Qualidade de Vida: Conceito genérico que reflete um interesse com a modificação e a aprimoramento dos componentes da vida, ex. ambiente físico, político, moral e social; a condição geral de uma vida humana.Controle de Qualidade: Sistema para verificação e manutenção de um nível desejado de qualidade em um produto ou processo por planejamento cuidadoso, uso de equipamento apropriado, inspeção continuada e ação corretiva quando necessária (Random House Unabridged Dictionary, 2d ed) (NLM). Entende-se por boa qualidade de assistência o serviço que reúne os requisitos estabelecidos e, dados os conhecimentos e recursos de que se dispõe, satisfaz as aspirações de obter o máximo de benefícios com o mínimo de riscos para a saúde e bem-estar dos pacientes. Por conseguinte, uma assistência sanitária de boa qualidade se caracteriza por um alto grau de competência profissional, a eficiência na utilização dos recursos, o risco mínimo para os pacientes, a satisfação dos pacientes e um efeito favorável na saúde. (Racoveanu y Johansen)Qualidade da Assistência à Saúde: Níveis de excelência que caracterizam os serviços ou cuidados de saúde prestados baseados em normas de qualidade.Garantia da Qualidade dos Cuidados de Saúde: Atividades e programas encarregados de assegurar a qualidade dos cuidados em um ato ou um programa médico definido.Indicadores de Qualidade em Assistência à Saúde: Normas, critérios, padrões e outras medidas quantitativas e qualitativas diretas usadas na determinação da qualidade dos cuidados de saúde.Vida: Estado que distingue organismos de matéria inorgânica, manifestado por crescimento, metabolismo, reprodução e adaptação. Inclui o curso de existência, a soma de experiências, o modo de existir ou o fato de ser. Através dos séculos, indagações sobre a natureza da vida têm cruzado os limites da filosofia a biologia, medicina forense, antropologia etc., tanto em literatura de ficção quanto em literatura científica. (Tradução livre do original: Random House Unabridged Dictionary, 2d ed; Dr. James H. Cassedy, NLM History of Medicine Division)Melhoria de Qualidade: Alcance ou processo de alcançar um novo nível de desempenho ou qualidade.Questionários: Conjunto de perguntas previamente preparadas utilizado para a compilação de dados.Qualidade da Água: 1) Classificação de um corpo de água baseada nas características físicas, químicas e biológicas mensuráveis (MeSH). 2) Características químicas, físicas e biológicas, relacionadas com o uso da água para um fim específico.Gestão da Qualidade Total: Aplicação da prática de administração de empresas para, sistematicamente, manter e aperfeiçoar o desempenho da organização no seu todo. A efetividade e o sucesso são determinados e avaliados por medidas quantitativas da qualidade.Qualidade dos Alimentos: Sob o aspecto funcional e em sentido amplo, qualidade deve ser considerada como uma especificação ou um grupo de especificações dentro de determinados limites ou tolerâncias, que devem ser atendidas. É um importante aspecto da produção de alimentos e normalmente considerada como grau de excelência.Nível de Saúde: Grau em que se encontra um indivíduo ou população quanto às funções físicas e mentais, independentemente do sistema de saúde local. (Tradução livre do original: Last, 2001)Perfil de Impacto da Doença: Escala de qualidade de vida desenvolvida nos Estados Unidos em 1972 como uma medida de nível ou disfunção de saúde gerada por uma doença. É um questionário baseado em comportamento para pacientes e cobre atividades tais como sono e descanso, mobilidade, recreação, administração do lar, comportamento emocional, interação social e outros. Mede o estado de saúde percebido pelo paciente e é sensível o suficiente para detectar mudanças ou diferenças no nível de saúde que ocorre através do tempo ou entre grupos. (Medical Care, vol.xix, no.8, August 1981, p.787-805)Resultado do Tratamento: Estudos conduzidos com o fito de avaliar as consequências da gestão e dos procedimentos utilizados no combate à doença de forma a determinar a eficácia, efetividade, segurança, exequibilidade dessas intervenções.Acontecimentos que Mudam a Vida: Os eventos, incluindo os sociais, os psicológicos e os ambientais, que exigem um ajustamento do indivíduo ou causam uma mudança no seu padrão de vida.Reprodutibilidade dos Testes: Propriedade de se obter resultados idênticos ou muito semelhantes a cada vez que for realizado um teste ou medida. (Tradução livre do original: Last, 2001)Estados UnidosEstudos Transversais: Estudos epidemiológicos que avaliam a relação entre doenças, agravos ou características relacionadas à saúde, e outras variáveis de interesse, a partir de dados coletados simultaneamente em uma população. (Tradução livre do original: Last, 2001)Satisfação do Paciente: O grau pelo qual o indivíduo considera o serviço ou produto de saúde ou o modo pelo qual este é executado pelo provedor como sendo útil, efetivo ou que traz benefício.Estágios do Ciclo de Vida: Sequência contínua de transformações sofridas por organismos vivos durante o processo de desenvolvimento pós-embrionário, como a metamorfose nos insetos e anfíbios. Inclui estágios de desenvolvimento de apicomplexos como o parasita da malária, PLASMODIUM FALCIPARUM.Fatores de Tempo: Elementos de intervalos de tempo limitados, contribuindo para resultados ou situações particulares.Psicometria: A avaliação de variáveis psicológicas através da aplicação de procedimentos matemáticos.Estudos Prospectivos: Estudos planejados para a observação de eventos que ainda não ocorreram.Avaliação de Resultados (Cuidados de Saúde): Pesquisa voltada ao monitoramento da qualidade e efetividade da assistência à saúde medida em termos da obtenção de resultados pré-estabelecidos. Inclui parâmetros como melhoria do estado de saúde, diminuição de morbidade e mortalidade e melhoria de estados anormais (ex: pressão sanguínea elevada).Indicadores Básicos de Saúde: Medidas-síntese que contêm informação relevante sobre determinados atributos e dimensões do estado de saúde, bem como do desempenho do sistema de saúde. Vistos em conjunto, devem refletir a situação sanitária de uma população e servir