Contagem de Ovos de Parasitas: Determinação do número de ovos de parasitas nas fezes.Hymenolepis: Gênero de pequenas tênias de aves e mamíferos.Schistosoma mansoni: Espécie de trematódeo sanguíneo da família Schistosomatidae. É comum no delta do Nilo. O hospedeiro intermediário é o caramujo planorbídeo. Este parasita causa esquistossomose mansoni e bilhiarziose intestinal.Infecções por Nematoides: As infecções por nematoides, gerais ou não especificadas.Esquistossomose mansoni: A esquistossomose causada pelo Schistosoma mansoni. Ela é endêmica na África, no Oriente Médio, na América do Sul e no Caribe e afeta principalmente os intestinos, o baço e o fígado.Óvulo: Célula germinativa feminina (haploide e madura) expelida pelo OVÁRIO durante a OVULAÇÃO.Trichuris: Gênero de vermes nematoides que compreende as whipworms (ou vermes em forma de chicote).Esquistossomose: Infecção com vermes (trematódeos) do gênero SCHISTOSOMA. Três espécies produzem as doenças clínicas mais frequentes: SCHISTOSOMA HAEMATOBIUM (endêmico na África e Oriente Médio), SCHISTOSOMA MANSONI (no Egito, norte e sul do continente africano, em algumas ilhas das Índias Orientais, 2/3 do norte da América do Sul) e SCHISTOSOMA JAPONICUM (no Japão, China, Filipinas, Sulawesi, Tailândia, Laos). S. mansoni é detectado com frequência em porto-riquenhos que moram nos Estados Unidos.Parasitos: Organismos invertebrados que vivem sobre um organismo ou dentro dele (hospedeiro) tirando proveito. Tradicionalmente, estão excluídos da definição de parasitas, as BACTÉRIAS patogênicas, os FUNGOS, os vírus e as PLANTAS, embora possam viver de forma parasita.Antígenos de Helmintos: Qualquer parte ou derivado de um helminto que induz uma reação imune. Os antígenos de helmintos mais frequentemente encontrados são os do schistosomos.Enteropatias Parasitárias: Infecção dos INTESTINOS com PARASITAS, geralmente envolvendo VERMES PARASITAS. Infecções com vermes cilíndricos (INFECÇÕES POR NEMATOIDES) e tênias (INFECÇÕES POR CESTOIDES) também são conhecidas como HELMINTÍASES.Toxocara: Gênero de nematoides ascarídeos comumente parasitas dos intestinos de cães e gatos.Fezes: Excrementos oriundos do INTESTINO que contêm sólidos não absorvidos, resíduos, secreções e BACTÉRIAS do SISTEMA DIGESTÓRIO.Paleopatologia: O estudo de moléstias nos períodos pré-históricos, revelada em ossos, múmias e artefatos arqueológicos.Ascaris: Gênero de nematoides da superfamília ASCARIDOIDEA cujas espécies geralmente habitam o intestino.Hemoncose: Infecção por nematódeos do gênero HAEMONCHUS, caracterizada pelas anormalidades digestórias e anemia que são semelhantes à infestação por ancilóstomos duodenais.Granuloma: Lesão inflamatória nodular relativamente pequena, contendo fagócitos mononucleares agrupados, causadas por agentes infecciosos e não infecciosos.Haemonchus: Gênero de vermes (nematoides) parasitas que infestam o duodeno e estômago de herbívoros doméstico e selvagem. Estes ingerem os vermes com o capim (POACEAE). A infestação do homem é acidental.Tricostrongiloidíase: Infecção por nematódeos da superfamília TRICHOSTRONGYLOIDEA, incluindo os gêneros TRICHOSTRONGYLUS, OSTERTAGIA, Cooperia, HAEMONCHUS, Nematodirus, Hyosotrongylus e DICTYOCAULUS.Helmintíase Animal: A infestação em animais de vermes parasitas da classe dos helmintos. A infecção pode ser experimental ou veterinária.Anti-Helmínticos: Agentes destrutivos para os vermes parasitários. São usados terapeuticamente para tratar a HELMINTÍASE, tanto no homem como nos animais.Infecções por Uncinaria: A infecção em homens e animais por ancilóstomas duodenais que não sejam aqueles do gênero Ancylostoma ou Necator, para os quais os termos à disposição são a ANCILOSTOMÍASE E NECATORÍASE.Doenças dos Ovinos: Doenças das ovelhas domésticas e montanhosas do gênero Ovis.Doenças Parasitárias em Animais: Infecções ou infestações por organismos parasitas. As infestações podem ser experimentais ou veterinárias.Ostertagia: Gênero de nematoides parasitas que ocorrem no estômago de ruminantes.Ostertagíase: Doença que ocorre em mamíferos herbívoros, particularmente bovinos e ovinos, causada por vermes do estômago do gênero OSTERTAGIA.Antinematódeos: Substâncias usadas no tratamento ou no