Solubilidade: Habilidade de uma substância ser dissolvida, isto é, de formar uma solução com outra substância. (Tradução livre do original: McGraw-Hill Dictionary of Scientific and Technical Terms, 6th ed)Química Farmacêutica: Química que estuda a composição e preparação de agentes usados em AÇÕES FARMACOLÓGICAS ou uso diagnóstico.Água: Líquido transparente, inodoro e insípido que é essencial para a maioria dos animais e vegetais, além de ser um excelente solvente para muitas substâncias. A fórmula química é óxido de hidrogênio (H2O). (Tradução livre do original: McGraw-Hill Dictionary of Scientific and Technical Terms, 4th ed)Ciclodextrinas: Grupo de homólogos dos GLUCANOS cíclicos constituídos por unidades de glucose em ligações alfa-1,4 obtidas pela ação da ciclodextrina glucanotransferase sobre o amido ou substratos similares. A enzima é produzida por determinada espécie de Bacillus. As ciclodextrinas formam complexas inclusões com uma grande variedade de substâncias.beta-Ciclodextrinas: GLUCANAS cíclicas que consistem de sete (7) unidades de glucopiranose unidas por ligações 1,4-glicosídicas.Solventes: Líquidos [usados para] dissolver outras substâncias (solutos), estas geralmente sólidas, sem que haja mudança em sua composição química [do soluto], como açúcar [soluto] [dissolvido] em água [solvente], [ou iodo (soluto) dissolvido em álcool (solvente)].Excipientes: Substâncias geralmente inertes adicionadas a uma prescrição para garantir uma consistência satisfatória para a formulação. Estas incluem aglutinantes, matrizes, bases ou diluentes usados em pílulas, comprimidos, cremes, pomadas, etc.Varredura Diferencial de Calorimetria: Análise térmica diferencial na qual o compartimento da amostra no aparelho é um calorímetro diferencial, que permite uma medida exata do calor de transição independente do calor específico, condutividade térmica e outras variáveis da amostra.Tecnologia Farmacêutica: Aplicação de conhecimento científico ou tecnológico à farmácia e à indústria farmacêutica. Inclui métodos, técnicas e instrumentação usada na manufatura, preparação, composição, dispensação, embalagem e armazenamento de drogas e outras preparações usadas no diagnóstico e em procedimentos determinantes, e no tratamento de pacientes.Composição de Medicamentos: Preparação, dosagem e montagem de uma droga.Hemoglobina Falciforme: Hemoglobina anormal que resulta na substituição da valina por uma ácido glutâmico na posição 6 da cadeia beta da molécula hemoglobina. O estado heterozigoto resulta na célula em forma de foice e o homozigoto, em anemia.Estabilidade de Medicamentos: Integridade química e física de um produto farmacêutico.Portadores de Fármacos: Formas nas quais substâncias são incorporadas para melhorar a liberação e a eficácia dos fármacos. Os portadores de fármacos são utilizados em sistemas de entrega de medicamentos, como as tecnologias de liberação controlada para prolongar a ação dos fármacos in vivo, queda do seu metabolismo e redução de sua toxicidade. Os portadores também são usados em planos para aumentar a eficácia de entrega dos fármacos aos locais-alvo de ações farmacológicas. Os lipossomos, microesferas de albumina, polímeros sintéticos solúveis, complexos de DNA, conjugados de proteína-fármaco e portadores de eritrócitos, entre outros, têm sido empregados como carregadores biodegradáveis de fármacos.Emulsões: Coloides formados pela combinação de dois líquidos imiscíveis, como óleo e água. As emulsões de lipídeos em água geralmente são líquidas (como o leite ou as loções) e as emulsões de água em lipídeos tendem a ser cremes. A formação de emulsões pode ser auxiliada por moléculas anfipáticas que envolvem um dos componentes do sistema para formar MICELAS.Disponibilidade Biológica: Ponto até o qual o ingrediente ativo da formulação de uma droga se torna disponível no sítio de ação para essa droga ou em um meio biológico que supostamente permita o acesso ao sítio de ação.Polietilenoglicóis: Polímeros de ÓXIDO DE ETILENO e água e seus éteres. Variam em consistência de líquido a sólido, dependendo do peso molecular, indicado por um número após o nome. São utilizados como SURFACTANTES, agentes dispersores, solventes, unguentos, bases