Consumo de Bebidas Alcoólicas: Comportamentos associados à ingestão de bebidas alcoólicas, incluindo o ato de beber em situações sociais.Álcoois: Compostos alquilos que contêm o grupo hidróxido. Eles são classificados de acordo com o átomo de carbono: álcoois primários, R-CH2OH; álcoois secundários, R2-CHOH e álcoois terciários, R3-COH. (Tradução livre do original: Grant & Hackh's Chemical Dictionary, 5th Ed)Álcool Desidrogenase: Enzima contendo zinco que oxida álcoois primários e secundários ou hemiacetais na presença de NAD. Na fermentação alcoólica, catalisa a etapa final de redução de um aldeído a um álcool na presença de NADH e hidrogênio.Alcoolismo: Doença crônica, primária, com fatores genéticos, psicossociais e ambientais influenciando seu desenvolvimento e manifestações. A doença é geralmente progressiva e fatal. É caracterizada pela falta de controle sobre a bebida, pré-ocupação com a droga álcool, uso de álcool apesar das consequências adversas, e distorções no pensamento, negação notável. Cada um destes sintomas pode ser contínuo ou periódico.Etanol: Líquido claro e incolor que é rapidamente absorvido no trato gastrointestinal e distribuído por todo o corpo. Possui atividade bactericida e é frequentemente utilizado como desinfetante tópico. É amplamente utilizado como solvente e na preservação de preparações farmacológicas, bem como matéria-prima das BEBIDAS ALCOÓLICAS.Transtornos do Espectro Alcoólico Fetal: Termo abrangente usado para descrever um padrão de incapacidades e anomalias que resultam da exposição fetal ao ETANOL durante a gestação. Compreende um espectro fenotípico que pode variar enormemente entre indivíduos, mas que com certeza inclui um ou mais dos seguintes fenótipos: dimorfismo facial característico, RETARDO DO CRESCIMENTO FETAL, anomalias do sistema nervoso central, disfunção cognitiva ou de comportamento, ANORMALIDADES CONGÊNITAS. O nível do consumo de álcool pela mãe não necessariamente se correlaciona diretamente com a gravidade da doença.Bebidas Alcoólicas: Líquidos bebíveis que contêm ETANOL.Intoxicação Alcoólica: Síndrome cerebral aguda resultante da ingestão excessiva de ETANOL ou BEBIDAS ALCOÓLICAS.Oxirredutases do Álcool: Subclasse de enzimas que inclui todas as desidrogenases que agem sobre álcoois primários e secundários, bem como sobre hemiacetais. São classificados posteriormente de acordo com o aceptor, que pode ser NAD+ ou NADP+ (subclasse 1.1.1), citocromo (1.1.2), oxigênio (1.1.3), quinona (1.1.5) ou outro aceptor (1.1.99).Álcoois Benzílicos: Derivados alcoólicos do radical arílico (C6H5CH2-) e definidos por C6H5CHOH. O conceito inclui derivados com qualquer substituto no anel benzênico.Álcool Benzílico: Líquido incolor com um pronunciado paladar ardente e um leve odor. É utilizado como anestésico local e para diminuir a dor associada à injeção de LIDOCAÍNA. Também é utilizado na fabricação de outros compostos benzílicos, como socorro farmacêutico, na perfumaria e como aromatizante.Transtornos Relacionados ao Uso de Álcool: Transtornos relacionados ou resultado por abuso ou mau uso de álcool.Depressores do Sistema Nervoso Central: Grupo de drogas vagamente definido que tende a reduzir a atividade do sistema nervoso central. Os principais grupos aqui incluídos são o álcool etílico, anestésicos, hipnóticos e sedativos, narcóticos, e agentes tranquilizantes (antipsicóticos e ansiolíticos).Álcoois Graxos: Álcoois primários de cadeia linear, normalmente com alto peso molecular, porém podem variar e conter até mesmo 4 carbonos. São derivados de gorduras naturais e óleos, incluindo os álcoois laurílico, estearílico, oleílico e linoleílico. São utilizados na indústria farmacêutica, cosmética e têxtil e na fabricação de detergentes, plásticos e óleos lubrificantes.Dissuasores de Álcool: Substâncias que interferem no metabolismo do álcool etílico, causando efeitos colaterais desagradáveis. Acredita-se que estes efeitos desagradáveis desencorajam a ingestão de bebidas alcoólicas. Os dissuasores de álcool são usados no tratamento do alcoolismo.