Apiaceae: Grande família de planta da ordem Apiales, também conhecida como Umbelliferae. A maioria consiste de ervas aromáticas com folhas divididas, alternadas e felpudas que estão embainhadas na base. Com frequência, as flores formam uma umbela conspícua achatada no topo. Em geral, cada flor individual é pequena, bissexual, com cinco sépalas, cinco pétalas e um grande disco na base do estilete. Os frutos apresentam sulcos e são constituídos por duas partes que se abrem quando maduros.Eryngium: Gênero de plantas da família APIACEAE cujos membros contêm SAPONINAS.Petroselinum: Gênero de plantas (família APIACEAE) utilizada no tempero de alimentos.Cnidium: Gênero de plantas da família APIACEAE. Seus membros contêm ostol.Daucus carota: Espécie de plantas (família APIACEAE) amplamente cultivada pela sua raiz comestível (amarelo alaranjada). A planta possui folhas finamente divididas e grupos achatados de pequenas flores brancas.Bupleurum: Gênero de plantas (família APIACEAE) que são a fonte da raiz bupleurum e de bupleurotoxina, e um ingrediente do sho-saiko-to.Carum: Gênero (família Apiaceae) de planta cujas sementes são utilizadas como condimento.Angelica sinensis: Espécie de planta da família Apiaceae que é fonte de "dong quai".Allium: Gênero de plantas (família Liliaceae, às vezes, classificada como Alliaceae, ordem Liliales) que produz compostos pungentes, frequentemente bacteriostáticos e fisiologicamente ativos. São utilizados como VERDURAS comestíveis, CONDIMENTOS e medicamento, sendo este último empregado na medicina tradicional.Plantas Medicinais: Plantas cujas raizes, folhas, sementes, cascas ou outros constituintes possuem atividades terapêuticas, tônicas, purgativas, curativas ou outros atributos farmacológicos quando administradas a humanos ou outros animais.Angiospermas: Membros do grupo de plantas vasculares que possuem flores. São diferenciadas das GIMNOSPERMAS por sua produção de sementes dentro de câmaras (OVÁRIO VEGETAL). A divisão de Angiospermas é composta por duas classes: as monocotiledôneas (Liliopsida) e as dicotiledôneas (Magnoliopsida). As angiospermas representam aproximadamente 80 por cento de todas as plantas vivas conhecidas.