para supositórios, veículos e excipientes de comprimidos. Alguns grupos específicos são: NONOXINOL, OCTOXINOL e POLOXÂMERO.Tamanho da Partícula: Relativo ao tamanho de sólidos.Concentração de Íons de Hidrogênio: Normalidade de uma solução com relação a íons de HIDROGÊNIO, H+. Está relacionada com medições de acidez na maioria dos casos por pH = log 1/2[1/(H+)], onde (H+) é a concentração do íon hidrogênio em equivalentes-grama por litro de solução. (Tradução livre do original: McGraw-Hill Dictionary of Scientific and Technical Terms, 6th ed)Preparações Farmacêuticas: Drogas dirigidas para uso humano ou veterinário, apresentadas em sua formulação final. Estão incluídos aqui os materiais usados na preparação e/ou na formulação final.Povidona: Polímero polivinílico de peso molecular variável. Utilizada como agente para suspensão e dispersão e serve de veículo para produtos farmacêuticos. Também é utilizada como dilatador do volume sanguíneo.Absorção: Processos físicos ou fisiológicos pelos quais substâncias, tecidos, células, etc. absorvem ou assimilam outras substâncias ou energia.Difração de Pó: Método em que se usa pó policristalino e um refinamento de Rietveld (ANÁLISE DOS MÍNIMOS QUADRADOS) DIFRAÇÃO DE RAIO X ou de DIFRAÇÃO DE NÊUTRONS. Permite contornar as dificuldades existentes para produzir cristais grandes únicos.Interações Hidrofóbicas e Hidrofílicas: Interação termodinâmica entre uma substância e a ÁGUA.Espectroscopia Infravermelho Transformada de Fourier: Técnica espectroscópica na qual uma faixa de comprimentos de onda é apresentada simultaneamente com um interferômetro e o espectro é matematicamente derivado do padrão que é então obtido.Metilcelulose: Metiléster da celulose. É utilizada como emulsificante e agente de suspensão em cosméticos, na indústria química e farmacêutica. Também é utilizada terapeuticamente como laxativo.Tensoativos: Substâncias que modificam a tensão superficial da água. Costumam ser substâncias que apresentam um grupo lipofílico e outro hidrofílico na [mesma] molécula; incluem sabões, detergentes, emulsificantes, dispersantes e umectantes, e vários grupos de antissépticos.Biofarmacêutica: Estudo das propriedades físicas e químicas de uma droga, e sua formulação (dosage form) relacionada com o início, duração, e intensidade da ação.Micelas: Partículas que consistem em agregados de moléculas mantidas frouxamente juntas por ligações secundárias. Geralmente, a superfície das micelas é constituída por compostos anfipáticos que são orientados de tal forma que a energia de interação entre a micela e o meio ambiente é minimizada. Os líquidos com grande número de micelas em suspensão são chamados de EMULSÕES.1-Octanol: Líquido incolor, levemente viscoso utilizado como antiespumante ou umectante. É também utilizado como solvente para ceras, óleos e revestimentos protetores e como matéria bruta para plastificantes. (Tradução livre do original: McGraw-Hill Dictionary of Scientific and Technical Terms, 5th ed)Temperatura Ambiente: Propriedade de objetos que determina a direção do fluxo de calor quando eles são posicionados em contato térmico direto. A temperatura é a energia dos movimentos microscópicos (translacionais e de vibração) das partículas dos átomos.Polímeros: Compostos formados pela combinação de unidades menores, geralmente repetitivas, unidas por ligações covalentes. Estes compostos frequentemente formam grandes macromoléculas (p.ex., BIOPOLÍMEROS, PLÁSTICOS).Difração de Raios X: Dispersão de raios-x pela matéria, especialmente cristais, que acompanha a variação da intensidade devido a efeitos de interferência. A análise da estrutura cristalográfica das substâncias é feita pela passagem de raios-x através delas e do registro de difração da imagem dos raios (CRISTALOGRAFIA POR RAIOS X).Griseofulvina: Antifúngico usado no tratamento de infecções por TINEA.Hemoglobina A: Hemoglobina humana adulta normal. A molécula globina consiste em duas cadeias alfa e duas beta.Soluções: Misturas homogêneas formadas ao se misturar uma substância (soluto) sólida, líquida ou gasosa em um líquido (solvente), do qual as substâncias dissolvidas podem ser recuperadas através de processos físicos.Teste de Materiais: Teste de materiais e dispositivos, especialmente os usados para PRÓTESES E IMPLANTES; SUTURAS; ADESIVOS TECIDUAIS, etc., para dureza, força, durabilidade, segurança, eficácia e biocompatibilidade.Fenômenos Físico-Químicos: Fenômeno físico que descreve a estrutura e as propriedades de átomos e moléculas, e seus processos de reação e interação.Engenharia de Proteínas: Procedimentos pelos quais a estrutura e função da proteína são alteradas ou criadas in vitro, alterando uma estrutura gênica existente ou sintetizando uma nova que direciona a síntese de proteína com as propriedades previstas. Tais procedimentos podem incluir a elaboração de MODELOS MOLECULARES de proteínas usando GRÁFICOS POR COMPUTADOR ou outras técnicas de modelagem, MUTAGÊNESE SÍTIO-DIRIGIDA de genes existentes e técnicas de EVOLUÇÃO MOLECULAR DIRECIONADA para criar novos genes.Nanopartículas: Partículas com tamanho nanométrico, apresentando nanoescala em três dimensões. Entre elas estão materiais nanocristalinos, NANOCÁPSULAS, NANOPARTÍCULAS METÁLICAS, DENDRÍMEROS e PONTOS QUÂNTICOS. O uso de nanopartículas inclui SISTEMAS DE LIBERAÇÃO DE MEDICAMENTOS e marcação e processamento de imagens de câncer.Hemoglobina C: Hemoglobina anormal que ocorre normalmente, na qual a lisina substitui o resíduo de ácido glutâmico na posição seis das cadeias beta. Resulta na redução da plasticidade dos eritrócitos.Modelos Químicos: Representações teóricas que simulam o comportamento ou a atividade de processos ou fenômenos químicos; compreende o uso de equações matemáticas, computadores e outros equipamentos eletrônicos.Cristalização: Formação de substâncias cristalinas a partir de soluções ou fusões. (tradução livre do original: McGraw-Hill Dictionary of Scientific and Technical Terms, 4th ed)Suspensões: Coloides com fase líquida contínua e fase sólida dispersa. O termo também é usado livremente para sólido-em-gás (AEROSSÓIS) e outros sistemas coloidais. As drogas insolúveis em água podem ser determinadas como suspensões.Formas de Dosagem: Formas completas de preparação farmacêutica, em que estão incluídas as doses prescritas do medicamento. São planejadas para resistir à ação dos líquidos gástricos, impedir vômitos e náuseas, reduzir ou aliviar o paladar e o odor indesejáveis associados com a administração oral, atingir uma concentração elevada da droga no sítio alvo, ou produzir um efeito da droga retardado ou duradouro.Sais: Substâncias produzidas a partir de reações entre ácidos e bases; compostos constituídos de um metal (positivo) e um radical não metal (negativo).Pós: Substâncias feitas de uma agregação de pequenas partículas, como as obtidas pela moagem ou trituração de uma substância sólida. (Dorland, 28a ed)Polimerização: Reação química em que componentes monoméricos são combinados para formar POLÍMEROS (ex.: POLIMETIL METACRILATO).Absorção Cutânea: Captação de substâncias através da PELE.gama-Cristalinas: Subclasse das cristalinas encontradas no CRISTALINO de VERTEBRADOS. As gama-cristalinas são semelhantes estruturalmente às betas-CRISTALINAS e ambas formam uma estrutura semelhante à chave grega. São compostas por subunidades monoméricas.Sistemas de Liberação de Medicamentos: Sistema de liberação de medicamentos para atingir locais de ação farmacológica. Entre as tecnologias empregadas estão a preparação do medicamento, via de administração, local-alvo, metabolismo e toxicidade.Octoxinol: Misturas de surfactantes não iônicos variando quanto ao número de repetições dos grupos etoxi (oxi-1,2-etanodi-ílico). São utilizados como detergentes, emulsificantes, agentes umectantes e antiespumantes, etc. Octoxinol-9, composto com 9 repetições de grupos etoxi, é um espermatocida.Dendrímeros: Compostos poliméricos, altamente ramificados, como árvores. Crescem tridimensionalmente pela adição de cascas de moléculas ramificadas a um núcleo central. A forma geral globular e a presença de cavidades dão um potencial como transportadores de drogas e AGENTES DE CONTRASTES.Química Física: Estudo dos processos e FENÔMENOS QUÍMICOS em termos dos processos e FENÔMENOS FÍSICOS subjacentes.Detergentes: Agentes purificadores ou limpadores, geralmente sais de bases ou ácidos alifáticos de cadeia longa. Exercem efeitos de limpeza (dissolvem óleo) e antimicrobianos de amplitude superficial, que dependem de propriedades hidrofílicas e hidrofóbicas.Precipitação Química: Precipitação induzida pela adição de compostos químicos. O processo de abrandamento da água pela adição de cal ou cinza de cal e soda como precipitantes.