Álcool de Polivinil: Polímero preparado de acetatos de polivinil pela substituição dos grupos acetatos por grupos hidroxila. É utilizado como apoio farmacêutico e lubrificante oftálmico, bem como, na fabricação de esponjas artificiais de recobrimentos de superfícies, cosméticos e outros produtos.Temperança: Moderação habitual na indulgência de um apetite natural, especialmente, mas não exclusivamente, com relação ao consumo de álcool.Delirium por Abstinência Alcoólica: Transtorno mental orgânico agudo, induzido pela cessação ou redução no consumo crônico de álcool. Entre as características clínicas estão CONFUSÃO, DELUSÕES, ALUCINAÇÕES vívidas, TREMOR, agitação, insônia e sinais de hiperatividade autônoma (ex., aumento na pressão arterial e frequência cardíaca, pupilas dilatadas e diaforese). Ocasionalmente esta afecção pode ser fatal. Fora outrora chamada de delirium tremens. (Tradução livre do original: Adams et al., Principles of Neurology, 6th ed, p1175)Bebedeira: Ingestão de uma quantidade excessiva de BEBIDA ALCOÓLICA em um curto período de tempo.Propanóis: Formas isômeras e derivados do PROPANOL (C3H7OH).Cerveja: Bebida alcoólica normalmente feita de grãos de cereal maltado (como cevada), aromatizada com lúpulo e preparada através de fermentação lenta.Transtornos Relacionados ao Uso de Substâncias: Transtornos relacionados ao abuso de substâncias.Fatores de Risco: Aspecto do comportamento individual ou do estilo de vida, exposição ambiental ou características hereditárias ou congênitas que, segundo evidência epidemiológica, está sabidamente associado a uma condição relacionada com a saúde considerada importante de ser prevenida.Amino Álcoois: Compostos que possuem tanto um grupo hidroxila (-OH) como um grupo amino (-NH2).Hábito de Fumar: Inalação e exalação da fumaça do TABACO queimado.1-Propanol: Líquido incolor produzido pela oxidação de hidrocarbonetos alifáticos que são utilizados como solventes e reagentes intermediários.Estudantes: Indivíduos matriculados em uma escola ou programa educacional formal.tert-Butil ÁlcoolUniversidades: Instituições educacionais que promovem facilidades para o ensino e a pesquisa e autorizadas a conceder os graus acadêmicos.Transtornos do Sistema Nervoso Induzidos por Álcool: Transtornos neurológicos agudos e crônicos associados com os vários efeitos neurológicos do ETANOL. Os sítios primários da lesão incluem o cérebro e os nervos periféricos.Transtornos Induzidos por Álcool: Transtornos resultantes do mal uso e abuso de álcool.Questionários: Conjunto de perguntas previamente preparadas utilizado para a compilação de dados.Acetaldeído: Líquido incolor e inflamável utilizado na fabricação de ácido acético, perfumes e sabores. É também uma substância produzida no metabolismo do álcool. Possui efeito narcótico geral, além de causar irritação de mucosas. Altas doses podem causar morte por paralisia respiratória.Fatores Sexuais: Usado quando sexo é discutido como um fator em relação a algum assunto ou problema específico.Assunção de Riscos: Incumbência de uma tarefa envolvendo um desafio para realização de um objetivo desejado no qual existe incerteza ou medo de fracasso. Pode também incluir a exibição de certos comportamentos cujos resultados podem apresentar risco ao indivíduo ou aqueles ligados a ele ou ela.Vinho: Suco fermentado de uvas frescas ou de outra fruta ou produtos de plantas usados como uma bebida.Comportamento do Adolescente: Toda resposta ou ação observável de um adolescente.Síndrome de Abstinência a Substâncias: Sintomas fisiológicos ou psicológicos associados com abstinência do uso de uma droga, após administração ou hábito prolongado. O conceito inclui abstinência de fumar ou beber, como também abstinência de uma droga administrada.Hepatopatias Alcoólicas: Doenças hepáticas associadas com ALCOOLISMO. Geralmente se refere à coexistência de duas ou mais subentidades, i. é, FÍGADO GORDUROSO ALCOÓLICO, HEPATITE ALCOÓLICA e CIRROSE HEPÁTICA ALCOÓLICA.Estudos Transversais: Estudos epidemiológicos que avaliam a relação entre doenças, agravos ou características relacionadas à saúde, e outras variáveis de interesse, a partir de dados coletados simultaneamente em uma população. (Tradução livre do original: Last, 2001)Butanóis: Formas isômeras e derivadas do butanol (C4H9OH).