controle das infestações por nematoides. Também são usados na prática veterinária.Strongyloidea: Superfamília de estrôngilos ou vermes cilíndricos que são parasitas do trato intestinal de equinos, porcos, roedores e primatas (incluindo o homem). Inclui os gêneros Cyasthostomum, Ransomus, Globocephalus, OESOPHAGOSTOMUM e STRONGYLUS.Esquistossomose Urinária: Doença humana causada por infecção pelo verme parasita SCHISTOSOMA HAEMATOBIUM. É endêmica na ÁFRICA e partes do ORIENTE MÉDIO. Os tecidos, mais frequentemente danificados estão no SISTEMA URINÁRIO, especificamente a BEXIGA URINÁRIA.Trichostrongyloidea: Superfamília de nematoides, parasita (maioria) intestinal de ruminantes e acidentalmente de humanos. Esta superfamília inclui sete gêneros: DICTYOCAULUS, HAEMONCHUS, Cooperia, OSTERTAGIA, Nematodirus, TRICHOSTRONGYLUS e Hyostrongylus.Gema de Ovo: Citoplasma armazenado no ovo que contém as reservas nutricionais para o embrião em desenvolvimento. É rica em polissacarídeos, lipídeos e proteínas.Tricuríase: A infecção por nematoides do gênero TRICHURIS, conhecido no passado por Trichocephalus.Interações Hospedeiro-Parasita: Relação entre um invertebrado e outro organismo (o hospedeiro), um dos quais vive às custas do outro. Tradicionalmente excluídos da definição de parasitas, são BACTÉRIAS patogênicas, FUNGOS, VÍRUS e PLANTAS; entretanto eles podem viver de modo parasitário.Ancylostomatoidea: Superfamília de nematódeos uncinados parasitas que compreendem quatro gêneros: ANCYLOSTOMA, NECATOR, Bunostomum e Uncinaria. ANCYLOSTOMA e NECATOR ocorrem em humanos e outros mamíferos. Bunostomum é comum em ruminantes e Uncinaria, em lobos, raposas e cães.Nematoides: Classe de helmintos não segmentados com simetria bilateral fundamental e simetria trirradiada secundária das estruturas oral e esofagianas. Diversas espécies são parasitas.Esquistossomicidas: Agentes que agem sistemicamente matando esquistossomos adultos.Tricostrongilose: A infestação por vermes nematoides do gênero TRICOSTRONGYLUS. O homem e os animais adquirem a infecção ao engolir larvas, normalmente em comida ou líquidos contaminados, embora a larva possa atravessar a pele humana.Infecções Equinas por Strongyloidea: A infecção de cavalos com os nematódeos parasitários da superfamília STRONGYLOIDEA. As características incluem o desenvolvimento de nódulos hemorrágicos no peritônio abdominal.Carga Parasitária: Medida do número de PARASITAS presentes em um organismo hospedeiro.Ascaríase: A infecção por nematoides do gênero ASCARIS. A ingestão de ovos infecciosos causa diarreia e pneumonite. Sua distribuição é mais prevalente em áreas de saneamento básico insuficiente e onde fezes humanas são usadas como fertilizante.Estrongilídios: Ordem de nematoides da subclasse SECERNENTEA. Suas características incluem sistema excretor em forma de H com duas glândulas subventrais.Praziquantel: Anti-helmíntico usado na maioria das infestações por esquistossoma e muitos cestódeos.Ivermectina: Mistura composta na maior parte de avermectina H2B1a (RN 71827-03-7) com pouca avermectina H2B1b (Rn 70209-81-3), que são macrolídeos obtidos de STREPTOMYCES avermitilis. Esta mistura se liga aos canais de cloreto controlados por glutamato causando aumento na permeabilidade e hiperpolarização de células nervosas e musculares. Interagem também com outros CANAIS DE CLORETO. É um antiparasitário de amplo espectro e ativo contra microfilárias de ONCHOCERCA VOLVULUS, mas não contra a forma adulta.Esofagostomíase: Infecção do trato intestinal por vermes do gênero OESOPHAGOSTOMUM. Essa afecção ocorre principalmente em animais diferentes do homem.Plasmodium falciparum: Espécie de protozoário que é o agente causador da MALÁRIA FALCIPARUM. É a mais prevalente nos trópicos e subtrópicos.Schistosoma japonicum: Espécie de trematódeo sanguíneo que pertence à família Schistosomatidae e cuja distribuição é confinada a áreas do Extremo Oriente. O hospedeiro intermediário é o caramujo. Ocorre no homem e outros mamíferos.Ascaris lumbricoides: Espécie de nematoide parasita mais comumente encontrado no intestino humano. Apresenta distribuição mundial, embora tenha maior prevalência em áreas de saneamento deficiente. Infestação humana com A. lumbricoides