Ácidos Polimetacrílicos: Ácidos poli-2-metilpropenoico. Utilizado na fabricação de resinas metacriladas e plásticos na forma de "pellets" e grânulos, como absorvente para materiais biológicos e como filtros; também como membranas biológicas e como hidrogênio. Sinônimos: polímero metilacrilato; poli(metilacrilato); polímero éster metílico do ácido acrílico.Termogravimetria: Técnica através da qual a carga de uma amostra pode se seguido acompanhada por um período de tempo enquanto sua temperatura está sendo alterada (geralmente aumentada a uma frequência constante).Soluções Farmacêuticas: Preparações líquidas homogêneas contendo uma ou mais substâncias químicas dissolvidas, isto é, molecularmente dispersas em solvente ou mistura adequada de solventes mutuamente miscíveis. Não estão incluidos em outro grupo de produtos devido aos ingredientes, ao método de preparação ou uso.Termodinâmica: Análise matemática rigorosa das relações [entre grandezas] energéticas (calor, trabalho, temperatura e equilíbrio). Descreve sistemas [e processos] cujos estados são caracterizados (determined) por parâmetros térmicos como a temperatura, além de parâmetros mecânicos e eletromagnéticos.Veículos Farmacêuticos: Transportador, ou meio inerte usado como solvente (ou diluente), com o qual o agente medicinalmente ativo é formulado e ou administrado.Tampões (Química): Sistema químico que funciona controlando os níveis de íons específicos em solução. Quando o nível do íon hidrogênio em solução é controlado, o sistema é denominado tampão de pH.Cinética: Taxa dinâmica em sistemas químicos ou físicos.Estrutura Molecular: Localização dos átomos, grupos ou íons, em relação um ao outro, em uma molécula, bem como o número, tipo e localização das ligações covalentes.Nanocápsulas: Objetos nanométricos, ocos e esféricos que podem ser utilizados para encapsular pequenas quantidades de drogas, enzimas ou outros catalizadores (Tradução livre do original: Glossary of Biotechnology and Nanobiotechnology, 4th ed).Escherichia coli: Espécie de bactérias Gram-negativas, facultativamente anaeróbicas, em forma de bastão (BACILOS GRAM-NEGATIVOS ANAERÓBIOS FACULTATIVOS) comumente encontrada na parte mais baixa do intestino de animais de sangue quente. Geralmente não é patogênica, embora algumas linhagens sejam conhecidas por produzir DIARREIA e infecções piogênicas. As linhagens patogênicas (virotipos) são classificadas pelos seus mecanismos patogênicos específicos como toxinas (ESCHERICHIA COLI ENTEROTOXIGÊNICA), etc.Permeabilidade: Propriedade das membranas e de outras estruturas que permitem a passagem de luz, calor, gases, líquidos, metabólitos, e íons minerais.Lecitinas: Mistura complexa de FOSFOLIPÍDEOS, GLICOLIPÍDEOS e TRIGLICERÍDEOS com quantidades substanciais de FOSFATIDILCOLINAS, FOSFATIDILETANOLAMINAS e FOSFATIDILINOSITÓIS, que são, às vezes, livremente chamados de 1,2-diacil-3-fosfocolinas. A lecitina, um componente da MEMBRANA CELULAR, e comercialmente é extraída dos GRÃOS DE SOJA e GEMA DE OVO. As propriedades emulsificante e surfactante são úteis em ADITIVOS ALIMENTARES e para formação de organogéis (GÉIS).Metoxiflurano: Anestésico inalante. Atualmente o metoxiflurano é raramente utilizado na anestesia cirúrgica, obstetra ou odontológica. Se empregado, deve ser administrado em conjunto com o ÓXIDO NITROSO para a obtenção de uma anestesia relativamente leve e um bloqueador neuromuscular dado concomitantemente para a obtenção de um relaxamento muscular nos níveis desejados. (Tradução livre do original: AMA Drug Evaluations Annual, 1994, p180)Relação Estrutura-Atividade: Relação entre a estrutura química de um composto e sua atividade biológica ou farmacológica. Os compostos são frequentemente classificados juntos por terem características estruturais em comum, incluindo forma, tamanho, arranjo estereoquímico e distribuição de grupos funcionais.Espectroscopia