para a vigilância das condições de saúde. (adaptação OPAS)Índice de Gravidade de Doença: Níveis dentro de um grupo de diagnósticos estabelecidos por vários critérios de medição aplicados à gravidade do transtorno de um paciente.Tábuas de Vida: Técnicas utilizadas para descrever o padrão de mortalidade e sobrevida de populações (Last, 2001). Estes métodos também podem se aplicados a qualquer agravo à saúde, incluindo incapacidades.Atividades Cotidianas: Realização das atividades básicas de cuidados pessoais próprios como vestir-se, caminhar ou comer.Cuidados para Prolongar a Vida: Assistência prestada a pacientes que requerem medidas terapêuticas excepcionais para a manutenção e prolongamento de suas vidas.Seguimentos: Estudos nos quais indivíduos ou populações são seguidos para avaliar o resultado de exposições, procedimentos ou efeitos de uma característica, por exemplo, ocorrência de doença.Depressão: Estados depressivos, geralmente de intensidade moderada quando comparados à depressão maior, presentes nos transtornos neuróticos e psicóticos.Qualidade da Voz: Qualidade da FALA que dá a distinção primária da VOZ de um locutor quando são excluídos o tom e a sonoridade. Envolve tanto as características fonatórias como as de ressonância. Algumas descrições da qualidade da voz são aspereza, soprosidade e nasalidade.Análise Custo-Benefício: Relação entre os benefícios gerados por um programa e seus custos. A razão benefício por custo é a medida do total esperado obtido por unidade de dinheiro dispendida.Participação nas Decisões: Participação dos empregados e administradores como uma equipe, naquelas decisões relacionadas com as atividades operacionais de uma empresa.Adaptação Psicológica: Estado de harmonia entre as necessidades internas e as exigências externas, e os processos usados na conquista desta condição. (Tradução livre do original: APA Thesaurus of Psychological Index Terms, 8th ed).Estilo de Vida: Estilo ou modo típico de viver que caracteriza um indivíduo ou grupo. (Tradução livre do original: From APA, Thesaurus of Psychological Index Terms, 8th ed)Doença Crônica: Doenças que têm uma ou mais das seguintes características: são permanentes, deixam incapacidade residual, são causadas por alteração patológica não reversível, requerem treinamento especial do paciente para reabilitação, pode-se esperar requerer um longo período de supervisão, observação ou cuidado.Fatores Etários: Idade como um elemento ou influência que contribui à produção de um resultado. Pode ser aplicável à causa ou efeito de uma circunstância. É usado com os conceitos humano e animal, mas devem ser diferenciados de ENVELHECIMENTO, um processo fisiológico, e FATORES DE TEMPO que se refere somente ao transcurso do tempo.Fatores Socioeconômicos: Fatores sociais e econômicos que caracterizam o indivíduo ou o grupo dentro da estrutura social.Carne: As porções comestíveis de qualquer animal usados como comida e que incluem mamíferos domésticos (sendo os principais gado, suínos e ovelha) junto com aves, peixes, moluscos e caça.Estresse Psicológico: Quadro mórbido característico, de natureza basicamente psíquica, onde inexistem causas orgânicas capazes de serem evidenciadas pelos meios usuais de exame médico, que aparece em condições especiais, de trabalho ou de guerra. Apresenta quadro predominante psíquico acompanhado de repercussões orgânicas. A sintomatologia é múltipla e polimorfa com cefaleias, tonturas, anorexia, tremores de extremidades, adinamia, dificuldades de concentração, crises de choro.Satisfação Pessoal: Experiência pessoal de satisfação em relação a uma necessidade ou desejo, e a qualidade ou estado de estar satisfeito.Benchmarking: Método para medir desempenho em relação a padrões estabelecidos de melhor prática.Projetos de Pesquisa: Plano para se coletar e utilizar dados de forma que a informação desejada seja obtida com precisão suficiente, ou de forma que uma hipótese seja testada adequadamente.Ensaios Clínicos Controlados Aleatórios como Assunto: Trabalhos sobre ensaios clínicos que envolvem pelo menos um tratamento teste e um tratamento controle, com matrícula simultânea e acompanhamento de grupos testes e de tratamento controle, e nos quais os tratamentos a serem administrados são selecionados por um processo randômico, como o uso de uma tabela de números randômicos.Avaliação de Processos e Resultados (Cuidados de Saúde): Procedimentos de avaliação que focam tanto o resultado ou estado (AVALIAÇÃO DE RESULTADO (CUIDADOS DE SAÚDE)) do paciente no final de uma etapa de tratamento - presença de sintomas, nível de atividade e mortalidade, quanto o processo (AVALIAÇÃO DO PROCESSO (CUIDADOS DE SAÚDE)) - o que é feito para o paciente do ponto de vista diagnóstico e terapêutico.Fatores de Risco: Aspecto do comportamento individual ou do estilo de vida, exposição ambiental ou características hereditárias ou congênitas que, segundo evidência epidemiológica, está sabidamente associado a uma condição relacionada com a saúde considerada importante de ser prevenida.Transtornos do Sono: Transtornos caracterizados por alterações nos padrões ou comportamentos normais do sono. Os transtornos do sono podem ser divididos em três categorias principais: DISSONIAS (i. é, transtornos caracterizados por insônia ou hiperssonia), PARASSONIAS (comportamentos anormais do sono) e transtornos do sono secundários a transtornos médicos ou psiquiátricos. (Tradução livre do original: Thorpy, Sleep Disorders Medicine, 1994, p187)Pesquisa sobre Serviços de Saúde: Pesquisa sobre a organização, administração, necessidades e funcionamento de serviços de saúde. Exclui pesquisa biomédica.Análise de Regressão: Procedimentos para encontrar a função matemática que melhor descreve a relação entre uma variável dependente e uma ou mais variáveis independentes. Na regressão linear (v. MODELOS LINEARES) a relação é construída para ser uma linha reta e usa-se a ANÁLISE DOS MÍNIMOS QUADRADOS para determinar o melhor ajuste. Na regressão logística (v. MODELOS LOGÍSTICOS) a variável dependente é qualitativa em vez de uma variável contínua e são usadas FUNÇÕES VEROSSIMILHANÇA para encontrar a melhor relação. Na