é adquirida pela ingestão de ovos embrionados inteiros presentes em solo contaminado.Contagem de Leucócitos: Contagem do número de CÉLULAS BRANCAS DO SANGUE, por unidade de volume, no SANGUE venoso. Uma contagem diferencial de leucócitos mede os números relativos de diferentes tipos de células brancas.Proteínas de Protozoários: Proteínas encontradas em quaisquer espécies de protozoários.Trichostrongylus: Gênero de nematoides parasitas encontrados no trato digestório de animais herbívoros. Causam infecções incidentais nos humanos a partir das seguintes espécies: Trichostrongylus colubriformis, T. orientalis, T. axei e T. probolurus.Proteínas do Ovo: Proteínas encontradas em ovos de qualquer espécie.Anticorpos Anti-Helmínticos: Imunoglobulinas produzidas em uma resposta a ANTÍGENOS DE HELMINTOS.Albendazol: Anti-helmíntico benzimidazólico de largo espectro, relacionado estruturalmente com o MEBENDAZOL, que é eficaz contra muitas doenças.Helmintos: Este grupo (vulgarmente conhecido como de vermes parasitas) inclui ACANTOCÉFALOS, NEMATOIDES e PLATELMINTOS. São considerados helmintos (por alguns autores) algumas espécies de SANGUESSUGAS que podem se tornar temporariamente parasitas.Celofane: Nome genérico do filme produzido a partir da polpa da madeira por um processo denominado viscose. [O filme] é uma folha fina e transparente de celulose regenerada, à prova de umidade e às vezes colorida, e usada principalmente para acondicionar alimentos, ou para diálise ([quando] em forma de tripa).Esquistossomose Japônica: Esquistossomíase causada por Schistosoma japonicum. É endêmica no extremo Oriente e infecta os intestinos, o fígado e o baço.Clonorchis sinensis: Espécie de trematódeos da família Opisthorchidae. Muitas autoridades consideram que este gênero pertence a Opisthorchis. É comum na China e outros países asiáticos. Caramujos e peixes são os hospedeiros intermediários.Casca de Ovo: Exterior calcáreo duro ou couráceo que reveste um ovo.Doenças das Cabras: Doenças das cabras domésticas ou selvagens do gênero Capra.Clara de Ovo: O branco de um ovo, especialmente o ovo de uma galinha, usado para cozinhar. Contém albumina.Ancylostoma: Gênero de nematoides parasitas intestinais que compreende diversas espécies. A. duodenale é o ancilóstomo comum em humanos. A. braziliense, A. ceylonicum e A. caninum ocorrem primariamente em cães e gatos, mas também já foram relatados em humanos.Contagem de Linfócito CD4: Contagem do número de LINFÓCITOS T CD4-POSITIVOS por unidade de SANGUE. A determinação requer o uso de um citômetro de fluxo de fluorescência ativada.Clonorquíase: Infecção das vias biliares pelo trematódeo hepático OPISTORCHIS SINENSES, a qual pode levar à inflamação da árvore biliar, proliferação do epitélio biliar, fibrose portal progressiva, e às vezes carcinoma das vias biliares; a extensão para dentro do parênquima hepático pode levar a alterações gordurosas e cirrose. (Dorland, 28a ed)Hepatomegalia: Ampliação do fígado.Parasitologia: Estudo de parasitas e DOENÇAS PARASITÁRIAS.Contagem de Plaquetas: Número de PLAQUETAS por unidade de volume em uma amostra de SANGUE venoso.Helmintíase: A infestação com vermes parasitas da classe dos helmintos.Proteínas de Helminto: Proteínas encontradas em quaisquer espécies de helminto.Fasciolíase: Doença hepática causada por infecções com trematódeos parasitas do gênero FASCIOLA, como a FASCÍOLA HEPÁTICA.Senegal: República na África ocidental, a sudoeste da MAURITÂNIA e a leste de MALI. Sua capital é Dakar.Malária: Doença causada em humanos por protozoários de quatro espécies do gênero PLASMODIUM: PLASMODIUM FALCIPARUM, PLASMODIUM VIVAX, PLASMODIUM OVALE e PLASMODIUM MALARIAE e transmitida pela picada da fêmea infectada do mosquito do gênero ANOPHELES. A malária é endêmica em partes da Ásia, África, Américas Central e do Sul, Oceania e em certas ilhas Caribenhas. Caracteriza-se clinicamente por exaustão extrema associada com paroxismos de FEBRE alta, SUDORESE, CALAFRIOS e ANEMIA. Em ANIMAIS, a malária é causada por outras espécies de plasmódio.Cabras: Quaisquer dos numerosos RUMINANTES, ágeis, cornos ocos, (gênero Capra, família Bovidae) muito relacionados com as OVELHAS.Schistosoma: Gênero de trematódeos que