de Ressonância Magnética: Método espectroscópico de medição do momento magnético de partículas elementares, como núcleos atômicos, prótons ou elétrons. É empregada em aplicações clínicas, como Tomografia por RMN (IMAGEM POR RESSONÂNCIA MAGNÉTICA).Viscosidade: Resistência que um sistema líquido ou gasoso oferece para fluir quando é submetido à tensão de cisalhamento. (Tradução livre do original: McGraw-Hill Dictionary of Scientific and Technical Terms, 6th ed)Preparações de Ação Retardada: Preparações de uma droga que agem durante um intervalo de tempo por meio de processos ou tecnologia de liberação controlada .Octanóis: Formas isômeras e derivados do octanol (C8H17OH).Metacrilatos: Ácido acrílico ou acrilatos que são substituídos na posição C-2 por um grupo metil.Propriedades de Superfície: Características ou atributos dos limites externos dos objetos, incluindo moléculas.Pró-Fármacos: Compostos que, depois de administrados, precisam sofrer conversão química através de processos metabólicos para se tornarem substâncias farmacologicamente ativas (em relação às quais constituem uma prodroga).Poloxâmero: Copolímero bloqueador não iônico de polioxietileno-polioxipropileno com a fórmula geral HO(C2H4O)a(-C3H6O)b(C2H4O)aH. Está disponível em diferentes graduações que variam de líquidos a sólidos. É utilizado como agente emulsificante, agente solubilizante, surfactante e agente umectante para antibióticos. O poloxâmero também é utilizado como unguento, bases supositórias e como aglutinante ou revestimento de comprimidos. (Tradução livre do original: Martindale The Extra Pharmacopoeia, 31st ed)Adsorção: Adesão de gases, líquidos ou substâncias dissolvidas em superfícies. Inclui fenômenos adsortivos de bactérias e vírus a superfícies. A ABSORÇÃO da substância pode se seguir, mas não necessariamente.Difusão: Tendência de um gás ou de um soluto a passar de um ponto de pressão ou concentração maior para um ponto de pressão ou concentração menor, e de distribuir-se no espaço disponível. A difusão, especialmente a DIFUSÃO FACILITADA, é um mecanismo importante de TRANSPORTE BIOLÓGICO.Polissorbatos: Derivados sorbitano mono-9-octadecanoato poli(oxi-1,2-etanodi-ílico) que são misturas complexas de éteres de polioxietileno utilizados como emulsificantes ou agentes dispersantes na indústria farmacêutica.Propilenoglicol: Solvente orgânico viscoso, claro, incolor e diluente usado em preparações farmacêuticas.Microscopia Eletrônica de Varredura: Microscopia em que o objeto é examinado diretamente por uma varredura de feixe de elétrons na amostra ponto-a-ponto. A imagem é construída por detecção de produtos de interação da amostra que são projetados acima do seu plano como elétrons dispersos no plano oposto. Embora a MICROSCOPIA ELETRÔNICA DE TRANSMISSÃO também varra ponto-a-ponto a amostra com o feixe de elétrons, a imagem é construída pela detecção de elétrons, ou de seus produtos de interação que são transmitidos através do plano da amostra, formando desta maneira, a MICROSCOPIA ELETRÔNICA DE TRANSMISSÃO.Modelos Moleculares: Modelos usados experimentalmente ou teoricamente para estudar a forma das moléculas, suas propriedades eletrônicas ou interações [com outras moléculas]; inclui moléculas análogas, gráficos gerados por computador e estruturas mecânicas.Absorção Intestinal: Captação de substâncias através do revestimento interno dos INTESTINOS.Dados de Sequência Molecular: Descrições de sequências específicas de aminoácidos, carboidratos ou nucleotídeos que apareceram na literatura publicada e/ou são depositadas e mantidas por bancos de dados como o GENBANK, European Molecular Biology Laboratory (EMBL), National Biomedical Research Foundation (NBRF) ou outros repositórios de sequências.Sequência de Aminoácidos: Ordem dos aminoácidos conforme ocorrem na cadeia polipeptídica. Isto é chamado de estrutura primária das proteínas. É de importância fundamental para determinar a CONFORMAÇÃO DA PROTEÍNA.Dobramento de Proteína: Processos envolvidos na formação da ESTRUTURA TERCIÁRIA DE PROTEÍNA.Comprimidos: Forma sólida de administração, de peso variável, tamanho e formato, que pode ser moldada ou comprimida, e que contém uma substância medicinal