Saúde Ambiental: 1) Ciência que controla ou modifica as condições, influências ou forças que rodeiam o ser humano que se relacionam a promover, estabelecer e manter a saúde. (MeSH). 2) Refere-se ao controle de todos os processos, influências e fatores físicos, químicos e biológicos que exercem ou podem exercer, direta ou indiretamente, efeito significativo sobre a saúde e bem-estar físico e mental do homem e sua sociedade.National Institute of Environmental Health Sciences (U.S.): Componente do NATIONAL INSTITUTES OF HEALTH (U.S.). Administra e sustenta a pesquisa básica e aplicada para reduzir a carga da doença humana e a disfunção das causas ambientais, definindo como exposições ambientais, suscetibilidade genética e idade interagem afetando a saúde do indivíduo. Foi fundado em 1969.Saúde Pública: Ramo da medicina voltado para a prevenção e o controle de doenças e deficiências, e para a promoção da saúde física e mental da população tanto nos níveis internacional e nacional, como no estadual ou municipal.Medicina Ambiental: Especialidade médica voltada para os fatores ambientais que podem desencadear (impinge) doenças humanas, e para o desenvolvimento de métodos para detectar, prevenir e controlar doenças relacionadas com o ambiente.Exposição Ambiental: Exposição de um indivíduo a agentes biológicos no ambiente ou a fatores ambientais como radiações ionizantes, produtos químicos e organismos patogênicos.Poluição Ambiental: Contaminação do ar, corpos d'água ou territórios com substâncias que são danosas à saúde humana e ao ambiente.Poluentes Ambientais: Substâncias ou energias, por exemplo, calor ou luz, que, ao serem introduzidas no ar, água ou solo, ameaçam a vida ou a saúde de indivíduos ou ECOSSISTEMAS.Resíduos Perigosos: Produtos residuais que ameaçam a vida, a saúde ou o ambiente quando tratados, armazenados, transportados, descartados, ou manuseados de forma inadequada.Substâncias Perigosas: Elementos, compostos, misturas ou soluções que são consideradas gravemente danosas à saúde humana e ao ambiente. Incluem substâncias tóxicas, corrosivas, inflamáveis ou explosivas.Nível de Saúde: Grau em que se encontra um indivíduo ou população quanto às funções físicas e mentais, independentemente do sistema de saúde local. (Tradução livre do original: Last, 2001)United States Environmental Protection Agency: Agência do Ramo Executivo do Governo Federal. Foi criada como uma agência reguladora independente responsável pela implementação de leis federais planejadas para proteger o meio ambiente. Sua função é proteger a saúde humana e o MEIO AMBIENTE.Política de Saúde: Decisões geralmente desenvolvidas por formuladores de políticas do governo, para definição de objetivos imediatos e futuros do sistema de saúde.Aniversários e Eventos Especiais: Ocasiões em que se comemora um evento ou que são criadas com um propósito específico.Monitoramento Ambiental: Monitoração do nível de toxinas, poluentes químicos, contaminantes microbianos ou outras substâncias danosas no ambiente (solo, ar e água), no trabalho ou nos corpos das pessoas e animais presentes naquele ambiente.Assistência à Saúde: Refere-se a todos os aspectos da provisão e distribuição de serviços de saúde a uma população.Administração em Saúde Pública: Organização das unidades sanitárias que compõem a rede de serviços e atenção em saúde pública, identificando e descrevendo os tipos e modelos de organização, as prioridades e programações específicas, os órgãos centrais e regionais de saúde e a integração de serviços de saúde pública. (Botelho LJ ; Philippi JMS 1999 Universidade Federal de Sta. Catarina)Bem-Estar da Criança: Esforços organizados ou organizações para melhoria da saúde e bem-estar da criança.Promoção da Saúde: Promoção da saúde é o processo de capacitação do indivíduo em melhorar e controlar sua saúde. Para alcançar o estado de completo bem-estar físico, mental e social, um indivíduo ou grupo deve ser capaz de identificar aspirações, satisfazer necessidades e mudar ou lidar com seu ambiente. Saúde é vista, portanto, como um meio de vida e não um objetivo. Política de promoção de saúde envolve abordagens diversas, mas complementares, levando em conta as diferenças sociais, culturais e econômicas de cada país. (Ottawa Charter 1986)Planejamento em Saúde: Processo que consiste em desenhar, executar, acompanhar e avaliar um conjunto de propostas de ação com vistas à intervenção sobre um determinado recorte de realidade. Trata-se também de um instrumento de racionalização das ações no setor de saúde, realizada por atores sociais, orientada por um propósito de manter ou modificar uma determinada situação de saúde. (Tancredi, 2002)Inquéritos Epidemiológicos: Coleta sistemática de dados relativos ao estado de saúde de determinada população. Pode ser descritiva, exploratória ou explicativa. (Tradução livre do original: Last, 2001)Reforma dos Serviços de Saúde: Inovação e aprimoramento do sistema de saúde pela reavaliação e reforma dos serviços, e eliminação de erros e abusos na provisão e distribuição dos serviços de saúde aos pacientes. Inclui um realinhamento dos serviços e do seguro-saúde para um maior número de pessoas (o desempregado, o indigente, o não assegurado e o idoso nos centros urbanos e nas áreas rurais) com referência a cobertura, hospitalização, restrição de preços e custos, os custos de seguradoras e de empregados, afecções pré-existentes, medicamentos prescritos, equipamentos e serviços (tradução livre do original: MeSH, para Health Care Reform).Saneamento: Controle de todos os fatores do meio físico do homem, que exercem ou podem exercer efeito deletério sobre seu bem estar físico, mental ou social.Saúde Mental: É o estado de bem-estar no qual o indivíduo percebe as próprias habilidades, pode lidar com os estresses normais da vida, é capaz de trabalhar produtivamente e está apto a contribuir com sua comunidade. É mais do que ausência de doença mental. (WHO 2001)National Institutes of Health (U.S.): Divisão operacional do Departamento dos EUA de Saúde e Serviços Humanos. Lida com o planejamento global, promoção e administração de programas pertinentes a saúde e pesquisa médica.Pesquisa: Investigação crítica e exaustiva ou experimentação, tendo por objetivo a descoberta de fatos novos e sua interpretação correta, a revisão de conclusões, teorias ou leis aceitas, à luz de fatos recentemente descobertos, ou a aplicação prática dessas conclusões, teorias ou leis novas ou revisadas.Legislação como Assunto: As decretações, sanções e promulgações de leis, decretos e regulamentos e sua regulamentação por órgãos oficiais de uma nação, estado, ou outra organização legislativa. Refere-se também a leis e regulamentos em geral relacionados à saúde ou para os quais não há descritor específico.Saúde Mundial: Conceito relativo ao estado de saúde dos habitantes do mundo. Por ordem de gravidade os principais riscos para a saúde mundial foram assim classificados: subalimentação, prática de sexo sem proteção, hipertensão, tabagismo, álcool, má qualidade da água, colesterol, fumaça de combustíveis sólidos como carvão e lenha, carência de ferro e a obesidade.Saúde: Estado do organismo quando funciona otimamente sem evidência de doença.Ecotoxicologia: O estudo da POLUIÇÃO AMBIENTAL e os efeitos tóxicos dos POLUENTES AMBIENTAIS no ECOSSISTEMA. O termo foi inventado por Truhaut em 1969.Escolas de Saúde Pública: Instituições educacionais para indivíduos em especialização no campo de saúde pública.Formulação de Políticas: Processo de decisão pelo qual indivíduos, grupos ou instituições estabelecem legislações ou regulações que legitimem políticas relativas a planos, programas ou procedimentos.Poluição da Água: Contaminação de corpos d'água (como LAGOS, RIOS, OCEANOS E MARES e ÁGUAS SUBTERRÂNEAS).Gerenciamento de Resíduos: Descarte, processamento, controle, reciclagem, e reutilização de sólidos, líquidos e gases provenientes de plantas, animais, humanos e outros organismos. Inclui o controle dentro de um sistema ecológico fechado para manter um ambiente habitável.Atitude Frente à Saúde: Atitudes do público em relação à saúde, doença e sistema de atendimento médico.Participação Comunitária: Mecanismo ou processo através do qual a população, por meio de seus representantes, participa do processo de formulação das políticas de saúde e do controle de sua execução nos distintos níveis de governo: federal, estadual e municipal.Pesquisas sobre Serviços de Saúde: Medidas estatísticas da utilização e outros aspectos da provisão de serviços de cuidado à saúde, incluindo hospitalização e cuidado ambulatorial.Política Social: Curso ou método de ação escolhido geralmente por um governo entre várias alternativas para guiar ou determinar decisões presentes e futuras.Acesso aos Serviços de Saúde: Possibilidade dos indivíduos adentrarem e utilizarem os serviços de atenção à saúde, com vistas à resolução de problemas que afetem a saúde. Dentre os fatores que influem nesta possibilidade incluem considerações geográficas, arquitetônicas, de transporte, financeiras entre outras.Educação em Saúde: A educação em saúde objetiva desenvolver nas pessoas um sentido de responsabilidade, como indivíduo, membro de uma família e de uma comunidade, para com a saúde, tanto individual como coletivamente.Relações Comunidade-Instituição: As interações entre membros de uma comunidade e representantes das instituições dentro daquela comunidade.Atenção Primária à Saúde: É a assistência sanitária essencial baseada em métodos e tecnologias práticas, cientificamente fundados e socialmente aceitáveis, postos ao alcance de todos os indivíduos e famílias da comunidade mediante a sua plena participação e a um custo que a comunidade e o país possam suportar, em todas e cada etapa do seu desenvolvimento, com um espírito de autorresponsabilidade e autodeterminação. (Declaração de Alma-Ata - Organização Pan-Americana da Saúde, 2003)Saúde do Trabalhador: Promoção e manutenção no mais alto grau do bem-estar físico, mental e social dos trabalhadores em todas as ocupações; a prevenção entre os trabalhadores de doenças ocupacionais causadas por suas condições de trabalho; a proteção dos trabalhadores em seus labores, dos riscos resultantes de fatores adversos à saúde; a colocação e conservação dos trabalhadores nos ambientes ocupacionais adaptados a suas aptidões fisiológicas e psicológicas.Infectologia: Ramo da medicina interna que lida com o diagnóstico e o tratamento de DOENÇAS INFECCIOSAS.Planejamento em Saúde Comunitária: Planejamento que tem o objetivo de melhorar a saúde, melhorar a acessibilidade aos serviços de saúde e promoção da eficiência na provisão dos serviços e recursos em uma base compreensível para a comunidade inteira.Comportamentos Saudáveis: Comportamentos através dos quais os indivíduos protegem, mantém e promovem o próprio estado de saúde. Por exemplo, dieta e exercícios apropriados são vistos como atividades que influenciam o estado de saúde. O estilo de vida está intimamente relacionado com a comportamento saudável e é, por sua vez, influenciado por fatores socioeconômicos, educacionais e culturais.