Álcool Feniletílico: Agente antimicrobiano, antisséptico e desinfetante utilizado também como essência aromática e conservante em farmácia e perfumaria.Aldeído Desidrogenase: Enzima que oxida um aldeído na presença de NAD+ e água a um ácido e NADH. Esta enzima fora inicialmente classificada como EC 1.1.1.70.Estados UnidosPentanóis: Formas isômeras e derivados do pentanol (C5H11OH).2-Propanol: Isômero do 1-PROPANOL. Apresenta-se como um líquido incolor com propriedades desinfetantes. É utilizado na manufatura da acetona e seus derivados e como solvente. Topicamente, é utilizado como antisséptico.Hexanóis: Formas isômeras e derivados do hexanol (C6H11OH).Fatores Etários: Idade como um elemento ou influência que contribui à produção de um resultado. Pode ser aplicável à causa ou efeito de uma circunstância. É usado com os conceitos humano e animal, mas devem ser diferenciados de ENVELHECIMENTO, um processo fisiológico, e FATORES DE TEMPO que se refere somente ao transcurso do tempo.Convulsões por Abstinência de Álcool: Afecção em que ocorrem convulsões associados com abuso de álcool (ALCOOLISMO) sem outras causas identificadas. As convulsões normalmente ocorrem no período de 6-48 horas após a cessação da ingestão de álcool, podendo ocorrer durante períodos de intoxicação alcoólica. As convulsões motores tônico-clônicas generalizadas únicas são o subtipo mais comum, entretanto, pode ocorrer o ESTADO EPILÉPTICO.Condução de Veículo: O efeito dos fatores ambientais ou psicológicos sobre os motoristas e a capacidade de dirigir. Estão incluídos a fadiga ao dirigir e o efeito de drogas, doença e incapacidades físicas no dirigir.Comércio: O intercâmbio de bens ou artigos, especialmente em uma larga escala, entre países diferentes ou entre populações dentro do mesmo país. Inclui comércio (a compra, venda ou troca de artigos no atacado ou varejo) e negócios (a compra e venda de bens para obter lucro).Meio Social: O agregado de instituições sociais e culturais, formas, padrões e processos que influenciam a vida de um indivíduo ou comunidade.Álcoois de Açúcar: Álcool poli-hídrico que não tem mais que um grupo hidroxi ligado a cada átomo de carbono, formado pela redução do grupo carbonil de um açúcar a um grupo hidroxil. (Dorland, 28a ed)Motivação: Aqueles fatores que levam um organismo a se comportar ou a agir de modo a atingir um objetivo ou alguma satisfação. Podem ser influenciados por impulsos psicológicos ou por estímulos externos.Prevalência: Número total de casos de uma dada doença em uma população especificada num tempo designado. É diferenciada de INCIDÊNCIA, que se refere ao número de casos novos em uma população em um dado tempo.Federação RussaNational Institute on Alcohol Abuse and Alcoholism (U.S.): Componente do NATIONAL INSTITUTES OF HEALTH (U.S.). Administra pesquisa focada em otimizar o tratamento e a prevenção do alcoolismo e problemas relacionados com álcool para reduzir as consequências desta doença na saúde, no âmbito social e na econômica. Os NIAAA, NIMH e NIDA foram criados como institutos correspondentes dentro da Alcohol, Drug Abuse and Mental Health Administration em 1974. Foi fundado dentro do NATIONAL INSTITUTES OF HEALTH (U.S.) em 1992.Comportamento Aditivo: A atividade observável, mensurável e, muitas vezes, patológica de um organismo, que representa a sua incapacidade de superar um hábito resultante em um desejo insaciável por uma substância ou pela realização de certos atos. O comportamento aditivo inclui a dependência excessiva, física e emocional, pelo objeto do hábito em quantidade ou frequência cada vez maiores.Inquéritos Epidemiológicos: Coleta sistemática de dados relativos ao estado de saúde de determinada população. Pode ser descritiva, exploratória ou explicativa. (Tradução livre do original: Last, 2001)Estudos Longitudinais: Estudo no qual as variáveis relacionadas a um indivíduo ou grupo de indivíduos são acompanhadas por anos e com contato a intervalos regulares.Naltrexona: Derivado da noroximorfona que é o congênere N-ciclopropilmetilado da NALOXONA. É um antagonista de narcótico eficaz oralmente, dura mais e é mais potente que a naloxona, e tem sido proposto para o tratamento da dependência à heroína. O FDA aprovou a naltrexona para o tratamento da dependência ao álcool.Abuso de Maconha: Uso excessivo de maconha com associação de sintomas psicológicos e prejuízo para o entrosamento social ou para a função ocupacional.Cirrose Hepática Alcoólica: FIBROSE do parênquima hepático devido ao excesso crônico de CONSUMO DE BEBIDAS ALCOÓLICAS.gama-Glutamiltransferase: Enzima, às vezes, denominada GGT com papel chave na síntese e degradação da GLUTATIONA (GSH, tripeptídeo que protege as células de várias toxinas). Catalisa a transferência de parte da gama-glutamil para um aminoácido aceptor.Grupo Associado: Grupo composto de associados da mesma espécie, aproximadamente da mesma idade e, geralmente, de