em forma pura ou diluída. (Dorland, 28a ed)DimetilformamidaHemoglobinas Anormais: Hemoglobinas caracterizadas por alterações estruturais na molécula. A alteração pode ser tanto a ausência, adição como substituição de um ou mais aminoácidos na parte globina da molécula em determinadas posições nas cadeias polipeptídicas.Silicatos: O termo genérico para os sais derivados da sílica ou do ácido silícico. Contêm silício, oxigênio e um ou mais metais, além de poderem conter hidrogênio. (Tradução livre do original: McGraw-Hill Dictionary of Scientific and Technical Terms, 4th Ed)Luzes de Cura Dentária: Fontes de luz usadas para ativar a polimerização de adesivos ortodônticos de cura luminosa (CIMENTOS DENTÁRIOS) e RESINAS DENTÁRIAS. O grau de cura e a força de adesão dependem do tempo de exposição, do comprimento de onda e da intensidade da luz de cura.Clorofórmio: Solvente laboratorial comum. Inicialmente foi utilizado como anestésico, mas foi proibido seu uso nos Estados Unidos devido as suspeitas carcinogênicas.Miristatos: Sais e ésteres do ácido mirístico, ácido monocarboxílico saturado de catorze carbonos.Óleos: Substâncias gordurosas, combustíveis, na forma líquida ou facilmente liquefativa e que são solúveis em éter e por aquecimento, mas insolúveis em água. Estas substâncias, dependendo da origem, são classificadas como óleos animais, minerais ou vegetais. Dependendo do seu comportamento ao aquecimento, são classificados como voláteis ou fixos. (Dorland, 28a ed)Proteínas Recombinantes: Proteínas preparadas através da tecnologia de DNA recombinante.Dessecação: Perda de água pelos poros, dos sedimentos, devida à compactação ou à evaporação causada pelo ar.Estabilidade Proteica: Habilidade de uma proteína em reter sua conformação estrutural ou sua atividade quando submetida a manipulações físicas ou químicas.Eletroforese em Gel de Poliacrilamida: Eletroforese na qual um gel de poliacrilamida é utilizado como meio de difusão.Cromatografia Líquida de Alta Pressão: Técnica de cromatografia líquida que se caracteriza por alta pressão de passagem, alta sensibilidade e alta velocidade.Proteínas: Polipeptídeos lineares sintetizados nos RIBISSOMOS e posteriormente podem ser modificados, entrecruzados, clivados ou agrupados em proteínas complexas com várias subunidades. A sequência específica de AMINOÁCIDOS determina a forma que tomará o polipeptídeo, durante o DOBRAMENTO DE PROTEÍNA e a função da proteína.TiazinasProcessos Físico-Químicos: Reações físicas envolvidas na formação ou em alterações na estrutura de átomos e moléculas e suas interações.Saliva Artificial: Solução usada para irrigar a boca nos casos de xerostomia, e para substituir a saliva.2,3-Difosfoglicerato: Fosfato orgânico altamente aniônico que está presente nas células vermelhas do sangue humano, aproximadamente com a mesma fração molar que a hemoglobina. Liga-se à forma desoxiemoglobina, mas não na forma oxigenada, consequentemente diminuindo a afinidade do oxigênio pela hemoglobina. Este mecanismo é essencial para permitir que a hemoglobina descarregue o oxigênio nos capilares teciduais. É também um intermediário na conversão do 3-fosfoglicerato em 2-fosfoglicerato pela fosfoglicerato mutase (EC 5.4.2.1). (Tradução livre do original: Stryer Biochemistry, 4th ed, p160; Enzyme Nomenclature, 1992, p508)Géis: Coloides com uma fase sólida contínua e líquido como a fase dispersa. Os géis podem ser instáveis quando a fase sólida se liquefaz devido à temperatura ou outra causa. O coloide resultante é chamado um sol.Aminoácidos: Compostos orgânicos compostos que geralmente contêm um grupo amina (-NH2) e um carboxil (-COOH). Vinte aminoácidos diferentes são as subunidades que ao serem polimerizadas formam as proteínas.Cimentos Dentários: Substâncias utilizadas para unir RESINAS COMPOSTAS ao ESMALTE DENTÁRIO e à DENTINA. Estes agentes cimentantes ou de colagem são usados em odontologia restauradora, TRATAMENTO DO CANAL RADICULAR, PROTODONTIA e ORTODONTIA.Proteínas Recombinantes de Fusão: Proteínas recombinantes produzidas pela TRADUÇÃO GENÉTICA de genes fundidos formados pela combinação de SEQUÊNCIAS REGULADORAS DE ÁCIDOS NUCLEICOS de um ou mais genes com as sequências codificadoras da