regressão múltipla, considera-se que a variável dependente pende mais que uma única variável independente.Gravidez: Estado durante o qual os mamíferos fêmeas carregam seus filhotes em desenvolvimento (EMBRIÃO ou FETO) no útero (antes de nascer) começando da FERTILIZAÇÃO ao NASCIMENTO.Saúde Mental: É o estado de bem-estar no qual o indivíduo percebe as próprias habilidades, pode lidar com os estresses normais da vida, é capaz de trabalhar produtivamente e está apto a contribuir com sua comunidade. É mais do que ausência de doença mental. (WHO 2001)Estudos de Coortes: Estudos em que os subconjuntos de uma certa população são identificados. Estes grupos podem ou não ser expostos a factores hipotéticos para influenciar a probabilidade da ocorrência de doença em particular ou outros desfechos. Coortes são populações definidas que, como um todo, são seguidos de uma tentativa de determinar as características que distinguem os subgrupos.Ansiedade: Sensação ou emoção de pavor, apreensão e desastre iminente, porém não incapacitante como nos TRANSTORNOS DE ANSIEDADE.Reino UnidoMedicina Baseada em Evidências: Abordagem da prática médica que tem o objetivo de melhorar e avaliar o cuidado com o paciente. Necessita de integração crítica das melhores evidências em pesquisa com os valores dos pacientes para tomar decisão sobre cuidado médico. Este método é usado para auxiliar os médicos a fazer diagnósticos apropriados, construir a melhor bateria de testes, escolher o melhor tratamento e metodologia para a prevenção de doença, bem como desenvolver orientações para grupos grandes de pacientes com a mesma doença. (Tradução livre do original: JAMA 296 (9), 2006)Coleta de Dados: Reunião sistemática de dados, com um objetivo específico, de várias fontes, incluindo questionários, entrevistas, observação, registros existentes e equipamentos eletrônicos.Longevidade: Tempo normal de duração da vida de um organismo.Países Baixos: País localizado na EUROPA. Faz fronteira com o Mar do Norte, BÉLGICA e ALEMANHA. Áreas ultramarinas são Aruba, Curaçao, São Martinho, antigamente incluído nas ANTILHAS HOLANDESAS.Estudos Retrospectivos: Estudos nos quais os dados coletados se referem a eventos do passado.Efeitos Psicossociais da Doença: Custo pessoal de uma doença aguda ou crônica. O custo para o paciente pode ser econômico, social ou psicológico, perda pessoal para ele mesmo, família ou comunidade imediata. O custo da doença pode se refletir no absenteísmo, produtividade, resposta ao tratamento, paz de espírito ou QUALIDADE DE VIDA. É diferente dos CUSTOS DE CUIDADOS DE SAÚDE que significam o custo social de oferecer serviços relacionados com cuidados de saúde, e não o impacto pessoal nos indivíduos.Algoritmos: Procedimento constituído por uma sequência de fórmulas algébricas e/ou passos lógicos para se calcular ou determinar uma dada tarefa.Sobreviventes: Pessoas que sobreviveram além do estimado após doença grave ou que continuam a viver com uma afecção que normalmente confere risco de morte, bem como seus familiares e amigos, ou pessoas que sobreviveram a eventos traumáticos na vida.Guias de Prática Clínica como Assunto: Orientações ou princípios apresentando regras de política atuais ou futuras para o praticante de cuidados de saúde, para assisti-lo nas decisões de cuidados ao paciente a respeito de diagnóstico, terapia ou circunstâncias clínicas relacionadas. Os guias podem ser desenvolvidos por agências governamentais em qualquer nível, instituições, sociedades profissionais, juntas governamentais ou reuniões de especialistas para discussão. Os guias formam a base para avaliação de todos os aspectos de cuidados e distribuição da saúde.United States Agency for Healthcare Research and Quality: Agência do PUBLIC HEALTH SERVICE estabelecida em 1990 para prover indexação, resumo, tradução, publicação e outros serviços que resultem na disseminação mais rápida e eficiente de informação sobre pesquisa, projetos de demonstração e avaliações referentes à assistência à saúde para indivíduos e entidades (públicas e privadas) envolvidos na melhoria da divulgação da assistência à saúde. Ela substitui o National Center for Health Services Research. A United States Agency for Health Care Policy and Research foi renominada como Healthcare Research and Quality (AHRQ) sob o Healthcare Research and Quality Act, de 1999.Projetos Piloto: Pequenas escalas-testes de métodos e procedimentos a serem utilizados em uma escala aumentada se o estudo piloto demonstrar que esses métodos e procedimentos podem ser trabalhados.Cuidadores: Pessoas que proveem cuidado para aqueles que precisam de supervisão ou assistência no estado de doença ou incapacidade. Podem prestar a assistência em casa, em um hospital ou em uma instituição. Apesar do termo cuidador incluir médicos, enfermeiros e outros profissionais de saúde, o conceito também se refere a pais, cônjuges ou outros familiares, amigos, clérigos, professores, assistentes sociais, colegas pacientes.Atenção Primária à Saúde: É a assistência sanitária essencial baseada em métodos e tecnologias práticas, cientificamente fundados e socialmente aceitáveis, postos ao alcance de todos os indivíduos e famílias da comunidade mediante a sua plena participação e a um custo que a comunidade e o país possam suportar, em todas e cada etapa do seu desenvolvimento, com um espírito de autorresponsabilidade e autodeterminação. (Declaração de Alma-Ata - Organização Pan-Americana da Saúde, 2003)Sono: Suspensão prontamente reversível da interação sensorio-motor com o ambiente, geralmente associada à posição reclinada e à imobilidade.Modelos Lineares: Modelos estatísticos nos quais os valores dos parâmetros são linearmente proporcionais às variáveis dependentes, ex. y = a + bx, onde y é a resposta, x é o fator de interesse e a & b são os parâmetros.Fatores Sexuais: Usado quando sexo é discutido como um fator em relação a algum assunto ou problema específico.Assistência à Saúde: Refere-se a todos os aspectos da provisão e distribuição de serviços de saúde a uma população.Apoio Social: Sistemas de suporte que proporcionam assistência e encorajamento para os indivíduos com inaptidão física ou emocional para que eles possam melhor superá-la. Apoio social informal que normalmente é providenciado por amigos, parentes ou semelhantes, enquanto ajuda formal é providenciada por igrejas, grupos, etc.Avaliação de Programas e Projetos de Saúde: Processo cuja finalidade é a determinação sistemática e objetiva da relevância, efetividade e impacto de políticas públicas, programas e projetos de saúde. O objetivo da avaliação é o de aperfeiçoar os programas e projetos, no sentido de orientar a distribuição de recursos humanos e financeiros. (tradução livre do original: OPAS/OMS-Evaluación de los programas de Salud; normas fundamentales. 