Substâncias para a Guerra Química: Substâncias químicas usadas para causar transtornos, doenças ou morte em seres humanos durante a GUERRA.Guerra Química: Guerra tática que usa misturas incendiárias, fumaça ou gases irritantes, que queimam ou asfixiam.Gás de Mostarda: Irritante potente e vesicante de pele, olhos e pulmões. Pode causar cegueira e edema pulmonar letal. Foi anteriormente utilizado como um gás de guerra. Foi indicado como citostático e para tratamento da psoríase. Tem sido listado como um conhecido carcinógeno no Quarto Relatório Anual em Carcinógenos (NTP-85-002, 1985). (Tradução livre do original: Merck, 11th ed).Guerra Biológica: Guerra que envolve o uso de organismos vivos ou seus produtos como agentes etiológicos de doença contra o povo, animais ou plantas.Sarina: Composto éster organofosforado que produz inibição potente e irreversível da colinesterase. É tóxico ao sistema nervoso e é um agente químico de guerra.Hidrolases de Triester Fosfórico: Classe de enzimas que catalisa a hidrólise de uma das três ligações éster em um composto contendo fosfotriéster.Soman: Composto organofosforado que inibe a colinesterase. Causa crises e foi utilizado como agente químico de guerra.Ciência MilitarExperimentação Humana: Emprego de humanos como objetos de pesquisa.Compostos Organotiofosforados: Compostos contendo ligações carbono-fosforo em que o fósforo também está ligado a um ou mais átomos de enxofre. Muitos desses compostos podem funcionar como AGENTES COLINÉRGICOS ou INSETICIDAS.Descontaminação: Remoção de material contaminante (como material radioativo, material biológico ou AGENTES PARA GUERRA QUÍMICA) de uma pessoa ou objeto.Organofosfatos: Derivados de ácido fosfórico que contêm carbono. Sob este descritor há compostos que possuem átomos de CARBONO ligados a um ou mais átomos de OXIGÊNIO da estrutura P(=O)(O)3. Note-se que várias classes específicas de compostos que contêm fósforo endógeno, como os NUCLEOTÍDEOS, FOSFOLIPÍDEOS e FOSFOPROTEÍNAS, estão relacionadas em outro lugar.Compostos Organofosforados: Compostos orgânicos que contêm fósforo como parte integral da molécula. Incluído sob este descritor há uma vasta amplitude de compostos sintéticos que são utilizados como PESTICIDAS e FÁRMACOS.Veteranos: Antigos membros das forças armadas.Inibidores da Colinesterase: Drogas que inibem as colinesterases. O neurotransmissor ACETILCOLINA é rapidamente hidrolisado, e portanto inativado, pelas colinesterases. Quando as colinesterases são inibidas, a ação da acetilcolina liberada endogenamente nas sinapses colinérgicas é potencializada. Os inibidores da colinesterase são muito usados clinicamente pela sua potenciação das entradas colinérgicas para o trato gastrointestinal e a bexiga urinária, os olhos e músculos esqueléticos. Também são usados por seus efeitos no coração e no sistema nervoso central.IraqueDoenças das Glândulas SalivaresArmas Biológicas: Organismos vivos ou seus produtos tóxicos usados para causar doença ou morte de humanos durante a GUERRA.Medicina Militar: A arte e a ciência da medicina, que inclui, em particular, cuidados críticos, cirurgia de emergência e traumatologia aplicadas em situações de feridos em massa, condições nas frentes de batalha e no atendimento às necessidades dos soldados.Butirilcolinesterase: Aspecto da colinesterase (EC 3.1.1.8).Síndrome do Golfo Pérsico: Sintomas não explicados, relatados por veteranos da Guerra do Golfo Pérsico com o Iraque em 1991. Os sintomas relatados incluem fadiga, erupções cutâneas, dor nas articulações e músculos, cefaleias, perda de memória, respiração curta, sintomas gastrintestinais e respiratórios, e sensibilidade extrema aos agentes químicos de ocorrência comum.Queimaduras QuímicasQueimaduras Oculares: Lesões em qualquer parte do olho por calor extremo, agentes químicos ou radiação ultravioleta.Guerra Psicológica: Manipulação das influências psicológicas, principalmente relacionada com a moral, para fortalecer a habilidade do próprio país da pessoa e debilitar o inimigo.