mesma posição ou nível social.Fatores de Tempo: Elementos de intervalos de tempo limitados, contribuindo para resultados ou situações particulares.Hábito de Fumar Maconha: Ato de inalar e exalar a fumaça da CANNABIS.Cardiomiopatia Alcoólica: Doença do MÚSCULO CARDÍACO resultante do consumo excessivo crônico de álcool. O dano no miocárdio pode ser causado por: (1) efeito tóxico de álcool, (2) desnutrição em alcoólatras, como DEFICIÊNCIA DE TIAMINA, ou (3) efeito tóxico de aditivos em bebidas alcoólicas, como COBALTO. Esta doença geralmente se manifesta por DISPNEIA e palpitações com CARDIOMEGALIA e insuficiência cardíaca congestiva (INSUFICIÊNCIA CARDÍACA).Metanol: Líquido incolor e inflamável utilizado na fabricação do FORMALDEÍDO e do ÁCIDO ACÉTICO, na síntese química, como anticongelante e como solvente. A ingestão de metanol é tóxica e pode causar cegueira.Estudos Prospectivos: Estudos planejados para a observação de eventos que ainda não ocorreram.Comportamento Impulsivo: Ato em resposta a um estímulo, que é executado sem demora, reflexão, direção voluntária ou controle evidente.Gravidez: Estado durante o qual os mamíferos fêmeas carregam seus filhotes em desenvolvimento (EMBRIÃO ou FETO) no útero (antes de nascer) começando da FERTILIZAÇÃO ao NASCIMENTO.Estudos de Casos e Controles: Estudos epidemiológicos observacionais nos quais grupos de indivíduos com determinada doença ou agravo (casos) são comparados com grupos de indivíduos sadios (controles) em relação ao histórico de exposição a um possível fator causal ou de risco. (Tradução livre do original: Last, 2001)Estudos de Coortes: Estudos em que os subconjuntos de uma certa população são identificados. Estes grupos podem ou não ser expostos a factores hipotéticos para influenciar a probabilidade da ocorrência de doença em particular ou outros desfechos. Coortes são populações definidas que, como um todo, são seguidos de uma tentativa de determinar as características que distinguem os subgrupos.Modelos Logísticos: Modelos estatísticos de risco de um indivíduo (probabilidade de contrair uma doença) em função de um dado de fator de risco. O modelo logístico é um modelo linear para a logística (logaritmo natural dos fatores de risco) da doença como função de um fator quantitativo e é matematicamente equivalente ao modelo logístico.Fatores Socioeconômicos: Fatores sociais e econômicos que caracterizam o indivíduo ou o grupo dentro da estrutura social.Bebidas Energéticas: Bebidas consumidas como estimulantes e tônicos. Geralmente contêm uma combinação de CAFEÍNA com outras substâncias como suplementos vegetais, VITAMINAS, AMINOÁCIDOS e açúcar ou derivados de açúcar.Psicoterapia Breve: Qualquer forma de psicoterapia projetada para produzir mudanças terapêuticas em um curto espaço de tempo, geralmente não mais do que 20 sessões.Drogas Ilícitas: Drogas obtidas e frequentemente fabricadas de modo ilegal, devido aos efeitos subjetivos que eles parecem produzir. São frequentemente distribuídas nas áreas urbanas, sendo também encontradas em áreas suburbanas e rurais; tendem a ser grosseiramente impuras e podem causar toxicidade inesperada.Estereoisomerismo: Fenômeno através do qual compostos cujas moléculas têm o mesmo número e tipo de átomos e o mesmo arranjo atômico, mas diferem nas relações espaciais.Violência: Comportamento agressivo individual ou grupal que não é aceitável socialmente, turbulento e muitas vezes destrutivo. Ele é precipitado por frustrações, hostilidade, preconceito, etc.Psicoses Alcoólicas: Grupo de transtornos mentais associados com dano cerebral orgânico e causados por intoxicação alcoólica.Seguimentos: Estudos nos quais indivíduos ou populações são seguidos para avaliar o resultado de exposições, procedimentos ou efeitos de uma característica, por exemplo, ocorrência de doença.Acidentes de Trânsito: Acidentes em ruas, estradas e rodovias envolvendo condutores, passageiros, pedestres ou veículos. Estes acidentes referem-se a AUTOMÓVEIS (carros para passageiros, ônibus e caminhões), BICICLETAS e MOTOCICLETAS, mas não VEÍCULOS RECREACIONAIS A MOTOR, FERROVIAS nem veículos para neve.Compostos de BenzilEfeitos Tardios da Exposição Pré-Natal: Consequências da exposição do FETO no útero a certos fatores, como FENÔMENOS FISIOLÓGICOS DA NUTRIÇÃO, ESTRESSE FISIOLÓGICO, DROGAS, RADIAÇÃO e outros fatores físicos ou químicos. Estas consequências são observadas tardiamente na prole