proteína de um ou mais genes.Solubilidade da Dentina: Susceptibilidade da DENTINA à dissolução.Administração Oral: Administração de medicamentos, substâncias químicas ou outras substâncias pela boca.Cápsulas: Cápsulas duras ou moles solúveis utilizadas para a administração oral de medicamento.Magnetometria: Medida de vários aspectos dos CAMPOS MAGNÉTICOS.Sulfato de Amônio: Sal de diamônio do ácido sulfúrico. É utilizado no FRACIONAMENTO QUÍMICO de proteínas.Farmacocinética: Mecanismos dinâmicos e cinéticos de química exógena e LIBERAÇÃO CONTROLADA DE FÁRMACOS, ABSORÇÃO, TRANSPORTE BIOLÓGICO, DISTRIBUIÇÃO TECIDUAL, BIOTRANSFORMAÇÃO, eliminação e TOXICOLOGIA como uma função da dose e da taxa do METABOLISMO. Inclui a toxicocinética, mecanismo farmacocinético dos efeitos tóxicos de uma substância. ADME e ADMET são abreviaturas para absorção, distribuição, metabolismo, eliminação e toxicologia.Curcumina: Corante amarelo alaranjado obtido a partir do açafrão-da-terra (turmeric, em inglês), a raiz em pó da CURCUMA longa. É utilizado na preparação do papel de cúrcuma e na detecção do boro. Curcumina aparenta possuir um espectro de propriedades farmacológicas, devido principalmente aos seus efeitos inibitórios sobre as enzimas metabólicas.Bis-Fenol A-Glicidil Metacrilato: Produto da reação do bisfenol A e glicidil metacrilato que sofre polimerização quando exposto à luz ultravioleta ou misturado com um catalisador. É utilizado como fixador de implantes, como resina componente de selantes dentais e em materiais restaurativos.Conformação Proteica: Forma tridimensional característica de uma proteína, incluindo as estruturas secundária, supersecundária (motivos), terciária (domínios) e quaternária das cadeias peptídicas. A ESTRUTURA QUATERNÁRIA DE PROTEÍNA descreve a conformação assumida por proteínas multiméricas (agregados com mais de uma cadeia polipeptídica).Etanol: Líquido claro e incolor que é rapidamente absorvido no trato gastrointestinal e distribuído por todo o corpo. Possui atividade bactericida e é frequentemente utilizado como desinfetante tópico. É amplamente utilizado como solvente e na preservação de preparações farmacológicas, bem como matéria-prima das BEBIDAS ALCOÓLICAS.Trioleína: Ácido (Z)-9-Octadecenoico éster 1,2,3-propanetriil.Resinas Compostas: Resinas sintéticas que contêm um expansor inerte, muito utilizadas em odontologia.Peso Molecular: Soma do peso de todos os átomos em uma molécula.Gases: Fluido aeriforme. Toma a forma do espaço onde está confinado e pode mudar para o estado líquido ou sólido por perda de temperatura ou aumento de pressão (Material III - Ministério da Ação Social, Brasília, 1992)Emulsificantes: TENSOATIVOS que induzem a dispersão de material não dissolvido por um líquido.Fotoiniciadores Dentários: Composto químico usado para iniciar a polimerização de resinas dentárias pelo uso de LUZES DE CURA DENTÁRIA. Absorve a luz UV e sofre decomposição em radicais livres que iniciam o processo de polimerização de resinas na mistura. Cada fotoiniciador possui um espectro de emissão ótimo e uma intensidade para curar materiais dentários adequadamente.Compostos de Urânio: Compostos inorgânicos que contêm urânio como parte integral da molécula.Desnaturação Proteica: Rompimento das ligações não covalentes e/ou dissulfídicas responsáveis pela manutenção da forma tridimensional e da atividade da proteína nativa.Hesperidina: Glicosídeo flavonona encontrado em CITRUS (na casca da fruta).Compostos Orgânicos: Ampla classe de substâncias que contêm carbono e seus derivados. Muitas dessas substâncias químicas irão conter frequentemente hidrogênio com ou sem oxigênio, nitrogênio, enxofre, fósforo e outros elementos. Eles existem tanto na forma de cadeias como na forma de anéis carbônicos.Gelatina: Produto formado da pele, tecido conjuntivo branco, ou COLÁGENO dos ossos. É utilizado como alimento proteico adjuvante, substituto do plasma, agente hemostático, agente para suspensão nas fórmulas de manipulação e na fabricação de cápsulas e supositórios.Proteínas Ligantes de Maltose: Proteínas periplasmáticas que se ligam a MALTOSE e a maltodextrina. Participam do sistema de transporte de maltose nas BACTÉRIAS.Transição de Fase: A alteração de uma substância de uma forma ou de um estado a outro.Ligação Proteica: Processo pelo qual substâncias endógenas ou exógenas ligam-se a proteínas, peptídeos, enzimas, precursores proteicos ou compostos relacionados. Medidas específicas de ligantes de proteínas são usadas frequentemente como ensaios em avaliações diagnósticas.Dicroísmo Circular: Alteração da polarização planar à elíptica quando uma onda de luz inicialmente polarizada no plano atravessa um meio oticamente ativo.