1981, para Avaliação de Programas e Projetos de Saúde) Estudos projetados para avaliar a eficácia de programas. Incluem a avaliação de custo-eficácia e do alcance ou impacto dos objetivos cumpridos. (tradução livre do original: MeSH, para Program Evaluation)Cuidados Paliativos: Tratamento para aliviar sintomas sem curar a doença. (Stedman, 25a ed)Laboratórios: Instalações equipadas para executar análises.Sensibilidade e Especificidade: Medidas de classificação binária para avaliar resultados de exames. Sensibilidade ou taxa de recall é a proporção de verdadeiros positivos. Especificidade é a probabilidade do teste determinar corretamente a ausência de uma afecção. (Tradução livre do original: Last, Dictionary of Epidemiology, 2d ed)AlemanhaInquéritos Epidemiológicos: Coleta sistemática de dados relativos ao estado de saúde de determinada população. Pode ser descritiva, exploratória ou explicativa. (Tradução livre do original: Last, 2001)Análise de Variância: Técnica estatística que isola e avalia a contribuição dos fatores incondicionais para a variação na média de uma variável dependente contínua.Relações Interpessoais: A interação recíproca de duas ou mais pessoas.Autoimagem: A visão que a pessoa tem de si mesma.Fidelidade a Diretrizes: Concordância no cumprimento ou seguimento oficial, reconhecidos, ou exigências institucionais, diretrizes, recomendações, protocolos, caminhos e outras padronizações.Europa (Continente)Hospitais: Instituições com um corpo clínico organizado que presta cuidados médicos aos pacientes.Guias como Assunto: Sistemática de regras de fiscalização ou de princípios. Podem ser desenvolvidos por agências governamentais em qualquer nível, instituições, sociedades profissionais, juntas governamentais ou por reunião de especialistas para discussão. O texto pode ser cursivo ou em forma esquemática, mas é geralmente um guia completo para os problemas e abordagens em qualquer campo de atividade. Para guias nos campos dos cuidados de saúde e medicina clínica, GUIAS DE PRÁTICA CLÍNICA COMO ASSUNTO está disponível.Auditoria Médica: Revisão e avaliação detalhada de registros clínicos selecionados por profissionais qualificados para avaliação da qualidade da atenção médica.Brasil: A República Federativa do Brasil é formada por 5 regiões (norte, nordeste, centro-oeste, sudeste e sul), 26 Estados e o Distrito Federal (Brasília). A atual divisão político-administrativa é de 1988, quando foi criado o estado do Tocantins, a partir do desmembramento de parte de Goiás, e os territórios de Amapá e Roraima foram transformados em estados. Quinto país do mundo em área total, superado por Federação Russa, Canadá, China e EUA, e maior da América do Sul, o Brasil ocupa a parte centro-oriental do continente. São 23.089 km de fronteiras, sendo 7.367 km marítimas e 15.719 km terrestres. A orla litorânea estende-se do cabo Orange, na foz do rio Oiapoque, ao norte, até o arroio Chuí, no sul. Todos os países sul-americanos, com exceção de Equador e Chile, fazem fronteira com Brasil. Pouco mais de 70 km tornam a extensão norte-sul do país superior ao sentido leste-oeste. São 4.394,7 km entre os extremos leste e oeste. Ao norte, o ponto extremo do Brasil é a nascente do rio Ailã, no monte Caburaí, em Roraima, fronteira com a Guiana. Ao sul, o arroio Chuí, na divisa do Rio Grande do Sul com o Uruguai. A leste, a ponta do Seixas, na Paraíba. E a oeste, as nascentes do rio Moa, na serra da Contamana, no Acre, fronteira com o Peru. O centro geográfico fica na margem esquerda do rio Jarina, em Barra do Garça em Mato Grosso. (Almanaque Abril. Brasil, SP: Editora Abril S.A., 2002). Existe grande contraste entre os estados em relação aos aspectos físicos e demográficos e aos indicadores sociais e econômicos. A área do Amazonas, por exemplo, é maior do que a área somada dos nove estados da região nordeste. Enquanto Roraima e Amazonas têm cerca de um a dois habitantes por km2, no Rio de Janeiro e no Distrito Federal esse índice é superior a 300 (a média para o país é de 20,19 IBGE 2004). A população brasileira estimada para 2006 é de 186 milhões de habitantes distribuída em uma área de 8.514.215,3 km2 (média de 46 hab/km2). A mortalidade infantil média para o país é de 26,6 óbitos de crianças menores de um ano por 1000 nascidos vivos, variando de 47,1 para o estado de Alagoas (IBGE 2004) e 13,5 para o estado de São Paulo (SEADE 2005). A esperança (ou expectativa) de vida do brasileiro ao nascer é de 71,7 anos (IBGE 2004). A taxa de fecundidade é de 2,3 filhos por mulher menor de 20 anos (IBGE 2004). Em relação à economia, apenas três estados do Sudeste - São Paulo, Rio de Janeiro e Minas Gerais - respondem por cerca de 60 por cento do PIB brasileiro.Estudos de Viabilidade: Estudos para determinar as vantagens ou desvantagens, praticabilidade ou capacidade de executar um plano projetado, um estudo ou um projeto.Internet: A confederação livre de redes de comunicação de computadores ao redor do mundo. As redes que compõem a Intenet são conectadas através de várias redes centrais. A internet proveio do projeto ARPAnet do governo norte-americano e foi projetada para facilitar a troca de informações.Casas de Saúde: Centros que prestam supervisão de enfermagem e cuidados médicos limitados a pessoas que não requerem hospitalização.Custos de Cuidados de Saúde: Custos reais dos serviços relacionados com a oferta de cuidados de saúde, incluindo os custos de procedimentos, terapias e medicações. Diferencia-se de GASTOS EM SAÚDE, que se