pertence à família Schistosomatidae. Possui mais de doze espécies. Estes parasitas são encontrados no homem e outros mamíferos. Caramujos são os hospedeiros intermediários.Toxoplasma: Gênero de protozoários parasitas de aves e mamíferos. T. gondii é um dos animais patogênicos infecciosos mais comuns como parasitas do homem.Strongyloides: Gênero de nematoides parasitas amplamente distribuídos como parasitas intestinais de mamíferos.Malária Falciparum: A malária causada pelo PLASMODIUM FALCIPARUM. Essa é a forma mais grave da malária e está associada com as maiores concentrações de parasitas no sangue. A doença é caracterizada pela ocorrência de paroxismos febris recorrentes que são irregulares e que, em casos extremos, podem se associar a manifestações agudas no cérebro, rins e trato gastrointestinal.Estágios do Ciclo de Vida: Sequência contínua de transformações sofridas por organismos vivos durante o processo de desenvolvimento pós-embrionário, como a metamorfose nos insetos e anfíbios. Inclui estágios de desenvolvimento de apicomplexos como o parasita da malária, PLASMODIUM FALCIPARUM.Apicomplexa: Filo de EUCARIOTOS unicelulares parasitas caracterizado pela presença de complexas organelas apicais constituídas de um conoide que auxilia a penetração nas células hospedeiras, roptrias que possivelmente secretam uma enzima proteolítica e microtúbulos subpeliculares que podem estar relacionados com motilidade.Oxamniquine: Anti-helmíntico com atividade esquistossomicida contra Schistosoma mansoni, mas não contra outras espécies de Schistosoma. A oxamniquina faz com que os vermes se movam das veias mesentéricas para o fígado, onde os machos são retidos. As fêmeas retornam ao mesentério, mas não podem mais liberar os ovos. (Tradução livre do original: Martindale, The Extra Pharmacopoeia, 31st ed, p121)Abomaso: O quarto estômago de animais ruminantes. É também chamado de estômago "verdadeiro". Consiste de um saco alongado, em formato de pera, localizado no assoalho do abdome, no lado direito, e aproximadamente entre a sétima e a décima segunda costelas. Esta estrutura leva ao início do intestino delgado. (Tradução livre do original: Black's Veterinary Dictionary, 17th ed)Ovinos: Qualquer mamífero ruminante com chifres curvados (gênero Ovis, família Bovodae) que possuem sulco lacrimal e glândulas interdigitais (ausentes nas CABRAS).DNA de Protozoário: Ácido desoxirribonucléico que forma o material genético de protozoários.Doenças dos Bovinos: Doenças do gado doméstico do gênero Bos. Estão incluídas doenças de vacas, iaques e zebus.Mebendazol: Benzimidazol que atua interferindo no METABOLISMO DOS CARBOIDRATOS e inibindo a polimerização dos MICROTÚBULOS.Fasciola: Gênero de trematódeos hepáticos da família Fasciolidae. Duas espécies deste gênero são F. hepatica e F. gigantica. Os parasitas são encontrados no fígado, vesícula biliar e ductos associados de mamíferos e ocasionalmente do homem. F. gigantica ocorre raramente no homem.Egito: País ao norte da África, limitado pelo Mar Mediterrâneo, entre a Líbia e a Faixa de Gaza, e pelo Mar Vermelho, ao norte do Sudão e inclui a parte asiática da Península do Sinai. Sua capital é Cairo.Antígenos de Protozoários: Qualquer parte ou derivado de qualquer protozoário que induz imunidade; os antígenos da malária (Plasmodium) e do tripanossoma são atualmente os mais frequentemente encontrados.Trypanosoma cruzi: Agente da tripanossomíase sul-americana ou DOENÇA DE CHAGAS. Seus hospedeiros vertebrados são o homem e vários animais domésticos e selvagens. Insetos de diversos gêneros são os vetores.Doenças Parasitárias: Infecções ou infestações por parasitas. Frequentemente são contraídas por meio do contato com um vetor intermediário, mas podem ocorrer como resultado da exposição direta.Antimaláricos: Agentes usados no tratamento da malária. Geralmente são classificados com base em sua ação contra os plasmódios nas diferentes fases de seu ciclo de vida no homem.Trematódeos: Classe de trematódeos parasitas compreendendo três subclasses, Monogenea, Aspidogastrea e Digenea. Os trematódeos dioicos (com sexos separados) são os únicos encontrados no homem. São endoparasitas e requerem dois hospedeiros para completar seu ciclo de vida.