Helianthus: Gênero de ervas americanas altas e eretas das Asteraceae. As SEMENTES produzem óleo e são usadas como alimento e ração animal; as raizes de Helianthus tuberosum (alcachofra de Jerusalém) são comestíveis.Anêmonas-do-Mar: Ordem Actiniaria (classe ANTHOZOA) composta de grandes pólipos solitários. Todas as espécies são carnívoras.Venenos de Cnidários: Venenos de águas-vivas, corais, anêmonas marinhas, etc. Estes venenos contêm substâncias hemo, cardio, dermato e neurotóxicas (e provavelmente ENZIMAS). Entre elas estão a palitoxina, a sarcofina, e a antopleurina.Hibridização Genética: Processo genético de acasalamento cruzado entre pais geneticamente diferentes para produzir um híbrido.Transciinamato 4-Mono-Oxigenase: Membro da superfamília P450. Esta enzima cataliza o primeiro passo oxidativo da via fenilpropanoide em PLANTAS superiores por transformar trans-cinamato em p-cumarato.Orobanche: Gênero de plantas (família OROBANCHACEAE) sem clorofila, parasitas, não fotossintéticas. O nome vulgar é semelhante à Giesta ou Codesso (CYTISUS) ou Brusca (RUSCUS) ou Carqueja (BACCHARIS) ou Giesta-dos-Jardins (SPARTIUM) ou Cevadilha (BROMUS).Folhas de Planta: Estruturas expandidas, geralmente verdes, de plantas vasculares, consistindo caracteristicamente de uma expansão em lâmina ligada a um caule, funcionando como o principal órgão de fotossíntese e transpiração.Asteraceae: Grande família de plantas (ordem Asterales, subclasse Asteridae, classe Magnoliopsida), também conhecidas como Compositae. As pétalas da flor são unidas próximo à base e os estames se alternam com os lóbulos da corola. O nome vulgar 'margarida' refere-se a vários gêneros desta família, inclusive Aster, CHRYSANTHEMUM, RUDBECKIA e TANACETUM.Datura: Gênero de plantas (família SOLANACEAE) cujos membros contêm TROPANOS. O nome vulgar da flor 'trombeta' (trumpet flower) às vezes também é usado para o GELSEMIUM.Peronospora: Gênero de OOMICETOS da família Peronosporaceae. A maioria das espécies é parasita obrigatório e muitos são patógenos de plantas.Brotos de Planta: Crescimentos novos, imaturos, de uma planta, entre eles caule, folhas, extremidades de ramos e PLÂNTULA.Transpiração Vegetal: Perda de vapor de água pelas plantas para a atmosfera. Ocorre principalmente nas folhas, através dos poros (estômatos), cuja função primária são as trocas gasosas. A água [evaporada] é reposta pela coluna contínua de água que se move pelos vasos de xilema acima, desde as raizes.