refere ao valor total pago pelos serviços e as taxas referentes ao total do encargo independentemente do custo.Prevalência: Número total de casos de uma dada doença em uma população especificada num tempo designado. É diferenciada de INCIDÊNCIA, que se refere ao número de casos novos em uma população em um dado tempo.Pesquisas sobre Serviços de Saúde: Medidas estatísticas da utilização e outros aspectos da provisão de serviços de cuidado à saúde, incluindo hospitalização e cuidado ambulatorial.Estatísticas não Paramétricas: Classe de métodos estatísticos aplicáveis a um grande grupo de distribuição de probabilidades utilizado para testes de correlação, localização, independência, etc. Na maioria dos testes não paramétricos, o escore original ou as observações são substituídas por outra variável contendo menos informação. Uma classe importante de testes utiliza informação sobre se uma observação está acima ou abaixo de algum valor fixado, tal como uma mediana, e uma terceira classe é baseada na frequência de ocorrência dos períodos no dado.Assistência Terminal: Cuidados médicos e de enfermagem prestados a pacientes na fase terminal de uma doença.Avaliação de Processos (Cuidados de Saúde): Procedimento de avaliação que enfoca como o cuidado é dado, baseado na premissa que há padrões de desempenho para as atividades dedicadas ao cuidado do paciente, no qual as ações específicas realizadas, os eventos concorrentes e as interações humanas são comparados com os padrões aceitos.Sêmen: Secreção (líquida viscosa, espessa e de coloração branca amarelada) dos órgãos reprodutores masculinos liberados durante a ejaculação. Além das secreções dos órgãos reprodutores, contém ESPERMATOZOIDES e seu plasma nutriente.Pais: Pessoas que atuam como pais naturais, adotivos, ou substitutos. O descritor inclui o conceito de paternidade/maternidade, bem como o da preparação para a paternidade.Educação de Pacientes como Assunto: Ensino e treinamento de pacientes em relação às suas próprias necessidades de saúde.Seguro de Vida: Seguro que paga uma soma estipulada a um beneficiário designado pela morte do segurado.Software: Programas e dados operacionais sequenciais que instruem o funcionamento de um computador digital.Análise do Sêmen: A qualidade do SÊMEN, um indicador da fertilidade masculina, pode ser determinada por: volume do sêmen, pH, concentração de espermatozoides (CONTAGEM DE ESPERMATOZOIDES), número total de espermatozoides, viabilidade dos espermatozoides, vigor dos espermatozoides (MOTILIDADE ESPERMÁTICA), morfologia normal dos espermatozoides, integridade do ACROSSOMO, e concentração de LEUCÓCITOS.Fadiga: Estado de esgotamento, seguido a um período de esforço mental ou físico, caracterizado por uma queda na capacidade para trabalhar e reduzida eficiência para responder aos estímulos.Medição de Risco: Métodos e técnicas aplicadas para identificar os fatores de risco e medir a vulnerabilidade aos perigos potenciais causados por desastres e substâncias químicas.Motilidade Espermática: Movimentos característicos dos ESPERMATOZOIDES em uma amostra fresca. É medido pela porcentagem de espermatozoides que estão em movimento e a porcentagem de espermatozoides com movimento flagelar produtivo em progressão rápida, linear e para frente.Contagem de Espermatozoides: Contagem de espermatozoides na ejaculação, expresso como número por mililitro.Reembolso de Incentivo: Esquema que faz reembolsos por serviços de saúde prestados geralmente por uma instituição e que provê recompensas financeiras adicionais se certas condições são obedecidas. Este esquema visa promover e recompensar o aumento de eficiência e a contenção de custos com melhoria dos cuidados prestados ou, no mínimo, sem efeitos adversos na qualidade dos cuidados prestados.Austrália: Menor continente e um país independente que abrange seis estados e dois territórios. Sua capital é Canberra.Dieta: Método regular de ingestão de comida e bebida adotado por uma pessoa ou animal.Acreditação: Certificação do cumprimento de padrões estabelecidos por organizações não governamentais solicitada voluntariamente e que se aplica a instalações, instituições ou programas por iniciativa própria (NLM). É o mais difundido internacionalmente, dos métodos de avaliação externa por pares no campo da saúde. Se define como um procedimento de avaliação integral (sistêmico) da qualidade, que procura abranger os aspectos de estrutura, processo e resultados. É voluntário, confidencial, periódico, baseado em padrões (estândares) previamente conhecidos e executado por uma entidade independente do estabelecimento avaliado. (Fonte: Manual Brasileiro de Acreditação. Glossário e Termos Técnicos. Disponível em http://www.anvisa.gov.br/servicosaude/acreditacao/manual/glossario.pdf)Eficiência Organizacional: A capacidade de uma organização, instituição ou negócio de produzir resultados desejados com um mínimo de gasto de energia, tempo, dinheiro, pessoal, material, etc.Protocolos Clínicos: Projeto preciso e detalhado para o estudo de um problema médico ou biomédico e/ou projetos para um regime de terapia.Análise Multivariada: Conjunto de técnicas usadas quando a variação em diversas variáveis deve ser estudada simultaneamente. Em estatística, a análise multivariada se interpreta como qualquer método analítico que permita o estudo simultâneo de duas ou mais variáveis dependentes. Análise e interpretação das inter-relações entre três ou mais variáveis.Equipe de Assistência ao Paciente: Cuidados prestados a pacientes por uma equipe multidisciplinar comumente organizada sob a direção de um médico; cada membro da equipe tem responsabilidades específicas e toda a equipe contribui para a assistência ao paciente.Terapia por Exercício: Regime ou plano de atividades físicas concebido e prescrito para alcançar objetivos terapêuticos específicos. Seu propósito é restaurar a função musculosquelética normal ou reduzir dores causadas por doenças ou lesões.Satisfação dos Consumidores: Satisfação ou descontentamento em relação a um serviço prestado ou beneficio recebido.Atitude do Pessoal de Saúde: Atitudes do pessoal de saúde em relação a seus pacientes, a outros profissionais, em