bem como na prestação de assistência médica a pacientes.Pessoal Técnico de Saúde: Pessoas que recebem treinamento formal ou em serviço para assistir profissionais de saúde altamente especializados como auxiliares de farmácia, auxiliares médicos, etc.Pessoal de Saúde: Indivíduos que trabalham na provisão de serviços de saúde, quer como médicos individuais ou empregados de instituições e programas de saúde, profissionais de saúde treinados ou não, sujeitos ou não a regulamento público.Avaliação de Resultados (Cuidados de Saúde): Pesquisa voltada ao monitoramento da qualidade e efetividade da assistência à saúde medida em termos da obtenção de resultados pré-estabelecidos. Inclui parâmetros como melhoria do estado de saúde, diminuição de morbidade e mortalidade e melhoria de estados anormais (ex: pressão sanguínea elevada).Serviços de Assistência Domiciliar: Serviços de saúde comunitária e SERVIÇOS DE ENFERMAGEM que provêm serviços múltiplos e coordenados aos pacientes em seus domicílios. Estes serviços de assistência domiciliar oferecem a visita de enfermeiros, unidades de saúde, HOSPITAIS ou grupos comunitários organizados que utilizam equipe profissional especializada na área da saúde. Difere da ENFERMAGEM DOMICILIAR que é composta por não profissionais.Serviços de Saúde Comunitária: Serviços de saúde que visam o desenvolvimento das comunidades através de recursos humanos e materiais nelas existentes, para intensificar a autoajuda e o apoio social para desenvolver sistemas flexíveis de reforço da participação popular voltados para os assuntos de saúde. (OPAS)Guias de Prática Clínica como Assunto: Orientações ou princípios apresentando regras de política atuais ou futuras para o praticante de cuidados de saúde, para assisti-lo nas decisões de cuidados ao paciente a respeito de diagnóstico, terapia ou circunstâncias clínicas relacionadas. Os guias podem ser desenvolvidos por agências governamentais em qualquer nível, instituições, sociedades profissionais, juntas governamentais ou reuniões de especialistas para discussão. Os guias formam a base para avaliação de todos os aspectos de cuidados e distribuição da saúde.ManequinsBasquetebol: Esporte competitivo por equipes jogado em uma quadra retangular contendo uma cesta elevada em cada extremidade.Recursos Humanos em Odontologia: Pessoal que presta serviços odontológicos a pacientes em uma clínica organizada, instituição ou agência.Difusão de Inovações: A ampla disseminação de ideias novas, procedimentos, técnicas, materiais e dispositivos e o grau pelo qual estes são aceitos e usados.Resultado do Tratamento: Estudos conduzidos com o fito de avaliar as consequências da gestão e dos procedimentos utilizados no combate à doença de forma a determinar a eficácia, efetividade, segurança, exequibilidade dessas intervenções.Criatividade: Capacidade de conceber novas ideias ou imagens.Protetores Bucais: Dispositivos ou peças de equipamento colocados dentro ou em volta da boca ou fixos a instrumentos para proteger tecidos externos ou internos da boca e dentes.Implementação de Plano de Saúde: Refere-se àquelas ações destinadas para a execução das recomendações contidas em planos e programas de saúde.Segurança do Paciente: Esforços para reduzir riscos, identificar e reduzir incidentes e acidentes que podem impactar negativamente os consumidores de cuidados de assistência à saúde.Coleta de Dados: Reunião sistemática de dados, com um objetivo específico, de várias fontes, incluindo questionários, entrevistas, observação, registros existentes e equipamentos eletrônicos.Hospitais com 300 a 499 LeitosTriagem: A separação e classificação de pacientes ou casualidades para determinar prioridade de necessidades e tratamento em local apropriado (MeSH/NLM). Seleção e classificação de vítimas através da aplicação de critérios que determinam sua probabilidade de sobrevivência (Material IV - Glosario de Protección Civil, OPAS, 1992)Farmacêuticos: Pessoas legalmente qualificadas, por meio de educação formal e treinamento, a desempenhar a prática em farmácia.Observação: Ação de olhar atentamente e estudar fatos e ocorrências, reunir dados através de análises, medições, e tirar conclusões visando aplicar as informações obtidas a suposições teóricas. A observação como método científico para aquisição de conhecimento começou na antiguidade clássica; na ciência e na medicina modernas sua maior aplicação é facilitada pela tecnologia moderna. A observação é um dos componentes do processo da pesquisa.Relações Profissional-Paciente: Interações entre os funcionários da saúde e os pacientes.Análise de Sistemas: A análise de uma atividade, procedimento, método, técnica ou negócio para determinar o que deve ser executado e como as