após o NASCIMENTO.Aldeídos: Compostos orgânicos contendo o grupo carbonil sob a forma -CHO.Diagnóstico Duplo (Psiquiatria): Coexistência de um transtorno por substância de abuso e um transtorno psiquiátrico. O princípio diagnóstico é baseado no fato de que pacientes quimicamente dependentes geralmente têm também problemas psiquiátricos com graus variados de gravidade.Manual Diagnóstico e Estatístico de Transtornos Mentais: Classificação categórica de TRANSTORNOS MENTAIS baseada nos grupos de critérios com características definidas. É produzido pela American Psychiatric Association. (DSM-IV, página xxii)Alcoólicos: Pessoas que têm história de dependência física ou psicológica de ETANOL.Análise de Variância: Técnica estatística que isola e avalia a contribuição dos fatores incondicionais para a variação na média de uma variável dependente contínua.Comportamento de Ingestão de Líquido: Comportamentos associados à ingestão de água e de outros líquidos. Inclui padrões rítmicos de ingestão de líquidos (intervalos de tempo - início e duração), frequência e saciedade.Rubor: Vermelhidão transitória, especialmente da face, que pode ser devido à febre, determinadas drogas, esforço, estresse ou processo de doença.Relação Dose-Resposta a Droga: Relação entre a quantidade (dose) de uma droga administrada e a resposta do organismo à droga.Aldeído Oxirredutases: Oxidorredutases específicas para ALDEÍDOS.Estilo de Vida: Estilo ou modo típico de viver que caracteriza um indivíduo ou grupo. (Tradução livre do original: From APA, Thesaurus of Psychological Index Terms, 8th ed)Conformidade Social: Atitude ou comportamento de aceitação dos padrões ou normas socialmente reconhecidos.Crime: Violação da lei criminal, ou seja, uma violação do código de conduta especificamente sancionada pelo ESTADO, que através do PODER JUDICIÁRIO, julga e aplica penas ao criminoso.Razão de Chances: É uma aproximação do risco relativo, característica de estudos de casos e controles, dada pela proporção entre a probabilidade de adoecer e não adoecer mediante a exposição e não exposição ao fator de risco em estudo.Comorbidade: Presença de doenças coexistentes ou adicionais com relação ao diagnóstico inicial ou com relação à doença índice que é o objetivo do estudo. A comorbidade pode afetar o desempenho de indivíduos afetados e até mesmo a sua sobrevivência. Pode ser usado como um indicador prognóstico para a duração da hospitalização, fatores de custos e de melhoria ou sobrevivência.Fígado: Grande órgão glandular lobulado no abdomen de vertebrados responsável pela desintoxicação, metabolismo, síntese e armazenamento de várias substâncias.Autoadministração: Administração de um medicamento ou substância química pelo indivíduo sob a supervisão de um médico. Abrange a administração clínica e experimental, a seres humanos ou animais.Impostos: Contribuição monetária exigida pelos poderes públicos sobre propriedades, heranças, doações, bens, etc.1-Butanol: Hidrocarboneto linear de quatro carbonos que possui um radical hidroxila na posição 1.Alcoólicos Anônimos: Organização de autodenominados alcoólicos que se reúnem frequentemente para reforçar sua prática de abstinência.BenzaldeídosEscalas de Graduação Psiquiátrica: Procedimentos padronizados baseados em escalas de avaliação ou roteiros de entrevistas conduzidos por profissionais da saúde para a avaliação do grau de doença mental.Coleta de Dados: Reunião sistemática de dados, com um objetivo específico, de várias fontes, incluindo questionários, entrevistas, observação, registros existentes e equipamentos eletrônicos.Testes Respiratórios: Quaisquer testes feitos com o ar expirado.Cinema como Assunto: A arte, técnica ou negócio de produção de filmes para entretenimento, propaganda ou instrução.NAD: Coenzima composta de nicotinamida monoculeotídeo (NMN) acoplada à adenosina monofosfato (AMP) por ligação pirofosfato. É encontrada amplamente na natureza e está envolvida em numerosas reações enzimáticas nas quais serve como portador de elétrons sendo alternadamente oxidada (NAD+) e reduzida (NADH). (Dorland, 28a ed)Distribuição por Sexo: Número de homens e mulheres numa dada população ou grupo.CetonasPancreatite Alcoólica: INFLAMAÇÃO aguda ou crônica do PÂNCREAS devido ao CONSUMO DE BEBIDAS ALCOÓLICAS. A pancreatite alcoólica geralmente se apresenta como episódio agudo, mas é uma doença crônica progressiva em alcoólatras.Redução do Dano: Aplicação