relação ao sistema de atendimento médico, etc.Autoavaliação: Avaliação das próprias características ou traços pessoais.Pesquisa Qualitativa: Qualquer tipo de pesquisa que empregue informação não numérica para explorar características individuais ou de grupo, que produz achados não acessíveis por procedimentos estatísticos ou outro meio quantitativo. (Tradução livre do original: Qualitative Inquiry: A Dictionary of Terms Thousand Oaks, CA: Sage Publications, 1997)Interpretação Estatística de Dados: Aplicação de procedimentos estatísticos para analisar fatos observados ou presumidos de um estudo particular.Espiritualidade: Sensibilidade ou ligação a valores religiosos ou coisas do espírito em oposição a interesse material ou mundano (Tradução livre do original: Merriam-Webster's Collegiate Dictionary, 10th ed, and Oxford English Dictionary, 2nd ed).Estudos de Avaliação como Assunto: Estudos que determinam a efetividade ou o valor dos processos, pessoal e equipamento, ou o material na condução destes estudos. Para medicamentos e dispositivos estão disponíveis os ENSAIOS CLÍNICOS COMO ASSUNTO, AVALIAÇÃO DE MEDICAMENTOS e AVALIAÇÃO PRÉ-CLÍNICA DE MEDICAMENTOS.Literatura de Revisão como Assunto: Materiais publicados que proveem um exame da recente ou atual literatura. Artigos de revisão podem cobrir uma larga série de matérias de assunto a vários níveis de perfeição e compreensão baseados em análises de literatura que podem incluir descobertas de pesquisa. A revisão pode refletir o estado da arte. Também inclui revisões como uma forma literária.Acesso aos Serviços de Saúde: Possibilidade dos indivíduos adentrarem e utilizarem os serviços de atenção à saúde, com vistas à resolução de problemas que afetem a saúde. Dentre os fatores que influem nesta possibilidade incluem considerações geográficas, arquitetônicas, de transporte, financeiras entre outras.Procurador: Pessoa autorizada a decidir ou agir para outra, por exemplo, uma pessoa que tem poder durável de advogado.Modelos Teóricos: Representações teóricas que simulam o comportamento ou atividade dos sistemas, processos ou fenômenos. Eles incluem o uso de equações matemáticas, computadores e outros equipamentos eletrônicos.Emprego: Ocupação em serviço púbico ou privado, com remuneração.Tomada de Decisões: O processo de realizar um julgamento intelectual seletivo quando se é apresentado a várias alternativas complexas consistindo de diversas variáveis, e que geralmente leva à definição de um modo de agir ou de uma ideia.Artefatos: Qualquer resultado visível de um procedimento que é causado pelo próprio procedimento e não pela entidade que está sendo analisada. Exemplos comuns incluem estruturas histológicas introduzidas para processamento de tecidos, imagens radiográficas de estruturas que não estão naturalmente presentes em tecidos vivos e produtos de reações químicas que ocorrem durante a análise.Análise Fatorial: Conjunto de métodos estatísticos para analisar as correlações entre diversas variáveis, no sentido de estimar o número, as dimensões fundamentais que sustentam os dados observados e para descrever e medir aquelas dimensões. É usado frequentemente no desenvolvimento de sistemas de contagem para avaliar escalas e questionários.Asma: Forma de transtorno brônquico com três componentes distintos: hiper-responsividade das vias aéreas (HIPERSENSIBILIDADE RESPIRATÓRIA), INFLAMAÇÃO das vias aéreas e intermitente OBSTRUÇÃO DAS VIAS RESPIRATÓRIAS. É caracterizado por contração espasmódica do músculo liso das vias aéreas, RUÍDOS RESPIRATÓRIOS, e dispneia (DISPNEIA PAROXÍSTICA).Autocuidado: Realização pelo paciente das atividades normalmente executadas por profissionais de saúde. Inclui cuidados consigo mesmo, família ou amigos.Neoplasias: Crescimento novo anormal de tecido. As neoplasias malignas apresentam um maior grau de anaplasia e têm propriedades de invasão e de metástase quando comparadas às neoplasias benignas.Distribuição de Qui-Quadrado: Distribuição na qual a variável está distribuída como a soma dos quadrados de qualquer variável dada independente e aleatória, tendo cada qual uma distribuição normal com média zero e desvio um. O teste de Qui-quadrado é um teste estatístico baseado na comparação de uma estatística e uma distribuição de Qui-quadrado. Os testes mais antigos se usam para detectar se duas ou mais distribuições da população diferem entre si.Estudos Longitudinais: Estudo no qual as variáveis relacionadas a um indivíduo ou grupo de indivíduos são acompanhadas por anos e com contato a intervalos regulares.Canadá: Maior país na América do Norte, abrange 10 províncias e três territórios. Sua capital é Ottawa.Assistência Centrada no Paciente: Plano de assistência ao paciente em que os recursos e o pessoal institucional estão organizados em torno dos pacientes em vez de em torno de departamentos especializados.Medicina de Família e Comunidade: Especialidade médica voltada para a provisão contínua e integrada de cuidados primários de saúde para toda a família.Entrevistas como Assunto: Conversações com indivíduos ou com grupo de pessoas a fim de obter informações acerca da formação pessoal e outros dados biográficos, suas atitudes e opiniões, etc. Inclui entrevistas de admissão em escolas ou em empregos.Medição da Dor: Escalas, questionários, testes e outros métodos utilizados para avaliar a severidade e duração da dor em pacientes ou animais experimentais, com o objetivo de ajudar no diagnóstico, terapêutica e estudos fisiológicos.InglaterraRegistros Médicos: Registros de informações referentes às doenças dos pacientes.Dor: Sensação desagradável induzida por estímulos nocivos que são detectados por TERMINAÇÕES NERVOSAS de NOCICEPTORES.Bases de Dados Factuais: Coleções extensivas, supostamente completas, de fatos e dados armazenados do material de uma área de assunto especializada posto à disposição para análise e aplicação. A coleção pode ser automatizada através de vários métodos contemporâneos para recuperação. O conceito deve ser diferenciado de BASES DE DADOS BIBLIOGRÁFICAS que é restringida a coleções de referências bibliográficas.Autorrelato: Método para obter informação por