operações necessárias podem ser executadas.Lista de Checagem: Auxílio para registro consistente de dados tais como tarefas realizadas e observações anotadas.Tomada de Decisões: O processo de realizar um julgamento intelectual seletivo quando se é apresentado a várias alternativas complexas consistindo de diversas variáveis, e que geralmente leva à definição de um modo de agir ou de uma ideia.Enfermeiras de Cabeceira: Enfermeiras treinadas especialmente para prestar cuidados diretamente ao paciente sob a supervisão de um médico.Ressuscitação: A restauração à vida ou consciência de alguém aparentemente morto; inclui medidas tais como respiração artificial e massagem cardíaca. (Dorland, 28a ed)Avaliação de Processos (Cuidados de Saúde): Procedimento de avaliação que enfoca como o cuidado é dado, baseado na premissa que há padrões de desempenho para as atividades dedicadas ao cuidado do paciente, no qual as ações específicas realizadas, os eventos concorrentes e as interações humanas são comparados com os padrões aceitos.Satisfação do Paciente: O grau pelo qual o indivíduo considera o serviço ou produto de saúde ou o modo pelo qual este é executado pelo provedor como sendo útil, efetivo ou que traz benefício.Anestesiologia: Especialidade voltada para o estudo dos anestésicos e da anestesia.Estudos Retrospectivos: Estudos nos quais os dados coletados se referem a eventos do passado.Ensino: O processo educacional de instrução.Gerenciamento Clínico: Amplo acesso à coordenação apropriada do processo inteiro de tratamento da doença que frequentemente envolve mudanças para longe dos pacientes internados mais caros e cuidados agudos para áreas tais como medicina preventiva, aconselhamento de paciente e educação e cuidados do paciente ambulatorial. Este conceito inclui implicações de terapias apropriadas e inapropriadas no custo global e resultado clínico de uma doença particular.Hóquei: Jogo no qual dois grupos de jogadores providos com tacos curvos ou recurvados procuram dirigir a bola ou disco de borracha através da meta oposta. Isto se aplica tanto para o hóquei no gelo como para o hóquei no campo.Currículo: Conjunto de estudos e práticas destinadas a que o aluno desenvolva plenamente suas possibilidades (Diccionario de la Real Academia de la Lengua Española). As matérias constantes de um curso (Dicionário Aurélio)Cirurgia Geral: Especialidade em que procedimentos manuais ou cirúrgicos são usados no tratamento de doenças, lesões, ou deformidades.Protocolos Clínicos: Projeto preciso e detalhado para o estudo de um problema médico ou biomédico e/ou projetos para um regime de terapia.Transporte de Pacientes: Transporte de indivíduos doentes ou lesados de um lugar a outro.Relações Comunidade-Instituição: As interações entre membros de uma comunidade e representantes das instituições dentro daquela comunidade.Atletas: Indivíduos que possuem habilidades desenvolvidas, energia física e força, ou quem pratica esportes ou outras atividades físicas.Administração dos Cuidados ao Paciente: Geração, planejamento, organização e administração de cuidados e serviços médicos e de enfermagem para os pacientes.Enfermagem de Centro Cirúrgico: Funções desempenhadas por um enfermeiro profissional em um centro cirúrgico.Estudos Prospectivos: Estudos planejados para a observação de eventos que ainda não ocorreram.Podiatria: Especialidade voltada para o diagnóstico e o tratamento dos distúrbios e das lesões nos pés, e dos defeitos anatômicos dos pés.Medicina Baseada em Evidências: Abordagem da prática médica que tem o objetivo de melhorar e avaliar o cuidado com o paciente. Necessita de integração crítica das melhores evidências em pesquisa com os valores dos pacientes para tomar decisão sobre cuidado médico. Este método é usado para auxiliar os médicos a fazer diagnósticos apropriados, construir a melhor bateria de testes, escolher o melhor tratamento e metodologia para a prevenção de doença, bem como desenvolver orientações para grupos grandes de pacientes com a mesma doença. (Tradução livre do original: JAMA 296 (9), 2006)Parada Cardíaca: Cessação das batidas do coração ou CONTRAÇÃO MIOCÁRDICA. Se tratado em alguns minutos, esta parada cardíaca pode ser revertida na maior parte das vezes ao ritmo cardíaco normal e circulação eficaz.Moral: O temperamento ou espirito predominante de um indivíduo ou grupo, em relação às tarefas ou funções que lhe são previstas.Educação Médica Continuada: Programas educacionais destinados a informar os médicos sobre recentes avanços em seu campo.Administração de Caso: Termo tradicional para todas as atividades que um médico ou outro profissional de cuidados de saúde normalmente executa para assegurar a coordenação dos serviços médicos requeridos