de métodos designados para reduzir o risco de danos associados com certos comportamentos sem redução na frequência destes comportamentos. Os comportamentos associados aos riscos incluem os tipos viciadores contínuos e ativos.Análise de Regressão: Procedimentos para encontrar a função matemática que melhor descreve a relação entre uma variável dependente e uma ou mais variáveis independentes. Na regressão linear (v. MODELOS LINEARES) a relação é construída para ser uma linha reta e usa-se a ANÁLISE DOS MÍNIMOS QUADRADOS para determinar o melhor ajuste. Na regressão logística (v. MODELOS LOGÍSTICOS) a variável dependente é qualitativa em vez de uma variável contínua e são usadas FUNÇÕES VEROSSIMILHANÇA para encontrar a melhor relação. Na regressão múltipla, considera-se que a variável dependente pende mais que uma única variável independente.ÉsteresEntrevista Psicológica: Conversação direta com o objetivo de obter informação para o diagnóstico e avaliação psiquiátrica, planejamento do tratamento, etc. A entrevista pode ser conduzida por um assistente social ou psicólogo.Autorrelato: Método para obter informação por meio de respostas verbais, escritas ou orais, dos sujeitos.Dieta: Método regular de ingestão de comida e bebida adotado por uma pessoa ou animal.Incidência: Número de casos novos de doenças ou agravos numa determinada população e período.Comportamentos Saudáveis: Comportamentos através dos quais os indivíduos protegem, mantém e promovem o próprio estado de saúde. Por exemplo, dieta e exercícios apropriados são vistos como atividades que influenciam o estado de saúde. O estilo de vida está intimamente relacionado com a comportamento saudável e é, por sua vez, influenciado por fatores socioeconômicos, educacionais e culturais.Comportamento de Escolha: O ato de fazer uma seleção entre duas ou mais alternativas, geralmente após um período de deliberação.Antagonistas de Entorpecentes: Agentes que inibem o efeito dos narcóticos sobre o sistema nervoso central.Centros de Tratamento de Abuso de Substâncias: Instalações de saúde que proveem terapia e/ou reabilitação para dependentes de substâncias. Estão incluídos centros de distribuição de metadona.Problemas Sociais: Situações que afetam um número significante de pessoas que se acredita serem fontes de dificuldades ou ameaças a estabilidade da comunidade e que requerem programas de melhoria.Comportamento Sexual: Atividades sexuais dos humanos.Ferimentos e Lesões: Danos infligidos no corpo como resultado direto ou indireto de uma força externa, com ou sem rompimento da continuidade estrutural.Filho de Pais Incapacitados: Criança com um ou mais pais atormentados por um transtorno físico ou mental.Transtornos Mentais: Doenças psiquiátricas que se manifestam por rupturas no processo de adaptação expressas primariamente por anormalidades de pensamento, sentimento e comportamento, produzindo sofrimento e prejuízo do funcionamento.Sinais (Psicologia): Sinais para uma ação; a porção específica do campo perceptivo ou do padrão de estímulos aos quais o indivíduo aprendeu a responder.Risco: A probabilidade de que um evento ocorrerá. Ele abrange uma variedade de medidas de probabilidade de um resultado geralmente desfavorável (MeSH/NLM). 1. Medida de dano potencial ou prejuízo econômico expressa em termos de probabilidade estatística de ocorrência e de intensidade ou grandeza das consequências previsíveis. 2. Probabilidade de ocorrência de um acidente ou evento adverso, relacionado com a intensidade dos danos ou perdas, resultantes dos mesmos. 3. Probabilidade de danos potenciais dentro de um período especificado de tempo e/ou de ciclos operacionais. 4. Fatores estabelecidos, mediante estudos sistematizados, que envolvem uma probabilidade significativa de ocorrência de um acidente ou desastre. 