Ética Profissional: Princípios de conduta própria relativos aos direitos e deveres do profissional, relações com pacientes ou consumidores e médicos da mesma categoria, assim como ações do profissional e relações interpessoais com paciente ou família do consumidor. (Tradução livre do original: Stedman, 25th ed)Saúde da População Urbana: A qualidade de vida e a saúde da população urbana estão sujeitas a riscos considerados graves em razão dos problemas ambientais que afetam seu cotidiano, principalmente nas grandes metrópoles. São eles: poluentes ambientais emitidos pelo setor industrial e de transporte; os coliformes (bactérias) existentes nos esgotos residenciais e os metais pesados lançados pelas indústrias. As cidades sofrem ainda com a elevação da temperatura e com a poluição sonora e visual, violência, trânsito, estresse etc.. Todos esses problemas afetam a saúde de seus habitantes e demandam políticas, programas e serviços que possam minimizá-los.Qualidade da Assistência à Saúde: Níveis de excelência que caracterizam os serviços ou cuidados de saúde prestados baseados em normas de qualidade.Conhecimentos, Atitudes e Prática em Saúde: Conhecimento, atitudes e comportamentos associados, que fazem parte dos tópicos relacionados com a saúde, como doenças e PROCESSOS PATOLÓGICOS, sua prevenção e tratamento. Este termo refere-se a trabalhadores da área da saúde (PESSOAL DE SAÚDE) ou não.Ética em Pesquisa: Obrigações morais que regulam a conduta de pesquisa. Usada para discussões de ética na pesquisa como tópico geral.Condições Sociais: Condição social é a situação, estado ou circunstância de um indivíduo, grupo, população ou localidade, em relação à habitação, escolaridade, infraestrutura sanitária, emprego, pobreza e outros parâmetros socioeconômicos.Praguicidas: Compostos químicos usados para destruir pragas de qualquer tipo. O conceito inclui fungicidas (FUNGICIDAS INDUSTRIAIS), INSETICIDAS, RODENTICIDAS, etc.Justiça Social: Processo interativo no qual os membros de uma comunidade estão preocupados com a igualdade e os direitos de todos.Serviços de Saúde: Constituem um sistema organizado para a provisão de cuidados de saúde num país. A gama de serviços varia de acordo com o país e inclui desde serviços preventivos até cuidados a pacientes internados ou não. (European Commission Glossary)Seguro Saúde: Seguros que cobrem assistência médica; cirúrgica ou hospitalar; usar para aspectos gerais ou quando não houver descritor específico. Seguro voluntário de saúde é aquele cujos beneficiários contribuem voluntariamente para o prêmio correspondente e gozam dos benefícios do mesmo.Enfermagem em Saúde Pública: Campo da enfermagem voltado para a promoção e proteção da saúde das populações, usando o conhecimento de enfermagem e das ciências social e de saúde pública para desenvolver pesquisa e política em saúde local, regional, estadual e nacional. É focado em população e orientado para a comunidade, direcionado a promoção de saúde e prevenção de doenças através de programas educacionais, diagnósticos e preventivos.Toxicogenética: Estudo dos conhecimentos genéticos existentes e geração de novos dados genéticos para compreender e, portanto, evitar TOXICIDADE DE DROGAS e os efeitos adversos de substâncias ambientais tóxicas.Pessoal de Saúde: Indivíduos que trabalham na provisão de serviços de saúde, quer como médicos individuais ou empregados de instituições e programas de saúde, profissionais de saúde treinados ou não, sujeitos ou não a regulamento público.Meio Ambiente: Elementos e condições externos que envolvem, influenciam e afetam a vida e o desenvolvimento de um organismo ou população.Medicina do Trabalho: Especialidade da medicina que trata da promoção e manutenção da saúde física e mental de trabalhadores em seu local de trabalho.Estados UnidosSaúde Bucal: 1) Estado ótimo da boca e funcionamento normal dos órgãos da boca sem evidência de doença (MeSH). 2) Conjunto de condições biológicas e psicológicas que possibilita ao ser humano exercer funções como mastigação, deglutição e fonação e, também, tendo em vista a dimensão estética inerente à região anatômica, exercitar a autoestima e relacionar-se socialmente sem inibição ou constrangimento.Necessidades e Demandas de Serviços de Saúde: Serviços de saúde requeridos por uma população ou comunidade; inclui a avaliação e a identificação das necessidades percebidas pelo grupo, calculadas através de critérios e métodos científicos.Saúde da População Rural: O conceito engloba assistir às comunidades rurais para identificação de suas necessidades e prioridades; desenvolver programas nacionais de vigilância, pesquisa e educação; e investigar o impacto da prática agrícola sobre fazendeiros e suas famílias e outros residentes rurais.United States Dept. of Health and Human Services: Departamento de gabinete do Ramo Executivo no Governo dos Estados Unidos que se ocupado da administração das agências e escritórios que contêm programas pertinentes aos serviços humanos e a saúde.Enfermagem do Trabalho: Prática da enfermagem no ambiente de trabalho.Organização Mundial da Saúde: Agência especializada das Nações Unidas, designada como uma autoridade coordenadora no trabalho internacional de saúde. Sua intenção é promover o nível mais alto possível de saúde para todos os povos.United States Public Health Service: Organização constituinte do UNITED STATES DEPT. OF HEALTH AND HUMAN SERVICES que se ocupada da proteção e melhoria da saúde da nação americana (EUA).Pesquisa sobre Serviços de Saúde: Pesquisa sobre a organização, administração, necessidades e funcionamento de serviços de saúde. Exclui pesquisa biomédica.Relações Interinstitucionais: Interação entre representantes de instituições ou órgãos.Gastos em Saúde: Quantidade de recursos financeiro aplicados na atenção e prestação de cuidados de saúde em sua totalidade ou com seus componentes, seja por pessoas, grupos, países ou instituições públicas e privadas.Avaliação do Impacto na Saúde: Combinação de procedimentos, métodos e ferramentas por meio dos quais a política, o programa ou projeto podem ser julgados de acordo com o seu efeito potencial na saúde de uma população e a distribuição destes efeitos na população.Apoio à Pesquisa como Assunto: Apoio financeiro às atividades de pesquisa.Poluição do Ar em Ambientes Fechados: Contaminação de ar em recinto fechado.Órgãos Governamentais: Unidades administrativas do governo responsável por criar políticas e administrar as atividades governamentais.Sistemas de Informação Geográfica: Sistemas de computação capazes de reunir, armazenar, manipular e exibir informação geograficamente referenciada, i. é, dados identificados de acordo com suas localizações.Medição de Risco: Métodos e técnicas aplicadas para identificar os fatores de risco e medir a vulnerabilidade aos perigos potenciais causados por desastres e substâncias químicas.Transferência de Tecnologia: Difusão e adoção de invenções e técnicas de uma área geográfica para outra, de uma disciplina para outra, ou de um setor da economia para outro. Por exemplo, melhorias em equipamentos médicos podem ser transferidas de países industrializados para países em desenvolvimento, os avanços decorrentes da engenharia aeroespacial podem ser aplicadas a equipamentos para pessoas com deficiência, e inovações nas ciências decorrentes de pesquisas governamentais são disponibilizadas para a iniciativa privada.Contaminação de Alimentos: Presença de elementos estranhos nos alimentos, por ex. substâncias químicas, micro-organismos, diluentes, que possam torná-lo nocivo ou inadequado para o consumo, durante, antes e após seu processamento ou armazenagem.Medicina Preventiva: Especialidade médica que lida principalmente com a prevenção da doença (PREVENÇÃO PRIMÁRIA) e promoção e preservação da saúde do indivíduo.Disparidades nos Níveis de Saúde: Variação nas taxas de ocorrências de doenças e deficiências entre grupos populacionais definidos por características socioeconômicas como idade, etnia, recursos econômicos ou gênero e populações identificadas geograficamente ou por medidas semelhantes.Poluentes do Ar: Qualquer substância no ar que poderia (se presente, em concentração suficiente elevada) prejudicar humanos, animais, vegetação ou material. Entre as substâncias estão GASES, MATERIAL PARTICULADO e COMPOSTOS ORGÂNICOS voláteis.Abastecimento de Água: Meio ou processo de abastecimento de água (como para uma comunidade) que geralmente inclui reservatórios, túneis e tubulações e frequentemente a represa da qual a água provém. (Webster, 3d ed)Monitoramento Epidemiológico: Coleção, análise e interpretação de dados sobre a frequência, distribuição e consequências das doenças ou das condições de saúde para uso em planejamento, implementação e avaliação dos programas de saúde pública.Pesquisa Participativa Baseada na Comunidade: Processo colaborativo de pesquisa envolvendo pesquisadores e representantes da comunidade.Aceitação pelo Paciente de Cuidados de Saúde: A busca e aceitação por pacientes de serviços de saúde.Controle de Pragas: Redução ou regulação da população de plantas, insetos ou outros animais nocivos, destrutivos ou perigosos. Inclui o controle de plantas que servem como habitats ou fonte de alimento para pragas animais.Alocação de Recursos para a Atenção à Saúde: Planejamento para dotação equitativa, rateio ou distribuição de recursos de saúde disponíveis.Cooperação Internacional: Interação de pessoas ou grupos de pessoas que representam várias nações na busca de uma meta ou interesse comum.Prática de Saúde Pública: As atividades e empenho dos serviços de saúde pública em qualquer nível de uma comunidade.Gestão de Riscos: Identificação, avaliação das perdas e controle de riscos, que geralmente não são assegurados visando minimizar as obrigações financeiras.Prioridades em Saúde: Programas, procedimentos, atividades ou serviços que têm preferência numa escala hierárquica, considerando um universo definido de possibilidades que compõem o campo da saúde em uma unidade de saúde, região, município, estado, país ou continente.Habitação: Local onde as pessoas residem.Programas Nacionais de Saúde: Conjunto de normas, regulamentos e recomendações técnicas no âmbito nacional visando a implementação de estratégias sanitárias específicas, cuja organização pode basear-se em enfermidades (doenças infecciosas, cânceres etc.) ou ciclos de vida (infância, adolescência, adultos etc).Serviços de Saúde Mental: Serviços de saúde mental para prevenção diagnóstico, tratamento prestados a indivíduos com o objetivo de reintegrá-los à comunidade.Fatores Socioeconômicos: Fatores sociais e econômicos que caracterizam o indivíduo ou o grupo dentro da estrutura social.Prestação Integrada de Cuidados de Saúde: Sistema de cuidados de saúde que combina médicos, hospitais e outros serviços médicos com um plano de saúde para fornecer o espectro completo dos cuidados médicos para seus clientes. Em um sistema integrado completo, os três elementos chave - médicos, hospital e