Álcoois: Compostos alquilos que contêm o grupo hidróxido. Eles são classificados de acordo com o átomo de carbono: álcoois primários, R-CH2OH; álcoois secundários, R2-CHOH e álcoois terciários, R3-COH. (Tradução livre do original: Grant & Hackh's Chemical Dictionary, 5th Ed)Resinas AcrílicasDesenho de Drogas: Projeto (design) molecular de drogas para finalidades específicas (como ligação de DNA, inibição enzimática, eficácia anticancerígena, etc.) baseado no conhecimento de propriedades moleculares como atividade de grupos funcionais, geometria molecular, e estrutura eletrônica, e também em informações catalogadas sobre moléculas análogas. O desenho de drogas geralmente é uma modelagem molecular auxiliada por computador, mas não inclui farmacocinética, análise de dosagem ou de administração da droga.Temperatura Alta: Presença de calor ou de uma temperatura notadamente maior do que a normal.Oxiemoglobinas: Composto formado pela combinação de hemoglobina e oxigênio. É um complexo no qual o oxigênio encontra-se diretamente ligado ao ferro sem causar a mudança do estado ferroso para o férrico.Fulerenos: Estruturas poliédricas de CARBONO compostas por cerca de 60-80 átomos de carbono em uma configuração de pentágonos e hexágonos. Denominados segundo Buckminster Fuller devido à semelhança com cúpulas geodésicas. Os fulerenos podem ser produzidos em altas temperaturas como [as obtidas em] descargas de arcos elétricos em atmosfera inerte.Avaliação Pré-Clínica de Medicamentos: Teste pré-clínico de medicamentos em animais experimentais ou in vitro, para seus efeitos biológicos e tóxicos e aplicações clínicas potenciais.Imersão: A colocação de um corpo ou de parte dele em um líquido.Comprimidos com Revestimento Entérico: Comprimido revestido com material que retarda a liberação da medicação até depois de ele deixar o estômago. (Dorland, 28a ed)Tensão Superficial: Força que age na superfície de um líquido, tendendo a minimizar a área da superfície. (Tradução livre do original: McGraw-Hill Dictionary of Scientific and Technical Terms, 6th ed)Nanocompostos: Estruturas compostas, em escala nanométrica, de moléculas orgânicas intimamente incorporadas a moléculas inorgânicas (Tradução livre do original: Glossary of Biotechnology and Nanobiotechology Terms, 4th ed).Administração Oftálmica: Aplicação de agentes farmacologicamente ativos em tecidos do OLHO.Fatores de Tempo: Elementos de intervalos de tempo limitados, contribuindo para resultados ou situações particulares.Materiais Dentários: Materiais usados na produção de bases dentais, restaurações, impressões, próteses, etc.Concentração Osmolar: Concentração de partículas osmoticamente ativas em solução, expressa em termos de osmoles de soluto por litro de solução. Osmolalidade é expressa em termos de osmoles de soluto por quilograma de solvente.ÉteresCélulas CACO-2: Células de ADENOCARCINOMA de colo humano que são capazes de expressar aspectos de diferenciação característicos de células intestinais maduras, tais como ENTERÓCITOS. Estas células são valiosas ferramentas para estudos in vitro relacionados à função e diferenciação das células intestinais.Técnicas de Química Sintética: Métodos usados para síntese química de compostos. Estão incluídos sob este descritor os métodos de laboratório usados para sintetisar uma variedade de compostos químicos e medicamentos.Piroxicam: Anti-inflamatório não esteroidal (NSAID) e inibidor da ciclo-oxigenase que é bem estabelecido para o tratamento de artrite reumatoide e osteoartrite. Sua utilidade também tem sido demonstrada no tratamento de transtornos da musculatura esquelética, dismenorreia e na dor pós-operatória. Sua meia-vida o capacita a ser administrado uma vez ao dia.