5. Relação existente entre a ameaça de um evento adverso ou acidente determinado e o grau de invulnerabilidade do sistema receptor a seus efeitos (Material III - Ministério da Ação Social, Brasília, 1992). Número esperado de perdas (de vidas, pessoas feridas, propriedades danificadas e interrupção de atividades econômicas), devido a um fenômeno particular, em um período de referência e em uma dada área. O risco é o produto de ameaça e vulnerabilidade.Publicidade como Assunto: O ato ou prática de chamar a atenção pública para um produto, serviço, necessidade, etc., especialmente por anuncios pagos em jornais, revistas, no rádio ou na televisão.Citocromo P-450 CYP2E1: Enzima dependente do citocromo P-450 induzida por etanol que metaboliza vários pré-carcinógenos, drogas e solventes a metabólitos reativos. Os substratos incluem ETANOL, ANESTÉSICOS INALATÓRIOS, BENZENO, ACETAMINOFEN e outros compostos de baixo peso molecular. A CYP2E1 tem sido usada como um marcador enzimático no estudo do abuso de álcool.Detecção do Abuso de Substâncias: Detecção de abuso, uso excessivo ou uso errôneo de drogas, incluindo drogas legais e ilegais. O método usual de detecção é a triagem da urina.Estresse Psicológico: Quadro mórbido característico, de natureza basicamente psíquica, onde inexistem causas orgânicas capazes de serem evidenciadas pelos meios usuais de exame médico, que aparece em condições especiais, de trabalho ou de guerra. Apresenta quadro predominante psíquico acompanhado de repercussões orgânicas. A sintomatologia é múltipla e polimorfa com cefaleias, tonturas, anorexia, tremores de extremidades, adinamia, dificuldades de concentração, crises de choro.Neoplasias Faríngeas: Tumores ou câncer da FARINGE.Cavalos: Grandes mamíferos com cascos da família EQUIDAE. Cavalos são ativos dia e noite, com a maior parte do dia sendo gasta com a procura e consumo de alimento. Os picos de alimentação ocorrem no início da manhã e ao fim da tarde, e há diversos períodos diários de descanso.Controles Informais da Sociedade: Aquelas formas de controle que se manifestam de maneiras menos concretas e tangíveis, como por meio de hábitos populares, costumes, convenções e sentimento público.Colestanóis: Colestanos substituídos em qualquer posição com um ou mais grupos hidroxila. São encontrados nas fezes e na bile. Ao contrário dos ácidos e sais biliares, não são reabsorvidos.Transtorno por Uso de Tabaco: Uso de tabaco para o detrimento da saúde de uma pessoa ou de sua função social. Está incluída a dependência de tabaco.Modelos Psicológicos: Representações teóricas que simulam processos psicológicos e/ou sociais. Envolvem o uso de equações matemáticas, computadores e outros equipamentos eletrônicos.Cinética: Taxa dinâmica em sistemas químicos ou físicos.Ceras: Substância plástica depositada por insetos ou obtida de plantas. As ceras são ésteres de vários ácidos graxos com álcoois superiores geralmente monoídricos. A cera de farmácia é principalmente cera amarela (cera de abelha), o material do qual é feito o favo de mel. Esta consiste principalmente de ácido cerótico e miricina, sendo usada para fazer pomadas, ceratos etc. Quando a cera amarela é descorada, torna-se branca. (Dorland, 28a ed)Aplicação da Lei: Esforços organizados para garantir a obediência das leis de uma comunidade.Caracteres Sexuais: Características que distinguem um SEXO do outro. As características sexuais primárias são OVÁRIOS e TESTÍCULOS e os hormônios relacionados. As características sexuais secundárias são as masculinas ou femininas, mas não estão diretamente relacionadas com a reprodução.Análise Multivariada: Conjunto de técnicas usadas quando a variação em diversas variáveis deve ser estudada simultaneamente. Em estatística, a análise multivariada se interpreta como qualquer método analítico que permita o estudo simultâneo de duas ou mais variáveis dependentes. Análise e interpretação das inter-relações entre três ou mais variáveis.Oxirredução: Reação química em que um elétron é transferido de uma molécula para outra. A molécula doadora do elétron é o agente de redução ou redutor; a molécula aceitadora do elétron é o agente de oxidação ou oxidante. Os agentes redutores e oxidantes funcionam como pares conjugados de oxidação-redução ou pares redox (tradução livre do original: Lehninger, Principles of Biochemistry, 1982, p471).População Urbana: Habitantes de uma cidade ou município, inclusive áreas metropolitanas ou suburbanas.Dissulfiram: Carbamato derivado utilizado como restringente alcoólico. É uma substância relativamente atóxica quando administrada sozinha, porém altera de forma marcante o metabolismo do álcool. Quando álcool é ingerido após a administração de dissulfiram, as concentrações sanguíneas de acetaldeído ficam aumentadas, seguido por rubor, vasodilatação sistêmica, dificuldades respiratórias, náuseas, hipotensão e outros sintomas (síndrome do acetaldeído). Atua inibindo a aldeído desidrogenase.Medição de Risco: Métodos e técnicas aplicadas para identificar os fatores de risco e