meio de respostas verbais, escritas ou orais, dos sujeitos.Relatório de Pesquisa: Relato detalhado ou declaração formal ou registro de dados resultantes de investigação empírica (MeSH). Relatório de progresso ou de resultados da pesquisa, preparados com o objetivo de dar a conhecer a metodologia e resultados de projetos (DeCS/SH).Método Duplo-Cego: Método de estudo sobre uma droga ou procedimento no qual ambos, grupos estudados e investigador, desconhecem quem está recebendo o fator em questão. (Tradução livre do original: Last, 2001)Condutas na Prática dos Médicos: Condutas na prática médica relacionadas ao diagnóstico e tratamento de acordo com o custo do serviço requisitado e proporcionado.Valor Nutritivo: Indicador da contribuição de um alimento ao conteúdo de nutrientes de uma dieta. Este valor depende da quantidade de alimentos que é digerida e absorvida e das quantidades de nutrientes essenciais (proteínas, gordura, carboidratos, minerais e vitaminas) contidas nesse alimento. Esse valor pode ser alterado por condições do solo e crescimento, manipulação e armazenagem, e processamento.Escalas de Graduação Psiquiátrica: Procedimentos padronizados baseados em escalas de avaliação ou roteiros de entrevistas conduzidos por profissionais da saúde para a avaliação do grau de doença mental.Método Simples-Cego: Método de estudo sobre uma droga ou procedimento no qual os grupos estudados desconhecem quem está recebendo o fator em questão, mas o investigador, sim. (Tradução livre do original: Last, 2001)Programas de Assistência Gerenciada: Planos de seguros de saúde com o objetivo de reduzir custos desnecessários com cuidados de saúde através de uma variedade de mecanismos, incluindo: incentivos econômicos para médicos e pacientes para que selecionem formas de cuidados de saúde com custos mais baixos; programas que revisem a necessidade médica de serviços específicos; maior participação beneficiária dos custos; controles sobre admissão e tempo de internações; o estabelecimento de incentivos com participação nos custos para cirurgia ambulatorial; contratação seletiva com prestadores de cuidados de saúde; e a gerência intensiva para casos de cuidados de saúde de alto custo. Os programas podem ser prestados em uma variedade de formas, assim como SISTEMAS PRÉ-PAGOS DE SAÚDE e ORGANIZAÇÕES DE PRESTADORES PREFERENCIAIS.Competência Clínica: A capacidade de realizar aceitavelmente aqueles deveres diretamente relacionados ao cuidado de paciente.Cooperação do Paciente: Cooperação voluntária do paciente em seguir um esquema prescrito pelo médico.Gestão da Segurança: O desenvolvimento de sistemas de prevenção de acidentes, lesões ou outras ocorrências adversas no ambiente institucional. O conceito inclui prevenção ou redução de eventos adversos ou incidentes envolvendo empregados, pacientes ou instalações. Por exemplo, planos para redução de lesões por quedas ou planos para prevenção de incêndio favorecendo ambiente institucional seguro.Documentação: Organização, armazenamento, recuperação e disseminação sistemáticas de informação especializada, em particular de natureza científica ou técnica (Tradução livre do original: de ALA Glossary of Library and Information Science, 1983). Envolve, com frequência, autenticação e validação da informação.Desenvolvimento Humano: Mudanças sequenciais contínuas que ocorrem nas funções fisiológicas e psicológicas durante a existência do indivíduo.Gerenciamento Clínico: Amplo acesso à coordenação apropriada do processo inteiro de tratamento da doença que frequentemente envolve mudanças para longe dos pacientes internados mais caros e cuidados agudos para áreas tais como medicina preventiva, aconselhamento de paciente e educação e cuidados do paciente ambulatorial. Este conceito inclui implicações de terapias apropriadas e inapropriadas no custo global e resultado clínico de uma doença particular.Ensaios Clínicos como Assunto: Trabalhos sobre estudos pré-planejados sobre segurança, eficácia, ou esquema de dosagem ótima (se apropriado) de uma ou mais drogas diagnósticas, terapêuticas, ou profiláticas, dispositivos, ou técnicas selecionadas de acordo com critérios pré-determinados de elegibilidade e observadas para evidência pré-definida de efeitos favoráveis ou desfavoráveis. Este conceito inclui ensaios clínicos conduzidos tanto nos EUA quanto em outros países.Modelos Organizacionais: Representações e construções teóricas que descrevem ou explicam a estrutura e a hierarquia das relações e das interações, dentro ou entre as entidades organizacionais formais ou grupos sociais informais.Doença Pulmonar Obstrutiva Crônica: Doença obstrutiva crônica de fluxo difuso e irreversível. Entre as subcategorias da DPOC estão BRONQUITE CRÔNICA e ENFISEMA PULMONAR.Família: Grupo social que consiste de pais ou pais substitutos e crianças.Monitoramento Ambiental: Monitoração do nível de toxinas, poluentes químicos, contaminantes microbianos ou outras substâncias danosas no ambiente (solo, ar e água), no trabalho ou nos corpos das pessoas e animais presentes naquele ambiente.Neoplasias da Mama: Tumores ou câncer da MAMA humana.Pediatria: Especialidade médica voltada para a manutenção da saúde e para a oferta de cuidados médicos às crianças desde o nascimento até a adolescência.Escolaridade: Período de frequência à escola ou nível de aprendizado adquirido.Comunicação: A troca ou transmissão de ideias, atitudes ou crenças entre indivíduos ou grupos.Saúde Holística: Saúde segundo a perspectiva de que os seres humanos e outros organismos funcionam como unidades completas e integradas e não um agregado de partes separadas.Espanha: Democracia parlamentar localizada entre a França ao nordeste e Portugal ao oeste, limitada pelo Oceano Atlântico e pelo Mar Mediterrâneo.Reprodução: O processo total pelo qual organismos geram a prole. (Stedman, 25a ed)Modelos Estatísticos: Representação de um sistema, processo ou relação através de uma fórmula matemática em que se usam as equações para inferir ou estimar seu funcionamento ou inter-relação.Relações Médico-Paciente: Interações entre médico e paciente.Saúde: Estado do organismo quando funciona otimamente sem evidência