por um paciente. Isto também, quando usado com relação aos cuidados administrados, cobre todas as atividades de avaliação do paciente, planejamento do tratamento, encaminhamento, e seguimento de forma que o cuidado seja contínuo e amplo e o pagamento para o cuidado seja obtido.Fidelidade a Diretrizes: Concordância no cumprimento ou seguimento oficial, reconhecidos, ou exigências institucionais, diretrizes, recomendações, protocolos, caminhos e outras padronizações.Unidades de Terapia Intensiva: Unidades hospitalares que proveem assistência intensiva e contínua a pacientes em estado grave.Assistência Terminal: Cuidados médicos e de enfermagem prestados a pacientes na fase terminal de uma doença.Recursos Humanos em Hospital: Mão de obra empregada em um hospital.Recursos Humanos de Enfermagem no Hospital: Pessoal que presta cuidados de enfermagem a pacientes em um hospital.Desenvolvimento de Pessoal: Processo através do qual o empregador orienta o desempenho e a eficiência dos recursos humanos segundo as metas e os objetivos da organização. Capacitação e formação profissional de recursos humanos, tanto técnicos como científicos.Medicina Estatal: Sistema de assistência médica, regulada, controlada e financiada pelo governo, no qual o governo assume a responsabilidade pelas necessidades de saúde da população.Medicina Esportiva: Campo da medicina voltado para a forma física e para o diagnóstico e tratamento das lesões advindas com a prática de exercício e atividades esportivas.Pesquisas sobre Serviços de Saúde: Medidas estatísticas da utilização e outros aspectos da provisão de serviços de cuidado à saúde, incluindo hospitalização e cuidado ambulatorial.Projetos de Pesquisa: Plano para se coletar e utilizar dados de forma que a informação desejada seja obtida com precisão suficiente, ou de forma que uma hipótese seja testada adequadamente.Estudos Interdisciplinares: Programas de estudo que abrangem as fronteiras tradicionais do conhecimento acadêmico.Fatores de Tempo: Elementos de intervalos de tempo limitados, contribuindo para resultados ou situações particulares.Satisfação no Emprego: Satisfação pessoal em relação à situação de trabalho.Neonatologia: Subespecialidade de Pediatria [preocupada com] voltada para a criança recém-nascida.Transferência de Pacientes: Transferência de pacientes interinstalação ou intra-hospitalar. A transferência intra-hospitalar é geralmente para obter um tipo específico de cuidado e a transferência interinstalação geralmente é por razões econômicas, ou pelas características do cuidado fornecido.Ferimentos e Lesões: Danos infligidos no corpo como resultado direto ou indireto de uma força externa, com ou sem rompimento da continuidade estrutural.Centros Comunitários de Saúde Mental: Centros que coordenam a prestação de serviços psicológicos e psiquiátricos a pessoas de uma comunidade e vizinhanças.Papel do Profissional de Enfermagem: Função esperada de um membro da profissão de enfermagem.Médicos: Indivíduos autorizados a praticar medicina.Hospitais Pediátricos: Hospitais especializados para prestação de assistência a crianças doentes.Canadá: Maior país na América do Norte, abrange 10 províncias e três territórios. Sua capital é Ottawa.Administração de Recursos Humanos: Todas as atividades de administração, planejamento e organização de recursos humanos.Pesquisa em Enfermagem: Investigação conduzida por enfermeiras (geralmente em instalações clínicas) nas áreas de prática, avaliação, educação e administração (na enfermagem), e metodologia clínica.Serviço Social: Uso dos recursos da comunidade, trabalhos com indivíduos ou grupos, para a promoção da capacidade de pessoas em relação a seu ambiente econômico e social. Inclui órgãos de serviço social.Hospitais Públicos: Hospitais controlados pelos diferentes tipos de governo municipal, estatal ou federal.Avaliação de Desempenho Profissional: Avaliação do desempenho de um empregado em relação ao trabalho.Ressuscitação Cardiopulmonar: Substituição artificial da ação do coração e pulmão conforme indicação para PARADA CARDÍACA resultante de choque elétrico, AFOGAMENTO, parada respiratória ou outras causas. Os dois principais componentes da ressuscitação cardiopulmonar são: ventilação artificial (RESPIRAÇÃO ARTIFICIAL) e a MASSAGEM CARDÍACA em tórax fechado.Pesquisa Médica Translacional: Aplicação das descobertas geradas por pesquisa de laboratório e em estudos pré-clínicos para o desenvolvimento de pesquisa clínica e estudos em humanos. Uma segunda área da pesquisa translacional envolve o aprimoramento da adoção de boas práticas.Enfermagem: Campo da enfermagem voltado para a promoção, manutenção e restauração da saúde.Papel do Médico: Função esperada de um profissional médico.