membros do plano de saúde - estão em equilíbrio em termos de combinação de recursos médicos com as necessidades dos compradores e pacientes.Poluentes Químicos da Água: Compostos químicos que poluem a água dos rios, córregos, lagos, mar, reservatórios ou outros corpos aquáticos.Diretrizes para o Planejamento em Saúde: Recomendações para a orientação do planejamento e das políticas de saúde. São geralmente emitidas pelo órgão central nacional de saúde como por exemplo o ministério da saúde.Toxicologia: Ciência relacionada com a detecção, composição química e ação biológica de substâncias tóxicas ou venenos, tratamento e prevenção das manifestações tóxicas.Saúde da Mulher: Conceito que abrange a condição física e mental das mulheres.Setor de Assistência à Saúde: Setor econômico preocupado com a provisão, distribuição e consumo de serviços de cuidados de saúde e produtos relacionados.Mapas como Assunto: Representações, geralmente em escala e em meio plano, de uma seleção de aspectos materiais ou abstratos da superfície da terra, dos céus ou de corpos celestes.Intoxicação por ChumboEpidemiologia: Estudo da distribuição e dos determinantes de estados ou eventos relacionados à saúde em populações específicas, bem como a aplicação desse estudo no controle de problemas ligados à saúde. (Tradução livre do original: Last, 2001)Projetos de Pesquisa: Plano para se coletar e utilizar dados de forma que a informação desejada seja obtida com precisão suficiente, ou de forma que uma hipótese seja testada adequadamente.Cidade de Nova IorquePoluição do Ar: Presença de contaminantes ou substâncias poluidoras no ar (POLUENTES DO AR) que interferem com a saúde e o bem-estar humano, ou causam efeitos danosos no meio ambiente. Entre estas substâncias podem estar GASES, MATERIAL PARTICULADO ou COMPOSTOS ORGÂNICOS voláteis.Alfabetização em Saúde: Grau de capacidade que indivíduos têm de obter, processar e compreender a informação e os serviços básicos sobre saúde, necessário para tomar decisões apropriadas em saúde.Serviços de Saúde Comunitária: Serviços de saúde que visam o desenvolvimento das comunidades através de recursos humanos e materiais nelas existentes, para intensificar a autoajuda e o apoio social para desenvolver sistemas flexíveis de reforço da participação popular voltados para os assuntos de saúde. (OPAS)Comportamento Cooperativo: A interação de duas ou mais pessoas ou organizações, que é direcionada para um objetivo comum, mutuamente benéfico. Uma situação de trabalho ou de atuação em conjunto com um propósito ou benefício comum, i. é, uma ação conjunta.Opinião Pública: Atitude de uma porção significante de uma população a respeito de uma determinada proposição, baseada em uma quantia mensurável de efetiva evidência, e envolvendo algum grau de reflexão, análise e raciocínio.Atitude do Pessoal de Saúde: Atitudes do pessoal de saúde em relação a seus pacientes, a outros profissionais, em relação ao sistema de atendimento médico, etc.Serviços de Saúde da Criança: Serviços organizados para proporcionar assistência integral à saúde da criança, abrangendo seus aspectos físico, psíquico e social.Governo Estadual: O nível de organização e atividade governamental inferior ao GOVERNO FEDERAL.Populações Vulneráveis: Grupos de pessoas, cuja faixa de opções é extremamente limitada, que frequentemente são submetidas à COERÇÃO em sua TOMADA DE DECISÕES, ou que podem estar comprometidos em sua capacidade para dar CONSENTIMENTO LIVRE E ESCLARECIDO.Sensibilidade Química Múltipla: Transtorno adquirido caracterizado por sintomas recidivantes, relacionado a múltiplos sistemas de órgãos, que ocorre em resposta a exposição de muitos compostos químicos não relacionados, em doses abaixo daquelas estabelecidas na população geral capazes de causar efeitos danosos. (Tradução livre do original: Cullen MR. The worker with multiple chemical sensitivities: an overview. Occup Med 1987;2(4):655-61).Congressos como Assunto: Conferências, convenções ou outros encontros formais geralmente reunindo pessoas que representam uma área específica de interesse.Política Ambiental: Procedimento de ação ou princípio adotado ou proposto por um governo, partido, negócio ou indivíduo que se refere às interações humanas com a natureza e com os recursos naturais.Prova Pericial: Apresentação de dados pertinentes por um perito com habilidade ou conhecimento que representa juízo qualificado de um assunto em particular.Exposição Ocupacional: Exposição a agentes químicos, físicos ou biológicos potencialmente prejudiciais, que ocorre como resultado da ocupação profissional.Vigilância da População: Exame minucioso de uma população (população em geral, estudo de população, objetivo da população, etc.) geralmente usando métodos notáveis por sua praticabilidade, uniformidade e frequentemente por sua rapidez e mais ainda por sua completa precisão.Prevenção de Acidentes: Esforços e projetos para reduzir a incidência de eventos indesejáveis não previstos em vários ambientes e situações.História do Século XX: Período de tempo a partir de 1901 até 2000 da era comum.Doenças RespiratóriasAvaliação de Resultados (Cuidados de Saúde): Pesquisa voltada ao monitoramento da qualidade e efetividade da assistência à saúde medida em termos da obtenção de resultados pré-estabelecidos. Inclui parâmetros como melhoria do estado de saúde, diminuição de morbidade e mortalidade e melhoria de estados anormais (ex: pressão sanguínea elevada).Técnicas de Planejamento: Procedimentos, estratégias e técnicas de planejamento.Pediatria: Especialidade médica voltada para a manutenção da saúde e para a oferta de cuidados médicos às crianças desde o nascimento até a adolescência.Intoxicação por MercúrioMya: Gênero de moluscos bivalves da família Myidae, classe BIVALVIA.Educação de Pós-Graduação: Estudos além do grau de bacharel em uma instituição que mantém programas de graduação com o propósito de preparar o ingresso em um campo específico e a obtenção de um grau mais elevado.Eliminação de Resíduos: Descarte ou destruição do lixo, esgoto ou outro dejeto, ou sua transformação em algo útil ou inócuo.Centrais Elétricas: Unidades que convertem algumas formas de energia em energia elétrica.Serviços de Saúde Rural: Serviços de saúde, públicos ou privados, em áreas rurais. Os serviços abrangem a promoção da saúde e a distribuição de cuidados de saúde.MontanaInstalações de Saúde: Instituições que proveem serviços médicos e de saúde.Privacidade: O estado de estar livre de intrusão ou perturbação na vida privada de uma pessoa ou em seus negócios.Responsabilidade pela Informação: Obrigação do profissional da saúde de quebrar a CONFIDENCIALIDADE do paciente para notificar terceiros sobre o risco de ser acometido ou de contrair infecção grave.Pobreza: Inadequação dos meio econômicos do indivíduo ou família para sua realização na sociedade, frequentemente decorrente de mecanismos e práticas de exploração econômica, social e cultural.National Library of Medicine (U.S.): Agência do NATIONAL INSTITUTES OF HEALTH (U.S.) envolvida com o planejamento global, promoção e administração de programas pertinentes ao avanço das ciências médicas e relacionadas. A maioria de suas atividades inclui a coleção, disseminação e troca de informação importante para o progresso da medicina e da saúde, pesquisa em informática médica e apoio para o desenvolvimento de biblioteca médica.Desastres: 1) Calamidades que produzem grandes danos, perda de vidas e desgraça. Incluem aquelas que são resultados de fenômenos naturais e de fenômenos originados pelo homem. As condições normais de existência são interrompidas e o nível de impacto supera a capacidade da comunidade afetada. 2) Resultado de eventos adversos, naturais ou provocados pelo homem, sobre um ecossistema vulnerável, causando danos humanos, materiais e ambientais e consequentes prejuízos econômicos e sociais. Os desastres classificam-se quanto à Evolução, Intensidade e Tipologia. Quanto à Evolução, podem ser: Súbitos ou de Evolução Aguda, de Evolução Crônica e Gradual e Por Somação de Efeitos Graduais. A intensidade do desastre é definida, em termos absolutos, a partir da proporção entre necessidade/possibilidade de meios disponíveis na área, para responder ao problema. Dessa forma, caracterizam-se: Acidentes, quando os danos e os prejuízos são de pouca importância; Desastres de Médio Porte, quando solucionados com recursos locais; Desastres de Grande Porte, quando exigem reforço de recursos regionais e algum apoio central; Desastres de Muito Grande Porte, quando exigem a intervenção coordenada dos três níveis do Sistema Nacional de Defesa Civil. Quanto à Tipologia, classificam-se: a) Natural, provocado por fenômenos e desequilíbrios da natureza e gerados por fatores de origem externa que atuam independentemente das ações humanas; b) Humano, provocado pelas ações ou omissões do homem, de origem interna, enquanto resultante da atividade humana, provocadora de desajustes políticos ou sociais, de desequilíbrios ambientais ou da redução de padrões de segurança coletiva; c) Misto, quando as ações ou omissões humanas contribuem para intensificar ou complicar os efeitos dos desastres naturais (Material III - Ministério da Ação Social, Brasília, 1992)Carcinógenos Ambientais: Substâncias carcinogênicas encontradas no meio ambiente.Eliminação de Resíduos de Serviços de Saúde: Administração, remoção e eliminação de resíduos biológico, infeccioso, patológico e odontológico. O conceito inclui sangue, muco, tecidos removidos por cirurgia ou autópsia, curativos cirúrgicos sujos e outros materiais que requeiram manuseio e controle especial. A disposição pode ser efetuada onde o resíduo é gerado ou em outra parte.Regionalização: Sistema de organização de acordo com uma disposição hierárquica na qual ocorre a máxima resolutividade nos níveis mais inferiores. Os demais serviços são utilizados quando as necessidades individuais requerem maior complexidade na atenção à saúde.Recursos Humanos em Saúde: Pessoas envolvidas em atividades no campo da saúde de um país, cuja função/papel é parte do sistema de saúde, envolvendo tanto o setor publico quanto o privado. (Rede observatório de R.H. (M.S / OPAS))Desenvolvimento de Programas: Processo de formulação, implementação e avaliação de planos e programas nos âmbitos federal, estadual e/ou municipal.Chumbo: Metal azul-acinzentado macio com sais venenosos de símbolo Pb, número atômico 82, peso atômico 207,19. (Dorland, 28a ed)Controle de Plantas Daninhas: Prevenção do crescimento e/ou dispersão de plantas não desejáveis.Serviços de Informação: Serviços organizados para prover informação sobre qualquer questão que um indivíduo poderia ter usando bancos de dados e outras fontes.Grupos Minoritários: Subgrupo de pessoas com características especiais, frequentemente ligadas por laços especiais que as distinguem do restante do grupo.WisconsinEducação em Enfermagem: Uso de artigos em geral que dizem respeito a educação em enfermagem.Recursos em Saúde: Inclui recursos humanos, financeiros, físicos e materiais necessários para