de doença.China: País que se estende da Ásia central ao Oceano Pacífico.Modelos Biológicos: Representações teóricas que simulam o comportamento ou a actividade de processos biológicos ou doenças. Para modelos de doença em animais vivos, MODELOS ANIMAIS DE DOENÇAS está disponível. Modelos biológicos incluem o uso de equações matemáticas, computadores e outros equipamentos eletrônicos.Pessoas com Deficiência: Pessoas com deficiência física ou mental que afeta ou limita suas atividades de vida diárias e que podem requerer acomodações especiais.Assistência Ambulatorial: Cuidados ou tratamentos prestados a um indivíduo, cujas condições de saúde lhe permitem comparecer à consulta e retornar à casa, dispensando internação hospitalar. (European Commission Glossary)Técnica Delfos: Questionário iterativo que busca avaliar consenso entre respostas individuais. Na abordagem clássica Delfos não há interação entre o consultado e o entrevistador.Países em Desenvolvimento: Países no processo de mudança com o crescimento econômico, ou seja, um aumento na produção, consumo e renda per capita. O processo de crescimento econômico envolve a melhor utilização de recursos naturais e humanos que resultam em uma mudança nas estruturas sociais, políticas e econômicas.Hospitalização: Confinamento de um paciente em um hospital.Padrões de Referência: Base [metodológica] com valores estabelecidos para se medir quantidade, massa, extensão ou qualidade, p.ex. padrões para massa, soluções, métodos, técnicas e procedimentos usados no diagnóstico e na terapêutica.Biogênese: Origem da vida. Inclui os estudos da base potencial para a vida a partir de compostos orgânicos, mas exclui aqueles sobre o desenvolvimento de formas alteradas de vida que ocorrem através de mutações e da seleção natural, que é a EVOLUÇÃO.Revisão dos Cuidados de Saúde por Pares: A revisão simultânea ou retrospectiva, realizada por médicos praticantes ou outros profissionais da saúde, da qualidade e eficiência de práticas de atendimento ao paciente e dos serviços médicos realizados por outros médicos ou outros profissionais da saúde.Sistemas de Manutenção da Vida: Sistemas que disponibilizam todos ou a maioria dos itens necessários para a manutenção da vida e de saúde. As provisões são feitas para suprir oxigênio, alimentos, água, controle de temperatura e pressão, remoção de gás carbônico e dejetos corporais. O ambiente pode ser uma espaçonave, um submarino ou a superfície da lua. Para cuidado médico, geralmente em condições hospitalares, pode-se encontrar CUIDADO PARA SUPORTE A VIDA. (Tradução livre do original: Webster's New Collegiate Dictionary)Doente Terminal: Pessoas com uma enfermidade incurável ou irreversível na fase final e que resultará em morte em pouco tempo.Anos de Vida Ajustados por Qualidade de Vida: Índice de medida derivado de uma modificação de procedimentos padronizados de tabela de vida (life-table) e projetados para levar em conta a qualidade e a duração da sobrevida. Este índice pode ser usado para avaliar o resultado de procedimentos de cuidados ou de serviços de saúde (MeSH). Ajuste no cálculo da expectativa de vida que leva em consideração sua redução em decorrência de condições crônicas causadoras de incapacidades ou deficiências. (Tradução livre do original: Last, 2001)Custos e Análise de Custo: Custos absolutos, comparativos ou diferenciais de serviços, instituições, recursos etc., ou a análise e estudo destes custos.Variações Dependentes do Observador: Falha do observador ao medir ou identificar um fenômeno, que resulta num erro. Pode ser causado por omissão do observador ao não constatar alguma anormalidade, ou a utilização de técnicas inadequadas que resultem em medição equivocada, ou a interpretação equivocada dos dados. Existem dois tipos de variação, interobservador (o valor identificado pelos observadores varia de um para o outro) e intraobservador (o valor identificado por um mesmo observador varia entre observações quando relatadas mais de uma vez sobre o mesmo material).Assistência de Longa Duração: Assistência prestada por um período prolongado, geralmente para casos crônicos ou de invalidez que requerem cuidados periódicos, intermitentes ou contínuos.Medicina Estatal: Sistema de assistência médica, regulada, controlada e financiada pelo governo, no qual o governo assume a responsabilidade pelas necessidades de saúde da população.Emoções: Aqueles estados afetivos que podem ser experimentados e que têm a propriedade de excitar e motivar o indivíduo.Comportamento Social: Qualquer comportamento que é causado por um outro indivíduo, ou que afeta outro indivíduo, em geral da mesma espécie.Administração Hospitalar: Administração da organização interna de um hospital.Médicos: Indivíduos autorizados a praticar medicina.Peso Corporal: Massa ou quantidade de peso de um indivíduo, expresso em unidades de quilogramas ou libras.Estudos de Casos e Controles: Estudos epidemiológicos observacionais nos quais grupos de indivíduos com determinada doença ou agravo (casos) são comparados com grupos de indivíduos sadios (controles) em relação ao histórico de exposição a um possível fator causal ou de risco. (Tradução livre do original: Last, 2001)Comportamento Cooperativo: A interação de duas ou mais pessoas ou organizações, que é direcionada para um objetivo comum, mutuamente benéfico. Uma situação de trabalho ou de atuação em conjunto com um propósito ou benefício comum, i. é, uma ação conjunta.Publicações Periódicas como Assunto: Publicação emitida em intervalos fixos, mais ou menos regulares. As revistas científicas constituem as principais publicações periódicas que publicam resultados de pesquisa.Valor Preditivo dos Testes: O valor preditivo de um teste diagnóstico é a probabilidade de um resultado positivo (ou negativo) corresponder a um indivíduo doente (ou não doente). Depende da sensibilidade e especificidade do teste (adaptação e tradução livre do original: Last, 2001)Afeto: O tom emocional que acompanha uma ideia ou representação mental. É o derivado psíquico mais direto do instinto e o representante das várias transformações corporais através do qual os instintos se manifestam.