medir a vulnerabilidade aos perigos potenciais causados por desastres e substâncias químicas.JapãoProgramas de Rastreamento: Tentativa de identificação de pessoas portadoras de uma doença ou agravo não evidente por meio de testes, exames, questionários ou outros procedimentos de aplicação rápida. O rastreamento classifica as pessoas em negativas ou positivas; estas (casos suspeitos) são encaminhadas para confirmação clínica de diagnóstico ou tratamento. (Tradução livre do original: Last, 2001)Distribuição por Idade: Agrupamento de indivíduos segundo idade ou faixa etária. O conceito não é restrito a humanos.Grupo com Ancestrais do Continente Europeu: Indivíduos cujas origens ancestrais estão no continente europeu.Marketing: Atividade envolvida na transferência de mercadorias do produtor para o consumidor ou em troca de serviços.República da BielorrússiaEspecificidade por Substrato: Aspecto característico [(dependência)] da atividade enzimática em relação ao tipo de substrato com o qual a enzima (ou molécula catalítica) reage.Genótipo: Constituição genética do indivíduo que abrange os ALELOS presentes em cada um dos LOCI GÊNICOS.Encéfalo: A parte do SISTEMA NERVOSO CENTRAL contida no CRÂNIO. O encéfalo embrionário surge do TUBO NEURAL, sendo composto de três partes principais, incluindo o PROSENCÉFALO (cérebro anterior), o MESENCÉFALO (cérebro médio) e o ROMBENCÉFALO (cérebro posterior). O encéfalo desenvolvido consiste em CÉREBRO, CEREBELO e outras estruturas do TRONCO ENCEFÁLICO (MeSH). Conjunto de órgãos do sistema nervoso central que compreende o cérebro, o cerebelo, a protuberância anular (ou ponte de Varólio) e a medula oblonga, estando todos contidos na caixa craniana e protegidos pela meninges e pelo líquido cefalorraquidiano. É a maior massa de tecido nervoso do organismo e contém bilhões de células nervosas. Seu peso médio, em um adulto, é da ordem de 1.360 g, nos homens e 1.250 g nas mulheres. Embriologicamente, corresponde ao conjunto de prosencéfalo, mesencéfalo e rombencéfalo. Seu crescimento é rápido entre o quinto ano de vida e os vinte anos. Na velhice diminui de peso. Inglês: encephalon, brain. (Rey, L. 1999. Dicionário de Termos Técnicos de Medicina e Saúde, 2a. ed. Editora Guanabara Koogan S.A. Rio de Janeiro)FinlândiaDistribuição de Qui-Quadrado: Distribuição na qual a variável está distribuída como a soma dos quadrados de qualquer variável dada independente e aleatória, tendo cada qual uma distribuição normal com média zero e desvio um. O teste de Qui-quadrado é um teste estatístico baseado na comparação de uma estatística e uma distribuição de Qui-quadrado. Os testes mais antigos se usam para detectar se duas ou mais distribuições da população diferem entre si.CaliforniaTranstornos Relacionados ao Uso de Cocaína: Transtornos relacionados ou resultantes do uso de cocaína.Octanóis: Formas isômeras e derivados do octanol (C8H17OH).Catálise: Facilitação de uma reação química por um material (catalisador) que não é consumido na reação.Afeto: O tom emocional que acompanha uma ideia ou representação mental. É o derivado psíquico mais direto do instinto e o representante das várias transformações corporais através do qual os instintos se manifestam.Estrutura Molecular: Localização dos átomos, grupos ou íons, em relação um ao outro, em uma molécula, bem como o número, tipo e localização das ligações covalentes.Agressão: Comportamento que pode ser manifestado por ações destrutivas e de ataque, verbais ou físicas, por atitudes dissimuladas de hostilidade ou por obstrucionismo.Lignina: Polímero orgânico aromático natural mais abundante em todas as plantas vasculares. A lignina junto com a celulose e a hemicelulose são os principais componentes da parede celular das fibras de todas as madeiras e espécies de gramas. A lignina é composta por coniferil, p-comaril e álcoois sinapil em diferentes proporções em diversas espécies de plantas. (Tradução livre do original: Merck Index, 11th ed)Desidrogenase do Álcool de Açúcar: Catalisa reversivelmente a oxidação de um grupo hidroxila de álcoois de açúcar, para formar um cetoaçúcar, aldeído ou lactona. Qualquer aceptor, exceto oxigênio molecular, é permitido. Inclui EC 1.1.1.; EC 1.1.2 e EC 1.1.99.Intervalos de Confiança: Classe de valores para um parâmetro de interesse, por exemplo, uma taxa, calculada de tal maneira que tenha uma probabilidade específica de incluir o valor real do parâmetro.