atividades de promoção, prevenção e assistência a saúde.Inspeção de Alimentos: Fiscalização para verificar o cumprimento das normas de higiene na produção de alimentos.União Europeia: A designação coletiva de três organizações com associação comum: a Comunidade Econômica Europeia (Mercado Comum), a Comunidade Europeia do Carvão e do Aço e a Comunidade de Energia Atômica Europeia (Euratom). Era conhecida como a Comunidade Europeia até 1994. É principalmente uma união econômica com os objetivos principais de movimentar livremente bens, capital e trabalho. Serviços profissionais, sociais, médicos e paramédicos estão incluídos dentro do trabalho. Os países constituintes são a Áustria, Bélgica, Dinamarca, Finlândia, França, Alemanha, Grécia, Irlanda, Itália, Luxemburgo, Países Baixos, Portugal, Espanha, Suécia e Reino Unido.Comunicação Interdisciplinar: Comunicação, no sentido de uma riqueza de ideias, envolvendo duas ou mais disciplinas acadêmicas (como as disciplinas que compreendem o campo interdisciplinar da bioética, incluindo a saúde e ciências biológica, humana, social e a lei). Também inclui os problemas na comunicação iniciando-se nas diferenças nos padrões de linguagem utilizados em diferentes disciplinas acadêmica ou médica.Doenças Profissionais: Doenças causadas por fatores que têm relação com o trabalho de uma pessoa.Garantia da Qualidade dos Cuidados de Saúde: Atividades e programas encarregados de assegurar a qualidade dos cuidados em um ato ou um programa médico definido.Centros Comunitários de Saúde: Centros que administram a provisão de tratamentos de saúde aos habitantes de uma comunidade e arredores.PiscinasTerrorismo: Uso ou ameaça da força ou a violência contra pessoas ou propriedades, com violação das leis criminais, com propósitos de intimidação, coerção ou resgate, em apoio de objetivos políticos ou sociais.Gravidez: Estado durante o qual os mamíferos fêmeas carregam seus filhotes em desenvolvimento (EMBRIÃO ou FETO) no útero (antes de nascer) começando da FERTILIZAÇÃO ao NASCIMENTO.Estudos Transversais: Estudos epidemiológicos que avaliam a relação entre doenças, agravos ou características relacionadas à saúde, e outras variáveis de interesse, a partir de dados coletados simultaneamente em uma população. (Tradução livre do original: Last, 2001)Avaliação de Programas e Projetos de Saúde: Processo cuja finalidade é a determinação sistemática e objetiva da relevância, efetividade e impacto de políticas públicas, programas e projetos de saúde. O objetivo da avaliação é o de aperfeiçoar os programas e projetos, no sentido de orientar a distribuição de recursos humanos e financeiros. (tradução livre do original: OPAS/OMS-Evaluación de los programas de Salud; normas fundamentales. 1981, para Avaliação de Programas e Projetos de Saúde) Estudos projetados para avaliar a eficácia de programas. Incluem a avaliação de custo-eficácia e do alcance ou impacto dos objetivos cumpridos. (tradução livre do original: MeSH, para Program Evaluation)Agricultura: A ciência, arte ou prática do cultivo da terra, produção agrícola e criação de gado.Bolsas de Estudo: Recursos financeiros oferecidos por fundações ou instituições para pessoas estudarem; inclui ajuda de custo e estipêndio.Xenobióticos: Substâncias químicas estranhas ao sistema biológico. Compreendem compostos de ocorrência natural, drogas, agentes ambientais, carcinógenos, inseticidas, etc.Conservação de Recursos Naturais: Proteção, preservação, restauração e uso racional de todos os recursos ambientais.Distribuição Espacial da População: Arranjo físico e localização de populações ou fatores ligados a elas.Estudos Epidemiológicos: Estudos elaborados para examinar associações, geralmente relações de causas hipotéticas. De modo geral, o objetivo é identificar ou medir os efeitos dos fatores de riscos ou das exposições. Os tipos de estudo analítico são ESTUDOS DE CASOS E CONTROLES , ESTUDOS DE COORTES e ESTUDOS TRANSVERSAIS.Serviços Preventivos de Saúde: Serviços planejados para PROMOÇÃO DA SAÚDE e prevenção de doenças.Centers for Disease Control and Prevention (U.S.): Agência do UNITED STATES PUBLIC HEALTH SERVICE que conduz e financia programas para prevenção e controle de doenças e fornece a possibilidade de consulta e de assistência aos departamentos de saúde e outros países.Arquitetura de Instituições de Saúde: Arquitetura, projetos de interiores e exteriores, e construção de centros que não sejam hospitais como por ex. escolas de odontologia, escolas de medicina, ambulatórios e unidades especiais de uma instalação de saúde.Universidades: Instituições educacionais que promovem facilidades para o ensino e a pesquisa e autorizadas a conceder os graus acadêmicos.Conhecimento: Corpo [constituído] por verdades ou fatos acumulados com o passar do tempo, soma de informações acumuladas, seu volume e natureza, em qualquer civilização, período ou país.Modelos Teóricos: Representações teóricas que simulam o comportamento ou atividade dos sistemas, processos ou fenômenos. Eles incluem o uso de equações matemáticas, computadores e outros equipamentos eletrônicos.Recém-Nascido: Criança durante o primeiro mês após o nascimento.Europa (Continente)Indústrias: Qualquer empreendimento centralizado no processamento, montagem, produção ou negociação de uma linha de produtos, serviços, mercadorias em uma determinada área em particular, que com frequência recebe seu nome pelo produto principal. Exemplos incluem as indústrias de automóveis, da música, de editoras, de seguros e indústrias têxteis.Cidades: Aglomeração humana localizada numa área geográfica circunscrita com numerosos estabelecimentos destinados à moradia e/ou a atividades culturais, mercantis, industriais, financeiras e outras não relacionadas com a exploração direta do solo. (Houaiss, 2001)Ocupações em Saúde: Profissões ou outras atividades comerciais dirigidas para a cura e a prevenção de doenças. Para ocupações de pessoal médico que não são médicos mas que trabalham nas áreas da tecnologia médica, fisioterapia, etc., há também OCUPAÇÕES RELACIONADAS COM SAÚDE.Arsênico: Elemento cinza brilhante cujo símbolo atômico é As, número atômico 33 e peso atômico 75. Ocorre em todo o universo, principalmente na forma de arsenietos metálicos. A maioria das formas são tóxicas. De acordo com o Quarto Relatório Anual sobre Carcinógenos (NTP 85-002, 1985), o arsênico e alguns de seus compostos tem sido listados como conhecidos carcinógenos. (Tradução livre do original: Merck Index, 11th ed)Questionários: Conjunto de perguntas previamente preparadas utilizado para a compilação de dados.Saúde Reprodutiva: 1) Condição física dos sistemas reprodutivos humanos (MeSH). 2) A saúde reprodutiva é um estado de completo bem-estar físico, mental e social, e não de mera ausência de doença, em todos os aspectos relativos ao sistema reprodutivo, suas funções e processos, em todas as fases da vida. Saúde reprodutiva implica, por conseguinte, que a pessoa são capazes de ter um a vida sexual responsável, satisfatória e segura e que elas têm a capacidade de reproduzir e a liberdade de decidir se, quando e com que frequência fazê-lo. Implícitos estão o direito de homens e mulheres serem informados e de terem acesso a método de regulação da fertilidade de sua escolha, que sejam seguros, eficazes, acessíveis e aceitáveis, e o direito ao acesso a serviços de saúde adequados que permitam que as mulheres sigam com segurança durante a gravidez e o parto e que ofereçam aos casais todo o necessário para terem um bebê saudável. (Tradução livre do original : WHO. Health topics - Reproductive Health. Disponível em http://www.who.int/topics/reproductive_health/en/)North CarolinaRegistros Eletrônicos de Saúde: Meios que facilitam a transportabilidade de informação pertinente relativa à doença do paciente através de vários provedores e localizações geográficas. Algumas versões incluem ligações diretas com a informação online de saúde do consumidor que seja relevante às condições de saúde e aos tratamentos relacionados a um paciente específico.Serviços de Saúde Materna: Prestação de cuidados de acompanhamento de gravidez e preparação para o parto.Planos de Assistência de Saúde para Empregados: Planos de seguros de saúde para empregados que geralmente incluem seus dependentes, frequentemente com custos compartidos com o empregador pagando uma porcentagem.Américas: Nome geral, não especificado ou combinado, para AMÉRICA DO NORTE, AMÉRICA CENTRAL e AMÉRICA DO SUL.Metais Pesados: Metais com alta densidade, normalmente maior que 5. Possuem espectros complexos, formam sais coloridos e duplo sais, possuem baixo potencial elétrico, são principalmente anfotéricos, produzindo bases e ácidos fracos, além de poderem ser agentes oxidantes ou redutores.População Urbana: Habitantes de uma cidade ou município, inclusive áreas metropolitanas ou suburbanas.Sujeitos da Pesquisa: Pessoas inscritas em estudo de pesquisa ou que são sujeitos de pesquisa.Cuba: Ilha nas Grandes Antilhas nas Índias Ocidentais, ao sul da Flórida. Junto com ilhas adjacentes forma a República de Cuba. Sua capital é Havana. Foi descoberta por Colombo na primeira viagem dele em 1492 e foi conquistada pela Espanha em 1511. Tem uma história variada sob domínio da Espanha, Grã-Bretanha e Estados Unidos, mas está independente desde 1902. Diz-se que Cuba é um nome índio de origem desconhecida mas o idioma que originou o nome está extinto, de forma que a etimologia é uma conjetura. (Tradução livre do original: Webster's New Geographical Dictionary, 1988, p302 & Room, Brewer's Dictionary of Names, 1992, p132)Serviços de Saúde do Trabalhador: Serviços de saúde para as pessoas inseridas no mercado de trabalho, geralmente oferecidos pelo empregador no próprio local de trabalho.Disruptores Endócrinos: Agentes exógenos, sintéticos que ocorrem naturalmente e são capazes de romper as funções do SISTEMA ENDÓCRINO incluindo a manutenção da HOMEOSTASIA e a regulação dos processos de desenvolvimento. Os disruptores endócrinos são compostos que podem imitar HORMÔNIOS ou aumentar ou bloquear a ligação dos hormônios aos seus receptores, ou por outro lado, conduzir a ativação ou inibição das vias de sinalização endócrina e do metabolismo hormonal.Compostos de Metilmercúrio: Compostos orgânicos em que o átomo de mercúrio está anexado a um grupo metil.Poluentes do Solo: Substâncias que poluem o solo. Use para poluentes do solo em geral ou para aqueles que não tenham um título específico.Pesquisa Biomédica: Pesquisa que envolve a aplicação das ciências naturais, especialmente a biologia, fisiologia à medicina.Segurança: Ausência de exposição a perigo e proteção contra a ocorrência ou risco de lesão ou perda. Sugere precauções ideais no ambiente de trabalho, na rua, no lar, etc., e inclui segurança pessoal assim como a segurança de propriedade.Consentimento Livre e Esclarecido: Autorização voluntária dada por um paciente ou sujeito da pesquisa, com total compreensão dos riscos envolvidos nos procedimentos de diagnóstico ou de pesquisa e para tratamento médico ou cirúrgico.Grécia